Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

OS MAIOS E AS MAIAS: O MINHO MANTÉM A TRADIÇÃO!

Com a entrada do mês de Maio, enfeitam-se de giestas floridas as janelas das casas nas vilas e aldeias do Minho anunciando a chegada da Primavera em todo o seu esplendor e, com ela as flores que contribuem para alegrar a nossa existência, perfumar e dar colorido ao ambiente que nos rodeia. São as maias feitas de ramos de giestas com as suas flores amarelas as quais, por tradição, são colocadas nas portas e carros agrícolas, constituindo este costume uma forma de celebrar o renascimento da vida vegetal.

10302385_773054989393004_4414026659280074106_n

Atualmente pouco divulgada, a festa das maias foi noutras épocas celebrada em todo o país, tendo caído em desuso devido a sucessivas proibições devidas a rixas originadas pelo despique entre localidades ou ainda por motivos religiosos, como sucedeu em 1402 por imposição régia a qual determinava "nõ cantassem mayas, ne Janeiras, e outras cousas q eram contra a ley de deus". A sua origem perde-se nos tempos e corresponde às Florálias celebradas entre os romanos e dedicadas a Flora, deusa das flores e da Primavera, a quem consagravam os jogos florais. Durante três dias consecutivos, as mulheres dançavam ao som de trombetas, sendo coroadas de flores as que logravam ganhar os jogos, adornando-se desse modo à semelhança da própria divindade a que prestavam culto. Aliás, é precisamente aos romanos que se atribui a implantação de tal costume na Península Ibérica, tendo a mesma alcançado especial aceitação na região do Algarve.

16907185_bzJGu

Também entre nós houve em tempos idos o costume de, por esta ocasião, coroar-se de flores uma jovem vestida de branco, prestes a entrar na primavera da vida, qual maia adornada de joias, fitas e flores que nos trazem à lembrança as fogaceiras de Santa Maria da Feira e as moças que levam à cabeça os característicos tabuleiros das festas de Tomar. E, tal como Flora entre os romanos, a jovem maia sentava-se num trono florido a cujos pés o povo dançava durante todo o dia, venerando desse modo a esbelta divindade pagã e celebrando os seus atributos que se permitiam o retorno dos vegetais. Conta ainda uma lenda antiga que em Lagos, no Algarve, tal costume incidia sobre um homem da terra que era adornado com as melhores joias, o qual percorria as ruas da cidade montado num asno. Sucedeu que, em certa ocasião, terminada que foi a volta pela cidade, o maio dirigiu-se para os campos junto da cidade e desapareceu para nunca mais ser visto. Em virtude do ocorrido, o povo que ainda espera o seu regresso com as joias que consigo levou passou a designar o Maio como "o mês que há-de vir…

E, enquanto o Maio não chega para as gentes de Lagos, é altura de festejarmos as maias, alegrando as janelas com ramos de giestas floridas. Em breve virá a celebração do Corpus Christi e a Vaca das Cordas em Ponte de Lima, as festas do Espírito Santo e a Coca em Monção, a festa das fogaceiras em terras de Santa Maria da Feira e as fogueiras pelo S. João a evocar o solstício do Verão. A seu tempo chegarão as colheitas e as malhadas, as vindimas e as adiafas e, pelo S. Miguel as desfolhadas ou descamisadas. Para trás fica o entrudus e as festas equinociais e pascais, a Serração da Velha e a Queima do Judas.

Assegurámos através do rito a ininterrupção do ciclo da natureza, participando desse modo na ação criadora dos deuses. Pela tradição, preservamos usos e costumes que chegaram até aos nossos dias e fazem parte do nosso folclore. Festejemos, pois, as maias, fazendo-as ressurgir com o mesmo colorido, alegria e pujança como nos tempos antigos!

16907184_j5K1r

GUIMARÃES PROMOVE COMBATE AO RUÍDO

Câmara de Guimarães prepara Plano Municipal de Redução de Ruído

Documento pretende fazer a caracterização das principais fontes de ruído e lançar medidas para a sua redução. O objetivo é promover a qualidade de vida dos vimaranenses, diminuindo incómodos sonoros e problemas de saúde associados ao ruído.

Guimaraes_Dia_Sensibilizacao_Ruido

A elaboração de um Plano Municipal de Redução de Ruído é uma das medidas que a Câmara Municipal de Guimarães está a preparar para identificar áreas com níveis de exposição à poluição sonora que ultrapassem os limites estabelecidos no Regulamento Geral do Ruído.

O desenvolvimento de uma estratégia, inserida no âmbito da candidatura de Guimarães a Capital Verde Europeia, visa selecionar e implementar medidas prioritárias tendo em vista a redução dos índices sonoros e a definição de necessidades de diminuição de ruído. Algumas das medidas do plano encontram-se já em vigor, como é o caso da implementação do novo regulamento dos horários de estabelecimentos, a beneficiação de vias e melhoria de pavimentos, a criação de “Zonas 30”, dissuasoras de velocidade, a emissão de licenças de ruído com limitação de horário, o estreitamento de vias na cidade e no Centro Histórico para a redução de velocidade das viaturas ou a plantação de árvores junto às principais vias como barreira acústica natural.

Considerando como principais fontes de ruído os grandes eixos viários, como autoestradas e vias rápidas, as linhas férreas e as principais fontes de ruído industrial, 72% da população urbana do concelho de Guimarães encontra-se em níveis recomendáveis de exposição ao ruído no período diurno-entardecer-noturno.

MONITORIZAÇÃO DO RUÍDO NA ALAMEDA

O Município de Guimarães assinalou esta quarta-feira, 29 de abril, o Dia Internacional de Sensibilização para o Ruído, com a realização de um conjunto de monitorizações na Alameda de São Dâmaso, entre as 09 e as 17 horas. Durante este tempo, os valores mantiveram-se abaixo dos 65 decibéis, resultado que se enquadra nos níveis estipulados nas zonas urbanas em período diurno, cuja média aceitável varia entre os 63 e 65 decibéis. Nas oito horas em que durou o exercício de monitorização, o valor apenas foi ultrapassado em oito ocasiões, quando o sino da Basílica de São Pedro anunciava ciclicamente a alteração horária, chegando a atingir nesse momento os 72 decibéis.

A ação, que teve por objetivo sensibilizar a população para os efeitos do ruído na sua saúde e bem-estar, foi organizada em parceria com a Unidade Operacional Acústica Ambiental da Universidade do Minho, Laboratório da Paisagem e com a empresa de estudo e controlo ambiental “Ambergo” e “MRA”, empresa de medição e testes em Portugal. Além de medições do ruído em tempo real, a iniciativa promovida pela Câmara de Guimarães foi visitada por mais de uma centena de alunos de estabelecimentos de ensino do centro da cidade. Os trabalhos realizados por estudantes foram afixados em expositores onde decorreram publicamente as medições.

PÓVOA DE LANHOSO ASSINALA 25 DE ABRIL

As comemorações da revolução de 1974 na Póvoa de Lanhoso envolveram agentes políticos, associações e centenas de participantes no programa que foi marcado pelas atividades desportivas. 

P1410977

O dia iniciou-se com o ato solene e simbólico do hastear das bandeiras nos Paços do Concelho, onde marcaram presença os eleitos da Câmara Municipal, da Assembleia Municipal e vários autarcas das freguesias. Um momento abrilhantado pela Banda de Musica de Calvos.

Seguiu-se ao longo do dia um conjunto vasto de provas desportivas de várias modalidades onde participaram mais de 700 atletas. “este ano decidimos envolver o mais possível as associações locais pois só com estas parcerias é que poderemos motivar genuinamente a comunidade” referiu Manuel Baptista. “Quero deixar um agradecimento a todos que nos ajudaram a realizar as provas desportivas e os rastreios médicos, permitindo que esta data histórica fosse assinalada de uma forma positiva e saudável no nosso concelho”.

P1420061

Registar a forte participação de atletas que provieram de vários concelhos e equipas do distrito e que participaram em várias modalidades. As provas de andebol, a cargo da Associação de Andebol da Póvoa de Lanhoso envolveram 45 atletas. Nos 12 jogos de basquetebol, coordenadas pela secção de basquetebol do Sport Clube Maria da Fonte participaram 180 atletas. A Academia Fintas organizou o torneio de futebol com a participação de 100 atletas em vários escalões. Realçar ainda as aulas de hidroginástica, Zumba e Spinning, realizadas pela Piscina Municipal e pelo ginásio Killer Kilo envolvendo mais de 100 praticantes destas modalidades. Por último uma referência às atividades desenvolvidas pelo Centro de convívio da Póvoa de Lanhoso e pela Associação de Invisuais do Distrito de Braga e aos rastreios médicos que estiveram a cargo do núcleo de estudantes de medicina da Universidade do Minho.

P1420024

ASSOCIAÇÃO DE APOIO OS DEFICIENTES NASCE EM CELORICO DE BASTO

Nasceu em Celorico de Basto a Associação “Amar e Partilhar 21”

Com o intuito de apoiar “pessoas especiais” nasceu em Celorico de Basto a Associação “Amar e Partilhar 21” fundada por um grupo de amigos todos eles, de alguma forma, habituados a conviver com pessoas portadoras de deficiência.

A Câmara Municipal de Celorico de Basto na pessoa do presidente da autarquia, Joaquim Mota e Silva, apoia o projeto e reforça a necessidade de desenvolver mecanismos cada vez mais sólidos e concertados que respondam às necessidades das pessoas portadoras de deficiência. “Estas instituições são muito importantes para apoiar, valorizar e integrar as pessoas portadoras de deficiência na sociedade. Uma sociedade, muitas vezes, incapaz de responder por si só, às necessidades inerentes às pessoas especiais. Para que este trabalho seja bem executado contará com o apoio imprescindível de voluntários, técnicos especializados de diferentes áreas de intervenção, que minimizarão algumas das dificuldades sentidas pelas pessoas portadoras de deficiência”, disse.

Objetivamente esta associação de apoio a Pessoas Especiais, sem fins lucrativos e única no concelho, pretende promover a integração sensibilizando a população para a inclusão das pessoas com deficiência. Criar atividades educativas, culturais, sociais e desportivas de modo a permitir a interação destas pessoas com a sociedade em geral e prestar apoio nas mais diversas áreas.

“As pessoas especiais contarão connosco para as ajudar a ter melhor qualidade de vida. Iremos promover o apoio ao estudo, fisioterapia, psicologia, terapia da fala, terapia ocupacional, ginástica, música e muito mais. Pretendemos sobretudo, que a comunidade se una e, em uníssono, crie as melhores condições para apoiar efetivamente, as pessoas especiais”, referiu Paulo Silva, presidente da Associação.

Para que as atividades decorram em conformidade, esta associação conta com o apoio da Câmara Municipal, do Agrupamento de Escolas, dos voluntários que se queiram associar, dos sócios e da comunidade em geral.

Genericamente as atividades de “Amar e Partilhar 21” terão lugar no Centro Escolar da Vila de Celorico de Basto, aos sábados, com a participação possível mediante inscrição.

NUNO PRATA ATUA EM PONTE DE LIMA

Nuno Prata. 1 de Maio – 22h00 – Teatro Diogo Bernardes

Nuno Prata, nome muito familiar à generalidade do público, conhecido baixista da banda Ornatos Violeta, é a oferta do Teatro Diogo Bernardes para 1 de Maio, às 22h00, acompanhado por Nicolas Tricot e Nicolau Fernandes, numa noite que será garantia de muita e excelente música cantada em português.

Depois da enorme aventura dos Ornatos Violeta, lançou o seu 1.º disco de originais em 2006, onde deu a conhecer a sua vertente de cantautor, com as letras acutilantes e melodias cativantes. O 2.º disco de originais saiu em 2012 pela Valentim de Carvalho.

Neste novo ciclo da sua carreira, conta com Nicolas Tricot e com Nicolau Fernandes nas apresentações ao vivo deste novo disco, de nome homónimo, que teve o apoio da Fnac Cultura e da GDA, editado em Novembro de 2014.

"O brilho das histórias simples.

Ao terceiro disco dá o seu nome e confirma uma identidade que se vem cimentando a solo, sem rejeitar passado e influências.

Há uma cadência que lembra Ornatos Violeta (a sua antiga banda), mesmo se Manel Cruz não tivesse uma breve participação em “Simplesmente é isso”, um dos primeiros temas a sobressair neste trabalho, que tem tanto de discreto como de luminoso e aconchegante. Por outro lado, as narrativas das canções trazem, novamente, a influência do estilo da pena de Sérgio Godinho.

Um álbum em moldes acústicos, mas com ornamentos variados, que adquire em temas como “Julgava estar resolvido (Inventa agora um refrão)”, “Hoje é feriado” e “Às voltas (Fiz por me lembrar de ti)” um brilho especial.

“Nuno Prata”, o disco, é feito de melodias simples, no que o termo tem de melhor, e lança chão para se irem descobrindo as nuances de um compositor que merece as melhores atenções." (Ana Tomás, in Jornal i).

Atente-se às palavras de João Bonifácio (in Público / Ipsilon – Cultura): "Neste momento diz estar a zero, isto é, não tem canções na gaveta e até anda com vontade de fazer uma nova banda em que só tenha de tocar um instrumento em vez de compor. Por amor à santa, façam favor de ir aos concertos deste homem e dar-lhe amor, que é para ele se sentar e parir um disco antes de 2018."

Bilhetes à venda e mais informações no Teatro Diogo Bernardes, pelo telefone 258 900 414 ou pelo email teatrodb@cm-pontedelima.pt

MULTINACIONAL FRANCESA INVESTE EM ARCOS DE VALDEVEZ

Eurocast Portugal prevê abrir portas já no segundo semestre de 2015

A multinacional francesa Eurocast Portugal do sector automóvel vai investir, até 2017, cerca de 23,4 milhões de euros numa fábrica que será instalada em Arcos de Valdevez e criará 130 postos de trabalho.

A construção da unidade de produção e comercialização de fundição injetada de alumínio para componentes automóveis já começou, devendo iniciar a laboração no próximo mês de agosto.

Como esta fábrica empregará pessoas com formação da metalurgia, da metalomecânica e da fundição, foi realizada uma sessão de apresentação da empresa a desempregados do concelho, inscritos no Centro de Emprego, para que fizessem uma pré-inscrição nas formações que darão o passaporte para um lugar na multinacional.

Estas formações decorrerão no Centro de Formação Profissional da Indústria Metalúrgica e Metalomecânica (CENFIM), em Arcos de Valdevez, e no CINFU - Centro de Formação Profissional da Indústria de Fundição.

Para João Manuel Esteves este investimento no concelho é visto com muito bons olhos, pois contribuirá para reduzir o desemprego e para o crescimento e dinamização da economia local.

Neste sentido apelou a todos os presentes para que aproveitem esta oportunidade, agradecendo também toda a disponibilidade do Centro de Emprego e Centros de Formação neste processo.

apresentacao_eurocast5

BANDA POP ATUA EM PONTE DE LIMA

Cochaise. 2 de Maio – 22h00 – Teatro Diogo Bernardes

Uma das maiores revelações dos últimos tempos no denominado pop português, os Cochaise sobem ao palco do Teatro Diogo Bernardes no próximo sábado, dia 2 de Maio, às 22h00, num concerto que garante surpreender todos os espectadores, tendo em conta estarmos perante uma das bandas mais promissoras no panorama musical nacional e a apresentação do novo disco, editado no presente mês de Abril, ou seja, o segundo concerto com interpretações dos temas que fazem parte do mais recente trabalho.

cochaise[1]

"Finalizámos agora o nosso terceiro longa duração, ao qual decidimos chamar 'Cochaise'. É um conjunto de dez canções trabalhadas no sentido e ao encontro da palavra e estamos inteiramente felizes por vos podermos apresentar o resultado. Letras cuidadas sobre pessoas e sentimentos, harmonias coloridas, ritmos pegajosos para danças dolorosas" (Cochaise).

Os Cochaise são Cláudia Sambado (voz), Filipe Sambado (guitarra e voz), Alexandre Pereira (guitarra e voz), Luís Barros (bateria) e Adriano Fernandes (baixo) e lançaram os discos «Mini-Homónimo», «Se Amanhã não Chovesse» e «Já Te Digo Qualquer Coisa» (EP) em 2011, 2013 e 2014, respectivamente. O novo disco (homónimo), acabado de sair, é de Abril de 2015.

Há mais coerência na trágica condição amorosa dos Cochaise. Sofre-se por ignorância e por se saber demais. A maturidade não é sapiência, mas a vacinação e a catarse encontram-se à distância de uma garrafa de vinho.

Paulo Cecílio (bodyspace.net), em relação à “banda com raízes em seis localidades diferentes (a saber: Lagos, Lisboa, Albufeira, Porto, Amadora, Bobadela)”, afirma que “desde Mini Homónimo, de 2011, que por aqui estamos certos de estar na presença de uma das grandes revelações do pop rock nacional, capaz de compor canções orelhudas aliadas a letras espertas – uma espécie de Clã sem sotaque do norte. No entanto, a visibilidade é escassa: para além do grupo de amigos que os vai acompanhando, onde se encontram todos os grandes da Cafetra e todo o grande Diego Armés, os Cochaise ainda são uma mina escondida na floresta que é a música portuguesa.”

Bilhetes à venda e mais informações no Teatro Diogo Bernardes, pelo telefone 258 900 414 ou pelo email teatrodb@cm-pontedelima.pt

VACA DAS CORDAS TEM AMIGOS EM PONTE DE LIMA

Associação dos Amigos da Vaca das Cordas apresentou o Cartaz da Vaca das Cordas 2015

A Associação dos Amigos da Vaca das Cordas apresentou publicamente o cartaz da tradicional Corrida da Vaca das Cordas 2015.

A cerimónia que decorreu ontem ao final da tarde, contou com a presença do Executivo Municipal, liderado pelo Sr. Vice-Presidente, Gaspar Martins. Este ano, a Corrida da Vaca das Cordas realiza-se no dia 5 de junho, a partir das 18 horas.

Mantendo a tradição, a Associação dos Amigos da Vaca das Cordas promove esta secular tradição que atrai à Vila mais Antiga de Portugal milhares de pessoas. Ao final da tarde, as atenções concentram-se no Centro Histórico, e na Rua do Arrabalde, em frente ao portão da Casa de Nossa Senhora de Aurora, onde começa a corrida da Vaca das Cordas, seguindo em direção à Matriz, para as tradicionais três voltas à igreja. É um dia de festa, que mostra a alma e a tradição do povo.

O Cartaz, que apresenta vários elementos que simbolizam esta tradição limiana, é da autoria de um estudante de artes plásticas, natural de Freixo, Leonardo Santos Silva.

MINHOTOS EM ANDORRA ORGANIZAM FESTIVAL DE FOLCLORE

Grupo de Folclore Casa de Portugal comemora 19 anos de existência

O “Grupo de Folclore Casa de Portugal” no Principado de Andorra, leva a efeito nos próximos dias 1 e 2 de Maio, a quinta edição do Festival de Folclore Ibérico – Principado de Andorra. Trata-se de uma iniciativa que visa celebrar o 19º aniversário daquela entidade cultural, fundada a 1 de Maio de 1996.

XIX CARTAZ FESTIVALc

Nesta edição, a cultura tradicional da Península Ibérica estará a cargo, em representação de Andorra, pelo Esbart Dansaire d’Andorra la Vella, em representação de Espanha, pela Agrupación Virgen de las Nieves de Tanos – Torrelavega (Cantabria), e pelo Rancho Regional Recordar é Viver de Paramos – Espinho (Portugal) que juntamente com o Grupo anfitrião representarão o folclore lusitano.

No dia 1 de Maio, terá lugar a Sessão Solene no Comú d’Escaldes-Engordany (Câmara Municipal), onde os Grupos serão recebidos pela Cònsol Major (Presidente da Câmara), Sra. Trini Marín e à qual assistirá também o Sr. Manuel Dias, Presidente da Junta de Freguesia de Paramos. Na cerimónia serão impostas a fitas comemorativas e será feita a entrega de lembranças alusivas ao Festival.

No dia 2 de Maio, sábado, a partir das 21 horas realiza-se o desfile pelas ruas de Escaldes-Engordany, coincidindo com o evento de rua “Nit Vivand”, um espaço comercial e de lazer para os turistas que visitam o país.

Após o desfile, a Sala do Prat del Roure será o palco principal das celebrações onde, a partir das 22 horas, mais de 150 folcloristas apresentam as danças e cantares tradicionais ao enumero publico que tradicionalmente assiste ao encontro ibérico de culturas, com entrada gratuita.

A realização deste Festival, não seria possível sem a colaboração do tecido empresarial português e andorrano que anualmente tem apostado na sua concretização, e que este ano será transmitido via internet pela Rádio Ondas de Portugal.

TERRABOURENSES COMEMORAM 25 DE ABRIL

Terras de Bouro assinalau “25 de abril” com apresentação de “Olhares in Versos”

Com o Salão Nobre dos Paços do Concelho de Terras de Bouro completamente cheio de muitos amigos, familiares, admiradores e figuras públicas do concelho e não só, coube ao Presidente da Câmara Municipal de Terras de Bouro, Dr. Joaquim Cracel, a apresentação, diga-se, emocionada e muito elogiosa da obra do “seu amigo de infância” como o próprio fez questão de sublinhar.

1

“Olhares in Versos” assim se chama o último livro do ilustre poeta terrabourense João Luís Dias, uma “realização literária repleta de sentimento e da comunhão com a natureza”, características aliás fundamentais e marcantes na escrita do autor. A sessão ficou ainda marcada por um momento musical e pela presença da artista plástica, Marlene Soares, autora das ilustrações (em azulejo) que surgem também na obra.

P4270094

2.2

2

3.1

3

5

“SE EU FOSSE…”, DE RICHARD ZIMLER VAI SER APRESENTADO NA BIBLIOTECA DE CAMINHA

Apresentação do livro vai ter lugar sábado, dia 2 de maio, pelas 10h30

“Se eu fosse …”, de Richard Zimler é o livro que vai ser apresentado na Biblioteca Municipal de Caminha já no sábado, dia 2 de maio, pelas 10h30. Ilustrado por Aurélie de Sousa, este livro é uma obra que desafia e estimula a imaginação das crianças. Esta é mais uma das atividades promovidas pela autarquia que visa a promoção do livro e da leitura.

Richard Zimler é um reconhecido romancista, mas também se tem destacado a escrever livros infantis. Não é a primeira vez que Zimler visita a Biblioteca de Caminha. Recorda-se que Zimler esteve aqui no passado mês de agosto onde apresentou outro dos seus livros “A Sentinela”.

Quanto ao livro “Se eu fosse …”, na sinopse lê-se: “Imagine ser capaz de voar como uma borboleta, saltar como um canguru ou espreitar o cimo das árvores como uma girafa. Todos sabemos que as crianças, frequentemente, fantasiam que conseguem adquirir as características extraordinárias dos animais, desde os mais pequenos aos mais majestosos. E é bom que o façam! Porque os mais jovens têm de "viver" estas transformações e ter aventuras libertadoras para se tornarem adultos criativos e imaginativos, capazes de realizarem os seus sonhos”.

Na verdade, este livro “encoraja as crianças (e talvez os seus pais também!) a ultrapassarem as suas limitações. Este livro convida os mais jovens a nadarem como um peixe tropical ou a cantarem como um melro – ou até mesmo afastarem os banhistas da praia com o “sorriso” de um tubarão!”.

Richard Zimler nasceu em 1956 em Roslyn Heights, um subúrbio de Nova Iorque, trocou a "big apple" pelo Porto, a cidade que o encantou, mas em Caminha passa também largas temporadas.  

Fez um bacharelato em Religião Comparada na Duke University e um mestrado em Jornalismo na Stanford University. Trabalhou como jornalista durante oito anos, principalmente na região de São Francisco. Em 1990 foi viver para o Porto, onde lecionou Jornalismo, primeiro na Escola Superior de Jornalismo e depois na Universidade do Porto. Tem atualmente dupla nacionalidade, americana e portuguesa. Desde 1996, publicou dez romances, uma coletânea de contos e dois livros para crianças. A Sétima Porta, A Sentinela, O Último Cabalista de Lisboa e Os Anagramas de Varsóvia são alguns dos seus títulos, considerados best sellers.

CIÊNCIA EM PONTE DE LIMA É DIVERTIDA

“Ciência Divertida” – Município de Ponte de Lima vai abrir mais três Espaços

O Município de Ponte de Lima inaugura a 5 de maio os três últimos Espaços “Ciência Divertida”, cujas salas visam promover um espaço de saber polivalente em termos de conhecimento e saber.

O projeto, lançado pelo Serviço Educativo da Área Protegida, abriu em outubro de 2012, com a 1ª sala no Centro Educativo das Lagoas. Desde então já abriram mais 8 salas de Ciência Divertida, nomeadamente nos Centros Educativos de Arcozelo, Ribeira, Feitosa, Gandra, Refoios; Eb1 de Ponte de Lima, Freixo e Vitorino dos Piães.

Com a inauguração dos três últimos espaços, na EB1/JI da Correlhã (09h30) e nos Centros Educativos do Trovela (11h00) e da Facha (14h00), o Município encerra o processo de instalação de um Espaço “Ciência Divertida” em cada Centro Educativo do Concelho.

Com os Espaços “Ciência Divertida” propõem-se impulsionar pedagogicamente a cultura científica e tecnológica, com especial ênfase nas camadas mais jovens da população. Os professores, para acompanhar os trabalhos, têm ao seu dispor um Caderno orientador de ensino, em função do equipamento e material que o espaço dispõe.

Convidamos o V/ órgão de Comunicação a presenciar a abertura dos três últimos Espaços “Ciência Divertida”, no dia 5 de maio, na EBI/JI da Correlhã e nos Centros Educativos do Trovela e Facha.

ARCOS DE VALDEVEZ REQUALIFICA ÁREA ENVOLVENTE AO CENTRO DE SAÚDE

Envolvente ao Centro de Saúde praticamente concluída

  • Parque de estacionamento com capacidade para cerca de 50 veículos foi formalmente aberto ao público na passada sexta-feira
  • ULSAM consignou a “Requalificação da envolvente do Centro de Saúde de Arcos de Valdevez”

A empreitada levada a cabo pela Câmara Municipal de "Requalificação Urbana da envolvente ao Centro de Saúde", adjudicada à empresa JRVEZ, Unipessoal, Lda., por 147.350,00 € (s/ IVA),encontra-se praticamente concluída.

Esta empreitada teve como objetivo a requalificação urbana junto ao centro de saúde, numa parceria com a ULSAM.

consignacao_ULSAM

A Autarquia melhorou os acessos ao Centro de Saúde e fez um parque de estacionamento, o qual foi formalmente aberto ao público na passada sexta-feira, dia 24 de abril, pelo Presidente da Câmara Municipal, João Manuel Esteves, e pela vogal executivo do Conselho de Administração da ULSAM, Manuela Duarte.

A ULSAM também consignou, neste mesmo dia, a empreitada de “Requalificação da envolvente do Centro de Saúde de Arcos de Valdevez”, a qual conta com um prazo de execução de 60 dias e foi adjudicada por 91.587,43€.

A proposta de intervenção procurou melhorar funcionalmente a acessibilidade e mobilidade rodoviária ao Centro de Saúde, destacando-se deste projeto, duas ações distintas, mas complementares. Uma assegura a ligação pública, e a outra, garantiu um parque de estacionamento público de apoio com capacidade para cerca de 50 veículos ligeiros, incluindo lugares para pessoas com mobilidade condicionada.

No que diz respeito ao arruamento, à ligação pública da Rua Eng.º Adelino Amaro da Costa à Rua Dr. Germano Amorim foi melhorado o arruamento e introduzidos novos passeios, bem como diferenciados os acessos, viário e pedonal, aos diferentes equipamentos de saúde ali instalados, nomeadamente, ao centro de saúde, à Cruz Vermelha e ao Hospital de S. José.

Com a obra consignada pela ULSAM o exterior do Centro de Saúde também ficará completamente renovado brevemente. As duas obras contribuirão para a melhoria da acessibilidade dos utentes e dos profissionais de saúde, repercutindo-se numa melhoria no acesso aos serviços de saúde e no apoio à população.

 

VIZELA ESCLARECE MUNÍCIPES SOBRE AS MUDANÇAS NO MERCADO ENERGÉTICO

Sessão "Mudanças do Mercado Energético e os Descontos Sociais"

A Câmara Municipal de Vizela, através do CIAC, irá colaborar com a Direção Geral de Energia e Geologia no âmbito da “Campanha de Informação e Esclarecimento aos Consumidores de Eletricidade e Gás Natural”.

Neste sentido, irá realizar uma sessão promovida pela ADENE, subordinada ao tema “Mudanças do Mercado Energético e os Descontos Sociais”, que visa esclarecer sobre o processo de extinção das tarifas reguladas, a mudança para o mercado liberalizado e a aplicação das tarifas sociais de eletricidade e gás natural.

A referida sessão é aberta à população em geral, embora seja especialmente dirigida aos técnicos e funcionários das entidades do Concelho que intervém na comunidade e que possam ter um papel ativo na informação, esclarecimento e apoio aos consumidores.

A iniciativa irá realizar-se na Casa das Coletividades, no próximo dia 6 de maio, pelas 10h30.

ARCOS DE VALDEVEZ COMEMORA DIA MUNDIAL DO LIVRO

Dia Mundial do Livro trouxe a Arcos de Valdevez os escritores António Mota e Pedro Seromenho

O município de Arcos de Valdevez comemorou o Dia Mundial do Livro nos dias 23 e 24 de Abril, tendo para tal organizado um alargado conjunto de atividades.  Encontros com escritores nas escolas e nos jardins de Infância das IPSS, implementação de pontos Bookcrossing em vários locais do concelho e alargamento do Projeto FACILITA a mais uma empresa, foram as atividades de relevo.

Dia_mundial_livro_4

António Mota e Pedro Seromenho, dois escritores que se dedicam à criação literária para a infância e juventude marcaram presença, respetivamente no dia 23 e no dia 24 de abril. António Mota, escritor que tem muitos dos seus livros referidos no Plano Nacional de Leitura e o seu livro "Pedro Alecrim" faz parte da restrita seleção de obras de leitura obrigatória das Metas Curriculares de Português, apadrinhou duas iniciativas em torno do livro: o arranque do Projeto Facilita  (iniciativa do município arcuense, iniciada em Abril de 2010, cujo objetivo principal é aproximar os adultos trabalhadores dos livros e da leitura. Quinzenalmente um colaborador da biblioteca municipal dirige-se a uma das unidades industriais aderentes para levar livros, DVDS, jornais, informação sobre programação cultural do município e outras informações) na empresa de Produção de Vestuário  - Afonso, localizada na Zona Industrial de Paçô e o início do Bookcrossing (iniciativa internacional que pretende fomentar a troca gratuita, anónima e informal de livros usados por cidadãos de todo o mundo. No fundo trata-se de mais uma rede social,  fundada nos Estados Unidos, cujo principal objetivo é incentivar as pessoas a "libertar", a encontrar e a ler livros) no nosso concelho. Aqui também fez as delícias dos operários com um momento brilhante e envolvente de leitura de alguns trechos de obras suas, em que a mulher foi a estrela.

Ainda no mesmo dia, António Mota deslocou-se à Escola Básica de Távora e ao Centro Escolar Manuel C. Brandão (Sabadim) para conversar com os alunos e professores sobre as descobertas que só a leitura permite.

Pedro Seromenho que escreve, desenha e ilustra os seus livros foi o autor convidado para falar de livros, no dia seguinte 24 de Abril, com as crianças dos Jardins-de-infância das IPSS  - Centro Social e Paroquial de Arcos de Valdevez, Centro Social e Paroquial de Guilhadeses (Cantinho Alegre); Santa Casa da Misericórdia e Associação Juventude de Vila Fonche (Pousadinha). Já no final das sessões Pedro Seromenho apadrinhou o ponto Bookcrossing que ficou situado na Central Coordenadora de Transportes.

O Presidente da Câmara Municipal, João Manuel Esteves, realçou a importância que o livro e a leitura têm no desenvolvimento e expressividade das pessoas, relevando as iniciativas Bookcrossing e FACILITA no concelho. Duas ações inovadoras, implementadas pelo município, que pretendem promover a leitura, tanto nos jovens como nos adultos.

Dado ter-se verificado uma aposta ganha, o autarca demonstrou ainda a intenção de alargar o projeto FACILITA a outras unidades empresariais do concelho.

VILA PRAIA EM FLOR TEM NOVA CALENDARIZAÇÃO

Previsão de mau tempo obrigou organização a alterar programa

A edição do Vila Praia em Flor 2015, que estava prevista para o período entre a próxima quinta-feira, dia 30 de abril e domingo, dia 3 de maio, sofreu várias modificações derivadas das previsões atmosféricas para o fim-de-semana. Face à previsão de chuva intensa, a organização decidiu alterar as datas. Pedimos a melhor atenção para o programa abaixo.

Vila Praia em Flor 2015 3 (3)

A organização, Câmara Municipal de Caminha, Junta de Freguesia de Vila Praia de Âncora e Grupo dos Amigos das Maias, reuniu-se para analisar os constrangimentos que poderiam advir da confirmação das previsões de mal tempo para o fim-de-semana. Tendo em conta que a maioria dos eventos decorre ao ar livre foi decidido proceder à alteração da programação mantendo praticamente tudo o que estava previsto mas em novas datas.

A Caminhada Florida teve que der agendada para o dia 17 der maio para não coincidir com a outra atividade semelhante.

A programação agendada para amanhã, dia 30 de abril, mantem-se inalterada.

NOVO PROGRAMA:

30 DE ABRIL A 17 DE MAIO

ATELIÊ “Faz a tua Maia”

30 abril | 10H00 - 18H00

Local: Praça da República

Traga flores e venha compor a sua própria Maia!

EXPOSIÇÕES

“As Maias”

30 de abril a 08 de maio

Local: Praça da República

“As Flores que a Natureza nos oferece”

09 | Sábado | 10H00 - 24H00

10 | Domingo | 10H00 - 20H00

Local: Parque Dr. Ramos Pereira

MERCADO DA FLOR

Venda de flores, plantas e produtos associados

09 | Sábado | 10H00 - 22H00

10 | Domingo | 10H00 - 20H00

Local: Praça da República

MERCADO PROMOCIONAL DAS COLETIVIDADES

Decoração do espaço público pelas Associações Desportivas, Culturais e Recreativas do Vale do Âncora e Comunidade Escolar

09 | Sábado | 10H00 – 24H00

10 | Domingo | 10H00 – 20H00

Local: Avenida Dr. Ramos Pereira

ARTESANATO EM FLOR

Feira de Artesanato do Concelho de Caminha

09 e 10 | Sábado e domingo | 10H00 - 20H00

Local: Rua Cândido dos Reis

FEIRA DO LIVRO “A NATUREZA E A ALEGRIA DA PRIMAVERA EM FLOR”

08 | Sexta-feira| 20H00 - 24H00

09 | Sábado | 10H00 - 24H00

10 | Domingo | 10H00 - 20H00

Local: Parque Dr. Ramos Pereira

Organização: “Baunilha & Chocolate” Livraria

ANIMAÇÃO

QUI 30 de ABRIL

18H00 - Colocação das MAIAS antes do pôr-do-sol

21H30Noite das Maias

Arruada de Cantares e Concertinas “Entre Amigos”

Local: Praça da República

23H00 – Encenação do Roubo das Maias

Organização: Associação de Estudantes da Ancorensis Cooperativa de Ensino

Local: Praça da República

SEX 08 de MAIO

21H00 – Arruada de Bombos pelas principais artérias de Vila Praia de Âncora, pelo Grupo de Bombos de Vila Praia de Âncora

21H30 Sketch de Animação com a Universidade Sénior de Caminha

Local: Meia-Laranja, Av. Dr. Ramos Pereira

Colaboração: CLDS + Caminha

22H00 – Atuação da Tuna da Universidade Sénior de Vila Nova de Cerveira

Local: Meia-Laranja, Av. Dr. Ramos Pereira

Colaboração: CLDS + Caminha

22H45 – Atuação da Tuna da Universidade Sénior de Caminha

Local: Meia-Laranja, Av. Dr. Ramos Pereira

Colaboração: CLDS + Caminha

SÁB 09 de MAIO

09H30 – 12H00 – Pelas Margens do Rio Âncora

Percurso Interpretativo sobre flora autóctone, sob orientação de Carlos Venade

Inscrição obrigatória: cisa@cm-caminha.pt | 258 721 708 e 91 44 76 461

Custo 3 euros

Local de concentração: Parque Dr. Ramos Pereira

10H00 – Arruada de Bombos pelas principais artérias de Vila Praia de Âncora, pelo Grupo de Bombos de Vila Praia de Âncora

10H30 – Atividade Intergeracional: Hora do Conto “O Nabo Gigante” de Alexis Tolstoi e Niamh Sharkey

Organização: Centro Social e Cultural de Vila Praia de Âncora

Local: Meia-Laranja, Av. Dr. Ramos Pereira

Colaboração: CLDS+ Caminha

TARDE EM MOVIMENTO

15H00 - Aula de

Instrutora ZIN Gabriela Duarte

Local: Meia-Laranja, Av. Dr. Ramos Pereira

Colaboração: CLDS + Caminha

16H00 – “Venha Dançar Connosco” Danças de Salão – Ritmos Latinos e Clássicos

“JUCAMINHA” – Judo Clube de Caminha

Escola de Dança do Orfeão de Vila Praia de Âncora

“SIRA” – Sociedade Instrução e Recreio Ancorense

Local: Meia-Laranja, Av. Dr. Ramos Pereira

Colaboração: CLDS + Caminha

22H00DEALEMA

Concerto

Local: Praça da República

DOM 10 de MAIO

15H00 – I Encontro de Bombos Vila Praia de Âncora

Grupo de Bombos de Vila Praia de Âncora

Grupo de Bombos Vira a Bombar - Azevedo

Grupo de Bombos São Gonçalo de Dem

Grupo de Bombos de Sopo - Vila Nova de Cerveira

Grupo de Bombos São Jorge dos Arcos de Valdevez

Grupo de Bombos Zabumbas de Alpedrinha - Fundão

Grupo de Bombos da Pedra de Portunhos - Cantanhede

Local: Meia-Laranja, Av. Dr. Ramos Pereira

DOM 17 de Maio

Caminhada Florida

Vista-se a rigor e venha caminhar connosco… haverá inúmeras surpresas pelo caminho!

Principais artérias de Vila Praia de Âncora

Inscrições gratuitas e obrigatórias - Posto de Turismo e Junta de Freguesia de Vila Praia de Âncora

8H30 - Secretariado

9H00 - Concentração

9H30 - Partida

Local de concentração: Praça da República

VIZELA COMEMORA SEMANA DA JUVENTUDE

Semana Europeia da Juventude com 250 participantes em Vizela

Decorrerão nos dias 4, 5 e 6 de maio na Escola Básica e Secundária de Vizela – Infias, Escola Secundária de Vizela e Espaço Jovem de Vizela uma série atividades no âmbito do evento Semana Europeia da Juventude 2015.Este evento conta com a participação de 250 jovens e pretende trazer até às associações e jovens locais mais informação acerca das oportunidades Erasmus+, potenciando a dinâmica local das organizações de juventude.

template_FB_JA_SEJ

A Semana Europeia da Juventude conta, em Portugal, com parceiros estratégicos como o Instituto Português do Desporto e Juventude, IP, os Governos das Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira, o Conselho Nacional de Juventude e a Federação Nacional das Associações Juvenis, para além de autarquias, associações locais, escolas e universidades por todo o país.

A nível local, nomeadamente para este evento, conta ainda com o apoio da Câmara Municipal de Vizela e Agrupamentos de Escolas de Vizela.

A Semana Europeia da Juventude 2015 realizar-se à em Vizela através da dinamização de três eventos/ações:

  1. Sessão de disseminação Erasmus + - 4 de maio, das 15:30 às 17:15.

Auditório da Escola Básica e Secundária de Vizela – Infias

Turmas 10º A e 11º A - Total de alunos 55

  1. Sessão de disseminação Erasmus + - 5 de maio, das 09:30 às 11:15.

Auditório da Escola Secundária de Vizela

Total de alunos 50

  1. Youth Labs - Laboratório de Ideias - 6 de maio, das 09:30 às 12:30 e das 14:30 às 17:30

Espaço Jovem e Espaço Internet

25 alunos representantes das escolas Básica e Secundária de Vizela-Infias e Escola Secundária de Vizela.