Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

REDE SOCIAL DO MUNICÍPIO DE FAFE COMEÇOU A COMEMORAR 10 ANOS DE EXISTÊNCIA

No dia 26 de março, realizou-se no Auditório Municipal o primeiro evento da comemoração dos dez anos da Rede Social no concelho de Fafe, que se prolongará durante o período de dez meses.

DCS_4080

O objetivo deste primeiro evento foi o de fazer o balanço destes 10 anos de existência, perceber a situação existente em 2003 e a sua evolução até à atualidade. Há 10 anos o município de Fafe elaborou uma candidatura que viu aprovada e deu um novo e grande impulso ao trabalho de parcerias e de responsabilidade partilhadas, ao envolvimento de todos num projeto comum.

Assim, por eixo de intervenção, foram abordados temas como as crianças e jovens, o envelhecimento ativo, as incapacidades, as vulnerabilidades, a qualificação, etc. Participaram, nessa fase, representantes das instituições integrantes da Rede Social, como, desde logo, o Município, a Cercifaf, a Santa Casa da Misericórdia, a Cruz Vermelha Portuguesa e o Centro de Saúde de Fafe. Segundo os responsáveis autárquicos, “o balanço foi extremamente positivo, realçando-se o dinamismo das instituições que no concelho operam na área social”.

A meio dos trabalhos, aconteceu um momento de animação, abrilhantado pelo grupo de dança da Cercifaf e pelos jovens guitarristas Luis Leite e José Miguel Teixeira, da Academia de Música José Atalaya.

No exterior do local de realização do evento, esteve presente informação sobre o historial dos 10 anos da Rede Social.

Este foi o primeiro de mais nove eventos que irão decorrer no concelho e nas mais diversas Comissões Sociais de Freguesias, até ao próximo mês de dezembro.

DCS_4094

DCS_4075

PONTE DE LIMA ORGANIZA CICLO DE ATELIÊS COM ARTE “COSMÉTICA”

20 de Abril | Quinta de Pentieiros

O Ciclo de Ateliês com Arte do Município de Ponte de Lima continua a captar o público que procura ações de formação enriquecedoras no sentido de obterem mais conhecimentos sobre arte, cultura, tradição, gastronomia, património arquitetónico e ambiental do concelho.

“Cosmética" é o tema da próxima sessão do Ciclo de Ateliês com Arte, agendada para o dia 20 de abril, na Quinta de Pentieiros, entre as 9h e as 13 horas.

Identificar espécies de plantas com aplicação potencial na cosmética e aprender algumas receitas de óleos de massagem, cremes, entre outras, são os principais objetivos da sessão, que será dinamizada pelo Serviço da Área Protegida das Lagoas de Bertiandos e S. Pedro de Arcos.

Inscrições ou mais informações podem ser obtidas através do portal municipal em  www.cm-pontedelima.pt ou pelos contactos: terra-eventos@cm-pontedelima.pt /258 900401.

TRABALHADORES DOS ESTALEIROS NAVAIS DE VIANA DO CASTELO DESFILAM EM LISBOA PELA VIABILIZAÇÃO DA EMPRESA E CONTRA OS DESPEDIMENTOS

Cerca de meio milhar de trabalhadores dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo e muitos familiares desceram à capital para reclamar a viabilização da empresa e contestar a ameaça de despedimentos. “Não nos andem a enganar, queremos trabalhar”, “Chega de destruir, queremos construir” e “Viana quer progresso, não quer o retrocesso” foram algumas das palavras de ordem mais ouvidas durante a manifestação que, em diversas ocasiões, também entoou a “Grândola, Vila Morena”.

ENVC 007

O desfile começou ao início da tarde na Praça Duque de Saldanha e percorreu diversas artérias da cidade rumo a S. Bento, terminando junto à residência oficial do primeiro-ministro onde foram proferidas diversas intervenções por parte dos dirigentes sindicais. Pelo caminho, passaram junto à Empordef, a holding pública para as indústrias de Defesa que tutela os Estaleiros Navais de Viana do Castelo.

Esta é a segunda vez que os trabalhadores se deslocam a Lisboa para protestar, tendo no final da manifestação entregue na residência oficial do primeiro-ministro uma resolução a reclamar a viabilidade da empresa e exigir que o processo de reindustrialização se inicie precisamente com os Estaleiros de Viana do Castelo. Os trabalhadores exigem ainda que seja libertada a verba de 27 milhões de euros destinados à aquisição de aço e motores necessários ao arranque da construção de dois navios asfalteiros para a Venezuela.

Todos os intervenientes teceram duras críticas ao governo pelo abandono a que votaram a empresa, não poupando sequer os 9 deputados eleitos pelo Distrito de Viana do Castelo que, sabendo da presença dos trabalhadores vianenses, não se dignaram sequer a descer as escadarias e vir conversar com eles.

Entre as várias demonstrações de solidariedade, registe-se a participação de uma delegação do setor da construção naval da Confédération Générale du Travail (CGT), a central sindical francesa.

Na sua intervenção, o Secretário-geral da CGTP defendeu que “os Estaleiros Navais de Viana do Castelo são fundamentais para a indústria naval e para o desenvolvimento económico do país”, lembrando que “estes estaleiros têm um potencial enorme para trabalhar para o estrangeiro, a Venezuela é um exemplo, mas nós temos condições para estabelecer protocolos comerciais com países africanos de língua portuguesa, Temos pessoas com competências e qualificações e com disponibilidade para produzir mais e melhor”.

Os Estaleiros Navais de Viana do Castelo encontram-se quase parados desde há dois anos, encontrando-se o processo de venda suspenso em virtude dos pedidos de esclarecimento ao governo apresentados pela Comissão Europeia relativamente à atribuição de apoios estatais no montante de 180 milhões de euros.

ENVC 005

ENVC 002

ENVC 021

ENVC 022

ENVC 023

ENVC 027

ENVC 028

ENVC 033

ENVC 035

ENVC 038

ENVC 041

ENVC 045

ENVC 050

PONTE DE LIMA PRESTA TRIBUTO A ZECA AFONSO

O conformismo é carcereiro da liberdade e inimigo do crescimento.

John F. Kennedy

Tributo a Zeca Afonso – 24 de abril | 21h30. Pedro Barroso – 30 de Abril | 22h00

O Teatro Diogo Bernardes em Ponte de Lima apresenta no mês de abril dois espetáculos musicais alusivos aos ideais da democracia, num projeto intitulado VIVER ABRIL, viver a liberdade que Abril abriu.

O primeiro concerto, agendado para o dia 24 de abril, às 21h30, é um tributo a Zeca Afonso, apresentado pela Companhia Bengala. O espetáculo tem a duração de 80 minutos, durante o qual recordamos uma época através do património musical do cantor.

Genoveva Faísca, na voz, João Bengala, na guitarra clássica e portuguesa, João Vaz, no saxofone soprano, André Almeida, baixo acústico e Diogo Leónidas, na bateria, vão interpretar e entoar as mais emblemáticas canções de Zeca Afonso, das quais recordamos Maio Maduro Maio, Grândola Vila Morena, Venham Mais Cinco, entre outros êxitos.

A fechar o mês de abril, o Teatro Diogo Bernardes apresenta em concerto o cantautor Pedro Barroso. Oriundo de uma área de intervenção crítica de expressão popular, é visível há muito tempo a progressiva temática de carater mais abrangente, onde canta grandes temas de sempre, como o Amor, a Solidariedade e a Portugalidade.

Considerado como um dos últimos trovadores de uma geração de coragem, Pedro Barroso é um cantor sério e rigoroso, cada vez mais respeitado, enquanto cantor, poeta e compositor.

Os bilhetes estão à venda nos locais habituais: Teatro Diogo Bernardes, Tabacaria Melo, Papelima e Papelaria A4. Para mais informação contacte teatrodb@cm-pontedelima.pt ou o telef: 258 900414.

COMUNIDADES CIGANAS DE BARCELOS RECEBEM VISITA NO ÂMBITO DO PROJETO MEDIADOR MUNICIPAL

Ação realiza-se amanhã, quarta-feira, a partir das 11h30 e inclui equipa do Gabinete de Apoio às Comunidades Ciganas, da Câmara Municipal e dos parceiros envolvidos no projeto

O Gabinete de Apoio às Comunidades Ciganas, uma estrutura do Alto Comissariado para a Imigração e Diálogo Intercultural (ACIDI), I.P., vai estar amanhã, quarta-feira, dia 27 de março, em Barcelos, para verificar a intervenção do mediador junto da comunidade cigana, conhecer a rede de parceiros e o grupo alvo do projeto que o Município de Barcelos e outros parceiros estão a desenvolver com o ACIDI no âmbito dos mediadores municipais.

Em novembro de 2011, a Câmara Municipal de Barcelos aprovou um protocolo de cooperação com o ACIDI e o Centro Social, Cultural e Recreativo Abel Varzim, de Cristelo, com vista à implementação do projeto piloto de mediadores municipais, com o objetivo incentivar o acesso das comunidades ciganas a serviços e equipamentos locais e a comunicação entre a comunidade cigana e a comunidade envolvente.

Atualmente, a rede interinstitucional do projeto integra os seguintes parceiros: Câmara Municipal, APAC, juntas de freguesia de Arcozelo, Barqueiros, Cristelo e Fornelos, agrupamentos de escolas de Barcelos e Gonçalo Nunes e ACES Cávado III.

A visita da equipa do Gabinete de Apoio às Comunidades Ciganas tem o seguinte programa:

11h30 – Receção na Câmara Municipal de Barcelos;

12h00 – Visita aos acampamentos de Barqueiros e Fornelos;

14h30 – Visita ao acampamento de Arcozelo.

As visitas serão acompanhadas pelos parceiros do projeto.

BARCELOS: AÇÃO DE SENSIBILIZAÇÃO AMBIENTAL ASSINALA DIA DA ÁRVORE E DIA DA ÁGUA

Município e Amigos da Montanha promoveram oferta de plantas e Hora do Planeta no centro da cidade

O Município de Barcelos promoveu sábado, 23 de março, entre as 9h00 e as 13h00 uma ação para marcar o Dia Mundial da Árvore e o Dia da Água, no Largo da Porta Nova. Sendo já uma prática corrente a comemoração destes eventos, este ano o Município levou a cabo uma atividade conjunta de sensibilização ambiental com a Associação Amigos da Montanha, onde foram oferecidas 300 plantas aromáticas e perto de 300 árvores, entre as quais, freixos, carvalhos e medronheiros. A Associação “Amigos da Montanha” entregou cerca de 1200 pinheiros mansos, e foram ainda distribuídas cerca de duas mil velas à população, para que aderissem à Hora do Planeta.

23.03.13 102 - 1

Esta atividade inserida na Semana da Primavera Biológica aconteceu em várias cidades portuguesas em simultâneo, motivando a sociedade para a adoção de estilos de vida mais saudáveis, ecológicos e sustentáveis.

À noite, entre as 20h30 e as 21h30 o Município aderiu à "Hora do Planeta", desligando as luzes dos principais monumentos da cidade, como a Igreja do Senhor da Cruz, os Paços do Concelho e as ruínas do Paço. A Hora do Planeta juntou cerca de 250 pessoas na Avenida da Liberdade, onde criaram um logótipo com as velas fornecidas ao longo da manhã.

As velas utilizadas nesta atividade foram produzidas a partir de antigas velas e círios recolhidos nos cemitérios do concelho, através do projeto de recolha destes materiais, desenvolvido pelo Município de Barcelos. Este projeto, que inclui eco pontos de recolha de círios e velas, foi implementado em 2012, tendo sido recolhidas, até ao momento, 14 toneladas de resíduos. 

A Hora do Planeta é uma iniciativa da World Wild Fund (WWF) e teve início em 2007 em Sidney, na Austrália, quando 2,2 milhões de pessoas e mais de 2.000 empresas apagaram as luzes durante uma hora, como forma de alertar o mundo para as mudanças climáticas.

PONTE DE LIMA REALIZA “QUEIMA DE JUDAS”

Tradicional “Queima de Judas” em Ponte de Lima. 30 de março | 23 horas | Largo de Camões e Areal

Como já é tradicional, o Município de Ponte de Lima em parceria com a Associação Cultural Unhas do Diabo promovem no próximo sábado, dia 30 de março a “Queima de Judas”. Esta tradição que acontece na véspera do domingo de Páscoa realiza-se no Largo de Camões e no areal do rio Lima junto à Ponte Medieval.

A representação inclui a leitura do testamento de Judas 2013 e a consequente Queima de Judas, simbolizado num boneco.

A encenação para além de recordar um dos momentos mais emblemáticos desta quadra pascal, transforma-se num espetáculo, com artes circenses, desde cuspidores de fogo e um Grupo de Bombos, a acompanhar toda a representação.

Os atores da Associação Cultural Unhas do Diabo, num total de 30, apresentam-se vestidos de preto e iniciam a encenação às 23h00.

PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE BARCELOS RECEBE O MARATONISTA CARLOS SÁ

Atleta soma títulos mundiais, como o recente recorde do mundo conquistado na Argentina

O Presidente da Câmara Municipal de Barcelos, Miguel Costa Gomes, recebeu, nos Paços do Concelho, o maratonista barcelense Carlos Sá, que em janeiro passado bateu o recorde do mundo na ascenção ao monte Aconcágua, localizado nos Andes argentinos. Trata-se do ponto mais alto das Américas (6960,8 metros de altitude), de todo o hemisfério sul e o mais alto fora da Ásia. Carlos Sá percorreu os 88 quilómetros do percurso em 14 horas.

DSC_0003 - 1

O Presidente da Câmara elogiou o atleta pelos feitos conseguidos, referindo que o Município procurará apoiar sempre o seu trabalho, que se realiza na sua maioria no estrangeiro. Miguel Costa Gomes achou interessante a frase que Carlos Sá adotou como motivação: “Ando em busca dos meus limites, felizmente ainda não os encontrei”, tendo este explicado que a atividade desportiva que desenvolve é sempre de risco calculado.

Nascido na freguesia de Vilar do Monte, concelho de Barcelos, em 1973, Carlos Sá iniciou a sua prática desportiva aos 12 anos, na modalidade de atletismo, no Núcleo Desportivo da Silva, clube que chegou a ocupar o pódio dos campeonatos nacionais de atletismo. Correu como federado da região de Braga e participou em diversos campeonatos de pista e corta-mato.

Com um palmarés extenso, o atleta prepara-se agora para participar, entre 5 e 15 de abril, na “Marathon des Sables”, uma prova com 250 quilómetros em autossuficiência, no deserto do Sahara marroquino, e defender o título de melhor não africano conquistado em 2012. Em julho, participa na ultra maratona mais extrema em estrada, como correr com temperaturas de 50º positivos. Trata-se da “Bad Water”, com 250 quilómetros, numa só etapa em cerca de 24 horas, no deserto da Califórnia, Estados Unidos. Em agosto participa no Ultra Trail du Mont Blanc (França/Suiça/Itália), a mais prestigiada ultra maratona de montanha de 170 quilómetros em redor do maior maciço montanhoso da Europa e onde se esperam 2500 atletas.

Para além destas provas, Carlos Sá tem como objetivos participar, ainda em 2013, em diversas outras maratonas

Principais resultados

2010

1º Maratona dos Penedos do Lobo (42km) Espanha

1º Grand Raid dês Pyrénées (160km) França

1º Trail Noturno da Lagoa de Óbidos (42km) Portugal

2º Ultra Trail Serra da Freita (70km) Portugal

2º Maratona Alpino Madrileno (42km) Espanha

2º Ultra Trail Geira (53km) Portugal

1º 101km´s Peregrinos – Espanha

1º Trail Terras de Sicó (31km) Portugal

1º Cross Laminha (12km) Portugal

2011

5º Ultra Trail Mont Blanc (170km) França/Suiça/Itália

1º Ultra Trail Noturno da Lagoa de Óbidos (47km) Portugal

5º Maratona Alpino Madrilena (42km) Espanha

2º Trail de Moaña (18km) Espanha

8º Marathon de Sables – Marrocos

2012

1º Trail dos Abutres (18km) Portugal

1º Trail Glazig (18km + 42km) França

1º Trail Terras de Sicó (38km) Portugal

1º Ultra Trail Aldeias de Courel (83km) Espanha

4º Marathon dês Sables – Marrocos

4º Ultra Trail Mont Blanc (103km) França/Suiça/Itália

Objetivos para 2014

Sahara Race – Egito – 16 fevereiro 2014

Gobi March – China – 1 junho 2014

Atacama Crossing – Chile – 5 outubro 2014

The Last Desert – Antártida – 16 novembro 2014

7 Dias – Circuito 4 desertos

Expedição Cho Oyo 8201m – Nepal/Tibete

IDOSOS DE CELORICO DE BASTO VIVERAM VIA-SACRA

Os idosos do Celorico a mexer foram os protagonistas de um dos principais momentos da vida de Cristo através da encenação de uma via-sacra que teve lugar ontem, 25 de março, no pavilhão gimnodesportivo da EB 2,3/S de Celorico de Basto.

_DSC9525

Nem o mau tempo que se fazia sentir demoveu a população local a assistir à encenação da Via Sacra. Uma atividade anual protagonizada pelos idosos do Celorico a Mexer que ganhou mais enfâse por ter decorrido no início da semana Santa.

A atividade conta com a participação efetiva de cerca de 40 idosos sendo os restantes utentes do programa espetadores e figurantes de toda a encenação.

O espaço, apesar das suas características próprias, foi decorado para que se subentendesse o caminho de Jesus até ao monte Calvário.

Segundo o presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva, “a Via Sacra é um momento vivido muito intensamente pelos idosos. Trata-se de um momento simbólico e muito importante para os nossos idosos pelo momento histórico que representa. Nota-se o empenho de cada participante em representar da melhor forma a personagem que lhe foi incumbida. Uma ação que decorre pelo quarto ano consecutivo e que não deixa ninguém indiferente” salientou o edil.

As bancadas estavam praticamente repletas para assistir às 15 estações da Via Sacra protagonizadas na perfeição pelos idosos. Toda a cerimónia foi presidida pelo padre Carlos Macedo e contou com a colaboração ativa dos animadores do programa “Celorico a Mexer”.

Note-se que este evento faz parte das atividades anuais do programa, decorre pelo quarto ano consecutivo, e mostra-se, a cada edição, uma atividade que desperta as emoções e permite a vivência de um dos principais momentos da vida de Jesus Cristo quer a quem interpreta quer a quem assiste.

_DSC9568

MARÇO É TEATRO: ÚLTIMA PEÇA DECORRE EM VILA PRAIA DE ÂNCORA NO DIA MUNDIAL DO TEATRO

Município promoveu 9 peças de teatro em diferentes freguesias do concelho

A última das 9 peças acontece na quarta-feira, dia 27 de março, data em que se celebra o Dia Mundial do Teatro. O grupo de teatro de Seixas “O Cais” vai ser a estrela da noite com a peça “As Duas Gatas”, a partir das 21h30, no Centro Cultural de Vila Praia de Âncora. A entrada é gratuita.

Março é Teatro 3 semana (1)

Esta é a nona peça exibida em Caminha. O teatro foi uma arte itinerante este mês e fez-se notar sempre em freguesias diferentes, nomeadamente em Moledo, Venade, Lanhelas, Vilar de Mouros, Caminha, Âncora, Orbacém, Gondar e agora em Vila Praia de Âncora.

“É uma boa forma de valorizar o trabalho desempenhado pelos grupos amadores de teatro do concelho, de criar eventos que se deslocam às freguesias, inclusive às do interior, dando oportunidade de todos contactarem com esta realidade artística tão nobre”, realça Paulo Pereira, vereador com o pelouro da Cultura.

A última peça decorre na quarta-feira, dia 27, às 21h30 no Centro Cultural de Vila Praia de Âncora. A atuação está a cargo do grupo “O Cais” e vai apresentar “As Duas Gatas”.

Março é Teatro 3 semana (2)

Março é Teatro 3 semana (3)

Março é Teatro 3 semana (4)

CÂMARA MUNICIPAL DE BARCELOS APROVA MAIS 300 MIL EUROS PARA AS FREGUESIAS

Executivo deliberou também apoios às associações no valor de cerca de 130 mil euros

A Câmara Municipal aprovou por unanimidade, em reunião ordinária do executivo realizada no dia 22 de março, a atribuição de mais de 308 mil euros às freguesias e um conjunto de apoios a associações desportivas e culturais, através de subsídios e de protocolos. A verba para as freguesias destina-se a subsidiar obras de melhoria da rede viária do concelho – pavimentação e alargamento de caminhos, reparação de muros – obras nas sedes de Junta e ampliação de cemitérios.

Desde janeiro deste ano, o executivo municipal já aprovou subsídios diretos às freguesias no valor global de cerca de 1,3 milhões de euros, para além de ter pago a última tranche da verba correspondente ao protocolo dos 200%, relativo a 2012.

No passado dia 8 de março, o executivo aprovou já um novo protocolo com as freguesias, relativo a 2013, que inclui uma comparticipação financeira no valor de 4.847.430,00€, equivalente a 200% do valor que as mesmas recebem do Fundo de Financiamento das Freguesias. Até final do corrente mês de março, a Câmara Municipal a verba correspondente a 25% do valor do protocolo.

Quanto aos apoios às associações, a Câmara Municipal aprovou comparticipações no valor global de cerca de 130 mil euros, destacando-se o Contrato-Programa de Desenvolvimento Desportivo com a Associação de Futebol Popular de Barcelos, no valor de 93.000,00€, com vista a custear as despesas com a inscrição e seguro das equipas de futebol masculino e feminino, dos diferentes escalões, que participem nas provas organizadas por aquela Associação, bem como outras despesas de funcionamento da coletividade.

Entre as restantes associações apoiadas estão o Centro Cultural de Barcelos (8 mil euros), a Associação Cultural Monte Fralães (7,5 mil euros), a Associação Cultural, Desportiva e Recreativa de Cambeses (6,3 mil euros) e a Cruz Vermelha de Aldreu (10 mil euros).

Ainda na reunião ordinária de 22 de março, a Câmara Municipal aprovou a lista de candidatos à 2.ª fase das bolsas de estudo do ensino superior, completando-se, assim, o processo de atribuição de bolsas por parte do Município no atual ano letivo, cujo valor é de 57.888,60€, para um universo de 132 alunos.

Destaque ainda para a atribuição de um subsídio no valor de 8 mil euros à Escola Secundária Alcaides de Faria, destinado a apoiar as atividades da Escola; a atribuição de subsídio mensal no valor de 350,00€, à Associação “A Nossa História” como colaboração para o pagamento da renda das instalações/Sede; a parceria com a Associação Bandeira Azul com vista ao desenvolvimento do programa de educação ambiental Eco-Escolas nas escolas do concelho; a participação do Município de Barcelos em mais uma edição dos Jogos do Eixo Atlântico, com perto de 100 atletas, treinadores e responsáveis.

O executivo aprovou também a transferência da gestão do programa de generalização do ensino do inglês e de outras atividades de enriquecimento curricular, das empresas municipais para o âmbito do Município.

Reunião de Câmara

Sessão ordinária do Executivo da Câmara Municipal de Barcelos

Sexta-feira, 22 de março de 2013

Ordem de trabalhos:

1. Atribuição de subsídio para refeição escolar, com efeitos a partir da data da deliberação, às seguintes situações: Alunos do 1.º Ciclo do ensino básico: 7 alunos – Escalão 1 (A) – refeição gratuita; 2 alunos - escalão 2 (B) – refeição 50% (0,73€). Alunos do ensino pré-escolar:

1 Alunos – Escalão 1 (A) – refeição gratuita; 1 alunos - escalão 2 (B) – refeição 50% (0,73€).

2. Isenção do pagamento do passe escolar (a 100%), a aluno residente na freguesia da Lama e que frequenta a Escola Secundária Alcaides de Faria.

3. Retificação de atribuição de passe escolar a aluno, para o percurso entre o Colégio Didálvi e a freguesia de Tamel Santa Leocádia.

4. Atribuição de subsídio e apoio logístico ao projeto “3.ª Rota pelos Caminhos de Santiago – BTT” – Núcleo Prosepe e Desporto Escolar do Agrupamento de Escolas Cavado Sul.

5. Plano de transportes escolares para o ano lectivo 2013/2014.

6. Nomeação dos representantes do Município de Barcelos no Conselho Geral da Escola Secundária de Barcelinhos.

7. Atribuição de subsídio no valor de 8.000,00€, ao Agrupamento de Escolas Alcaides Faria, para apoio às seguintes atividades: Lan Party, revista do Agrupamento, implementação dos cartões electrónicos, 5.ª Mostra de Arte do Agrupamento, projecto de formação artística com realização de workshops, palestras e conferências para alunos e jovens artistas do concelho.

8. Atribuição de um subsídio no valor de 3.000,00€ à Associação Social, Cultural e Recreativa de Alheira, para pagamento do arrendamento das instalações do CATL das crianças das freguesias de Panque e Aborim.

9. Parceria com a Associação Bandeira Azul da Europa 2012-2013.

10. Nomeação do representante do Município de Barcelos no Conselho Geral do Agrupamento de Escolas Alcaides de Faria.

11. Acordo de cooperação entre o Município de Barcelos e o Centro Cultural de Barcelos.

12. Acordo de cooperação entre o Município de Barcelos e a Associação Cultural Monte Fralães.

13. Atribuição de bolsas de estudo 2012/2013 – Candidaturas admitidas à 2ª fase por escalão.

14. Apoio ao arrendamento habitacional – aprovação de cinco processos.

15. Atribuição de um subsídio no valor de 1.500,00 €, à Associação Clube Moto Galos de Barcelos como colaboração na organização do concurso de bandas de garagem Motorock.

16. Atribuição de um subsídio no valor de 6.396,00 €, à Associação Cultural e Desportiva de Cambeses para pagamento dos materiais necessários para a substituição da cobertura do edifício da sede da Associação.

17. Atribuição de um subsídio mensal no valor de 350,00 €, à Associação “A Nossa História” como colaboração para o pagamento da renda das instalações/sede.

18. Atribuição de um subsídio no valor de 5.987,11 € à Freguesia de Barqueiros, para pagamento do estudo geológico e geotérmico que faz parte do projecto de construção

da sede de Junta.

19. Atribuição de um subsídio no valor de 7.760,15 € à Freguesia de Barqueiros, para pagamento do auto nº 1 relativo aos trabalhos de construção da sede de Junta.

20. Atribuição de um subsídio no valor de 49.395,00 €, acrescido de IVA à taxa legal em vigor, à Freguesia de Alvito S. Pedro, para pagamento de diversas obras de alargamento de caminhos e construção de muros, requalificação e vedação do parque de merendas no Largo de S. Pedro, construção de garagem, palco e arrumos na Rua Campo da Feira e reconstrução do moinho do Rio do Porto.

21. Atribuição de um subsídio no valor de 25.000,00 € à Freguesia de Alheira, para a 1ª fase do “Caminho das Meldoas”, o qual será processado com a apresentação de autos de medição.

22. Atribuição de um subsídio no valor de 25.000,00 € à Freguesia de Remelhe, para a 2ª fase da “Rua dos Cerqueiros”, o qual será processado com a apresentação de autos de medição.

23. Atribuição de um subsídio no valor de 45.000,00 € à Freguesia de Rio Covo Sta Eulália, para a 1ª fase dos trabalhos de “Ampliação do Cemitério”, o qual será processado com a apresentação de autos de medição.

24. Atribuição de um subsídio no valor de 42.000,00 € à Freguesia de Ucha, para a 1ª fase das obras de melhoramento dos arruamentos envolventes à Igreja e Escola Primária, o qual será processado com a apresentação de autos de medição.

25. Atribuição de um subsídio no valor de 15.128,85 € à Freguesia de Carvalhas, para pagamento do alargamento do caminho e construção de muros na Rua da Fonte da Estrada, o qual será processado com a apresentação de autos de medição.

26. Atribuição de um subsídio no valor de 9.693,70 € à Freguesia de Vilar de Figos, para a 2ª fase do alargamento da Rua da Ribeira.

27. Atribuição de um subsídio no valor de 26.140,80 € à Freguesia de Vilar do Monte, para pagamento da pavimentação da Rua Bouça da Fonte e da Rua do Rio Velho.

28. Atribuição de um subsídio no valor de 25.000,00 € à Freguesia de Abade de Neiva, para a 1ª fase da pavimentação da Rua das Baptistas, o qual será processado com a apresentação de autos de medição.

29. Atribuição de um subsídio no valor de 22.942,28 €, com IVA incluído, à Freguesia de Arcozelo, relativo ao Auto Nº 3 das obras de “Ampliação da Sede de Junta”.

30. Atribuição de um subsídio no valor de 8.905,30 €, acrescido de IVA à taxa legal em vigor, à Freguesia de Vila Frescaínha S. Pedro, para pagamento do auto nº 6 da empreitada de “Remodelação da Sede de Junta”.

31. Atribuição de um subsídio no valor de 10.000,00 €, à Cruz Vermelha Portuguesa – Núcleo de Aldreu, como colaboração na aquisição de uma carrinha.

32. Contrato-Programa de Desenvolvimento Desportivo com a Associação de Futebol Popular de Barcelos, o qual prevê uma comparticipação financeira por parte do Município no valor de 93.000,00€, tendo por objeto custear as despesas com a inscrição e seguro das equipas de futebol masculino e feminino, dos diferentes escalões, que participem nas provas organizadas pela Associação de Futebol Popular de Barcelos, bem como as demais despesas de funcionamento da Associação de Futebol Popular de Barcelos, de modo a fomentar, divulgar e assegurar a prática desportiva nesta modalidade.

33. Alteração ao Regulamento Municipal das Actividades Diversas - Transposição para Regulamento Municipal de normas consagradas no Decreto-Lei nº 204/2012, de 29 de Agosto.

34. Lista de candidatos a Juízes Sociais

Compete à Câmara Municipal da sede de cada Tribunal a organização das candidaturas a Juízes Sociais que irão intervir nas causas da competência dos Tribunais de Menores.

Para o Tribunal de Menores da Comarca de Barcelos está estabelecido que o número de Juízes Sociais é de quinze efectivos e quinze suplentes.

35. Ratificação do despacho do Presidente da Câmara Municipal que deferiu o pedido de prorrogação formulado pela adjudicatária, sob a condição de não ser exigida ao Município qualquer compensação/indemnização por conta da prorrogação de prazo e sem prejuízo da possibilidade de aplicação de multas contratuais caso a obra não esteja recepcionada provisoriamente até 31/07/2013, no âmbito da empreitada de “Centro Escolar António Fogaça, em Vila Frescaínha S. Martinho.”

36. Ratificação do despacho do Presidente da Câmara Municipal que autorizou a cessão da posição contratual estabelecida através do contrato datado de 09.01.2012 para a empresa “NVE Engenharias, S.A.”, no âmbito da empreitada de “Centro Escolar de Lijó.”

37. Participação do Município de Barcelos nos X Jogos do Eixo Atlântico.

38. Programa de generalização do ensino de Inglês e de outras atividades de enriquecimento Curricular (“AEC´S”) – Transferência da gestão das Empresas Municipais para o Município de Barcelos – Revogação dos acordos de colaboração celebrados com as Empresas Municipais em 06.09.2012.

39. Pedido de autorização prévia para assunção de compromissos plurianuais – “Aquisição de produtos de higiene e limpeza para 2013/2014”. – Artigo 6º da Lei nº8/12 de 21 de fevereiro (LCPA).

40. Pedido de parecer prévio para a renovação do “contrato de aquisição de serviços

de manutenção dos Softwares da AIRC”. Artigo 75.º da Lei n.º 66-B/2012, de 31 de dezembro (Orçamento de Estado 2013).

41. Pedido de parecer prévio para a renovação do “contrato de prestação de serviços anual da aplicação Legix”. Artigo 75.º da Lei n.º 66-B/2012, de 31 de dezembro (Orçamento de Estado 2013).

42. Pedido de parecer prévio para a celebração de contrato de aquisição de serviços de “Assessoria jurídica e representação judicial na acção arbitral que opõe o Município de Barcelos às empresas: ABB, DST, Investhome e Irmãos Borges, no âmbito da Pareceria Público-Privada”, pelo valor contratual estimado de 300.000,00€, ao qual é acrescido o IVA à taxa legal em vigor, para vigorar durante dois anos – Artigo 75.º da Lei n.º 66- B/2012, de 31 de dezembro (Orçamento de Estado 2013). Pedido de autorização prévia para assunção de Compromissos Plurianuais – Artigo 6.º da Lei n.º 8/2012.

43. Pedido de parecer prévio para a celebração de contrato de aquisição de serviços de “reparação das viaturas n.ºs 32 A e 71 A, marca Volvo, matrículas 29-17-ZN e 69-DZ-85, respetivamente”. Artigo 75.º da Lei n.º 66-B/2012, de 31 de dezembro (Orçamento de Estado 2013).

44. Ratificação do despacho do Presidente da Câmara Municipal, que autorizou o estágio de natureza não profissional para dois técnicos do Município de S. Domingos, Cabo Verde, nas áreas de auditoria financeira e recursos humanos, no âmbito do Protocolo de Geminação oportunamente celebrado entre os dois Municípios.

45. Ratificação do despacho do Presidente da Câmara Municipal, que aprovou o seguinte: cedência de 200 give-aways – Visita a Barcelos pelo Recrutamento de Abril de 1973 da Marinha de Guerra Portuguesa; cedência de uma viatura de 9 lugares para a deslocação de munícipes a Lisboa, seleccionados para participarem no Programa “O Preço Certo”.

46. Ratificação dos despachos do Vice-Presidente da Câmara, que aprovaram o seguinte: cedência de um espaço na Central de Camionagem – Convívio de Estudantes da Escola Secundária/3 de Barcelinhos; cedência do Auditório Municipal – Conferência organizada pelo MIB-Movimento Independente por Barcelos; cedência do Auditório

Municipal – Debate sobre saúde – Bloco de Esquerda.

Proposta extra-minuta - Nomeação de Paulo António Miranda Barbosa para Vogal do  Conselho de Administração da Empresa Municipal de Desportos de Barcelos, E.E.M., em substituição de Carlos Alberto Araújo Magalhães.

Barcelos, 22 de março de 2013

O Gabinete de Comunicação

MEIO MILHAR DE TRABALHADORES DOS ESTALEIROS DE VIANA A CAMINHO DE LISBOA

Cerca de 500 trabalhadores dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo (ENVC) estavam hoje de manhã a caminho de Lisboa para um protesto contra a indefinição sobre o futuro da empresa, que terminará à porta da residência oficial do primeiro-ministro.

A partida dos trabalhadores, em nove autocarros, aconteceu pelas 08:00, junto à empresa, apesar da muita chuva que se faz sentir desde as primeiras horas da manhã em Viana do Castelo.

"Queremos dizer ao senhor primeiro-ministro que a nossa empresa tem de ser viabilizada, que é viável e que se autofinancia, desde que seja bem gerida", afirmou, à saída, António Costa, porta-voz da comissão de trabalhadores

Fonte: Agência Lusa

MUNICÍPIO DE CELORICO DE BASTO DÁ FORMAÇÃO AOS ASSISTENTES TÉCNICOS E ASSISTENTES OPERACIONAIS DA ÁREA DE EDUCAÇÃO

A Câmara Municipal de Celorico de Basto através da candidatura ao POPH, Programa Operacional Potencial Humano, está a disponibilizar ações de formação direcionadas para assistentes operacionais e assistentes técnicos da área da Educação com início marcado para hoje, 25 de março.

Ação de formação

As ações de formação estão a ser lecionadas por formadores credenciados contratados pela Qualidade de Basto E.M, com o intuito de preparar os assistentes operacionais e os assistentes técnicos para as diferentes vicissitudes que possam acontecer em contexto laboral.

“A educação é, cada vez mais, uma referência no concelho pelas infraestruturas e pelos recursos humanos que dispomos. Efetivamente, procuramos, de forma uniforme, tornar os nossos colaboradores cada vez mais cientes do seu real papel nos locais de ensino e, por isso, proporcionamos formações específicas e necessárias para que respondam prontamente às reais necessidades das crianças”, referiu o presidente da Câmara Municipal, Joaquim Mota e Silva.

A primeira ação de formação teve início hoje, 25 de março, sobre o tema “Cuidados Primários de Saúde e Segurança da Criança”. Nesta ação, os formandos irão abordar diferentes conteúdos como Imunizações, Plano Nacional de Vacinação, Doenças transmissíveis, alterações gastrointestinais, alterações respiratórias, febre, parasitoides, prevenções e cuidados, alimentação, higiene entre outras. Genericamente pretende-se enunciar os principais problemas de saúde da criança e os procedimentos necessários para a prevenção de doenças, identificar e desenvolver técnicas de primeiros socorros, verificar os procedimentos e atuações relacionadas com a alimentação da criança e por fim, reconhecer e proceder à higiene da criança e do espaço.

 Amanhã, 26 de março, terá início a ação “Planificação e Programação das Atividades do Quotidiano da Criança” que tem por objetivo planificar, desenvolver e acompanhar as atividades do quotidiano da criança tendo em vista o seu processo de socialização, no âmbito do seu relacionamento com os adultos responsáveis. Ambas as ações terão a durabilidade de 50 horas cada.

Ao longo do ano outras ações terão lugar direcionadas a outros temas e a outro público-alvo.