Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

CELORICO DE BASTO LEVA FOLIA AO REINADO DE D. MANUEL I

Cortejos de Carnaval percorrem as ruas do concelho de Celorico de Basto. Fatos de Carnaval à época de D. Manuel I

Cortejos carnavalescos tiveram lugar nos quatro polos urbanos do Concelho, no dia 21 de fevereiro, e pautaram pelo divertimento de quem estava a assistir e dos foliões. Cortejos de Carnaval inspirados nos 500 anos do Foral celebrado em Celorico de Basto no próximo dia 29 de março.

_DSC2432.jpg

Parte dos foliões desfilaram, durante a manhã de hoje, pelas ruas da vila de Celorico de Basto mascarados de D. Manuel I, de elementos do Povo, da nobreza, de guerreiros, de bobos, de princesas, de rainhas, de jardineiros do Rei e outros à época quinhentista.

A participar no cortejo carnavalesco estiveram as crianças do Centro Escolar da Vila, da Creche e infantário da Associação de Solidariedade de Basto e o Centro de Atividades Ocupacionais, e creche e infantário da Santa Casa da Misericórdia de Arnoia.

Felizes, as crianças brincaram ao Carnaval com as dezenas de pessoas que assistiam ao corso carnavalesco. Diogo Meireles, aluno do Centro Escolar de Celorico de Basto, do 3º ano, disse-nos que é muito giro “brincar ao carnaval, eu vou mascarado de guerreiro, um guerreiro muito forte e resistente”.

A assistir ao Corso, o Presidente da Câmara Municipal, Joaquim Mota e Silva, mostrou-se muito agradado com a beleza inerente ao cortejo. “Vejo, neste cortejo, muita dedicação dos alunos, dos professores e auxiliares que desfilaram com trajes muito bonitos e colorido. Um desfile que voltará a replicar-se na festa das camélias, mas com uma dimensão muito maior”.

_DSC2464.jpg

_DSC2495.jpg

_DSC2535.jpg

_DSC2550.jpg

FORT COLLINS REPLICA SOFÁ AMARELO DE FAMALICÃO

A cidade norte-americana de Fort Collins, no Colorado, inspirou-se no sofá amarelo da cidadania de Vila Nova de Famalicão, uma das marcas do Festival Famalicão Visão’25, para mobilizar a sua comunidade e envolvê-la no debate do Plano para as Alterações Climáticas. Os responsáveis replicaram o exemplo de Famalicão convidando os munícipes a deixarem as suas ideias escritas na lousa.

harm lib transport and solar.jpg

Refira-se que Vila Nova de Famalicão e Fort Collins têm vindo a desenvolver um trabalho de parceria e cooperação no âmbito do Programa Internacional de Cooperação Urbana, da Comissão Europeia, onde se inclui essencialmente a troca de conhecimento e experiências para a sustentabilidade do território.

CSU OCF Recycling Infrastructure.jpg

OCF Pete (Clean Air).jpg

VILA DE PRADO VÊ DESFILAR O CORSO DE CARNAVAL

Cor, ritmo e muita animação no desfile de Carnaval da Vila de Prado

A Vila de Prado vestiu-se a rigor para celebrar mais um Carnaval, no passado dia 25 de fevereiro, com milhares de pessoas a encherem as principais ruas da freguesia, entre mascarados e público a assistir ao cortejo. A tarde foi repleta de cor, ritmo e muita animação e até o S. Pedro deu tréguas, já que depois de uma manhã chuvosa o sol apareceu para abrilhantar a festa.

A (1)vilapradovvcarnaval.jpg

Coronavírus, o caso Isabel dos Santos e a prisão de Rui Pinto foram alguns dos temas da atualidade que não passaram ao lado dos grandes grupos de foliões, num desfile que trouxe a habitual sátira com muita criatividade à mistura. Também se recuou no tempo para prestar um tributo aos Abba, viveram-se os Loucos Anos 20 e chegámos à idade da pedra com os Flinstones.

Estes são apenas alguns exemplos de um vasto leque de fantasias que coloriram o centro urbano da Vila de Prado e deixaram um rasto contagiante de confetis, alegria e boa-disposição por onde passaram.

A iniciativa, que surgiu de forma espontânea por populares, é cada vez mais uma tradição enraizada na vila, contando com os lugares da Ramalha e Carvalhinhos como grandes impulsionadores do evento. Todos os anos, os grupos dedicam-se à preparação de fantasias originais, repletas de imaginação e humor, que arrancam sorrisos e gargalhadas à plateia.

A Junta de Freguesia da Vila de Prado demonstrou novamente o seu apoio, assegurando a regulação do trânsito pelas forças de segurança durante todo o cortejo.

O desfile de Carnaval é um dos grandes eventos do ano na freguesia, uma oportunidade de fortalecer laços na comunidade e criar momentos de lazer e diversão, contribuindo também para promover e divulgar o nome da Vila de Prado.

A (2)vilapradovvcarnaval.JPG

A (3)vilapradovvcarnaval.jpg

A (4)vilapradovvcarnaval.jpg

A (5)vilapradovvcarnaval.jpg

A (6)vilapradovvcarnaval.jpg

A (7)vilapradovvcarnaval.JPG

A (8)vilapradovvcarnaval.jpg

VIZELA COMEMORA DIA NACIONAL DA PROTEÇÃO CIVIL A 1 DE MARÇO

O Município de Vizela promove a comemoração do Dia Nacional da Proteção Civil, com uma exposição de meios dos vários agentes de proteção civil do Concelho, no próximo dia 1 de março, na Marginal Ribeirinha, entre as 10.00h e as 17.00h, com o seguinte programa:

10.00h - 17.00h – Exposição de meios da Proteção Civil;

11.00h – Apresentação pública do Veículo Plataforma VP-32 dos Bombeiros Voluntários de Vizela;

16.00h – Simulacro de Matérias Perigosas.

O Dia Mundial da Proteção Civil, ou Dia Internacional da Proteção Civil, é uma data global instituída pela Organização Internacional de Proteção Civil (OIPC). Foi escolhido o dia 1 de março já que foi neste dia que entrou em vigor a Constituição desta organização.

O objetivo do dia é chamar a atenção para a importância da proteção civil, nomeadamente para a prevenção e para a coordenação de esforços em caso de emergência e calamidade.

BVV.JPG

Em Portugal comemora-se a data oficialmente como Dia da Proteção Civil, no mesmo dia 1 de março, sendo uma efeméride criada pelo Despacho 6915/2008 de 21 de fevereiro do Ministro da Administração Interna.

De destacar que a comemoração do Dia Nacional da Proteção Civil em Vizela vem no seguimento da nova política deste Executivo implementada nos últimos anos, não apenas ao nível da reorganização do serviço municipal de Proteção Civil, nomeadamente na aquisição de equipamentos para reforçar a sua operacionalidade no terreno junto das populações, mas também no trabalho que tem sido feito em parceria com os Bombeiros Voluntários e a GNR de Vizela.

Assim, a Câmara Municipal de Vizela apela à participação da população em geral para visitar a exposição de meios dos vários agentes de proteção civil, no próximo dia 1 de março, na Marginal Ribeirinha, entre as 10.00h e as 17.00h.

FAMALICÃO ADERE À ALIANÇA ODS PORTUGAL

Município integra rede nacional para a implementação em Portugal dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

O Município de Vila Nova de Famalicão é o mais recente membro da Aliança para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) em Portugal, uma rede criada em 2016 pela Global Compact Network com o objetivo de criar parcerias para a implementação em Portugal dos dezassete ODS aprovados em setembro de 2015 pela Assembleia Geral das Nações Unidas.

DSC_8088.jpg

A adesão do município famalicense foi oficializada no passado dia 21 de janeiro, no decorrer da conferência comemorativa do 4.º aniversário desta plataforma nacional, que hoje congrega mais de 130 organizações entre organismos públicos, autarquias, empresas e associações empresariais, fundações, universidades e ONG’s.

Na carta de compromisso assinada pelo presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha assume a vontade da autarquia famalicense em continuar a trabalhar ativamente para a “realização dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, em cooperação com as nossas partes interessadas, com as entidades do sistema das Nações Unidas em Portugal e com a comunidade internacional, de acordo com as nossas opções estratégicas, possibilidades e prioridades operacionais”.

Com a adesão a esta plataforma, o município de Vila Nova de Famalicão coloca-se na primeira linha das boas práticas internacionais de desenvolvimento sustentável.

Recorde-se que os 17 ODS representam as prioridades globais para a Agenda 2030 assinada por mais de 190 países. Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável definem as prioridades e aspirações globais para 2030 e requerem uma ação à escala mundial de governos, empresas e sociedade civil para erradicar a pobreza e criar uma vida com dignidade e oportunidades para todos, dentro dos limites do planeta. Com base nesta agenda mundial, composta por 17 objetivos e 169 metas, estão previstas ações mundiais nas áreas de erradicação de pobreza, segurança alimentar, agricultura, saúde, educação, igualdade de género, redução das desigualdades, energia, água e saneamento, padrões sustentáveis de produção e de consumo, entre outras.

ESCOLAS DE ARCOS DE VALDEVEZ HASTEIAM BANDEIRA VERDE

Programa Eco-Escolas: Hasteada bandeira verde na sede do Agrupamento de Escolas de Valdevez

No passado dia 21 de fevereiro foi hasteada, na sede do Agrupamento de Escolas de Valdevez, a bandeira verde, galardão do programa Eco-Escolas, alcançada no ano letivo 2018/2019.

hastear da bandeira - eco-Escolasavv (1).JPG

A acompanhar a Vereadora da Educação e a Diretora do Agrupamento de Escolas estiveram representantes da autarquia, professores e alunos envolvidos no projeto.

O Eco - Escolas é um programa de âmbito europeu que a nível nacional é coordenado pela Associação Bandeira Azul da Europa. O Município de Arcos de Valdevez age, por sua vez, como parceiro no apoio à implementação do programa nos estabelecimentos de ensino do concelho.

Este ano letivo 2019/2020 encontram-se inscritas no Programa todas as Escolas do Agrupamento de Escolas de Valdevez e a EPRALIMA, as quais contam novamente com o Município de Arcos de Valdevez como parceiro.

Como forma de incentivo às boas práticas ambientais, nomeadamente a separação dos resíduos e estímulo à reciclagem, foram entregues pela Câmara Municipal, nesse mesmo dia, vários ecopontos que serão distribuídos pelas escolas do Concelho.

Foi celebrado assim, todo um trabalho desenvolvido pelas escolas e pelo Município em prol do ambiente, e que vem beneficiar toda a sociedade, um trabalho que é vocacionado para a educação e sensibilização ambiental e para a cidadania.

hastear da bandeira - eco-Escolasavv (4).JPG

hastear da bandeira - eco-Escolasavv (2).JPG

hastear da bandeira - eco-Escolasavv (3).JPG

SINÇÃES TERRACE É A NOVA ATRAÇÃO NO CENTRO DE FAMALICÃO

Edifício de 24 apartamentos é sucesso de vendas

O Edifício Sinçães Terrace ainda não começou a ser construído, mas já é o centro das atenções no mercado imobiliário de Vila Nova de Famalicão, com mais de 50% das frações vendidas em poucos dias. E não faltam motivos de interesse que diferenciam o projeto desenvolvido pela construtora Adopthouse e comercializado em exclusivo pela agência MEDIUM Imobiliária.

Sinçães Terrace _ imagem virtual1.jpg

Mais do que os seus 24 apartamentos de tipologia T1, T2 e T3, o Edifício Sinçães Terrace – que começa a ser erguido já no próximo mês de maio, de modo a ser habitado a partir de finais de 2021 –, oferece a excelência da sua localização.

De facto, os futuros moradores do Sinçães Terrace terão à sua volta o Parque de Sinçães e equipamentos culturais de referência em Vila Nova de Famalicão como a Casa das Artes e a Biblioteca Municipal, tendo, também, a dois passos de casa, o Parque da Cidade, hipermercados, farmácias e todas as comodidades de quem vive no centro da cidade.

“Além da excelência do local, o Sinçães Terrace é marcado pela arquitetura contemporânea, de linhas modernas e com excelentes varandas, com um rácio qualidade-preço bastante atrativo”, afirma Pedro Fernandes, diretor comercial da MEDIUM, agência responsável pela comercialização do imóvel, que dispõe de um protocolo financeiro com um banco para garantir condições especiais de financiamento.

Os 24 apartamentos vão dispor de equipamento de ar condicionado, estores elétricos, caixilharias em alumínio com vidros duplos e rutura térmica, cozinhas mobiladas e equipadas com eletrodomésticos da marca Balay, aspiração robotizada, entre outros.

“Não temos dúvidas que a localização do Sinçães Terrace, entre dois espaços culturais e dois parques verdes de referência em Famalicão, transformará a vida quotidiana dos seus moradores num luxo que não está ao alcance de todos”, acrescenta Pedro Fernandes, muito satisfeito com o andamento das vendas. As transações já realizadas confirmam: em poucos dias, já foram vendidos mais de 50% das frações.

Sinçães Tarrace _ imagem virtual2.jpg

MUNICÍPIO ARCUENSE APOIA JUNTAS DE FREGUESIA

500 mil euros para 12 Juntas de Freguesia de Arcos de Valdevez. Apoio às Juntas de Freguesia aumentaram

Na sua última reunião, a Câmara Municipal de Arcos de Valdevez aprovou apoios para 12 Juntas de Freguesia no valor global de cerca de 500 mil euros. Sendo 430 mil euros para a realização de obras de beneficiação de edifícios, arranjos urbanísticos, caminhos, entre outras, e limpeza e conservação da rede viária vicinal.

Camara Municipal - Cópiaavpaçcon2.JPG

Com 8 destas Juntas de Freguesia foram ainda aprovados mais apoios na importância global de 70 mil euros, no âmbito da celebração de contratos interadministrativos de delegação de competências para limpeza de rede viária municipal.

No corrente ano, os apoios para a manutenção e conservação das redes viária municipal e vicinal foram aumentados.

Ao aprovar estes apoios a Câmara Municipal espera que sejam realizadas as obras necessárias em cada freguesia, tendo em conta a proximidade com as localidades; sejam realizadas com eficiência as limpezas da rede viária e outros espaços públicos pertencentes a cada localidade do concelho; bem como seja feita a manutenção nas vias municipais, questões prioritárias para a Autarquia.

Em suma, são esforços realizados em conjunto a pensar numa maior proximidade às pessoas, numa melhor resolução das necessidades e num melhor serviço para as populações.

Estes apoios reforçam a parceria estabelecida entre a Câmara Municipal e as Juntas de Freguesias em prol do desenvolvimento do Concelho de Arcos de Valdevez.

ARCOS DE VALDEVEZ INVESTE NO DESPORTO

Município Arcuense compra 22 000 m2 de terreno para concluir zona desportiva. Mais desporto e lazer em Arcos de Valdevez

A Câmara Municipal aprovou, na sua última reunião ordinária, a aquisição de um terreno situado em Giela, com a área de cerca 22 000 m2, pelo valor de 330.000,00€, para dar andamento e concluir o projeto da zona desportiva, que se iniciou há mais de 30 anos.

Com a aquisição deste terreno, contíguo à atual zona desportiva, a Câmara Municipal pretende concluir o complexo desportivo de Arcos de Valdevez, atualmente composto pelo Campo de Futebol da Coutada, do Estádio Municipal e do Estádio de Rugby, onde irá instalar Campos de treinos e outros equipamentos desportivos.

De referir também que com a aquisição deste terreno também será possível fazer ligação entre os atuais equipamentos desportivos e a zona da Piscina Municipal.

Com este investimento, o Município pretende continuar a qualificar e aumentar os equipamentos desportivos e de lazer, dotando o concelho de equipamentos modernos e com capacidade para proporcionar o melhor aos seus utilizadores; apoiar o desporto qualificado, permitindo receber competições e estágios de equipas federadas e oferecer às famílias e jovens espaços de recreio e lazer.

Acima de tudo, a Autarquia pretende proporcionar mais qualidade de vida e bem-estar a quem reside em Arcos de Valdevez.

PRESIDENTE DO MUNICÍPIO DE VILA NOVA DE CERVEIRA ESTÁ MAIS PERTO DOS CERVEIRENSES

Presidente de Câmara ouve sugestões de 170 crianças do 1º ciclo

Chama-se “A Nossa Voz” e é um projeto letivo que abrange todos os alunos do 3º e 4º anos do Agrupamento de Escolas de Vila Nova de Cerveira na concretização de um exercício democrático e cívico: conversar com o Presidente da Câmara Municipal sobre o que está bem e o que pode ser melhorado no território cerveirense. O desafio foi prontamente aceite, estando programadas oito sessões de atendimento no mês de março, com o objetivo final de partilhar as conclusões em sede de Assembleia Municipal.

A Nossa Voz.jpg

Desenvolvido pelos Professores Mário Afonso e Rui Fernandes, com o apoio do Agrupamento de Escolas e da autarquia cerveirense, os pequenos munícipes fizeram um vasto trabalho de casa antes de reunir com o autarca Fernando Nogueira. Ao longo de dois meses, cada criança ficou encarregue de pesquisar os aspetos positivos e as eventuais dificuldades existentes na área de residência, estabelecendo contactos diretos com a família, os órgãos locais (juntas de freguesia, associações e párocos) e a população em geral. Os assuntos foram apresentados e debatidos em contexto de sala de aula para uma posterior seleção por temas, através de assembleias participativas.

A próxima etapa consiste na realização de um conjunto de audiências já articuladas com o Presidente da Câmara Municipal, durante as quais cada turma vai levantar questões e, nalguns casos específicos, propor soluções. Fernando Nogueira elogia “a autenticidade” deste projeto, “especialmente num momento em que discute o desinteresse e afastamento das gerações mais novas relativamente a uma sociedade mais participada e construtiva e, por consequência, a ausência de um pensamento dinâmico e crítico sobre o concelho ou região”. “Habitualmente, realçamos a simplicidade e a sinceridade das crianças como fatores diferenciadores, por isso ouvir as suas ideias e preocupações para com o seu território na primeira pessoa é um momento gratificante, porque as crianças de hoje são o futuro de amanhã”, acrescenta.

“A Nossa Voz” envolve os 170 alunos dos 3º e 4º anos dos centros escolares de Cerveira, Norte (Campos) e de Covas, com o propósito de promover a intervenção cívica e política, fortalecer a aprendizagem para a cidadania e a capacidade de argumentação e defesa das convicções, bem como a promoção de valores, salientando-se a importância da tolerância, do respeito pela diferença de opinião e pela vontade da maioria.

As sessões de atendimento presencial com o Presidente da Câmara Municipal vão decorrer no Salão Nobre dos Paços do Concelho, nos dias 5, 11, 13, 18 e 25 de março, divididas por turmas de forma a tornar os encontros verdadeiros espaços de trabalho. No final do ano letivo, prevê-se a participação dos pequenos munícipes numa Assembleia Municipal de caráter extraordinário para a apresentação e debate dos temas aos deputados municipais e consequente encaminhamento para as entidades responsáveis, recomendando a sua resolução.

FIM DE SEMANA GASTRONÓMICO NO CONCELHO DE CAMINHA DESTACA O "ROBALO DO MAR DA ÍNSUA"

De 28 de fevereiro a 1 de março, há ofertas nos restaurantes e descontos nos alojamentos aderentes

De 28 de fevereiro a 1 de março, o concelho de Caminha promove mais um Fim de Semana Gastronómico, que destaca o “Robalo do Mar da Ínsua” e o tradicional leite creme queimado. Há ofertas nos restaurantes e descontos nos alojamentos aderentes. Esta é uma organização do Turismo do Porto e Norte de Portugal, E. R., que tem como parceiros a Câmara Municipal de Caminha e os Empresários do Concelho de Caminha. Para complementar o certame, o Município preparou atividades variadas.

leite Creme Queimado.jpg

O fim de semana gastronómico volta a destacar um dos produtos do nosso mar, o robalo. No concelho estão envolvidos mais de três dezenas de restaurantes e mais de uma dezena de alojamentos com ofertas e descontos especiais. Os restaurantes aderentes vão oferecer um copo de vinho da região e os alojamentos um desconto de 10% nas noites de sexta-feira e sábado. Assim, o destaque nos restaurantes aderentes é o “Robalo do Mar da Ínsua”, como prato principal, e à sobremesa o leite creme queimado.

Além da gastronomia, o fim de semana gastronómico oferece um programa de atividades diversificado. Há cinema, exposições, conversa com o escritor Richard Zimler, visitas ao património do concelho entre outras atividades.

No dia 28, há cinema em Caminha e Vila Praia de Âncora. Em Caminha, no Auditório do Museu Municipal está em exibição o filme “A Mulher do Lado”, de François Truffaut, França, 1981. A sessão é gratuita e é organizada pela Locus Cinemae – Associação de Cinema de Caminha. Nos dias 28 e 29, no Cineteatro dos Bombeiros de Vila Praia de Âncora está em exibição o filme “Birds of Prey”, de Cathy Yan, EUA, 2019. A receita reverte a favor dos Bombeiros Voluntários de Vila Praia de Âncora.

No dia 29, pelas 15H00, no Cineteatro dos Bombeiros de Vila Praia de Âncora, poderá assistir a Uma Conversa, um Livro e às vezes um Filme” com Richard Zimler. A conversa será seguida pelo documentário “Noite e Nevoeiro”, de Alain Resnais.

Nesses dias, ainda é possível visitar o Núcleo Museológico do Centro Histórico de Caminha – Torre do Relógio - cuja entrada é gratuita; o Núcleo Museológico da Memória, Artes e Ofícios de Riba de Âncora; Moinhos D’Apardal e, ainda, o Centro de Interpretação Museológica do Vale do Âncora. Estes últimos carecem de inscrição.

Robalo do Mar da Insua.jpg

BRAGA: "TUB SÃO EXEMPLO A NÍVEL NACIONAL"

Ricardo Rio enalteceu “números excepcionais” da empresa municipal

Pelo sexto ano consecutivo, os Transportes Urbanos de Braga (TUB) apresentaram resultados positivos, com um aumento de 6,22% da receita e um crescimento de clientes de 3,99%, tendo mesmo ultrapassado a barreira dos 12 milhões e 400 mil de passageiros transportados em 2019.

CMB26022020SERGIOFREITAS00215138254.jpg

Com o congelamento de tarifários desde 2014, a empresa municipal fechou o ano transacto com uma receita total superior a 7,2 milhões de euros, resultante do aumento da venda de títulos em cerca de 6,5 milhões de euros (mais 4,66%) e do incremento do aluguer de viaturas que superou os 722 mil euros (mais 22.86%) face ao ano anterior. Em 2019, os TUB fecharam o ano com um resultado líquido positivo superior a 153 mil euros, percorreram 6,1 milhões de quilómetros, tendo prestado mais de 399 mil horas de serviço público e em 64 dias do ano passado ultrapassaram mesmo os 50 mil passageiros transportados num só dia.

“Os TUB são um exemplo a nível nacional ao apresentar um crescimento contínuo e sustentado ao longo dos últimos seis anos. Esta empresa tem feito um percurso verdadeiramente notável no sector que se traduz, ano após ano, no aumento do número de passageiros, no aumento de receita, na redução de custos de operação e manutenção e nos números excepcionais no desempenho e cumprimento das obrigações sem que, para isso, seja necessário penalizar os utilizadores com aumento de tarifários”, enalteceu Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, durante a sessão de apresentação dos resultados de 2019 dos TUB, que decorreu esta Quarta-feira.

Lembrando que estes números “não aparecem por milagre”, Ricardo Rio elogiou a dinâmica e o empenho da administração dos TUB e de todos os seus colaboradores na “interacção do seu serviço com a sociedade, empenhando-se sempre em responder de forma cabal às reais necessidades dos cidadãos”.

Nesta apresentação dos resultados, que esteve a cargo de Teotónio dos Santos, administrador dos TUB, Ricardo Rio deu conta de um “factor diferenciador e bem demonstrativo dessa constante preocupação de ligação” entre empresa com o quotidiano da Cidade. “A linha 95 que faz a ligação entre o ‘Minho Center’ e o ‘Nova Arcada’, transportou mais de um milhão de passageiros. Uma linha criada em 2016 e que em apenas 4 anos atingiu este número de utilizadores é a demonstração da correspondência entre o serviço prestado pela empresa às dinâmicas e necessidades concretas dos Bracarenses, ajustando o seu serviço aos novos polos de vitalidade económica e a novos factores de atractividade da Cidade”, vincou o Autarca, garantindo que, no futuro, os TUB vão continuar a acompanhar o desenvolvimento urbano da Cidade.

Quanto aos EUB – Estacionamentos Urbanos de Braga, a nova área de actuação dos TUB para fiscalizar o estacionamento pago à superfície na Cidade, Teotónio dos Santos explicou que em 2019 foram emitidas 580 avenças para moradores, 256 para comerciantes e 10 para viaturas eléctricas. Desde que entraram em funcionamento, os EUB registaram uma receita superior a 59 mil euros nos paquímetros, 3100 euros na aplicação ‘Via Verde Estacionar’, 240 euros na aplicação ‘iParque’ e quase 23 mil euros em pagamentos de avisos.

Com 345 colaboradores e 136 viaturas, os TUB possuem uma rede de 301 quilómetros e mais de 1860 paragens. Em 2017, os autocarros efectuaram 592.363 mil viagens, apresentando uma taxa de serviços efectuados na ordem dos 99.91%.

CMB26022020SERGIOFREITAS00215138248.jpg

CMB26022020SERGIOFREITAS00215138249.jpg

CMB26022020SERGIOFREITAS00215138253.jpg

VIZELA RETOMA SERVIÇO DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS

Serviço Público de Transporte de Passageiros retomado na Av. Eng.º Sá e Melo

No seguimento da conclusão da obra de requalificação da Av. Eng.º Sá e Melo, integrada no Plano de Ação - Regeneração Urbana Sustentável – RUS, a Câmara Municipal de Vizela informa que o Serviço Público de Transporte de Passageiros será retomado naquela artéria, a partir do próximo dia 1 de março, voltando a circulação à sua normalidade.

Av. Sá e Melo.jpg

A Av. Eng. Sá e Melo é uma das artérias principais do centro da cidade e de acessibilidade à Circular Urbana de Vizela e tem início na rotunda dos Rotários e termina na rotunda dos Bombeiros, uma via que se encontrava com o pavimento muito degradado e passeios em mau estado.

A intervenção realizada teve como objetivo a consolidação da identidade do centro urbano da cidade, e contribuir para a sua dinamização, dotando-o com estruturas atrativas e mobilizadoras do sector comercial e serviços e visou sobretudo a melhoria dos espaços públicos, reestruturação dos passeios e o reperfilamento da Avenida, assim como, a retificação da rede de águas pluviais.

O objetivo desta requalificação foi assegurar a mobilidade e a segurança de quem diariamente circula naquela via, revitalizando uma das principais ruas do centro da cidade e, por conseguinte, com maior trânsito.

De destacar que a obra de Requalificação da Av. Eng. Sá e Melo se insere no RUS - Plano de Ação - Regeneração Urbana Sustentável, que integra um conjunto de intervenções integradas nos espaços públicos, potenciando a sua atratividade e reforçando a identidade do centro, para que esta não se perca ou sofra descaracterizações, dando uma nova vida a esta área, ao mesmo tempo que potencia a intervenção dos privados. 

A Câmara Municipal de Vizela pede mais uma vez desculpa por todos os constrangimentos resultantes desta obra, que muito transtorno causou aos munícipes durante a sua execução, mas reitera que se trata de uma obra de extrema relevância para o Concelho, sendo que a Autarquia envidou todos os esforços para que a intervenção decorresse de modo a minorar o seu impacto no quotidiano dos munícipes.

CRUZ VERMELHA PORTUGUESA TEM NOVA AMBULÂNCIA EM ARCO DE BAÚLHE

Presidente da Câmara apadrinhou nova ambulância da CVP do Arco de Baúlhe

A convite da direção do Núcleo do Arco de Baúlhe da Cruz Vermelha Portuguesa (CVP), no passado dia 22 de fevereiro, o presidente da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, Francisco Alves, foi padrinho da nova ambulância de socorro. A cerimónia realizou-se no âmbito da Comemoração dos 30 anos da delegação que juntou a direção, funcionários, voluntários, beneméritos e associados, entre outros convidados.

Presidente da Câmara apadrinhou nova ambulância da CVP (1).JPG

Acompanharam o presidente da Câmara nesta iniciativa vereadores e o presidente da Junta de Freguesia do Arco de Baúlhe e Vila Nune, Carlos Teixeira.

Depois da eucaristia do 30.º aniversário que se realizou na Capela de Nossa Senhora dos Remédios, o pároco do Arco de Baúlhe e Vila Nune, Rui Filipe Araújo, procedeu à bênção da viatura junto à Capela, seguindo-se o apadrinhamento da ambulância de socorro nas instalações. No final, os convidados participaram no jantar-convívio, momento marcado por condecorações aos elementos da CVP do Arco de Baúlhe.

Na sua intervenção, o presidente da Câmara Municipal enalteceu o trabalho desempenhado pela delegação da CVP, mostrando-se honrado por poder apadrinhar a nova ambulância de socorro. Felicitando os dirigentes pelo 30.º aniversário da instituição, que considerou um “sinal de vitalidade e esperança”, Francisco Alves anunciou a atribuição de uma verba no montante de 25 mil euros para fazer face à despesa com a aquisição da nova viatura.

Na oportunidade, o presidente da Junta de Freguesia do Arco de Baúlhe e Vila Nune, Carlos Teixeira, manifestou o seu “orgulho por ter esta instituição” na sua freguesia, evidenciando o serviço que a CVP presta aos arcoenses e à população de localidades vizinhas.

Por seu turno, presidente da direção da delegação do Arco de Baúlhe da CVP, Francisco Canário, deixou “palavras de gratidão a todos quantos se dedicam a esta nobre causa”, afirmando: “existimos para trabalhar”. Dirigindo-se aos voluntários da CVP, Francisco Canário considerou a sua ação como “exemplo de força e determinação”. Por fim, agradeceu à Câmara Municipal e às Juntas de Freguesia o apoio e contributos dados.

Presidente da Câmara apadrinhou nova ambulância da CVP (2).JPG

VIZELA COMEMORA DIA NACIONAL DA PROTEÇÃO CIVIL A 1 DE MARÇO

O Município de Vizela promove a comemoração do Dia Nacional da Proteção Civil, com uma exposição de meios dos vários agentes de proteção civil do Concelho, no próximo dia 1 de março, na Marginal Ribeirinha, entre as 10.00h e as 17.00h, de onde cumpre destacar a apresentação do VP-32, Veículo Plataforma dos Bombeiros Voluntários de Vizela.

BVV.JPG

O Dia Mundial da Proteção Civil, ou Dia Internacional da Proteção Civil, é uma data global instituída pela Organização Internacional de Proteção Civil (OIPC). Foi escolhido o dia 1 de março já que foi neste dia que entrou em vigor a Constituição desta organização.

O objetivo do dia é chamar a atenção para a importância da proteção civil, nomeadamente para a prevenção e para a coordenação de esforços em caso de emergência e calamidade.

Em Portugal comemora-se a data oficialmente como Dia da Proteção Civil, no mesmo dia 1 de março, sendo uma efeméride criada pelo Despacho 6915/2008 de 21 de fevereiro do Ministro da Administração Interna.

De destacar que a comemoração do Dia Nacional da Proteção Civil em Vizela vem no seguimento da nova política deste Executivo implementada nos últimos anos, não apenas ao nível da reorganização do serviço municipal de Proteção Civil, nomeadamente na aquisição de equipamentos para reforçar a sua operacionalidade no terreno junto das populações, mas também no trabalho que tem sido feito em parceria com os Bombeiros Voluntários e a GNR de Vizela.

Assim, a Câmara Municipal de Vizela apela à participação da população em geral para visitar a exposição de meios dos vários agentes de proteção civil, no próximo dia 1 de março, na Marginal Ribeirinha, entre as 10.00h e as 17.00h.

CONFERÊNCIA DE IMPRENSA TEAM HYUNDAI PORTUGAL NO ESPAÇO GUIMARÃES

27 de fevereiro | 19h00 | Piso 0

No dia 27 de fevereiro, às 19h00, o Espaço Guimarães, do grupo Klépierre, convoca todos os fãs de ralis a marcarem presença na conferência de imprensa da Team Hyundai Portugal, que terá lugar no Piso 0 do centro comercial. A Hyundai Portugal aproveita este momento para desvendar algumas novidades preparadas para a época 2020.

Espaço Guimarães_Conferência de imprensa Hyundai Portugal.jpg

Na antecipação do Rali Serras de Fafe e Felgueiras, a decorrer no dia 28 e 29 de fevereiro, a Hyundai Portugal apresenta os pilotos da sua equipa no Espaço Guimarães. O evento contará com a presença especial de três pilotos oficiais Hyundai: Bruno Magalhães, pertencente à Team Hyundai Portugal; Dani Sordo e Ott Tanak da Hyundai Motosport. No final da conferência, eternize este momento único numa sessão exclusiva de fotografias e autógrafos com os pilotos.

Não perca a oportunidade para conhecer em primeira-mão a Team Hyundai Portugal no seu Espaço Guimarães.

SOBRE O CENTRO COMERCIAL ESPAÇO GUIMARÃES

Centro comercial localizado na zona oeste da cidade de Guimarães e inaugurado em novembro de 2009, é atualmente gerido pela Klépierre. Com uma ABL de 48.000 m2, distribuídos por dois pisos, o espaço disponibiliza 130 espaços comerciais, lojas e restaurantes de referência nacional e internacional, incluindo 11 lojas âncora como Zara, H&M, Sport Zone, entre outras, para além de um hipermercado Jumbo de cerca de 16.000 m2. Recentemente inaugurado, os amantes de desporto encontram no ginásio low cost Fitness Hut um clube com 1.050m2, espaço de treino repartido em 7 áreas, pista de sprint, zona equipada para treino funcional, Open Studio, HIIT Zone e Spinning Zone para aulas de grupo. Sempre inovador, o centro comercial conta ainda com a mais recente unidade do Trofa Saúde Hospital em Guimarães, com uma área total de quase 4.000 m2, oferecendo serviços de saúde de qualidade incluindo análises clínicas, imagiologia, fisioterapia, medicina dentária e mais de 30 especialidades médicas, cirúrgicas e complementares. O centro comercial possui ainda um parque de estacionamento gratuito, exterior e coberto, que oferece mais de 1900 lugares de estacionamento.  

O Espaço Guimarães posiciona-se como um centro comercial moderno e de última geração, com uma originalidade arquitetónica que agrega dois formatos complementares: um Centro Comercial e um Retail Park de 7.000 m2, que permitem ao visitante ter acesso a uma zona de lojas de maior dimensão e, simultaneamente, uma maior diversidade de ofertas de qualidade. Para mais informações consultar www.espacoguimaraes.pt.