Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

RONDA TÍPICA DANÇA EM FRANÇA HÁ MAIS DE 38 ANOS

É um dos mais antigos em França. O grupo é presidido por Margarida Pereira, natural de Rebordões Santa Maria, Ponte de Lima. O jornal LUSO que se publica em França dirigido à comunidade portuguesa ali radicada acaba de lhe conferir o devido destaque.

Ronda-Tipica-Fev-2018-ok-759x500

CHALETTE-SUR-LOING: PRIMEIRA FESTA ANUAL DO RANCHO RONDA TÍPICA

Fundado há mais de 38 anos, o Grupo Folclórico Ronda Típica é um dos mais antigos em França a divulgar esta parte importante da cultura, da música e tradições portuguesas.

Estatutariamente ligado à Associação Portuguesa do Gâtinais, o grupo Ronda Típica organizou a sua primeira atividade cultural do ano com a realização de um jantar de confraternização que teve lugar no sábado, dia 10 de fevereiro, nos locais da Maison des Associations de Chalette-sur-Loing (45), cedida, como habitualmente, pelo Maire local. Contou com a participação de mais de 300 convidados, numa atmosfera calorosa e amigável e com as presenças do Maire Franck Demaumont, Alda de Castro, responsável de relações públicas e vida associativa no município local e Mário Tavares, Conselheiro municipal.

Dirigindo-se aos presentes, o Maire Franck Demaumont enfatizou o notável papel desta associação na vida local, o empenhamento e o envolvimento de todos quantos dela fazem parte, que ele muito aprecia, e que reflete uma dinâmica importante da Comunidade portuguesa.

A nova Presidente da Ronda Típica, Margarida Pereira, desde há muitos anos a coreógrafa do grupo, agradeceu as suas palavras enfatizando o apoio inabalável do município pelo apoio dado aos diferentes projetos realizados pela associação.

Por sua vez, o presidente da Associação Portuguesa do Gâtinais, Armindo da Silva, elogiou o extraordinário trabalho dos voluntários para tornar esta noite num evento muito apreciado por todos.

O Grupo Folclórico Ronda Típica, que conta cerca de 40 pares de dança, animou a noite com as danças tradicionais e apresentação dos jovens, forma de garantir a perenidade do grupo.

A localidade de Châlette-sur-Loing encontra-se no departamento do Loiret. Conta cerca de 23.000 habitantes, dos quais cerca de 25% são de origem estrangeira, estimando-se à volta de 12% de origem portuguesa.

Fonte: https://lusojornal.com/

MELHOR COZINHEIRO DO MUNDO COLABORA COM MELHOR NA CATEGORIA JOVEM

José Avillez e João Pedro Coelho

Depois de no passado dia 5 do corrente mês ter recebido em Paris o - Grand Prix de L´ Art de La Cuisine – atribuído pela Academia Internacional de Gastronomia, o Chef José Avillez foi convidado para confecionar um jantar vínico no Vidago Palace, em Chaves.

Capturarttt

O evento decorreu no passado fim de semana, e fez deslocar à cidade transmontana conceituados produtores de vinhos e uma também escolhida lista de comensais.

Com o portuense Chef Vítor Matos, consultor de cozinha naquela luxuosa unidade hoteleira portuguesa a coordenar o serviço, a confecção do menú esteve a cargo do colega Avillez, que recorde-se, também é possuidor de duas estrelas Michelin, o mais alto prémio internacional do sector da restauração.

Mas, foi necessária a colaboração de outros cozinheiros; entre eles, participou João Pedro Coelho, natural de Fornelos, Ponte de Lima, e eleito o melhor cozinheiro jovem em 2017, ao vencer o concurso Jovem Talento de Gastronomia.

A ementa, escolhida por José Avillez, foi diversificada, entre pratos de carne e peixe, dos quais salientamos: como entrada um carapau, seguido de Pescada a vapor com xerez de ameijoas; depois Robalo com escamas de abacate, fumado; seguiu-se um pombo com milho, cogumelos e avelãs, e a matança com rabo de boi e puré de cebola. Na sobremesa, destacou-se a fruta, com coco e ananás dos Açores.

Portugal e Ponte de Lima, são hoje motivo de notícia nacional e internacional na área da gastronomia, pois os galardões assim o justificam. O mais recente foi atribuído Américo Nunes, com apenas 11 anos de idade, da freguesia do Bárrio, ao vencer a edição Cook Off, programa televisivo de culinária, a nível nacional.

Recorde-se, que o jovem cozinheiro João Coelho, juntamente com o Chef Paulo Santos, da Casa de S. Sebastião, em S. Pedro de Arcos, Ponte de Lima, foram responsáveis no passado dia 19 de Janeiro de prepararem um Bacalhau de Cebolada em Bruxelas. O Convite, partiu do Café – Restaurante Portugal na sede da Europa, e da Academia do Bacalhau na Bélgica, com participação limitada a 80 apreciadores.

Mas, face ao êxito e desejo de muitos, aguarda-se a repetição, em data a agendar oportunamente, até pela lista de suplentes.

Texto: Tito Morais

Foto: atabula.com

Fonte: https://www.luso.eu/

PONTE DE LIMA REALIZA FEIRA AGROLIMIANO

III Feira 100% Agrolimiano no Pavilhão de Feiras e Exposições de Ponte de Lima. 17 e 18 de fevereiro. A III Feira 100% Agrolimiano abre oficialmente no próximo sábado, dia 17, às 11 horas.

Mostrar, divulgar e promover o melhor do que se produz no setor agroalimentar em Ponte de Lima, sendo esta uma das áreas que mais se tem desenvolvido no concelho, ao longo dos últimos anos, é o principal objetivo do certame.

Print

O crescimento do setor tem-se manifestado tanto na qualidade dos produtos como no número de postos de trabalho criados, o que tem permitido uma maior valorização dos produtos endógenos, e no surgimento de novos negócios, com produtos únicos e de qualidade.

No âmbito desta feira, realiza-se o 8º Concurso de Raça Holstein Frísia do Alto Minho, numa parceria entre o Município de Ponte de Lima e a Coopalima – Cooperativa Agrícola dos Agricultores do Vale do Lima, com o apoio da Associação Portuguesa dos Criadores da Raça Frísia, da Associação de Apoio à Bovinicultura do Norte e da Escola Profissional de Agricultura e Desenvolvimento Rural de Ponte de Lima. Os bovinos de Raça Frísia tem grande expressividade na nossa região e, como tal, são um elemento chave no desenvolvimento do setor primário do nosso concelho. Além disso, a excelente qualidade da carne e a grande capacidade de produção de leite fazem deste um dos produtos endógenos de maior relevância e que conta com cada vez mais apreciadores e criadores.

Para além do 8º Concurso da Raça Frísia do Alto Minho, irão desenvolver-se outras atividades, com destaque para os primeiros Agrojogos Limianos e o Workshop “Pratos com Histórias”, por Saphir Cristal.

Dirigida ao público em geral e aos profissionais do setor a Feira 100% Agrolimiano vai ser transmitida pelo RTP 1, através do programa Aqui Portugal, ao longo da tarde de sábado. Uma verdadeira montra, onde as potencialidades turísticas do concelho de Ponte de Lima estarão em destaque.

Print

PONTE DE LIMA PREVINE INCÊNDIOS FLORESTAIS

Município de Ponte de Lima Informa Medidas de Prevenção Contra os Incêndios Florestais aé 15 de Março

Está em vigor uma campanha de sensibilização contra os incêndios sob o lema “Proteja a sua casa dos incêndios rurais/florestais.”

Ao abrigo da Lei nº 114 /2017 de 29 de setembro (Orçamento do Estado para 2018) e a Lei nº 76/2017 de 17 de agosto, o Município de Ponte de Lima informa que até 15 de março é obrigatório fazer a limpeza de todos os terrenos que confinam com edificações numa faixa de 50 metros.

Neste contexto, segundo a lei, nesta faixa de 50 metros o chão deve estar limpo de vegetação; as árvores e os arbustos devem estar a mais de 5 metros dos edifícios; as copas das árvores têm de ter uma distância entre elas de 4 metros; as árvores têm ser desramadas até 4 metros acimo do solo e não se pode acumular lenhas ou outros produtos inflamáveis.

A falta de limpeza até ao dia 15 de março implica o pagamento de coimas no valor de 280€ a 10.000€, no caso de pessoa singular, e de 1.600€ a 120.000€ no caso de pessoa coletiva.

Capturar1

Capturar2

 

VINHOS DE PONTE DE LIMA PREMIADOS EM MOSCOVO

Adega de Ponte Lima ganha Medalhas de Ouro, Prata e Distinções na Prodexpo 2018, Moscovo

DSC_5994_

A Adega Cooperativa de Ponte de Lima, presidida pela Dr.ª Celeste Patrocínio, recebeu, na maior feira de alimentos e bebidas da Rússia e o principal evento desse setor de toda a Eurásia, a Prodexpo, que  comemora, em 2018, 25 anos, as seguintes Medalhas:

Ouro – Loureiro Colheita Seleccionada

Prata – Loureiro

Prata – Rosé

Distinções para Ouro do Lima e Adamado

A Adega

A Adega de Ponte de Lima foi fundada em 1959. Com sede na rua Conde de Bertiandos, na vila de Ponte de Lima – a vila mais antiga de Portugal – a Adega dispõe atualmente de uma capacidade de onze milhões e meio de litros. A Adega de Ponte de Lima, sendo a expressão institucional de cerca de 2000 produtores, seus familiares e trabalhadores, constitui sem dúvida a mais relevante estrutura – se se quiser – a maior empresa do concelho de Ponte de Lima.

Em 1998, a Adega obteve certificação de Qualidade pela Norma NP EN ISO 9001, atribuída pela APCER – Associação Portuguesa de Certificação, tornando-se, assim, a primeira adega do País a dispor desta certificação.

A Adega de Ponte de Lima insere-se na sub-região do Lima, uma das nove sub-regiões que integram a Região Demarcada dos Vinhos Verdes, a noroeste de Portugal, que pelas suas características naturais de solo e clima e pelas castas que possui, produz vinhos muito diferentes, mas com características comuns, medianamente alcoólicos, frutados e frescos.

Produção

Os vinhos da Adega de Ponte de Lima resultam da vinificação de uvas perfeitamente maduras de castas regionais, provenientes das vinhas dos seus associados, assegurando a autenticidade e o carácter do genuíno Vinho Verde.

Nos vinhos Brancos, o Loureiro tem expressão especial pela sua magnífica adaptação ao “terroir” da Ribeira Lima – berço do Loureiro – dando origem a um vinho muito apreciado pelo aroma e pelas suas excelentes características olfato-gustativas. Nos vinhos tintos destaca-se o Vinhão produzido exclusivamente da casta com o mesmo nome.

O Vinhão identifica-se pelo seu aroma inconfundível a frutos vermelhos e frutos silvestres e pelo seu requintado paladar.

Prémios 2017

VINHO VERDE ESPUMANTE LOUREIRO BRUTO

Ouro – Japão, Sakura

VINHO VERDE LOUREIRO PREMIUM 2016

Prata – Portugal , Concurso Vinhos de Portugal

Bronze – Hong Kong, Decanter Asia Wine Awards

VINHO VERDE LOUREIRO COLHEITA SELECCIONADA 2016

Ouro – Rússia, Prodexpo

Prata – Alemanha, Berliner Wine Trophy

Prata – Alemanha, Mundus Vini

Prata – Portugal, Wine Master Challenge

Bronze – Reino Unido, International Wine & Spirit Competiton

VINHO VERDE ROSÉ 2016

Prata – França, Mundial du Rosé

VINHO VERDE BRANCO ADAMADO 2016

Prata – Japão, Sakura

Fonte: https://www.confagri.pt/

Foto: http://www.prod-expo.ru/

PONTE DE LIMA LEVA NO PRÓXIMO ANO A LOURES O ARROZ DE SARRABULHO COM ROJÕES

A segunda edição do Almoço do Arroz de Sarrabulho com Rojões à Moda de Ponte de Lima vai ter lugar no dia 3 de Fevereiro de 2019, na Cantina da Câmara Municipal de Loures, junto aos Paços do Concelho de Loures.

CapturarAlmoçoSarrabulho2019

O extraordinário sucesso que constituiu este ano a realização do Almoço do Arroz de Sarrabulho com Rojões à Moda de Ponte de Lima e a grande satisfação por parte dos cerca de trezentos comensais que participaram neste evento levou a organização do evento – o Grupo Folclórico Verde Minho – a combinar com a Confraria do Arroz de Sarrabulho de Ponte de Lima a repetição desta iniciativa.

Devidamente planeada e divulgada, aguarda-se que a próxima edição venha a registar mais de meio milhar de pessoas e, à semelhança deste ano, a contar com a participação das entidades representativas dos concelhos de Loures e Ponte de Lima.

PONTE DE LIMA REALIZA AGROJOGOS

Primeiros Agrojogos Limianos. Feira 100% Agrolimiano – 17 e 18 de Fevereiro

A III Feira 100% Agrolimiano, a realizar no próximo fim-de-semana, 17 e 18 de fevereiro, acolhe os primeiros Agrojogos Limianos.

Print

Os primeiros Agrojogos Limianos, resultam dos Agrolympics Portugal, olimpíadas agrícolas de caráter nacional, cujo objetivo é o convívio entre as Escolas Profissionais da área de Agropecuária, e que chegou a Portugal através da AgroSemana. São jogos cujas características se relacionam com as atividades de um dia-a-dia agrícola.

Os primeiros Agrojogos Limianos são organizados em parceria pelo Município de Ponte de Lima e pela Escola Profissional de Agricultura e Desenvolvimento Rural de Ponte de Lima, vencedora dos Agrolympics em 2016, tendo representado Portugal na edição 2017 que se realizou na Alemanha.

No total são dez jogos, que cada equipa de cinco elementos cada tem de jogar, sendo os seguintes jogos:

Troca de Pneus; Rachar Lenha; Gincana de Trator; Tocar o Porco; Empilhar Rolos de Palha; Construção de um circuito de Água; Fazer Sumo de Laranja; Identificação de Sementes; Troca de Facas de Escarificador; Parede de Tijolos.

Abertos à participação de toda comunidade, os primeiros Agrojogos Limianos, realizam-se no sábado, dia 17 durante a tarde, nos Picadeiros da Expolima, anexo ao Pavilhão de Feiras e Exposições de Ponte de Lima.

Para mais informações consulte:www.visitepontedelima.pt/pt/turismo/iii-feira-100-agrolimiano

DELEGAÇÃO DE PONTE DE LIMA NO PARLAMENTO EUROPEU

Uma delegação de uma dezena de Limianos visitou recentemente a sede do Parlamento Europeu em Bruxelas, no âmbito dum programa que incluiu eventos enogastronómicos, não fosse o grupo constituído por alguns empresários e profissionais do sector da restauração.

Capturarpl

A comitiva foi acolhida na sede da Europa pelo gabinete do eurodeputado português Nuno Melo, seguindo-se o almoço – convívio. No final, ciceroniados por José Eduardo Vieira, Assessor do activo parlamentar português e membro de comissões percorreram durante três horas o palco da democracia no velho continente, onde os 28 estados membros da União Europeia através dos seus 751 representantes discutem as questões inerentes a essa Federação.

Todos os elementos tiveram ocasião de questionar o funcionário daquela instância comunitária sobre a actividade de eurodeputado, assuntos diversificados no âmbito das políticas sócio – económicas, relação com as outras instituições europeias e as importantes áreas e intervenções do eurodeputado Nuno Melo.

O programa incluiu também um encontro com o embaixador de Portugal na Bélgica, e outros diplomatas de Cabo Verde, Guiné Equatorial e Timor Leste, para além de funcionários portugueses nas instâncias comunitárias: Parlamento, Conselho, Comissão e Comité Económico e Social, onde a cultura, gastronomia e vinhos foram temas de conversas.

A estadia terminou com uma deslocação ao Café – Restaurante Portugal na capital belga, onde os aguardava um Bacalhau de Cebolada, confecionado para a respectiva Academia defensora daquele (s) prato (s) pelo Chefe Paulo Santos, da Casa de S. Sebastião, na freguesia de S. Pedro de Arcos, e João Pedro Coelho, natural da de Fornelos, cozinheiro no Vidago Palace Hotel, vencedor do concurso Jovem Talento de Gastronomia em 2017.

Integraram o grupo na deslocação a Bruxelas, para além dos já referidos mestres de culinária, os cidadãos: João Matos, Presidente da Junta de Fornelos; António Sousa, Presidente da Assembleia de Freguesia de Ponte de Lima e Arca; Armando Melo, Chefe dos Bombeiros Voluntários de Ponte de Lima; Carlos e João Carlos Amorim, proprietários da Casa da Cuca, unidade de Turismo Rural e produção de vinhos, em Moreira de Lima; Miguel Amorim, gerente do Restaurante Fátima Amorim, na Correlhã: Filipe Matos, apaixonado pela cozinha tradicional e bancário nos CTT, e o artesão José Coelho.

Adelino Tito de Morais / https://www.luso.eu/

Foto : Tony Da Silva | Luso.eu

MARTA PEREIRA DA COSTA ATUA EM PONTE DE LIMA

10 de Fevereiro – 21h30 – Teatro Diogo Bernardes – Ponte de Lima

No próximo sábado, 10 de Fevereiro, às 21h30, no Teatro Diogo Bernardes, em Ponte de Lima, o concerto em que a guitarra portuguesa ocupará o lugar de excelência pelas mãos de uma exímia intérprete, Marta Pereira da Costa, cujos concertos têm encantado plateias em Portugal e no estrangeiro, a única guitarrista profissional de Fado a nível Mundial e que foi distinguida em 2014 pela Fundação Amália Rodrigues com o “Prémio Instrumentista”.

marta_pereira_4x3_

No seu concerto, Marta Pereira da Costa transporta para o palco segredos jamais desvendados que se tornam nossos quando ao vivo se lhes acrescenta aquilo que não pode ser gravado: o coração da mulher que fez da guitarra um prolongamento da sua alma feminina.

Entra em palco com a formação de quinteto, composto por guitarra portuguesa, viola, contrabaixo, piano e percussão, apresenta as suas composições, assim como vários temas do seu novo disco, revisita temas antigos do seu repertório e das suas referências na guitarra portuguesa como Carlos Paredes, Mário Pacheco, Fontes Rocha, e aventura-se por novos desafios e novas sonoridades ainda por estrear. Há lugar para tradição e inovação, para subtileza, mas também para um vigor que nunca se confunde com força bruta.

Assiste-se a um espectáculo dinâmico e muito intenso, onde beleza, delicadeza, entrega e expressividade acontecem de forma especial e em cada música. Aqui, a guitarra e mulher são a mesma coisa e, talvez por isso, ela congrega ao seu redor, no CD e em palco, talentos incríveis de múltiplas origens. Marta é da raça dos que não se contentam com pouco e isso, para nós que a aplaudimos, é garantia de que ela estará sempre com os olhos postos no Infinito.

Bilhetes (5,00€) e mais informações podem ser obtidos pelo telefone 258 900 414 ou pelo email teatrodb@cm-pontedelima.pt

PONTE DE LIMA LEVA NO PRÓXIMO ANO A LOURES O ARROZ DE SARRABULHO COM ROJÕES

A segunda edição do Almoço do Arroz de Sarrabulho com Rojões à Moda de Ponte de Lima vai ter lugar no próximo dia 3 de Fevereiro de 2019, na Cantina da Câmara Municipal de Loures, junto aos Paços do Concelho de Loures.

CapturarAlmoçoSarrabulho2019

O extraordinário sucesso que constituiu este ano a realização do Almoço do Arroz de Sarrabulho com Rojões à Moda de Ponte de Lima e a grande satisfação por parte dos cerca de trezentos comensais que participaram neste evento levou a organização do evento – o Grupo Folclórico Verde Minho – a combinar com a Confraria do Arroz de Sarrabulho de Ponte de Lima a repetição desta iniciativa.

Devidamente planeada e divulgada, aguarda-se que a próxima edição venha a registar mais de meio milhar de pessoas e, à semelhança deste ano, a contar com a participação das entidades representativas dos concelhos de Loures e Ponte de Lima.

SEIVA TRUPE APRESENTA “O SENHOR IBRAHIM E AS FLORES DO ALCORÃO” EM PONTE DE LIMA

9 de Fevereiro – 21h30 – Teatro Diogo Bernardes – Ponte de Lima

A Companhia de Teatro Seiva Trupe volta ao Teatro Diogo Bernardes, em Ponte de Lima, sábado, 3 de Fevereiro, às 21h30, desta vez com o espectáculo O Senhor Ibrahim e as Flores do Alcorão, de Eric-Emmanuel Schmitt, com versão cénica e direcção de Júlio Cardoso e interpretação de Fernando Soares e Miguel Batista.

senhor_ibrahim_4x3_

Numa linguagem simples mas profundamente filosófica e humanista, desaguando numa emocionante história condimentada com humor, Eric-Emmanuel Schmitt, filósofo e dramaturgo, um dos mais prolíficos e premiados escritores do nosso tempo, narra um caso de um jovem judeu e de um velho merceeiro árabe. O jovem vive só e com um pai frio e distante.

O Senhor Ibrahim, o merceeiro árabe, é acolhedor e simpático. Juntos vivem uma série de aventuras e edificam uma amizade que ultrapassa todas as fronteiras. Uma obra de sabedorias, de tolerância, bondade e fraternidade, numa vulcanicidade actualíssima.

“Existem alguns textos que levamos connosco tão naturalmente que nem percebemos o quanto eles são importantes. Escrevê-los é como respirar (…) Escrito do coração e pelo coração. (…) Quem são Momo e o Senhor Ibrahim?

Duas pessoas que passam despercebidas pelo mundo. Momo é filho único, sem mãe e um pai que mal merece ser reconhecido como tal, demasiado mergulhado numa depressão para conseguir cuidar do seu próprio filho, ensinando-o o gosto pela vida e pelos seus princípios. Em relação ao Senhor Ibrahim, a única coisa que lhe é solicitada é a possibilidade de conferir a ambos uma boa oportunidade. O homem e o menino mudam as suas vidas enquanto se conhecem. O encontro deles é um enriquecimento maravilhoso.” (Eric-Emmanuel Schmitt)

Ficha Artística e Técnica:

Autor | Eric-Emmanuel Schmitt

Cenografia | José Carlos Barros

Desenho de Luz | Júlio Filipe

Assistente de Indumentária | Letícia Santos

Assistente de Encenação e Direcção de Cena | Rita Reis

Versão Cénica e Direcção| Júlio Cardoso

Interpretação | Fernando Soares e Miguel Batista

Edição de Som | Filipe Gonçalves

Operação de Luz e Som | Filipe Cardu

Execução do Cenário | Hernâni Costa Miranda

Montagens Cénicas | Filipe Cardu, Luís Ternús e Matu

Painel Publicitário | Nuno Sousa Pereira

Fotografia | António Alves

maiores de 12 anos

Bilhetes à venda (3,00€) e mais informações no Teatro Diogo Bernardes, pelo telefone 258 900 414 ou pelo email teatrodb@cm-pontedelima.pt.

SARRABULHO DE PONTE DE LIMA REUNIU 500 APRECIADORES EM BRUXELAS E LOURES

Presidente da República justificou ausência

O conhecido prato típico de Ponte de Lima, o Arroz de Sarrabulho, foi o motivo para reunir quase meio milhar de comensais no passado fim de semana, em Bruxelas e em Loures.

Capturarbelga

Na capital europeia, a iniciativa partiu mais uma vez do Café – Restaurante Portugal, propriedade do estimado elemento da comunidade luso – belga, Albano Figueiredo.

Um salão junto do estádio Fallon foi o local escolhido para entre uma dúzia de mesas se repartirem centena e meia de convidados, principalmente residentes em Bruxelas e Antuérpia.

O programa iniciou-se pelas 20,00 h com um requintado serviço de entradas, onde se salientaram entre os salgados: empadinhas de galinha, cestinhas de massa folhada com sardinha em azeite, bolachinhas com queijo da Ilha (Açores), paio do lombo, chouriça de carne, salpicão da Serra de Arga e Ti Casimiro (Minho Fumeiro, Ponte de Lima), outros folhados diversos, tudo acompanhado de boroa de milho enchidos da Panilima (Ponte de Lima), pão alentejano e francês (Pastelaria Garcia, Bruxelas), tudo regado com fresquinhos brancos loureiros produzidos em Ponte de Lima: Casa da Cuca (Moreira de Lima), Vinhas do Cruzeiro (Escola Profissional em Arca), Adega Cooperativa, Quinta do Ameal (Refóios de Lima), e Quinta das Fontes (Souto de Rebordões).

Seguiu-se, já nas mesas, o ansiado Sarrabulho á moda de Ponte de Lima. O cheirinho de qualidade inundava o salão, a ansiedade para alguns era constante, pois entre os presentes, outras nacionalidades (estreantes) que não portugueses: austríacos, belgas e franceses.

Em ambos os lados do espaço, funcionários anunciavam a abertura do serviço buffet: arroz com a variedade de carnes esfiadas de porco, vaca e galinha: Ao lado, travessas de miudezas, onde pontificavam as belouras, as tripas de farinha e chouriça sarrabulha ou  de cebola/verde, (tudo levado de Portugal na véspera), e mais rojões, fígado e coladas de suíno, etc.

Os comensais comentavam o prato, tecendo-lhe elogios, associado a quem proporcionou mais um evento enogastronómico, raro e de referência na capital da Europa! Substituía-se os recipientes do prato típico, pontelimês, minhoto, nas mesas de buffet, pois muitos, muitos quiseram repetir.

Entretanto, já se provava nas mesas, também o sugerido tinto da casta vinhão para acompanhar o menu, ora produção da cooperativa limiana, ora também da Casa da Cuca, enquanto outros convivas também escolheram néctares das regiões do Douro e do Alentejo, pois a garrafeira do Café Portugal, é diversificada, e qualitativa…

Pelas 22,00h chegou a vez do fado, na interpretação de Carla Linhares e seus guitarristas, que se deslocaram propositadamente de Viseu até à Bélgica.

O programa do convívio prosseguiu com a apresentação das responsáveis pelo manjar: D. Fátima Amorim, do restaurante com seu nome, e D. Goretti Bezerra, do Sonho do Capitão, ambas estabelecidas na freguesia da Correlhã, arredores da vila de Ponte de Lima.

Depois, foi tempo de pé de dança ou simplesmente escutar o som dos Belga Cowboys, uma apreciada banda belga de renome internacional.

Mas, para as cozinheiras o tempo de estadia na Bélgica estava quase terminado.

É que, regressaram, no primeiro voo da manhã para Lisboa, e daí seguiram até Loures, onde já se encontrava o Chefe Paulo Santos, para colaborarem na confecção de mais um Sarrabulho para almoço de Domingo.

O repasto reuniria cerca de três centenas de inscritos, pois o local escolhido, o refeitório municipal estava esgotado, e foi necessário repor algumas mesas.

A organização, o Grupo Folclórico Verde Minho, dirigido por Teotónio Gonçalves, também Provedor da Misericórdia local, foi o anfitrião da festa. No exterior, muitos aguardavam por uma vaga ou desistência, mas era coisa difícil, pois a ementa e convívio estavam para durar.

Nas entradas, foi sugerida uma alheira de galo produzida pela Minho Fumeiro, acompanhada de um folhado de legumes.

Depois, ninguém queria arredar pé, ora pelo delicioso pitéu, ora pelas danças e cantares dos organizadores.

A abrir os discursos, uma mensagem do Presidente da República justificando a sua ausência por motivos pessoais. Mas, sabemos que o Prof. Marcelo Rebelo de Sousa, deseja provar o Sarrabulho de Ponte de Lima, como fez questão de o dizer em conversa amigável, e isso, sabemos aguarda agendamento … com tempo.

Foi assim, como diz o povo, Dois em Um. Sarrabulho servido numa distância de dois quilómetros, ou como Jantar (Bruxelas), ou como Almoço (em Loures, às portas de Lisboa)

Ponte de Lima esteve assim em Alta, fora de portas, também!

Fonte: Tito Morais / https://www.luso.eu/

Foto: LP Tony da Silva

ALMOÇO DO ARROZ DE SARRABULHO À MODA DE PONTE DE LIMA REGRESSA NO PRÓXIMO ANO A LOURES

De acordo com informação que obtivémos junto de Teotónio Gonçalves, Director do Grupo Folclórico Verde Minho, está já confirmada a realização de uma segunda edição em Loures do Arroz de Sarrabulho à Moda de Ponte de Lima, em data a combinar.

DSCF7808

Teotónio Gonçalves acabara de agradecer pessoalmente ao Comendador Adelino Tito de Morais, da Confraria do Arroz de Sarrabulho com Rojões à Moda de Ponte de Lima, tendo ficado assente a reedição desta iniciativa gastronómica que, para muitos dos participantes, foi a primeira vez que tiveram oportunidade de se deliciarem com os magníficos paladares de Ponte de Lima. E, quem perdeu foi quem não teve oportunidade de estar presente!

De resto, esta iniciativa resultou num grandioso sucesso a todos os níveis, a começar pela excelente confecção das iguarias, a organização demonstrada e a elevada adesão que se espera ver redobrada no próximo ano. Refira-se que, após uma previsão inicial de duas centenas de pessoas, o evento acabou por registar a participação de perto de três centenas de comensais.

DSCF7903

PONTE DE LIMA LEVA A BRUXELAS UMA MOSTRA DO MELHOR DA SUA GASTRONOMIA

MOSTRA-PROVA ENOGASTRONÓMICA

Decorreu, com requinte e o devido sucesso a segunda prova/mostra de produtos e vinhos oriundos de Ponte de Lima, com o apoio do Café/Restaurante Portugal e os demais representantes vindos de Ponte de Lima e que se fizeram acompanhar dos seus vinhos e produtos autóctones. Desde as charcutarias, Minho fumeiro, aos vinhos verdes; Casa da Cuca; Quinta do Ameal e dos restaurantes: Sonho do Capitão; Sabores do Lima; Casa de São Sebastião; Solar do Taberneiro; Fátima Amorim; Carvalheira.

Prova-MostraEnosgastronómica2018a (1)

Recebidos na Sala Damião de Gois, na presença do Sr. Embaixador de Portugal em Bruxelas, Dr. António Alves Machado, que acolheu a comitiva e demais convidados, dando consistente elogio à iniciativa que pretende, acima de tudo, dar a conhecer a excelência dos produtos daquela região do Alto Minho.

Responderam ao convite cerca de 60 pessoas; do corpo diplomático, dos empresários e funcionários das instituições europeias, importadores.

Este, foi também o momento de apresentar o Melhor Cozinheiro Jovem do ano, João Coelho, vencedor do concurso nacional – Jovem Talento de Gastronomia 2017.

Nos discursos de boas-vindas e apresentação de tão palatáveis guloseimas, ficaram os agradecimentos à Embaixada de Portugal, na pessoa do Sr. Embaixador e a todos os que se envolveram em mais esta prova, tornando possível tão prestigiante iniciativa promotora daquilo que temos e somos! Bem-haja.

DE PONTE DE LIMA PARA BRUXELAS

Bacalhau de cebolada

A Academia do Bacalhau de Bruxelas organizou, no dia seguinte à Mostra de produtos autóctones provindos de Ponte de Lima, um suculento jantar, para cerca de 70 convidados, no Café-Restaurante Portugal. Com a delícia do Bacalhau de Cebolada, receita da mais antiga vila de Portugal, esmeradamente preparada pelo Melhor Cozinheiro Jovem de Portugal, João Pedro Coelho e Chef Paulo Santos da Casa de São Sebastião, Ponte de Lima.

Para além do repasto com toques e paladares da alta cozinha limiana, foi também ocasião de encontro entre os sócios da Academia do Bacalhau e outros simpatizantes que se envolveram em conversas soltas e muita animação. E como não podia deixar de ser, ouviram-se os sons estridentes da concertina, com rasgadas melodias da música popular portuguesa.

Prosseguindo estes encontros em torno da gastronomia limiana, tem lugar já no próximo dia 3 de Fevereiro, (a terceira edição do Sarrabulho à moda de Ponte de Lima, em Bruxelas. Cozinheiras vindas expressamente de Ponte de Lima, numa parceria sempre atuante com o Café-Restaurante Portugal; renovam-se assim os encontros à volta da excelência da gastronomia limiana. Uma noite que promete, sendo animada com o Fado na voz de Carla Linhares, vinda diretamente de Portugal. E da boa música, pelo grupo belga Cowboys; na Salle Rotonde, Woluwue Saint Lambert-1200 Bruxelas, volta-se a viver Portugal, pelas melhores razões do mundo.

Fonte: António Fernandes / https://www.luso.eu/

Fotos: Tony da Silva