Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

FAFE REALIZA JORNADAS LITERÁRIAS

Mais de 600 crianças celebram o arranque das Jornadas Literárias de Fafe. Cinco dias dedicados ao 'Prazer da Leitura'

A 8ª edição das Jornadas Literárias de Fafe começou hoje, com o espetáculo “Os Pequenos Viajantes”, que contou com a participação de mais de 600 crianças do ensino pré-escolar de todo o concelho.

ND5_1275.JPG

O Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha, destacou esta como uma “iniciativa muito importante por ser organizada em colaboração com as escolas e por juntar mais de 600 crianças numa manhã divertida e animada.

Estas Jornadas Literárias celebram o prazer de ler e vão contar com várias figuras conhecidas que vão trazer a Fafe um ambiente diferente e muito especial, com dezenas de iniciativas.”

O programa conta com diversas atividades, distribuídas pelos cinco dias de duração, que privilegiam a leitura, a escrita, o teatro, a música, a ilustração.

Este ano estarão presentes os escritores António Mota, Mário Cláudio, Pedro Chagas Freitas, Benedita Stingl e José Salgado Leite. Estas 8ªs Jornadas Literárias terão ainda a participação de ilustradores (Rui Castro), contadores de estórias (Rui Ramos e Inácia Cruz) e uma participação especial, Rita Redshoes. A artista faz a apresentação do seu último álbum “Her”, dia 29, no Teatro Cinema e participa na rubrica “90 Minutos Sobre… O Prazer de Ouvir as Palavras”.

Recorde-se que as Jornadas trazem mais uma vez a literatura para a rua, com as iniciativas “Literatura à Mesa”, “Poesia nas Monstras”“Livros em Viagem” e “Textos para um Lugar”.

ND5_1192 (1).JPG

ND5_1198.JPG

ND5_1269.JPG

ND5_1290.JPG

FAFE ACOLHE CICLO DE CANTAUTORES

Glen Hansard dá o mote para da 3ª edição do 48/20 - Ciclo de Cantautores

O premiado cantautor irlandês, vencedor de um Óscar da Academia para Melhor Canção Original com o filme “Once”, abrirá o 48/20 para um concerto no Teatro Cinema de Fafe, no próximo dia 4 de Abril.

glen_poster_a3-01.jpg

O 48/20, ciclo de concertos que convida exclusivamente cantautores, com o seu foco na componente autoral e de interpretação bem como no uso da palavra realiza-se em vários espaços da cidade e não podia deixar de convidar Glen Hansard que traz na bagagem o seu último álbum nomeado para um Grammy “Didn’t He Ramble” bem como os temas de trabalhos anteriores, como é o caso de Swell Season que integrou o aclamado filme independente “Once” no qual participou como actor principal com Marketa Irglova. 

É uma proposta cultural para a cidade e região envolvente num espetáculo imperdível.

De lembrar que já passaram pelas edições anteriores nomes como Manel Cruz, Samuel Úria, B Fachada, Sandy Kilpatrick, Momo, The Wooden Wolf, entre muitos outros.

Os restantes artistas que integrarão o 48/20 de 2017 serão anunciados brevemente.

Os bilhetes estão à venda na Loja interactiva de Turismo de Fafe. 

FAFENSES SENSIBILIZAM PARA O AUTISMO

Caminhada Azul assinala Dia Mundial da Consciencialização para o Autismo

A Câmara Municipal de Fafe e o Agrupamento de Escolas Montelongo promovem, na próxima segunda-feira, 3 de Abril, uma Caminhada Azul.

Crianças e professores vão vestir de azul para assinalar o Dia Mundial da Consciencialização para o Autismo (comemorado a 2 de Abril).

A caminhada começa no Parque da Cidade, seguindo-se Travessa do Ruival, a Rua Serpa Pinto, a Rua Major Miguel Ferreira, a Rua Monsenhor Vieira de Castro, a Rua António Saldanha e termina na Praça 25 de Abril, com uma largada de balões.

A par desta iniciativa, também o edifício da Câmara Municipal iluminar-se-á de azul para comemorar este dia que, de acordo com o Presidente da Autarquia, Raul Cunha, “deve ser assinalado para desmistificar e sensibilizar a população para o Autismo. Procuramos, sobretudo, promover um maior entendimento e consciencialização, apelando à integração plena das pessoas com autismo na sociedade, garantindo a todas elas oportunidades e direitos.”

FAFE INAUGURA GRAFFITI NA PRAÇA DAS COMUNIDADES

Mural reinterpreta lenda da Bicha das Sete Cabeças

Decorre, amanhã, a partir das 16h00, a Inauguração dos Trabalhos de Graffiti na Praça das Comunidades.

DSA_9298A.jpg

Este é um projecto inserido nas Residências Artísticas Café Cultural, no qual os artistas João Vasco (Maio) e Pedro Loureiro (Mojojojo) reinterpretaram a lenda "Bicha das Sete Cabeças", no conhecido recinto da Praça das Comunidades.

De acordo com os graffiters, “este Mural resultou da pesquisa do imaginário popular e aaproximação aos habitantes da cidade de Fafe”.

Recorde-se que o Projecto Café Cultural foi criado numa parceria entre o Município de Fafe e a organização Café Cultural do artista plástico e produtor brasileiro, Vicente Coda.

Este projecto, centrado nas diferentes formas culturais, destacou, na primeira residência, de 13 a 24 de Março, a música e o graffiti, com várias iniciativas com o músico Luiz Fontineli e os grafiters PedroLoureiro e João Vasco.

Este primeiro ciclo contará ainda com a apresentação do projecto de Sinergia entre os artistas convidados, a Academia de Música José Atalaya e a Escola Bailado de Fafe, na quinta-feira. na Sala Manoel de Oliveira e, na sexta-feira, com um concerto de Luiz Fontineli e a Banda de Rua no Teatro-Cinema de Fafe, às 21h30.

DSA_9299A.jpg

FAFE DEDICA TERRA JUSTA’2017 A QUEM NÃO TEM VOZ NO MUNDO

UNICEF, Instituto Apoio à Criança, Rede Talitha Kum e  Fundação Champalimaud  em destaque

Personalidades que trabalham com crianças de todo o mundo e contra o tráfico de seres humanos debatem a situação das crianças no Mundo

De 4 a 8 de Abril, Fafe volta a receber o Terra Justa - Encontro Internacional de Causas e Valores da Humanidade.

Nesta terceira edição, dezenas de convidados nacionais e internacionais e diversas Organizações Não Governamentais (ONG´S) vão debater, em Fafe, entre outros assuntos, questões que afetam milhões de crianças em todo o mundo, do tráfico, à fome passando pelos campos de refugiados onde crescem milhares de crianças.

Alguns números são verdadeiramente assustadores e merecem uma reflexão profunda:

- 48 Milhões de crianças estão, neste momento, em situações de conflito ou enfrentam outras crises no mundo.

- Crise dos refugiados: 700 crianças morreram a tentar cruzar o Mediterrâneo em 2016.

- Sudão do Sul: 1 milhão de crianças estão a morrer de fome

O papel da UNICEF tem sido fundamental para ajudar milhões de crianças a sobreviver e a alcançar melhores condições de vida. Só nos primeiros 10 meses de 2016 com o apoio da UNICEF:

- 13.6 milhões de pessoas tiveram acesso a água potável;

- 9.4 milhões de crianças foram vacinadas contra o sarampo;

- 6.4 milhões de crianças tiveram acesso a alguma forma de educação;

- 2.2 milhões de crianças foram tratadas contra a má nutrição aguda grave;

O Terra Justa - Encontro internacional de Causas e Valores da Humanidade é um evento internacional que ocorre na cidade de Fafe com o objetivo de alertar, provocar e envolver as pessoas para refletirem sobre a importância das causas e valores da humanidade.

De 4 a 8 de Abril, a cidade vai acolher conferências, tertúlias de café com convidados nacionais e internacionais, exposições, teatro de rua, debates, música, arte pública, entre muitas outras atividades.

UNICEF, Fundação Champalimaud, Instituto de Apoio à Criança e a Rede Talitha Kum, entre outras instituições e personalidades vão estar em destaque durante a Terra Justa.

FAFE REALIZA JORNADAS LITERÁRIAS

8.as Jornadas Literárias em Fafe celebram o 'Prazer de Ler'

António Mota, Mário Cláudio e Pedro Chagas Freitas são os escritores convidados

Rita Redshoes em concerto especial

Durante a próxima semana, de 27 a 31 de Março, realizam-se, em Fafe, as 8.as Jornadas Literárias, subordinadas ao tema “Prazer de Ler”.

2016 (1).jpg

A iniciativa, que mobiliza, anualmente, os alunos de todos os agrupamentos de escolas do concelho, conta com diversas atividades, distribuídas pelos cinco dias de duração, que privilegiam a leitura, a escrita, o teatro, a música, a ilustração.

A iniciativa é realizada, em parceria, pelo Município de Fafe, Agrupamentos de Escolas de Fafe, Montelongo e Prof. Carlos Teixeira, Escola Profissional de Fafe, Academia de Música José Atalaya, Núcleo de Artes e Letras de Fafe, Atrium e Memória e Cineclube de Fafe.

Nesta 8ª edição, pretende-se, mais uma vez, mobilizar todos, especialmente os alunos das várias escolas que participam com atividades na iniciativa, para o gosto pela leitura e pela literatura.

Este ano estarão presentes os escritores António Mota, Mário Cláudio, Pedro Chagas Freitas, Benedita Stingl e José Salgado Leite. Estas 8.asJornadas Literárias terão ainda a participação de ilustradores (Rui Castro), contadores de estórias (Rui Ramos e Inácia Cruz) e uma participação especial, Rita Redshoes. A artista faz a apresentação do seu último álbum “Her”, dia 29, no Teatro Cinema e participa na rubrica “90 Minutos Sobre… O Prazer de Ouvir as Palavras”.

2016_.jpg

O grande espectáculo de abertura das 8.as Jornadas Literárias de Fafe, “Os Pequenos Viajantes”, realiza-se, na manhã do dia 27, Praça 25 de Abril, estando confirmada a presença de mais de 600 crianças dos estabelecimentos de educação pré-escolardo concelho.

Este ano, as Jornadas trazem mais uma vez a literatura para a rua, com as iniciativas “Literatura à Mesa”, “Poesia nas Monstras”“Livros em Viagem” e “Textos para um Lugar”.

Para Pompeu Martins, Vereador da Cultura e Educação, esta é “uma oportunidade de envolver toda a comunidadeeducativa, parceiros ligados à cultura, todos os fafenses, num projeto comum que promove a literatura no concelho.

As Jornadas Literárias dinamizam Fafe e todos apreciam as várias iniciativas. Os nossos alunos consideram-nas uma forma diferente e especial de aprender; os nossos professores envolvem-se sempre com grande empenho e dedicação efazem desta iniciativa um dos momentos do ano mais interessante da cultura do livro”.

PROGRAMA

DIA 27 – Segunda-Feira

09:00 Leitura do Conto Andarilho

“O Sonho de Simão”

Biblioteca Municipal de Fafe

09:00 Encontros com “António Mota”

Org. Agrupamento Escolas Prof. Carlos Teixeira

Sala Manoel de Oliveira

10:00 Espetáculo de Abertura

“Os Pequenos Viajantes”

Crianças do Pré-Escolar de Fafe

Praça 25 de Abril

11:00 Dia Mundial do Teatro

Teatro “Episódios da Vida Romântica”

Teatro Sá da Bandeira

Encenação Norberto Barroca

Teatro-Cinema de Fafe

12:00 Literatura à Mesa

Restaurantes de Fafe

14:15 Encontros com “António Mota”

Org. Agrupamento Escolas Prof. Carlos Teixeira

EB S. Jorge

15:00 Abertura do Evento Poesia nas Montras

Org. Núcleo de Artes e Letras de Fafe e Atriumemória

Lojas da Cidade de Fafe

15:00 Dia Mundial do Teatro

Teatro “Episódios da Vida Romântica”

Teatro Sá da Bandeira

Encenação Norberto Barroca

Teatro-Cinema de Fafe

16:00 Oficina de Leitura “O Prazer de Ler” com César Freitas e Rui Festa

Org. Agrupamento de Escolas Montelongo

Biblioteca Centro Educativo Montelongo

DIA 28 – Terça-feira

09:00 Encontros com “António Mota”

Org. Agrupamento Escolas Prof. Carlos Teixeira

EB Regadas e EB Serrinha

10:00 Teatro “Ali Babá e os 40 Ladrões”

Companhia Atrapalharte

Teatro-Cinema de Fafe

10:00 Livros em Viagem

Estação de Autocarros de Fafe

14:00 Teatro “Ali Babá e os 40 Ladrões”

Companhia Atrapalharte

Teatro-Cinema de Fafe

14:15 Encontros com “António Mota”

Org. Agrupamento Escolas Prof. Carlos Teixeira

EB Silvares S. Martinho

21:30 “À Descoberta dos Sentidos” Escola Profissional de Fafe

Praça 25 de Abril

Ao Longo do Dia:

Encontros com a escritora Benedita Stingl

Org. Agrupamento de Escolas Montelongo

Dia 29 – Quarta-feira

08:30 “Leituras Proibidas” com Artur Leite e Inês Jerónimo

Org. Agrupamento de Escolas Montelongo

Auditório da EB 2,3 Montelongo

09:30 Concertos Pedagógicos

Org. Academia de Música José Atalaya

Teatro-Cinema de Fafe

10:00 A Poesia vai à Feira

Praça das Comunidades – Feira Semanal

10:00 “África Minha” - Escritores Africanos

Org. Agrupamento de Escolas de Fafe

Escola Secundária de Fafe

11:00 Concertos Pedagógicos

Org. Academia de Música José Atalaya

Teatro-Cinema de Fafe

14:00 Final do IV Concurso Concelhio de Leitura

Biblioteca Municipal de Fafe

14:00 Concertos Pedagógicos

Org. Academia de Música José Atalaya

Teatro-Cinema de Fafe

15:00 Encontro de Pequenos Grandes Autores (Francisca Mendes e alunos do Agrupamento)

Org. Agrupamento de Escolas Prof. Carlos Teixeira

Escola Prof. Carlos Teixeira

16:00 90 min sobre ... O prazer de Ouvir as Palavras

com Rita Redshoes

Arquivo Municipal de Fafe

18:00 Textos para um Lugar

com José Salgado Leite

21.30 Concerto Rita Redshoes

“Her” Teatro-Cinema de Fafe

Dia 30 – Quinta-feira

09:00 “Maratona da Leitura” - 10 Horas a Ler

Org. Agrupamento de Escolas de Fafe

Escola Secundária de Fafe

09:30 Inácia Cruz – Contadora de Histórias

Org. Agrupamento de Escolas de Fafe

EB Arões S. Romão, EB Monte, EB Cepães, EB Fareja

10:30 “Textos do Mundo”

“Todos os livros são substâncias perigosas, como os medicamentos” - Prof. Doutor Pedro Eiras (FLUP)

Org. Instituto de Estudos Superiores de Fafe

Arquivo Municipal de Fafe

10:30 Teatro em Inglês “Not Romeo and Juliet”

The Bristol School Theatre Company

Teatro-Cinema de Fafe

12:00 Teatro em Inglês

“Not Romeo and Juliet”

The Bristol School Theatre Company

Teatro-Cinema de Fafe

14:00 “Worshop de Escrita Criativa” com Pedro Chagas Freitas

Org. Escola Profissional de Fafe

Escola Profissional de Fafe

21:30 A Vida e Obra de Mário Cláudio – Documentário “Tocata e Fuga” com Mário Cláudio e Jorge Campos

Org. Cineclube de Fafe

Sala Manoel de Oliveira

Dia 31 – Sexta-feira

Ao Longo do Dia:

Encontros com o Ilustrador Rui Castro

Org. Agrupamento de Escolas Montelongo

Concurso de Ortografia

Org. Agrupamentos de EscolasProf. Carlos Teixeira

Final do Quiz de Cultura Geral

Org. Escola Profissional de Fafe

12:00 “O Livro da Minha Vida”

Auditório Municipal de Fafe

21.30 Espetáculo de Encerramento

“O Prazer da Leitura”

Academia de Música José Atalaya

Agrupamentos de Escolas

Escola Profissional de Fafe

Teatro-Cinema de Fafe

JL-cartaz-2017-CARTAZWEb-01.jpg

FAFENSES JOGAM BASQUETEBOL

7º Convívio de Basquetebol Escolar Concelhio. 150 crianças esperadas no encontro

No próximo dia 23 de Março, o Pavilhão Municipal vai receber alunos do 7º ao 9º ano de escolaridade, para mais um Convívio de Basquetebol Escolar Concelhio.

Cerca de 150 crianças, das escolas do concelho são esperadas para participar no convívio que decorrer das 9h00 até às 13h00.

Pompeu Martins, Vereador do Desporto da Câmara Municipal de Fafe, sublinha “Este será certamente um dia um dia diferente, onde vamos promover, uma vez mais, o desporto escolar e a prática do exercício físico entre os mais jovens.”

COnvívio de Basquetebol Escolar Concelhio 2016.JPG

CAFÉ CULTURAL RESIDÊNCIA ARTÍSTICA ESTREIA EM FAFE

Música e Graffiti em destaque nesta primeira edição

Fafe recebe, pela primeira vez, um ciclo de residências artísticas do projeto Café Cultural Residência Artística, criado numa parceria entre o Município de Fafe e a organização Café Cultural do artista plástico e produtor brasileiro, Vicente Coda.

Este projecto, centrado nas diferentes formas culturais, vai destacar, na primeira residência, até 24 de Março, a música e o graffiti, estando programadas várias iniciativas como o músico Luiz Fontineli e os grafiters Pedro Loureiro e João Vasco.

No Sábado, dia 18, Luiz Fontineli dá o mote para vários dias de animação com um Workshop de Ritmos Nordestinos, na Junta de Freguesia de Fornelos, a partir das 21h30.

No dia seguinte, dia 19, no Multiusos de Fafe, quer os graffits, quer a música nordestina serão o tema de vários workshops destinados a todos os públicos.

Na sexta-feira, dia 23, a partir das 16h00, são inaugurados, na Praça das Comunidades, os trabalhos finais de Graffiti, desenvolvidos pelos dois grafiters que estiveram em Fafe. À noite, pelas 21h30, é apresentado, na Sala Manoel de Oliveira, o projecto de Sinergia entre os artistas convidados, a Academia de Música José Atalaya e a Escola Bailado de Fafe.

Este primeira residência termina no dia 24, com um concerto de Luiz Fontineli e a Banda de Rua no Teatro-Cinema de Fafe, às 21h30.

Pompeu Martins, Vereador da Cultura da Câmara Municipal de Fafe revela que “se trata de um projecto inovador, dinâmico e progressista e que vai trazer à nossa cidade um conjunto de artistas de renome e diferentes manifestações culturais. O que vai acontecer em Fafe durante estas duas semanas é, na verdade, uma partilha de aprendizagens e experiências num laboratório de descobertas artísticas. Cada artista vai desenvolver uma oficina na sua área e criar um trabalho único em conjunto com a população.”

RITA REDSHOES ATUA EM FAFE

No próximo dia 29 de Março, a cantora portuguesa Rita Redshoes vai atuar no Teatro Cinema de Fafe.

Este é um espectáculo inserido nas 8.as Jornadas Literárias em Fafe que conta também com a participação da cantora numa conversa, durante a tarde, no Arquivo Municipal, sobre “O prazer de ouvir as palavras”.

_DSC3460b - FOTO BASE.jpg

O concerto revisitará memórias de trabalhos mais antigos e servirá de mote para a apresentação do seu recente álbum, 'Her'. Gravado em Berlim, nos estúdios Riverside, o novo álbum de Rita Redshoes teve a participação de alguns músicos de eleição: Knox Chandler (guitarra), Earl Harvin (baterista), Greg Cohen (baixista). Na produção, “Her” teve a condução de Victor Van Vugt, produtor do seminal disco de Nick Cave, “Murder Ballads”.

Os bilhetes estão à venda na Loja Interactiva de Turismo, a partir de segunda-feira.

PROCURADOR GERAL ADJUNTO DA COMARCA DE BRAGA ESCLARECE COMPETÊNCIAS DO TRIBUNAL DE CABECEIRAS DE BASTO

Procurador Geral Adjunto informa sobre Juízo de Família e Menores

O presidente da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, Francisco Alves, esteve presente esta manhã, dia 16 de março, numa sessão de informação sobre as competências do Tribunal de Cabeceiras de Basto em matéria relacionada com o Juízo de Família e Menores de Fafe que serve os Municípios de Fafe, Cabeceiras de Basto e Celorico de Basto.

Procurador Geral Adjunto informa sobre Juízo de Família e Menores.JPG

A iniciativa foi promovida pelo Ministério Público, através do Procurador-Geral Adjunto da Comarca de Braga.

A sessão – que juntou autarcas, técnicos da CPCJ, da Segurança Social e do Município, advogados e militares da GNR – na Casa do Tempo contou com a presença do Procurador-Geral Adjunto da Comarca de Braga, Jorge Adelindo Gonçalves, do Secretário da Comarca de Guimarães, Eduardo Faria, e da Procuradora Substituta de Cabeceiras de Basto, Helena Amaro.

Na oportunidade, o Procurador-Geral Adjunto explicou aos presentes que quer a Ficha de Atendimento, quer a entrega de documentos, como certidões, requerimentos e outras informações, podem ser preenchidas/apresentadas no Tribunal de Cabeceiras de Basto, o que significa que apesar do Juízo de Família e Menores estar sediado em Fafe, onde se realizam as audiências, há um conjunto de assuntos/documentos que podem ser tratados no Tribunal de Cabeceiras de Basto.

De acordo com a informação prestada pela Procuradora Substituta de Cabeceiras de Basto, as segundas-feiras à tarde serão dedicadas ao atendimento de cidadãos que pretendam tratar de assuntos relacionados com o Juízo de Família e Menores, o que não invalida que o atendimento de situações urgentes possa ocorrer em qualquer dia da semana. Para um futuro próximo está a ser equacionada a possibilidade de audiências por videoconferência.

O Juízo de Família e Menores do Tribunal de Fafe foi criado no dia 1 de Janeiro de 2017. Até então, era o Tribunal de Guimarães que tinha essas competências para aquelas áreas geográficas.

No final, o presidente da Câmara agradeceu a presença de todos e demonstrou a sua satisfação pelos contributos e esclarecimentos dados à plateia pelo Procurador-Geral Adjunto que, por seu turno, elogiou o empenho da autarquia nesta sessão que teve como principal objetivo transmitir aos Cabeceirenses uma maior proteção e segurança no que toca aos serviços disponibilizados pelo Tribunal.

FAFE REALIZA CAMPANHA NACIONAL PARA O EMPREENDEDORISMO

Iniciativa conta com o apoio do Município de Fafe e Ministério da Economia

O Espaço 560 do Ministério da Economia, acolheu, na tarde de ontem, o arranque da Campanha Nacional para o Empreendedorismo nas Escolas do 1º Ciclo, com o apoio do Município de Fafe e do Ministério da Economia, cuja dinamização está a cargo da Betweien. 

IMG_5675A.jpg

Esta iniciativa tem o intuito de explicar às crianças o que é e porque é tão importante ser líder e empreendedor. Com recurso a exemplos simples e práticos, é apresentada uma história, cujo enredo explora eventos de vida em que a competência da liderança e do fazer acontecer é essencial.

O Vice Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Pompeu Martins, marcou presença no evento e destacou “esta iniciativa como um bom exemplo dos valores de responsabilidade, autonomia, empenho e criatividade que devemos incutir nos mais novos. A obra, que contempla esta digressão, “Sou líder”, revela às crianças, de uma forma original e divertida, que a liderança é algo atingível e que depende, unicamente, da dedicação e trabalho de cada um.

É uma explicação simples, mas completa, daquilo que é ser líder, acabando por desmistificar uma palavra que, muitas vezes, acarreta um valor muito pesado junto dos mais novos.”

IMG_5686A.jpg

IMG_5695A.jpg

IMG_5701A.jpg

FAFE REALIZA JORNADAS DE EDUCAÇÃO ESPECIAL

II Jornadas de Educação Especial 'Educação Inclusiva'. Inscrições abertas até 7 de Abril

Estão abertas as inscrições para a segunda edição das Jornadas de Educação Especial'Educação Inclusiva', que decorrem entre 4 e 5 de Maio, em Fafe.

af-cartaz-A3-jornadas.jpg

Organizadas pelo Departamento de Educação Especial, do Agrupamento de Escolas Montelongo, com o apoio do Município de Fafe, estas Jornadas trazem, a Fafe, um conjunto de oradores que se propõem a partilhar novos saberes e experiências, sobre a Educação Inclusiva.

A Abertura das Jornadas decorre no dia 4, às 16h15, no Auditório da Escola Montelongo, seguindo-se o painel “Educar Todos, com Todos”, à responsabilidade de Dr. David Rodrigues.

Às 17h30, tem lugar, o debate “Escola Inclusiva-2ª Geração” com a Dra. Filomena Pinto, e às 18h30, a Dra. Fátima Marinho, encerra a tarde com o painel sobre “Diversidade/equidade e as setes questões comuns sobre essa In'Possibilidade”.

À noite, no Teatro Cinema, é a vez do Jornalista Mário Augusto e a filha Rita Bulhosa participarem nas Jornadas para partilharem as suas experiências, seguindo-se Ilda Taborda e Celeste Carvalho da Associação Pais em Rede.

No dia 5, no Auditório da Escola Montelongo, a partir das 16h30, a Dra. Ana Paula Martins, falar-nos-á sobre o tema “Estratégias diferencias em contexto de sala de aula: da evidência à prática”. Mais tarde, é discutido o “Envolvimento Parental: um indicador de inclusão e promoção do sucesso escolar.”

Pompeu Martins, Vereador da Educação, encerra as Jornadas, às 18h30.

Maria José Marques, Directora do Agrupamento de Escolas Montelongo, relembra que estas Jornadas têm o “objetivo de promover a (in)formação através de novos saberes e da partilha de experiências, sobre as boas práticas da Educação Inclusiva. Convidamos toda a comunidade para refletir connosco, sobre os temas, considerados relevantes para a promoção de percursos educativos de sucesso.”

De acordo com Pompeu Martins “estas Jornadas procuram reflectir sobre a necessidade, cada vez maior de integrar, de forma igual e justa, todos os alunos na comunidade escolar,trazendo para o debate temas importantes e pertinentes.

As Jornadas servem, acima de tudo, para procurar dar resposta às necessidades dos docentes, assim como a pais de crianças/jovens com necessidades especiais.

É fundamental que continuemos a cultivar práticas educativas adequadas numa 'escola da diversidade', procurando dar passos cada vez maiores para a verdadeira Inclusão.”

As inscrições, que decorrem até 7 de Abril, podem ser feitas através de Ficha online emhttp://aemontelongo.pt/ ou Ficha própria entregue na secretaria da EB Montelongo.

CÂMARA DE FAFE ACABA DE EDITAR NÚMERO QUÁDRUPLO DA REVISTA CULTURAL DOM FAFES

A Câmara Municipal de Fafe acaba de editar mais um número da revista cultural Dom Fafes, publicação que tem por objetivo a edição de trabalhos de investigação sobre aspetos da história do município.

DOM FAFES 19.22.jpg

O presente número quádruplo da revista Dom Fafes (19/22), corresponde aos anos de 2012 a 2015 e integra um conjunto de textos de grande interesse para o conhecimento do concelho e da sua história, em diferentes épocas.

Desde logo, o destaque deste número vai para dois trabalhos vencedores do Prémio de História Local – Câmara Municipal de Fafe, em duas edições distintas. O primeiro tem o título “Subsídios para o Estudo do Municipalismo em Portugal: o caso de Fafe”, da autoria do investigador Aureliano Barata, vencedor da edição de 2013, enquanto “Sepulturas Medievais do Concelho de Fafe”, do jovem João Nuno Machado, triunfou na edição de 2015.

São dois textos fundamentais para a memória de Fafe em áreas distintas.

Acresce um estudo de Cátia Fernandes sobre os oratórios como criação artística para o culto divino, com exemplos recolhidos no território fafense.

No capítulo das Comunicações, de relevar a do Coronel Carlos Matos Gomes, intitulada “Da guerra colonial ao 25 de Abril – a questão colonial no centro da nossa história contemporânea” e que tem por base a conferência pronunciada na Casa Municipal de Cultura de Fafe, em 5 de abril de 2013, na abertura da evocação do cinquentenário do início da guerra em África, cujo programa se desenrolou entre 2013 e 2014, por iniciativa do município e de associações locais.

A segunda comunicação tem a assinatura do Professor José Carlos Meneses Rodrigues, do Instituto de Estudos Superiores de Fafe, com o título “I República (1910-1926): Uma esperança desperdiçada” e foi apresentada na sessão solene comemorativa do 103º aniversário da Proclamação da República, realizada na Câmara Municipal de Fafe, em 5 de Outubro de 2013.

Finalmente, na rubrica “Fontes”, de realçar o texto com o título “Para uma Bibliografia Fafense”, da autoria do responsável coordenador da revista, o historiador Artur Ferreira Coimbra, que actualiza a relação das obras e publicações de temática local, individuais ou colectivas, que se foram publicando sobre o concelho, por autores fafenses ou não, indicando a sua autoria, ano e local de edição. São mais de duas dezenas de páginas sobre a bibliografia de temática fafense, que inclui revistas comemorativas ou colectâneas que integrem textos sobre a história, o território ou as gentes do município.

Este número da revista Dom Fafes tem 302 páginas e está à venda na Biblioteca Municipal de Fafe.

DANIEL BASTOS VAI A BRUXELAS APRFESENTAR LIVRO SOBRE A EMIGRAÇÃO PORTUGUESA

Historiador minhoto Daniel Bastos apresenta livro sobre a emigração portuguesa em Bruxelas

No próximo dia 24 de março (sexta-feira), é apresentado na capital da Europa o livro Gérald Bloncourt – O olhar de compromisso com os filhos dos Grandes Descobridores”.

Capa do Livro.jpg

A obra, concebida pelo historiador natural do Minho, Daniel Bastos, a partir do espólio do conhecido fotógrafo que imortalizou a história da emigração lusitana para França nos anos 60, é apresentado às 18h30 na Embaixada de Portugal em Bruxelas.

A apresentação do livro, uma edição bilingue em português, com prefácio do pensador e ensaísta Eduardo Lourenço, contará com a presença do fotógrafo que nas comemorações oficiais do 10 de junho em Paris recebeu das mãos do Presidente da República a Ordem do Infante D. Henrique, e estará a cargo do editor da Orfeu, Joaquim Pinto da Silva, e da socióloga das migrações Maria Beatriz Rocha – Trindade.

Além das fotografias históricas que Gérald Bloncourt captou sobre a vida dos emigrantes portugueses nos bidonvilles dos arredores de Paris, a obra reúne ainda memórias, testemunhos e imagens originais que o fotógrafo francês de origem haitiana realizou durante a sua primeira viagem a Portugal na década de 1960, onde retratou o quotidiano das cidades do Porto, Lisboa e Chaves. Assim como as da viagem a “salto” que fez com emigrantes lusitanos além Pirenéus, e as das comemorações do 1.º de Maio de 1974, que permanecem como a maior manifestação popular da história portuguesa.

Segundo Daniel Bastos, atualmente docente de História no Colégio João Paulo II em Braga, a edição do espólio fotográfico de Gérald Bloncourt constitui “um justo reconhecimento aos protagonistas anónimos da história portuguesa que lutaram aquém e além-fronteiras pelo direito a uma vida melhor e à liberdade”.

Refira-se que a sessão de apresentação incluirá ainda uma prova de vinho de Porto, um produto emblemático da cultura portuguesa, promovida pela De Wijn Fontein Bvba – A Fonte do Vinho, uma empresa portuguesa sediada na Bélgica que se dedica à distribuição de produtos nacionais.

 

Contra-capa do Livro.jpg

De Wijn Fontein Bvba – A Fonte do Vinho.jpg

O fotógrafo francês Gérald Bloncourt (esq.) com o historiador português Daniel Bastos.JPG

O historiador Daniel Bastos  (esq.) e o fotógrafo Gérald Bloncourt.jpg

O historiador português Daniel Bastos (esq.) e o fotógrafo francês Gérald Bloncourt.JPG

FAFENSES VÃO AO CINEMA

Fafe com programação especial de Cinema

As sessões de cinema aos fins de semana continuam em Fafe , com a exibição de vários filmes de sucesso.

cinema fafe.jpg

No próximo fim de semana, é exibido o filme “A Grande Muralha”, de Zhang Yimou, em três sessões distintas: no sábado, às 21h30 e no Domingo, às 15h30 e às 21h30.

Nos dia 18 e 19 de Março, é projectado na grande tela, o filme “Lion, a longa estrada para casa”, de Garth Davis, também com três sessões.

O mês encerra com a exibição de “Moonlight”  (vencedor do Óscar Melhor Filme), de Berry Jenkins. Um filme para maiores de 16 anos que estará em exibição no Sábado, 25, às 21h30 e no Domingo, às 15h30 e Às 21h30.

Todos as sessões decorrem na Sala Manoel Oliveira. 

Os bilhetes estão à venda na Casa da Cultura.

O FESTIVAL DAS MIGRAÇÕES, CULTURAS E CIDADANIA

No âmbito da ligação que tenho estabelecido ao longo dos últimos anos com as comunidades portuguesas espalhadas pelos quatro cantos do mundo, conexão essa que me tem permitido pessoal e profissionalmente auscultar e aquilatar a mundividência em que muitos desses nossos compatriotas se encontram inseridos, tomo a liberdade de enviar em anexo, para possível divulgação e publicação do vosso órgão de informação, uma crónica subordinada à temática “O Festival das Migrações, Culturas e Cidadania”.

Daniel Bastosfafe.jpeg

No início deste mês de março, realiza-se uma vez mais, no Grão Ducado do Luxemburgo, um país da Europa setentrional circundado pela Bélgica a oeste, a França a sul e a Alemanha a leste, uma nova edição do Festival das Migrações, Culturas e Cidadania, que atrai todos os anos milhares de pessoas.

Este ano, assinala-se a 34.ª edição desta iniciativa do Comité de Ligação das Associações de Estrangeiros (CLAE), que constitui um ponto de encontro anual dos estrangeiros no Luxemburgo, que representam cerca de metade da população do país. O português é mesmo uma das cinco línguas mais faladas no país depois do francês, luxemburguês e alemão, tanto que em 2015, havia mais de 90.000 portugueses no território, representando 17% da população do Luxemburgo.

Valorizar as culturas e partilhá-las, assim se pode resumir a essência deste evento multicultural que inclui exposições, concertos, encontros literários, projeções de filmes e gastronomia dos quatro cantos do mundo.

No decurso do festival na LuxExpo no Kirchberg, decorre a 17ª Feira do Livro e o 5º encontro de culturas e artes contemporâneas, ArtsManif, que como em edições anteriores contará com a presença de escritores e artistas dos quatro cantos do mundo, inclusive do espaço lusófono, que têm nestes dias um palco privilegiado para a promoção e divulgação dos seus trabalhos.

Numa época em que a tentação de construção de muros a separar povos e culturas é grande, onde os populismos parecem ganhar terreno à custa das consequências económicas, da crise de refugiados e de intolerâncias religiosas, o Festival das Migrações, Culturas e Cidadania é uma pedrada no charco que agita as águas, reafirmando a premência da construção de uma cidadania europeia e mundial ativa, assente no primado universal da diversidade cultural, das minorias e dos valores dos direitos humanos.

Daniel Bastos

GNR INAUGURA NOVO QUARTEL EM FAFE

Primeiro-ministro inaugura Novo Quartel da GNR de Fafe

A inauguração das novas instalações do Destacamento Territorial de Fafe decorre amanhã, 3 de Março, pelas 11h30. 

DSA_5271A.jpg

A cerimónia conta com a presença do Primeiro Ministro, António Costa, e  da Ministra da Administração Interna,  Constança Urbano de Sousa. 

Recorde-se que o novo Quartel da Guarda Republicana de Fafe, localizado na Rua Serpa Pinto, representou um investimento na ordem dos dois milhões de euros, sendo fruto de um protocolo entre o Município de Fafe, a Direcção Geral de Infraestruturas e Equipamentos do Ministério da Administração Interna e a Guarda Nacional Republicana.

Refira-se ainda que a visita do Primeiro Ministro a Fafe inicia com a visita às instalações da empresa Ramiro & Carvalho, na Zona Industrial, a partir das 10h45. 

DSA_5347A.jpg

FAFENSES PRESTAM TRIBUTO A ZECA AFONSO

Núcleo de Artes e Letras de Fafe e Atriumemória promovem tributo a José Afonso

O Núcleo de Artes e Letras de Fafe, em parceria com a associação Atriumemória, promove uma Tertúlia musical e poética em tributo ao cantor José Afonso, a propósito dos 30 anos do seu falecimento, esta sexta-feira, 24 de Fevereiro, a partir das 21h30, na Sala Manoel de Oliveira, em Fafe.

16819104_1255722981141828_2142245624395137861_o.jpg

Participam musicalmente os FourArmil, o duo Duarte e Diana, Fernando Peixoto Lopes e José Augusto Gonçalves, havendo a hipótese de aparecerem mais participantes

Regista-se ainda a leitura de poemas de e sobre o autor de “Grândola Vila Morena” ou "Os Vampiros", por poetas e declamadores locais.

A iniciativa que conta com a colaboração do Município de Fafe é de entrada livre.

Recorde-se que Zeca Afonso nasceu em 2 de Agosto de 1929 e faleceu em 23 de Fevereiro de 1987, no Hospital de Setúbal, vítima de esclerose lateral amiotrófica, diagnosticada cinco anos antes.

Deixou um legado musical, cultural, de resistência e de liberdade que ainda hoje permanece actual.

CUCA ROSETA ATUA AO VIVO NO TEATRO CINEMA DE FAFE

Com a chegada do mês de Março, os grandes concertos regressam a Fafe. No próximo dia 11, é a vez de Cuca Roseta subir ao palco do Teatro Cinema de Fafe para um espetáculo que garante ser inesquecível.

cuca.jpg

Cuca Roseta é uma das mais marcantes e reconhecidas vozes do Fado da atualidade. Quis o destino que o seu primeiro disco fosse produzido por um dos mais célebres e aclamados produtores do mundo - Gustavo Santaolalla - detentor de vários Óscares e Grammy’s.

Cuca viria assim a destacar-se no panorama da música nacional. O sucesso foi tanto que viria a ser largamente referida nos media nacionais e internacionais. No mesmo ano, também Cuca Roseta foi a artista de destaque no prestigiado filme de Carlos Saura – “Fados”.

Num segundo disco, Cuca Roseta quis ir mais longe e fazer algo diferente, mostrando mais do seu “outro lado”, o lado da composição. Assume assim o risco de escrever e assinar a maior parte das letras e músicas em “Raiz”, risco esse que foi tão bem-vindo!”

“Raíz” percorre o país e o mundo mostrando a sua voz e toda a sua arte, tendo atuado nos principais palcos nacionais e internacionais.

Em Maio deste ano edita “Riû”, com mais um “trunfo na manga”: a produção de um disco pela mão do célebre Nelson Motta, intitulado no Brasil como o “Papa” da música.

Em “Riû” Cuca Roseta dá mais um importante salto na sua carreira, faz parcerias e canta temas originais de Djavan, Ivan Lins, Jorge Drexler, Jorge Palma, Sara Tavares, Pedro Jóia e Mario Pacheco.

Com “Riû”, Cuca fez mais de 50 espetáculos nos últimos três meses em Portugal e no mundo e recebe as melhores críticas dos media.

Pompeu Martins, Vereador da Cultura da Câmara Municipal de Fafe, reconhece que “este será, sem dúvida, um grande concerto. Temos recebido em Fafe diversos do nomes do panorama musical nacional, e também internacional, que nos têm presenteado com espectáculos memoráveis.

O nosso objectivo é continuar a proporcionar momentos especiais ao público, trazendo ao Teatro Cinema nomes tão relevantes e acarinhados, como até então temos feito.

No próximo mês, é a vez de ouvirmos Fado em Fafe com um nome incontornável, Cuca Roseta. Será certamente um concerto especial!”

Recorde-se que o concerto tem inicio marcado para as 21h30 e os bilhetes já estão à venda na Loja Interactiva de Turismo.

WEB-CUCA-POST-01.jpg

“PAI DAS ORELHEIRAS”TEM QUEIMA MARCADA NO CARNAVAL EM FAFE

Fafe volta a celebrar o Carnaval, revivendo uma tradição que se foi esvanecendo com o passar do tempo e que, em 2015, foi recuperada pelo Município.

A queima do “Pai das Orelheiras” volta, assim, a estar na agenda do Carnaval fafense e encontra-se marcada para o próximo dia 28 de Fevereiro, terça-feira, na Praça 25 de Abril.

As festividades têm início marcado para as 18h00 com o Arruamento de Bombos, seguindo-se, às 19h00, a Folia pelas Ruas e um momento musical protagonizado pela Banda Faz de Conta.

Haverá ainda tempo para recuperar a tradição das bocas e mal dizeres com a iniciativa “No Carnaval, ninguém leva a mal!”

O evento, que vai contar com a presença e colaboração de várias associações recreativas e culturais do concelho, conhecerá o seu ponto mais alto aquando da queima do boneco, de grandes dimensões, ao som da marcha fúnebre, pelas 20h00.

Dança, música e muita animação não faltarão durante a festa que contará também com petiscos e bebidas no centro da cidade.

A juntar a esta iniciativa, Fafe terá, novamente, animação de rua pelas freguesias do concelho – vários desfiles, concursos de máscaras e animação tradicional.

O Presidente da Câmara Municipal, Raul Cunha, destaca a importância de manter vivas as tradições da cidade.

O ano passado, o mau tempo não permitiu que assistíssemos à Queima do Pai das Orelheiras, mas este ano contamos poder reviver esta tradição, em Fafe.

As cerca de 3000 pessoas que assistiram em 2015 atestam a recetividade que esta festa de Carnaval colheu junto dos fafenses e esperamos poder igualar ou superar esse número na próxima terça-feira.

É importante preservarmos este tipo de tradições, que são uma marca da nossa identidade.”

SENIORES DE FAFE DANÇAM NO CARNAVAL

Mais de 200 idosos participam no Baile de Carnaval em Fafe

Cerca de 200 idosos de todo o concelho já confirmaram a sua presença, na próxima sexta-feira, no Baile de Carnaval Sénior, que decorrerá na Casa do Gandião, numa tarde que promete muita animação, música, surpresas.

DCS_3887.JPG

Várias instituições do concelho marcam presença nesta festa, promovida pelo Município de Fafe há vários anos, e que celebra o Carnaval junto dos mais velhos.

O Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha, garante que “esta é uma celebração especial para os nossos seniores. Durante mais de três horas, têm oportunidade de conviver, divertirem-se e partilharem momentos de alegria.”

DCS_9649.JPG

DCS_0031.JPG

FAFENSES FAZEM BATIDA AO JAVALI

Município de Fafe promove Montaria ao Javali. Inscrições de 22 a 24 de Fevereiro

No próximo Sábado, 25 de Fevereiro, o Município de Fafe promove a habitual Montaria ao javali.

A iniciativa tem início marcado para as 08h00, altura da concentração na Câmara Municipal e sorteio das 100 portas.

Por volta das 9h00, será servido o pequeno-almoço, na cantina da Câmara Municipal de Fafe, seguindo-se a deslocação para a mancha da montaria, a partir das 10h00.

Às 11h00 inicia-se, finalmente, a montaria ao javali, que só terminará por volta das 15h00.

O almoço com todos os caçadores está marcado para as 16h00, leiloando-se, depois, os exemplares abatidos.

As inscrições para a participação na Montaria terão lugar nos dias 22, 23 e 24 de Fevereiro, nos serviços de atendimento da Câmara Municipal de Fafe.

As taxas a pagar pelos participantes vão desde os 25€ (caçadores de tipo A - desconto de 50% conforme Plano de Exploração Anual) aos 50€ (caçadores de tipo D).

Relembre-se que o almoço terá também o custo de 15€ por pessoa, bem como por acompanhante.

Os caçadores participantes poderão estacionar na Praça Mártires do Fascismo, de forma gratuita.

Esta iniciativa tem o apoio da Associação de Caça e Pesca Montes de Fafe e do Clube de Caça e Pesca de Fafe.

ESCOLAS DE FAFE DESFILAM NO CARNAVAL

Mais de 2500 crianças vão desfilar dia 24

No próximo dia 24 de Fevereiro, durante a manhã, entre as 09h30 e as 12h00, terá lugar o Desfile de Carnaval das Escolas de Fafe.

DCS_3735.JPG

Mais de 2500 crianças do ensino pré-escolar e 1º ciclo são esperadas para fazer o percurso pela cidade, em representação de cerca de trinta instituições de ensino concelhias.

Os alunos de dezoito freguesias de Fafe irão concentrar-se na Praça Mártires do Fascismo, pelas 09h30, altura em que se inicia o desfile pelas ruas da cidade.

O percurso a realizar passa pela Rua Trindade Coelho, Rua Serpa Pinto, Rua Major Miguel Ferreira, Rua Monsenhor Vieira de Castro, Cimo da Arcada – Rua António Saldanha, Praça 25 de Abril e Rua 31 de Janeiro. Termina novamente na Praça Mártires do Fascismo, pelas 12h00.

Esta é uma manhã diferente para os alunos das escolas de Fafe, com muita animação e fantasia.

DCS_3841.JPG

MÉDICA FAFENSE VENCE PRÉMIO MAXIMINO DE MATOS

Jovem médica Marta Filipa Mendes venceu Prémio Maximino de Matos 2016

A jovem médica Marta Filipa Lemos Mendes, natural e residente na freguesia de Regadas, do concelho de Fafe, venceu a edição de 2016 do Prémio Dr. Maximino de Matos, instituído pelo Município de Fafe.

IMG_4495.JPG

Concorreram quatro jovens médicos fafenses, tendo vencido o que apresentou média final superior. Marta Filipa Mendes concluiu o Mestrado Integrado em Medicina na Universidade Nova de Lisboa, com média superior a 16 valores.

Com o patrocínio da autarquia e em cumprimento do legado deixado por D. Laura Summavielle Soares de Matos, o Prémio Dr. Maximino de Matos tem como objetivo galardoar anualmente o aluno do concelho que melhor classificação obtenha no mestrado integrado de medicina.

Podem concorrer ao Prémio, no valor de 750 Euros e instituído todos os anos, os recém-mestrados de qualquer dos ramos das diversas faculdades e institutos do país que ministram Cursos Superiores de Medicina, desde que comprovem o seu nascimento ou residência há mais de um ano no concelho de Fafe.

O Prémio é entregue à vencedora no próximo dia 25 de Abril, no âmbito das comemorações do "Dia da Liberdade".

FAFE PROMOVE DESPORTO ESCOLAR

250 jovens participaram no 18º Convívio de Natação Escolar Concelhio

Decorreu, esta manhã, na Piscina Municipal de Fafe, o 18º Convívio de Natação Escolar Concelhio, aberto à participação dos alunos do 2º e 3º Ciclos e do Ensino Secundário.

MMC_5077A.jpg

A iniciativa prolongou-se até às 13h00 e contou com a presença de cerca de 250 alunos de diferentes escolas do concelho.

Durante a manhã, os jovens desfrutaram de uma rotina diferente do habitual, com diversos jogos aquáticos – caça ao tesouro, ponte flutuante, bola ao cesto, estafetas, voleibol e pólo aquático.

Pompeu Martins, Vereador da Educação e do Desporto, ressalva a importância deste tipo de iniciativas.

“É importante promovermos o desporto escolar e incentivar os jovens a desenvolver uma vida ativa, da qual faça parte o exercício físico.

O Convívio de Natação Escolar já se tem repetido vários anos e é uma forma de proporcionarmos aos alunos das nossas escolas uma manhã diferente.

O desporto promove o espírito de equipa e entreajuda entre os jovens e é um ponto de equilíbrio importante no percurso académico dos alunos.”

Os alunos que participaram ficaram satisfeitos com a iniciativa, referindo também que o convívio entre as escolas é positivo e deveria ser promovido mais vezes.

MMC_5099A.jpg

MMC_5169A.jpg

MMC_5207A.jpg

FAFENSES VÃO AO CINEMA AOS FINS-DE-SEMANA

xXx: O Regresso de Xander Cage” e “La La Land: Melodia de Amor” em exibição

Os fins de semana dedicados ao Cinema regressaram a Fafe, com a exibição de vários filmes de sucesso.

XXX_Cartaz.jpg

Este fim de semana, três sessões na Sala Manoel Oliveira, põem em exibição o filme, “xXx: O Regresso de Xander Cage”, de D. J. Caruso. No Sábado, às 21h30 e no Domingo, dia 19, às 15h30 e às 21h30.

No fim de semana, de 25 e 26 de Fevereiro, o mais recente premiado “La La Land” de Damien Chazell estreia, em Fafe, também com três sessões. No Sábado, às 21h30 e no Domingo, às 15h30 e às 21h30.

Os bilhetes estão à venda na Casa da Cultura.

Recorde-se que o filmes são aconselhados a maiores de 12 anos.

4 ESCOLAS DE FAFE PARTICIPAM NO PROJECTTO “HERÓIS DA FRUTA”

A competição decorre em www.heroisdafruta.com até 10 de março e vai eleger quatro “Hinos da Fruta” finalistas de cada distrito

musclisnnn (1).jpg

Quatro escolas do concelho de Fafe participam, neste momento, no Heróis da Fruta, um projecto que incide nos hábitos de alimentação saudável e que, nesta fase, desafia as escolas a partilharem, através de músicas, as lições que aprenderam desde o início.

O Jardim de Infância de Antime - Sala Gotas de Amor sala3 pré , o Centro Para Formação da Juventude de Arões - Sala 5 ANOS, Sala 4 ANOS, Sala 3 ANOS, a EB da Serrinha (J.I.) - Sala 1 e a EB/JI Lugar Novo - Regadas - R4, R3 são as escolas que representam Fafe nesta competição. 

Lista dos 4 vídeos das escolas participantes do concelho de Fafe:

A APCOI - Associação Portuguesa Contra a Obesidade Infantil apresentou os vídeos, apelidados de “Hinos da Fruta”, criados pelos 53.399 alunos de todos os distritos do país que participam este ano letivo na 6ª edição do projeto «Heróis da Fruta - Lanche Escolar Saudável».

Nesta divertida competição nacional que hoje começa, as crianças partilham a cantar as lições que aprenderam ao longo do projeto sobre a importância dos hábitos saudáveis e convidam os adultos para votar no “Hino da Fruta” da turma ou da escola.

A votação já está aberta a todo o público e decorre até às 23:59 do dia 10 de março no sitewww.heroisdafruta.com e vai apurar 80 hinos finalistas: os 3 mais votados, bem como o mais partilhado de cada distrito ou região autónoma.

Mário Silva, presidente e fundador da APCOI e mentor do projeto "Heróis da Fruta - Lanche Escolar Saudável"lembrou que “cada voto em qualquer hino da fruta reverte como donativo para a «Missão 1 Quilo de Ajuda»um fundo social que permite à APCOI distribuir gratuitamente cabazes semanais nas escolas para apoiar a inclusão de fruta no lanche escolar dos alunos mais carenciados do país”.

Mário Silva, acrescentou ainda que “todas as pessoas que votarem nos hinos da fruta ficarão também habilitadas a ganhar fantásticos prémios. São mais de mil experiências à escolha para parques aquáticos, zoológicos, museus, aquários, centros de ciência viva e parques de diversões. Além disso, há um super prémio: uma viagem de sonho aos Açores”.

Sobre o Projeto «Heróis da Fruta – Lanche Escolar Saudável»

Depois do sucesso das edições anteriores que envolveram no total 236.227 alunos, no ano letivo 2016/2017 participam no projeto «Heróis da Fruta – Lanche Escolar Saudável», 53.399 alunos, de 2.665 turmas, de 900 jardins de infância e escolas básicas do 1º ciclo de todos os distritos do país, incluindo as regiões autónomas da Madeira e dos Açores. «Heróis da Fruta – Lanche Escolar Saudável» é atualmente o maior programa gratuito de educação para a saúde de âmbito nacional, com uma das maiores taxas de sucesso de sempre em reeducação alimentar infantil em Portugal: está estatísticamente comprovado que a aplicação do modelo pedagógico dos «Heróis da Fruta» aumenta em pelo menos 42% o consumo de fruta diário das crianças que nele participam.

Além do incentivo ao consumo de fruta nas quantidades recomendadas pela OMS (Organização Mundial de Saúde), o projeto «Heróis da Fruta – Lanche Escolar Saudável» leva também às crianças lições importantes sobre alimentação saudável, higiene oral, atividade física, economia e poupança, respeito pelo ambiente e bem-estar emocional, que as ajudam a crescer saudáveis, ativas e felizes.

Site oficial do projeto «Heróis da Fruta – Lanche Escolar Saudável»: www.heroisdafruta.com

Sobre a APCOI

A Associação Portuguesa Contra a Obesidade Infantil (APCOI) é uma organização não governamental, sem fins lucrativos, fundada em 2010, cuja missão é ajudar a criar um mundo melhor para as futuras gerações, através de iniciativas que valorizem a saúde das crianças, promovam o combate ao sedentarismo ou à má nutrição e previnam a obesidade infantil e todas as doenças associadas. Desde Dezembro de 2010, a APCOI já beneficiou 255.363 crianças através das suas iniciativas.

16708744_1277119089036080_5922378232428597226_n.jpg

ALUNOS DAS ESCOLAS DE FAFE REALIZAM CONVÍVIO DE NATAÇÃO

Fafe promove o 18º Convívio de Natação Escolar Concelhio

No próximo dia 14 de Fevereiro, terça-feira, a Piscina Municipal de Fafe vai receber alunos do 2º e 3º ciclo e secundário, para mais um Convívio de Natação Escolar.

DSA_1772A.jpg

O evento decorrerá entre as 9h00 e as 13h00 e conta com a presença de mais de 200 alunos de diversas instituições de ensino do concelho.

Neste, que é o 18º Convívio de Natação Escolar, os alunos poderão desfrutar de uma manhã diferente, com diversos jogos aquáticos.

DSA_1843A.jpg

FAFE RECEBE PROVA DE RECONHECIMENTO DO CAMPEONATO NACIONAL DE RALIS

O “prólogo” do CNR é já no dia 11

Manda a tradição que uma semana antes do Rally Serras de Fafe se realizem os reconhecimentos com os troços fechados ao trânsito.

DSA_3282.JPG

Fafe é um município pioneiro, no que à promoção dos ralis diz respeito. Por isso, há trinta anos que recebe, ininterruptamente, uma prova do Campeonato Nacional de Ralis. Os reconhecimentos com troços fechados ao trânsito foram também, pela primeira vez, aqui realizados.

Por isso, a uma semana da abertura do Nacional de Ralis, cumpre-se mais uma vez a tradição e sendo a primeira prova do ano, os reconhecimentos do próximo Sábado, afirmam-se como uma espécie de antevisão da época que se avizinha.

Os reconhecimentos começam às 9.00 e terminam às 10,15 horas em Montim, seguindo-se Confurco das 10,30 às 12.00h, com a sempre espectacular passagem do asfalto e nos clássicos saltos. Este cenário vai-se repetir das 14.00 às 16.00h com os reconhecimentos da Lameirinha, seguindo-se Luílhas, que se inicia às 16,30 e termina às 18,00 horas.

Uma das novidades é a realização da Fafe Street Stage, com os reconhecimentos a acontecerem no dia 18, primeiro dia de prova.

Outra das novidades do Rally Serras de Fafe é o facto de pontuar para o Troféu Europeu de Ralis, Troféu Ibérico de Ralis e, claro, para o Campeonato Nacional de Ralis e Taça de Ralis FPAK de Terra.

Revorde-se que a prova vai para a estrada no próximo Sábado, dia 18 de Fevereiro.

http://www.cpl3.com/index.php/media-center/24-mediacenter/demoporto/555-o-prologo-do-cnr-e-ja-no-dia-11 

FAFE EXIBE FILME DE MARTIN SCORSESE

'Silêncio' em exibição na Sala Manoel Oliveira

No próximo fim-de-semana, o cinema regressa a Fafe. O filme “SILÊNCIO”, de Martin Scorsese é exibido, na Sala Manoel de Oliveira, em quatro sessões.

web-silencio-POST-FB-01.jpg

No sábado, dia 11, as sessões decorrem às 15h30 e às 21h30 e no Domingo, 12, a partir das 15h00, repetindo, às 21h.

Os bilhetes, com o valor de 3 euros, já estão à venda na Loja Interactiva de Turismo e na Casa da Cultura. 

fafefilm.jpg

FAFE RECEBE EXPOSIÇÃO CANINA NACIONAL

X Exposição Canina Nacional em Fafe. Mais de 500 cães marcam presença no Pavilhão Multiusos

No próximo fim-de-semana, 11 e 12 de Fevereiro, terá lugar, no Pavilhão Multiusos de Fafe, mais uma edição da Exposição Canina Nacional.

2016.jpg

Pela décima vez, em Fafe, mais de 500 cães de 90 raças diferentes irão a concurso. A iniciativa decorrerá no próximo sábado, durante a tarde (a partir das 13h00), e no domingo, durante a manhã (a partir das 11h00).

A exposição é promovida pela Delegação Norte do Clube Português de Canicultura, em colaboração com a Câmara Municipal de Fafe, e está aberta aos exemplares de todas as raças e variedades oficialmente reconhecidas, registados em livros de origens ou com registos iniciais emitidos por organismos reconhecidos pela Fédération Cynologique Internationale.

Pompeu Martins, Vereador do Desporto, reconhece este como mais um evento fundamental para a promoção do concelho.

“Há pouco tempo, Fafe acolheu a Exposição de Columbofilia, que foi um verdadeiro sucesso, e este mês, voltamos a receber a edição 10 da Exposição Canina Nacional.

Durante vários anos, este certame demonstrou ser um caso de sucesso e esperamos que este ano, a marca continue.

Nesta edição, vamos receber uma enorme variedade de raças distintas, o que enriquece a Exposição, sendo um ponto atractivo fundamental.

Para nós, é sempre um privilégio receber estes eventos em Fafe.”

O preço do bilhete para assistir à Exposição é de 1,50€, sendo que as crianças até aos 12 anos não pagam qualquer quantia.

Exposição Canina.jpg

TERTÚLIA DOS 40 ATUA EM FAFE

Trio promete uma viagem pela memória

No próximo dia 11 de Fevereiro, a Banda 'Tertúlia dos 40' atua, pela primeira vez, em Fafe.

Tertuli foto cartaz pqn.jpg

O Jornalista Carlos Daniel, o músico Filipe Fonseca e o radialista João Ricardo Pateiro vão subir ao palco do Teatro Cinema de Fafe, a partir das 21h30, e prometem um espetáculo memorável, onde a energia e boa disposição serão as palavras de ordem.

Juntos há cerca de três anos, a 'Tertúlia dos 40' nasceu de um encontro de amigos que gostavam de cantar. Mais tarde, transformou-se num espetáculo que já sobe aos palcos das salas mais emblemáticas do país.

O concerto será uma uma viagem na memória do grande público, reavivando os anúncios da televisão, as músicas dos desenhos animados e os sucessos dos festivais da canção. Pelo meio, há estórias (até agora em segredo) dos bastidores da Rádio e da TV.

Pompeu Martins, Vereador da Cultura da Câmara Municipal de Câmara Municipal de Fafe, destaca mais um momento especial na programação do Teatro Cinema de Fafe.

A programação cultural para o Teatro Cinema de Fafe em 2017 promete ser muito especial. Depois de termos recebido a Banda Sinfónica em Fafe e o concerto do Sandy Kilpatrick, durante o Fafe Film Fest, acolhemos, agora, o espetáculo da 'Tertúlia dos 40'.

Acreditamos que será um grande momento protagonizado por caras conhecidas do grande público, com temas muitos especiais que nos vão reavivar a memória e viajar pelo passado.

É este o caminho que queremos continuar a seguir. Trazer a Fafe uma variedade de artistas e bandas que valorizem o que de melhor se faz pela cultura do nosso país.”

Os bilhetes já estão à venda e podem ser adquiridos na Loja Interactiva de Turismo.

WEB-40-F-01.jpg

FAFE ESTÁ NA ROTA DO RALLY

Rally Serras de Fafe 2017 corre de 18 e 19 de Fevereiro

O Rally Serras de Fafe vai ser disputado nos próximos dias 18 e 19 de Fevereiro. A 30ª edição volta a abrir o Campeonato Nacional de Ralis e pontua igualmente para Troféu Europeu de Ralis, Troféu Ibérico de Ralis, Taça de Ralis FPAK Terra.

É constituído por 12 provas especiais de classificação e tem partida e chegada em Fafe, que há 30 anos acolhe esta prova.

Saiba mais em: http://cpl3.com/index.php/media-center/24-mediacenter/demoporto/552-rally-serras-de-fafe-2017

DSA_4953.JPG

DSA_4955.JPG

DSA_4962.JPG

DSA_4973.JPG

MUNICÍPIO DE FAFE APRESENTA VOTO DE LOUVOR AO GIPS

Foi aprovado, por unanimidade, em Reunião de Câmara desta manhã, um voto de louvor ao Grupo de Intervenção Protecção e Socorro de Fafe.

A proposta, apresentada pelo Vereador Vítor Moreira, procura “destacar o papel fundamental que os GIPS desempenham na protecção civil e defesa da floresta, tendo tido um trabalho meritório no combate aos incêndios no verão passado.

“Os GIPS têm um papel distinto pela autoridade que representam , o que é muito importante nas zonas onde marcam presença. Têm sido muito importantes na sensibilização junto da população para que se cumpram as regras de limpeza das áreas envolventes.”

O Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha, agradeceu o esforço e dedicação destas equipas.

“Queremos agradecer o esforço que estas equipas têm feito. Têm desenvolvido uma acção meritória no combate aos incêndios e na protecção civil, sendo, por isso, justo este reconhecimento público. Devemos ter um reconhecimento e estima muito grandes por estas equipas e pelo trabalho que levam a cabo, não só no Verão, como durante todo o ano.”

POETA DANIEL BASTOS LEMBRA AUSCHWITZ

Daniel Bastos.jpg

Relembrar Auschwitz

Vagueiam nus
em Auschwitz,
perdidos no silêncio infame,
os corpos dos nossos irmãos
aguardando disformes
o prenúncio da morte.
Arrastam-se lentamente
presos num corpo despojado
de dignidade que já foi seu.
Imploram aos carcereiros
obreiros da iniquidade,
alivio para a dor lancinante
que dilacera as entranhas
da humanidade.
Erguem-se em Auschwitz
as vozes dos inocentes
que padeceram a crueldade
hedionda do Holocausto.
Repousam em Auschwitz
as cinzas da história
que nunca devíamos
ter deixado acontecer!

Daniel Bastos, “Relembrar Auschwitz” in Terra.

Relembrar Auschwitz - Desenho de Orlando Pompeu in      Terra.jpg

MUNICÍPIO DE FAFE CELEBRA PROTOCOLO COM A CRUZ VERMELHA PORTUGUESA

Foi assinado, ontem, o Protocolo entre a Câmara Municipal de Fafe e a Cruz Vermelha Portuguesa que prevê a dinamização dos Centros de Convívio nas diversas freguesias do concelho.

DSA_4523A.jpg

O acordo foi, agora renovado, tendo sido estabelecido, inicialmente, no ano 2016.

Esta parceria visa a criação e manutenção de atividades nos centros de convívio, garantindo um trabalho concertado e eficiente na promoção da cidadania e envelhecimento ativo dos residentes nas diversas freguesias.

A equipa responsável pela respectiva dinamização, UNIR (Unidade de Intervenção e Recursos), tem vindo a desenvolver diversas actividades junto dos seniores, de forma a promover o envelhecimento activo e participativo.

A UNIR tem o apoio constante da Câmara Municipal, mas também da ação de um conjunto de voluntários, de agentes locais e entidades parceiras, sempre que se considere pertinente.

Para o Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha, este é um projeto que se justifica pela necessidade de acompanhar a comunidade sénior e promover a sua participação em atividades sócio-recreativas e culturais.

“Este projeto, desenvolvido em parceria com a Delegação de Fafe da Cruz Vermelha Portuguesa, assenta na vontade constante e sempre presente do Município em dar a oportunidade aos nossos séniores de envelhecerem de uma forma saudável e ativa.

Queremos que os centros de convívio tenham um leque de atividades diversificado, promovendo o envelhecimento ativo e a cidadania de todos os idosos.

Pretende-se, deste modo, prevenir a solidão e o isolamento, bem como potenciar a inclusão social e as relações interpessoais desta faixa etária.

Este trabalho tem importância reforçada pelo facto de retardar e até evitar a institucionalização dos idosos do concelho.”

DSA_4524A.jpg

SECRETÁRIA DE ESTADO ADJUNTO E DA JUSTIÇA EM FAFE

Cumpriu-se um o nosso compromisso de aproximar a justiça das populações”

A Secretária de Estado Adjunta e da Justiça, Helena Ribeiro, esteve, esta manhã, em Fafe para visitar as instalações do Juízo de Família e Menores, criado no concelho no início deste ano.

DSA_4338A.jpg

O Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha, acompanhou a Secretária de Estado durante a visita, revelando a sua satisfação e agrado com a criação deste Juízo no concelho.

Este é um culminar de um trabalho, que se desenvolveu ao longo do ano que terminou, e que teve esta conclusão de podermos ter, em Fafe, uma secção de Tribunal de Família e Menores. Este juízo cumpre o objetivo, tanto do Governo, como da Autarquia, em aproximar a justiça dos cidadãos e valorizar o esforço de todas as pessoas que trabalham na Justiça, prestando sempre um serviço de maior qualidade aos fafenses.”

Esta relação entre Ministério da Justiça e a Autarquia é uma relação que tem o nosso compromisso e a necessidade de ser aprofundada, porque, como todos acabamos de ver, há ainda muito trabalho a fazer. A Autarquia comprometeu-se a criar as condições para que o Tribunal de Família e Menores se instale com a dignidade que merece. No entanto, existe toda uma intervenção no edifício do Tribunal que merece ser aprofundada, nunca deixando de respeitar a lei.” conclui.

Durante a visita, Helena Ribeiro relevou a sua satisfação por ver cumprido mais um objectivo no âmbito da reorganização do mapa jurídico.

Hoje, estou em Fafe pela segunda vez para comprovar que aquilo que aqui viemos fazer da primeira vez não foi em vão, foi frutífero e temos agora o Juízo de Família e Menores. A população de Fafe e dos municípios à volta têm, agora ,uma resposta mais próxima e eficiente.

O Governo cumpriu um dos seus primeiros compromissos, o de aproximar a Justiça das populações. Uma vez que aqui, em Fafe, já havia o Tribunal, essa aproximação traduziu-se na criação de um Juízo de Família e Menores. Esta era uma reivindicação e algo que foi visto como adequado pelos próprios órgãos do gestão que tivemos o cuidado de ouvir.

Ouvimos também o Presidente de Câmara que sempre pugnou e lutou para que déssemos esta resposta. Aliás, se hoje aqui estamos deve-se a ele, que ainda assim teve de diligenciar por adaptações neste Tribunal, por algumas obras, sem as quais isto não seria feito.

Garantir o acesso à Justiça e para que haja Justiça, a população tem que chegar aos Tribunais. Foram colocados vários entraves para conseguir levar esta Reforma ao terreno, mas, tudo foi conseguido e a reforma correu bem.

A Secretária de Estado reconheceu ainda a necessidade de mais espaço e melhores condições, garantindo que as obras de requalificação não serão esquecidas.

Na visita, estiveram também presentes membros do Executivo Municipal, Representantes da Ordem dos Advogados de Fafe e Representantes dos Órgãos Judiciários.

Recorde-se que o Juízo de Família e Menores de Fafe, criado no âmbito da reorganização do mapa jurídico levada a cabo pelo Governo, vai ter como área de competência territorial os Municípios de Fafe, Cabeceiras de Basto e Celorico de Basto, abrangendo uma população de cerca de 90 mil pessoas.

DSA_4406A.jpg

DSA_4439A.jpg

DSA_4442A.jpg

DSA_4464A.jpg

SANDY KILPATRICK ATUA NO TEATRO CINEMA DE FAFE

Concerto de pré apresentação do tema Whispering Wind 

No próximo Sábado, 28 Janeiro, o músico Sandy Kilpatrick atua no Teatro Cinema de Fafe.

Sandy.jpg

Neste concerto, Sandy Kilpatrick viaja pelo seus últimos trabalhos, aproveitando ainda para apresentar o single Whispering Wind  do seu mais recente trabalho 'Confessions from The South', um álbum de homenagem ao nosso país, inspirado pelas surpreendentes paisagens de dez locais diferentes em Portugal.

Este seu novo trabalho vai contra a nova corrente mundial de tempos mais turbulentos e violentos. É um trabalho que, artisticamente, tenta quebrar com muros de separação e construir pontos de unidade e esperança, conectando pessoas através do amor à natureza e humaninsmo.

Whispering Wind é o primeiro tema escolhido que, apesar de ser cantado em inglês, reflete em muito a Portugalidade  que está já inerente ao trabalho de Sandy Kilpatrick.

"Confessions from The South" é o primeiro de um conjunto de quatro álbuns homenagem a diferentes países que, de alguma forma, marcaram a vida de Sandy Kilpatrick. O primeiro projeto a ser sobre Portugal, os restantes passam em países como a Irlanda, Escócia e Noruega

Sandy Kilpatrick é um cantor e compositor escocês, que vive em Portugal mas que se considera como um cidadão do mundo. Sandy vê Portugal como a sua segunda casa, onde os seus dois filhos nasceram e foram criados e onde ele vive há 15 anos.

Parece assim natural que ele seja entendido como parte da comunidade musical portuguesa, e este novo álbum representa esse longo caminho para fortificar a sua ligacão com o pais que o acolheu.

O concerto, inserido no Fafe Film Fest, tem início marcado para as 21h30.

Os bilhetes, com o custo de 5 euros, podem ser adquiridos na Loja Interactiva de Turismo.

SECRETÁRIA DE ESTADO E DA JUSTIÇA VISITA FAFE

A Secretária de Estado Adjunta e da Justiça, Helena Ribeiro, vai estar em Fafe, amanhã, para visitar as instalações do Juízo de Família e Menores, recentemente criado no concelho, no âmbito da reorganização do mapa jurídico.

A visita tem início marcado para as 11h00.

Recorde-se que o Juízo de Família e Menores entrou em funcionamento, em Fafe, no passado dia 4 de Janeiro. 

DSA_2940A.jpg

FAFENSES CANTAM OS REIS

Grupo Coral de Armil vence XXXII Encontro de Cantadores de Reis de Fafe

Decorreu, na tarde de ontem, mais uma edição do Encontro de Cantadores de Reis de Fafe.

Grupo Coral de S. Martinho vence Concurso de Cantares das Janeiras (1).JPG

O Grupo Coral de Armil sagrou-se o vencedor desta 32ª edição, perante centenas de pessoas que assistiram à final no Pavilhão Multiusos de Fafe.

O segundo lugar foi arrecadado pelos Amiguinhos de Jesus e em terceiro lugar ficou o Grupo Recreativo de Ardegão.

Antes da final, os 34 grupos participantes atuaram em diversos locais emblemáticos da cidade, tendo ainda feito pequenas paragens em vários cafés.

Eleitos para a final foram 12 grupos que, durante mais de duas horas, cumpriram a tradição do Cantar de Reis.

“O Encontro de Cantadores de Reis vai já na sua 32ª edição, o que revela o sucesso desta iniciativa que é sobretudo uma forma de preservar a tradição e o património cultural e imaterial de Fafe.

Quero deixar uma palavra de agradecimento e saudar os 34 grupos participantes por, mais uma vez, cumprirem a tradição e proporcionarem estes momentos a todos os presentes.”, revelou o Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha.

Presidente da Câmara felicita todos os grupos participantes (1).JPG

FAFE FILM FEST ARRANCA NA PRÓXIMA SEMANA EM FAFE

FAFE FILM FEST arranca na próxima quarta-feira. Luís Filipe Rocha é o homenageado desta 6ª edição

Festival conta com a presença, entre outros convidados, da escritora Cláudia Lucas Chéu, do ator Albano Jerónimo e do músico Sandy Kilpatrick

Luís Filipe Rocha.jpg

De 25 a 29 de Janeiro, Fafe vai tornar-se a capital do cinema. A 6ª edição do Fafe Film Fest vai trazer à cidade diversas atividades relacionadas com a sétima arte, desde debates, música, exposições, filmes a concurso, homenagens, entre muitas outras iniciativas.

Nesta edição, o Cineclube de Fafe, organizador do evento, em parceria com a Câmara Municipal de Fafe, homenageia o realizador Luís Filipe Rocha, com a exibição de alguma da sua filmografia, contando ainda com a presença do realizador ao longo do festival.

O programa é diversificado e abrange cinco dias de animação.

Na quarta-feira, dia 25, a partir das 9h30, decorre o Encontro Regional do Plano Nacional de Cinema, na Biblioteca Municipal.

Durante a tarde, perto das 17h00, são inauguradas, no Arquivo Municipal e na Sala Manoel de Oliveira, asExposições de Homenagem a Jean Loup Passek, patrono do Museu de Cinema de Melgaço.

A apresentação da obra Pornographia, de Claúdia Lucas Chéu, por César Freitas, com declamação de poemas pelo ator Albano Jerónimo, às 21h30, encerra o primeiro dia de festival.

No dia 26, durante a manhã, os alunos da Escola Secundária de Fafe vão ter oportunidade de conversar com a escritora Cláudia Lucas Chéu e o actor Albano Jerónimo.

Mais tarde, a Sala Manoel Oliveira, recebe o filme “Longe”, com a presença do realizador, José Oliveira, e do ator José Lopes, e, a partir das 21h30, será exibido o filme “Amor e Dedinhos de Pé”, de Luís Filipe Rocha.

Na sexta-feira, decorre uma oficina de cinema de animação com Abi Feijó, diretor da Casa Museu de Vilar, destinada aos alunos do concelho, e a exibição de filmes de animação de autoria de Abi Feijó e Regina Pessoa.

À noite, Luís Filipe Rocha volta a ser projetado na Sala Manoel Oliveira, com o filme “Sinais de Fogo”.

O dia de sábado é dedicado à projeção dos filmes a concurso.

Durante a manhã, decorre ainda, no Salão Nobre do Teatro-cinema, o Debate: “Da necessidade de legislação sobre a utilização de drones – o que falta?”.

Às 17.00h, é lançado “Plano Aproximado”, o número 1 de uma antologia de textos sobre Cinema, com a colaboração de Elsa Cerqueira, Jorge Campos, Nuno Fadigas, Paulo Cunha, Paulo Matos, Pedro Alves, Sérgio Guimarães Sousa.

O Teatro-cinema é palco, a partir das 21.30 horas, do Concerto Sandy Kilpatrick, que fecha mais um dia de festival.

Na manhã de domingo, último dia do festival, tem lugar, novamente, na Sala de Manoel de Oliveira, a Projeção dos filmes a concurso.

Gala de Encerramento desta 6ª edição do Fafe Film Fest decorre a partir das 16h00, no Teatro-cinema. Articulando momentos musicais com a entrega de certificados e prémios, a Gala fará homenagem a Jean Loup Passek e culminará com a homenagem ao protagonista deste festival, o realizador Luís Filipe Rocha, seguida da exibição do seu mais recente filme, "Cinzento e Negro", na presença também de um dos seus atores, Miguel Borges.

Para o Vereador da Cultura, Pompeu Martins, esta sexta edição promete ser um sucesso.

O Fafe Film Fest, que já vai na sua 6ª edição, é um festival que, para além de valorizar o cinema, permite promover a produção cinematográfica em diversos géneros.

É uma oportunidade para os apreciadores da sétima arte poderem assistir a filmes nacionais de qualidade, de forma gratuita. Esta iniciativa premeia também diversos projetos cinematográficos, sendo, por isso, um estímulo e um reconhecimento daquilo que de melhor se faz nesta área.

Este ano, homenageamos o realizador Luís Filipe Rocha pelo excelente trabalho desenvolvido nos últimos anos e vamos ter oportunidade de contar com a sua presença, o que nos deixa muito satisfeitos e orgulhosos.”

Recorde-se que a participação em toda a programação do FAFE FILM FEST é totalmente gratuita.

16114402_1225221930858600_4750961645790123651_n.jpg

FAFE ORGANIZA ENCONTRO PEDAGÓGICO DE TEATRO

IV Encontro Pedagógico do Teatro para Infância e Juventude

Dias 17 e 18 de abril de 2017

Trata-se da 4ª edição deste programa que tem como principal objetivo contribuir para uma maior sensibilização dos professores, principais agentes na formação cultural das crianças e dos jovens, oferecendo-lhes novas ferramentas práticas e teóricas, que incentivem as suas práticas docentes estabelecendo pontes entre a arte e o ensino para a formação de novos públicos.

 Nesta edição o programa pretende incrementar novos elementos de comunicação e difusão do evento. Proporcionar um maior envolvimento das escolas incluindo a participação dos alunos. Realizar a transmissão do ENCONTRO através de canais da internet possibilitando uma maior difusão e participação de professores de outros lugares e países. Abrir novos canais de aproximação entre a escola e a sociedade e a arte como veículo de sensibilização humana.

Estão confirmadas as presenças de reconhecidos especialistas portugueses, brasileiros e espanhóis (Dra Ingrid Dormien Koudeia; Jorge Larossa Bondia; Escola da Ponte; Adelino Calado, Diretor do Agrupamento de Escolas de Carcavelos e Alice Vieira).

Programa em anexo

Formação creditada:

Pelo CCPFC

Curso de Formação de 18 horas

Inscrições:

http://cffh.pt/index.php?pagina=ver_accao&accao=iv-encontro-pedagogico-do-teatro-para-a-infancia-e-juventude

para educadores e professores

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSdEilRlTc1PdpXv_e3rAE1lh4UTq1iBj1LhGnXBob4GnPER5g/viewform ou facebook/fafecidadedasartes

para outros interessados

Organização:

Câmara Municipal de Fafe

Fafe Cidade das Artes

Contactos:

fafecidadedasartes@gmail.com

913340546

flyer-IV encontropedagogico-01.jpg

flyer-IV encontropedagogico-02.jpg

CANTADORES DE REIS MARCAM ENCONTRO EM FAFE

XXXII Encontro de Cantadores dos Reis de Fafe. Iniciativa procura manter a tradição

Em tempos de se cantar os Reis cumpre-se, mais uma vez, a tradição. O Município de Fafe organiza, no próximo domingo, 22 de Janeiro, o XXXII Encontro de Cantadores de Reis.

GRUPO RECREATIVO DE ARDEGÃO_vencedor do ano passado.jpg

À semelhança do ano passado, também este ano, a iniciativa decorre em vários locais emblemáticos da cidade, a partir das 15h00.

Os 34 participantes serão organizados em seis grupos, distribuídos, em sorteio, por um primeiro local de atuação – Igreja Matriz, Igreja Nova, Teatro Cinema, Escola Secundária de Fafe, Escola Professor Carlos Teixeira e o Auditório da Câmara Municipal. Esta primeira fase, contará com a atribuição de uma pontuação a cada participante, em função da sua performance.

Antes de se conhecerem os finalistas, os participantes terão de fazer um percurso pela cidade , efetuando algumas paragens para pequenas atuações.

Reunidos no centro da cidade, serão eleitos dois finalistas por cada um dos seis grupos. Os 12 finalistas escolhidos farão uma última atuação, da qual sairá o grupo vencedor. Esta atuação terá lugar no Pavilhão Multiusos e está marcada para as 17h00.

Pompeu Martins, Vereador da Cultura, revela que esta é uma forma manter viva a tradição de se cantar as janeiras.

Este ano, optamos por manter as atuações em diversos locais pela cidade, porque queremos que esta iniciativa assegure a proximidade com os fafenses, que estes a sintam como deles e para eles.

O Encontro de Cantadores de Reis, que já vai na 32º edição, é sobretudo uma forma de preservar a tradição e o património cultural e imaterial de Fafe. ”, afirmou.

Os participantes têm direito a um prémio de presença, sendo que os três primeiros classificados receberão um prémio diferente que será atribuído em função do lugar ocupado na eliminatória (1º, 2º ou 3º classificado).

Listagem de grupos e locais de atuação:

Grupo 1 – Igreja Matriz

- “Amiguinhos de Jesus”- Santa Cristina de Arões

- Grupo de Cavaquinhos dos Bombeiros Voluntários de Fafe

- Grupo de Reis de Arões S. Romão

- Grupo Coral de Santo Estevão de Vinhós

- Associação de Reformados, Pensionistas e Idosos de Fafe

- Tuna Estefina- Fafe

Grupo 2 – Igreja Nova

- Grupo Recreativo de Ardegão

- Grupo de Adolescentes e Pais da Fábrica da Igreja Paroquial de S. Martinho de Seidões

- Grupo de Cantares dos Reis do Rancho Folclórico da Casa do Povo de Cepães e Fareja

- Grupo Cultural e Desportivo de Regadas

- Grupo Cultural e Desportivo de Armil

- Grupo “Leo Clube de Fafe”

Grupo 3 – Teatro- cinema

- Futebol Clube de Marinhão

- Agrupamento CNE n.º 966- Medelo

- Grupo Coral e Paroquial de Estorãos

- Rancho Folclórico de Fafe

- Grupo Coral Cultural e Recreativo de Medelo

Grupo 4 – Secundária de Fafe

- Grupo Coral de Santa Maria de Várzea Cova

- Associação Desportiva e Cultural de Silvares S.Clemente

- Rancho Folclórico de Santo Estevão de Regadas

- Grupo de Cavaquinhos “Castiços” de Regadas

- Coro de Natal da Freguesia de Monte e Queimadela

- Agrupamento CNE nº 619- S. Lourenço de Golães

Grupo 5 – Escola Professor Carlos Teixeira

- Grupo de Jovens “Criar Asas”

- Associação Cultural e Recreativa de S.Miguel do Monte

- Coral “Regina Coeli”- Vinhós

- Agrupamento de Escuteiros 1175 Fafe

- Centro Cultural Social e Desportivo dos Trabalhadores da CM Fafe

- Grupo de Bombos “Só Dava Assim”- Estorãos

Grupo 6 – Auditório da Câmara Municipal de Fafe

- Grupo Coral de Ardegão

- Grupo Folclórico da Casa do Povo de Arões

- Centro Social da Paróquia de Golães

- Grupo Coral de Armil

- Associação Recreativa e Cultural de Santo Ovídio

HISTORIADOR DANIEL BASTOS VISITA COMUNIDADE PORTUGUESA EM LONDRES

No passado domingo (15 de janeiro), o escritor e historiador minhoto Daniel Bastos, cujo percurso literário tem sido alicerçado junto das comunidades portuguesas, visitou a comunidade portuguesa em Londres.

Comunidade 2.JPG

De passagem pela capital inglesa, o investigador da nova geração de historiadores portugueses aproveitou a ocasião para conhecer a região de Little Portugal no sul de Londres, especialmente ao redor de Stockwell, uma região que começou a acolher portugueses nas décadas de 1960 e 1970 e onde viverão atualmente cerca de 27 mil portugueses.

Durante a sua visita Daniel Bastos, atualmente professor de História no Colégio João Paulo II em Braga, contactou com empresários, dirigentes associativos e emigrantes que vivem nesta região que concentra a maior comunidade lusitana do Reino Unido, e onde os portugueses recriaram o seu país de origem, com as suas associações, cafés, mercearias e restaurantes.

 

Comunidade 1.JPG

O historiador Daniel Bastos (esq.) acompanhado do empresário Fernando Marques, proprietário do restaurante “A Toca”, um dos mais conhecidos restaurantes portugueses em Londres

 

O escritor e historiador português, que nos últimos anos tem realizado várias sessões de apresentação de livros de sua autoria ligados à história e emigração portuguesa, junto das comunidades lusófonas em França, Bélgica, Luxemburgo, Suíça, Brasil e Canadá, constatou in loco o dinamismo e visibilidade da comunidade lusitana em Londres, projetando bases de futuras parcerias culturais com a maior comunidade portuguesa do Reino Unido.

Comunidade 3.JPG

Comunidade 4.JPG

Comunidade 5.JPG

Comunidade 6.JPG

Comunidade 7.JPG

Comunidade 8.JPG

Comunidade 9.JPG

Comunidade 10.JPG

Comunidade 11.JPG

Comunidade 12.JPG

MUNICÍPIO DE FAFE APRESENTA VOTO DE PESAR PELA MORTE DE MÁRIO SOARES

Foi aprovado, em reunião de câmara, por unanimidade, um voto de pesar pela morte do antigo Presidente da República, Mário Soares, que faleceu no passado sábado, aos 92 anos.

DSA_3482A.jpg

O Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha, destacou o ex Presidente da República como “uma figura incontornável da História Contemporânea, não apenas de Portugal mas da Europa e do mundo, onde era respeitado e admirado.

Mário Soares fez da sua vida um permanente combate em torno de valores como a liberdade e a democracia. Foi o rosto e a voz da nossa liberdade e o grande impulsionador da vocação europeísta de Portugal.

Mário Soares foi uma personalidade ímpar e inigualável de político, lutador, homem de cultura e humanista, um dos grandes líderes do século XX, que ficará seguramente na História do nosso país e da Europa.

Seremos sempre gratos pelo legado de um País Democrático e Livre que ajudou a construir e a consolidar, impondo-se um eterno sentimento de gratidão de todos os portugueses.”

Depois da votação, cumpriu-se um minuto de silêncio pela memória de Mário Soares, remetendo-se as mais sentidas condolências a toda a família e amigos.

CRIANÇAS DE FAFE REALIZAM ENCONTRO DE REIS

Encontro de Reis das Escolas de Fafe: 2000 crianças celebram a tradição dos Reis

Esta sexta-feira, o Pavilhão Multiusos de Fafe vai ser palco do Encontro de Reis das Escolas.

DCS_8909.jpg

A partir das 9h30, e durante três horas, as escolas e jardins de infância do concelho vão encher o espaço com cerca de 2000 crianças.

No total, são 16 as escolas e jardins de infância que vão marcar presença na iniciativa que promete uma manhã bem animada.

Vão participar neste Encontro de Reis o Jardim Infância Montelongo, o Centro para Formação e Juventude de Arões, o Jardim Infância de Antime, o Infantário 1 e 2 da Santa Casa da Misericórdia, o Centro Infantil de Golães, a Associação Cultural e Recreativa de Travassós, a EB Cepães, a EB Fareja, a EB S. Romão, a EB Sta. Cristina, a EB Quinchães, a EB Devesinha, a EB Montelongo, a EB Regadas, a EB Padre Joaquim Flores e a Cercifaf.

De acordo com o Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha, o espetáculo é uma forma de preservar a tradição junto dos mais novos.

Esta iniciativa é importante para se manter a tradição dos Cantadores de Reis viva entre os mais novos. O evento tem também presente uma importante vertente cultural e pedagógica, contando com o apoio e dedicação de todos os educadores.”

FAFE FILM FEST REGRESSA MO FINAL DESTE MÊS

Luís Filipe Rocha é o homenageado desta 6ª edição

De 25 a 29 de Janeiro, Fafe vai tornar-se a capital do cinema. A 6ª edição do Fafe Film Fest vai trazer à cidade diversas atividades relacionadas com a sétima arte: cinema, debates, música, filmes a concurso, homenagens, entre muitas outras iniciativas.

Este ano, o realizador Luís Filipe Rocha será o homenageado principal do festival.

O Fafe Film Fest está aberto à participação de todos os cineastas (autores dos trabalhos) que pretendam participar, desde que obedeçam ao tema Património Material e Imaterial.

Só serão admitidos filmes em curtas-metragens e longas-metragens nos géneros EXPERIMENTAL e/ou DOCUMENTÁRIO.

Poderão concorrer filmes que tenham obtido prémios noutros concursos e/ou festivais de cinema. Contudo, não serão aceites projetos apresentados em edições anteriores.

Os concorrentes poderão apresentar mais do que um filme. As curtas-metragens não poderão ter mais de 20 minutos, incluindo créditos finais. As longas-metragens deverão ter a duração mínima de 20 minutos e máxima de 50 minutos, incluindo créditos finais.

As inscrições deverão ser enviadas para o e-mail: fafefilmfest@gmail.com, com os seguintes elementos: Dados biográficos do realizador ou realizadores; Sinopse da obra; Duas ou mais imagens referentes ao filme que o simbolize, na dimensão mínima de 9x12 cm (300 dpi); Um DVD do filme em questão.

Os filmes a concurso podem ser entregues pessoalmente em suporte digital, enviados através de plataforma digital para fafefilmfest@gmail.com ou cineclubedefafe@gmail.com até às 00.00 horas do dia 25 de Janeiro de 2017, ou enviados via CTT (com data de carimbo de 23 de janeiro), para: Cineclube de Fafe | FAFE FILM FEST 2017 Apartado 14 4820-909 Fafe PORTUGAL

A exibição dos filmes a concurso ocorrerá durante o dia 28 e manhã do dia 29 de janeiro, na Sala Manoel de Oliveira, em Fafe.

O Regulamento na íntegra pode ser consultado no site da Câmara Municipal de Fafe.

Recorde-se que a entrada no Festival de Cinema é livre.

JUÍZO DE FAMÍLA E MENORES DE FAFE JÁ FUNCIONA

Secção vai abranger uma população de cerca de 90 mil pessoas

O Juízo de Família e Menores do Tribunal de Fafe, criado no dia 1 de Janeiro, já está em funcionamento.

DSA_3046A.jpg

O Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha, visitou, hoje, as instalações, acompanhado pelos Representantes da Ordem dos Advogados de Fafe e pelo Dr. Eduardo Faria, Secretário de Justiça.

Durante a visita, Raul Cunha, reconheceu que “hoje foi um dia importante. Faz dia 18, um ano, que estive com a Sra. Ministra da Justiça a coloquei-lhe a vontade dos fafenses em reanimar o nosso tribunal. O Tribunal de Fafe, fruto da política que tinha sido seguida anteriormente, foi reduzido a uma actividade mínima e todos sentimos que não era justo, não fazia sentido que as pessoas de Fafe e das regiões à volta tivessem que tratar dos seus assuntos em Guimarães.

Desde a primeira hora, a Ordem dos Advogados, que nos ajudou muito neste processo, nos indicou que o que seria importante trazer para Fafe seria uma secção central de família e menores. Dado o volume de processos que implica e dadas as características particulares desta problemática, fazia todos o sentido estarem em melhores condições, serem atendidos com maior proximidade e foi essa vontade que manifestei à Sra. Ministra que acolheu muito bem este nosso desejo que, no fundo, o que pretende é reaproximar a justiça dos cidadãos.

Agora que já temos esta valência instalada no Tribunal, o passo seguinte é que melhoremos as condições do espaço, um investimento volumoso que já está a ser programado e que é fundamental.”

Este Juízo de Família e Menores vai ter como área de competência territorial os Municípios de Fafe, Cabeceiras de Basto e Celorico de Basto, abrangendo uma população de cerca de 90 mil pessoas.

Até então, o Tribunal de Guimarães era quem detinha a área geográfica de Fafe na resolução deste tipo de questões.

Recorde-se que recentemente a Câmara Municipal executou obras de requalificação no Tribunal de Fafe, melhorando as acessibilidades do edifício e preparando o espaço para a recepção deste novo serviço.

DSA_3075A.jpg

 

DSA_3056A (1).jpg

FAFE VIRA CAPIRTAL DA COLUMBÓFILIA

Fafe recebe 44ª Exposição Nacional e Pré Olímpica de Columbofilia. Exposição acolhe mais de 500 pombos-correio. Certame apura participantes para competição olímpica

Nos próximos dias 7 e 8 de Janeiro, o Pavilhão Multiusos de Fafe é palco da 44ª Exposição Nacional e Pré Olímpica de Columbofilia, um evento que reúne um programa diversificado e premeia os melhores atletas da modalidade.

Exposição Columbofilia.jpg

 

Mais de 10 expositores nacionais e internacionais vão marcar presença no certame, com cerca de 500 pombos-correio.

Esta exposição vai acolher columbófilos portugueses, na sua maioria, mas também são esperados amantes da modalidade vindos de Espanha e da Bélgica.

Durante o certame, vai também ser feita a escolha da Selecção Portuguesa que vai participar nas Olímpiadas Columbófilas, em Janeiro de 2017, que decorrem na Bélgica.

Os visitantes vão ainda ter oportunidade de conhecer e apreciar produtos típicos da região, que vão desde gastronomia ao artesanto. Vários expositores vão marcar presença na exposição, promovendo, desta forma, o que de melhor se faz em Fafe.

A animação cultural não vai também faltar durante todo o fim de semana, com um programa diversificado e demonstrações regionais únicas e imperdíveis.

No Sábado, 7 de Janeiro, a Abertura da Exposição e Receção de Juízes Classificadores decorre às 9h00 e o início da classificação faz-se a partir das 9h15.

Durante a manhã terá lugar ainda a Cerimónia Protocolar de abertura oficial do certame, a partir das 10h45, que conta com uma largada simbólica de pombos-correio pela União columbófila Fafense, a representação de uma peça de teatro “Fafe dos Brasileiros” pelo Grupo Nun’Álvares e, finalmente, a Intervenção Grupo de Cavaquinhos da Associação ARCO.

A partir das 15h, decorre a habitual Entrega dos Troféus “Mérito e Carreira” / Federação Portuguesa de Columbofilia e, mais tarde, um breve demonstração de “Jogo do Pau”, típico da região, pela Associação Recreativa de Cepães.

Durante a tarde, haverá ainda espaço para um Colóquio, subordinado ao tema “Métodos de jogo e preparação dos pombos de meio-fundo, fundo e grande fundo" e que terá como palestrantes Sebastian Casaert, Joost De Smeyter e Pedro Almeida da Equipa Sol Nascente. A moderação fica a cargo do Dr. David Barros Madeira

A atuação do Rancho Folclórico de Fafe dá por encerrado o primeiro dia da Exposição.

No Domingo, 8 de Janeiro, a Exposição abre ao público, logo pela manhã, às 9h00, seguindo-se a Entrega de Prémios dos Campeonatos Nacionais e Provas Nacionais de Fundo 2016.

Já depois do almoço, decorre a Entrega de Prémios dos Concursos de Fotografia, Escrita e Desenho, desafio lançado pela organização aos vários amantes de Columbofilia.

A Entrega de Prémios 44ª Exposição Nacional e Pré Olímpica tem lugar por volta das 15h30, sendo o Encerramento oficial às 17h00.

Pompeu Martins, Vereador do Desporto da Câmara Municipal de Fafe, reconhece a importância deste tipo de eventos para a região.

A Câmara Municipal de Fafe foi abordada pela Associação Columbófila de Braga e, desde a primeira, hora que recebemos com agrado esta notícia.

Estamos, em parceira com a organização, a promover o evento e acreditamos que terá sucesso garantido.

Estes eventos têm dimensões muito importantes, nomeadamente a expressão desportiva que reúne aqui em Fafe os praticantes desta modalidade e um significado do ponto de vista económico, em que Fafe será visitado por muita gente, vinda de vários pontos do país e mesmo de fora, o que terá naturalmente um impacto muito positivo na economia local.

Enquanto fafense, estou muito satisfeito por acolhermos este evento. Desejo o maior sucesso a todos os columbófilos. Espero que continuem a investir nesta modalidade, porque a diversidade desportiva é fundamental. O trabalho que têm desenvolvido para projectar a Columbofilia é meritório e, desde já, o meu agradecimento.”

Fafe vai acolher pela primeira vez uma Exposição de Columbofilia e, de acordo, com a organização, esperam-se cerca de 5000 pessoas.

José Luís Barros, Presidente da Associação Columbófila do Distrito de Braga, revela um enorme orgulho por Fafe acolher este certame.

Foi com enorme satisfação que vimos Fafe ter sido eleito como o local para a 44ª Exposição Nacional e Pré Olímpica de Columbofilia. 30 anos depois, este certame regressa a Braga e, pela primeira vez, marca presença em Fafe. É um privilégio recebermos este evento que, no fundo, é o expoente máximo dos eventos de columbofilia.

Esta edição vai ser também muito especial, porque a partir daqui vamos apurar a Selecção Nacional para estar presente nas Olímpiadas de Columbófilia.

A exposição vai também servir como montra do que de melhor se faz em Fafe, no que toca ao artesanato, gastronomia, cultura.”

Recorde-se que no distrito de Braga existem cerca de 500 columbófilos, que fazem parte de um universo de cerca de 9000 em todo o país.

O evento, organizado pela Federação Portuguesa de Columbofilia, a Associação Columbófila de Braga, com o apoio da Câmara Municipal de Fafe, é de entrada livre.

MUNICÍPIO DE FAFE PROMOVE O XXXII ENCONTRO DE CANTADORES DE REIS EM 22 DE JANEIRO

A Câmara Municipal de Fafe, através do seu Pelouro da Cultura, organiza o XXXII Encontro de Cantadores de Reis do Concelho visando, como habitualmente, reviver a tradição e estimular a defesa do património cultural que são os cantadores de reis, promovendo a sua recolha e recriação.

GRUPO RECREATIVO DE ARDEGÃO_vencedor de 2016 (1).jpg

O objetivo final da iniciativa é a apresentação das reisadas nas suas formas mais genuínas e autênticas, concretizadas na antiguidade dos cantares, na riqueza dos trajes e na adequação dos instrumentos.

O Encontro realizar-se-á no dia 22 de janeiro de 2017 (domingo), a partir das 15h00, em vários locais da cidade.

Numa primeira fase e à semelhança do ano anterior, haverá uma eliminatória, com uma actuação em local a definir, para a selecção de seis finalistas. A final realizar-se-á pelas 17h00, no Pavilhão Multiusos.

As inscrições decorrem até ao dia 13 de Janeiro de 2017, na Casa Municipal de Cultura ou através do endereço de email: decd@cm-fafe.pt.

Podem participar grupos de cantadores de reis ligados a associações e coletividades do concelho, que se deverão fazer acompanhar por trajes, adereços e instrumentos musicais adequados.

Os grupos participantes devem fazer entrega de um exemplar da letra e da música a apresentar, até dez dias antes do Encontro, indicando, e sempre que possível, a data e local onde foi feita a respetiva recolha.

A apresentação dos grupos participantes, no dia do Encontro, far-se-á segundo sorteio a realizar no dia 16 de Janeiro, pelas 18h00, no Auditório Municipal.

Todos os grupos participantes têm o direito a um Prémio de Presença, no valor de 150,00 €.

São premiados os três primeiros classificados com montantes de 125,00 €, 100,00 € e 75,00 €, respetivamente, por um Júri constituído por personalidades idóneas a indigitar pela Câmara Municipal de Fafe.

BANDA SINFÓNICA PORTUGUESA ATUA EM FAFE

Concerto comemora o Ano Novo

No próximo Domingo, 8 de Janeiro, a Banda Sinfónica Portuguesa atua no Teatro Cinema de Fafe num concerto que celebra o novo ano.

O espetáculo está marcado para as 16h e os bilhetes, com o custo de 2 euros, podem ser adquiridos na Loja Interactiva de Turismo.

post-FB-01.jpg

FAFE JÁ TEM TRIBUNAL DE FAMÍLIA E MENORES

Autarquia vê recompensado esforço após meses de negociações e contactos. Decisão é oficial e foi já publicada em Diário da República

Foi promulgado e publicado em Diário da República, na passada terça-feira, a criação de um Juízo de Família e Menores em Fafe, que vai ter como área de competência territorial os Municípios de Fafe, Cabeceiras de Basto e Celorico de Basto.

DSA_2940A.jpg

A partir de Janeiro de 2017, o Tribunal de Fafe dispõe desta nova valência que tem como objectivo prioritário a intervenção nos casos em que a maternidade e/ou paternidade dos menores não esteja estabelecida, cabendo-lhe instruir processos de averiguação oficiosa, propor ações e acompanhá-las em juízo.

Constituem, também, áreas de intervenção a fixação de alimentos a menores, a inibição ou limitação do exercício das responsabilidades parentais, a tutela e o apadrinhamento civil. Tem legitimidade para requerer judicialmente a prestação de consentimento prévio dos pais para a adoção, a confiança judicial de menor com vista a futura adoção.

O Tribunal de Família e Menores tem, entre outras, competência para acompanhar e fiscalizar a atividade das comissões de proteção, apreciar a legalidade e a adequação das suas decisões e promover os procedimentos judiciais adequados. Cabe-lhe, ainda, requerer a abertura de processos judiciais de promoção e proteção, que acompanha em todas as fases, designadamente a da execução das medidas aplicadas a favor dos menores.

A par de Fafe, foram criados, através do decreto-lei 86/2016, mais seis Juízos de Família e Menores no país, nomeadamente em Abrantes, Alcobaça, Leiria, Mafra, Marco de Canaveses e Vila do Conde. 

Recorde-se que recentemente a Câmara Municipal executou obras de requalificação no Tribunal de Fafe, melhorando as acessibilidades do edifício e preparando o espaço para a recepção deste novo serviço.

Raul Cunha, Presidente da Câmara Municipal de Fafe, revela enorme satisfação com a criação deste Juízo no concelho. 

“Recebemos esta notícia, já esperada há muito tempo, com um enorme agrado e orgulho. A Câmara Municipal tem-se empenhado em trazer para Fafe o maior número de serviços e estruturas que ajudem os munícipes a resolver questões de forma mais prática e rápida. 

Há cerca de um mês, executámos obras importantes no edifício destinadas a receber esta nova valência, melhorando também as questões de acessibilidade aos utentes. 

O Juízo de Família e Menores detém diversas competências que faziam falta no nosso concelho e faz todo o sentido que tenha sido criado.

A criação deste novo juízo em Fafe vai significar a vinda de mais profissionais do sector e vai agilizar os processos, muitas vezes demorados e repletos de burocracias, representando, desta forma, para muitas famílias o simplificar destas questões.

Este novo Juízo vai, sobretudo, aproximar os Serviços às populações, significando, por isso, uma redução de custos de deslocação que, até então, existiam e que eram um peso no orçamento destas famílias, muitas vezes, com carências e problemas financeiras.”

Recorde-se que até então, o Tribunal de Guimarães era quem detinha a área geográfica de Fafe na resolução deste tipo de questões.

POETA DANIEL BASTOS EVOCA A TERRA

Com o aproximar da entrada do novo ano, para o qual faço votos sinceros que seja um ano que nos guie no rumo da Esperança e Solidariedade, tomo a liberdade de enviar em anexo, para possível divulgação e publicação, o desenho e o poema  “Terra”, que dá título ao meu primeiro livro de poesia, magnificamente ilustrado pelo mestre-pintor Orlando Pompeu.

Daniel Bastos

Daniel Bastos (1).jpeg

TERRA

 

A minha terra é o meu berço.

Um torrão de gentes e valores

forjados nos fragmentos da história,

argamassa da memória,

fonte de inspiração

e desígnio do meu amor.

Escopo da minha dedicação,

nela cresci, fiz-me homem,

sorvi o húmus da identidade

descobri as raízes da existência

a vida fraterna em comunidade.

A minha terra, a nossa terra

é o principio de algo sem fim,

pão que alimenta a alma

saudade que diminui a distância

e impele o que há em mim.

Daniel Bastos, in Terra.

 

Desenho - Orlando Pompeu (1).jpg

FAFE OFERECE ROUPA E BRINQUEDOS NO LAR DA CRIANÇA EM REVELHE

Câmara Municipal de Fafe oferece brinquedos e roupa ao Lar da Criança em Revelhe

O Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha, visitou, esta tarde, o Lar da Criança, do Centro Social e Paroquial de Revelhe, para entregar os habituais presentes de Natal.

Este ano, e de acordo com as necessidades transmitidas pelos responsáveis pelo Lar, o Município ofereceu brinquedos e várias peças de roupa, escolhidos pelos jovens acolhidos na instituição.

Raul Cunha destacou a necessidade de continuar a apoiar os jovens nesta e em todas as outras alturas do ano.

Este é um gesto que o Município tem vindo a repetir ao longo dos anos e que entendemos que não pode ficar por aqui, porque estas crianças precisam de todo o apoio que consigamos para elas.

Sabemos que estes são pequenos gestos que para estes jovens têm um significado enorme e, para nós, é motivo de alegria e satisfação por poder-lhes proporcionar estes momentos.”

O Lar da Criança, em Revelhe, criado em 1996, acolhe atualmente 24 crianças, entre os 11 meses e os 18 anos, com todo o tipo de problemas sociais.

MUNICÍPIO DE FAFE OFERECE SESSÃO DE CINEMA A JOVENS DO BAIRRO DA CUMIEIRA

A Câmara Municipal de Fafe entregou, esta manhã, vales-prenda a 33 crianças e jovens do Bairro da Cumieira que integram o 'Projeto EI! Educação para a Inclusão'.

MMC_4540A.jpg

O voucher inclui uma ida ao cinema e um lanche e é uma forma do Município proporcionar a estes jovens um momento especial e diferente nesta quadra natalícia.

O Projeto EI! procura contribuir para a promoção de um crescimento inteligente, sustentável e inclusivo e para a coesão económica, social e territorial.

Este projeto propõe-se intervir junto das crianças e jovens do Bairro da Cumieira, entre os 6 e os 30 anos de idade, proporcionando-lhes um conjunto de recursos suscetíveis de promover a inclusão e o sucesso escolar, a inclusão digital e o exercício de uma cidadania ativa.

Raul Cunha, Presidente da Câmara Municipal de Fafe, enaltece a importância deste Projeto e a necessidade de continuar a apoiar estes jovens.

“A entrega destes presentes que são simbólicas procura proporcionar a estes jovens momentos diferentes e de convívio.

Estes são jovens com uma forte vulnerabilidade social, vivem numa zona da cidade frágil e, por isso, é nossa obrigação fazer com que se sintam apoiados e, sobretudo, integrados na sociedade.

O Projecto EI! assenta nesta lógica de intervenção integrada e multidimensional, envolvendo as famílias, crianças e jovens e instituições na capacitação da população infanto-juvenil, respeitando e valorizando as diferenças culturais existentes, os seus saberes, e promovendo a sua plena inclusão.”

MMC_4551A.jpg

MUNICÍPIO DE FAFE CELEBRA PROTOCOLO COM BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS

Parceira garante equipa para Socorro e Transporte de Acidentados e Doentes

Foi aprovado, em reunião de câmara realizada a 15 de Dezembro, a celebração de um Protocolo entre o Município de Fafe e a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Fafe, destinado ao socorro e transporte de acidentados e doentes.

DSC_8569.JPG

Este Protocolo visa a criação de uma equipa, constituída por cinco elementos, com a exclusiva missão de assegurar, em permanência, serviços de socorro e transporte de acidentados e doentes, incluindo a urgência pré-hospitalar no âmbito do sistema integrado de emergência médica à população.

Esta equipa assegurará o socorro e permanecerá ativa todos os dias.

O Município de Fafe garante todos os custos decorrentes da remuneração dos elementos da equipa, representando um apoio total de cerca de 58 mil euros.

O Protocolo entra em vigor a 1 de Janeiro de 2017 por um período de um ano.

Raul Cunha, Presidente da Câmara Municipal de Fafe, considera este protocolo uma forma relevante de apoiar os Bombeiros Voluntários, estreitando relações de cooperação, ao mesmo tempo que desempenha um papel determinante na concretização do serviço de socorro e transporte de doentes.

“Os Bombeiros Voluntários de Fafe têm levado por diante um trabalho notável, em diversas áreas, fazendo jus à sua missão de garantir o bem estar e segurança das populações.

O socorro e o transporte de doentes é uma das valências mais solicitadas e, como tal, faz todo o sentido que seja criada uma outra equipa que auxilie a que já existe.

A Câmara Municipal reconhece o esforço e empenho exemplares dos Bombeiros Voluntários e, por isso, é justo e meritório a atribuição deste apoio.”

Recorde-se que os Bombeiros Voluntários de Fafe já integravam uma equipa com este propósito, cujos custos inerentes eram comparticipados em 50% pelo Município de Fafe.

AMOR ELECTRO ACTUA PELA PRIMEIRA VEZ EM FAFE

Mercado de Natal animou o fim-de-semana em Fafe

Durante o fim-de-semana, foram vários os visitantes que passaram pela tenda gigante, onde está instalado o Mercado de Natal, no centro da cidade de Fafe.

DSA_2275.JPG

Durante o fim-de-semana, foram vários os visitantes que passaram pela tenda gigante, onde está instalado o Mercado de Natal, no centro da cidade de Fafe.

O espaço reúne dezasseis expositores, em representação de diferentes áreas de atividade, desde a gastronomia ao artesanato.

O Mercado é um espelho daquilo que se produz em Fafe, expondo produtos tradicionais e de comerciantes locais. No espaço, os visitantes podem comprar doces e guloseimas, compotas, vinhos, broa, bombons, artesanato e até sandes da famosa vitela assada à moda de Fafe, na banca da Confraria do produto gastronómico tão típico da região.

Durante todo o fim-de-semana, Fafe foi palco de animação natalícia, que relembrou a época festiva.

Na sexta-feira, na inauguração do Mercado de Natal , o Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha, recordou que “o Mercado de Natal continua a ser uma aposta do Município e este ano conta com várias melhoras. Temos procurado, todos os anos, criar, alguma inovação, reforçar o espírito de atracção, na expectativa de que tenha impacto na economia local e receba vários visitantes.
Esta ideia da Fafe Cidade Natal vai já na terceira edição e está a dar passos muito positivos, atraindo visitantes a Fafe, dinamizando o comércio local e criando uma dinâmica interessante na cidade.”

No final da noite, a Orquestra e Coro da Academia de Música José Atalaya subiram ao palco para um fantástico espetáculo.

No sábado, a animação ficou a cargo das colectividades locais que aproveitaram para mostrar as suas atividades ao longo do ano. À noite, foi a vez do grupo Four Armil animar os muitos visitantes que por lá passaram.

Também no Teatro Cinema, o espetáculo foi garantido pelos Amor Electro que atuaram, pela primeira vez em Fafe, e arrebataram uma sala cheia.

Marisa Liz, vocalista da banda, deu o mote para um fantástico espetáculo, destacando os muitos músicos portugueses que passaram por aquela sala.

"Este é um teatro lindo, onde tantos músicos portugueses já passaram, os melhores do nosso país.

Tão bom que é ver Fafe a apoiar a música portuguesa. E tão bom que é ver famílias aqui todas juntas.

Obrigada por trazerem os vossos filhos, os vossos pais e amigos!

Obrigada por esta é energia e emoção!"

Durante mais de duas horas, os Amor Electro brindaram o público com os temas mais conhecidos da banda, e também aqueles com os quais deram os primeiros passos.

O dia de Domingo contou com o já habitual Desfile de Pais Natal pela cidade e, na tenda, com o Concerto da Orquestra de Fafe.

Relembre-se que para os próximos dias, segunda, terça e quarta-feira, estão programados encontros de Coros Natal no palco do Mercado, às 21h30.

A animação continua até 22 de Dezembro, com diversas actividades e um conjunto de expositores que mostram o que de melhor se faz em Fafe.

DSA_2310.JPG

DSA_2500.JPG

DSA_2675.JPG 

PROVA DE CORTA-MATO JUNTA MAIS DE DOIS MIL JOVENS DE FAFE

Parque da Cidade acolhe prova desportiva

O Parque da Cidade volta a ser palco de mais uma atividade desportiva promovida pelo Agrupamento de Escolas Montelongo e pelo Município de Fafe.

Amanhã decorre mais uma edição do Corta Mato Escolar Concelhio de Fafe.

Mais de 2000 jovens de várias escolas do concelho, do 4º ao 12º ano, estão inscritos para participar na prova, que decorre durante a manhã, das 09h00 às 13h00. 

A corrida, que tem como mote “Eu sou ativo, Eu sou saudável, Eu gosto de mim”, vai dividir-se em seis escalões: 4º ano, Infantil A, Infantil B, Iniciado, Juvenil e Júnior.

No final da corrida, serão atribuídos prémios por escalão e também por escola. 

Os melhores de cada escalão serão apurados para o Corta Mato Regional, a realizar em 2017. 

Para Pompeu Martins, Vereador do Desporto, o Corta Mato Escolar é “uma excelente iniciativa que estimula a prática desportiva nos mais novos, criando também momentos de convívio e lazer. 

Este ano, voltamos a escolher o Parque da Cidade como palco desta prova, abrindo assim à população um espaço que é de todos.

Os cerca de 2000 jovens participantes vão, certamente, fazer desta uma manhã divertida, saudável e descontraída”.

FAFE REALIZA MERCADO DE NATAL

Mercado de Natal anima Fafe a partir do próximo fim-de-semana. Produtos Regionais, Música, Teatro e muito mais numa tenda gigante

Na próxima sexta-feira, 16 de Dezembro, é inaugurado o Mercado de Natal em Fafe. A tenda, instalada na Praça 25 de Abril, é uma das maiores atracções da Fafe Cidade Natal 2016 e conta com a presença de 16 expositores, em representação de diferentes áreas de atividade, desde a gastronomia ao artesanato.

fafe-natal-web-01-01.jpg

O Mercado é um espelho daquilo que se produz em Fafe, expondo produtos tradicionais e de comerciantes locais. No espaço, os visitantes podem comprar doces e guloseimas, compotas, vinhos, broa, bombons, artesanato.

Também neste espaço vão ser dinamizadas várias atividades durante a semana. Logo no dia 16, decorre a Exposição dos Presépios de Natal. A Câmara Municipal lançou o desafio às Juntas de Freguesia para, em parceria com as Associações locais, prepararem um Presépio para ser exposto ao longo do Mercado de Natal.

À noite, a partir das 21h30, terá lugar o concerto da Orquestra e Coro da Academia de Música José Atalaya.

No sábado, decorre o Encontro de Colectividades, dinamizado por diversas associações do concelho que, em conjunto, vão apresentar aquilo que de melhor fazem durante o ano.

O destaque do dia vai para os Amor Electro que vão tornar o Natal ainda mais especial em Fafe, com um concreto único, no Teatro Cinema.

Em simultâneo, às 21h30, a tenda gigante será palco para o concerto dos Four Armil, um grupo fafense que está agora a dar os primeiros passos.

No Domingo, os Pais Natal voltam a invadir a cidade, com o já habitual Desfile na Praça 25 de Abril. A partir das 15h00, a Orquestra de Fafe tem concerto marcado no Mercado de Natal.

De 19 a 22 de Dezembro, os Encontros de Coros de Natal animam as noites no centro da Cidade.

Pompeu Martins, Vice-Presidente da Câmara Municipal de Fafe, vê o Mercado de Natal como potenciador de “uma alma de Natal mais forte em Fafe”.

Até ao dia 22, o Mercado de Natal vai ser palco de muitos espetáculos, muita animação e divertimento. O que se pretende com o Mercado é também que pessoas comprem mais no comércio local e, por isso, são vários os expositores que vão marcar presença e mostrar o que de melhor se faz em Fafe.

Acreditamos que este é um projecto de sucesso o que nos dá motivação para continuar apostar na iniciativa Fafe Cidade Natal. Durante todo o mês de Dezembro, a cidade vai estar envolta num ambiente de magia, luz, cor e festa. A animação vai ser uma constante, com diversas actividades e programas imperdíveis para todas as idades.”

Recorde-se que o Mercado de Natal, de entrada gratuita, encerra no dia 22 de Dezembro, às 23h00.

DANIEL BASTOS APRESENTA EM COIMBRA LIVRO SOBRE A EMIGRAÇÃO PORTUGUESA

O historiador fafense Daniel Bastos apresentou ontem em Coimbra o livro Gérald Bloncourt – O olhar de compromisso com os filhos dos Grandes Descobridores”.

danibast (1).JPG

O historiador Daniel Bastos acompanhado do sociólogo Pedro Góis na sessão de apresentação do livro sobre a emigração portuguesa em Coimbra

 

O livro, concebido e realizado pelo historiador natural de Fafe Daniel Bastos a partir do espólio do conhecido fotógrafo que imortalizou a história da emigração portuguesa para França nos anos de 1960, foi apresentado na FNAC de Coimbra, numa sessão que esteve a cargo do sociólogo Pedro Góis, professor na Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra e investigador do Centro de Estudos Sociais na área das Migrações Internacionais.

No decurso da sessão, Pedro Góis qualificou o livro, que se encontra traduzido para português e francês pelo docente Paulo Teixeira, e é prefaciado pelo multipremiado ensaísta Eduardo Lourenço, como um “livro de memórias fundamentais para a compreensão da emigração portuguesa da segunda metade do séc. XX”.

A sessão de apresentação em Coimbra incluiu a inauguração de uma exposição fotográfica evocativa da ligação de Gérald Bloncourt a Portugal, que estará durante os próximos três meses patente ao público na cidade dos estudantes.

Refira-se que esta obra, que reúne testemunhos e imagens originais como as que fotógrafo francês de origem haitiana realizou sobre os emigrantes lusitanos nos bidonvilles dos arredores de Paris nos anos 60, foi também já apresentada nas capitais de distrito de Braga, Porto e Lisboa, assim como junto das comunidades portuguesas em Paris, Luxemburgo e Toronto.

danibast (2).JPG

danibast (3).JPG

 

FAFE AJUDA FAMÍLIAS CARENCIADAS

Câmara Municipal apoia mais um grupo de famílias carenciadas para obras requalificação nas habitações

O Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha, apoioi, em nome do Município, no âmbito do Programa Municipal para melhoria de habitação de agregados familiares carenciados, mais um conjunto de famílias, representando um investimento total na ordem dos 22 mil euros, distribuído por seis famílias que receberam um apoio financeiro para proceder a obras de remodelação e reparação nas habitações.

DSC_6494A.jpg

Este programa pretende ir ao encontro de famílias que vivam sem o mínimo de condições de habitabilidade e sem recursos económicos para efetuar obras de reparação nas respetivas casas.

Foi lançado em 1998, pelo então vereador com o pelouro de Ação Social, Raul Cunha, e mantém-se até hoje, sendo que já apoiou mais de 600 famílias, num investimento superior a 5 milhões de euros.

Na entrega deste apoio, o Presidente da Autarquia, Raul Cunha, reforçou a importância de um programa que conta já com 18 anos, mais ainda numa altura de crise como a que o país atravessa.

Este é um programa de sucesso, não só porque ajuda famílias que necessitam de obras urgentes nas suas casas, mas também porque estimula a economia, ajudando também pequenos empreiteiros. Esta ajuda é muito importante e a autarquia não pode alhear-se dos problemas”, explicou.

O Presidente da Câmara deixou ainda claro que este apoio é um direito que as pessoas têm, reforçando que não se trata de caridade.

Este programa não é caridade, nem um favor, este apoio é um direito e, como tal, quem cumpre os requisitos e precisa de ajuda não deve deixar de a solicitar. É um contributo que o Município dá para que as pessoas vivam com mais qualidade e conforto”.

Nesta entrega de cheques, as famílias beneficiados já terminaram as obras nas suas habitações e receberam, por isso, o segundo e último pagamento.

Estamos sempre ao vosso dispor”, colmatou o Presidente da Câmara Municipal de Fafe.  

Neste programa, para além do apoio financeiro, a autarquia presta ainda apoio técnico, de projeto e fiscalização de obras. 

TEATRO CINEMA DE FAFE APRESENTA “A DESEJADA”

No próximo dia 11 de Dezembro, estreia, em Fafe, o espetáculo 'A Desejada.'

Promovido pela Plataforma Fafe Cidade das Artes, o espetáculo inspira-se na história de D. Sebastião.

baner 01desejada.jpg

El Rei D. Sebastião serve de mote para a construção de um exercício teatral, de celebração cerimonial e poética, onde o conflito de duas almas, o masculino e o feminino, que habitam no mesmo corpo e nele se enfrentam e confrontam, numa luta desgarrada para poderem vencer a própria morte e assim serem eternos.

Uma atriz vive o conflito de ter que habitar num corpo masculino de um rei, predestinado à morte para alimentar o sonho do seu povo, do seu reino de uma liberdade utópica. No meio do percurso da sua interpretação descobre que o ama da mesma forma como se ama e que o quer salvar para salvar-se. Uma ficção poética que inquieta o universo sebastianista e agita as névoas do imaginário nevoeiro que um dia virá.

Um trabalho de interpretação da atriz brasileira Nayara Homem, em residência artística no projeto Fafe Cidade das Artes, que pretende acender um novo debate sobre a realidade e a ficção do mito sebastianista, tão presente na cultura portuguesa como no imaginário místico do povo brasileiro. Um exercício teatral inovador, inquietante na sua linguagem, no universo do imaginário ao qual se entrega, na proposta dramatúrgica de um teatro que se celebra com o espectador inserido dentro da própria cena.  

A sessão, de entrada livre, tem inicio marcado para as 18h30, no Auditório da Casa da Cultura. 

Recorde-se que o espetáculo é para maiores de 16 anos.

TEATRO CINEMA DE FAFE APRESENTA “DIALOGUS IBÉRICOS”

No próximo dia 10 de Dezembro, o Teatro Cinema recebe o espetáculo Dialogus Ibéricos, promovido pela Escola de Bailado de Fafe, em parceria com a Plataforma Fafe Cidade das Artes.

cartaz-web-01 (1).jpg

Através da música, da voz e do gesto, Dialogus Ibéricos leva ao público retalhos de memória, fazendo uma viagem pelas emoções, alegrias e tristezas.

Da Guitarra flamenca do músico Carlos Blanco, procura-se extrair sonoridades que reconstroem sensações ancestrais e se renovam no contemporâneo, propondo novas imagens, sons e melodias.

A isto, junta-se ainda a mestria das percussões executadas por Vanessa Muela e os gestos e fisicalidade de Alexandra Fonseca.

A sessão tem início marcado para as 21h30 e os bilhetes podem ser adquiridos na Loja Interactiva de Turismo.

FAFE RECEBE ARCEBISPO DE BRAGA

Arcebispo D. Jorge Ortiga recebido nos Paços do Concelho

Na próxima terça-feira, 6 de Dezembro, decorre a visita pastoral do Arcebispo D. Jorge Ferreira da Costa Ortiga à Câmara Municipal de Fafe, pelas 11h30.

Jorge_Ortiga_-_Braga.jpg

Para além de visitar e conhecer os serviços da autarquia, o Arcebispo vai reunir com o Executivo Municipal.

Ainda no seguimento da Visita Pastoral ao Município, no dia 11, Domingo, o Arcebispo D. Jorge Ortiga é recebido na Rua Maximino de Matos pelo Executivo Municipal, seguindo-se, às 10h00, a celebração da missa na Igreja Nova.

A Visita Pastoral procura estimular um contacto próximo com todas as pessoas e instituições que marcam a vida e o ritmo da nossa comunidade, nos seus vários âmbitos e níveis

FAFENSES PLANTAM PORTUGAL

Município de Fafe adere à iniciativa 'Vamos Plantar Portugal'. Mais de 1250 árvores vão ser plantadas

No âmbito da Semana da Reflorestação Nacional, iniciativa do Movimento Plantar Portugal, que decorre entre os dias 15 e 30 de Novembro, a Câmara Municipal de Fafe promove, amanhã, uma ação de plantação de árvores em dois espaços do concelho.

Parque da Cidade.JPG

A iniciativa conta com a presença de cerca de 400 alunos de todos os agrupamentos de escolas do concelho que, no total, vão plantar mais de 1250 árvores.

Na manhã de quarta-feira, cerca de 250 alunos do 4º ano vão plantar 12 árvores no Parque da Cidade, espaço que está a ser, gradualmente, requalificado e modernizado.

À tarde, é a vez dos alunos do 2º e 3º ciclo plantarem cerca de 1250 árvores na Quinta do Confurco.

Helena Lemos, Vereadora do Ambiente, destaca a importância desta iniciativa na sensibilização e consciencialização ambiental.

“Voltamos aderir ao movimento Plantar Portugal, este ano com a Campanha de Reflorestação Nacional, porque considerarmos que faz todo sentido lembrar a importância da preservação da floresta e das espécies autóctones, especialmente este ano, em ardeu uma área tão significativa no nosso concelho.

Ao convidarmos a comunidade escolar a participar estamos a sensibilizar os mais novos para a temática da proteção do meio ambiente e, de uma forma divertida e educativa, consolidar os conceitos transmitidos na sala de aula e ao mesmo tempo aproximar as nossas crianças dos espaços verdes e florestais que dispomos no nosso concelho.

A iniciativa decorre em duas fases uma para os mais novos no Parque da Cidade, com o conceito 'Adote uma Árvore', em que cada turma fará a respetiva plantação e registo dessa ação, o que permitirá acompanhar o crescimento e desenvolvimento da espécie, ao longo dos anos, no nosso Parque, incentivando assim todos a usufruir deste espaço verde cada vez mais aprazível.

A segunda fase, com alunos do 2º e 3º ciclos, decorrerá num espaço florestal arborizado, a Quinta do Confurco, com a plantação de 1250 Carvalhos (Quercus robur) para substituição das espécies que não tiveram sucesso na primeira plantação. Assim, pretendemos sensibilizar os alunos para a importância da manutenção e proteção desta espécie autóctone, da biodiversidade do ordenamento florestal para a proteção dos recurso naturais.”

Quinta do COnfurco.JPG

FAFE COMEMORA DIA INTERNACIONAL DAS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA

Fafe assinala Dia Internacional das Pessoas com Deficiência com um Blind Concert

No próximo sábado, 3 de Dezembro, o Grupo de Trabalho Concelhio para as Deficiências e Incapacidades (GTCDI), do qual faz parte a Câmara Municipal de Fafe, a Santa Casa da Misericórdia e a CERCIFAF, vai assinalar o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência com a iniciativa “Sem Barreiras”.

Inserida no Festival Rock With Benefits, esta iniciativa vai incluir, para além da apresentação de uma peça de teatro do Grupo de Expressão Dramático-Corporal da CERCIFAF, um blind concert.

Um espetáculo musical de uma pianista com deficiência visual que frequente a Academia de Música José Atalaya, em Fafe, no qual todo o público será convidado a vendar os olhos e experimentar a sensação de ouvir o concerto sem poder ver.

Seguir-se-á um um debate com o público sobre o momento vivido e do qual farão parte membros do GTDCI, da ACAPO (Associação dos Cegos e Amblíopes de Portugal) e o Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha. que destaca a importância desta iniciativa.

“'Sem Barreiras' é uma forma diferente de assinalar o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência, por contar, especialmente, com este blind concert.

Este espetáculo é mais uma forma de promovermos o debate e a consciencialização para a necessidade de inclusão das pessoas portadoras de deficiência na nossa sociedade.

É preocupação do Município não deixar ninguém de fora, nem excluir ninguém, e contribuir para uma sociedade mais justa e menos discriminatória.”

A sessão, de entrada livre, tem início marcado para as 15h00, na Sala Manoel Oliveira.

NATAL CHEGA A FAFE

Fafe inaugura época natalícia esta semana

Na próxima quarta-feira, 30 de Novembro, a época natalícia chega oficialmente a Fafe. O Executivo Municipal, presidido por Raul Cunha, vai inaugurar, a partir das 17h, a iluminação de Natal na cidade.

2015 árvore de natal .jpg

Uma árvore com cerca de 20 metros, complementada com diversas decorações alusivas à época, vai trazer à cidade uma cor especial e um ambiente mágico.

Vão ser iluminadas mais de 10 ruas do centro da cidade, decoradas cinco rotundas e vários edifícios. A Praça 25 de Abril, coração da cidade, concentrará a maior parte das iluminações.

Este momento dá início às celebrações da quadra festiva em Fafe, com um programa diversificado, para todas as idades, com actividades imperdíveis.

FESTIVAL ROCK WITH BENEFITS REGRESSA A FAFE

6ª edição é celebrada no Teatro Cinema de Fafe. Música aliada à responsabilidade social dá mote ao Festival. Bandas nacionais e locais preenchem o programa

O primeiro fim-de-semana de Dezembro vai ser muito especial. O Festival Rock With Benefits regressa a Fafe, com um cartaz repleto de boa música e muitas surpresas.

De 1 a 3 de Dezembro, Fafe volta a receber música com causas. São diversos os concertos, as palestras e conferências que preenchem a programação destes três dias que prometem não deixar ninguém indiferente.

O Rock With Benefits conta com um conjunto de espetáculos de bandas nacionais, não deixando de promover músicos naturais de Fafe, presença habitual em edições anteriores.

O Fado dá o mote para este Festival. No dia 1, o Teatro Cinema recebe os concertos de Fado Violado e Fado em Trio. O destaque da 6ª edição do Rock With Benefits vai para a banda Best Youth, a atuar na sexta-feira, dia 2 de Dezembro, a par do concerto do músico Filho da Mãe.

Os concertos no Teatro Cinema terminam no Sábado com a atuação de Glockenwise, GrandFather's House e a banda fafense, The Pende.

Grande parte das actividades vão decorrer no Teatro Cinema de Fafe, sendo algumas deslocalizadas para o centro da Cidade, nomeadamente para o Café Avenida, um espaço parceiro onde o festival fará curadoria de mais concertos e dj set’s em jeito de continuação da noite.

Esta 6ª edição ficará também marcada por um blind concert, no dia 3. Um espetáculo musical de uma pianista invisual, no qual todo o público será convidado a vendar os olhos e experimentar a sensação de ouvir o concerto sem poder ver.

À música e às causas sociais, junta-se este ano uma nova vertente: Conversas. Apelando ao debate, à discussão e à partilha de ideias, o Rock with Benefits avança com uma ideia já há muito ambicionada. Em busca do (re)encontro entre a população e os mais diversos temas do fórum da atualidade, cria-se um ambiente de troca de informação que se pretende que seja livre, pedagógico e com um cariz social vincado.

Estas Conversas terão lugar na Sala Manoel Oliveira no dia 1 e 2 e vão focar-se na responsabilidade social e no associativismo e os seus benefícios. Os cidadãos serão parte interessada, mas também os empresários serão chamados à conversa.

Recorde-se que o Rock with Benefits é um Festival de cariz solidário, promovida pela associação fafense Time to Do, com o apoio do Município de Fafe, que alia num só evento o entretenimento e a beneficência.

Nesta edição, as receitas revertem a favor de instituições do concelho, a Coopfafe Criar Laços, a Associação de Defesa dos Direitos dos Animais e Floresta, o Lar da Criança de Revelhe e a causa “Vamos Ajudar o Delfim”.

Pompeu Martins, Vereador da Cultura da Câmara Municipal de Fafe, destaca a responsabilidade social aliada a este projecto.

O Rock With Benefits tem sido acompanhado pela Câmara Municipal desde a sua primeira edição. Aquilo que nos uniu mais a este projecto foi a forma como foi pensado de juntar a música às causas e à intervenção social no nosso concelho. Este ano, voltamos a ter instituições e pessoas da nossa terra a serem directamente beneficiárias, o que para nós ainda é motivo de satisfação maior.

Nesta edição, o Rock tem uma casa nova, o Teatro Cinema, com um formato que reforça ainda mais a questão que às causas diz respeito, com um conjunto de conversas, para além dos concertos, que levam as pessoas a reflectirem sobre a responsabilidade social.”

Os bilhetes têm um custo de cinco euros mais dois kg de alimentos e estão à venda na Loja Interactiva de Turismo e nas instituições parceiras.

O OLHAR DO MENDIGO: UM POEMA DE DANIEL BASTOS

Com o aproximar da quadra natalícia, uma época de partilha e solidariedade, uma época de celebração da esperança num mundo melhor, o historiador e poeta fafense Daniel Bastos brinda os leitores do BLOGUE DO MINHO com o desenho e o poema “O olhar do mendigo”, que fazem parte do seu livro de poesia “Terra” magnificamente ilustrado pelo mestre-pintor Orlando Pompeu.

Daniel Bastos26nov.jpeg

O olhar do mendigo

 

Possui no imenso nada

o propósito de viver

um dia de cada vez,

talvez sobreviver.

De mão estendida

e a tristeza no olhar

espera em silêncio

algo para se saciar.

Órfão do destino

tem o céu como teto,

a rua como cama,

o corpo descoberto.

Voltado à solidão

jaz andrajoso

envolto na escuridão.

Desprovido de sonhos,

o olhar de dor

do mendigo

espelha a humilhação

da nossa alienação.

Daniel Bastos, “O olhar do mendigo”, in Terra.

Desenho - Orlando Pompeu26nov.jpg

FAFE É O SEGUNDO CONCELHO DO DISTRITO DE BRAGA COM MELHOR EFICIÊNCIA FINANCEIRA

Menor prazo médio de pagamentos e redução da dívida também em destaque

Fafe é o 2º município do distrito de Braga com melhor desempenho financeiro em 2015, de acordo com o Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses.

O Anuário Financeiro divulgado, na terça-feira, pela Ordem dos Contabilistas Certificado, estabelece um ranking distrital dos municípios com melhor desempenho, liderado por Esposende, com 1108 pontos, seguido de Fafe, com 1078 pontos, Barcelos (930 pontos), Braga (897 pontos) e Guimarães (893 pontos).

De acordo com o estudo, no conjunto dos 99 municípios portugueses de média dimensão, ou seja, entre os 20 mil e os 100 mil habitantes, Fafe ocupa o 19º lugar neste ranking, subindo seis posições em relação ao ano passado.

Fafe destaca-se ainda no conjunto de Municípios com menor prazo médio de pagamentos, posicionando-se em 24º lugar, com um prazo médio de 5 dias, redução considerável em relação a 2013, ano em que o prazo médio situava-se nos 40 dias.

O Município de Fafe ocupa o 6º lugar de entre os 10 municípios com menor passivo por habitante.

No que toca ao índice de dívida total, Fafe arrecada a 15ª posição, reduzindo a dívida para metade em relação ao ano passado.

Raul Cunha, Presidente da Câmara Municipal de Fafe, revela grande satisfação com os dados revelados.

“Estes dados refletem o esforço financeiro que temos feito para equilibrar as contas do Município, sem virar costas ao investimento em obras estruturais para o desenvolvimento do território ou deixarmos de investir nas pessoas, pela via do apoio social ou em áreas sensíveis ao crescimento como a criação de emprego, educação, turismo ou a promoção da nossa terra.  É muito bom saber que as contas públicas da autarquia estão bem e recomendam-se mas é ainda mais reconfortante podermos hoje dizer aos Fafenses que temos contas em dia, com obras em marcha e projetos novos para desenvolver. Vamos continuar a fazer um esforço contínuo para que as contas da Autarquia permaneçam equilibradas e para que os cidadãos sintam orgulho no seu Município”.

Os dados incluídos no último Anuário Financeiros do Municípios foram elaborados por especialistas da Ordem dos Contabilistas Certificados, do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA) e da Universidade do Minho.

 

FAFE É CIDADE NATAL 2016

Mercado de Natal, Árvore Gigante, Música, Teatro e muito mais

Amor Electro anima época natalícia em Fafe

O arranque oficial da Época Natalícia em Fafe acontece já na próxima quarta-feira, dia 30, com a inauguração da iluminação de Natal pela cidade. Uma árvore gigante, complementada com iluminação e decorações natalícias, vai trazer à cidade uma cor especial e um ambiente mágico.

fafe-natal-web-01-01.jpg

No dia 7 de Dezembro, o Pai Natal chega a Fafe e com ele traz um saco recheado de presentes, doces e muita animação. Milhares de crianças de várias escolas do concelho vão receber a figura mais querida do Natal, no centro da cidade, a partir das 10h30, tendo ainda a oportunidade de visitar a Casa do Pai Natal, instalada na Praça 25 de Abril, para agrado de miúdos e graúdos que vão poder tirar fotografias, brincar e receber lembranças.

Durante todo o mês de Dezembro, a cidade vai estar envolta num ambiente de magia, luz, cor e festa. A animação vai ser uma constante, com diversas actividades e programas imperdíveis para todas as idades.

O Mercado de Natal mantém-se como aposta para a Fafe Cidade Natal 2016. Inaugurado a 16 de Dezembro, altura em que decorre a Exposição dos Presépios de Natal, manter-se-á até ao dia 22, onde serão expostos diversos produtos regionais e dinamizadas várias atividades.

Destaque para o Concerto da Orquestra de Fafe, o Encontro de Coros, a atuação da banda fafense Four Armil, da Orquestra e Coro da Academia José Atalya, os Espetáculos de Dança e as Peças de Teatro.

Haverá ainda espaço para o Encontro de Colectividades, dinamizado por diversas associações do concelho que, em conjunto, vão apresentar aquilo que de melhor fazem durante o ano.

Os Amor Electro vão tornar o Natal ainda mais especial em Fafe, com um concreto imperdível, no Teatro Cinema, no dia 17 de Dezembro.

Os Pais Natal voltam a invadir a cidade, com o já habitual Desfile na Praça 25 de Abril, no dia 18.

O ano acaba em beleza com uma sessão de fogo artifício, no dia 31, ao soar das 12 badaladas.

Para celebrar o início de 2017, recebemos em Fafe a Banda Sinfónica Portuguesa, para um concerto de Ano Novo, no Teatro Cinema, no dia 8 de Janeiro.

As comemorações terminam, como não poderia deixar de ser, com os Encontros de Reis. As crianças atuam, no dia 13, no Pavilhão Multiusos de Fafe, e no Domingo, 22, decorre o Encontro de Cantadores de Reis em vários pontos da cidade, com final no Pavilhão Multiusos.

Raul Cunha, Presidente da Câmara Municipal de Fafe, destaca a programação variada deste Natal e acredita que agradará a todos os fafenses.

“O Natal é uma época de reunião, de alegria e de festa e queremos que, em Fafe, esta quadra natalícia seja vivida intensamente.

Apostámos num programa diversificado, com diversas atividades, que agrade a todas as idades e, sobretudo, que faça com que as pessoas sintam que esta é uma época mágica e muito especial.

Queremos também apoiar o comércio local, ajudando a trazer mais pessoas a Fafe e promovendo o que de melhor por cá se faz.

Acreditamos que esta Fafe Cidade Natal 2016 será certamente inesquecível e que juntos vamos celebrar o início do novo ano da melhor forma.”

cartaz-WEB-01.jpg

AMOR ELECTRO ATUA EM FAFE

Amor Electro no Teatro Cinema de Fafe. Banda actua pela primeira vez em Fafe

O mês de Dezembro está a chegar e os grandes concertos continuam em Fafe. Depois de em Novembro, recebermos Jorge Palma, Valter Lobo e os Guitarra & Contrabanda, as portas do Teatro Cinema de Fafe abrem-se para o espetáculo dos Amor Electro.

15094518_1164694383578022_4330890136881595413_n.jpg

No próximo dia 17 de Dezembro, a banda que se estreou em 2011, vem a Fafe, pela primeira vez, e promete um concerto único.

Desde a sua estreia em disco, os Amor Electro não param de crescer e tornaram-se um projeto de referência no panorama musical português.

Com dois álbuns editados, “Cai o Carmo e a Trindade”, em 2011, e “(R)Evolução”, em 2013, e já a trabalhar no terceiro disco, os Amor Electro contam com vários sucessos conhecidos do grande público, como são exemplo, “A Máquina”, “Rosa Sangue”, “Mar Salgado” e o mais recente “Juntos Somos Mais Fortes”.

A junção entre a modernidade e o tradicional, entre as raízes populares e a eletrónica, é posta à prova em cada espetáculo pelos músicos Tiago Pais Dias, Rui Rechena, Ricardo Vasconcelos e Mauro Ramos, a acompanharem a voz carismática de Marisa Liz, numa simbiose de energia eletrizante entre artistas e público.

Um espetáculo emocional, íntimo, intenso e uma experiência única para todo o público é a promessa para o Teatro Cinema de Fafe.

A banda garante “uma noite memorável, vivida e cantada em uníssono, até porque “Juntos Somos Mais Fortes”!”

“Nos últimos meses, temos trazido a Fafe um rol de artistas variado que têm enchido as nossas salas e encantado o público.

Em Dezembro, mantemos a fasquia e queremos celebrar o Natal de uma forma especial. Os Amor Electro vêm a Fafe pela primeira vez e estamos certos de que será um grande concerto. É uma banda conhecida do grande público, com temas únicos, e será, naturalmente, um belo espetáculo.”, revela Pompeu Martins, Vereador da Cultura.

O concerto tem início marcado para as 21h30 e os bilhetes estão à venda na Loja Interactiva de Turismo, com um custo de 12 euros.

HISTORIADOR DANIEL BASTOS PARTICIPA EM ENCONTRO DEDICADO ÀS COMUNIDADES PORTUGUESAS NA UNIVERSIDADE DE ÉVORA

Município de Esposende encerra presidência na Rede Nacional da Cultura dos Mares e dos Rios

O Município de Esposende apresentou “Mare Nostrum – Cantigas & Poemas”, cerimónia que incluiu o lançamento de um livro de textos poéticos alusivos ao mar e um CD onde se reúnem composições musicais inéditas, da autoria de Telmo Marques. Estas iniciativas encerraram a presidência do Município de Esposende na Rede Nacional da Cultura dos Mares e dos Rios, iniciada em 2014.

Évora 2.JPG

A contar da esquerda, o historiador Daniel Bastos, a professora catedrática Maria Manuela Tavares Ribeiro, e a professora catedrática Maria de Fátima Nunes

 

O espetáculo “Mare Nostrum – Cantigas & Poemas” facultou o contacto com uma seleção apurada de textos poéticos da literatura portuguesa, do séc. XIII ao Séc. XX, da responsabilidade de Sérgio Guimarães de Sousa, da Universidade do Minho. A esta antologia aliou-se a criação artística de uma nova e promissora geração de esposendenses, nomeadamente Joana de Rosa, a ilustradora, a interpretação original do Coro Ars Vocalis, sob a direção de Helena Venda Lima, acompanhados pelo pianista Diogo Zão, com base numa composição musical inédita de Telmo Marques. A declamação foi protagonizada por Pedro Lamares.

Para o presidente da Câmara Municipal de Esposende, Benjamim Pereira, “o rio Cávado e o mar são componentes indissociáveis de Esposende e das suas gentes, além de fonte inesgotável de riqueza, porque proporciona a pesca, o lazer, o transporte e a energia”. Porém, Benjamim Pereira entende que “o investimento que o País devia fazer no mar continua adiado. Esse tem sido o desígnio apontado por muitos governantes e nunca cumprido”, disse.

A culminar a semana em que se assinalou o Dia do Mar, Benjamim Pereira sobrelevou os aspetos que, em Esposende, marcam a ligação ao mar, desde logo na preservação da memória coletiva. “Além do Museu do Mar, dos sítios arqueológicos com ligação ao mar, desenvolvemos intenso trabalho, por exemplo, com o Fórum Esposendense, na erradicação das redes fantasma, numa iniciativa pioneira de preservação ambiental”, sublinhou o presidente da Câmara Municipal de Esposende, acrescentando as iniciativas desenvolvidas com a comunidade piscatória e a candidatura a Património Cultural Imaterial da romaria e do Banho Santo de S. Bartolomeu do Mar.

Por seu turno, a vereadora com o pelouro da Cultura, Jaqueline Areias assinalou a importância de todo o trabalho desenvolvido em torno da Rede Nacional da Cultura dos Mares e dos Rios tem adquirido junto da comunidade, “contribuindo para o reforço da identidade coletiva”.

Inserida na mesma cerimónia de encerramento da presidência esposendense da Rede Nacional da Cultura dos Mares e dos Rios, realizou-se o 6.º Encontro da Rede Nacional da Cultura dos Mares e dos Rios, presidido pelo Almirante José Bastos Saldanha, em representação da Sociedade de Geografia de Lisboa. No Museu Marítimo de Esposende decorreu o Seminário “A construção naval tradicional do Norte de Portugal” e, no Fórum Municipal Rodrigues Sampaio, decorreu a Assembleia Administrativa da Rede.

O Município de Esposende preside, desde novembro de 2014, à Rede Nacional da Cultura dos Mares e dos Rios (Sociedade de Geografia de Lisboa), tendo desenvolvido diversos projetos e ações, onde se destacam “Tradição Viva: a comunidade piscatória de Esposende – memórias e tradições”, projeto de investigação da cultura marítima e fluvial, os Seminários “A via da água” (2014) e “A Romaria e o Banho Santo de S. Bartolomeu do Mar” (2016), integrados nos 4.º e 5.º Encontros da Rede.

Évora 1.JPG

Évora 3.JPG

Évora 4.JPG

Évora 5.JPG

Évora 6.JPG

PRESIDENTE DO MUNICÍPIO DE FAFE QUESTIONA ESTRADAS DE PORTUGAL

COMUNICADO

DCS_3918

Presidente da Câmara Municipal de Fafe indignado com situação de Ponte de Passos

É verdadeiramente escandalosa a forma negligente e leviana como as Estradas de Portugal lidaram com a situação da Ponte de Passos.

Trata-se de uma questão com mais de 10 ANOS.

Repetidamente, por vários meios e formas, a Câmara Municipal avisou que a necessidade de intervir na Estrada de Passos iria impedir a utilização desta via como alternativa para evitar a Ponte.

A solução ensaiada com transbordo de passageiros nos extremos da ponte, na nossa opinião, não é aceitável.

As pessoas que utilizam, diariamente, esta estrada nacional não podem ser tratadas assim.

A obra de reparação da Ponte de Passos, que é da responsabilidade das Estradas de Portugal, está num impasse inaceitável.

A Câmara Municipal está disponível para ajudar a encontrar uma solução que permita atenuar o prejuízo que esta situação causa às pessoas que usam esta Ponte.

Já foi pedida mais uma reunião urgente com os responsáveis.

FAFE RECEBE CONCERTO QUE CULMINA RESIDÊNCIAS ARTÍSTICAS

Residências Artísticas do 48/20 culminam em concerto. Espetáculo no Teatro Cinema recebe três cantautores

No próximo Sábado, dia 19, o Teatro Cinema recebe um concerto muito especial que culmina as Residências Artísticas em Fafe, fruto do projecto 48/20.

Na sua fase experimental, o 48/20 contou com a realização de uma residência artística em que desafiou os cantautores e multi-instrumentistas Homem em Catárse (Afonso Dorido) e Gobi Bear (Diogo Alves Pinto) a criar um tema original inspirado na estadia em Fafe, com os seus ambientes e suas gentes.

Estas experiências e emoções vão resultar num concerto único e singular no pŕoximo Sábado, ao qual se junta a singersongwriter americana Heather Woods Broderick, artista que acompanha a aclamada Sharon Van Etten ao vivo e nos discos.

Esta é uma oportunidade imperdível para os amantes da música indie norte-americana e do espírito dos cantautores.

Recorde-se que o 48/20 foi um ciclo de concertos lançado em 2015 pelo Município de Fafe que convida exclusivamente cantautores e que fez passar por vários palcos da cidade artistas como Noiserv, Manel Cruz, Sandy Kilpatrick ou The Wooden Wolf.

O concerto tem início marcado para as 21h30 e a entrada é gratuita.

FAFE ASSINALA DIA DO ATENDIMENTO DESCENTRALIZADO

Sessão promove apoio a empresários locais

O IAPMEI - Agência para a Competitividade e Inovação, IP, em parceria com a Câmara Municipal de Fafe, promove, na próxima terça-feira, dia 29 de Novembro, o Dia do Atendimento Descentralizado.

iapmei_3D_horz_A_jpg.jpg

Esta iniciativa, que decorrerá nas instalações do Arquivo Municipal, procura fortalecer espaços de proximidade às empresas, através de serviços de informação e aconselhamento personalizados em zonas onde a Agência não dispõe de representação regional.

Uma equipa técnica do IAPMEI vai estar disponível para responder às dúvidas dos empresários e dos empreendedores da região.

O atendimento será individual, pelo que estará sujeito a marcação e à disponibilidade de vagas.

Para alguma dúvida ou esclarecimento, os interessados podem contactar Ana Teixeira, através do email gae@cm-fafe.pt ou pelo telefone 253 700 400. 

15033750_590387781146730_779496566_n.jpg

FAFE RECEBE CONCERTO DO QUARTETO "GUITARRA E CONTRABANDA"

Guitarra e Contrabanda no Teatro Cinema de Fafe

A programação cultural do mês de Novembro termina com um espectáculo dos Guitarra e Contrabanda, na próxima sexta-feira, 18 de Novembro, no Teatro Cinema.

14344231_10209953083121372_4229333008346382847_n.jpg

Juntos desde 2012, este quarteto de músicos naturais de Fafe, propõe-se a levar o público a revisitar memórias quase esquecidas do nosso Portugal.

A banda, composta por Nuno Marinho, Ricardo Fernandes, Hugo Marinho e Licínio Castro, lançou o seu primeiro trabalho discográfico no ano de 2013, “Fim para um princípio” e, em 2015, apresentou "O Velho-barqueiro".

O Folk e o Rock vão dominar o concerto numa mistura de ritmos e sons, desde a guitarra, o baixo, a bateria, percussão, bouzouki, braguesa, bandolim, guitarra eléctrica e o cavaquinho.

O concerto tem início marcado para as 21h30 e os bilhetes podem ser adquiridos na Loja Interactiva de Turismo.

HISTORIADOR DANIEL BASTOS PARTICIPA EM ENCONTRO DEDICADO ÀS COMUNIDADES PORTUGUESAS NA UNIVERSIDADE DE ÉVORA

No próximo dia 17 de novembro, o historiador Daniel Bastos é um dos dois oradores convidados dos “Encontros às Quintas”, da Escola de Ciências Sociais da Universidade de Évora, dedicado ao tema das Comunidades Portuguesas.

Daniel Bastos (1).jpg

A iniciativa, organizada por uma das maiores unidades orgânicas da Universidade de Évora, instituição de referência do ensino superior público português, é coordenada pela Profª. Doutora Maria de Fátima Nunes, e decorrerá pelas 15 horas na Sala de Docentes.

Para além do investigador natural de Fafe, antigo aluno da Universidade de Évora e atualmente professor no Colégio João Paulo II em Braga, que abordará o seu percurso de escritor e historiador alicerçado junto das comunidades portuguesas, o encontro conta ainda com a presença de Maria Manuela Tavares Ribeiro, Professora Catedrática da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, e Coordenadora Científica do Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX da Universidade de Coimbra - CEIS20.

Refira-se que este encontro de 17 de novembro encerra o ciclo da Escola de Ciências Sociais da Universidade de Évora “conversas à quinta”, e tem com principal objetivo debater o papel desempenhado pelas Comunidades Portuguesas espalhadas pelo Mundo.

 

Cartaz - Évora.jpg

MUNICÍPIO DE FAFE IMPLEMENTA E-PAPER

Solução permite reduzir utilização de papel e tornar serviços mais eficientes e transparentes

A Câmara Municipal de Fafe implementou nos serviços da Autarquia, a partir do dia de hoje, o e-paper, uma solução informática que permite a recepção e tramitação digital dos processos de Urbanismo.

DSA_7883A.jpg

Este é um projecto que procura promover a simplificação, automação e desmaterialização dos procedimentos administrativos relacionados com a gestão urbanística.

Durante a apresentação desta nova ferramenta, Raul Cunha, Presidente da Câmara Municipal de Fafe, explica que este projecto “surge pela necessidade de proceder à tramitação dos processos em papel para o digital, de todo o tipo de processos urbanísticos, num conceito de simplificação e desmaterialização dos projectos.

Este é mais um importante passo em todo um trabalho que tem vindo a ser implementado na Autarquia, com o objectivo mais amplo de simplificar a vida às pessoas e tornar os serviços mais eficientes, mais rápidos e mais transparentes.

“Um computador e uma ligação à Internet é tudo o que precisa para poder aceder ao e-paper. Acreditamos ser uma mais valia para os munícipes.”, remata o autarca.

Eugénio Marinho, Vereador do Pelouro do Urbanismo, explica que “o e-paper é uma solução de gestão digital de ficheiros, que permite abolir a necessidade primordial da utilização do papel. É um projecto que há muito ambicionávamos e que está integrado na estratégia do Município de desmaterialização de processos de obras particulares.”

Num primeiro momento, os documentos poderão ser entregues das duas formas, em papel ou via informática, permitindo-se, assim, uma adaptação ao processo por parte dos munícipes e funcionários da autarquia. Findo esse período de transição, a entrega de documentos será feita apenas pela via digital.

A informação relativa aos procedimentos para a apresentação e instrução dos processos urbanísticos em suporte digital poderá ser encontrada no site do Município de Fafe.

DSA_7904A.jpg

DSA_7909A.jpg

DSA_7919A.jpg

MUNICÍPIO DE FAFE LANÇA NOVAMENTE PRÉMIO DE HISTÓRIA LOCAL

O Município de Fafe instituiu, pela décima quinta vez, o Prémio de História Local “Câmara Municipal de Fafe “.

O prémio visa estimular a pesquisa e investigação em torno da identidade deste Município, no passado e nas suas diferentes perspetivas,

Podem concorrer ao Prémio de História Local todos os que o pretendam, residam ou não no concelho, com trabalhos originais e inéditos sobre um ou vários aspetos da história de Fafe, a nível administrativo, político, económico, social, cultural, artístico, religioso ou outro(s).

Segundo o regulamento aprovado pelo Executivo, na avaliação dos trabalhos serão ponderados aspetos como a utilização privilegiada das fontes primárias, a valorização da originalidade e atualidade dos temas, a clareza e correção da linguagem, a coerência global e a apresentação formal.

Os trabalhos concorrentes terão de ser escritos em português, com o mínimo de 30 páginas.

O Prémio tem o valor pecuniário de 1 000 € e galardoará apenas o melhor trabalho concorrente. A Câmara garantirá, além disso, a publicação da obra vencedora na revista Dom Fafes.

Os interessados em concorrer devem remeter quatro exemplares do seu trabalho, apresentado em folhas de formato A4, a 2 espaços, para Casa Municipal de Cultura de Fafe (Prémio de História Local) – Rua Major Miguel Ferreira – 4820-276 Fafe.

Cada concorrente apenas pode remeter um trabalho.

O prazo de receção das obras concorrentes decorre até ao dia 28 de fevereiro de 2017, ocorrendo a entrega do prémio ao autor da obra vencedora em 25 de abril seguinte.

De recordar que a última edição do prémio, já atribuído este ano, contemplou o trabalho Requalificação do Palacete Manuel Rodrigues Alves: Re-Integração da Palacete no Quotidiano da Cidade, de Ana Isabel Freitas Teixeira.

FAFE RECEBE ROCK WITH BENEFITS EM DEZEMBRO

6ª edição é celebrada no Teatro Cinema de Fafe. Música aliada à responsabilidade social dá mote ao Festival. Bandas nacionais e locais preenchem a programação

O primeiro fim de semana de Dezembro vai ser muito especial. O Festival Rock With Benefits regressa a Fafe, com um cartaz repleto de boa música e muitas surpresas.

DSA_7865A.jpg

De 1 a 3 de Dezembro, Fafe volta a receber música com causas. São diversos os concertos, as palestras e conferências que preenchem a programação destes três dias que prometem não deixar ninguém indiferente.

O Rock With Benefits conta com um conjunto de espetáculos de bandas nacionais, não deixando de promover músicos naturais de Fafe, presença habitual em edições anteriores.

O Fado dá o mote para este Festival. No dia 1, o Teatro Cinema recebe os concertos de Fado Violado e Fado em Trio. O destaque da 6ª edição do Rock With Benefits vai para a banda Best Youth, a atuar na sexta-feira, dia 2 de Dezembro, a par do concerto do músico Filho da Mãe.

Os concertos no Teatro Cinema terminam no Sábado com a atuação de Glockenwise, GrandFather's House e a banda fafense, The Pende.

Grande parte das actividades vão decorrer no Teatro Cinema de Fafe, sendo algumas deslocalizadas para o centro da Cidade, nomeadamente para o Café Avenida, um espaço parceiro onde o festival fará curadoria de mais concertos e dj set’s em jeito de continuação da noite.

Esta 6ª edição ficará também marcada por um blind concert, no dia 3. Um espetáculo musical de uma pianista invisual, no qual todo o público será convidado a vendar os olhos e experimentar a sensação de ouvir o concerto sem poder ver.

À música e às causas sociais, junta-se este ano uma nova vertente: Conversas. Apelando ao debate, à discussão e à partilha de ideias, o Rock with Benefits avança com uma ideia já há muito ambicionada. Em busca do (re)encontro entre a população e os mais diversos temas do fórum da atualidade, cria-se um ambiente de troca de informação que se pretende que seja livre, pedagógico e com um cariz social vincado.

Estas Conversas terão lugar na Sala Manoel Oliveira no dia 1 e 2 e vão focar-se na responsabilidade social e no associativismo e os seus benefícios. Os cidadãos serão parte interessada, mas também os empresários serão chamados à conversa.

Recorde-se que o Rock with Benefits é um Festival de cariz solidário, promovida pela associação fafense Time to Do, com o apoio do Município de Fafe, que alia num só evento o entretenimento e a beneficência.

Nesta edição, as receitas revertem a favor de instituições do concelho, a Coopfafe Criar Laços, a Associação de Defesa dos Direitos dos Animais e Floresta, o Lar da Criança de Revelhe e a causa “Vamos Ajudar o Delfim”.

Durante a apresentação deste Festival, Pompeu Martins, Vereador da Cultura da Câmara Municipal de Fafe, destacou a responsabilidade social aliada a este projecto.

O Rock With Benefits tem sido acompanhado pela Câmara Municipal desde a sua primeira edição. Aquilo que nos uniu mais a este projecto foi a forma como foi pensado de juntar a música às causas e à intervenção social no nosso concelho. Este ano, voltamos a ter instituições e pessoas da nossa terra a serem directamente beneficiárias, o que para nós ainda é motivo de satisfação maior.

Nesta edição, o Rock tem uma casa nova, o Teatro Cinema, com um formato que reforça ainda mais a questão que às causas diz respeito, com um conjunto de conversas, para além dos concertos, que levam as pessoas a reflectirem sobre a responsabilidade social.”

Esta edição do Rock With Benefits será diferente. O Teatro Cinema vai receber grande parte dos concertos, as instituições parceiras vão ser mais envolvidas e, para além disso, introduzimos um novo espaço de acolhimento, o Café Avenida, e apostamos em trazer esta nova vertente das conversas.

Sendo o Rock With Beneftis um festival socialmente responsável, é fundamental que as pessoas conversem e reflictam sobre temas importantes da sociedade atual.

Nesta edição, reinventámos o Festival, apostamos num cartaz coerente, que vai trazer muita gente a Fafe e que volta a trazer a responsabilidade social para cima da mesa.”, revela Gonçalo Vieira de Castro, responsável pela Associação Time To Do.

Os bilhetes têm um custo de cinco euros mais dois kg de alimentos e estão à venda na Loja Interactiva de Turismo e nas instituições parceiras.

cartaz_bandas-min.png

DSA_7843A.jpg

DSA_7852A.jpg

 

ROCK WITH BENEFITS REGRESSA A FAFE EM SETEMBRO

6ª edição é celebrada no Teatro Cinema de Fafe

O primeiro fim-de-semana de Dezembro vai ser muito especial. O Festival Rock With Benefits regressa a Fafe, com um cartaz repleto de boa música e muitas surpresas.

O Rock with Benefits é um festival de cariz solidário que alia num só evento o entretenimento e a beneficência. Nesta edição, as receitas  revertem a favor da Coopfafe Criar Laços, da Associação de Defesa dos Direitos dos Animais e Floresta, do Lar da Criança de Revelhe e da causa “Vamos Ajudar o Delfim”.

A apresentação do Festival decorre amanhã, no Teatro Cinema de Fafe, às 15h30.

JORGE PALMA ACTUA EM FAFE

Jorge Palma actua no Teatro Cinema de Fafe

Na próxima sexta-feira, dia 11, Jorge Palma sobe ao palco do Teatro Cinema para um concerto em acústico, dando continuidade à serie de concertos que marca o mês de Novembro em Fafe.

19970_300433593789_5722299_n.jpg

Jorge Palma divide o palco com Vicente Palma, que surge na guitarra e no piano, e Gabriel Gomes que oferece a sonoridade do seu acordeão para criar ambientes verdadeiramente íntimos e especiais.

Com mais de 40 anos de carreira, Jorge Palma é um nome incontornável do panorama musical português. Compositor, poeta, intérprete e exímio pianista, o músico começou a dar cartas logo cedo, quando aos 13 anos venceu o segundo prémio e uma menção honrosa num Concurso Internacional das Juventudes Musicais, em Palma de Maiorca.

Correu a Europa de guitarra em punho tocando nas ruas de cidades como Paris e Copenhaga.

Editou vários discos de originais, compondo êxitos, somando discos de ouro, tendo atingindo a marca da dupla platina com Voo Nocturno.

Venceu o prémio José Afonso em 2002, e em 2008 e 2012 foi o vencedor do Globo de Ouro na categoria de melhor intérprete. Pelo seu último disco «Com Todo o Respeito» foi ainda galardoado pela SPA com o prémio Pedro Osório.

O concerto têm inicio marcado para as 21h30.

FAFENSES FAZEM PROVA DE CORTA MATO ESCOLAR

Parque da Cidade de Fafe acolhe prova desportiva. Corta Mato Escolar concelhio mobiliza mais de 2000 jovens

O Parque da Cidade volta a ser palco de mais uma atividade desportiva promovida pelo Agrupamento de Escolas Montelongo e pelo Município de Fafe.

350x600px-site-03.jpg

No próximo dia 11 de Novembro, sexta-feira, decorre uma nova edição do Corta Mato Escolar Concelhio de Fafe.

Mais de 2000 jovens de várias escolas do concelho, do 4º ao 12º ano, estão inscritos para participar na prova, que decorre durante a manhã, das 09h00 às 13h00. 

A corrida, que tem como mote “Eu sou ativo, Eu sou saudável, Eu gosto de mim”, vai dividir-se em seis escalões: 4º ano, Infantil A, Infantil B, Iniciado, Juvenil e Júnior.

No final da corrida, serão atribuídos prémios por escalão e também por escola. 

Os melhores de cada escalão serão apurados para o Corta Mato Regional, a realizar em 2017. 

Para Pompeu Martins, Vereador do Desporto, o Corta Mato Escolar é “uma excelente iniciativa que estimula a prática desportiva nos mais novos, criando também momentos de convívio e lazer. 

Este ano, voltamos a escolher o Parque da Cidade como palco desta prova, abrindo assim à população um espaço que é de todos.

Os cerca de 2000 jovens participantes vão, certamente, fazer desta uma manhã divertida, saudável e descontraída”

Caso as condições meteorológicas não sejam favoráveis, o corta mato será adiado para outra data.

ORLANDO POMPEU INAUGURA EXPOSIÇÃO DE AGUARELAS EM GUIMARÃES

 

O mestre-pintor Orlando Pompeu inaugurou ontem, na Galeria quarenta do Hotel Mestre de Avis, uma unidade hoteleira no centro de Guimarães, a exposição de aguarelas “Pré-Textos do Sub-Consciente”.

Exposição 1.JPG

O mestre-pintor Orlando Pompeu, acompanhado da empresária Maria Roeder, do historiador Daniel Bastos, e da artista plástica galega Carmen Touza

 

A inauguração da exposição de um dos mais conceituados artistas plásticos portugueses da atualidade, detentor de uma obra que está representada em variadas coleções particulares e oficiais em Portugal, Espanha, França, Inglaterra, Brasil, Estados Unidos, Dubai e Japão, contou com a presença de um grande número de pessoas da região Norte e da Galiza.

A exposição marcada pelo início de um novo ciclo temático do artista natural de Fafe, que inicialmente realista e impressionista, e também com multicolores obras gestualistas, mergulha agora na pintura em aguarela. Uma técnica de pintura na qual os pigmentos se encontram suspensos ou dissolvidos em água, e que evidencia a plena maturidade de Orlando Pompeu, e a sua extraordinária delicadeza estética e talento criativo.

A apresentação da obra e do seu autor esteve a cargo do escritor e historiador Daniel Bastos, que destacou a sensibilidade cultural da proprietária do Hotel Mestre de Avis, a empresária Maria Roeder. Segundo o investigador da nova geração de historiadores portugueses, Orlando Pompeu detém uma carreira e currículo nacional e internacional ímpar, que o tornam atualmente uma figura incontornável da pintura portuguesa.

Visivelmente emocionado, o artista agradeceu a presença dos inúmeros amigos, admiradores e colecionadores que lotaram o espaço da Galeria quarenta, e reconheceu a oportunidade desta nova exposição através do papel da empresária e colecionadora Maria Roeder, que esteve na base do impulso do novo ciclo temático do artista plástico. 

Refira-se que a exposição estará patente ao público até 5 de março de 2017, durante o período normal de funcionamento da unidade hoteleira integrada no território classificado pela UNESCO.

Exposição 2.JPG

Exposição 3.JPG

Exposição 4.JPG

Exposição 5.JPG

Exposição 6.JPG

Exposição 7.JPG 

PRESIDENTE DA REPÚBLICA DIRIGE MENSAGEM OFICIAL AO ESCRITOR FAFENSE DANIEL BASTOS

Presidente da República compartilha com historiador Daniel Bastos empenho no aprofundamento do contacto com a comunidade luso-canadiana

No início do presente mês de novembro, o escritor e historiador minhoto Daniel Bastos, cujo percurso literário tem sido alicerçado junto das comunidades portuguesas, recebeu uma mensagem oficial da Casa Civil do Presidente da República Portuguesa, na qual Marcelo Rebelo de Sousa compartilha com o investigador o empenho no aprofundamento do contacto com a comunidade luso-canadiana.

Daniel Bastos.jpg

Recorde-se, que nas últimas comemorações do Dia de Portugal no Canadá, Daniel Bastos apresentou a convite da Galeria dos Pioneiros Portugueses em Toronto, uma conferência sobre a história da emigração portuguesa, assim como o seu mais recente livro “Gérald Bloncourt – O olhar de compromisso com os filhos dos Grandes Descobridores”. Uma obra concebida a partir do espólio do consagrado fotógrafo franco-haitiano, condecorado nessa altura em Paris pelo presidente da República Portuguesa com a Ordem do Infante D. Henrique, e que reúne mais de centena e meia de fotografias originais da maior importância para a história portuguesa do último meio século.

Saliente-se que no âmbito dos contactos estabelecidos com a comunidade luso-canadiana, o investigador da nova geração de historiadores portugueses, atualmente docente no Colégio João Paulo II em Braga, tem delineado a médio prazo a realização de uma obra sobre a emigração portuguesa para o Canadá. Um projeto editorial e de investigação promovido pela Galeria dos Pioneiros Portugueses, um Museu criado em 2003 que se dedica à perpetuação da memória e das histórias dos pioneiros da emigração portuguesa para o Canadá, cuja comunidade chega a quase meio milhão.

of6703-page-001.jpg

VALTER LOBO ATUA NO TEATRO CINEMA DE FAFE

Novembro vai ser um mês repleto de grandes concertos em Fafe.

Valter Lobo dá o mote para este mês especial com um concerto intimista no Teatro Cinema, na próxima sexta-feira, dia 4.

14670820_1250518904987901_1189890816243579945_n.jpg

O músico, natural de Fafe, vai apresentar o seu mais recente trabalho, o álbum “Mediterrâneo”. Nove temas originais compilados num trabalho conceptual em que Valter Lobo, sem colocar de parte uma melancolia inata, faz uma reaproximação ao calor humano e ao mundo, na busca de um clima mais ameno e apaziguador, despido de materialismo e onde os bens essenciais à sobrevivência são a proximidade com o mar e com aqueles de quem gostamos.

A sonoridade veio enriquecida pelos ambientes criados pela guitarra atmosférica de Jorge Moura e pelos sopros de Tiago Borges.

Valter Lobo é um cantautor e advogado nortenho que se deu a conhecer apresentando ao mundo um conjunto de cinco canções que perfizeram o “Inverno Ep” em 2012.

Com o português em punho e com uma componente lírica marcada por um grande sentimentalismo, integrou o grupo de Novos Talentos Fnac 2012, apresentou-se ao público em vários concertos ao vivo, participou no “Singersongwriter International Competition”, sendo o único artista a cantar em português a chegar à semi-final, até alcançar o primeiro lugar do top da Antena3, onde permaneceu durante várias semanas com o tema “Pensei que fosse fácil”.

O concerto tem início marcado para as 21h30 e os bilhetes podem ser adquiridos na Loja Interactiva de Turismo.

ORLANDO POMPEU APRESENTA AGUARELAS EM GUIMARÃES

Orlando Pompeu inaugura exposição aguarelas “Pré-Textos do Sub-Consciente”

No próximo sábado (5 de novembro) o mestre-pintor Orlando Pompeu inaugura às 18h00 na Galeria quarenta do Hotel Mestre de Avis, uma unidade hoteleira no centro de Guimarães, integrada no território classificado pela UNESCO, a exposição de aguarelas “Pré-Textos do Sub-Consciente”.

Orlando Pompeu.jpg

Nascido em Cepães, concelho de Fafe, Orlando Pompeu, estudou desenho, pintura e escultura em Barcelona, Porto e Paris, tendo criado um estilo pictórico pessoal, heterogéneo, criativo, original e contemporâneo. Detentor de uma obra que está representada em variadas coleções particulares e oficiais em Portugal, Espanha, França, Inglaterra, Brasil, Dubai, Estados Unidos e Japão, Orlando Pompeu é atualmente um dos mais consagrados artistas plásticos portugueses.

A apresentação da obra e do seu autor, que revela-se em amplos movimentos gestualistas e em trabalhos que combinam o rigor formal com ricos cambiantes multicolores, estará a cargo do escritor e historiador Daniel Bastos.

O RELÓGIO DO TEMPO - UM POEMA DE DANIEL BASTOS E UM DESENHO DE ORLANDO POMPEU

Daniel Bastos22.jpg

O Relógio do Tempo

                                                                                O relógio soa

                                                                                E nos induz, em tom mordaz,

                                                                                A recordar que uso fugaz

                                                                                Fizemos do dia que escoa

Charles Baudelaire, As Flores do Mal

O relógio do tempo

 não para,

avança inexoravelmente

pontual e fugaz

na sucessão imanente

dos dias e das noites.

O relógio do tempo

não anda para trás,

 urge

e não se compadece

que o hoje, amanhã

seja ontem.

Moldado em horas

escoadas

em minutos e segundos,

o relógio do tempo

é universal,

aplica a todos por igual

a sentença da vida

e da morte,

a todos destinada

por todos desconhecida.

Daniel Bastos, “O Relógio do Tempo”, in Terra.

DESENHO - Orlando Pompeu11.jpg

FAFENSES REALIZAM QUEIMADA GALEGA

Queimada Galega assinala Halloween em Fafe

Na próxima segunda-feira, dia 31, comemoramos o Halloween em Fafe de uma forma especial. Uma Queimada Galega vai assinalar a data, a partir das 22h00, na Praça 25 de Abril.

A animação não vai faltar noite dentro com música, um flash mob, desfiles, dança e muitas surpresas.

Esta é uma iniciativa promovida em parceria pelos Restauradores da Granja, o Grupo Leões de Ferro, a Associação Recreativa e Cultural de Santo Ovídio, a Cercifaf e Academia de Dança Nun'Álvares, contando com o apoio do Município e da Junta de Freguesia. 

RESTAURADORES DA GRANJA - Cartaz HALLOWEEN.jpg

BANDA "FACE B" APRESENTA EM FAFE O NOVO EP

Face B no Teatro Cinema de Fafe. Apresentação do novo EP ao vivo

No próximo Sábado, 29 de Outubro, a banda fafense, Face B, actua no Teatro Cinema, num espectáculo especial, onde vai apresentar, ao vivo, o novo EP, "Esquecidos".

z-faceB.jpg

Os Face B vão partilhar o palco com vários artistas convidados, como Celina Tavares, Ricardo Carvalho e Marco Génio, tornando este concerto um momento muito especial.

Os bilhetes, com o valor de 5 euros, estão à venda na Loja Interactiva de Turismo.

Recorde-se que cada bilhete apresentado à entrada da sala corresponderá à entrega de um EP dos Face B.

FAFE RECEBE CONCERTO DE JAZZ

2ª Edição do Jazz em Fafe termina este fim-de-semana

A série de concertos de Jazz no Teatro Cinema termina na próxima sexta-feira, 28 de Outubro, com o espetáculo dos Projecto MAP.

MAP é um quarteto de músicos do Porto dedicado à interpretação de música original, de influência jazzística. É constituído por Paulo Gomes (piano), Miguel Moreira (guitarra), Miguel Ângelo (contrabaixo) e Acácio Salero (bateria).
O concerto, com entrada livre, tem início marcado para as 22h00.

No sábado, é a vez dos alunos da Escola de Jazz do Porto atuarem no Club Fafense, às 22h00.

Recorde-se que durante o mês de Outubro, os ritmos e sons do Jazz envolveram a cidade com vários espetáculos, tertúlias e conferências.

MUNICÍPIO DE FAFE CRIA GABINETE DE APOIO AO EMIGRANTE

Espaços já promoveram mais de 20 000 atendimentos em todo o país

Foi assinado, esta tarde, o Protocolo de Cooperação entre o Ministério dos Negócios Estrangeiros e o Município de Fafe para a criação do Gabinete de Apoio ao Emigrante.

DSA_6050.JPG

A sessão contou com a presença do Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Luís Carneiro, e do Diretor Regional dos Assuntos Consulares e Comunidades Portuguesas, Jorge Oliveira.

Raul Cunha, Presidente da Câmara Municipal de Fafe, abriu a sessão, salientando o papel fundamental que os emigrantes tiveram e continuam a ter no desenvolvimento do concelho.

“Fafe é tradicionalmente um Município de emigração. Nos primeiros anos, uma emigração dirigida, sobretudo, para o Brasil e, a partir dos anos 60 e até aos dias de hoje, uma emigração dirigida, essencialmente, para a Europa. Uma emigração que continua a ser feita com muitos sacrifícios, mas com uma vontade indomável dos fafenses em procurar evoluir, avançar e lutar por uma vida melhor.

Isto tem sido algo que nos tem caracterizado enquanto cidadãos e que nos coloca na obrigação de ter uma estrutura municipal como este Gabinete, que possa fazer a charneira entre quem quer regressar e aqueles que querem sair.”

É um Gabinete que pretendemos que tenha conteúdo, que seja uma porta de relação dos nossos emigrantes com Portugal, no que toca tanto a questões sociais e profissionais, como de investimento e reinserção dos emigrantes quando regressam.

Queremos, no fundo, que este Gabinete, que está pronto a funcionar e ficará localizado junto ao Espaço do Cidadão, seja um interface de relação com os emigrantes.”

O Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Luís Carneiro, destacou este acordo como algo que deve ir para além de ciclos políticos, garantindo os apoios necessários a todos os portugueses que vivem no estrangeiros.

“É nosso dever, no Ministério dos Negócios Estrangeiros, acompanhar de forma muito particular a saída e o regresso, definitivo ou temporário, dos portugueses que, por diversas razões, decidiram deixar a sua terra pátria para outras regiões, em buscar de melhores oportunidades de vida ou na realização plena das suas faculdades intelectuais, sociais, cívicas.

Este novo ciclo de Gabinetes de Apoio ao Emigrantes têm três grandes prioridades que passam por alargar os Gabinetes a todo o território nacional, criando capacidade de respostas a todos os estratos sociais, aumentar as competências e funções, dando-lhes novos conteúdos e, finalmente, integrar, no contexto de trabalho destes Gabinetes, a identificação, o apoio e o acompanhamento aos micro investidores.”

José Luís Carneiro aproveitou ainda para fazer um balanço do trabalho desenvolvido pelos mais de 120 Gabinetes de Apoio ao Emigrante espalhados por todo o país.

“Os Gabinetes de Apoio ao Emigrante já contabilizam cerca de 20 mil atendimentos em todos o país, mais de 80 % destes apoios visam recuperar direitos sociais dos portugueses que viveram e trabalharam no estrangeiros.

O objectivo do seu reforço é o de garantir, aos Municípios que têm populações emigradas e que regressam temporária ou definitivamente ao seu país, condições para que possam apoiar estas pessoas, criando um rede cada vez maior.

Quanto maior for a rede deste Apoio ao Emigrante, mais garantias temos que os portugueses que vivem pelo mundo têm uma relação de apoio e protecção consulares.”

Recorde-se que o Gabinete de Apoio ao Emigrante terá um trabalho contínuo na promoção de ações que apoiem os cidadãos que se encontram a residir e a trabalhar nos países de acolhimento e todos aqueles que que queiram regressar com carácter definitivo ao país de origem, promovendo ações que garantam a divulgação de informação relevante para o exercício dos seus direitos e deveres.

Este Gabinete servirá ainda para fomentar projetos de investimento e desenvolvimento locais e ações que apoiem o associativismo e que promovam e favoreçam o conhecimento da cultura portuguesa.

A vinda do Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas a Fafe terminou com a visita ao Museu das Migrações e das Comunidades, espaço onde se prevê desenvolvimentos para breve.

“O Museu das Migrações e das Comunidades é dos mais antigos do país e, por isso, é nossa vontade continuar a preservá-lo e investir neste espaço. Já reunimos com o Ministério da Cultura, no sentido de procurar qualificar o Museu, dar-lhe mais conteúdo, modernizar o espaço e as tecnologias que lhe estão associados.

Pretendemos também criar condições e uma rede com outros Municípios que estejam relacionados com esta área de valorização de memória colectiva ligada à emigração, procurando assim intervenção programada e planeada mais eficaz e mais útil para as pessoas.”, explicou Raul Cunha.

DSA_6070.JPG

DSC_3128.JPG

DSC_3179.JPG

DSC_3183.JPG

DSC_3188.JPG

MUNICÍPIO DE FAFE CRIA GABINETE DE APOIO AO EMIGRANTE

Na próxima segunda-feira, 24 de Outubro, o Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Luís Carneiro, vem a Fafe para a assinatura de um Protocolo de Cooperação para a criação do Gabinete de Apoio ao Emigrante.

O Gabinete de Apoio ao Emigrante terá um trabalho contínuo na promoção de ações que apoiem os cidadãos que se encontram a residir e a trabalhar nos países de acolhimento e todos aqueles que que queiram regressar com carácter definitivo ao país de origem, promovendo ações que garantam a divulgação de informação relevante para o exercício dos seus direitos e deveres.

Este Gabinete servirá ainda para fomentar projetos de investimento e desenvolvimento locais e ações que apoiem o associativismo e que promovam e favoreçam o conhecimento da cultura portuguesa.

A assinatura do Protocolo tem início marcado para as 15h00, no Arquivo Municipal de Fafe.

PRESIDENTE DO MUNICÍPIO DE FAFE VISITA CENTRO DE CONVÍVIO DE IDOSOS DE MOREIRA DO REI

Este Centro é um ponto de encontro entre gerações”

O Presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha, visitou, esta manhã, o Centro de Convívio de Idosos de Moreira de Rei, acompanhado por Pompeu Martins, Vice-Presidente, e por Diamantino Reis, Presidente da Junta de Freguesia.

DSA_5643A.jpg

Durante a visita, Raul Cunha teve oportunidade de conhecer o espaço e contactar com alguns dos utentes que já frequentam o centro, ocupando-se com diversas atividades durante o dia.

O Centro de Convívio de Idosos foi inaugurado recentemente e está localizado nas instalações do Jardim de Infância da freguesia. Funciona de segunda a sexta-feira, das 9h00 às 18h00, assegurando refeições e transporte para todos os utentes.

O Presidente da Câmara Municipal de Fafe destacou o convívio intergeracional entre idosos e crianças que o espaço estimula.

“Este Centro de Convívio é uma mais valia, por permitir que os idosos possam conviver e estejam ocupados com atividades diversificadas, que promovem um envelhecimento ativo e saudável.

A localização junto da pré-escola torna este espaço ainda mais valioso, por permitir o contacto e uma relação próxima entre pessoas de mais idades e as crianças.

Este Centro é um ponto de encontro entre gerações e, por isso, é fundamental que se promova esta partilha de experiências e conhecimentos.”

Raul Cunha aproveitou ainda para visitar o Espaço do Cidadão da freguesia e a Escola Básica.

DSA_5649A.jpg

DSA_5665A.jpg

 

BANDA "FACE B" ATUA EM FAFE

Face B no Teatro Cinema de Fafe. Apresentação do novo EP ao vivo

No próximo Sábado, 29 de Outubro, a banda fafense, Face B, actua no Teatro Cinema, num espectáculo especial, onde vão apresentar, ao vivo, o seu novo  EP, "Esquecidos".

Face B (1).jpg

Este novo EP, cujo tema "Esquecidos" dá nome ao disco, visa a promoção e divulgação do próximo álbum, a editar em 2017, do qual farão parte estes e outros temas, alguns dos quais serão tocados já neste concerto.

Os Face B vão partilhar o palco com vários artistas convidados, como  Celina Tavares,  Ricardo Carvalho e Marco Génio, tornando este concerto um momento muito especial.

A Banda Face B,  com origem nos anos 80, conta já com vários trabalhos editados, designadamente, álbuns em CD, Singles em vinil,  com temas emblemáticos e   marcantes para várias gerações.

O concerto tem início marcado para as 21h30.

Os bilhetes, com o valor de 5 euros,  estão à venda na Loja Interactiva de Turismo.

Recorde-se que cada bilhete apresentado à entrada da sala no dia do espectáculo corresponderá à entrega de um EP dos Face B.

impressão cd.JPG