Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

ALUNOS DE CELORICO DE BASTO VISITAM CENTRO DE APOIO À CRIAÇÃO DE EMPREGO CULTURAL DO PORTO

Alunos do Agrupamento de Escolas de Celorico de Basto visitaram o CACE Cultural do Porto

O Centro de Apoio à Criação de Emprego Cultural do Porto recebeu ontem, 15 de fevereiro, 55 alunos que frequentam ensino secundário do Agrupamento de Escolas de Celorico de Basto numa organização parceira com o CLDS 3G Geração Eco.

WP_20180215_007

Uma visita que teve por objetivo elucidar os alunos para o empreendedorismo dando-lhes mais ferramentas para que possam ter um futuro mais atrativo. “É fundamental que os jovens tenham acesso a vários mecanismos que sejam uma mais-valia no que respeita ao percurso profissional. Neste sentido, o Contrato Local de Desenvolvimento Social Geração Eco tem procurado atuar de forma exemplar, trabalhando com versatilidade no sentido de dar aos jovens a hipótese de novos conhecimentos para que, terminado o ciclo de estudos possam olhar para o mercado de trabalho com otimismo e cientes das suas capacidades. São oportunidades únicas que incentivam os jovens a não ter medo de ir ao encontro dos seus sonhos cientes das dificuldades e das responsabilidades do mercado de trabalho” disse o Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva.

Os jovens puderam assim conhecer de perto um ninho de empresas, numa ação direcionada ao empreendedorismo social que procura dar a conhecer aos jovens que estudam na área de Humanidades, a oferta profissional nessa área.

Durante a visita, os 55 alunos puderam verificar uma, além de muitas outras, das empresas que surgiu da irreverência de 4 jovens empreendedores, a Lightbox, uma produtora audiovisual, que singrou e que é uma referência na área audiovisual no panorama nacional. No CACE, valência do IEFP, todas as empresas instaladas são de vertente cultural e artística, incluindo um espaço que permite a realização de vários eventos.

Os 55 alunos tiveram ainda a oportunidade de visitar a Faculdade de Letras, uma possível realidade terminado o secundário.

O CLDS 3G Geração Eco apresentou esta iniciativa inserida no eixo 1, emprego, formação e empreendedorismo.

WP_20180215_022

FESTIVAL DAS PAPAS DE SARABULHO LEVAM MILHARES DE VISITANTES A AMARES

Festival de Papas de Sarrabulho voltou a dar cartas com a melhor gastronomia servida à mesa. Milhares de visitantes acorreram ao certame

Amares voltou a ser destino de eleição durante o fim de semana de Carnaval. A 16ª edição do Festival de Papas de Sarrabulho, que decorreu entre os dias 10 e 13 de fevereiro no pavilhão gimnodesportivo da Escola Secundária, recebeu a visita de milhares de pessoas, entre amarenses e forasteiros, que não resistiram ao convite para saborear este legendário prato. A afluência ao certame deixou a organização muito satisfeita.

DSC02078

“Amares está de parabéns! Voltamos a ter casa cheia e o balanço é muito positivo”, refere o presidente da Câmara Municipal de Amares, entidade que organiza o certame em parceria com ACB – Associação Comercial de Braga.

“Apesar das preocupações que tínhamos pelo facto da EB 2,3 de Amares estar em obras e poder constituir algum entrave a verdade é que sentimos que não representou nenhum constrangimento porque foi criado estacionamento alternativo e a afluência de visitantes não foi afetada”.

Decorrida que está a XVI Festival de Papas de Sarrabulho, o autarca reconheceu que o sucesso, distinção e qualidade de mais uma edição se deveu ao contributo de uma série de pessoas, desde colaboradores do Município, restaurantes, expositores, artesãos e produtores locais, patrocinadores/parceiros/entidades/associações, grupos de animação e visitantes.

O autarca amarense lembrou, ainda, que o evento teve como finalidade promover a gastronomia e as atividades económicas do concelho, nomeadamente os produtos da terra e o artesanato que contaram com um lugar de destaque.

DSC02069

O melhor de Amares em destaque no Festival de Papas de Sarrabulho

Se a marca central deste festival foram efetivamente as Papas de Sarrabulho este certame voltou a servir também de pretexto para dar a conhecer e valorizar aquilo que de melhor se faz e produz no concelho de Amares. À gastronomia juntou-se a presença simbólica do artesanato e dos produtos da terra, dos quais se destaca o vinho verde, particularmente distinto e produzido no concelho, e que simboliza, a par da laranja de Amares e seus derivados, sobretudo traduzidos nos doces confecionados à base deste citrino, um dos ex-libris e produtos de excelência do concelho.

DSC02052

Restaurantes e expositores primaram pela qualidade do serviço e produtos vendidos durante o certame

“Qualidade, confiança, simpatia e hospitalidade” foram alguns dos adjetivos empregues por grande parte dos visitantes que foram passando pelo Festival de Papas de Sarrabulho de Amares e que se mostraram agradavelmente surpreendidos.

A decoração cada vez mais aprimorada e aconchegante do recinto, a disposição criteriosa dos stands permitindo uma ampla praça da alimentação, a simpatia no atendimento, a higiene e as condições de segurança, o know-how das equipas e a qualidade dos serviços são elementos que a organização assume como fundamentais para a razão deste sucesso, a que acresce a elevada representatividade dos restaurantes (7 de Amares e 1 de Braga), que foram unânimes em reconhecer, também, o êxito desta edição.

“Muito positivo. As papas são um prato que as pessoas só comem mesmo onde têm confiança. Eu estou mesmo surpreendido com a quantidade de gente que visitou o nosso stand e melhor não podia correr”, admitiu um dos restaurantes participantes.

Entre os expositores dos mais variados produtos que fizeram as delícias dos milhares de visitantes, Tiago Dias destacou a “recetividade e a hospitalidade” do povo de Amares como um dos aspetos fortes do concelho. “ Foi um evento muito engraçado, uma festa muito bonita e, embora eu seja apenas colaborador e não patrão, vou recomendar para que voltemos para o ano”.

DSC01907

Mais de 600 seniores em convívio no Festival de Papas de Sarrabulho

O recinto do Festival das Papas de Sarrabulho de Amares recebeu, na segunda-feira, como já vem sendo prática nos últimos anos, cerca de 600 seniores utentes de diversas instituições de Amares e de concelhos limítrofes que se juntaram aos restantes visitantes do certame num mega convívio.

As papas de Sarrabulho juntou-se um baile de máscaras com música ao vivo, proporcionando um dia diferente e cheio de alegria a esta faixa etária da população.

DSC01492

DSC01552

DSC01554

DSC01598

DSC01638

DSC01660

DSC01756

DSC01780

DSC01785

DSC01875

CELORICO DE BASTO VESTE-SE DE CARNAVAL

Os centros urbanos de Celorico de Basto receberam no dia 9 de fevereiro a folia do Carnaval com as crianças do centro escolares e das instituições locais a desfilar e a divertir a população que assistia.

Na vila de Celorico de Basto, o corso carnavalesco iniciou junto ao Centro Escolar e percorreu o Centro da vila, até à praça Albino Alves Pereira, onde culminou com uma apresentação dos temas escolhidos nesta edição.

_DSC6151

A receber os foliões estava o Presidente da Câmara Municipal, Joaquim Mota e Silva, que se mostrou agradado com a alegria e a boa disposição imprimida neste corso carnavalesco.

“É sempre um momento divertido para quem participa e para quem vê. O Carnaval das escolas continua a ser uma altura de folia que diverte e entusiasma os participantes e que incita a população a sair à rua para ver e participar na folia característica desta época” disse o autarca. Joaquim Mota e Silva reforçou a necessidade de manter estas tradições que aquecem a alma neste tempo frio de inverno. “Com esta folia o frio passa ao lado e não são as temperaturas baixas que inibem os foliões de vir à rua e aproveitar o melhor que o carnaval tem para oferecer, a alegria, a brincadeira e a boa disposição”.

Este desfile de carnaval incidiu em várias temáticas fruto do empenho dos professores, educadores e dos encarregados de educação que colaboraram ativamente na execução dos trajes. Entre outros temas os foliões desfilaram caracterizados de várias profissões (serralheiro, pintor, pedreiro, madeireiro…) de uvas, abelhas, pipas, pierrot (personagem de comédia dell’art)…

Um desfile que contou com aproximadamente 600 crianças a participar. Nos outros centros urbanos o número de participantes foi ligeiramente inferior mas igualmente divertido atraindo centenas de pessoas às ruas.

_DSC6160

_DSC6170

_DSC6187

_DSC6197

_DSC6224

_DSC6372

_DSC6391

_DSC6449

_DSC6452

DSC_0099

DSC_0153

CELORICO DE BASTO DESTACA-SE NO ENSINO PROFISSIONAL

Escola Profissional de Fermil, Celorico de Basto demarca-se a nível nacional

Classificada em 2º lugar no ranking nacional das melhores escolas profissionais do país, a Escola Profissional de Fermil, Celorico de Basto mostra-se uma referência no ensino profissional, numa classificação que envolveu 671 escolas com ensino regular e profissional.

Escola Agricola de Fermil

O ranking nacional de 2017 deixa Celorico de Basto num patamar de excelência no que respeita ao ensino profissional. “É com muito orgulho que verificamos esta classificação e não é nada que não estivéssemos à espera. A escola profissional de Fermil tem vindo a aprimorar o ensino profissional, apetrechando-se com as melhores condições para proporcionar o melhor ensino aos alunos. Os alunos são preparados para, terminando o ciclo de estudos, exercerem uma profissão, com profissionalismo e conhecimento ou ingressarem no ensino superior com condições para atingir elevados níveis de sucesso” disse o Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva, orgulhoso desta classificação.

A Escola Profissional de Fermil ficou classificada em 2º lugar enquanto escola profissional e em 129 do ranking geral. Esta escola apresenta, neste momento, os cursos de Técnico de Gestão Equina, Técnico de Recursos Florestais e Ambientais, Técnico de Processamento e Controlo De qualidade Alimentar, Técnico Auxiliar de Saúde, Técnico de Gestão Agropecuária, Técnico de Restauração, Cozinha e Pastelaria e Técnico de Instalações Elétricas.

O diretor da Escola, Fernando Fevereiro, disse que este resultado é fruto de muito trabalho, de muita dedicação e da motivação de todos, alunos e professores. “Nada se consegue de forma individual, este resultado é fruto do trabalho de todos, um trabalho que tem vindo a atingir resultados de excelência. É muito bom ver que os nossos alunos saem da nossa escola com o saber/fazer necessário para ingressar no mercado do trabalho, e que se quiserem podem continuar para o ensino superior em iguais e em situações específicas, atrevo-me a dizer, em melhores condições, que os alunos do ensino recorrente” reforçou. “Temos vindo a desenvolver as melhores condições físicas, adquirindo equipamentos e meios fundamentais para o ensino prático sempre com o apoio fundamental de toda a Comunidade Escolar e da Câmara Municipal de Celorico de Basto, sem a qual seria muito difícil atingir este patamar”.

A Escola Profissional de Fermil é, desde 2005, de natureza pública e tem vindo a atrair cada vez mais alunos aliciados pelos cursos lecionados.

D4160330-C8A9-4573-B14D-BADF72005914

CELORICO DE BASTO PREVINE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

Guarda Nacional Republicana assinou o protocolo da Rede integrada de intervenção na área de violência doméstica em Celorico de Basto

A rede foi oficialmente lançada em novembro de 2017 faltando a assinatura de alguns parceiros. No dia 7 de fevereiro, o Comandante do Comando Territorial de Braga da GNR, o coronel Paulo Soares, deslocou-se aos paços do Concelho para, em representação da GNR, assinar oficialmente o protocolo rede integrada.

_DSC5861

Foi numa cerimónia simbólica que o Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva, recebeu o coronel Paulo Soares para assinatura do protocolo da rede integrada, uma rede que tem por objetivo a prevenção em caso de violência doméstica, uma temática muito sensível que procura encontrar respostas eficazes em Celorico de Basto.

“Esta rede vai-se consolidando em parceiros, uma rede que tem pela frente uma temática muito sensível, um crime público, que irá trabalhar sobretudo, para a prevenção e para a sinalização com o objetivo claro de proteger as vítimas. Estou certo de que juntos iremos fazer um bom trabalho que trará resultados positivos a toda a comunidade” disse o Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva.

Também o Comandante do Comando Territorial de Braga se mostrou sensível a este tema referindo que “as orientações são no sentido de que não se pode facilitar na questão da violência doméstica, as vítimas são a prova viva de que este flagelo existe, por isso é preciso sinalizar devidamente os casos para que a atuação e a prevenção sejam eficazes” disse.

Esta rede é formalmente composta pela Câmara Municipal que contempla o Gabinete Girassol, pelo Ministério público, pela ARSN/ACES_ Baixo Tâmega, pela CPCJ de Celorico de Basto, pelo Agrupamento de Escolas de Celorico de Basto, pela Ordem dos Advogados, pelo IEFP, PELA Segurança Social e pela GNR.

_DSC5867

_DSC5895

CELORICO DE BASTO APROFUNDA PARCERIAS PELA SAÚDE

CTHS e Aces aprofundaram parcerias em Celorico de Basto

Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa e Aces reuniram em Celorico de Basto para aprofundar parcerias e explicar a organização dos serviços de saúde. A ação foi dirigida ao presidente do Município e aos presidentes de Junta de Freguesia do Concelho e decorreu ontem, 31 de janeiro, no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

_DSC5647

A sessão explicativa teve por objetivo esclarecer o que vem sendo feito para aproximar a saúde dos cidadãos, um assunto muito valorizado pelo presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva. “As políticas de proximidade na saúde são fundamentais e estamos muito atentos e recetivos ao diálogo para que se encontrem as melhores estratégias e as melhores condições de saúde para todas pessoas do concelho. Por isso é muito importante que existam estas sessões explicativas para que possamos entender como estão, de facto, os serviços de saúde e de que forma poderemos atuar para ajudar a melhorar os mesmos, tornando esses serviços mais próximos e de melhor qualidade” disse o autarca.

Durante a sessão, os convidados ouviram atentamente o Presidente do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa, Carlos Alberto, e o Diretor Executivo do Aces Baixo Tâmega, Avelino Bastos, que abordaram diversos assuntos como a forma como estão organizados os diferentes serviços de saúde do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa, esclareceram sobre a atividade assistencial do centro Hospitalar e as novas dinâmicas para o futuro, e a forma como está organizado o ACES/BT e sobre a atividade das suas unidades de saúde, nomeadamente a taxa de cobertura de médicos de Medicina Familiar e o funcionamento dos serviços de proximidade. Os presentes foram ainda esclarecidos sobre a forma de funcionamento do Portal da Saúde e os cuidados a ter com a gripe, numa ação colaborativa de informação.

Esta sessão explicativa procurou esclarecer e aprofundar a colaboração entre as instituições.

_DSC5651

_DSC5662

CELORICO DE BASTO PROMOVE NA GALIZA XV FESTA INTERNACIONAL DAS CAMÉLIAS

O Município de Celorico de Basto fez-se representar ontem, 31 de outubro, na 19ª edição do Sálon Internacional de Turismo Gastronómico, o XANTAR, em Ourense, a convite do Turismo porto e Norte de Portugal. Uma iniciativa que pretende valorizar sobretudo, a qualidade da gastronomia e do turismo sustentável de Espanha e Portugal, numa das maiores regiões da europa a fazer intercâmbio.

_DSC5568

O Município de Celorico de Basto aproveitou a oportunidade para apresentar a nova imagem da Festa Internacional das Camélias, uma imagem fresca que traduz movimento e beleza características inerentes a este certame. Fez também alusão à “flor camélia”, um bolo em formato de queque que traduz uma das vertentes económicas que podem advir das camélias.

Presente no Xantar o Vereador do Turismo da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Fernando Peixoto, mostrou-se satisfeito com a promoção das camélias numa região que arrasta dezenas de participantes à Festa Internacional das Camélias. “De facto, a Galiza é uma região que apresenta muitos apaixonados por camélias apresentando-se como um mercado de excelência para a nossa promoção. Temos vindo a apostar na internacionalização do nosso certame e queremos aperfeiçoar ainda mais a participação ativa dos nossos vizinhos, com um intercâmbio cultural que muitos nos engrandece. Aqui no Xantar, e sendo um espaço que apresenta gastronomia da melhor qualidade apresentamos também alguns dos nossos produtos de referência com destaque para o bolo flor camélia que surgiu no ano passado num concurso gastronómico e que pretende ser um dos produtos alavanca no setor económico com as camélias como ingrediente” disse o autarca. Salientou ainda que “o nosso vinho verde marca sempre presença porque é de facto, um dos nossos melhores produtos que tem vindo a classificar-se a um nível muito elevado no patamar nacional e internacional e também os nossos enchidos, o mel, a broa e o pão-de-ló, característicos da região”.

Durante a ação promocional, os presentes puderam degustar o flor camélia, os enchidos, o pão-de-ló, o mel, provar o vinho e conhecer melhor Celorico de Basto e a Festa Internacional das Camélias. Foram ainda desfilados pelo certame dois dos vestidos da Rainha das camélias, eleitos nos primeiros lugares no concurso do ano passado.

Durante o dia, as autoridades politicas da Galiza, o Vice presidente do Governo da Galiza, Alfonso Valenzuela, o alcaide de Ourense, Jesús Vázquez, e o Vice-consul de Portugal na Galiza, Manuel Correia da Silva, visitaram o stand de Celorico de Basto mostrando-se agradados com a festa das camélias e com a qualidade do vinho verde.

Esta é a primeira iniciativa de promoção da XV Festa Internacional das Camélias promovida pelo Município de Celorico de Basto.

_DSC5586

_DSC5595

_DSC5614

_DSC5635

QUINTA DE SANTA CRISTINA EM CELORICO DE BASTO CELEBRA DIA DE S. VALENTIM

Valentine´s Wine tour na Quinta de Santa Cristina

A Quinta de Santa Cristina, em Celorico de Basto, convida a celebrar o amor entre vinhas e vinhos, durante o mês de fevereiro. O programa de São Valentim “Valentine’s Wine Tour” estará disponível de 1 a 28 de fevereiro de 2018 e permitirá surpreender a sua cara-metade com uma experiência única e especial.

Trata-se de um programa destinado não só a todos os apaixonados pelo mundo dos vinhos e da natureza, mas também a todos aqueles que procuram uma atividade diferente para este mês dos namorados.

A experiência inicia-se com uma visita guiada pelas vinhas. Durante esse passeio, o casal será convidado a plantar, em conjunto, uma pequena videira, assim como a deixar uma mensagem identificativa personalizada junto à planta.

Na visita guiada à adega, poderão descobrir os segredos de produção do vinho verde e espumantes: zona de receção das uvas, zona de prensas e lagares, cubas de fermentação, cave de espumantes e zona de engarrafamento.

A experiência termina com a degustação de espumante Quinta de Santa Cristina Branco ou Rosé, chocolates e compota de pétalas de rosa também produzida pela Quinta.

O programa, que terá uma duração aproximada de2h30, tem o preço de 30 euros para duas pessoas e está sujeito a marcação prévia obrigatória.

Contacto para informações e reservas:

E-mail: enoturismo@garantiadasquintas.com

Tlf: +351 912 527 396

CELORICO DE BASTO PROTEGE A FLORESTA

Floresta protegida foi tema de ação de sensibilização em Celorico de Basto

A Guarda Nacional Republicana em parceria com o Município de Celorico de Basto desenvolveu ontem, 24 de janeiro, no salão nobre dos Paços do Concelho, uma ação de sensibilização sob o tema “Floresta Protegida”. Os destinatários desta ação foram os presidentes das Juntas de Freguesias do concelho, que pela sua proximidade às populações, poderão transmitir e atuar no sentido de melhor proteger a Floresta.

_DSC4920

A abrir a sessão o Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva, disse que é preciso o envolvimento de todos na preservação das florestas e no combate eficiente aos incêndios. “A prevenção será sempre a melhor forma de atuar e é o que efetivamente se pretende, mas para isso é preciso que todos estejam sensibilizados e cientes da nossa responsabilidade no que respeita à proteção das florestas” disse o autarca.

Durante a ação de sensibilização, o agente da GNR explicou o que deve ser feito e o que pode ser evitado se todos estiverem a trabalhar no mesmo sentido. De facto, as estradas municipais e os caminhos públicos devem ter as bermas limpas numa área de 10m e 15m respetivamente, as casas devem estar protegidas limpando uma faixa de 50 metros, os caminhos devem manter-se limpos e desimpedidos, sejam de acesso às casas sejam florestais. Durante o chamado “período critico” que vai de 1 de julho a 30 de setembro, é proibido fazer queimas e queimadas, usar fogareiros e grelhadores, fumar em espaços florestais, lançar balões de mecha acesa ou foguetes, fumigar ou desinfestar apiários. Neste período é obrigatório usar dispositivos de retenção de faíscas e tapa-chamas nos tubos escape e chaminés de combustão interna e externa e nos veículos de transporte de pesados e 1 ou 2 extintores de 6 kg. Não respeitar as normas pode levar a coimas até 6000 euros. Importa destacar que durante os restantes meses só se pode fazer queimadas se o risco de incêndio for reduzido e moderado e queimas se o risco de incêndio for reduzido a elevado. O agente da GNR explicou ainda quais os cuidados a ter durante um incêndio e na execução da atividade agrícola e florestal durante o “período crítico”.

_DSC4927

“ESTRELAS BRILHAM” NO MUNICÍPIO DE CELORICO DE BASTO

Os utentes do CAO, Centro de Atividades Ocupacionais, lar residencial e residência autónoma de Celorico de Basto visitaram os Paços do Concelho para cantar as janeiras ao Presidente da Câmara Municipal, Joaquim Mota e Silva.

_DSC4384

Felizes, cantaram e encantaram o autarca local. “É absolutamente maravilhoso ver estes sorrisos, esta alegria, esta boa disposição nos rostos destes jovens. É também com estas atividades, com estas ações culturais que se fomenta o espirito de pertença, com um sentimento pleno de integração, de valorização, de inclusão” disse Joaquim Mota e Silva. Os utentes do CAO mostraram ao autarca como se canta e bem afinados interpretaram a música “Somos estrelas tão lindas”. “E vê-los cantar desta forma, com esta alegria, com esta entrega faz-nos pensar e deixa-nos orgulhos pelo trabalho que tem vindo a ser desenvolvido por esta instituição, tão necessária” disse. 

Os jovens da instituição foram acompanhados pelos técnicos que dinamizam e coordenam a instituição que procuram, de forma altruísta e disponível, dar o melhor a estes jovens. “Esta iniciativa é sempre muito bem aceite pelos nossos “meninos” que gostam de cantar, que gostam muito de cantar, de conviver, de viver plenamente” disse Marlene Silva, vice-presidente da Instituição a que pertencem.

Ao longo do mês, estas valências da Associação de Solidariedade Social de Basto visitam várias instituições do concelho a cantar as janeiras.

_DSC4310

_DSC4323

_DSC4349

_DSC4379

CELORICENSES CANTAM AS JANEIRAS

Celorico de Basto prepara-se para receber o Encontro “Vamos Cantar as Janeiras”

A tradição mantém-se inalterada em Celorico de Basto com o XVII Encontro “Vamos Cantar as Janeiras” que acontece em Celorico de Basto, no Gimnodesportivo da EB 2,3/S no dia 28 de janeiro, a partir das 15h00.

_DSC2186

Até ao momento já estão inscritos 17 grupos num festival que prima pela salvaguarda das tradições, dos usos e costumes locais, da identidade de um povo. “Este encontro é a certeza de que as nossas tradições culturais se mantêm inalteradas e continuam a ser valorizadas pelas nossas gentes. Vamos na XVII edição de um encontro sempre muito participativo que arrasta centenas de pessoas para assistir aos cantares típicos das janeiras” disse o Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva. “Felizmente, e apesar da evolução dos tempos, continuamos a ver jovens a cantar os reis e as janeiras pelas freguesias, a visitar as pessoas, a divertirem-se com as tradições, criando verdadeiros momentos de convívio fraterno. Esta tradição é muito mais do que cantar e receber dinheiro, é uma forma de convívio e de valorização de tradições ancestrais que nos identificam como povo” realçou o autarca.

_DSC2206

As inscrições no Encontro “Vamos Cantar as Janeiras” terminam hoje e já contam com 17 grupos inscritos. São grupos do concelho de Celorico de Basto e representativos, por norma, de todas as freguesias. Durante aproximadamente duas horas os grupos, vestidos a rigor com trajes típicos da agricultura e pastorícia, irão interpretar músicas como “Quereis vir Connosco”, “Nesta linda freguesia, já se cantam as janeiras”, “Santos Reis, Santas Coroadas”, “ As Reisadas”, “As janeiras para crianças”, “Estrelas brilham, pastores cantam”, “Janeiras Viva Moreira” e muitas outras.

cartaz

ATLETA DE CELORICO DE BASTO É CAMPEÃO EM ATLETISMO

Atleta de Celorico de Basto Pedro Silva sagrou-se campeão dos 1500m pista

O jovem atleta de Celorico de Basto, Pedro Silva, a competir pelo Atlético Clube da Póvoa de Varzim, prestes a completar 22 anos, sagrou-se campeão de 1500m, no dia 06 de janeiro, no campeonato do Norte de Inverno, em Pista, no Estádio Professor José Vieira Carvalho, na cidade da Maia.

pdr

O Município de Celorico de Basto reconhece o empenho do atleta, que iniciou o seu percurso no atletismo em 2009, quando participou pela 1ª vez e venceu uma prova de corta mato escolar. “Estamos muito orgulhosos com o desempenho deste jovem atleta, que tem vindo a construir um percurso brilhante no atletismo. Estou certo que, a continuar assim, mais cedo ou mais tarde, será convidado a integrar um grande clube nacional” disse o Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva. “Procuramos estar atentos ao percurso dos nossos jovens no desporto e por isso trabalhamos para, enquanto estão em Celorico de Basto, proporcionar a todos as melhores condições para a prática desportiva”.

 No dia seguinte à sua consagração como campeão dos 1500 metros, Pedro Silva foi vice-campeão 800metros.

Pedro Silva foi também vice-campeão dos 800 metros, iniciando o ano da melhor forma no que respeita à competição. “Estou muito satisfeito com os resultados e vou continuar a trabalhar para estar sempre ao melhor nível nas diferentes competições. O atletismo é um desporto muito competitivo e exigente por isso não posso abrandar o ritmo se pretendo atingir outros patamares” referiu o atletas.

Importa destacar que em 2017 Pedro Silva foi Campeão Nacional de esperanças de pista coberta em 1500m.

pedro

pedro1

CRIANÇAS DE CELORICO DE BASTO CANTAM OS REIS AO PRESIDENTE DO MUNICÍPIO

Em Celorico de Basto, crianças cantam os reis ao presidente da autarquia

Joaquim Mota e Silva, Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto recebeu ontem, 11 de janeiro, 21 crianças, do 1ºB, do Centro Escolar da Mota, que de forma melodiosa e extrovertida cantaram os reis “Nesta casa tão bonita”.

_DSC4200

“É sempre com muita alegria que recebemos os reis e as janeiras no salão nobre dos Paços do Concelho. São tradições que valorizamos muito e que se vão mantendo com este incentivo dos professores que procuram transmitir aos mais jovens culturas que fazem parte da nossa identidade” disse o autarca.

As crianças e a professora, Anabela Teixeira, interpretaram a música tradicional das janeiras “Nesta casa tão bela”. Música que ensaiaram durante as atividades de enriquecimento curricular.

Terminada a interpretação das janeiras, as crianças foram convidadas pelo Presidente da autarquia a visitar o gabinete da presidência. Durante o período da visita, as crianças questionaram o presidente sobre as suas funções e os objetos que estavam no gabinete, numa conversa animada e divertida entre o presidente e as crianças. “É tão fácil fazer as crianças felizes com estes pequenos momentos. Hoje, visitaram os paços do concelho, sentaram-se na minha cadeira, fizeram questões, responderam a questões, e estavam visivelmente felizes, o que nos deixa muito satisfeitos. São o futuro e quem sabe se no futuro esta cadeira não será ocupada por uma destas crianças” disse o edil celoricense.

Durante o mês de janeiro, são vários os grupos de visitam os Paços do Concelho para cantar as Janeiras.

_DSC4206

_DSC4222

_DSC4245

_DSC4252

CELORICO DE BASTO REDUZ ENCARGOS COM A HABITAÇÃO

Município de Celorico de Basto mantém reduções nos encargos com a habitação. Taxas de IMI ficaram fixadas em 0,32% para prédios urbanos e 0,8% em prédios rústicos. Número de dependentes a cargo permite uma redução especial do IMI

O Executivo Municipal estabeleceu os valores do IMI para 2018 tendo priorizado a redução do IMI familiar, continuando com as reduções de acordo com o número de dependes tal como aconteceu em 2017.

_DSC9306

“Os nossos objetivos são claros e visam reduzir os encargos dos agregados familiares com a habitação, uma despesa sempre considerável e que faz a diferença nos seus orçamentos” disse Joaquim Mota e Silva, Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto. “Sabemos também que se trata de um apoio que reduz consideravelmente a receita da autarquia e que nos confere uma gestão mais apertada e meticulosa no que respeita à despesa por forma a não haver derrapagem orçamental. Contudo, sabemos que este apoio é fundamental para muitas famílias do concelho e por isso, vamos mantê-lo”.

Genericamente, as taxas do IMI para prédios urbanos foram fixadas em 0,32% e para prédios rústicos em 0,8%. No que respeita ao IMI Familiar a redução do IMI apresenta uma taxa fixa e irá apoiar cerca de 1400 famílias.  De facto, o valor a cobrar pela Autoridade Tributária e Aduaneira, durante 2018, referente ao imóvel destinado à habitação própria e permanente do sujeito passivo, atendendo ao número de dependentes que compõem o agregado familiar indica que 1 dependente a cargo implica a dedução fixa de 20€, 2 dependentes a cargo implica a dedução fixa de 40€ e 3 ou mais dependentes implica a dedução de 70€.

O Executivo Municipal fixou em reunião de Câmara os valores do IMI para 2018, valores aprovados em reunião de Assembleia Municipal datada de 22 de dezembro.

CELORICO DE BASTO MARCA PONTOS NO ANDEBOL

Fim-de-semana de Andebol em Celorico de Basto. Seleção Regional do Porto e Seleção Regional de Braga apuradas para a final

5 atletas do BECA, Bastinhos Escola Clube de Andebol, integram a seleção regional de Braga e preparam-se agora para disputar a final

Foi um fim-de-semana vivido com intensidade para os 80 atletas, equipa técnica, familiares e adeptos do andebol, que se deslocaram a Celorico de Basto para participar e assistir à 1ª fase do Torneio de Seleções Regionais de Iniciados Masculinos de Andebol. Um torneio que teve lugar no gimnodesportivo da EB 2,3/S e que colocou frente a frente 4 seleções regionais da zona norte, Braga, Porto, Vila Real e Viseu/guarda.

_DSC4030

 Os jogos foram disputados no sistema de todos contra todos, num total de 6 jogos em dois dias.

A assistir à final, que colocou frente a frente a seleção de Braga e a do Porto, o Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva, mostrou-se agradado por verificar que esta modalidade atrai cada vez mais adeptos e Celorico de Basto tem feito um trabalho exemplar nesse setor através do clube BECA. “ Este torneio mostra-nos que esta modalidade tem cada vez mais adeptos e atletas, muito fruto do empenho do Clube BECA que se tem dedicado a esta modalidade. Em Celorico de Basto o Andebol começou agora a tornar-se um desporto de referência e fico muito satisfeito por verificar que 5 dos nossos atletas já integram a seleção regional de Braga e que estão apurados para a final do torneio” realçou o autarca. “Este foi torneio pautado pela competitividade e pelo fair-play proporcionando bons jogos de andebol a todos os adeptos que passaram, por estes dias, por Celorico de Basto” concluiu.

No primeiro dia de competição, 6 de janeiro, Braga venceu Vila Real (54-8) e Viseu/Guarda foi derrotado pelo Porto (28-49). Já no domingo, 7 de janeiro, da parte da manhã, o Vila Real foi derrotado pelo Porto (10-59) e Braga venceu Viseu/Guarda por 38-28. Da parte da tarde do mesmo dia, Viseu/Guarda venceu Vila Real por 41-20 e no jogo decisivo de atribuição do 1º e 2º lugar do Torneio, Porto venceu Braga por 35-31.

João Varejão, responsável pelo projeto BECA, preferiu destacar “o empenho colaborativo da Autarquia, Escola e clube que tem sido a grande força deste crescimento e desenvolvimento desportivo da modalidade em Celorico de Basto”.

Com os resultados verificados, a Seleção do Porto e Braga passaram à fase seguinte da competição em primeiro e segundo lugar respetivamente.

De facto, importa salientar que as seleções enalteceram a excelente hospitalidade, receção e organização do evento.

É também importante referir que neste mesmo fim-de-semana a equipa de Iniciadas Femininas do BECA, para o Apuramento para a 1ª divisão Nacional, receberam e venceram o Chaves (20-17) e as juvenis Femininas para o campeonato Regional, deslocaram-se a Riba D’Ave e perderam com o Didáxis (47-15).

_DSC4072

_DSC4079

_DSC4082

_DSC4138

_DSC4157

CELORICO DE BASTO RECEBE TORNEIO DE ANDEBOL

Celorico de Basto prepara-se para receber a 1ª fase do Torneio de Seleções Regionais de Andebol

A Federação Portuguesa de Andebol inicia as competições de 2018 em Celorico de Basto com a 1ª fase do Torneio de Seleções Regionais de Iniciados Masculinos de Andebol. Um torneio que terá o Beca, Bastinhos Escola Clube de Andebol, como anfitrião do torneio que decorre este fim-de-semana, 6 e 7 de janeiro, no Gimnodesportivo da EB 2,3/S de Celorico de Basto.

_DSC5851

Durante dois dias as seleções de Braga, Porto, Vila Real e Viseu/Guarda estarão em competição sendo apuradas para a fase seguinte duas dessas seleções.

A competir pela seleção de Braga estarão 5 atletas do Beca, que se têm destacado ao longo da última época.

“É com muito orgulho que vemos atletas do Beca a ser convocados para a seleção nacional, e neste caso para a seleção Regional também, para competir em diferentes torneios” disse João varejão, Coordenador do Projeto BECA. “O torneio que vamos receber este fim-de-semana em Celorico de Basto é sinal de que o Andebol neste concelho está a crescer, com atletas altamente motivados para a prática da modalidade que pretendem atingir outros patamares. A vinda deste torneio para Celorico de Basto é fruto do empenho de todos, nomeadamente da Câmara Municipal, do Agrupamento de Escolas e do Projeto Beca que tem procurado, com os 130 atletas federados, mostrar que esta modalidade está cada vez mais enraizada no concelho e tem objetivos concretos que pretende, com empenho e dedicação de todos, concretizar” concluiu.

_DSC5886

Um torneio aberto ao público que contará certamente, com centenas de aficionados a assistir.

“Vamos receber pela primeira vez um torneio de Andebol que colocará frente a frente 4 seleções regionais, e que será certamente um momento desportivo altamente competitivo”, disse o Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva. “A 13 de dezembro fizemos a apresentação oficial deste torneio que trará a Celorico de Basto cerca de 80 atletas, as suas famílias e aficionados da modalidade que darão uma vida diferente ao concelho. Ao mesmo tempo será uma forma de mostrar aos jovens atletas do BECA o que o futuro lhes reserva se continuarem a competir a um nível tão elevado como tem acontecido neste últimos anos” disse o autarca. Joaquim Mota e Silva mostrou-se satisfeito com esta organização e realçou que “a aposta no desporto vai manter-se e temos por objetivo atrair outros torneios de outras modalidades que promovam Celorico de Basto e que sirvam de incentivo para os nossos jovens que competem nas diferentes modalidades”.

O torneio colocará, frente a frente, no sábado, dia 6, o Braga vs. Vila Real e o Viseu/guarda vs. Porto e no Domingo, dia 7, os jogos serão disputados da seguinte forma, Vila real vs. Porto, Braga vs. Viseu/Guarda, Viseu/Guarda vs. Vila Real e Porto vs. Braga. As duas seleções com melhores resultados serão apuradas para a fase seguinte da competição.

cartazA3_Celorico

CELORICO DE BASTO REQUALIFICA ESCOLA EB 2,3/S

Arrancaram as obras de requalificação da EB 2,3/S de Celorico de Basto

Investimento de 1,4 milhões de euros para criar melhores condições para alunos, professores e pessoal não docente. Obra foi adjudicada à Empresa PMI, construção e engenharia, lda

As obras de requalificação e conservação das instalações da Escola Básica e Secundária de Celorico de Basto iniciaram este mês, dezembro, uma obra que surge de um acordo celebrado entre a Ministério da Educação e a Câmara Municipal de Celorico de Basto.

_DSC6126

Trata-se de uma intervenção cofinanciada por fundos comunitários, pelo Estado e pela autarquia Celoricense que priorizará o conforto dos alunos, professores, técnicos e auxiliares. “Esta obra tem por principal objetivo melhorar as condições de conforto de todos os utentes com atenção a questões sensíveis como as acessibilidades, a mobilidade, o conforto térmico e acústico” disse o presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva. O autarca realçou que a execução destas obras não colocará em causa o normal funcionamento da escola. “São obras necessárias e prioritárias que visam também, remover todos os materiais que possam, de alguma forma, ser prejudiciais para a saúde da comunidade escolar. Estamos atentos e priorizamos o bem-estar da nossa comunidade. Importa também esclarecer que estas obras não irão condicionar o normal funcionamento das aulas”.

O projeto e a execução da obra são da responsabilidade da Câmara Municipal e foi adjudicada à empresa PMI, construção e engenharia, lda, no valor de aproximado 1,4 milhões de euros. Uma intervenção que incidirá ao nível da cobertura dos edifícios, introdução de um novo sistema de cobertura exterior, restabelecimento dos antigos balneários para arquivo, intervenção no pavilhão gimnodesportivo ao nível dos pavimentos, instalações elétricas e requalificação dos balneários. O projeto prevê ainda intervenções no que respeita às dificuldades de acessibilidade.

_DSC6128

_DSC8960

CELORICO DE BASTO JUNTA SENIORES EM FESTA DE NATAL

Celorico de Basto com Festa de Natal Sénior. Mais de 800 idosos participaram na iniciativa

Decorreu ontem, 20 de dezembro, a Festa de Natal Sénior proporcionada pela Câmara Municipal de Celorico de Basto a mais de 800 idosos do concelho. Uma festa que procurou incrementar o espirito natalício e o sentimento de partilha e pertença a uma mesma comunidade.

_DSC2699

“Que bom que é estar aqui com o sentimento de unidade, de partilha, de querer estar juntos a celebrar a época de natal. Uma quadra festiva que nos junta, ano após ano, para celebrar o que mais importa, os sentimentos positivos que devemos privilegiar não apenas no Natal mas todos os dias do ano” disse o Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva, após a celebração eucarística. “É fundamental que os sentimentos positivos prevaleçam. O amor, a compaixão, a ajuda, a partilha, o apoio, o auxilio, a solidariedade devem prevalecer nos corações de cada um certos de que, os sentimentos negativos nada trazem de bom e apenas nos ocupam o interior que deve estar ocupado com amor, generosidade e carinho ao próximo”. O autarca refletiu ainda na importância de viver diariamente com a certeza de que vale sempre a pena. “Devemos viver com a consciência de que a vida vale a pena e que devemos continuar, com energia, com vontade, mesmo nos momentos mais difíceis, e não estamos sós, há pessoas que se preocupam, que se interessam e que demonstram essa preocupação quando nos batem à porta e nos incentivam a seguir em frente”.

Joaquim Mota e Silva desejou a todos os presentes que “de forma renovada partilhem este sentimento de união, que deve prevalecer nesta comunidade. E nesta quadra festiva desejo a todos um melhor e um santo Natal e que 2018 traga a cada um o que mais deseja, o que mais precisa, e o que mais ambiciona e que consigamos celebrar a vida, um dia de cada vez, vivendo com sentimentos positivos”.

A festa de Natal Sénior iniciou com a eucaristia presidida pelo arcipreste de Celorico de Basto, Albano Costa, em colaboração com o Padre Parcidio Rodrigues e o Padre Carlos Macedo.

O arcipreste de Celorico de Basto agradeceu a presença de todos que “fizeram o possível para participar na eucaristia e com um só coração e uma só alma dar graças a Deus por tudo aquilo que nos concedeu no ano que está a terminar”.

Seguiu-se um almoço de Natal para todos os presentes, com iguarias próprias da quadra vivida.

A Festa de Natal Sénior terminou com os Coros de Natal do Celorico a Mexer, uma iniciativa que levou ao palco os grupos que integram o programa Celorico a Mexer e que cantaram os grandes clássicos de Natal. Refira-se a música “É Natal …Há uma estrela a brilhar”, “Boas Festas”, “Aleluia”, “Menino Jesus”, “Toca um sino… Toca um hino”, “É Natal, Cristo nasceu”, “Amor à minha volta”, “É Natal”, “Em Belém”, “Meia-noite Dada”, “É Natal de Jesus”, “Porque é Natal”, e “o Caminho”.

“Foi um dia de muita alegria e confraternização. Os nossos idosos estavam felizes e isso deixa-nos particularmente bem, por fazermos o melhor possível para lhes conceder momentos memoráveis” disse Helena Martinho, Coordenadora dos Serviços Sociais e de Saúde do Município de Celorico de Basto.

_DSC2717

_DSC2791

_DSC2819

_DSC2873

_DSC2954