Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

JOVENS CIENTISTAS PROVOCAM EXPLOSÕES EM BRAGA

‘Sábados h(á) Ciência’ no gnration a 8 de Abril

‘3. 2.1…Explosão’ é o tema da próxima sessão do ‘Sábados h(á) Ciência’ que se realiza no próximo dia 8 de Abril, às 15h0, no edifício gnration. Nesta oficina, os jovens cientistas terão oportunidade de fazer vários tipos de explosões e perceber o que as provoca. Será uma tarde animada, cheia de luz, cor e, claro, muita ciência.

A iniciativa é dirigida a crianças e jovens com idades entre os 6 e os 12 anos, que devem fazer-se acompanhar por um adulto. As inscrições devem ser feitas até dia 7 de Abril. As vagas são limitadas e as inscrições devem ser realizadas presencialmente no gnration. O custo da actividade é de 15 euros para o conjunto de adulto + criança ou de 20€ no caso de levar duas crianças.

O ‘Sábados h(á) Ciência’ é um projecto promovido pelo Município de Braga em colaboração com a Fundação Bracara Augusta e com ‘O Laboratório da Li’, com o objectivo estimular o gosto das crianças e jovens pela ciência, através da realização de actividades e experiências científicas.

Com este projecto, o Município de Braga alarga a oferta lúdico-educativa, ao mesmo tempo que promove a ciência e o convívio inter-geracional. O projecto tem proporcionado às crianças uma verdadeira viagem pelo mundo da Ciência através da realização de diversas experiências científicas com actividades totalmente práticas, onde os jovens podem ficar a conhecer várias ciências.

“MEXE-TE BRAGA 2017” LEVA A ACTIVIDADE FÍSICA ÀS FREGUESIAS

Programa gratuito de promoção da prática desportiva decorre de Abril a Setembro

Decorreu hoje, dia 27 de Março, a apresentação do programa ‘Mexe-te Braga 2017’. A principal novidade desta terceira edição do programa gratuito de promoção da prática desportiva é o facto de também se realizarem actividade nas Freguesias, com a inclusão de um Torneio Inter-Freguesias de várias modalidades desportivas.

CMB27032017SERGIOFREITAS0000005972.jpg

No que se refere às actividades no Centro da Cidade, no terceiro Sábado de cada mês irá haver uma modalidade desportiva em exibição, numa parceria com aos clubes e associações do Concelho. No que diz respeito às parcerias com Ginásios, irão realizar-se, no primeiro e terceiro Domingo de cada mês, mega-aulas na Rodovia. Em Agosto, e à semelhança do que sucedeu com enorme sucesso no ano transacto, as actividades concentram-se na Praia Fluvial de Adaúfe.

A abertura do programa acontece já este fim-de-semana. No Sábado, na Avenida Central, pelas 15h00, terá lugar uma Mega-Aula de Dança, com a colaboração do Pé de Dança, e no Domingo, às 10h00, na Rodovia, realiza-se uma Mega-Aula de Zumba. O ‘Mexe-te Braga 2017’ inicia-se em Abril e termina em Setembro.

Como sublinhou Sameiro Araújo, o Mexe-Braga´ surgiu em 2015 e tem vindo progressivamente a alargar o número de parceiros envolvidos, os cidadãos a participar e o alcance territorial. “No ano passado registámos parcerias com 13 ginásios e 26 clubes, o que é já um número assinalável”, afirmou, referindo que este ano, com o novo formato, estão reunidas as condições para que o programa seja ´ainda melhor e mais envolvente´.

“Independentemente da idade, da modalidade, da forma física, queremos que as pessoas pratiquem desporto sem qualquer custo e que a população seja cada vez mais activa e saudável. Ao mesmo tempo, esta é uma forma de os clubes e associações mostrarem o trabalho que estão a desenvolver aos cidadãos”, afirmou Sameiro Araújo.

CMB27032017SERGIOFREITAS0000005973 (1).jpg

CMB27032017SERGIOFREITAS0000005974.jpg

BRAGA COMEMORA DIA DO PIANO

Comemorações do ‘Piano Day’ no âmbito da Semana do Piano

Amanhã, Terça-feira, 28 de Março, pelas 10h30, junto à escadaria do Braga Parque

O Município de Braga convida o vosso órgão de Comunicação Social a acompanhar as comemorações do ‘Piano Day’ que terão lugar amanhã, Terça-feira, 28 de Março, pelas 10h30, junto à escadaria do Braga Parque.

A iniciativa irá contar com a presença da vereadora da Cultura, Lídia Dias.

Esta é uma actividade inserida no programa da Semana do Piano organizada pelo Município de Braga em parceria com o Conservatório Calouste Gulbenkian cujo objectivo é colocar o Piano no centro da atenção da cidade num convite à fruição de momentos excelentes para todos.

À volta do ‘Piano Day’, dia celebrado em todo o mundo ao 88º dia do ano, coincidindo com as 88 teclas do piano, desenvolvem-se actividades de carácter pedagógico e de fruição estético-artística. A celebração do ‘Piano Day’ será marcada com concertos ao longo de todo no Braga Parque.

BRACARENSES AVANÇAM PARA OITAVOS DE FINAL DA TAÇA DE PORTUGAL EM XADREZ

CX Braga segue para os 1/8 de final da Taça de Portugal por Equipas de xadrez

Foi no passado sábado, 25 de Março, que se realizaram quase uma centena de jogos de xadrez de Norte a Sul do país a um ritmo de jogo de 90 minutos + 30 seg por lance a contar para os 16 avos da 39ª edição da Taça de Portugal por equipas de xadrez.

not-taca1617.png

Depois dos 1/32 de Final realizados 2 semanas antes, os 1/16 de Final já juntou as equipas da 1ª Divisão e algumas das 2ª Divisão que estiveram isentas na eliminatória anterior. Foram 16 jogos para se procurar as 16 equipas que se mantêm na disputa pelo acesso à Final Four.

O Clube de Xadrez de Braga depois de vencer na eliminatória anterior o CX Escola João de Meira por 4 a 0 deslocou-se até São Mamede de Infesta para defrontar o GX 113 “B” acabando por vencer 2,5 a 1,5 num confronto difícil de superar. Após mais de 3 intensas horas de jogo no 3º tabuleiro onde tudo se decidia, estando o resultado parcial 1 a 2 pontos era necessário pontuar obrigatoriamente nesse tabuleiro para que o CX Braga seguisse em frente para os 1/8 final da prova e foi o que veio a acontecer pelas mãos do experiente jogador Álvaro Guimarães a jogar de brancas, ficando o resultado final em 1,5 a 2,5.

A composição da equipa do GX 113 “B” e o CX Braga por tabuleiro foi a seguinte:

                 GX 113 “B”                      e                              CX Braga                 

Mesa 1 – Nuno Ferreira                vs Sergey Demyanchuk    : 1 - 0

Mesa 2 – António Mendes            vs   Álvaro Guimarães         : 0,5 – 0,5

Mesa 3 – Damião Alves                 vs   Yaroslav Minakov         : 0 – 1

Mesa 4 – João Ribeiro                  vs   David Fernandes           : 0 - 1.

A próxima eliminatória, os 1/8 de Final realizam-se a 27 de Maio. É aguardado o sorteio por parte da FPX para se ficar a saber quem serão os próximos adversários do CX Braga mas já ficamos a saber quem segue para a próxima ronda, as equipas apuradas para os 1/8 de Final são:

  1. GX 113 “A”
  2. CX A2D “A”
  3. EX Porto “A”
  4. CX Braga “A”
  5. GX Porto “B”
  6. Profigaia/Escola Profissional “A”
  7. AX Gaia
  8. GX Porto “A”
  9. AX Portugal/Atlantidiagonal “A”
  10. Amadora Xadrez “A”
  11. AA Coimbra
  12. Clube dos Galitos/Grupel “A”
  13. ADRC Mata do Benfica
  14. Clube EDP Lisboa
  15. AX Algarve
  16. C Operário Desportivo

“BRAGA 2016: EURO-IBERO-AMERICAN YOUTH FORUM” REPRESENTA PORTUGAL NO PRÉMIO CARLOS MAGNO PARA A JUVENTUDE

Vencedores serão conhecidos no dia 23 de Maio

O projecto "Braga 2016: Euro-Ibero-American Youth Forum" venceu a primeira etapa do concurso "Prémio Europeu Carlos Magno para a Juventude 2017".

Braga 2016 Euro-Ibero-American Youth Forum.jpg

Este projecto - integrado na Braga 2016 Capital Ibero-americana da Juventude e da autoria da Câmara Municipal de Braga e Associação Portuguesa – P.E.J., com o apoio da AGERE - será o representante de Portugal na segunda fase desta competição europeia.

De acordo com o parecer do júri - composto pelos deputados europeus Liliana Rodrigues, Carlos Coelho e José Inácio Faria, e pelo representante do Conselho Nacional da Juventude, Diogo Cúmano – o projecto cumpre com todos os objectivos do concurso e envolveu um número excepcional de estudantes (130) de 22 países europeus e de 7 países da América Latina, reunidos para explorar o tema "Desenvolvimento Sustentável: Parcerias Intercontinentais para as Pessoas, o Planeta e a Prosperidade".

Passada a etapa nacional, o projecto representará Portugal na segunda fase onde participam os vencedores de cada um dos 27 Estados Membros da União Europeia e serão apurados três vencedores a nível europeu.

Os nomes dos três laureados europeus serão conhecidos no dia 23 de Maio numa cerimónia a ter lugar em Aachen, na Alemanha, onde os prémios de 7500€, 5000€ e 2500€ serão entregues, respectivamente, ao primeiro, segundo e terceiro classificado.

O "Prémio Europeu Carlos Magno para a Juventude" é atribuído a projectos que promovam o entendimento europeu e internacional e fomentem o desenvolvimento de um sentido partilhado da identidade e da integração europeias.

MUSIC FOR ALL SESSIONS \\ TOCA – PAPILLON AO VIVO EM BRAGA

As Music For All Sessions \\ TOCA continuam a levar a Braga o melhor da música nacional e internacional! Depois de um concerto memorável do quarteto escocês Ded Rabbit é a vez dos portuenses Papillon subirem ao palco do TOCA!

papill (1).jpg

Com um EP, homónimo, e dois singles de sucesso, “Engraçado (Já Não Há Pai P’ra Mim)” e o recente “Conceição”, chegou finalmente a vez de se fazerem à estrada e apresentarem ao vivo as suas novas criações! Com uma sonoridade entre o jazz, o funk e o pop e letras profundas e trabalhadas como imagem de marca, esta é a banda do laçarote. Estes são os Papillon!

Papillon é um laço. Ponto um. Ponto dois: também é um grupo de gente que faz música sem juízo. Os Papillon são feitos de gente e gostam de laços, porque os laços são coisas que ligam. Além disso os laços lembram qualquer coisa fora do tempo e os Papillon gostam disso: de não haver tempo, nem etiquetas, nem juízos. Nem juízo. Os Papillon são gente de laços.

Com música de perder o juízo. Compostos por Joana Manarte (voz), Pedro Silva (baixo), João Mascarenhas (teclas), Rui Ferreira (bateria), Raul Manarte (guitarra), Tiago Ferreira (trombone), Luís Macedo (trompete) e Pedro Gomes (saxofone), estrearam-se ao vivo em 2014, no Porto.

Resultado de múltiplas influências estéticas, os Papillon proporcionam um espetáculo cheio de energia, significado e vitalidade, sendo comum o concerto acabar com o público a dançar. Os elementos da banda juntam-se trazendo a experiência de outros projetos, desde a música clássica ao jazz, dos blues ao funk, do pop ao rock, entre outros estilos, em trabalhos de composição, interpretação e performance.

Entre a sua estreia em palco no Plano B (Porto) e, mais recentemente, a passagem pela final do EDP Live Bands, têm tido concertos no Porto e em Guimarães, com destaque para o Hard Club, uma das principais casas de música ao vivo da Invicta. Também foram convidados para integrar o Porto Swing Jam por dois anos consecutivos, onde tiveram a oportunidade de participar num evento de Lindy Hop (novamente no Hard Club), em concertos pensados para dançar. A destacar também as atuações televisivas no Porto Canal, no palco do programa “Portugal 3.0” da RTP2, no Festival Croka’s Rock em Castelo de Paiva e no MEO Marés Vivas, já em 2016. Em 2017 voltaram ao espaço que inicialmente os acolheu, o Plano B, para apresentar as canções do seu EP de estreia.

As letras são um dos pontos fortes do projeto, chamando a atenção até do ouvido mais desatento e as reações dos ouvintes têm sido de surpresa e identificação com os textos e as músicas. No palco vê-se uma banda que transparece uma relação cúmplice entre os elementos e um compromisso comum: criar uma atmosfera positiva, contagiante e envolvente com o público e com a música.

O EP de estreia, homónimo, já se encontra no mercado digital sob o selo da Music For All.

Papillon_EP Artwork (1).jpg

BRAGA EXPÕE ARTE E NANOTECNOLOGIA

´Matter of Perspectives´ patente no gnration até dia 17 de Junho. Instalação resulta de parceria entre gnration e INL 

Decorreu hoje, dia 24 de Março, na galeria INL do gnration, a inauguração da instalação ´Matter of Perspectives´, da autoria do conceituado artista visual Holandês Tarik Barri. Para a realização deste trabalho o artista esteve em residência artística durante uma semana no Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia.

nanobrag (1).jpg

A instalação, que estará patente até ao dia 17 de Junho, realiza-se no âmbito do ´Scale Travels´, um programa colaborativo que liga arte e nanotecnologia, fruto da parceria estabelecida no ano transacto entre o Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia, que tem a seu cargo a supervisão científica do projecto, e o gnration, que tem sob sua alçada a direcção artística e produção. Durante este ano realizar-se-ão três instalações inseridas neste programa.

Como afirmou Firmino Marques, Vice-presidente da Câmara Municipal de Braga, desta parceria resulta um ´casamento perfeito´ entre a ciência e a arte. “Esta frutífera cooperação coloca o conhecimento produzido no INL ao serviço da criatividade e da arte, o que se traduz em mais um trabalho de enorme qualidade que aqui é apresentado”, disse.

Já Paulo Freitas, Vice-Director Geral do INL, referiu que esta é uma ´excelente´ possibilidade de fazer confluir dois mundos, o da ciência e da visão artística, que habitualmente estão separados. “É uma experiência interessante ver o que o artista absorveu do nosso dia-a-dia durante o período de residência artística. A parceria é também uma forma de o INL se abrir à sociedade, neste caso particular através da arte”, disse.

A galeria INL, localizada no interior do gnration, recebeu já instalações sonoras e audiovisuais dos artistas portugueses Rui Dias e Fernando José Pereira (PT) e do norte-americano Pierce Warnecke (EUA).

Tarik Barri começou a programar aos sete anos de idade e aos 16 a criar música electrónica. Ao desenvolver o seu próprio software, Tarik criou o seu único instrumento audiovisual que usa para explorar novas estéticas na combinação de som e imagem. Para além de fazer visuais para artistas como Nicolas Jaar, Thom Yorke (Atoms for Peace) e Monolake, o trabalho de Barik assume diferentes formas como performances audiovisual, instalação e vídeo.

nanobrag (2).jpg

nanobrag (3).jpg

MUNICÍPIO DE BRAGA ENTREGA PRÉMIO DE HISTÓRIA LOCAL DR. MANUEL MONTEIRO

No Dia Nacional dos Centros Históricos

O Município de Braga entrega na próxima Terça-feira, 28 de Março, Dia Nacional dos Centros Históricos, o Prémio de História Local Dr. Manuel Monteiro a José Carlos Gonçalves Peixoto, numa cerimónia pública que terá lugar no Salão Nobre da Reitoria da Universidade do Minho, pelas 17h00.

CMB11082015SERGIOFREITAS0000002687.jpg

Fomentar o interesse dos investigadores pela história de Braga e honrar a memória de um ilustre escritor, arqueólogo, etnólogo, magistrado, diplomata e crítico de arte Bracarense são os principais objectivos do Prémio de História Local Dr. Manuel Monteiro, instituído pelo Município de Braga. O Bracarense José Carlos Gonçalves Peixoto com a obra “Memórias do Couto de Tibães” é o galardoado da primeira edição.

O júri, constituído por Maria do Carmo Franco Ribeiro, Miguel Sopas Bandeira e Armando Malheiro da Silva, atribuiu ainda três menções honrosas para os trabalhos “A vivência da Morte e a Salvação da Alma na Braga Setecentista” de Norberto Ferraz, “Entre a Clausura e o século: O recolhimento de Santo António do Campo da Vinha sob a administração da Misericórdia de Braga (séculos XVII-XVIII)” de Manuela Machado, e à obra “Os focos que nos desunem” da autoria conjunta de Joaquim Martins e José Soares.

Recorde-se que o valor do prémio é de 2.500 euros, ao qual acresce a publicação da obra vencedora. Por sua vez, os trabalhos distinguidos com menção honrosa terão reservada a possibilidade de publicação na Revista Bracara Augusta.

A I edição deste prémio bienal, que contou com treze trabalhos a concurso, destinava-se a cidadãos de nacionalidade portuguesa, maiores de idade, residentes ou não na área do Município de Braga. As temáticas a apresentar deveriam ser de teor historiográfico relativos a Braga – a nível administrativo, antropológico, patrimonial, político, económico, cultural, artístico, religioso ou outros.

BRAGA INAUGURA "MATTER OF PERSPECTIVES"

Inauguração da instalação ´Matter of Perspectives´. Amanhã, Sexta-feira, dia 24 de Março, pelas 17h00, galeria INL no gnration

O Município de Braga inaugura amanhã a instalação ´Matter of Perspectives´, que terá lugar amanhã, Sexta-feira, dia 24 de Março, pelas 17h00, no gnration. A entrada é livre e aberta ao público.

Matter of Perspectives.jpg

´Matter of Perspectives´, do conceituado artista visual Holandês Tarik Barri, é o nome da nova instalação audiovisual a ter lugar na galeria INL no gnration. A instalação é apresentada no âmbito do Scale Travels, um programa colaborativo que liga arte e nanotecnologia, fruto da parceria entre o Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia e o gnration.

A direcção artística e a produção do programa Scale Travels está a cargo do gnration e a supervisão científica está sob alçada do Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia.

A galeria INL, localizada no interior do gnration, foi inaugurada a 30 de abril de 2016 e recebeu já instalações sonoras e audiovisuais dos artistas portugueses Rui Dias e Fernando José Pereira (PT) e do norte-americano Pierce Warnecke (EUA).

BRAGA REFORÇA LIGAÇÕES BILATERAIS COM COSTA DO MARFIM

Geminação com a cidade de Korhogo em equação

Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, recebeu esta Quinta-feira, 23 de Março, o Embaixador da Costa do Marfim em Portugal, Koffi Fana Theodore, num encontro que decorreu no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

CMB23032017SERGIOFREITAS0000005896.jpg

Durante a visita a Braga, o diplomata ficou a conhecer ao detalhe a estratégia para o desenvolvimento económico do Concelho, assim como novas possibilidades de cooperação bilateral entre os dois países, tendo Braga e a Região como pontos fulcrais para atingir esse objectivo.

Para o Embaixador, Braga é uma Cidade que “apresenta uma dinâmica muito interessante” e posiciona-se na linha da frente para encetar uma política de proximidade com aquele país africano.

“A Costa do Marfim está a registar um crescimento anual da sua economia na ordem dos 10%. Estamos cientes da capacidade exportadora das empresas sediadas aqui em Braga e acreditamos que é possível estabelecer ligações muito profícuas em determinadas áreas de negócio, nomeadamente no sector da indústria e infra-estruturas”, explicou Koffi Fana Theodore, adiantando que brevemente haverá outra visita a Braga, tendo em vista a possibilidade de estabelecer um acordo de geminação entre Braga e a cidade de Korhogo, no Norte da Costa do Marfim, presidida por Amadou Gon Coulibaly, que também ocupa o cargo de Primeiro-Ministro daquele país africano.

Para Ricardo Rio, esta é uma “excelente oportunidade para Braga e para as empresas da Região estabelecerem relações de proximidade com a Costa do Marfim, especialmente no plano económico”, referiu o Autarca, sustentando que “com esta ligação abre-se uma janela de oportunidades que têm que ser potenciadas e aproveitadas pelos empresários dos dois países ao longo dos próximos tempos”.

CMB23032017SERGIOFREITAS0000005900.jpg

BRAGA ADERE À HORA DO PLANETA

Hora do Planeta sensibiliza para as preocupações ambientais. Acção decorre no Sábado, das 20h30 às 21h30

A Hora do Planeta é uma iniciativa global ambiental realizada em parceria com a World Wide Fund for Nature (WWF). Indivíduos, empresas, governos e comunidades são convidados a desligarem as suas luzes durante uma hora no Sábado, dia 25 de Março, às 20h30, para mostrarem o seu apoio à acção ambientalmente sustentável.

Hora do Planeta.jpg

Como uma das primeiras campanhas sobre aas alterações climáticas, a Hora do Planeta cresceu de um evento simbólico para o maior movimento do mundo em defesa do ambiente.

O Município de Braga apela a todos os Munícipes a associarem-se a esta iniciativa e a apagarem as luzes das 20h30 às 21h30 deste Sábado.

Este serão os espaços que ficarão ´às escuras´ durante a iniciativa: Arcada, Pópulo, Praça do Município, Congregados, antigo Hospital de S. Marcos, gnration, Sé, Santuário do Sameiro, Santuário do Bom Jesus, Posto de Turismo, Av.ª da Liberdade, Largo Carlos Amarante, Praça da República, Rua do Souto, Rua D. Diogo de Sousa, Largo da Senhora-a-Branca, Rua dos Chãos, Rua Andrade Corvo, Campo das Hortas e Rua de S. Marcos.

EMPRESA CACHAPUZ HOMENAGEIA ATLETAS BRACARENSES

Andreia Norton e Sílvia Rebelo (SC Braga) - sessão de autógrafos na stand da Cachapuz, na AGRO

Amanhã, 24 de março, a Cachapuz irá receber as mais recentes galardoadas (na gala Quinas de Ouro 2017) jogadoras do Sporting Clube de Braga: Andreia Norton e Sílvia Rebelo.

A sessão de autógrafos está marcada para as 18h30 na AGRO, especificamente no stand da Cachapuz, empresa promotora desta ação, localizando-se no pavilhão principal, stand C/D - 8/9.

convite_sessaoautografos.png

PROJECTO-PILOTO LEVA MEDIA ARTS ÀS ESCOLAS DE BRAGA

Candidatura a Cidade Criativa da UNESCO apresentada em Maio

O presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, visitou hoje, 22 de Março, a EB1 de S. Victor, estabelecimento de ensino onde foi implementado, a nível experimental, uma actividade extracurricular na área das artes digitais. Durante quatro dias, os alunos de S. Victor tiveram contacto directo com as artes, em especial a arte digital, num projecto que se irá repetir no 3.º período do ano lectivo na EB1 das Enguardas.

CMB22032017SERGIOFREITAS0000005858.jpg

Este é um projecto-piloto que se realiza no âmbito da candidatura de Braga a Cidade Criativa das Media Arts da UNESCO, que será formalmente apresentada durante o mês de Maio. Segundo Ricardo Rio, este é um título que a Cidade quer ostentar de forma duradoura.

“Esta candidatura é uma forma de mobilizarmos toda a comunidade e seus agentes para um posicionamento diferente de Braga, que quer ser vista como uma Cidade moderna, inovadora, arrojada, criativa, jovem e culturalmente activa, bem como tecnológica e potenciadora dos recursos económicos e de investigação existentes no território”, afirmou Ricardo Rio, destacando a importância do trabalho que está a ser realizado nas escolas.

O Autarca salientou, igualmente, o ´extraordinário´ desafio que a candidatura representa para Braga. “É um processo de mobilização colectiva em que cada um, na sua área de intervenção, está a dar o seu valioso contributo. Queremos continuar a desenvolver iniciativas diferenciadoras e o Concelho tem os recursos e iniciativas que nos dão um importante lastro para podermos aspirar ao reconhecimento da UNESCO”, sustentou Ricardo Rio.

Recorde-se que em 2004, a UNESCO (United Nations Educational, Scientific and Cultural Organisation) nomeou as Media Arts como um dos sete campos criativos vitais para o desenvolvimento urbano sustentável. Nesse âmbito, criou a Rede de Cidades Criativas - UNESCO Creative Cities Network (UCCN), para fortalecer a cooperação entre cidades que encontram na criatividade um factor estratégico de desenvolvimento social cultural e económico, estando actualmente presente em 54 países, com 116 cidades membros, das quais 9 são Cidades Criativas Media Arts.

Actualmente existem nove Cidades Criativas Media Arts: York (Reino Unido, 2014), Linz (Áustria, 2014), Enghien-Les-Bains (França, 2013), Lyon (França, 2008), Austin (EUA - Texas, 2015), Dakar (Senegal, 2014), Tel Aviv-Yafo (Israel, 2014), Gwangju (Coreia do Sul, 2014), Sapporo (Japão, 2013).

CMB22032017SERGIOFREITAS0000005859.jpg

CMB22032017SERGIOFREITAS0000005862.jpg

BRAGA INAUGURA 50ª EDIÇÃO DA AGRO

Inauguração da 50ª edição da AGRO. Amanhã, Quinta-feira, dia 23 de Março, pelas 12h00, no Parque de Exposições de Braga

O Município de Braga inaugura a AGRO – Feira Internacional de Agricultura, Pecuária e Alimentação, que terá lugar amanhã, Quinta-feira, dia 23 de Março, pelas 12h00, no Parque de Exposições de Braga.

16999039_1668419413184778_2317690736462924264_n.jpg

A iniciativa contará com as presenças de Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, e do ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, Luís Capoulas Santos.

A AGRO celebra ainda o Dia da Galiza, pelo que contará com as presenças da delegada do Governo da Galiza em Ourense, do vice-Presidente do Governo Provincial e presidente do Instituto Ourenseano de Desarrollo Económico e do diretor-geral da Expourense e presidente da AGAFE – Associação Galega de Feiras e Eventos.

A AGRO decorre entre os dias 23 e 26 de Março.

BRAGA: AGERE DÁ A CONHECER PROCESSO DE CAPTAÇÃO E TRATAMENTO DA ÁGUA

Iniciativa assinalou o Dia Mundial da Água

A AGERE abriu as portas da Estação de Tratamento de Água (ETA) de Palmeira à população, para dar a conhecer todo o processo de captação e tratamento da água que é distribuída por todo o Concelho, mas também para sensibilizar os Bracarenses para a importância da preservação e poupança deste recurso natural com enorme impacto na sociedade.

agere1 (1).PNG

A iniciativa, que decorreu esta Quarta-feira, 22 de Março, serviu de mote para assinalar o Dia Mundial da Água, inserindo-se no programa de consciencialização pública promovido pela empresa municipal.

“Em Braga, a qualidade da água atinge patamares de excelência e esta iniciativa tem a faculdade de sensibilizar a população para os benefícios de se estar ligado à rede pública e de consumir água da torneira”, referiu Rui Morais, administrador da AGERE, lembrando qua a qualidade da água “tem sido comprovada e demonstrada junto da população através de diversas iniciativas, nomeadamente num inquérito onde ficou provado que a generalidade dos Bracarenses têm confiança na água que chega às suas casas”.

Nesse sentido, a abertura das portas da ETA da Ponte do Bico, em Palmeira, “é mais uma iniciativa que a AGERE desenvolve no sentido de promover uma maior aproximação aos cidadãos, para que estes através de uma visita guiada, possam ver como decorre todo o processo de tratamento da água que é captada no rio Cávado e que posteriormente lhes chega a casa”, explicou Rui Morais.

A eficiência demonstrada na gestão da empresa municipal, aliada a uma política mais amiga dos cidadãos, permite que Braga esteja entre os municípios com os tarifários mais baixos da Região e do País. “Este ano, e pela primeira vez em mais de duas décadas, procedemos a uma redução generalizada de 2,5% no preço da água e no saneamento. Segundo os dados da ERSAR, que é a entidade reguladora, o preço praticado pela AGERE é o terceiro mais barato de toda a Região Norte, ficando 12,5 por cento abaixo da média nacional”, lembrou Rui Morais, sublinhando que estes dados “são de extrema importância para as famílias Bracarenses”.

Visitas guiadas mostraram todo o percurso da água

Foram muitos os Bracarenses que ao longo do dia tiveram a curiosidade de conhecer as instalações da ETA e, através de visitas guiadas conduzidas pelos técnicos da empresa municipal, passaram a familiarizar-se com todo o processo de captação e tratamento da água.

Depois de captada, a água entra para a estação de tratamento por dois canais, onde se procede a uma primeira dragagem, sendo posteriormente transportada para os poços, com capacidade para 200 litros e 400 litros/por segundo. Em seguida, a água passa por uma primeira fase de desinfecção, coagulação e filtração para separação de toda a matéria orgânica e bactérias. Segue-se a remineralização e desinfecção final, tornando-a, dessa forma, segura para consumo. Posteriormente, a água é transportada para os reservatórios distribuídos pelo Concelho, seguindo daí até aos consumidores ligados à rede pública.

“Todos os dias são colocados 30 milhões de litros de água em alta. São feitas colheitas pela AGERE e levadas para análise, e o mesmo procedimento é feito pela ERSAR”, referiu Rui Morais, explicando ao pormenor todos os procedimentos utilizados para garantir diariamente a segurança da água.

“Se apenas um parâmetro não tiver o valor obrigatório por lei, a AGERE tem 24 horas para comunicar o problema à ERSAR e ao delegado de saúde pública, que decide ou não a necessidade de encerramento da rede”, explicou Rui Morais.

agere2 (1).PNG

agere3 (1).PNG

agere4.PNG

BRAGA LEVA PROJECTO MEDIA ARTS ÀS ESCOLAS

Hoje, Quarta-feira, dia 22 de Março, pelas 14h30, na EB1 de São Victor

O Município de Braga realiza uma visita à EB1 de São Victor (Rua Beato Miguel de Carvalho, 4710-356) no âmbito do projecto Media Arts nas Escolas, que se realiza hoje, Quarta-feira, dia 22 de Março, pelas 14h30.

Inserido na candidatura de Braga a Cidade Criativa da UNESCO, o Município avançou este ano lectivo com um projecto-piloto de actividade extracurricular na área das artes digitais em Escolas do 1º ciclo do Concelho.

A iniciativa contará com as presenças de Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, Lídia Dias, vereadora da Cultura, e Cláudia Leite, coordenadora da candidatura.

BRAGA FESTEJA PÁSCOA COM “FÉRIAS EM GRANDE”

Inscrições no Balcão Único a partir de hoje, 22 de Março

Durante as férias escolares da Páscoa, o Município de Braga volta a disponibilizar um serviço de ocupação dos tempos livres a crianças e jovens Bracarenses, com idades compreendidas entre os 10 anos e os 15 anos.

ferias em grande pascoa 2017.jpg

As inscrições para o programa ‘Férias em Grande – Páscoa’ iniciam-se hoje, 22 de Março, podendo ser efectuadas no Balcão Único, situado no edifício do Pópulo, até 3 de Abril.

O programa ´Férias em Grande’, desenvolvido em parceria com a Academia Synergia, terá lugar de 5 a 7 de Abril e de 10 a 13 de Abril. Durante este período, os jovens inscritos participarão em workshops de ciências ou de trabalhos manuais, em actividades desportivas e culturais, idas ao cinema e visitas a diversos equipamentos do Concelho. Estas actividades decorrerão das 09h00 às 17h30, tendo sempre como local de partida e chegada o edifício gnration, no Campo da Vinha.

O custo do programa varia entre os 10 e os 30 euros, mediante o escalão do jovem, sendo que a inscrição deverá ser efectuada no Balcão Único no horário de atendimento do mesmo. De referir que as inscrições são limitadas e serão aceites por ondem de chegada. O Município de Braga fornecerá o almoço, assim como um reforço nos lanches da manhã e da tarde.

O regulamento do programa pode ser consultado em https://goo.gl/3WWoBE

A ficha de inscrição está disponível através do link https://goo.gl/fzvCIY

RUSGA DE S. VICENTE DE BRAGA HOMENAGEIA JORNALISTA BRACARENSE PEDRO LEITÃO

Tema da 1ª ed.  das 'Entremeadas de S/Ts: 'Jornalismo para o século XXI: - Quais as vias e meios?!'

pedroleitao.jpg

Pedro Leitão  (16/12/1955 - 27/03/2016)

A Rusga de São Vicente de Braga - Grupo Etnográfico do Baixo Minho, realiza a 1ª edição das "Entremeadas de S/Ts" (Serões no Burgo/Tertúlias Rusgueiras), a levar a efeito amanhãno próximo  dia 23, quinta-feira, do mês em curso, pelas 21h:30, na sede social da Rusga, sita na Av. Artur Soares (Palhotas),nº 73, Braga, que terá por convidados, o Director do jornal Correio do Minho, Paulo Monteiro e o Director de Informação do Jornal Diário do Minho, Damião Pereira, com a moderação de José Pinto, presidente da associação.

damião_pereira_dm01.jpg

Damião Pereira (Diário do Minho)

paulo_monteiro_cm03.jpg

Paulo Monteiro (Correio do Minho)

BRAGA ASSINALA DIA MUNDIAL DA ÁRVORE

Acção de sensibilização ambiental decorreu no Monte Picoto

O Monte Picoto passou hoje a contar com novas árvores, numa iniciativa que envolveu o Município de Braga e a Polícia de Segurança Pública (PSP), e que com o contributo dos alunos do Colégio João Paulo II, assinalando o Dia Mundial da Árvore.

CMB21032017SERGIOFREITAS0000005838.jpg

Esta acção de sensibilização ambiental nacional decorreu no âmbito da Comissão de Protecção da Natureza e do Ambiente da CPLP, onde a PSP assume a responsabilidade social de procurar uma redução da pegada ambiental.

“A PSP está a realizar este programa a nível nacional e, em Braga, conta com a parceria do Município. Até amanhã, e ao longo de seis dias, realizamos a maior acção de sensibilização ambiental do País com o ‘Oxigenar Braga’ onde envolvemos cerca de 50 instituições e plantamos mais de 1.500 árvores em todo o Concelho”, explicou Altino Bessa, vereador do Ambiente do Município de Braga.

CMB21032017SERGIOFREITAS0000005845.jpg

Com a plantação de novas árvores no Monte Picoto, desta vez com a colaboração da PSP, Altino Bessa espera que esta acção contribua para que os agentes de segurança “sejam os guardiões destas árvores e, por sua vez, os guardiões do Monte Picoto, um espaço com muitas particularidades em termos de segurança”.

Durante esta iniciativa os elementos policiais do efectivo da 1.ª Esquadra da PSP de Braga, deram a conhecer aos alunos do Colégio João Paulo II as normas de segurança e as atitudes a adoptar para preservar o meio ambiente.

CMB21032017SERGIOFREITAS0000005857.jpg

BRAGA PROMOCTORVE VISITA À ESCOLA DE S.VICTOR

Projecto Media Arts nas Escolas. Amanhã, Quarta-feira, dia 22 de Março, pelas 14h00, na EB1 de São Victor

O Município de Braga promove visita à EB1 de São Victor (Rua Beato Miguel de Carvalho, 4710-356) no âmbito do projecto Media Arts nas Escolas, que se realiza amanhã, Quarta-feira, dia 22 de Março, pelas 14h00.

Inserido na candidatura de Braga a Cidade Criativa da UNESCO, o Município avançou este ano lectivo com um projecto-piloto de actividade extracurricular na área das artes digitais em Escolas do 1º ciclo do Concelho.

A iniciativa contará com as presenças de Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, Lídia Dias, vereadora da Cultura, e Cláudia Leite, coordenadora da candidatura.

BRACARENSES REVÊM CARTA EDUCATIVA

Revisão da Carta Educativa conta com participação da Comunidade Bracarense. Reuniões prosseguem no mês de Abril

O Município de Braga realizou no passado dia 14 de Março, no auditório da Junta de Freguesia de S. Victor, a primeira sessão pública de esclarecimento sobre o início do processo de revisão da Carta Educativa do Concelho.

IMG_4723.jpg

A iniciativa contou com a presença do vice-presidente da Autarquia, Firmino Marques, e da vereadora da Educação, Lídia Dias, que enfatizaram a importância da participação da comunidade Bracarense neste processo que se quer coeso, colectivo e colaborativo.

Além das sessões públicas, serão realizados trabalhos com vista a formular um conjunto de princípios, objectivos e de sugestões para a revisão da Carta Educativa do Município de Braga, que respondam de “forma consistente, actual e realista aos desafios e necessidades do desenvolvimento educativo presentes no Concelho numa perspectiva de coesão e sustentabilidade socioeconómica e territorial”.

Além das sessões destinadas à comunidade em geral, estão programadas reuniões com diversos focus groups(equipas do Município, profissionais de educação e ensino, Juntas de Freguesia, agentes locais e parceiros sociais).

Recorde-se que a lei estabelece a obrigatoriedade da revisão da Carta Educativa quando a rede “apresenta desconformidades com os princípios, objectivos e parâmetros técnicos do ordenamento da rede educativa ou sempre que resultem de alterações significativas decorrentes da criação ou o encerramento de novos estabelecimentos de educação pré-escolar e de ensino”.

Calendário das sessões para ‘Focus Groups’:

4 Abril | 15h00 | gnration | equipa da Educação do Município de Braga;

5 Abril | 14h30 | Escola Secundária Alberto Sampaio | Profissionais de Educação e Ensino

10 Abril | 14h30 | gnration | Agentes Locais/Parceiros Sociais

11 Abril | 14h30 | gnration | Juntas de Freguesia

12 Abril | 14h30 | gnration | equipas do Município de Braga (acção social, ambiente, cultura, desporto e juventude, urbanismo)

Todas as sugestões podem ser enviadas para carta.educativa@cm-braga.pt

IMG_4731.jpg

BRAGA CONDICIONA TRÂNSITO

Condicionamentos à normal circulação de trânsito

O Município de Braga informa que, devido à realização de uma intervenção artística, haverá condicionamentos de trânsito no acesso ao túnel do Campo da Vinha (confluência da rua Conde de Agrolongo e Avenida Visconde Nespereira) entre as 13h00 desta Quinta-feira, 23 de Março, e a tarde de Sábado, 25 de Março.

túnel intervenção.jpg

GESTÃO RIGOROSA E EFICIENTE DA EMPRESA MUNICIPAL TEM BENEFICIADO OS BRACARENSES

Elaboração do contrato de gestão delegada da AGERE em fase de conclusão

A reunião do Executivo Municipal que se realizou hoje, dia 20 de Março, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, ficou marcada pela discussão, extra-agenda, relativamente aos contactos que têm vindo a ser efectuados entre o Município e a Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (ERSAR) sobre o novo contrato de gestão delegada da AGERE, que está em fase de conclusão.

CMB20032017SERGIOFREITAS0000005818.jpg

Sobre este tema, Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, sublinhou que os detalhes das diligências que estão ser realizadas junto da ERSAR, com vista à obtenção de uma nova versão do contrato de gestão delegada para submeter ao Executivo Municipal, não devem ser tornadas públicas. “Consideramos que é contraproducente andarmos a transpor pública e exaustivamente, todas as interacções e alterações à proposta inicial. Não existe aqui nenhuma questão de falta de transparência, apenas seguimos o princípio de não estar a tornar públicas questões que ainda estão a ser alvo de ajustes com vista à obtenção de uma proposta final”, afirmou, realçando que o Executivo nunca deixou de prestar todas as informações sobre as ´diferentes etapas e prazos que o processo tem seguido´.

Como explicou o Edil, em 2015 foi enviado um documento que necessitou de ser melhorado devido à exigência da ERSAR em inserir um modelo financeiro semelhante aos processos de concessão. “Foi contratada uma consultora nacional para nos apoiar na elaboração desse modelo financeiro, daí que só em final de 2016 tenha sido enviada uma versão estabilizada da minuta do contrato que, a merecer a concordância da ERSAR, seria depois analisada pelos órgãos Municipais”, realçou.

A ERSAR, conforme indicou o Autarca, remeteu em Janeiro deste ano um documento onde foram efectuadas várias considerações ao contrato enviado, o que motivou a marcação de uma reunião para discutir os temas que levantaram dúvidas, nomeadamente a necessidade de realização de investimentos preconizados pela AGERE como ´absolutamente essenciais´ no serviço prestado às populações. Na sequência desse encontro ficou estabelecida a existência de reuniões sectoriais entre a AGERE e a ERSAR para questões técnico-jurídicas, de investimento e do modelo financeiro. Estas reuniões sectoriais estão já a decorrer e, segundo informações dos serviços, estão na fase final, pelo que o contrato de gestão delegada deverá estar pronto a ser submetido no próximo mês de Abril.

O novo contrato de gestão delegada da AGERE é condição obrigatória para que se possa celebrar o contrato-programa entre o Município e a AGERE, que está desde 2012 sem receber a indemnização compensatória pelos serviços públicos prestados, pelo que ´não existe qualquer interesse em deixar arrastar este assunto´. No entanto, assegurou o Edil, ´o serviço prestado aos cidadãos não tem saído prejudicado, bem pelo contrário´.

“A gestão da AGERE tem reflectido as nossas propostas e visão para a empresa e sobretudo as aspirações dos munícipes sobre esta matéria: é eficiente, económica e presta um serviço de qualidade. A AGERE conseguiu, pela primeira vez na sua história, congelar tarifários e reduzi-los este ano, tendo sido muito mais eficiente na gestão dos recursos, o que gerou resultados superiores pela redução dos custos fixos. Braga tem, actualmente, um dos mais económicos tarifários a nível nacional considerando as Cidades de média e grande dimensão”, afirmou Ricardo Rio, garantindo que a AGERE cumpre escrupulosamente as orientações na melhoria do serviço, melhoria na gestão e salvaguarda do interesse publico: “A gestão da AGERE tem beneficiado claramente todos os Bracarenses”.

CMB20032017SERGIOFREITAS0000005813 (1).jpg

POLÍCIA MUNICIPAL DE BRAGA TRANSMITE REGRAS DE SEGURANÇA AOS SENIORES DE REAL

Projecto ‘Segurança em Sentido Obrigatório’

A Polícia Municipal de Braga realizou esta Segunda-feira, uma sessão de sensibilização das regras de segurança aos idosos do Centro Sénior de Real, integrada no projecto ´Segurança em Sentido Obrigatório´.

CMB20032017SERGIOFREITAS0000005821.jpg

Esta sessão, que contou com a presença do vice-presidente da Câmara Municipal de Braga, Firmino Marques, e do presidente da União de Freguesias de Real, Dume e Semelhe, Francisco Silva, surgiu do desafio lançado pelo Município, em sede de Rede Social, às instituições do Concelho para acolher este projecto.

Segundo Firmino Marques, esta é uma iniciativa que tem demonstrando “grande preparação e empenho” por parte dos agentes municipais envolvidos. “A linguagem é devidamente adequada a cada um dos públicos e toca aspectos de segurança que muitas vezes são descurados pela população”, referiu o Autarca, sublinhando que este tipo de actividades têm o condão de aproximar as forças de segurança à comunidade, uma vez que se trata de um projecto educativo que “favorece a construção de valores, posturas e atitudes de cidadania, de modo a valorizar-se o respeito mútuo e as regras de segurança”.

O programa ´Segurança em Sentido Obrigatório´, tem por objectivo sensibilizar e transmitir à população sénior e também aos mais jovens, as noções básicas sobre regras de segurança que lhes permitam adquirir conhecimentos técnicos capazes de estimular e alterar comportamentos de modo a promover a sua integração em ambiente rodoviário. Simultaneamente, o projecto pretende alertar estes dois públicos para alguns temas do foro comportamental que põe em causa o seu desenvolvimento pessoal em contexto social. As acções realizam-se em jardins-de-infância e escolas do 1º ciclo do ensino básico, bem como em centros de dias e lares de idosos.

CMB20032017SERGIOFREITAS0000005825.jpg

CMB20032017SERGIOFREITAS0000005830.jpg

AMARES DÁ A CONHECER A MELHOR LARANJA DO MINHO

A laranja de Amares e seus derivados, o vinho verde, o azeite e o artesanato, produtos emblemáticos do concelho, vão estar em exposição na AGRO - Feira Internacional de Agricultura, Pecuária e Alimentação, que decorre de 23 a 26 de março de 2017, no Parque de Exposições de Braga.

DSC00563.JPG

Uma excelente oportunidade para divulgar aquilo que de melhor o nosso concelho tem para oferecer naquela que é a principal feira agrícola do país e que tem na sua longevidade uma das garantias da sua relevância enquanto montra da agricultura portuguesa.

Visite o stand de Amares!

“BRAGA À LUPA” ABORDA PROCISSÃO DAS CINZAS DA VENERÁVEL ORDEM TERCEIRA DE BRAGA

Próxima sessão a 22 de Março, às 21h15

‘A Procissão das Cinzas da Venerável Ordem Terceira de Braga’ é o tema da próxima sessão do ‘Braga à Lupa’, que se realiza esta Quarta-feira, 22 de Março, às 21h15, na sacristia da Igreja dos Terceiros. Organizada pelo Município de Braga, o ‘Braga à Lupa’ é uma iniciativa integrada no programa ‘À Descoberta de Braga’ e desafia os Bracarenses a descobrir e a reflectir sobre um aspecto desconhecido e aliciante da Cidade.

CMB16022016SERGIOFREITAS000000683.jpg

A próxima sessão terá como convidados José Sousa Ribeiro (Universidade do Minho) e Rui Ferreira (Câmara Municipal de Braga). As inscrições são limitadas, devendo ser efectuadas através do e-mail cultura@cm-braga.pt.

A Procissão das Cinzas costumava marcar o arranque da Quaresma em Braga. Desaparecido do quotidiano da Cidade há mais de um século, este préstito marcava o início da Quaresma com um imponente cerimonial público proveniente da igreja dos Terceiros, onde desfilavam centenas de corporações religiosas carregando andores e lanternins entre cânticos e orações.

Organizado pela Ordem Terceira de S. Francisco desde o último quartel do século XVII, realizava-se na tarde da quarta-feira de Cinzas e era composto por um elevado número de andores. Ainda hoje se conserva, na Igreja dos Terceiros, os exemplares do Património Móvel que compunham esta procissão.

BRAGA PROMOVE-SE NA BTL, A MAIOR FEIRA NACIONAL DE TURISMO E UMA REFERÊNCIA A NÍVEL INTERNACIONAL

Património, eventos, comércio, gastronomia, cultura e desporto estiveram em evidência na BTL

De Quinta-feira até ontem, Braga promoveu-se na Bolsa de Turismo de Lisboa, a maior Feira Nacional de Turismo e uma referência a nível internacional. Com mais de 1.200 expositores entre agências de viagem, operadores turísticos, hotelaria, transportes, organismos oficiais nacionais e internacionais, jornalistas e bloggers, de mais de 42 países, distribuídos por 37.000 m2, esta foi uma acção repleta de sucesso em termos de divulgação e promoção turística do Concelho.

BTL0bRAGA (1).jpg

“Estamos satisfeitos com os resultados alcançados. Fizemos centenas de contactos com operadores, jornalistas e responsáveis internacionais, que permitirão nos próximos anos incrementar ainda mais o movimento turístico de Braga”, referiu António Barroso, em representação da Câmara Municipal de Braga, explicando que a presença de Braga na BTL resulta da articulação com o projecto Minho Inovação e a Entidade de Turismo do Porto e Norte de Portugal, e insere-se na estratégia de promoção do Concelho “fora de portas”.

O responsável aproveitou também para destacar “a diversidade de agentes bracarenses deste sector que proporcionaram a existência de pontos de divulgação do que Braga tem de melhor em todos os pavilhões da BTL”.

A agenda geral de eventos, o roteiro familiar, a campanha `Taste Braga` em parceria com a Associação Comercial de Braga (de promoção das iniciativas gastronómicas, com destaque para as Sugestões do Chef que decorrem até 9 de Abril), os grandes eventos como a «Semana Santa», «Braga Romana», «S. João», «Noite Branca», «Braga Barroca», «Braga é Natal», incluindo o «Presépio de Priscos» e iniciativas com realização já em Março e Abril, como a 50 edição da Agro e o «IDrone Experience» mereceram especial referência.

A distinta e rica oferta cultural do Theatro Circo e do GNRation, assim como eventos desportivos como a «Rampa da Falperra», a «Street Stage do Rally de Portugal» com a disponibilização de um concorrido simulador, mas também toda a agenda de eventos desportivos que enriquecem a Braga 2018 - Cidade Europeia do Desporto, estiveram em foco na BTL. O rico e distinto património, os espaços naturais, o comércio e a animação nocturna, aliados a uma grande e qualificada disponibilidade hoteleira e uma localização estratégica no contexto do noroeste peninsular foram também motivo de promoção. Este ano mereceu também destaque uma apresentação pública do novo Parque de Exposições de Braga que verá a luz do dia em 2018.

Para António Barroso, “revelarmos que estamos perto de tudo, com uma oferta hoteleira diversificada e com mais de três mil camas, com uma gastronomia cinco estrelas, um comércio vivo e atractivo e o fervilhar da juventude, faz de Braga um destino que surpreende quem não nos conhece e conquista quem vem a Braga. O contacto com profissionais do turismo e com o público lisboeta e do Sul do país permite-nos reforçar a nossa notoriedade e convidar a visitarem Braga”.

A BTL é cada vez mais uma feira que atrai não só profissionais como também cativa o público em geral. Trata-se da maior montra da oferta turística a falar português e constitui uma oportunidade para conhecer novos destinos e soluções de viagens, juntando num só espaço vários operadores, desde hotelaria, viagens, transportes, entre muitos outros.

Em 2016, a feira recebeu mais de 75 mil visitantes durante os cinco dias de certame, dos quais 35 mil foram profissionais do sector.

Pós Tour BTL em Braga

Durante o fim-de-semana, estiveram em Braga mais de 20 operadores turísticos de países como Noruega, Polónia, Itália, Estados Unidos, Rússia, Brasil e França, uma iniciativa da Câmara Municipal em parceria com a Associação de Turismo do Porto e Norte (ATP).

“Continuamos assim a prosseguir a nossa estratégia de promoção do território para incrementar o Turismo levando ao crescimento das nossas empresas, mas também ao surgimento de oportunidades para novos projectos poderem singrar e assim sustentarmos o nosso desenvolvimento”, concluiu António Barroso.

BTL0bRAGA (2).jpg

 

BRAGA TEM PARQUE CANINO NO MONTE PICOTO

Monte Picoto passa a dispor de Parque Canino. Equipamento inaugurado hoje no âmbito do ‘Oxigenar Braga’

O Monte Picoto tem a partir de hoje uma nova atracção. O Parque Canino é mais um equipamento que o Município de Braga coloca à disposição da população Bracarense, assumindo-se como mais uma forma dinamizar aquele ‘pulmão verde’ da Cidade.

montepicoto (1).jpg

O parque canino é composto por vários equipamentos que permitem aos animais fazerem exercícios em salto, rampa, paliçada ou túnel. Esta é uma aposta que pretende tornar o Monte Picoto num espaço mais familiar e de convívio, de valorização do espaço que dispõe de uma vista privilegiada sobre a Cidade.

“Com a criação desta nova valência, queremos trazer uma ocupação contínua e permanente deste espaço, trazendo mais pessoas ao Picoto”, referiu Altino Bessa, vereador do Ambiente da Câmara Municipal de Braga.

A inauguração do Parque Canino realizou-se no âmbito do ‘Oxigenar Braga’, uma iniciativa que se estende até 22 de Março e que pretende assinalar o Dia Mundial da Floresta e o Dia Mundial da Água, assim como a chegada da Primavera. “Estamos a desenvolver a maior acção ambiental do País. Ao longo de seis dias o ‘Oxigenar Braga’ envolve diversas instituições em vários pontos do Concelho que, em colaboração com o Município, vão plantar mais de mil árvores”, explicou Altino Bessa.

Realizada em parceria com a Quinta Pedagógica, com as Eco-Escolas do Concelho de Braga e com a ASPEA - Associação Portuguesa de Educação Ambiental, esta é uma iniciativa de sensibilização ambiental dirigida a toda a população Bracarense, em especial às crianças e jovens com maior aptidão para a mudança de comportamentos.

Das diversas actividades previstas destaque para a realização, Amanhã, dia 19 de Março, de mais uma edição das ‘Aventuras pelo Ambiente’ com a caminhada pela ‘Via Romana XVIII – entre a Geira e as Sete Fontes’.

montepicoto (2).jpg

montepicoto (3).jpg

montepicoto (4).jpg

montepicoto (5).jpg

ENTIDADES BRACARENSES APRESENTAM NA BTL NOVO PARQUE DE EXPOSIÇÕES DE BRAGA

Novo Parque de Exposições de Braga apresentado na maior feira de turismo nacional. Maior e melhor espaço de congressos, exposições e eventos apresentado em Lisboa

A Câmara Municipal de Braga e a InvestBraga fizeram uma apresentação do novo Parque de Exposições de Braga (PEB) na Bolsa de Turismo de Lisboa, a maior feira nacional de turismo. Tratou-se de uma oportunidade para, junto de um conjunto de possíveis clientes, utilizadores e divulgadores, colocar na agenda este que será um espaço de referência no noroeste peninsular.

peb2.jpg

"A importância de divulgar este espaço, que será o maior a Norte do Douro, a operadores, agências de eventos, responsáveis de diversos organismos públicos e privados, bem como a jornalistas e bloggers, é um desiderato que tem vindo a ser cumprido para incrementar a futura actividade deste empreendimento que será único no contexto ibérico e decisivamente alavancará e consolidará Braga como local para a realização dos mais diversos eventos e iniciativas. O novo PEB será a verdadeira âncora que nos permitirá reforçar a actividade turística, nomeadamente no turismo de negócios, congressos e eventos" afirmou António Barroso do Gabinete de Apoio à Presidência da CMB.

José Coutinho, da InvestBraga, apresentou a panóplia de espaços e a modularidade da utilização deste espaço distinto e singular. "A InvestBraga está muito empenhada em oferecer uma dinâmica ao PEB como ele nunca teve. Vamos continuar com estas acções de divulgação a nível nacional e internacional, pois é importante captar novos eventos para que o PEB seja mais um elemento da afirmação internacional de Braga".

Já Melchior Moreira, Presidente da Entidade Regional de Turismo do Porto e Norte de Portugal, referiu que Braga tem feito um ´excelente trabalho de dinamização e promoção turística´. “Neste caso particular, o investimento no novo PEB vem oferecer um espaço único para reforçar a atractividade da região e será sem dúvida um instrumento fundamental de combate à sazonalidade e incremento da estadia média", afirmou.

PEB com novas valências

O PEB terá três áreas distintas e polivalentes: grande nave; centro de congressos; espaços exteriores. Nos espaços exteriores está incluída a criação de uma nova praça, o arranjo de todo o espaço expositivo exterior, com a criação de uma nova portaria, a criação de novas áreas verdes e de lazer e com uma eficaz integração urbana.

O Centro de Congressos terá um conjunto de novas valências, novas acessibilidades, um novo auditório, uma nova sala de congressos modular, sala de exposições polivalente, salas de reuniões, novos bares e zonas de acolhimento e auditório principal renovado. Polivalência e modularidade vão marcar este novo centro de congressos que irá ganhar também todas as condições necessárias em termos de climatização e acústica.

Para a Grande Nave, o projecto prevê a criação de uma galeria, deambulatório superior, aumento da área de exposição, novas áreas de bar e instalações sanitárias, novas áreas de camarins para artistas, novas salas de reuniões para clientes e uma nova teia para suspensão de equipamentos. Além da climatização, tratamento luminotécnico e acústico, a Grande Nave será polivalente e modular, permitindo a utilização parcial do espaço.

O projecto de requalificação inclui, igualmente, espaços complementares como um restaurante/self-service, que passará a estar integrado no corpo do edifício, uma cafetaria, bares e espaços para aluguer.

peb1.jpg

BRAGA COMEMORA DIA MUNDIAL DA FLORESTA E DIA MUNDIAL DA ÁGUA

‘Oxigenar Braga’ dá as boas-vindas à Primavera. Iniciativa decorre até dia 22 de Março

O Município de Braga realiza até 22 de Março a terceira edição do ‘Oxigenar Braga’, uma iniciativa que pretende assinalar o Dia Mundial da Floresta e o Dia Mundial da Água, assim como a chegada da Primavera.

CMB17032017SERGIOFREITAS0000005801.jpg

Realizado em parceria com a Quinta Pedagógica, com as Eco-Escolas do Concelho de Braga e com a ASPEA - Associação Portuguesa de Educação Ambiental, esta é uma iniciativa de sensibilização ambiental dirigida a toda a população Bracarense, em especial às crianças e jovens com maior aptidão para a mudança de comportamentos.

O programa de actividades arrancou hoje, 17 de Março, com a realização de um ‘peddy paper’ no Monte Picoto, que contou com a participação de uma centena de alunos das EB 2, 3 de Gualtar e Frei Caetano Brandão e, ainda, do Externato Infante D. Henrique.

Para este Sábado, 18 de Março, às 11h00, está agendada a realização de uma ‘Cãominhada’ e a inauguração do Parque Canino. À tarde, pelas 14h30, no Mosteiro de S. Martinho de Tibães decorre a palestra ‘O Homem e as Abelhas’. A iniciativa repete-se no dia 21, sendo dirigida a alunos do 2.º ciclo do ensino básico (5º e 6º anos).

No domingo, 19 de Março, destaque para a realização de mais uma edição das ‘Aventuras pelo Ambiente’ com a caminhada pela ‘Via Romana XVIII – entre a Geira e as Sete Fontes’.

O ponto alto do ‘Oxigenar Braga’ acontece no dia 21 de Março com a oferta de plantas na Biblioteca de Jardim da Avenida Central, com a visita ao horto de Frossos e com a plantação de árvores em IPSS, escolas e juntas de freguesia. Para este dia está ainda prevista a palestra ‘O Homem e as Abelhas’, no Mosteiro de Tibães, e a realização de sementeiras e outras plantações nas hortas inclusivas da Quinta Pedagógica.

CMB17032017SERGIOFREITAS0000005804.jpg

BRAGA: AGRO ASSINALA 50 EDIÇÕES COM PROGRAMAÇÃO DE EXCELÊNCIA

Certame arranca no dia 23 de Março

A 50.ª edição da AGRO – Feira Internacional de Agricultura, Pecuária e Alimentação arranca já na próxima Quinta-feira, dia 23 de Março, no Parque de Exposições de Braga, e prolonga-se até ao dia 26. O certame, organizado pela InvestBraga, é o mais importante do sector primário da região do Norte do país e da Galiza e conta com uma programação especial comemorativa pelas 50 edições.

CMB17032017SERGIOFREITAS0000005805.jpg

Com cerca de 250 expositores, as grandes novidades da 50.ª edição da Agro são a realização de uma Grande Conferência, no dia 24 de Março, com o apoio do Crédito Agrícola, durante a qual serão debatidos temas relevantes do sector, tais como a Política Agrícola Comum, a Reforma da Floresta, o futuro da viticultura, o financiamento do sector agrícola e da indústria agro-alimentar, empreendedorismo e inovação e a internacionalização da agricultura e da indústria agro-alimentar; e, no mesmo dia, a Grande Gala 50.ª AGRO, onde serão distinguidas personalidades e entidades que se têm destacado no sector e que conta ainda com a actuação de Aurea.

CMB17032017SERGIOFREITAS0000005806.jpg

“A AGRO tem vindo a crescer de ano para ano, não só em termos de número de expositores e visitantes, mas sobretudo no que toca à variedade da oferta, nomeadamente, temos muito mais conferências, seminários e workshops disponíveis para os profissionais e apostámos no reforço da área da agro-indústria. Este ano, em que se assinalam os 50 anos do certame, apresentamos uma programação de excelência”, explicou Carlos Oliveira, presidente da InvestBraga.

O programa contempla a realização de vários seminários dinamizados por instituições parceiras, sobre agricultura biológica e práticas de sustentabilidade agrícola.

Os concursos são também grandes atracções da Feira. Nesta edição, estreia-se o Concurso Avícola de Raças Autóctones. Fazem ainda parte do programa desta edição os Concursos Pecuários das Raças Arouquesa, Maronesa e Minhota, assim como o VI Concurso Pecuário Nacional da Raça Cachena, o 5º Concurso Pecuário da Raça Holstein Frísia e o 29º Concurso Nacional da Raça Barrosã.

No campo cultural e musical, além da actuação de Aurea, inserida na Grande Gala, ainda no dia 24, Daniel Pereira Cristo também subirá ao palco. No dia 25, actua Quim Barreiros e, no dia 26, há festival de folclore. Estará patente, ao longo do evento, uma exposição com os cartazes das 50 edições da AGRO.

Considerada a maior feira do sector na região Norte de Portugal e uma das maiores a nível nacional, a AGRO é a única do país a integrar a Eurasco – European Federation of Agricultural Exhibitions and Show Organizers. A AGRO faz igualmente parte das feiras acreditadas pela UFI – The Global Association of the Exhibition Industry, e a 50.ª edição do certame conta com a presença de um representante desta associação.

CMB17032017SERGIOFREITAS0000005808.jpg

BRAGA INAUGURA PARQUE CANINO DO PICOTO

Amanhã, Sábado, dia 18 de Março, pelas 11h00, no Monte Picoto, Braga

O Município de Braga inaugura o Parque Canino do Picoto amanhã, Sábado, dia 18 de Março, pelas 11h00, no Monte Picoto, em Braga.

OX Cartaz.jpg

A iniciativa contará com a presença de Altino Bessa, vereador do Ambiente da Câmara Municipal de Braga.

A inauguração do Parque Canino realiza-se no âmbito do ‘Oxigenar Braga’, uma iniciativa que se estende até 22 de Março e que pretende assinalar o Dia Mundial da Floresta e o Dia Mundial da Água, assim como a chegada da Primavera. Após a inauguração do Parque Canino, terá lugar uma ´Cãominhada’.

Em anexo, segue o programa completo do ‘Oxigenar Braga’.

EXECUTIVO MUNICIPAL DE BRAGA REALIZA REUNIÃO PÚBLICA

Segunda-feira, dia 20 de Março, pelas 09h30, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, Braga

O Município de Braga realiza na próxima Segunda-feira, dia 20 de Março, pelas 09h30, uma Reunião pública do Executivo Municipal, no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

No final da referida Reunião, o Presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, estará disponível para esclarecimentos adicionais, assim como os vereadores eleitos pelo Partido Socialista e pela CDU.

Em análise estarão, entre outros assuntos, os contratos das empreitadas referentes aos Centros Escolares de Gualtar e São Lázaro; as normas de participação na próxima edição da Braga Romana; a expropriação de parcelas de terreno com vista ao alargamento da Rua da Igreja, em Palmeira; a proposta de pareceria institucional a celebrar com a Banda Musical de Cabreiros, e contratos interadministrativos de Delegação de Competências e apoios financeiros.

A ordem de trabalhos desta Reunião, bem como a acta da Reunião anterior, está disponível para download emhttps://goo.gl/7ETwJX

BRAGA VAI TER CONDICIONAMENTOS DE TRÂNSITO

Condicionamentos à normal circulação de trânsito

O Município de Braga informa que, devido aos trabalhos de desmontagem da travessia sobrelevada da Rua do Caires, haverá condicionamentos de trânsito na referida artéria nos dias 20, 21 e 22 de Março.

A desmontagem irá iniciar-se na Segunda-feira, dia 20 de Março, sendo que a interrupção pontual da Rua do Caires irá ocorrer nas noites dos dias 21 e 22 de Março, das 20h00 às 07h00.

PROGRAMA DE EDUCAÇÃO OLÍMPICA ARRANCOU EM BRAGA

Iniciativa do Comité Olímpico em parceria com o Município

Teve início esta semana, em Braga, o Programa de Educação Olímpica, uma iniciativa promovida pelo Comité Olímpico de Portugal em parceria com o Município de Braga. Este é um processo de formação destinada a professores que serão responsáveis pela implementação do programa nos Agrupamentos de Escolas do Concelho.

Educação Olímpica 1.jpg

Este programa é dirigido de forma mais específica aos alunos do 1.º ciclo do ensino básico, não descurando a participação dos restantes níveis de ensino. A iniciativa pretende promover junto dos mais novos os ideais olímpicos da amizade, da excelência e do respeito, valores associados ao fenómeno desportivo mas que devem ser também cultivados na vida pessoal dos atletas.

De referir que Braga é o terceiro município do país a implementar este novo programa formativo que prevê a realização de trabalhos em contexto sala de aula, experimentação de modalidades olímpicas, troca de experiências com atletas olímpicos e, ainda, visita às instalações do Comité Olímpico de Portugal.

Nesta primeira fase do programa participam os Agrupamentos de Escolas Alberto Sampaio, André Soares, Braga Oeste, Carlos Amarante, Sá de Miranda, Escola Calouste Gulbenkian, Externato Infante D. Henrique, Colégio Luso-Internacional de Braga, Colégio João Paulo II e Colégio Leonardo da Vinci.

Educação Olímpica 2.jpg

RUSGA DE S. VICENTE DE BRAGA ASSINALA DIA DO PAI

Tendo por principal objectivo a celebração do dia do Pai a 19 de Março, dia de São José, a Rusga de São Vicente de Braga - Grupo Etnográfico do Baixo Minho  inaugura  amanhã, dia 17, sex, pelas 15:30h, na Delegação da Fundação INATEL em Braga, Av. Central, nº 77, o primeiro, dos quatro 'pontos expositivos', da exposição "Lenços de Amor, versos ao PAI: Do Pai da terra, ao Pai do Céu".

lenço1.PNG

Às16:00h, seguir-se-á a inauguração do segundo ponto expositivo, localizado na Faculdade de Filosofia e Ciências Sociais da Universidade Católica Portuguesa em Braga, sita na Praça da Faculdade de Filosofia (Largo das Teresinhas), nº 1, e, às 16:30h, será a vez da inauguração do 'ponto expositivo' três, no Agrupamento de Escolas Sá de Miranda, rua Dr. Domingos Soares. O quarto e último ponto expositivo, situa-se no edifício do Instituto de Ciências Sociais do 'Campus de Gualtar' da Universidade do Minho e, será inaugurado às 17:30h. Refira-se a propósito que, as duas instituições universitárias sediadas em Braga constituem, conjuntamente com a Rusga o "Arco Cultural", uma parceria tripartida, que surge em 2014, para a realização das 'Conferências Rusgueiras'.  

Esta exposição resulta, ou melhor, é consequência, do sucesso alcançado, com a realização da primeira exposição sob a designação; “Lenços de Amor, versos à Mãe”, levada a efeito em 2011, também em três espaços públicos da cidade. Das apreciações positivas então recolhidas, foram significativas as inúmeras solicitações de voltar a repor aquele projecto expositivo. Quer pelo carácter inovador que o mesmo apresentava, - ao nível das novas linguagens e abordagens plásticas -, quer na singularidade da reinterpretação da temática dos “Lenços de Amor” e/ou Lenços Temáticos".

Assim, Dona Esperança, a “bordadeira de serviço”, logo acedeu ao repto lançado. Só que desta vez, em vez da Mãe, quem iria ser  iria ser contemplado seria o Pai. Dito e feito. As peças, ou melhor, os 50 “Lenços de Amor” dedicados ao Pai, mais que um mero produto artístico, traduzem sentimentos e estados d’alma da própria. As quadras, a cor das linhas usadas e os motivos a que recorre, tudo faz parte de um jogo policromático, que tem por único objectivo, enaltecer, reconhecer e agradecer ao seu e, aos restantes Pais do mundo.

Paralelamente à exposição, é sempre levado a efeito uma edição dos nossos "Serões no Burgo/Tertúlias Rusgueiras", inerente à temática em questão, cujo tema será: - "Lenços de Amor, versos ao Pai - Os afectos no masculino...".

lenço2.PNG

lenço3.PNG

lenço4.PNG

lenço5.PNG

CIAB PRESTA SERVIÇO DE EXCELÊNCIA

Comemoração dos 20 anos da estrutura decorreu na sede da ACB

Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, participou hoje, dia 15 de Março, na comemoração dos 20 anos do CIAB – Tribunal Arbitral de Consumo, que decorreu no Salão Nobre da Associação Comercial de Braga.

CMB15032017SERGIOFREITAS0000005766.jpg

O CIAB nasceu em Braga e a sua intervenção abrange actualmente 19 Municípios de três distritos - distribuídos por parte do distrito de Braga, a totalidade dos Concelhos de Viana do Castelo e o distrito de Vila Real, com o Concelho de Montalegre.

Como sublinhou o Edil, o CIAB tem vindo a desenvolver um ´trabalho notável´ nestas duas décadas, prestando um ´serviço público de excelência´ para a população da região. “Estamos a falar num universo territorial que abrange cerca de 700 mil pessoas, um número bastante relevante a nível nacional. Em boa hora o Município se associou e empenhou no sucesso desta parceria, à qual temos dado continuidade”, afirmou.

De acordo com o Autarca, este projecto tem também o mérito de ´promover a cooperação interinstitucional´. “É sempre extremamente positivo trabalharmos em conjunto para servir a comunidade no seu todo. O CIAB tem cumprido exemplarmente as funções que lhe têm sido confiadas, demonstrando que se trata de um meio bastante mais eficiente e económico para arbitrar os potenciais conflitos que vão existindo, aligeirando desse modo os encargos que teriam de ser suportados pelo sistema judicial tradicional na resolução desses conflitos”, disse, referindo que uma ´ maior e mais justa redistribuição de verbas pelos Centros de Arbitragens´ criaria condições para que se cumprisse ainda mais cabalmente a sua missão de reduzir focos de entropia no processo judicial tradicional.

A iniciativa contou também com as intervenções de Ana Catarina Fonseca, Directora-Geral da Direcção Geral do Consumidor, e Domingos Macedo Barbosa, presidente da Associação Comercial de Braga.

No âmbito das comemorações, realizou-se ainda a Conferência “CIAB – 20 anos a resolver conflitos de consumo” e foi inaugurada a exposição “1997/2017: 20 anos do CIAB – Tribunal Arbitral do Consumo”.

CMB15032017SERGIOFREITAS0000005767.jpg

CMB15032017SERGIOFREITAS0000005769.jpg

BRACARENSES DEBATEM ORÇAMENTO PARTICIPATIVO

Projecto do Orçamento Participativo 2016: Serviço de Apoio Domiciliário vem dotar Lomar e Arcos de uma resposta social urgente´

O presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, marcou presença esta Quarta-feira, 15 de Março, na cerimónia de inauguração do projecto ´Apoio Domiciliário – Ajuda Feliz´, um dos vencedores do Orçamento Participativo 2016, tendo recebido um apoio financeiro de 85 mil euros para execução.

CMB15032017SERGIOFREITAS0000005773.jpg

O Apoio Domiciliário será desenvolvido a partir de uma estrutura já existente, nas instalações da União das Freguesias de Lomar e Arcos que, para o efeito, sofreram obras de ampliação e remodelação das instalações de modo a garantirem as melhores condições de funcionamento e higiene.

Como explicou o Autarca, o Orçamento Participativo, “além de dar voz aos cidadãos, tem o condão de lhes entregar o poder de decisão sobre aquilo que é a gestão municipal e de alocar os recursos disponíveis no orçamento municipal em sede de investimento”. Para Ricardo Rio, este é “um exercício contínuo de renovação e fortalecimento da democracia local, que tem permitido a concretização de projectos excepcionais em todo o Concelho”.

A ampliação e remodelação do edifício permitiu criar um gabinete de direcção/atendimento, um gabinete médico, um gabinete de trabalho, um sanitário do pessoal com acesso a pessoas de mobilidade condicionada, um vestiário destinado ao pessoal, uma cozinha, uma arrecadação de produtos alimentares, um espaço para lixo selectivo e acesso exterior. Está, também, previsto um armário destinado a armazenar os produtos de limpeza. As áreas de todos os compartimentos respeita o definido na lei que estabelece as condições a que deve obedecer a instalação e funcionamento do Serviço de Apoio Domiciliário.

Trata-se de um projecto de intervenção na área social que Ricardo Rio considera “uma demonstração inequívoca da utilidade do Orçamento Participativo e da sua capacidade de satisfazer necessidades concretas da população”.

Esta resposta social destina-se a apoiar em situação de emergência social e alerta, em contextos de isolamento físico e social e situações de pobreza das pessoas e famílias, em que não estejam asseguradas as necessidades básicas da vida diária.

O projecto de Serviço de Apoio Domiciliário, que será dinamizado pelo Centro Cultural e Social de S. Pedro de Lomar, ganha especial relevância e ´urgência´ pelo facto de não existir esta valência para a população idosa nesta zona do Concelho, onde cerca de oito mil habitantes.

Com esta intervenção criaram-se condições para o funcionamento de um serviço de serviço de apoio domiciliário envolvendo cerca de 40 utentes, estando o Centro Social a aguardar a aprovação do acordo com a Segurança Social.

CMB15032017SERGIOFREITAS0000005774.jpg

CMB15032017SERGIOFREITAS0000005775.jpg

CMB15032017SERGIOFREITAS0000005778.jpg

IMG_5675A (1).jpg

IMG_5686A (1).jpg

IMG_5695A (1).jpg

IMG_5701A (1).jpg

BRAGA REALIZA CONCURSO JOVENS CRIADORES

Concurso Jovens Criadores com inscrições até 31 de Março

Continuam abertas até 31 de Março, as inscrições para a segunda edição do ‘Concurso Jovens Criadores’. Promovido pelo Município de Braga, o concurso tem como tema o ‘Bom Jesus - Património da Humanidade’, desafiando os jovens Bracarenses a darem largas à sua imaginação na criação de peças de vestuário inspiradas no Sacro Monte Bracarense.

cc2017.jpg

Esta segunda edição conta com o apoio da estilista bracarense Elsa Barreto, que será a mentora dos concorrentes e, juntamente com outros profissionais da área, irá orientar e auxiliar durante todo o processo de elaboração dos trabalhos.

O concurso destina-se a jovens naturais ou residentes no Concelho de Braga, ou estudantes em instituições de ensino do Concelho, com idades compreendidas entre os 18 e os 30 anos, com ou sem formação na área da criação de moda.

O regulamento do concurso está disponível no site do Município (https://goo.gl/a9Shml) e as inscrições deverão ser efectuadas através do endereço electrónico juventude@cm-braga.pt até 31 de Março.

Após esta fase, segue-se a selecção dos concorrentes até 14 de Abril, passando, posteriormente, à fase de elaboração dos projectos e preparação do Desfile Final. Esta segunda fase decorre de 1 de Maio e 30 de Junho e os candidatos seleccionados terão direito a um apoio monetário no valor de 100 euros, para ajuda com os custos de produção dos trabalhos.

O desfile final, que encerra este projecto, terá lugar a 7 de Julho, na Colunata de Eventos do Bom Jesus. Neste desfile os concorrentes irão apresentar os seus trabalhos e o júri determinará os jovens vencedores, cabendo ao primeiro lugar o prémio de 1.500 euros, 1.000 euros para o segundo lugar e 750 euros para o terceiro classificado.

RALLY DE PORTUGAL: SAIBA TUDO O QUE É PRECISO!

O Percurso

O percurso do Braga Street Stage terá uma extensão de 1.900 metros, iniciando-se na Praça do Comércio, junto ao Mercado Municipal. Depois de passar pela Travessa do Carmo até à Igreja do Carmo, os participantes terão de descer em direção ao edifício GNRation, passando pela Avenida Visconde de Nespereira, Campo da Vinha e Praça Conde de Agrolongo até estabelecer ligação com a Rua D. Frei Caetano Brandão.

O trajeto contempla ainda uma passagem pelo interior da Praça do Município, até à Sé, contornando na Rua D. Paio Mendes até ao largo das Carvalheiras e descendo até à Rua S. Miguel o Anjo. Além disso, este percurso inclui ainda todo o Campo das Hortas, a Rua Andrade Corvo fazendo ligação com a Rua dos Biscainhos, terminando junto ao Largo do Pópulo, à entrada da Rua do Alferes Alfredo Ferreira.

mapabragaral.PNG

Bancadas

O percurso estará infra-estruturado com seis bancadas fechadas (cujo acesso está limitado a quem possui bilhetes) que comportam cerca de 3.000 espetadores. Apesar de o acesso a grande parte do perímetro da classificativa ser livre, existirão seis bancadas de acesso pago, uma bancada em frente à Igreja do Carmo, duas bancadas VIP localizadas na Praça do Pópulo, duas bancadas na Praça do Município, uma bancada na Rua Andrade Corvo, no Jardim público contíguo ao Museu dos Biscainhos. Existirá ainda uma zona de convidados na Praça do Pópulo, que coincidirá com as bancadas VIP. Os preços dos bilhetes são de 25€ para a bancada público e de 100€ para a bancada VIP.

As bancadas estarão acessíveis ao público a partir das 11h00 do dia 19 de Maio de 2017.

Crianças dos 3 e os 6 anos de idade têm entrada gratuita, desde que acompanhadas por um adulto, e crianças dos 7 e os 12 anos de idade têm um desconto de 50 por cento desde que acompanhadas por um adulto.

Existe a possibilidade de adquirir bilhetes com descontos através de dois packs:

Pack Silver (de 20 a 50 bilhetes) tem um desconto de 20%

Pack Gold (de 51 a 100 bilhetes) tem um desconto de 30%

Os bilhetes poderão ser adquiridos no Posto de Turismo de Braga ou online através do site do evento: www.bragarallydeportugal.pt  ou em www.rallydeportugal.pt.

Para além das zonas de bancadas, serão criadas Fanzone, em áreas limítrofes ao percurso, onde será possível vivenciar a envolvência da prova, zonas estas que terão áreas de visualização e animação temática.

programarally.PNG

Mobilidade

Este é um evento que a Câmara Municipal de Braga está a preparar cuidadosa e detalhadamente com o Automóvel Clube de Portugal há meses, pois esta etapa em Braga assume-se, desde já, como a principal novidade do calendário anual desta prova portuguesa do WRC.

A operação implica a montagem de um verdadeiro circuito urbano de competição no coração da Cidade. Para que os constrangimentos inerentes à passagem desta “especial” pelo Centro Histórico de Braga sejam reduzidos ao mínimo indispensável temos vindo a trabalhar arduamente com inúmeras entidades, bem como com as forças de segurança, no sentido de estudarmos cuidadosamente e meticulosamente todas as opções a tomar.

No dia 19 de Maio de 2017, segundo dados estimados pela Protecção Civil, são esperados em Braga cerca de 200 mil pessoas.

A Câmara Municipal de Braga, em estreita colaboração com os TUB e a CP desenvolveram um plano de transportes e mobilidade para facilitar a entrada de pessoas na cidade, o acesso às zonas de estacionamento e os transportes das zonas de estacionamento para o circuito da Super Especial de Braga do Vodafone Rally de Portugal.

Cartaz Braga SS Rally de Portugal 2017.jpg

RALLY DE PORTUGAL MOSTRA BRAGA AO MUNDO

Ricardo Rio, Presidente da Câmara Municipal de Braga: “Também por isto, queremos que o Mundo olhe para Braga!”

Segundo o Presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, “Um estudo realizado pelo Centro Internacional de Investigação em Território e Turismo da Universidade do Algarve, coordenado pelo Professor Fernando Perna, revela que a receita total gerada pela edição 2016 do WRC Vodafone Rally de Portugal na economia do turismo do Porto e Norte de Portugal, assegurada por adeptos e equipas, atingiu valores históricos na ordem dos 129 milhões de euros”.

CMB14032017SERGIOFREITAS0000005724.jpg

Destes, cerca de 68 milhões de euros, ou seja cerca de 52%, foram gerados por parte de adeptos, equipas e organização.

Este valor de 129,3 milhões de euros em 2016 representa um montante absoluto de todo inequívoco sobre a dimensão deste evento, traduzindo simultaneamente um crescimento a preços correntes de +1,5% face à edição 2015 do Rally de Portugal ou +18,1% face a 2014. Estes números são o reflexo da consolidação do WRC Vodafone Rally de Portugal a norte como o maior evento desportivo e turístico regularmente organizado no país.

Ricardo Rio sublinha ainda “a audiência acumulada da prova estimada em quase 100 milhões de espectadores, que geraram um impacto adicional indireto superior a 62 milhões de euros potenciando ainda mais retorno para a economia do turismo e imagem do destino”. Por isso, refere o Autarca, “também por isto, queremos que o Mundo olhe para nós! Para Braga e para Portugal”.

O enorme trabalho desenvolvido por várias entidades na organização deste evento único são de igual modo de realçar. Para Ricardo Rio, “é extraordinário o actual cenário de cooperação entre as várias entidades, em particular as forças de segurança, como a PSP, a GNR, a Protecção Civil, entre outros entidades externas, que de forma exemplar desde há largos meses têm trabalhado em parceria para que seja possível montar este grande evento, minimizando os inconvenientes eos transtornos aos nossos comerciantes e cidadãos, garantindo toda a segurança do evento que colocará Braga além-fronteiras pelos melhores motivos”.

MINHO É O MELHOR CENÁRIO PARA A REALIZAÇÃO DO RALLY

Pedro Almeida, Diretor de Prova Vodafone Rally de Portugal: “Braga traz mais espetacularidade ao Rally quer para os pilotos e público, quer como cenário para transmissão televisiva para todo mundo”

O Vodafone Rally de Portugal 2017 surge renovado com muitas novidades no seu itinerário, mas fiel a uma estrutura consolidada que tem merecido os maiores elogios por parte dos pilotos, das equipas e da imprensa nacional e internacional.

Segundo Pedro Almeida, Diretor do Vodafone Rally de Portugal a dupla classificativa em pleno centro histórico de Braga “torna ainda mais atrativa e espetacular esta prova, quer para os pilotos, quer para o público, quer ainda como cenário para transmissão televisiva para todo o mundo”.

programarally.PNG

RALLY DE PORTUGAL CORRE APENAS NO MINHO

Rally de Portugal no seu 50.º Aniversário decorre integralmente no Norte do País

O Vodafone Rally de Portugal, a maior prova de desporto motorizado em Portugal e pontuável para o Campeonato do Mundo de Rally, realiza em 2017 a sua 50º edição.

mapabragaral.PNG

Este ano o Rally, que vai acontecer entre os dias 18 e 21 de maio, realiza-se pelo terceiro ano consecutivo no Norte do país.

Mantendo a tradição dos últimos anos, a prova sairá da cidade de Guimarães, sendo que o arranque competitivo será em Lousada.

Os espectadores poderão assistir ao shakedown em Baltar, concelho de Paredes, na manhã do dia 18.

O segundo dia de prova inicia-se em Viana do Castelo, passando por Caminha, Ponte de Lima e terminando o dia com a super especial no centro histórico da cidade de Braga.

No sábado, o rally segue para um troço totalmente remodelado, iniciando-se em Vieira do Minho, seguindo depois para Cabeceiras de Basto e terminando em Amarante.

No último dia, a prova começa como é tradição em Fafe, seguindo para dois novos troços em Luínhas e Montim que não integraram os últimos itinerários.

BRAGA RECEBE O MELHOR RALLY DO MINDO

‘Braga Street Stage’ – Rally de Portugal 2017 a 19 de Maio 2017

A prova especial urbana do Vodafone Rally de Portugal 2017 – pontuável para o Campeonato do Mundo de Rally - será disputada em Braga a 19 de Maio, numa extensão de 1,9 km.

CMB14032017SERGIOFREITAS0000005721.jpg

Esta classificativa será realizada, estrategicamente, no centro histórico da Cidade de Braga, deixando vislumbrar imagens como a bimilenar Sé de Braga ou o belíssimo Arco da Porta Nova, símbolos maiores de uma Cidade histórica, como pano de fundo de um dos mais importantes, imponentes e mediáticos eventos desportivos do Mundo.

A ‘Braga Street Stage’ acontece precisamente no ano em que o Vodafone Rally de Portugal comemora o seu 50.º Aniversário e, sendo um evento único no País, será transmitido para todo o mundo e contará um alcance de mais de 100 milhões de espectadores.

Estarão presentes mais de 100 concorrentes e viaturas de competição inscritas na FIA – Federation Internationale de L’Automobile e cerca de 20 concorrentes e viaturas clássicas de competição.

CMB14032017SERGIOFREITAS0000005724.jpg

CMB14032017SERGIOFREITAS0000005726.jpg

CMB14032017SERGIOFREITAS0000005716.jpg

Cartaz Braga SS Rally de Portugal 2017.jpg

BRAGA APRESENTA "SUPER ESPECIAL" DO RALLY DE PORTUGAL

Apresentação da ‘Super Especial’ do Rally de Portugal ‘Braga Street Stage’

Amanhã, Terça-feira, dia 14 de Março, pelas 16h00, na Praça do Município, Braga

O Município de Braga apresenta o ‘Braga Street Stage’, a ‘Super Especial’ do Rally de Portugal, amanhã, Terça-feira, dia 14 de Março, pelas 16h00, na Praça do Município, em Braga.

A iniciativa contará com a presença de Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, de Melchior Moreira, do Turismo Porto e Norte, e de diversos representantes de entidades, como a FIA, o ACP, a FPAK, entre outros.

A 19 de Maio, Braga irá receber um dos mais importantes e mediáticos momentos do Rally de Portugal. A ‘Braga Street Stage’ trará todo o espectáculo ao Centro Histórico da Cidade, naquela que será uma das mais emblemáticas ‘Super Especiais’ de sempre.

BRAGA LEVA O MELHOR DO TURISMO RELIGIOSO A WORKSHOP INTERNACIONAL

O Município de Braga, em parceria com o Município de Ourém, e a ACISO (Associação Empresarial Ourém – Fátima), marcou presença no V Workshop Internacional de Turismo Religioso.

Fátima 2.jpg

Participaram neste Workshop, operadores turísticos nacionais e internacionais, agentes de viagem e hoteleiros, entre outros empresários do sector do turismo, especialmente vocacionados para o turismo religioso assim como jornalistas e bloggers.

O evento contou com mais de 700 participantes, com destaque para os mais de 130 operadores turísticos, provenientes de mercados como: Brasil, Espanha, França, Irlanda, Itália, Polónia, Alemanha, Indonésia, Israel, Filipinas, Colômbia, Canadá, Estados Unidos da América, Uruguai, Bolívia, Vietname, Argentina, Bélgica entre outros.

Em representação do Município de Braga, António Barroso afirmou que “temos vindo a desenvolver um trabalho de criação de redes e parcerias com territórios estratégicos para desenvolvermos um trabalho comum de promoção. Estamos focados em divulgar aos operadores e jornalistas internacionais toda a nossa oferta turística, mas sobretudo a nossa localização estratégica e acessibilidades competitivas. Estamos a cerca de duas horas de Fátima e Santiago de Compostela, os dois maiores centros religiosos da Península Ibérica e onde queremos reforçar a nossa presença”, explicou, acrescentando que “estamos convictos do grande contributo que este executivo municipal tem dado para abrir Braga e colocar o concelho no radar internacional aos mais variados níveis de atractividade.” 

Com uma oferta hoteleira em crescimento, uma restauração de qualidade e pujante, um comércio atractivo e dinâmico e todo um conjunto de recursos turísticos de excelência, Braga tem hoje excepcionais condições para reforçar a sua dinâmica turística.

Presente neste workshop, Ana Mendes Godinho, Secretária de Estado do Turismo reiterou “a importância do trabalho em conjunto, em cooperação, sem os tais preconceitos entre a religião, a espiritualidade, mas com o objectivo comum da dinamização económica com elevado retorno para todos. Estas são iniciativas fundamentais para a promoção de Portugal como destino de caminhos, de encontro de soluções, de diálogo e de paz.”

A Secretária de Estado ficou sensibilizada para a importância de apoiar eventos de dimensão relevante e distintos, como a Semana Santa de Braga, entre outros, sendo estes eventos que permitem combater a sazonalidade e reforçar a permanência dos turistas no território e contribuir decididamente para a afirmação internacional de Braga e do País.

Neste evento, o espaço promocional de Braga contou com várias acções de divulgação, com destaque à Semana Santa, à Sé Catedral, ao Caminho de Santiago, ao Bom Jesus, ao Mosteiro de Tibães, as várias festas e romarias com destaque para o S. João e também o singular presépio vivo de Priscos uma das maiores recriações. Grande destaque mereceu também o segundo maior santuário mariano nacional, o Santuário do Sameiro.

Operadores em visita reforçam o destino Braga

De domingo até segunda-feira, operadores internacionais inscritos no V Workshop Internacional de Turismo Religioso estão em Braga onde terão oportunidade de ver e sentir in loco as riquezas turísticas, a localização e acessibilidades, o comércio e o acolhimento que só os Bracarenses sabem proporcionar.

A organização deste `post tour`, em articulação com a Associação de Turismo do Porto e Norte (ATP), vem reforçar a notoriedade do destino Braga nos circuitos do turismo religioso. Estas acções inserem-se na estratégia do Município de estimular e desenvolver a economia do Concelho através do turismo, onde a afirmação internacional e o estabelecimento de parcerias com parceiros estratégicos são fundamentais para fortalecer a atractividade aos mais variados níveis.

Fátima 5.jpg

BRAGA: RICARDO RIO INAUGURA POLIDESPORTIVO DAS PARRETAS

Projecto foi um dos vencedores do Orçamento ‘Tu Decides!’ 2016

O presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, inaugurou hoje, 11 de Março, o novo Campo Polidesportivo das Parretas, cujo projecto foi um dos vencedores do Orçamento Participativo Jovem ‘Tu Decides!’ de 2016.

CMB11032017SERGIOFREITAS0000005657.jpg

‘Desporto é nas Parretas: crescer e remodelar’ - assim se denomina o projecto ao qual foi atribuído cerca de 20 mil euros -, e que consistiu na requalificação espaço existente contíguo à EB1 das Parretas, no sentido de dotar o espaço de melhores condições para a prática desportiva, beneficiando não apenas os alunos daquele estabelecimento de ensino, como também os moradores do bairro e toda a comunidade envolvente.

Na ocasião, Ricardo Rio referiu que este é, na prática um excelente exemplo da forma como o Orçamento ‘Tu Decides!’ lançado pelo Município poderá funcionar a favor da comunidade e dos cidadãos. “A Associação de moradores deu aqui um excelente exemplo no lançamento desta proposta e este projecto nasce com todo o mérito para esta comunidade. É de louvar o trabalho desenvolvido por esta Associação que deverá ser hoje uma referência”, explicou Ricardo Rio, adiantando que o Orçamento “Tu Decides”, assume-se, actualmente, como “um dos principais meios da participação cívica dos mais jovens na construção da Cidade”. “Esta é uma iniciativa que se tem pautado pela diversidade de projectos apresentados e por uma forte adesão dos jovens ao processo de votação. Tem sido orientação estratégica do Município a inclusão da população como parte activa nas decisões em diversas áreas de intervenção municipal”, sustentou o Edil na cerimónia que contou ainda com a presença da vereadora do Desporto e Juventude Sameiro Araújo.

O Orçamento ‘Tu Decides!’ é uma iniciativa desenvolvida pelo Município de Braga, em articulação com Conselho Municipal de Juventude, com o objectivo aproximar os cidadãos mais jovens dos órgãos de decisão, promover o diálogo e participação de todos na definição das políticas públicas, assim como auscultar os jovens acerca dos projectos que gostariam de ver implementados na sua Cidade.

O ‘Tu Decides!’ dirige-se a jovens entre os 16 e os 35 anos de idades que, de forma individual ou colectiva, têm assim a oportunidade de submeter candidaturas de projectos especificamente desenvolvidos por jovens e, preferencialmente, tendo como público-alvo a população jovem.

CMB11032017SERGIOFREITAS0000005660.jpg

CMB11032017SERGIOFREITAS0000005667.jpg

CMB11032017SERGIOFREITAS0000005668.jpg

BRAGA RECEBE CONCERTO DE JAZZ

Jazz em Braga: QUINTETO TALMOR – IRNIGER “COUNTERPOINTS” quinta 16 março 21h30 @ Pedro Remy

jazzbrag.jpg

QUINTETO TALMOR – IRNIGER “COUNTERPOINTS” NO ESPAÇO CULTURAL PEDRO REMY

Quinta-feira, 16 de Março, pelas 21h30, o espaço cultural Pedro Remy, em Braga, recebe o quinteto Talmor - Irniger “CounterpointS”.para uma apresentação do álbum Subway Lines (2016).

com 

Ohad Talmor - Sax Tenor 
Christoph Irniger -Sax Tenor 

André Fernandes – Guitarra

Demian Cabaud – Contrabaixo

Vinnie Sperrazza – Bateria

Ohad Talmor é um gigante compositor, arranjador, intérprete e líder, nascido em França, com raízes em Israel, cresceu na Suíça e reside há longos anos em Brooklyn (EUA). A sua experiência passa por trabalhos ao lado dos músicos mais reconhecidos a nível internacional, como Dan Weiss, Lee Konitz, Jason Moran, Joshua Redman, Chris Cheek, Dave Douglas, Carla Bley, Kurt Rosenwinkel, Fred Hersh, Joe Lovano, entre tantos outros. Dedica-se ao estudo da música e herança hindustani, para além dos diversos projetos nos quais colabora como compositor e saxofonista, e lecciona em Geneve e em Nova York, juntando todas essas experiências e vivências como inspiração para a sua música.

Lidera este grupo com Christoph Irniger, um dos mais ativos músicos e compositores suíços, de destaque na sua geração, que conta já com seis discos como líder, de entre os mais de vinte títulos que gravou até agora.

CounterpointS irão apresentar Subway Lines, editado em 2016 pela Fresh Sound New Talent Records.

Imperdível!

Pedro Remy - Cabeleiro & Espaço Cultural

Rua D. Gualdim Pais, 40 (Junto à Sé)

4700-442, Braga

Com o apoio da RUM - Rádio Universitária do Minho

BRAGA «BRAGA STREET STAGE» RALLY DE PORTUGAL

Terça-feira, dia 14 de Março, pelas 16h00, na Praça do Município em Braga

O Município de Braga realiza uma sessão pública de apresentação da Braga Street Stage do Rally de Portugal, que ocorrerá na próxima terça-feira, dia 14 de Março de 2017, pelas 16h00, na Praça do Município, na Cidade de Braga.

kartbrag.jpg

A iniciativa, que contará com as presenças de Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, de Melchior Moreira, do Turismo Porto e Norte, e das mais variadas entidades, como a FIA, o ACP, a FPAK, entre outros, contará de igual modo com a presença de nomes maiores do desporto automóvel nacional e internacional, que se associarão desta forma à realização desta prova citadina que decorrerá em pleno centro histórico de Braga no dia 19 de Maio de 2017.

Nesta sessão pública serão apresentados em detalhe todos os pormenores do evento, como percurso, informações de segurança, localização de bancadas, zonas de acessos, bilhética, e planos de mobilidade, bem como informação desportiva do evento.

kartbrag.png

BRAGA INAUGURA OBRAS DE REQUALIFICAÇÃO DO POLIDESPORTIVO DAS PARRETAS

Inauguração das obras de requalificação do Polidesportivo das Parretas. Amanhã, Sábado, dia 11 de Março, pelas 17h30, junto à EB1 das Parretas, Braga

O Município de Braga inaugura, amanhã, pelas 17h30, junto à EB1 das Parretas, em Braga, as obras de requalificação do Polidesportivo das Parretas.

A iniciativa contará com a presença de Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, e da vereadora do Desporto, Sameiro Araújo.

A requalificação do Polidesportivo das Parretas é um projecto resultante do Orçamento ‘Tu Decides!’, uma iniciativa desenvolvida pelo Município de Braga, em articulação com CMJ, com o objectivo aproximar os cidadãos mais jovens dos órgãos de decisão, promover o diálogo e participação de todos na definição das políticas públicas, assim como auscultar os jovens acerca dos projectos que gostariam de ver implementados na sua Cidade.

BRAGA ESPERA 10 MIL EM CORRIDA SOLIDÁRIA

Caminhada solidária realiza-se a 2 de Abril com o apoio do Município. AIA espera dez mil a percorrer as ruas de Braga

A 2 de Abril, Braga volta a caminhar a favor da inclusão e apoio ao Autista. Pelo Autismo, todos os passos contam, é o mote da VIII Caminhada Solidária promovida pela AIA - Associação para a Inclusão e Apoio ao Autista, que este ano espera atingir os dez mil participantes.

CMB10032017SERGIOFREITAS0000005648.jpg

A iniciativa, que se realiza no dia das comemorações do Dia Mundial para a Consciencialização do Autismo, foi apresentada esta Sexta-feira, 10 de Março, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, e contou com a presença do presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, que enalteceu o trabalho “pró activo” desenvolvido pela AIA com vista a “garantir a sua sustentabilidade, em prol de uma causa meritória”. Um trabalho que, segundo o Autarca, “merece o apoio de todos os Bracarenses”.

A Caminhada tem um percurso aproximado de 5 km, com partida na Avenida Central, pelas 10h00, percorrendo a Avenida da Liberdade, Avenida João XXI até à Rotunda Ibero-Americana (junto ao hotel Meliã), fazendo o regresso pela Avenida 31 de Janeiro até terminar na Avenida Central.

Os interessados em participar podem efectuar a sua inscrição em qualquer loja Pingo Doce da Região, nas instalações da AIA, nas farmácias Alvim, Gomes e Martins, nas Juntas de Freguesia ou no próprio local do evento, tendo as mesmas o custo simbólico de 2,5€, com oferta de um kit de participação.

Além de Ricardo Rio, a apresentação da Caminhada contou com a presença da vereadora do Desporto, Sameiro Araújo, e do presidente da AIA, Eduardo Ribeiro.

CMB10032017SERGIOFREITAS0000005651.jpg

CMB10032017SERGIOFREITAS0000005652.jpg

BRAGA ORGANIZA MINI-OLIMPÍADAS PARA ALUNOS COM NECESSIDADES ESPECIAIS

Iniciativa decorre a 17 de Março na UMinho

A 17 de Março, terá lugar a terceira edição das mini-olimpíadas para alunos com Necessidades Educativas Especiais (NEE) das escolas do 1º, 2º e 3º Ciclo e Secundário, do Concelho de Braga.

mini olimpiadas escolares 2017.jpg

A iniciativa, desenvolvida pelo Município de Braga, em colaboração com os parceiros sociais, Desporto Escolar, Universidade do Minho e Escola Profissional de Braga, terá lugar no Pavilhão Gimnodesportivo da Universidade do Minho (UMinho), Campus de Gualtar, no âmbito da “Educação Inclusiva Aprender com a Diferença”, visando a Participação, Interacção, Solidariedade e Respeito pela Diferença.

O evento de natureza lúdico-pedagógico-desportivo é composto de oito provas, tais como: vaivém com obstáculos, lançamento de bola medicinal 2kg, saltos steps, lançamento do peso, corrida de velocidade, estafetas, voleibol sentado e lançamento de precisão. As provas decorrem entre as 09h00 e as 13h00 e contam com a participação de doze Agrupamentos de escolas do Concelho, aos quais se junta a EB de Prado, do Concelho de Vila Verde, fazendo um total de 215 alunos participantes nestas mini-olimpíadas.

Para além das referidas provas, os alunos terão oportunidade de partilhar experiências com Luís Marta, professor e responsável pelo Desporto Adaptado e com o atleta paralímpico do Sporting Clube de Braga, José Carlos Macedo.

POESIA “INVADE” CENTRO DE BRAGA

Comemorações do Dia Internacional da Poesia

Recitais, documentários, apresentações de livros, tertúlias, animação de rua, teatro, oficinas e exposições fazem parte do programa da ‘Poesia ao Centro’, iniciativa que arranca esta Sexta-feira, 10 de Março, e se prolonga até ao mês de Abril.

cartaz poesia (1).jpg

Organizado em parceria pelo Município de Braga, Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva (BLCS) e Rede de Bibliotecas Escolares, este é um programa que, além de comemorar o Dia Mundial da Poesia (21 de Março), inclui um conjunto de actividades que visam reflectir sobre as mais diversas manifestações de poesia e o modo como ela diz o mundo.

Da extensa programação – que se inicia esta Sexta-feira, 10 de Março, na BLCS, com a realização de uma oficina de escrita para crianças – destacam-se dois recitais. O primeiro, a decorrer a 21 de Março, às 21h30, no Museu Nogueira da Silva, constitui um tributo a Fernando Pessoa. ‘Quando Vier a Primavera’ é o título deste projecto poético-musical em torno da obra do poeta português. A 23 de Março, a BLCS, recebe o recital ‘Entre nós e as palavras’, com Pedro Lamares, que assentará exclusivamente na poesia em língua portuguesa.

Um dos pontos altos da programação acontece entre os dias 20 e 24 com a ‘Poesia na Rua’. A par da “prescrição de receitas e comprimidos distribuídos pelo Ministério da Poesia nos hospitais, farmácias e centros de saúde”, esta actividade inclui, a 22 de Março, pelas 15h00, na rua de S. Marcos, a ‘Poesia à janela’ com a participação de alunos do Curso Profissional de Artes do Espectáculo.

BRAGA VOLTA A RECEBER MAIOR E MAIS COMPLETO EVENTO DEDICADO AOS DRONES EM PORTUGAL

Evento realiza-se de 21 a 23 de Abril

O iDrone Experience está de regresso. De 21 a 23 de Abril, Braga será novamente palco do maior e mais completo evento dedicado aos drones e às novas tecnologias em Portugal. O evento, que se irá realizar no Parque de Exposições, prevê superar o sucesso da primeira e atingir os 10 mil visitantes. São três dias de evento numa área de 7.000 m2 com 60 horas non-stop, 100 equipas, 9 competições, 16 provas, 2 concursos, 80 gamers e 40 pilotos profissionais.

CMB09032017SERGIOFREITAS0000005637.jpg

Promovido pelo Município de Braga, IPCA - Instituto Politécnico do Cávado e Ave, InvestBraga e AIMinho, esta segunda edição do iDrone Experience repete muitos dos atractivos do ano passado, como as corridas FPV e várias outras competições autónomas do evento, a academia de formação e a grande conferência sobre os drones. 

Mas organização está também a preparar várias novidades que prometem conferir ainda maior atractividade ao evento, como é o caso da competição Smart Hovercraft, com drones anfíbios - a primeira do género em Portugal. Realizar-se-á também a iDrone MESC – Minho Electronic Sports Cup, uma competição de desportos electrónicos que se realiza pela primeira vez e que será jogada na vertente Counter-Strike Global Offensive. Por fim, a área destinada a actividades lúdicas, expetrimentais, de lazer e jogos vai aumentar para cerca do triplo relativamente ao ano passado, permitindo assim disponibilizar ao público novas experiências e actividades com drones e novas tecnologias.

Segundo Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, esta é uma iniciativa de referência para Braga e de dimensão nacional e internacional, contribuindo para a afirmação da marca de Braga enquanto Cidade de tecnologia e inovação. “Esta é uma área de vanguarda na transformação da sociedade pela multiplicidade de usos que possibilita e que representa, paralelamente, um desafio pela incerteza que ainda existe na forma como esta tecnologia poderá ser utilizada e enquadrada legalmente”, afirmou, referindo que ´pelas dimensões lúdica, pedagógica e económica que estão associadas a um evento desta natureza´, estão reunidas as condições para que esta edição seja um sucesso e, inclusivamente, para que o iDrone Experience cresça no futuro próximo.

O iDrone Experience reunirá mais uma vez empresas, profissionais do sector, escolas, startups, prestadores de serviços, imprensa especializada, pilotos, programadores e todos os aficionados por drones nas suas mais diversas e inovadoras utilizações.

Com uma dinâmica associada ao novo mundos dos drones e das novas tecnologias, este evento contempla uma área de exposição onde estarão presentes empresas de produtos e serviços, empresas de venda de drones, software e novas tecnologias, que estará aberta ao público e onde serão apresentadas as mais recentes novidades e inovações sobre drones e suas aplicações.

O evento abrange ainda uma área específica para formação e programação de drones, onde ocorrerão demonstrações permanentes e competições entre as equipas inscritas nas várias competições, provenientes de todo o país. O objectivo é criar um ambiente de envolvência de toda a comunidade, incentivando a educação e robótica.

CMB09032017SERGIOFREITAS0000005640.jpg

MUNICÍPIO DE BRAGA DÁ A CONHECER A CAPELA IMACULADA

Programa ‘Conhecer para melhor promover’ juntou agentes turísticos do Concelho

O Município de Braga realizou mais uma sessão do programa ‘Conhecer para melhor promover’, uma iniciativa dirigida aos profissionais e empresários de Turismo do Concelho com o objectivo de reforçar o conhecimento da Cidade, do seu património e demais activos de interesse turístico.

CMB07032017SERGIOFREITAS0000005584.jpg

Nesta sessão, o programa deu a conhecer a Capela Imaculada, integrada no Seminário de Nossa Senhora da Conceição, em Braga. Trata-se de um espaço que proporciona uma experiência única a quem o visita e que se assume como um dos expoentes máximos da arquitectura contemporânea. Construída na década de 1940, a Capela foi alvo de uma intervenção de remodelação e readaptação do espaço, tendo sido concluída no final de 2015.

Durante a visita guiada, onde foi possível conhecer toda a história da Capela Imaculada, os espaços litúrgicos e os vários elementos artísticos, o padre Joaquim Félix, referiu que actualmente “Braga possui um património religioso contemporâneo ao nível do melhor que existe no Mundo”.

Segundo o professor de Teologia da Universidade Católica Portuguesa, as intervenções nos espaços litúrgicos devem compreender e respeitar o ambiente já existente, ao mesmo tempo que constroem pontes entre os espaços religiosos e a Arte. “Hoje é fundamental construir pontes entre a Igreja, a Arte, os artistas e todos aqueles que podem encontrar-se com o melhor de si mesmos”, sublinhou.

A Capela Imaculada apresenta, no início do templo, uma construção em madeira, que remete para a ideia de uma floresta, e que se transforma na ‘Capela Cheia de Graça’, um oratório que tem a sustentar o altar, um pilar de pedra da Região com quase cinco toneladas.

“Na base do pilar está uma orelha que assinala a dimensão da escuta que o ambiente de reflexão”, explicou Joaquim Félix.

No centro da Capela, está instalada a representação da ‘Nossa Senhora da Humildade’, uma obra de arte que tem surpreendido muitas pessoas e as desafia para um trabalho de sensibilidade e devoção e para outra maneira de participação litúrgica e quegera no espaço “um ambiente de cenáculo”. O altar é uma pedra flutuante sobre água.

Segundo António Barroso, do Gabinete de Apoio à Presidência da Câmara Municipal, o programa ‘Conhecer para Melhor Promover” tem contribuído para “reforçar a notoriedade e a promoção da História e Cultura de Braga”.

Segundo o responsável, estas visitas contribuem para “aprofundar o conhecimento sobre os múltiplos espaços de interesse de Braga, e proporcionar momentos importantes de networking entre os vários empresários e colaboradores, passando também por um estreitar do relacionamento com os responsáveis pelos espaços visitáveis no sentido de, posteriormente, articularem visitas e pacotes a oferecer a quem nos visita”.

CMB07032017SERGIOFREITAS0000005586.jpg

CMB07032017SERGIOFREITAS0000005591.jpg

CMB07032017SERGIOFREITAS0000005592.jpg

CMB07032017SERGIOFREITAS0000005596.jpg

GRUPO FOLCLÓRICO DA UNIVERSIDADE DO MINHO ORGANIZA SEGUNDA EDIÇÃO "CANÇÃO BRACARENSE"

Segunda edição «Canção Bracarense» tem lugar no dia 12 de março pelas 15h na Igreja dos Terceiros

No próximo dia 12 de março (domingo) pelas 15 horas, irá ter lugar na Igreja dos Terceiros, a segunda edição da “Canção Bracarense”.

Cartaz_CB17.jpg

Depois do sucesso da primeira edição, o público é novamente convidado a iniciar uma viagem pelos cancioneiros bracarenses onde serão interpretados vários temas, desde o S. Martinho ao São João, passando pelos cantares de Natal e da Quaresma.

Organizada pelo Grupo Folclórico da Universidade do Minho (GFUM), a “Canção Bracarense” irá contar com a colaboração do Rancho Folclórico da Associação Cultural e Recreativa de Cabreiros e da Associação Cultural e Festiva “Os Sinos da Sé”.

GRUPO FOLCLÓRICO DA UNIVERSIDADE DO MINHO ORGANIZA SEGUNDA EDIÇÃO "CANÇÃO BRACARENSE"

Segunda edição «Canção Bracarense» tem lugar no dia 12 de março pelas 15h na Igreja dos Terceiros

No próximo dia 12 de março (domingo) pelas 15 horas, irá ter lugar na Igreja dos Terceiros, a segunda edição da “Canção Bracarense”.

Cartaz_CB17.jpg

Depois do sucesso da primeira edição, o público é novamente convidado a iniciar uma viagem pelos cancioneiros bracarenses onde serão interpretados vários temas, desde o S. Martinho ao São João, passando pelos cantares de Natal e da Quaresma.

Organizada pelo Grupo Folclórico da Universidade do Minho (GFUM), a “Canção Bracarense” irá contar com a colaboração do Rancho Folclórico da Associação Cultural e Recreativa de Cabreiros e da Associação Cultural e Festiva “Os Sinos da Sé”.

SEMANA DO PIANO TRAZ A BRAGA PEDRO BURMESTER E ARTUR PIZARRO

Iniciativa decorre de 23 a 30 de Março

Pedro Burmester e Artur Pizarro são os nomes maiores da Semana do Piano, uma iniciativa que o Município de Braga e o Conservatório Calouste Gulbenkian promovem entre os dias 23 e 30 de Março.

 

Cartaz Semana do Piano.jpg

A par dos concertos com pianistas consagrados, a Semana do Piano ficará marcada pela comemoração do Dia Internacional do Piano que se celebra a 28 de Março. Neste dia o piano ‘sai à rua’ para uma actividade que irá contar com a participação activa dos alunos do Conservatório e através da qual se pretende atrair o público e chamar à atenção para este instrumento com forte tradição.

Lídia Dias, vereadora da Cultura da Câmara Municipal de Braga, a Semana do Piano apresenta-se com um programa rico, atractivo e diferenciador. “O público terá a possibilidade de assistir a concertos com pianistas portugueses com carreiras internacionais ímpares e, no dia 28, teremos a celebração do ‘Piano Day’ que irá surpreender as pessoas que passarem pela rua do Castelo”, explica.

A Semana do Piano terá ainda uma forte componente pedagógica, com a realização de uma masterclass e do Concurso Regional de Piano. Segundo Ana Paula Carreira, professora do Conservatório, o concurso retoma uma tradição antiga desta instituição de ensino Bracarense que, no próximo ano, poderá alargar-se a alunos de todo o país.

A Semana do Piano começa com a vertente pedagógica, com a realização da masterclass orientada por Luís Pipa (23 e 24 de Março) e com o Concurso Regional de Piano (25 e 26 de Março). O primeiro concerto acontece no dia 25, às 21h30, no Auditório Vita, com a actuação de Artur Pizarro.

No dia 27, às 19h00, realiza-se o concerto de Bruno Ferreira, antigo aluno da instituição que em 2014/2015 foi o vencedor do Prémio Conservatório. No dia seguinte, a rua do Castelo irá receber as comemorações do ‘Piano Day’, com a participação dos alunos do Conservatório.

A Semana do Piano encerra no dia 30, às 21h30, Auditório Vita, com um grande concerto do consagrado Pedro Burmester.

De referir que os concertos de Artur Pizarro(25 Março) e de Pedro Burmester (30 Março) são os únicos com bilheteira. Os ingressos custam cinco euros e podem ser adquiridos no Posto de Turismo, no Conservatório Calouste Gulbenkian e no Auditório Vita (no dia dos espectáculos).

CMB08032017SERGIOFREITAS0000005599.jpg

JOVENS BRACARENSES DESCOBREM O ADN

‘Ácido desoxi quê…? O ADN como nunca o viste’ é o tema da sessão. ‘Sábados h(á) Ciência’ regressa a 18 de Março

‘Ácido desoxi quê…? O ADN como nunca o viste’ é o tema da próxima sessão do ‘Sábados h(á) Ciência’, que terá lugar no próximo dia 18 de Março, pelas 15h00, no edifício gnration. Nesta sessão, os participantes poderão perceber melhor o que é e como funciona o ADN, através da realização de uma oficina prática. 

CARTAZ CIENCIA março.jpg

A iniciativa é dirigida a crianças e jovens com idades entre os 6 e os 12 anos, que devem fazer-se acompanhar por um adulto. As inscrições devem ser feitas até dia 17 de Março. As vagas são limitadas e as inscrições devem ser realizadas presencialmente no gnration. O custo da actividade é de 15 euros para o conjunto de adulto + criança ou de 20€ no caso de levar duas crianças.

O ‘Sábados h(á) Ciência’ é um projecto promovido pelo Município de Braga em colaboração com a Fundação Bracara Augusta e com ‘O Laboratório da Li’, com o objectivo estimular o gosto das crianças e jovens pela ciência, através da realização de actividades e experiências científicas acompanhadas por muita diversão.

Com este projecto, o Município de Braga alarga a oferta lúdico-educativa, ao mesmo tempo que promove a ciência e o convívio inter-geracional. O projecto tem proporcionado às crianças uma verdadeira viagem pelo mundo da Ciência através da realização de diversas experiências científicas com actividades totalmente práticas, onde os jovens podem ficar a conhecer várias ciências.

BRAGA REALIZA FESTIVAL DE ÓRGÃO

Festival de Órgão contribui para valorização do património da Cidade. Evento decorre de 28 de Abril a 7 de Maio

De 28 de Abril a 7 de Maio, Braga volta a ser palco do Festival de Órgão, um evento que tem marcado a agenda cultural da Cidade nos últimos três anos e que se tem afirmado no panorama nacional e internacional. Para esta quarta edição, a organização - a cargo do Município de Braga, Arquidiocese de Braga, Santa Casa da Misericórdia de Braga e Irmandade de Santa Cruz – continua a apostar num conjunto de concertos de qualidade, a que se juntam visitas guiadas e conferências temáticas.

CMB07032017SERGIOFREITAS0000005555.jpg

Para Lídia Dias, vereadora da Cultura, o eclectismo e a diversidade da programação são já uma marca deste festival que tem vindo a contribuir decisivamente para a valorização e divulgação do património organístico Bracarense. “Esta é uma iniciativa consolidada ao nível da criação e fidelização de públicos e que, a somar a isso, tem potenciado o restauro destes instrumentos de grande valor histórico e artístico”, referiu na apresentação do evento que decorreu hoje, 7 de Março, no Tesouro-Museu da Sé.

Segundo a vereadora, o festival só é possível graças à colaboração de relevantes instituições culturais da Cidade, sem esquecer o “importante contributo dos párocos que abrem as portas das igrejas para que o público possa assistir a concertos memoráveis e de elevada qualidade”. Lídias Dias destacou ainda a colaboração das Uniões de Freguesias de S. Lázaro e S. João do Souto, de Maximinos, Sé e Cividade e da Junta de S. Victor.

A par do lançamento de um CD com os melhores momentos das edições anteriores, um dos grandes destaques da edição 2017 prende-se com a estreia do órgão portativo do Tesouro da Sé de Braga em concerto, a ter lugar a 3 de Maio, na Igreja do Seminário. “Trata-se de um pequeno instrumento, dos mais antigos de Portugal, que nunca foi ouvido em concerto e, para o qual, ainda é necessário um “foleiro” para “dar aos foles” e assim o órgão poder tocar”, explica José Rodrigues, o director artístico do festival.

Outra novidade será a presença do organista papal, Juan Paradell, organista titular pontifício do Vaticano, que se irá apresentar na igreja de São Marcos, a 30 de Abril.

Na abertura do Festival, como é já um hábito, é oferecido à Cidade um magnífico concerto a dois órgãos, na Catedral, sendo este o único momento no ano em que existe a possibilidade de ouvir os grandes órgãos da Sé a tocarem ao mesmo tempo.

Outro dos pontos altos do programa será a actuação de um grupo de 80 crianças que irão estrear uma obra de um compositor bracarense, num concerto agendado para a Basílica dos Congregados.

Retomando a experiência bem-sucedida da edição do ano passado, o festival volta a incluir um concerto com os alunos de órgão dos Conservatórios e Academias de Música do Norte do país, nomeadamente de Bragança, Vila Real, Guimarães, Barcelos e Vila Verde. Esta iniciativa assume-se como um incentivo à aprendizagem do órgão enquanto instrumento musical e uma oportunidade dada aos alunos de contactarem com um instrumento histórico, com todas as características e especificidades que o mesmo apresenta.

José Rodrigues, director artístico, lembra que o “Festival não é apenas um meio de valorização do património musical, constituindo-se também como um incentivo à economia e à dinâmica turística da Cidade e da Região”.

A par da organização do Festival, a Arquidiocese de Braga, pelo Instituto de História e Artes Cristãs está empenhado na realização do estudo e inventário de todos os órgãos existentes na Cidade, trabalho que terá a sua apresentação para breve.

No futuro, a organização pretende lançar um concurso de composição de novas obras musicais para órgão ibérico, bem como um prémio para jovens intérpretes.

Todas as informações em http://www.festivalorgaobraga.com

CMB07032017SERGIOFREITAS0000005564.jpg

CMB07032017SERGIOFREITAS0000005567.jpg

MUNICÍPIO DE BRAGA LANÇA PORTAL DE REABILITAÇÃO URBANA

Novas Áreas de Reabilitação já estão em vigor

Já entraram em vigor as novas Áreas de Reabilitação Urbana Norte, Nascente e Sul, do Concelho de Braga. Publicadas a 2 de Março, em Diário da República, as novas Áreas de Reabilitação Urbana (ARU´s), integram o anel contemporâneo de crescimento da Cidade, contemplando zonas carentes de intervenção pública e privada, e vêm dotar o Município de um instrumento capaz de fomentar o investimento privado neste capítulo.

Cidade de Braga0746.jpg

Segundo Miguel Bandeira, vereador do Urbanismo da Câmara Municipal de Braga, a Reabilitação Urbana é um assunto que está na ordem do dia, sendo esta uma área uma prioridade para o Município.

“Quer no quadro das políticas públicas, no debate técnico-científico ou, ainda, ao nível do mercado imobiliário e da indústria da construção, a reabilitação urbana surge como uma nova tendência que se tem vindo a evidenciar. Em Braga, estas áreas integram 6.466 alojamentos vagos, onde cerca de 40% precisa de obras de manutenção, facto que representa um potencial de intervenção bastante significativo”, refere o responsável, sustentando que “é fundamental que os privados entendam o que isto representa ao nível dos incentivos fiscais previstos, nomeadamente a aplicabilidade do IVA a 6%, para empreitadas de reabilitação urbana dentro de ARU’s”.

Como forma de tornar este processo transparente e mais acessível a toda a população, o Município de Braga lançou um portal online (ru.cm-braga.pt) onde é possível obter toda a informação sobre esta matéria. “Este novo portal surge na sequência de uma política pública transparente e que visa dotar os munícipes dos meios necessários para avançar com obras de reabilitação urbana ao mesmo tempo que disponibiliza informação estratégica relativamente às mesmas”, explica Miguel Bandeira.

Município promove acção de formação de incentivo à iniciativa privada

Com a entrada em vigor das novas ARU’s, o Município de Braga irá promover uma acção de formação de forma a esclarecer e incentivar o investimento privado. A sessão irá decorrer no próximo dia 14 de Março, no edifício gnration, e é dirigida a arquitectos, engenheiros, agentes imobiliários, empresas de condomínios, bem como a todos os interessados na área da reabilitação urbana.

“Esta acção de formação é um desafio à iniciativa privada onde os operadores imobiliários, os arquitectos e os condomínios são pontos cruciais para a divulgação de toda a informação”, sustenta Miguel Bandeira.

Os interessados em participar nesta acção de formação deverão efectuar a sua inscrição através do endereço electrónico ru@cm-braga.pt. As inscrições são gratuitas, mas limitadas à capacidade da sala.

Recorde-se que o Executivo Autárquico Bracarense considerou ser oportuno prosseguir de forma mais alargada a política municipal de estímulo à reabilitação urbana, determinando a delimitação de duas novas ARU na Cidade e a alteração de uma das ARU existentes, a de Braga Sul.

Mais de metade dos edifícios existentes no território correspondente às quatro ARU’s da Cidade foram construídos há mais de 35 anos (54%), evidenciando um parque edificado envelhecido e, por esse facto, com as consequentes necessidades de manutenção ou reabilitação. De referir ainda que 11,8% destes edifícios necessita de obras de reabilitação médias ou profundas (num total de 1.155 edifícios), o que representa um potencial de reabilitação muito significativo.

BRAGA ALERTA MINISTRO DA EDUCAÇÃO PARA DIFICULDADES DOS AGRUPAMENTOS ESCOLARES DO CONCELHO

Conselho Municipal de Educação pede reforço de assistentes operacionais nas Escolas. Órgão enviou carta ao Ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues.

O Conselho Municipal de Educação de Braga alertou o Ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, através de uma carta enviada no dia 16 de Fevereiro, para as dificuldades com que se debatem os Agrupamentos de Escolas e que decorrem da aplicação do actual rácio de assistentes operacionais, cuja fórmula não considera diversas especificidades próprias de alguns contextos educativos.

CMB11112015SERGIOFREITAS0000001735.jpg

As especificidades não consideradas na fórmula apontadas por este órgão foram as seguintes: o elevado número de alunos com necessidades educativas especiais (NEE) ou oriundas de contextos socioculturais e económicos desfavorecidos; a necessidade de os alunos de Escolas sem instalações desportivas terem de se deslocar ao pavilhão gimnodesportivo municipal para as aulas de educação física de 2º e 3º ciclo do ensino básico e ensino secundário; a necessidade de permanência no pavilhão gimnodesportivo de, pelo menos, um assistente operacional e as particularidades arquitectónicas e a riqueza patrimonial de algumas Escolas.

Nesse sentido, referiu o Conselho Municipal de Educação que o número de assistentes operacionais atribuídos a alguns agrupamentos é insuficiente, reflectindo-se em lacunas em diversos contextos, tais como no apoio às salas de aula e a alunos com NEE; no acompanhamento dos alunos quando os professores faltam; na monotorização em dos alunos espaços comuns; no cumprimento de regras elementares de higiene dos diversos espaços e na manutenção da qualidade dos edifícios e património existente.

Atendendo ao princípio de que a Escola Pública deve ser inclusiva, dando oportunidades a todos em termos de formação social e pessoal, independentemente das limitações individuais e resultantes dos contextos, é essencial assegurar que existe o número de assistentes operacionais para o normal funcionamento dos agrupamentos, pelo que se sugeriu a alteração das fórmulas de cálculo nos seguintes moldes:

- Para a educação pré-escolar, a determinação operacionais deve estar dependente do número de grupos em funcionamento nessa unidade educativa e não no número de crianças matriculadas.

- Para o 1º ciclo, a determinação do número de assistentes deve estar dependente do número de turmas em funcionamento, aos quais se devem acrescer mais assistentes se na escola funcionarem unidades de ensino estruturado ou de apoio especializado.

- Para o 2º e 3º ciclo, torna-se essencial reduzir a complexidade da fórmula, estabelecendo um valor fixo superior para apoio geral, ao qual acresce a afectação de mais assistentes operacionais de acordo com o número de alunos matriculados. Devem entrar em equação factores como o funcionamento de outro tipo de ofertas educativas na escola, o horário de funcionamento após as 19h00 ou o funcionamento do regime de desdobramento.

- Em todos os níveis de ensino, caso o grupo/turma inclua alunos com NEE, deverá ser reforçada a atribuição de assistentes em função das especificidades próprias.

BRACARENSES LÊEM "TESTAMENTO DO LIBÓRIO"

Mais de 4 centenas de foliões, garantiram o ritual carnavalesco da noite de 'Segunda-feira Gorda'.

Mesmo não contando com a ajuda de S. Pedro, debaixo de uma chuva 'molha tolos', neste caso, 'molha foliões', à hora prevista, o 'Desfile/Corrida do Entrudo - Olha o Home, lá bai o Home...', saía da Av. Artur Soares (Palhotas), junto à sede da Rusga. Como em edições anteriores, contamos com a participação de algumas associações parceiras repetentes, nomeadamente: Agrup. XIX, do C.N.E. (Escutismo Católico) de S. Vicente, o Patronato Nª Sª da Luz, também da freguesia, alunos e pais das escolas sedeadas no território vicentino e não só, a associação 'Bravos da Boa Luz', os ateletas do "Braga a Correr", a Ronda Típica da Meadela, Viana do Castelo,  entre outras. Como novidade/estreia, a edição deste ano contou com a participação do Grupo de Percussão da ARCUM os "Bomboémia".

Correspondendo ao repto lançado, todos os foliões compareceram devidamente mascarados, fazendo-se acompanhar de objetos ruidosos, como: gaitas bombos caixas, apitos, buzinas, chucalhos, etc, etc,.

Após a leitura do Testamento e consequente 'Queima do Entrudo', o ritual das carnes verdes voltou a repetir-se.

“Cada terra tem seu uso, cada roca tem seu fuso”

Após a leitura do Testamento, em plena Av. Central da nossa Augusta cidade, agora, dos arcebispos também, procedeu-se a queima do Entrudo - “O Home”, no adro da igreja de São Vicente. Seguiu-se, o 'ritual das carnes verdes', inerente a esta tradição carnavalesca. Assim, todos os foliões participantes na Corrida/Desfile do Entrudo - tal como mandava a tradição -, foram recompensados, com a degustação das carnes de porco, nomeadamente a orelheira e enchidos, acompanhadas com broa de milho caseira e o vinho verde da região.

Numa 'avaliação a quente', o que podemos inferir é que, a tradição tem garantias de continuidade, já que os mais jovens, sejam eles da Rusga, ou de outras associações e/ou instituições, e, ainda, o envolvimento dos pais, que fazem questão de trazer os seus filhos mais novos, para manter viva a tradição.

Nesta perspetiva, a Rusga enquanto associação promotora da iniciativa, está convicta de que, os fins últimos da retoma desta tradição carnavalesca estão garantidos. Assim, os objetivos iniciais desta reposição, como: Salvaguardar, preservar e promover o(s) legado(s) cultural(ais) herdado(s) - património material e imaterial inerentes -, ao nível das tradições e /ou manifestações etnológicas e etnográficas locais, estão consolidados e afirmados.

rsv0217_fts_c_entrudo_deslile0025 (1).jpg

Testamento do Libório 2017

Olha o Home, Olha o Home,

Com a geringonça toda a gente come!?

CARLOS – Boa noite meus senhores, más notícias lhes vou dar: - Morreu o Libório Caturra e, o seu testamento vou divulgar.

JOÃO – Morreu o Libório Caturra, filho por engano da Balbina Pinga e do Zeca Bêbado. Sendo natural da Rua das Palhotas, deixa saudades a todos os palhoteiros e irmãos vicentinos.

CARLOS - Pobre do Libório, morreu seco e tísico e poucos são os haveres para distribuir por tanto guloso. Mas generoso como era, a todos vai deixar qualquer coisinha.

JOÃO – Morreu o Libório! Finou-se… Está a fazer tijolo! Bateu a bota, esticou o pernil! E, que Deus o tenha muitos anos sem nós.

Olha o Home, Olha o Home,

Com a geringonça toda a gente come!?

CARLOS – Foi um ano difícil para o nosso LIBÓRIO. A geringonça custou a arrancar. Agora que embalou, será que é para ficar?

JOÃO – A olear a geringonça, o Marcelo vai ajudando, e assim o nosso Portugal lá vai avançando…!

CARLOS – Cá pelo burgo bracarense, pouca cousa aconteceu. Na gaveta ficou, tudo aquilo que se prometeu… Foi um ai, que se lhe deu…

JOÃO – Vitor de Sousa e a TUB, é caso mal parado, toda esta confusão por causa do autocarro.

CARLOS – As vias pedonais, continuam muito bem frequentadas. Por … automóveis.

JOÃO – Lá p’rós lados do Picoto, virado a Guimarães, a coisa ficou linda de morrer, com o ginásio para cães.

CARLOS – Na Polícia Municipal, reina a anarquia. A insubordinação é tal, que ainda está sem chefia.

JOÃO – A presidência municipal anda em estado de graça; como ‘Deus’ votou nela, foi a Roma agradecer na Praça.

CARLOS – E cá por Braga ninguém se espanta; O presidente foi a Roma convidar o Papa, para vir à noite Branca.

JOÃO – Ilustre Presidente, Dr. Ricardo Rio; de Braga ao Vaticano…!, - Será que vai ficar PIO?

CARLOS – Sem pio ficou o povo, ao receber o lembrete: - 75 mil Euros, só pra arranjar 1 gabinete?

JOÃO – E no Ambiente de Braga a polémica está instalada; árvore que pareça podre, é p’ra ser arrancada!

CARLOS – As medalhas de mérito, deram muito que falar: - Qual terá sido o critério, para a da Rusga de S. Vicente faltar?

JOÃO – 50 anos de idade, não são fáceis de atingir. Essa tal medalhinha, era mesmo de atribuir!

Olha o Home, Olha o Home,

Com a geringonça toda a gente come!?

CARLOS – O Sporting Clube de Braga; despediu o Peseiro, mas continua afastado, muito longe do primeiro.

JOÃO – Bem depressa o Salvador, foi buscar o Simão. Será que vai ter força p’ra empurrar o camião?

CARLOS – Os ‘TUC TUC’ chegaram a Braga; em onda de euforia; e transportam toda a gente, da Estação ao Bairro da Alegria.

JOÃO – No tempo do ‘Baixinho’, eram só centros comerciais; Agora com o Rio, é só superfícies continentais, se o caso não fosse tão grave, dava para rir (Eh, eh, ehhhhh).

CARLOS – Mudam-se os tempos e os protagonistas, mas, continuam as mesmas vontades.

JOÃO – Mas Siga a Rusga, Siga a Rusga, que a vida não é só S. João. O Libório morreu, por alguma razão!.

CARLOS – Meus caros concidadãos e concidadonas, continuo a deixar-vos um país nas lonas.

JOÃO – O Libório perdeu o seu pé-de-meia quando foi aquilo do BES. Depois foi o BANIF, agora é a Caixa e, ninguém vai para a prisão. Em vez disso, mais uma vez paga o cidadão.

CARLOS – E lá p’rós Estados Unidos, foi-se o presidente bacana. Está lá agora uma cenoura, que é mais uma banana.

JOÃO – Com Guterres nas Nações Unidas; aquilo é que vai ser bonito. O Putin e o Trump aos beijinhos, e, o povo da europa aflito.

Olha o Home, Olha o Home,

Com a geringonça toda a gente come!?

JOÃO – Mas passemos à leitura do testamento do finado, para que este possa descansar em paz até ao próximo ano.

CARLOS – Ao nosso 1º Ministro Costa, de ascendência indiana, deixo-lhe umas notas soltas, para melhor tocar na RANA.

JOÃO – À organização das Festas de S. João; deixo a minha máquina de calcular. Para apurar com precisão, quanta gente vem foliar.

CARLOS – Ao presidente da Associação de Festas de S. João, deixo-lhe a minha Porca Bisara, para juntar ao Porco Preto, e haver mais criação.

JOÃO – Aos demais elementos festeiros, das Festas da Cidade, deixo-lhes um saco de sarapilheira, para meter o pouco saber, a falta de humildade e as muitas trapaceiras.    

CARLOS – Aos ESSES que por aí continuam a actuar; deixo um mapa da Coreia do Norte, para irem multar os mísseis que por lá andam a passear.

JOÃO – Ao Dr. Domingos Alves, da junta de freguesia; deixo as minhas estantes, para colocar mais livros e poesia.

CARLOS – Ao Juiz da Irmandade; que S. Vicente quer abrigar, deixo a minha reforma, p’ró telhado da igreja consertar.

JOÃO – Ao José Ribeiro Pinto, Home de muitos ofícios; deixo as minhas ceroilas, para aliviar os sacrifícios.

Olha o Home, Olha o Home,

Com a geringonça toda a gente come!?

CARLOS – À juventude rusgueira; deixo o meu agradecimento. É uma malta à maneira. Não deixa a cultura popular cair no esquecimento.

JOÃO – Vou deixar às 3 Sãozinhas; as minhas 4 galinhas. Para que possam fazer, as suas gostosas papinhas.

CARLOS – À junta de freguesia de S. Vicente, vou deixar neste entrudo; Um pedido no Bom Jesus, para emprestar o canudo. Para ver melhor o ‘subcílio’, que dá à Rusga.

JOÃO – Para a malta da tocata, que anima em todos os eventos; Deixo o meu gravador, para não se enganar nos melhores momentos.

CARLOS - Ao Celestino Reis, o nosso mais recente tocador de cavaquinho. Deixo-lhe três malgas de verde, p’ra cantar mais fininho.

JOÃO – Para que não falte a imaginação; ao Adão caricaturista. Deixo o meu garrafão, pois ele é um grande artista.

CARLOS – Ao João Macedo; que diz que não sabe dançar. Deixo as minhas chanatas, p’ra começar a treinar.

JOÃO – Ao Carlitos e ao Carlão; deixo-lhe as peles dos meus foles. P’ra fazer um ‘big’ timbalão.

CARLOS – Para a nova Vice-Presidente; deixo-lhe um projetor multimédia último grito. Mais três chávenas de chã e, umas rações de cabrito.

JOÃO – Ao Romeu e sua Julieta Andreia; deixo-lhes uma caixinha cheia de surpresas. Mas cuidado, não façam caras feias!...

CARLOS – Às irmãs de S. Vicente; que estão sempre a rezar. Deixo as minhas velinhas, para voltar a mercar.

JOÃO – Ao Chanceler João Paulo, Pároco da nossa freguesia, para melhor ler a pregação; Deixo-lhe o meu ‘AIPODE’, último grito, para colocar no ambão.

CARLOS – Aos jornais e rádios cá do burgo, volto a reforçar o meu pedido; Continuem a contar mesmo tudo, o que por cá tem acontecido.

JOÃO – Aos políticos em geral - aos de cá e aos de fora -, a todos quero dizer: - Com o Libório Caturra, antes quebrar que torcer.

CARLOS – Ao Cavaco Silva que já se reformou; deixo pastilhas para as azias. Provocadas pelo livro, “Quinta-feira e outros dias” – (Queixinhas…!)

Olha o Home, Olha o Home,

Com a geringonça toda a gente come!?

JOÃO – Ao meu S.C. de Braga, clube do meu coração; Deixo o meu profundo desejo, um dia ser campeão.

CARLOS – E ao presidente do Braga, que só pensa no cifrão; Deixo as minhas sapatilhas, para treinar com o Simão.

JOÃO – Ao Zé Manel Carneiro, que agora virou ‘MECU’; Muito versado no trajar, deixo um lenço franjeiro, para a Isolina usar.

CARLOS – Aos novos elementos dos Corpos Gerentes da Rusga; na governança há 2 dias. Deixo o meu gato Tareco e, os ‘Caniches’ das Tias.

JOÃO – A minha medalhinha, dou à Rusga com vontade. Não é igual à da câmara, mas é dada com verdade.

JOÃO – Ao João de Vila Verde, tocador polivalente; Deixo o meu Lá-Mi-Ré, para afinar toda a gente.

CARLOS – Às manas de Bouro Santa Maria; cantadeiras a valer. Vou-lhes deixar dois cães polícias, para as mansões delas proteger.

 JOÃO – À Idalina cantadeira, mulher de porte substancial. Oferece-lhe uma capa e sombrinha, assim ficará magistral.

CARLOS – À nossa Sameirinha, e demais meninas que tratam do nosso trajar. Deixo-lhes um anti-traça aromático, para os bichinhos matar.

 JOÃO – Ao Departamento de Comunicação e Imagem, da Rusga de São Vicente. Deixo uma câmara panorâmica, para captar toda a gente.

CARLOS – Às meninas do Facebook, da Rusga de S. Vicente. Deixo as minhas memórias, para divulgar por toda a gente.

JOÃO – Para o casalinho Ventoso, que anda sempre no arejo. Deixo uma mãozinha de cera, para coçar o queijo.

CARLOS – Para o Mário Carcamano, que anda sempre nicado. Deixo umas luvas de pano, para quando ficar entalado.

JOÃO – Para o grupo da Corredoura, antes que me ponham a arder. Deixo a minha vassoura, p’ro terreiro de S. Torcato varrer.

CARLOS – P’ra Ronda da Meadela, amigos da tradição. Deixo a minha tigela e, eles trazem o garrafão.

JOÃO – Para que os bombos da boémia, continuem a rufar. Deixo as minhas cuecas, para quando forem sambar (Ah,ah,ahhh).

Olha o Home, Olha o Home,

Com a geringonça toda a gente come!?

CARLOS – Às meninas do samba, deixo as penas das galinhas. Para que possam fazer, umas belas touquinhas.

 JOÃO – E ao pessoal do Samba, que veio participar. Deixo o meu agradecimento, e p’ró ano é para continuar.

CARLOS – Para eles não ficarem tristes, aos meninos da bateria, vou deixar as minhas peles em agua fria. Depois de bem esticadas, irão tocar com mais energia. (Eh, eh, ehhhhhh).

JOÃO – Aos atletas do “Braga a Correr”, não pensem que me esqueci de vocês. Como diz o nosso povo: “Os últimos serão os primeiros, e, os primeiros os últimos”.

 CARLOS – Para vós caras e caros amigos das correrias, deixo-vos cremes massajadores para todos os gostos. Leite de cabra, mel silvestre e Banha dunto. Se de outras massagens precisarem, não liguem ao ‘Libório Caturra’, consultem outro massagista defunto.

JOÃO – Aos Bravos da Boa Luz, e, esta é para terminar. Deixo as minhas lanternas, p’ró Santo António enfeitar.

CARLOS – E a todos os presentes, sem exceção, lembro-vos que não vos deixo dívidas. Mas antes, a minha carteira vazia. Já que morro tísico, que nem um cão.

JOÃO – Este testamento foi revisto e aprovado pelo tribunal Constitucional. É carnaval e ninguém leva a mal!

 CARLOS – Há 12 anos que arde o Home e, nunca ninguém passou fome. Vamos p’ra S. Vicente e queimámos o Home à vossa frente.

JOÃO – Agora que está lido o Testamento do Libório, vamos até ao adro de S. Vicente, ligamos o Cromatório, bebemos uma pinga e, comemos chouriço quente.

FIM

São Vicente de Braga, 27 de Fevereiro de 2017

O Testador: LIBÓRIO CATURRA

Os testamenteiros:

- Dona Rosita Fina Penugem e,

- Sr. Laranjo Casca Grossa

rsv0217_fts_c_entrudo_foliões_ouvem_testamento0011 (1).jpg

rsv0217_fts_c_entrudo_leitura_testamento0008 (1).jpg

rsv0217_fts_c_entrudo_mascarado0039.jpg

rsv0217_fts_c_entrudo_mascarasdos0012 (1).jpg

rsv0217_fts_c_entrudo_saída_desfile0022 (1).jpg

rsv0217_fts_c_entrudo_testamenteiros0021.jpg

rsv0217_fts_corrida_entrudo_famílias_mascarados0009 (1).jpg

THE OAFS ATUA EM BRAGA E GUIMARÃES

The Oafs formaram-se em 2013 em Vila Franca, Viana do Castelo, como resultado de uma combinação de diversos gostos musicais. Assumem-se como uma banda Indie e Folk, através de 4 vozes e instrumentos como o clarinete, percussão, baixo e guitarra.

TheOafs_cartaz.jpg

“Oaf” caracteriza uma pessoa desajeitada. Com esta descrição o quarteto pretende apelar à face mais descontraída de cada pessoa, a face que permite que esta se liberte e aproveite a sua música.

Em finais de 2016 editaram o álbum “My Scars and Stories”, onde: “contamos histórias e expomos as marcas, boas e más, que nos constroem como pessoas. Contamos desabafos que nos saem da alma, nos acordam de noite e nos obrigam a escrever”, revelam os elementos de The Oafs.

The Oafs são: Eva Gomes: voz, guitarra e percussão João Dias: guitarra e vozes Afonso Carvalho: clarinete, percussão, vozes Raul Carvalho: baixo e vozes.

BRAGA INAUGURA EXPOSIÇÃO "LAUSPERENE"

Inauguração da Exposição ‘Lausperene’ tem lugar amanhã, Sábado, dia 4 de Março, pelas 16h00, no Museu da Imagem, Braga

O Município de Braga inaugura amanhã a Exposição ‘Lausperene’, pelas 16h00, no Museu da Imagem, em Braga.

A iniciativa contará com a presença de Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, e do cónego Luís Miguel Figueiredo Rodrigues, presidente da Comissão da Quaresma e Solenidades da Semana Santa.

A Exposição, da autoria do fotógrafo Bracarense Adalberto, estará patente ao público até 16 de Abril, e poderá ser visitada de Terça a Sexta-feira, das 11h00 às 19h00 e aos Sábados e Domingos, das 14h30 às 18h30.

BRAGA REVÊ CARTA EDUCATIVA

Município de Braga inicia processo de revisão da Carta Educativa. Primeira sessão pública de esclarecimento agendada para 14 de Março

Volvidos cerca de dez anos desde a elaboração da Carta Educativa, o Município de Braga iniciou o processo de revisão deste instrumento de planeamento estratégico da rede de equipamentos de educação e ensino. A dinâmica demográfica e socioeconómica registada nos últimos anos, assim como as alterações ao nível do próprio sistema educativo, justificam a necessidade de ajustar a Carta Educativa à conjuntura e mudanças ocorridas no Concelho.

Carta Educativa.jpg

Neste processo, o Município conta com o envolvimento de toda a comunidade educativa, numa acção que se pretende “coesa, colectiva e colaborativa”. Segundo a vereadora da Educação, Lídia Dias, a revisão assenta “numa forte cooperação em torno de uma estratégia educativa comum e claramente definida, recolhendo informação essencial à revisão/actualização da estratégia educativa, estando prevista a realização de sessões com diversos grupos, desde equipas do Município, profissionais de educação e ensino, agentes locais e parceiros sociais”.

Tendo em conta a importância de uma participação activa da sociedade civil, o Município irá promover duas sessões públicas, destinadas à comunidade em geral, com o objectivo de dar a conhecer o início dos trabalhos de actualização da Carta Educativa, bem como os respectivos objectivos. As sessões visam ainda a recolha de eventuais contributos para a actualização do diagnóstico.

A primeira sessão pública de esclarecimento realiza-se já no próximo dia 14 de Março, pelas 18h00, no Auditório da Junta de Freguesia de S. Victor.

Recorde-se que a lei estabelece a obrigatoriedade da revisão da Carta Educativa quando a rede “apresenta desconformidades com os princípios, objectivos e parâmetros técnicos do ordenamento da rede educativa ou sempre que resultem de alterações significativas decorrentes da criação ou o encerramento de novos estabelecimentos de educação pré-escolar e de ensino”.

As principais linhas de actuação ao nível da revisão da Carta Educativa do Município de Braga serão:

- A revisão/actualização da estratégia educativa municipal;

- A avaliação dos resultados das intervenções em relação ao que foram os objectivos de partida da Carta Educativa de 1ª geração;

- A formulação de propostas de reordenamento e/ou requalificação da rede escolar municipal.

Todas as sugestões podem ser enviadas para carta.educativa@cm-braga.pt

CMB07032014SERGIOFREITAS0000093.jpg

RUSGA DE S. VICENTE DE BRAGA LÊ "TESTAMENTO DO LIBÓRIO"

Registada e identificada que está a origem do problema informático, causadora da gravíssima 'entropia no canal' - à qual somos alheios -, mercê quiçá, da quantidade e qualidade de informação 'altamente sigilosa', naquele vertida.

rsv_0217_fts_rosita_laranjo0013.jpg

'Libório Caturra', fechou a  7 chaves a redação final do seu testamento

Libório, o testamentário - personagem incontornável destes rituais carnavalescos -, guardou a  7 chaves, a última redação do testamento. Os seus parcos teres e haveres, foram doados por elementos do Grupo, distintas personalidades, nacionais e internacionais, políticos da nossa urbe, instituições, associações e afins…

Leia atentamente o 'Testamento' em anexo, para saber se lhe tocou qualquer coisinha. Como diz o nosso povo: 'Mais vale pouco que nada'.

Ritual das carnes verdes voltou a repetir-se. após a queima do Entrudo

“Cada terra tem seu uso, cada roca tem seu fuso”
Após a leitura do Testamento, em plena Av. Central desta Augusta cidade, agora, dos arcebispos também, procedeu-se a queima do Entrudo - “O Home”, no adro da igreja de São Vicente. Seguiu-se, o 'ritual das carnes verdes', inerente a esta tradição carnavalesca. Assim, todos os foliões participantes na Corrida/Desfile do Entrudo - tal como mandava a tradição -, foram recompensados, com a degustação das carnes de porco, nomeadamente a orelheira e enchidos, acompanhadas com broa de milho caseira e o vinho verde da região.

OBJETIVOS finais da retoma da iniciativa: - Salvaguardar, preservar e promover o(s) legado(s) cultural(ais) herdado(s) - património material e imaterial inerentes -, ao nível das tradições e /ou manifestações etnológicas e etnográficas locais.

rsv0217_fts_c.entrudo_queima_homes0024 (1).jpg

Testamento do Libório 2017

Olha o Home, Olha o Home, Com a geringonça toda a gente come!? CARLOS – Boa noite meus senhores, más notícias lhes vou dar: - Morreu o Libório Caturra e, o seu testamento vou divulgar.

JOÃO – Morreu o Libório Caturra, filho por engano da Balbina Pinga e do Zeca Bêbado. Sendo natural da Rua das Palhotas, deixa saudades a todos os palhoteiros e irmãos vicentinos.

CARLOS - Pobre do Libório, morreu seco e tísico e poucos são os haveres para distribuir por tanto guloso. Mas generoso como era, a todos vai deixar qualquer coisinha.

JOÃO – Morreu o Libório! Finou-se… Está a fazer tijolo! Bateu a bota, esticou o pernil! E, que Deus o tenha muitos anos sem nós.

Olha o Home, Olha o Home, Com a geringonça toda a gente come!? CARLOS – Foi um ano difícil para o nosso LIBÓRIO. A geringonça custou a arrancar. Agora que embalou, será que é para ficar?

JOÃO – A olear a geringonça, o Marcelo vai ajudando, e assim o nosso Portugal lá vai avançando…! CARLOS – Cá pelo burgo bracarense, pouca cousa aconteceu. Na gaveta ficou, tudo aquilo que se prometeu… Foi um ai, que se lhe deu…

JOÃO – Vitor de Sousa e a TUB, é caso mal parado, toda esta confusão por causa do autocarro.

CARLOS – As vias pedonais, continuam muito bem frequentadas. Por … automóveis.

JOÃO – Lá p’rós lados do Picoto, virado a Guimarães, a coisa ficou linda de morrer, com o ginásio para cães.

CARLOS – Na Polícia Municipal, reina a anarquia. A insubordinação é tal, que ainda está sem chefia.

JOÃO – A presidência municipal anda em estado de graça; como ‘Deus’ votou nela, foi a Roma agradecer na Praça.

CARLOS – E cá por Braga ninguém se espanta; O presidente foi a Roma convidar o Papa, para vir à noite Branca.

JOÃO – Ilustre Presidente, Dr. Ricardo Rio; de Braga ao Vaticano…!, - Será que vai ficar PIO?

CARLOS – Sem pio ficou o povo, ao receber o lembrete: - 75 mil Euros, só pra arranjar 1 gabinete? 

JOÃO – E no Ambiente de Braga a polémica está instalada; árvore que pareça podre, é p’ra ser arrancada!

CARLOS – As medalhas de mérito, deram muito que falar: - Qual terá sido o critério, para a da Rusga de S. Vicente faltar?

JOÃO – 50 anos de idade, não são fáceis de atingir. Essa tal medalhinha, era mesmo de atribuir!

Olha o Home, Olha o Home, Com a geringonça toda a gente come!? CARLOS – O Sporting Clube de Braga; despediu o Peseiro, mas continua afastado, muito longe do primeiro. 

JOÃO – Bem depressa o Salvador, foi buscar o Simão. Será que vai ter força p’ra empurrar o camião?

CARLOS – Os ‘TUC TUC’ chegaram a Braga; em onda de euforia; e transportam toda a gente, da Estação ao Bairro da Alegria.

JOÃO – No tempo do ‘Baixinho’, eram só centros comerciais; Agora com o Rio, é só superfícies continentais, se o caso não fosse tão grave, dava para rir (Eh, eh, ehhhhh).

CARLOS – Mudam-se os tempos e os protagonistas, mas, continuam as mesmas vontades.

JOÃO – Mas Siga a Rusga, Siga a Rusga, que a vida não é só S. João. O Libório morreu, por alguma razão!.

CARLOS – Meus caros concidadãos e concidadonas, continuo a deixar-vos um país nas lonas.

JOÃO – O Libório perdeu o seu pé-de-meia quando foi aquilo do BES. Depois foi o BANIF, agora é a Caixa e, ninguém vai para a prisão. Em vez disso, mais uma vez paga o cidadão. 

CARLOS – E lá p’rós Estados Unidos, foi-se o presidente bacana. Está lá agora uma cenoura, que é mais uma banana.

JOÃO – Com Guterres nas Nações Unidas; aquilo é que vai ser bonito. O Putin e o Trump aos beijinhos, e, o povo da europa aflito.

Olha o Home, Olha o Home, Com a geringonça toda a gente come!? JOÃO – Mas passemos à leitura do testamento do finado, para que este possa descansar em paz até ao próximo ano.

CARLOS – Ao nosso 1º Ministro Costa, de ascendência indiana, deixo-lhe umas notas soltas, para melhor tocar na RANA.

JOÃO – À organização das Festas de S. João; deixo a minha máquina de calcular. Para apurar com precisão, quanta gente vem foliar.

CARLOS – Ao presidente da Associação de Festas de S. João, deixo-lhe a minha Porca Bisara, para juntar ao Porco Preto, e haver mais criação.

JOÃO – Aos demais elementos festeiros, das Festas da Cidade, deixo-lhes um saco de sarapilheira, para meter o pouco saber, a falta de humildade e as muitas trapaceiras.    

CARLOS – Aos ESSES que por aí continuam a actuar; deixo um mapa da Coreia do Norte, para irem multar os mísseis que por lá andam a passear.

JOÃO – Ao Dr. Domingos Alves, da junta de freguesia; deixo as minhas estantes, para colocar mais livros e poesia.

CARLOS – Ao Juiz da Irmandade; que S. Vicente quer abrigar, deixo a minha reforma, p’ró telhado da igreja consertar.

JOÃO – Ao José Ribeiro Pinto, Home de muitos ofícios; deixo as minhas ceroilas, para aliviar os sacrifícios.

Olha o Home, Olha o Home, Com a geringonça toda a gente come!? CARLOS – À juventude rusgueira; deixo o meu agradecimento. É uma malta à maneira. Não deixa a cultura popular cair no esquecimento.

JOÃO – Vou deixar às 3 Sãozinhas; as minhas 4 galinhas. Para que possam fazer, as suas gostosas papinhas.

CARLOS – À junta de freguesia de S. Vicente, vou deixar neste entrudo; Um pedido no Bom Jesus, para emprestar o canudo. Para ver melhor o ‘subcílio’, que dá à Rusga. JOÃO – Para a malta da tocata, que anima em todos os eventos; Deixo o meu gravador, para não se enganar nos melhores momentos.

CARLOS - Ao Celestino Reis, o nosso mais recente tocador de cavaquinho. Deixo-lhe três malgas de verde, p’ra cantar mais fininho.

JOÃO – Para que não falte a imaginação; ao Adão caricaturista. Deixo o meu garrafão, pois ele é um grande artista.

CARLOS – Ao João Macedo; que diz que não sabe dançar. Deixo as minhas chanatas, p’ra começar a treinar.

JOÃO – Ao Carlitos e ao Carlão; deixo-lhe as peles dos meus foles. P’ra fazer um ‘big’ timbalão.

CARLOS – Para a nova Vice-Presidente; deixo-lhe um projetor multimédia último grito. Mais três chávenas de chã e, umas rações de cabrito.

JOÃO – Ao Romeu e sua Julieta Andreia; deixo-lhes uma caixinha cheia de surpresas. Mas cuidado, não façam caras feias!...

CARLOS – Às irmãs de S. Vicente; que estão sempre a rezar. Deixo as minhas velinhas, para voltar a mercar.

JOÃO – Ao Chanceler João Paulo, Pároco da nossa freguesia, para melhor ler a pregação; Deixo-lhe o meu ‘AIPODE’, último grito, para colocar no ambão.

CARLOS – Aos jornais e rádios cá do burgo, volto a reforçar o meu pedido; Continuem a contar mesmo tudo, o que por cá tem acontecido.

JOÃO – Aos políticos em geral - aos de cá e aos de fora -, a todos quero dizer: - Com o Libório Caturra, antes quebrar que torcer.

CARLOS – Ao Cavaco Silva que já se reformou; deixo pastilhas para as azias. Provocadas pelo livro, “Quinta-feira e outros dias” – (Queixinhas…!)

Olha o Home, Olha o Home, Com a geringonça toda a gente come!?

JOÃO – Ao meu S.C. de Braga, clube do meu coração; Deixo o meu profundo desejo, um dia ser campeão.

CARLOS – E ao presidente do Braga, que só pensa no cifrão; Deixo as minhas sapatilhas, para treinar com o Simão.

JOÃO – Ao Zé Manel Carneiro, que agora virou ‘MECU’; Muito versado no trajar, deixo um lenço franjeiro, para a Isolina usar.

CARLOS – Aos novos elementos dos Corpos Gerentes da Rusga; na governança há 2 dias. Deixo o meu gato Tareco e, os ‘Caniches’ das Tias.

JOÃO – A minha medalhinha, dou à Rusga com vontade. Não é igual à da câmara, mas é dada com verdade.

JOÃO – Ao João de Vila Verde, tocador polivalente; Deixo o meu Lá-Mi-Ré, para afinar toda a gente.

CARLOS – Às manas de Bouro Santa Maria; cantadeiras a valer. Vou-lhes deixar dois cães polícias, para as mansões delas proteger.

 JOÃO – À Idalina cantadeira, mulher de porte substancial. Oferece-lhe uma capa e sombrinha, assim ficará magistral.

CARLOS – À nossa Sameirinha, e demais meninas que tratam do nosso trajar. Deixo-lhes um anti-traça aromático, para os bichinhos matar.

 JOÃO – Ao Departamento de Comunicação e Imagem, da Rusga de São Vicente. Deixo uma câmara panorâmica, para captar toda a gente.

CARLOS – Às meninas do Facebook, da Rusga de S. Vicente. Deixo as minhas memórias, para divulgar por toda a gente.

JOÃO – Para o casalinho Ventoso, que anda sempre no arejo. Deixo uma mãozinha de cera, para coçar o queijo.

CARLOS – Para o Mário Carcamano, que anda sempre nicado. Deixo umas luvas de pano, para quando ficar entalado.

JOÃO – Para o grupo da Corredoura, antes que me ponham a arder. Deixo a minha vassoura, p’ro terreiro de S. Torcato varrer.

CARLOS – P’ra Ronda da Meadela, amigos da tradição. Deixo a minha tigela e, eles trazem o garrafão.

JOÃO – Para que os bombos da boémia, continuem a rufar. Deixo as minhas cuecas, para quando forem sambar (Ah,ah,ahhh).

Olha o Home, Olha o Home, Com a geringonça toda a gente come!?

CARLOS – Às meninas do samba, deixo as penas das galinhas. Para que possam fazer, umas belas touquinhas.

 JOÃO – E ao pessoal do Samba, que veio participar. Deixo o meu agradecimento, e p’ró ano é para continuar.

CARLOS – Para eles não ficarem tristes, aos meninos da bateria, vou deixar as minhas peles em agua fria. Depois de bem esticadas, irão tocar com mais energia. (Eh, eh, ehhhhhh).

JOÃO – Aos atletas do “Braga a Correr”, não pensem que me esqueci de vocês. Como diz o nosso povo: “Os últimos serão os primeiros, e, os primeiros os últimos”.

 CARLOS – Para vós caras e caros amigos das correrias, deixovos cremes massajadores para todos os gostos. Leite de cabra, mel silvestre e Banha dunto. Se de outras massagens precisarem, não liguem ao ‘Libório Caturra’, consultem outro massagista defunto. 

JOÃO – Aos Bravos da Boa Luz, e, esta é para terminar. Deixo as minhas lanternas, p’ró Santo António enfeitar.

CARLOS – E a todos os presentes, sem exceção, lembro-vos que não vos deixo dívidas. Mas antes, a minha carteira vazia. Já que morro tísico, que nem um cão.

JOÃO – Este testamento foi revisto e aprovado pelo tribunal Constitucional. É carnaval e ninguém leva a mal! 

 CARLOS – Há 12 anos que arde o Home e, nunca ninguém passou fome. Vamos p’ra S. Vicente e queimámos o Home à vossa frente.

JOÃO – Agora que está lido o Testamento do Libório, vamos até ao adro de S. Vicente, ligamos o Cromatório, bebemos uma pinga e, comemos chouriço quente. 

 FIM

 São Vicente de Braga, 27 de Fevereiro de 2017 O Testador: LIBÓRIO CATURRA

Os testamenteiros:  - Dona Rosita Fina Penugem e, - Sr. Laranjo Casca Grossa

rsv0217_fts_c_entrudo_deslile0025.jpg

rsv0217_fts_c_entrudo_foliões_ouvem_testamento0011.jpg

rsv0217_fts_c_entrudo_leitura_testamento0008.jpg

rsv0217_fts_c_entrudo_mascarasdos0012.jpg

rsv0217_fts_c_entrudo_saída_desfile0022.jpg

rsv0217_fts_corrida_entrudo_famílias_mascarados0009.jpg

rsv0217_fts_corrida_entrudo0019.jpg

BRAGA APRESENTA POTENCIALIDADE TURÍSTICAS AO MERCADO ESPANHOL

Feira Internacional de Turismo decorreu em Pamplona
A Cidade de Braga marcou presença na 12.ª Feira Internacional de Turismo de Navarra, que decorreu este fim-de-semana em Pamplona (Espanha). Mais de 150 expositores nacionais e internacionais fizeram desta edição da ‘Navatur’ uma das mais participadas de sempre e Braga, em parceria com a Entidade Regional de Turismo Porto e Norte, aproveitou a ocasião para promover os eventos da Cidade, com destaque para a Semana Santa.

CMB01032017SERGIOFREITAS0000005509.jpg

A degustação de produtos regionais, com a doçaria tradicional em evidência, foi um dos pontos altos da Feira, tendo sido distribuídos os já conhecidos ‘Rebuçados do Senhor’, numa alusão à Semana Santa de Braga.

Durante o certame foram distribuídos mapas, roteiros, programas e calendários de eventos Bracarenses aos milhares de visitantes que passaram pelo espaço, além de material informativo de vários serviços existentes na Cidade com relevância turística, nomeadamente listas de alojamento ou empresas de visitas guiadas.
Do trabalho efectuado pelos técnicos municipais de turismo, resulta uma grande satisfação na procura de informação sobre a Cidade, nomeadamente pelo programa da Semana Santa.
Segundo a organização, neste evento houve uma grande procura de novos destinos turísticos, sendo que Braga - uma das novidades do certame -, ocupou um lugar de destaque, provocando enorme curiosidade entre os visitantes.
A ‘Navatur’ é um certame onde existe uma variada oferta turística de novas experiências na gastronomia, tradição, cultura, natureza e história, permitindo o contacto directo entre destinos e viajantes, onde cerca de 60% dos visitantes asseguram que aproveitam esta Exposição para escolher o destino para as suas férias.

CMB01032017SERGIOFREITAS0000005511.jpg

CMB01032017SERGIOFREITAS0000005510.jpg

MUNICÍPIO BRACARENSE E FUNDAÇÃO CUPERTINO DE MIRANDA PROMOVEM POLIFONIA EM BRAGA

Protocolo assinado no Salão Nobre dos Paços do Concelho

O Município de Braga assinou um protocolo de dinamização cultural com a Fundação Cupertino de Miranda (FCM) que visa a realização de dois concertos, em 2017, protagonizados pela Cappella Musical Cupertino de Miranda, sendo que um será realizado no âmbito do Festival Internacional de Polifonia Portuguesa. O protocolo foi assinado por Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, e Pedro Álvares Ribeiro, presente do Conselho de Administração da FCM, numa cerimónia que decorreu no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

CMB24022017SERGIOFREITAS0000005478.jpg

Na ocasião, Lídia Dias, vereadora da Cultura, sublinhou que a Autarquia tem ´todo o gosto e interesse´ em associar-se a uma Fundação com reconhecido prestígio. “Já é uma tradição Braga receber estes concertos, pelo que pretendemos consubstanciar esta presença no território e abrir portas a uma parceria cada vez mais frutuosa e que possa abranger outras áreas, qualificando o nosso território com uma sinergia na qual é importante continuar a investir”, referiu, adiantado - a título de exemplo sobre as áreas artísticas a que esta parceria se pode estender - que, no âmbito do Animatographo, vão realizar-se em Março duas conversas que contarão com o apoio da FCM.

Por seu turno, Pedro Álvares Ribeiro garantiu que, nos séculos XVI e XVII, Portugal tinha dos melhores músicos do mundo no que diz respeito à polifonia. “A Cappella Musical Cupertino de Miranda pretende ser o embaixador deste género musical e é difícil pensar em melhores locais para esta música ser ouvida do que as belas catedrais e igrejas barrocas que existem em Braga”, afirmou.

CMB24022017SERGIOFREITAS0000005481.jpg

CMB24022017SERGIOFREITAS0000005483.jpg

MUNICÍPIO DE BRAGA PROMOVE “FEIRA GORDA” PARA REAVIVAR TRADIÇÕES MINHOTAS

Certame decorre até amanhã, 28 de Fevereiro, no Campo da Vinha

Está patente no Campo da Vinha, desde o dia 25 de Fevereiro e até amanhã, dia 28, a «Feira Gorda», um certame promovido pelo Município de Braga que pretende ´reavivar´ as tradições e costumes típicos da região do Minho.

16864629_1457994824231700_6989088077561175628_n (1).jpg

Sendo que o Domingo de Carnaval é característico pelas suas tradições religiosas mas também gastronómicas, o que nos dias de hoje apenas ganha expressão nas zonais mais rurais, a realização deste mercado em contexto rural permite trazer à Cidade estes costumes. “É uma tradição que se tem vindo a perder, resumindo-se apenas à comercialização e consumo de carne de porco naquele que era o último Domingo antes do Carnaval, costume que dava inicio à Quaresma”, referiu Altino bessa, Vereador do Município de Braga, durante uma visita à Feira.

O Vereador sublinhou ainda que estes eventos são importantes para criar dinâmica para a Cidade e para o comércio, levando animação para o centro da Cidade ao mesmo tempo que ´repesca as tradições do carnaval minhoto, preservando e dando continuidade a este tipo de identidade´.

Um dos momentos altos do certame será o julgamento do Entrudo, amanhã, Terça-feira, pelas 17h00. O evento inclui também vários momentos de diversão com música tradicional, teatro, concurso de máscaras, gigantones, cabeçudos e, para os mais pequenos, insufláveis e pinturas faciais.

16864629_1457994824231700_6989088077561175628_n.jpg

16864720_1457995004231682_3446976139050908874_n.jpg

RICARDO RIO, PRESIDENTE DO MUNICÍPIO DE BRAGA, LEVA “ROMA PORTUGUESA” AO PAPA FRANCISCO

O presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, encontrou-se esta Quarta-feira com o Papa Francisco, no Vaticano, tendo participado na Cerimónia de “bacci-mano” que marca as Audiências Gerais de Sua Santidade. Um momento histórico, de enorme singularidade e simbolismo, para a Cidade e para o Autarca.

16806936_1455096247854891_5184907493441555413_n.jpg

No encontro com o Papa Francisco, o Presidente da Câmara Municipal de Braga falou-lhe da Cidade e dos Bracarenses, apresentando Braga, a "Roma Portuguesa", como uma Cidade de fé.

Uma Cidade de fé pela sua história bimilenar, pelo omnipresente legado dos seus arcebispos, pela monumentalidade da Sé Catedral - ponto de partida de milhares de peregrinos rumo a Santiago -, do Bom Jesus do Monte, da Basílica do Sameiro, do Mosteiro de Tibães e de tantos outros edifícios singulares.

Consciente da impossibilidade da visita do Papa Francisco à Cidade de Braga na sua próxima deslocação a Portugal, Ricardo Rio destacou também a vitalidade das manifestações religiosas e a mobilização dos Bracarenses, na Semana Santa, no Presépio Vivo de Priscos ou nas múltiplas iniciativas que testemunham a devoção do seu povo.

Mas, sobretudo, Ricardo Rio destacou Braga como uma Cidade de fé no futuro. Pela sua juventude. Pela sua diversidade cultural. Pelo seu espírito empreendedor. Pela sua consciência solidária e humanista. Pela valorização das famílias. No fundo, pela sua capacidade de fazer pontes entre culturas, religiões e gerações. De Braga para o Mundo.

16864657_1455096271188222_7180506694038052438_n.jpg

História e Inovação marcam oferta a Sua Santidade o Papa Francisco

Na ocasião, Ricardo Rio ofereceu ao Sumo Pontífice um livro digital, também sob o mote “Braga, Cidade de Fé”, onde se conjugam os principais recursos históricos e turísticos do Concelho, a sua capacidade inovadora e tecnológica e o dinamismo, juventude e energia das suas gentes, que O deixou particularmente agradado e surpreendido.

Esta oferta singular era composta por duas peças autónomas, encrustadas num formato de livro histórico.

No topo, um tablet onde se podem visionar dois vídeos. Um, sobre os recursos da Cidade, a sua história, os seus monumentos, as suas principais iniciativas, a sua dinâmica cultural, desportiva e social, com destaque para o diálogo inter-geracional e a promoção da inclusão. O outro, com a compilação de “80 histórias de amor”, 80 pinturas, realizadas por crianças Bracarenses do Colégio João Paulo II, sobre a importância da família e dos avós em particular, comemorativas dos 80 anos de idade celebrados por Papa Francisco em Dezembro passado.

16939290_1455096704521512_9170477414198510437_n.jpg

Na base, Sua Santidade recebeu das mãos do Presidente da Câmara Municipal de Braga, um nano-chip produzido e oferecido pelo INL – Laboratório Internacional de Nanotecnologia, na Cidade de Braga, onde consta uma das citações preferidas do Papa Francisco em várias dimensões.

A frase – “Qual de vós, tendo cem ovelhas e perdendo uma, não deixa as noventa e nove no deserto e vai em busca da que se perdeu, até encontrá-la? (LC, 15, 1-7) – foi impressa no nano-chip em diversos tamanhos, no menor dos quais foram utilizadas letras nano-fabricadas em ouro, com 50 nm de espessura sobre Al2O3 com 100nm de espessura.

16864785_1455096521188197_5774527018505686933_n.jpg

16832155_1455095327854983_1843044656118296284_n.jpg

16939387_1455095387854977_8570147282117672567_n.jpg

16996017_1455095371188312_7236600769278473594_n.jpg

CONSELHO CONSULTIVO DA ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO DE ADULTOS DISCUTE, EM BRAGA, FUTURO DA EDUCAÇÃO DE ADULTOS, A POUCOS DIAS DE SE INICIAR O NOVO PROGRAMA QUALIFICA.

Tem lugar em Braga, nas instalações da Universidade do Minho, na próxima sexta-feira, dia 24 de fevereiro, às 16 horas, a reunião do CONSELHO CONSULTIVO de Educação e Formação de Adultos da APEFA, que integra personalidades relevantes e distintas da sociedade portuguesa (em anexo), da academia, Universidades de Évora, Lisboa, Coimbra, Porto e Braga, da Igreja, da economia e do empresariado, da comunicação social, sindicatos, docentes, formadores e especialistas em Educação de Adultos e autarcas, para pensar sobre o atual momento da Educação e Formação de Adultos em Portugal e os caminhos que deve trilhar em pleno séc. XXI.

O encontro servirá, também, para analisar a atividade pública desenvolvida pela Associação Portuguesa de Educação e Formação de Adultos, junto das autoridades portuguesas e as iniciativas diversas de atuação e defesa da EFA, ao longo dos cinco anos de atividade, mas, e sobretudo, para apontar caminhos e medidas orientadoras de futura intervenção territorial neste campo dada a nova oportunidade do Programa Qualifica que, agora, se inicia, definindo um novo quadro de regulação institucional e constituição de uma rede de atores de geometria variável.

Agenda da reunião.

O Presidente da Direção da Associação Portuguesa de Educação e Formação de Adultos

Armando Gomes Loureiro

CONSELHO CONSULTIVO

ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO DE ADULTOS – APRENDÊNCIAS

 Professor Doutor LICÍNIO LIMA, Universidade do Minho;

 Professor Doutor LUÍS ROTHES, Instituto Politécnico do Porto;

 Professor Doutor JOSÉ CARLOS BRAVO NICO, Universidade de Évora;

 Professor Doutor ANTÓNIO MANUEL SEIXAS SAMPAIO DA NÓVOA,

Universidade de Lisboa;  

 Professor Doutor JOSÉ PEDRO AMORIM, Universidade Porto;

 Dr. JOSÉ MARQUES, EX- Presidente de CM Sabrosa;

 Professor Doutor LUÍS ALCOFORADO, Universidade de Coimbra;

 Dr. PAULO FELICIANO, Consultor Coordenador da Quaternaire (participação

temporariamente interrompida por assunção de funções públicas diretivas) ;

 Drª OLÍVIA SANTOS SILVA, especialista em Educação de Adultos;

 Drª MADALENA DIAS, Docente de Educação de Adultos;

 Professor JOSÉ MANUEL CASTRO, Universidade do Porto;

 Professora Doutora MARIA DO CARMO GOMES, OIT-Organização Internacional

do Trabalho / CIES-ISCTE-IUL - Instituto Universitário de Lisboa;

 + Dom FRANCISCO JOSÉ VILLAS-BOAS SENRA DE FARIA COELHO, Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Braga;

 Professor Doutor JOSÉ MANUEL PUREZA, Universidade de Coimbra;

 Dr. JOÃO DIAS DA SILVA, Federação Nacional de Educação, membro do CES da

Comissão Europeia;

 Professor Doutor SANTANA CASTILHO, Instituto Politécnico de Santarém;

 Dr. FERNANDO PAULO, Diretor Municipal da Presidência da Câmara do Porto;

 Dr. ANTÓNIO OLIVEIRA, CEO da GTI - Gestão Tecnologia e Inovação, SA;

 Dr. JULIO MAGALHÃES, Jornalista, diretor Porto Canal;

 Drª. ANA PEIXOTO, Jornalista da TVI;

 Drª. ANABELA SOTAIA, FENPROF, CGTP-IN;

 Professora Doutora LURDES PRATAS NICO, Universidade de Évora; 

 Drª HELENA PEREIRA, Programadora;

 DIRIGENTES da APEFA.

RUSGA DE S. VICENTE DE BRAGA: HÁ 50 ANOS A RUSGAR!

Tema da 84ª edição dos S/Ts: - "INATEL - de que modo, uma Fundação de todos e para todos?! "

A Rusga de São Vicente de Braga - Grupo Etnográfico do Baixo realiza a 84ª edição dos "Serões no Burgo/Tertúlias Rusgueiras", a primeira seranzada deste ano.

19263647_cksBg.jpeg

Data: - 24 de fevereiro (sexta)

Hora: - 21:30h,

Local: - Sede da Rusga, Avª Artur Soares (Palhotas), nº 73, Braga

* - Por questões de mera logística, se de todo não for possível contar com a presença de V/ Ex.cia, informe sff, se indigita algum(a) representante. Muito agradecidos.

Para cavaquear, refletir e questionar, sobre o tema, teremos connosco o Presidente do Conselho de Administração da Fundação INATEL, Dr. Francisco Madelino, com moderação de José PintoPresidente da Rusga.

História e/ou conto: - Dr. José Händel de Oliveira, ex-diretor da delegação em Braga do INATEL

Os momentos artísticos que os "Serões/Tertúlias" contemplam, serão da responsabilidade de vários CCD's da Fundação INATEL.

REPTO:

"Porque é Carnaval, ninguém pode levar a mal este convite/REPTO"

INICIATIVA: Corrida/Desfile do Entrudo/2017 - "Olha o Home, lá bai o home..." -, ritual carnavalesco bracarense

​OBJETIVOS: - Salvaguardar, Preservar e Promover a materialidade e imaterialidade do(s) legado(s) cultural(ais) herdado(s), ao nível das tradições e/ou manifestações etnográficas e etnológicas locais.

QUANDO: - Dia 26 de fevereiro (seg) /2016, às 21:30h

​ONDE: - Local de concentração (às 21:00h): junto à sede da Rusga. Av. Artur Soares(Palhotas), nº73, Braga

COMO?: Fazendo um Entrudo/Home (boneco tipo espantalho) e, trazê-lo (de mota, comboio, camioneta, camião, avião, ou..., a pé), conjuntamente com resmas de boa disposição para 'Correr o Entrudo'.

Contamos com a sua entusiástica e original participação, especialmente, aos que ainda não aderiram.

Sinta-se desde já convidada(o).

E, Siga a Rusga...

19263654_QTzjc.jpeg

19263660_Vdu6c.jpeg

19263661_5nDkV.jpeg

Convite_84_24fev2017 (7).jpg

BRACARENSES MOSTRAM ELEVADA CONFIANÇA NA ÁGUA DA AGERE

Inquérito realizado atesta a qualidade do serviço da empresa municipal

São cada vez mais os Bracarenses que consomem e confiam na água da torneira. Este é o principal resultado do inquérito que a AGERE – Empresa de Águas, Efluentes e Resíduos de Braga realizou junto dos munícipes, numa campanha que visou incentivar o consumo de água da torneira e reduzir o uso de garrafas de plástico, prejudiciais ao meio ambiente.

AGEREAG.jpg

Este inquérito teve lugar entre os dias 23 e 25 de Novembro do ano transacto, no Balcão Único e no edifício-sede da AGERE, decorrendo no âmbito da Semana Europeia da Prevenção de Resíduos. O desafio consistiu numa ‘prova cega’ onde os munícipes foram convidados a provar e a distinguir a água da torneira da água engarrafada. No final, os participantes tiveram a oportunidade de avaliar a qualidade da água de cada copo e tentar identificar qual a água proveniente da rede pública.

Num total de 660 inquiridos, 292 (44%) responderam que gostavam mais da água do copo B (AGERE) e 100 (15%) disseram que eram iguais, havendo 261 (40%) dos inquiridos a optar pela água do copo A (engarrafada). No entanto, questionados com que frequência consumiam água da torneira, 413 (62%) responderam que o fazem sempre e 97 (15%) consomem água da AGERE pontualmente. Do total dos inquiridos, apenas 150 (23%) assumiram nunca beber água da torneira.

O tipo de consumo também esteve em análise durante esta iniciativa, com 461 (70%) das pessoas a afirmarem que utilizam a água da torneira para consumo doméstico, sendo que apenas 61 (9%) responderam que nunca utilizam a água da rede pública para esse fim.

A confiança dos Bracarenses na água que chega à torneira das suas casas também ficou patente neste inquérito, com 370 (56%) a responderem que aconselhariam aos familiares e amigos o consumo da água da AGERE e apenas 58 (9%) a afirmarem que nunca o fariam.

Recorde-se que a AGERE possui um serviço de fornecimento de água que dá garantias de qualidade e de segurança aos cidadãos, como comprovam os dados da Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (ERSAR), apresentando um índice de excelência de 99 por cento.

MUNICÍPIO DE BRAGA ESCLARECE SOBRE REABILITAÇÃO URBANA

Terceira Sessão de esclarecimento das novas Áreas de Reabilitação Urbana realiza-se amanhã, Sexta-feira, dia 24 de Fevereiro, pelas 21h15, no auditório da Junta de Freguesia de Maximinos, Braga

O Município de Braga leva a efeito a terceira sessão de esclarecimento das novas Áreas de Reabilitação Urbana (ARU’s), que terá lugar Amanhã, Sexta-feira, 24 de Fevereiro, pelas 21h15, no auditório da Junta de Freguesia de Maximinos, em Braga.

A sessão, onde serão abordadas as temáticas referentes à ARU Braga Sul, irá contar com a presença do vice-presidente da Câmara Municipal de Braga, Firmino Marques, e do Vereador do Urbanismo, Miguel Bandeira.

Esta é a terceira e última sessão pública de esclarecimento que o Município de Braga realiza sobre a criação de novas ARU´s, que integram o anel contemporâneo de crescimento da Cidade.

MUNICÍPIO DE BRAGA ENCERRA NO CARNAVAL

Encerramento dos Serviços Municipais

O Município de Braga vem por este meio informar que, por despacho Presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, os serviços municipais se encontrarão encerrados no dia 28 de Fevereiro, por motivo de tolerância de ponto, inerente ao Carnaval.

CMB07012014SERGIOFREITAS0000066.jpg

Tal decisão teve em consideração a longa tradição no Município de Braga dos festejos carnavalescos e que a Terça-feira de Carnaval é utilizada por diversos trabalhadores para se deslocar aos vários desfiles que se realizam por todo o País, incluindo os festejos e desfiles que ocorrem na Cidade de Braga. A dinamização económica inerente à data foi, também, um factor tido em conta, uma vez que o dia de Carnaval constitui uma oportunidade de negócio para os agentes económicos do Concelho.

Mais se informa que, não obstante a este facto, e por motivos de interesse público, se encontram abertos serviços essenciais, nomeadamente: Cemitério; Posto de Turismo; Parque de Estacionamento do Rechicho; Parque de Campismo; Bombeiros Municipais; Polícia Municipal e Aeródromo.

O Estádio 1º de Maio e os Campos da Rodovia mantêm a abertura ao público até ás 13h00.

O Mercado Municipal da Praça do Comércio estará encerrado no dia de Carnaval. No entanto, no dia anterior, Segunda-feira, dia 8 de Fevereiro, o Mercado irá funcionar das 06h00 às 14h30.

BRAGA APOSTA NO DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS DOS BOMBEIROS SAPADORES

A Companhia de Bombeiros Sapadores de Braga está a desenvolver uma acção de formação em Salvamento e Desencarceramento de nível II, ministrado pela Escola Nacional de Bombeiros.

16864281_1453514354679747_5702863317468768733_n.jpg

Esta iniciativa reflecte a aposta do Município de Braga na qualificação dos recursos humanos da sua Companhia de Bombeiros Sapadores, com o objectivo de dotar os formandos com competências técnico-operacionais para chefiar equipas em operações de salvamento e desencarceramento rodoviário e similares.

Já no ano transacto, o Município de Braga proporcionou um total de 6208 horas de formação aos profissionais da Companhia de Bombeiros Sapadores de Braga, atingindo 160 operacionais, que adquiriram competências em diversos cursos, nomeadamente em incêndios urbanos e industrias, em segurança e comportamento em incêndios florestais, em mergulho, na formação de tripulantes de ambulância de socorro, em segurança contra incêndios em edifícios, salvamento e desencarceramento, entre outros.

16649466_1453516048012911_1069283557522047405_n.jpg

16730267_1453515218012994_5869773258049301343_n.jpg

16830712_1453514008013115_4784011497536789958_n.jpg

HARMOS FESTIVAL TRAZ TRÊS CONCERTOS A BRAGA

A Cidade de Braga volta este ano a estar na rota do HARMOS Festival, um conceito único em todo o espaço europeu que reúne os melhores alunos das mais conceituadas escolas superiores do mundo.

Harmos 2.jpg

A realizar de 7 a 11 de Março, o HARMOS Festival inclui três concertos em Braga que estão agendados para os dias 9, 10 e 11 de Março na Capela da Imaculada Conceição (Seminário Menor), no Conservatório de Música Calouste Gulbenkian e no Auditório Vita, respectivamente. Os concertos decorrem sempre às 21h30.

Além de Braga, o HARMOS Festival inclui este ano concertos na Casa da Música, em Albergaria-a-Velha, Barcelos, Lousada e Santa Maria da Feira que contam com a participação de artistas dos cinco continentes.

O HARMOS é ainda o palco privilegiado para masterclasses, conferências e projectos de envolvimento comunitário, que fazem do conceito HARMOS um motor cultural em todos os contextos em que marca presença. O HARMOS pretende ser sempre “um projecto aberto e flexível às mudanças que o possam tornar ainda mais apelativo para os seus públicos, assumindo-se como uma proposta cada vez mais internacional”, explica a Escola Superior de Música, Artes e Espectáculo, entidade organizadora do festival.

Detentor do selo EFFE (Europe for Festivals, Festivals for Europe, sob a égide da Comissão Europeia e da Associação Europeia de Festivais), tem sido reconhecido como um festival de referência nacional e internacionalmente e apoiado por um conjunto importante de parceiros.

Mais informações em www.harmos.eu

MUNICÍPIO DE BRAGA REFORÇA PARCERIA COM EDP DISTRIBUIÇÃO

Empresa de distribuição de energia anuncia investimento de 3,3 milhões de euros em Braga

O Município de Braga assinou um protocolo com a EDP Distribuição referente à revisão do contrato de concessão das Redes em Baixa Tensão, que vai permitir a expansão e remodelação da Iluminação Pública, utilizando a nova tecnologia LED.

16807390_1452292034801979_4919883817833926896_n.jpg

Este protocolo, assinado por Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, e pelo director de Redes e Clientes do Norte, Mário Guimarães, prevê a erradicação das luminárias de vapor de mercúrio, bem como outras luminárias degradadas, sendo substituídas pelo novo sistema LED, num total de 600 novas luminárias LED, em vários pontos da Cidade.

Na ocasião, a EDP Distribuição anunciou que irá investir este ano, em Braga, 3,3 milhões de euros destinados à expansão e remodelação da rede de Média Tensão, à automação e telecomando, assim como a construção de novos Postos de Transformação (PT) e a construção e remodelação da rede de Baixa Tensão, com vista a melhorar a qualidade de serviço do fornecimento de energia eléctrica.

Parte substancial da verba de investimento será alocada à substituição de mais de 20 mil equipamentos de contagem residenciais pelos novos contadores inteligentes ‘Energy Box’. Estes equipamentos vão permitir a telecontagem, efectuar alterações de potência contratada, ligar ou desligar remotamente o contador, bem como a monotorização dos consumos por parte dos clientes.

Concluída esta operação, no final de 2017, a empresa prevê que cerca de 50 por cento dos seus clientes residentes em Braga, tenham as suas casas equipadas com os novos contadores inteligentes ‘Energy Box’.

16865135_1452292074801975_1684911657866905904_n.jpg

ATLETAS ARCUENSES DESFRUTAM DE 3ª PARTE NO CONVÍVIO REGIONAL DE BRAGA

Sub-8, Sub-10 e Sub-12 do CRAV

As equipas de sub-8, sub-10 e sub-12 do CRAV deslocaram-se a Braga para participar no convívio Regional aí organizado, no passado domingo. Foi assim num belo dia de inverno que o evento se desenrolou.

convívio de braga (1).jpg

Com um excelente adesão dos jovens, sempre identificáveis pela sua energia e entusiasmo, a participação teve um saldo extremamente positivo pela forma como os jogos decorreram e belo excelente espírito presente na competição, em que só houve vencedores, pela experiência vivida e por mais um episódio na sua formação desportiva.

Ao contrário do que é habitual no rugby, desta vez os jovens atletas tiveram direito a prémio de jogo. Com efeito, as pequenas promessas do CRAV, respondendo ao amável convite da Sra. Maria Teresa Soares, foram lanchar a um dos restaurantes da cadeia MacDonalds, sito junto à Universidade do Minho. Desta forma, para além do habitual convívio, cumpriu-se a tão famigerada terceira parte do rugby, desta vez bem ao jeito da pequenada.

convívio de braga (2).jpg

convívio de braga (3).jpg

ESTAFETA DA AMIZADE LIGA BRAGA A GUIMARÃES

DUAS CIDADES, UM TERRITÓRIO, UNIDAS PELO DESPORTO

Estafeta da Amizade com inscrições abertas liga este ano Guimarães a Braga

Em 2017, a prova faz o percurso inverso, iniciando na Alameda Dr. Alfredo Pimenta e finalizando no Parque de Exposições de Braga. Receitas revertem integralmente para as Cercis das duas cidades.

Guimaraes_Estafeta_Amizade.jpg

A segunda edição da Estafeta da Amizade, que une desta vez a cidade de Guimarães à de Braga no próximo dia 09 de abril, tem já as inscrições abertas. A prova de atletismo não só tem um cariz solidário, com as receitas a reverterem a 100% para a CerciGui e CerciBraga, mas também visa promover a coesão territorial e a igualdade de género.

O percurso este ano será invertido, sendo que os primeiros atletas vão partir da Alameda Dr. Alfredo Pimenta, passando pelas zonas de transição localizadas em Ponte, Portela/Balazar e Trandeiras, terminando a prova junto ao Parque de Exposições de Braga. As inscrições já se encontram abertas em www.estafetadaamizade.pt ou diretamente junto das Cercis de Braga e Guimarães.

Tal como sucedeu o ano passado, os Municípios de Guimarães e de Braga vão facultar transporte aos atletas desde o ponto de partida até cada ponto intermédio e desde a zona de meta até ao ponto de partida. Dada a especificidade da prova em que as equipas têm de ser formadas por dois elementos masculinos e dois femininos, foi criada uma bolsa de atletas onde os participantes poderão também formar novas equipas e criar novos laços.

BRAGA DEBATE ESTRATÉGIA DE MOBILIDADE SUSTENTÁVEL COM PARCEIROS EUROPEUS

Encontro da rede Urbact CityMobilNet decorreu na Alemanha

A Cidade de Braga esteve representada no último encontro internacional da rede Urbact CityMobilNet, que se realizou entre 15 e 17 de Fevereiro, em Bielefeld, na Alemanha, onde apresentou a estratégia municipal para a mobilidade sustentável aos parceiros europeus.

16864129_1451350301562819_7647459228403921946_n.jpg

Neste encontro, que contou com a presença do vereador do Urbanismo da Câmara Municipal de Braga, Miguel Bandeira, foram abordadas questões referentes à repartição modal, aos problemas de mobilidade e aos projectos que estão em desenvolvimento em toda a rede de cidades.

“Este encontro potenciou uma maior partilha de experiências, onde ficou bem patente a necessidade de implementação dos projectos em curso, que visam a promoção da mobilidade sustentável e a descarbonização da Cidade”, referiu Miguel Bandeira, lembrando que “estes objectivos são uma imposição da própria União Europeia e que há muito estão definidos por outras cidades, cujas metas Braga não poderá descurar”.

Braga foi a Cidade escolhida para ser a anfitriã do próximo encontro desta rede de Cidades, que terá lugar em Junho, tendo disputado a organização com as cidades de Gdansk e Agii Anargyri-Kamatero.

A rede CityMobilNet visa a elaboração de Planos de Mobilidade Sustentável um pouco por toda a Europa, com base na troca de conhecimento e experiência das cidades parceiras.

Além da Cidade de Braga, a rede incorpora as cidades de Bielefeld (Alemanha), Székesfehervar (Hungria), Slatina (Roménia), Burgos (Espanha), Agii Anargyri-Kamatero (Grécia), Marselha e Marne a l’Eau (França), Gdansk (Polónia), Palermo (Itália), Valletta (Malta) e Zadar (Croácia).

BRACARENSES DEBATEM REGENERAÇÃO URBANA

Braga reúne parceiros com vista à promoção da Regeneração Urbana. Conselho Estratégico reuniu no Palácio do Raio

Realizou-se hoje, dia 20 de Fevereiro, no Palácio do Raio, mais uma reunião do Conselho Estratégico para a Regeneração Urbana de Braga (CERPUB), um órgão consultivo que reúne um leque ecléctico de entidades e personalidades ligadas às várias áreas que contendem com a temática, tendo por objectivo recolher contributos e promover uma política pública participada e abrangente.

CMB20022017SERGIOFREITAS0000005335.jpg

Na ocasião, o Edil anunciou que será lançado um portal da reabilitação urbana assim que as novas Áreas de Reabilitação Urbana (ARU´s) sejam formalmente aprovadas e publicadas em Diário da República. “O Município vai promover três sessões públicas de esclarecimento orientadas para as delimitações das ARU´s, pretendendo com isso levar ao maior número possível de cidadãos a informação sobre este instrumento capaz de fomentar o investimento na regeneração através de benefícios directos consideráveis”, afirmou, lembrando ainda, neste sentido, a adesão da Autarquia ao programa Reabilitar para Arrendar – Habitação Acessível, uma linha de financiamento disponibilizada pelo Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana (IHRU) que visa dinamizar a reabilitação urbana e a criação de rendas acessíveis.

Segundo o Autarca, vive-se um “momento de reanimação” do ponto de vista económico, que tem reflexo no aumento dos pedidos de processos de licenciamento em curso em todo o Centro Histórico, vários deles corporizados por investidores internacionais em unidades hoteleiras e edifícios de serviços. Mas apesar dos processos a tramitar serem ´bastantes´, estão ainda ´aquém do desejado´. “Há zonas deficitárias em termos de intervenção e um dos propósitos deste Conselho deve ser o de encontrar ideias e propostas para mobilizar os proprietários e potenciais investidores nos processos de reabilitação nessas mesmas zonas”, disse Ricardo Rio.

Outro aspecto importante enfatizado pelo Edil está relacionado com as intervenções previstas nos próprios edifícios do Município, como são o caso do Parque de Exposições, Mercado Municipal, Pousada da Juventude ou antigas instalações da Escola Francisco Sanches. “A juntar a isto temos também as reabilitações que se irão realizar pela BragaHabit nos Bairros das Enguardas e Santa Tecla, juntamente com a demolição do Bairro da Ponte dos Falcões. Na área da mobilidade, procuramos igualmente soluções diferenciadoras e que resultam de boas práticas validadas internacionalmente”, referiu, dando como exemplo as zonas 30 – limitação da velocidade a implementar em áreas residenciais com comércio elevado ou na proximidade de equipamentos escolares – ou as zonas Kiss & Go –facilitam a recolha das crianças nas áreas sensíveis.

As sessões públicas de esclarecimento das ARU’s começam Quarta-feira, 22 de Fevereiro, no auditório da Junta de Freguesia de S. Victor. A 23 de Fevereiro tem lugar a segunda sessão, no auditório da Junta de Freguesia de Dume, e a terceira e última sessão decorre a 24 de Fevereiro, no auditório da Junta de Freguesia de Maximinos.

CMB20022017SERGIOFREITAS0000005334.jpg

BRAGA É EXEMPLO A SEGUIR NA POLÍTICA DE APOIO ÀS FAMÍLIAS

Associação Portuguesa de Famílias Numerosas reuniu em Braga

Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, participou este Sábado, 18 de Fevereiro, no encontro da Associação Portuguesa de Famílias Numerosas (APFN), onde foi entregue o prémio ‘Personalidade’ a Joaquim Azevedo, professor catedrático da Universidade Católica Portuguesa e membro do Conselho Nacional de Educação, onde tem efectuado um trabalho de excelência na direcção da Comissão de Políticas Públicas e Desenvolvimento do Sistema Educativo.

16864259_1449728008391715_599946397162602899_n.jpg

O encontro, que decorreu na Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva (BLCS), surge após a participação do Município na VIII Conferência Europeia das Famílias Numerosas, que teve lugar o ano passado em Riga, na Letónia, e no qual viu reconhecido o seu desempenho enquanto Município Familiarmente Responsável.

Lembrando que Braga é actualmente considerada “uma Cidade amiga das famílias”, Ricardo Rio destacou as medidas e as políticas sociais implementadas nos últimos anos e que têm motivado a sucessiva atribuição do título de ‘Autarquia + Familiarmente Responsável’, fazendo de Braga “um exemplo a seguir na política de apoio às famílias”.

A implementação medidas “familiarmente responsáveis” como a redução dos tarifários de água e saneamento, que tem em consideração o número de pessoas por agregado familiar, não penalizando as famílias mais numerosas; a política generalizada de oferta de manuais escolares; o reforço dos apoios conferidos aos alunos de escalão A e B; o reforço no apoio ao transporte escolar ou o reforço do apoio nas refeições escolares, foram algumas das políticas destacadas pelo Autarca.

Os apoios às famílias, atribuídos pelo Município abrangem também diversos benefícios fiscais como a comparticipação da taxa de IRS e a redução do IMI. “Nos últimos anos temos desenvolvido projectos pioneiros e que estão as ser replicados a nível nacional. Criámos o projecto Pimpolho em colaboração com o Hospital de Braga que visa a prevenção da ambliopia aos alunos do pré-escolar e implementámos um programa de apoio à vacinação com a oferta da vacina contra o Rotavírus que não faz parte do plano nacional de vacinação”, referiu o Edil Bracarense, lembrando ainda a existência do programa de saúde oral ‘Braga a Sorrir’, assim como os Cartões Sénior e Família Numerosa que conferem inúmeros benefícios aos seus aderentes.

“São muitos os Bracarenses que diariamente beneficiam de uma melhoria evidente da sua qualidade de vida, fruto das medidas implementadas pelo actual Executivo, e vamos continuar a efectuar todos os esforços para que Braga seja cada vez mais uma Cidade amiga das famílias e onde os mais jovens encontrem todas as condições para se fixar e constituir a sua vida”, concluiu Ricardo Rio.

16832265_1449727811725068_892683664027588425_n.jpg

BRAGA INAUGURA CENTRO DE CONVÍVIO SÉNIOR DE SEMELHE

Amanhã, Domingo, dia 19 de Fevereiro, às 15h00, na antiga escola primária de Semelhe, junto à igreja local, Braga

O Município de Braga inaugura o Centro de Convívio Sénior de Semelhe, amanhã, Domingo, dia 19 de Fevereiro, pelas 15h00.

A inauguração irá contar com a presença do presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, e do presidente da União de Freguesias de Real, Dume e Semelhe, Francisco Silva.

De referir que este Centro de Convívio Sénior foi instalado na antiga escola primária de Semelhe, situada junto à Igreja Paroquial. O equipamento dá agora lugar a um centro de convívio para a população sénior desta União de Freguesias, apresentando-se como uma mais-valia recreativa, pedagógica, artística e desportiva. 

FESTIVAL DE TEATRO INFANTIL DE BRAGA REGRESSA ESTE DOMINGO

‘Era uma vez no mês…’ prolonga-se até Dezembro

O Festival de Teatro Infantil 'Era uma vez no mês...' está de volta! A iniciativa, promovida pelo Município de Braga, regressa este Domingo com a peça 'Uma Família é uma Família', apresentada pelo Teatro do Bolhão. O espectáculo, dirigido a crianças maiores de três anos, tem como palco o Auditório Vita, iniciando-se às 11h00. A entrada é livre, mas sujeita à lotação da sala.

Este festival constitui uma proposta para domingos em família e realiza-se mensalmente, diferentes espaços do Concelho de Braga. A iniciativa combina não só os clássicos do imaginário infantil, que serão capazes de causar nostalgia desde o neto ao avô, como também temáticas relacionadas com a família, educação, aventura, entre outras que farão todos embarcar nesta viagem que incentiva a imaginação e o sonho. 

As onze propostas teatrais, que se iniciam este Domingo, e se prolongam até 3 de Dezembro, exploram diferentes dramaturgias e estéticas contemporâneas com recurso às artes plásticas e multimédia.

Conheça toda a programação deste festival no link https://goo.gl/wl7jPy.

CIM CÁVADO DEBATE FUTURO D TRANSPORTE PÚBLICO DE PASSAGEIROS

Seminário realizado no Museu D. Diogo de Sousa

O futuro do transporte público de passageiros esteve em análise num seminário promovido pela CIM Cávado e pela Autoridade Intermunicipal de Transportes. No encontro, realizado hoje, 17 de Fevereiro, no Museu D. Diogo de Sousa, Ricardo Rio, presidente da CIM Cávado, considerou que a partilha de informação entre os diferentes operadores é decisiva para o desenvolvimento de estratégias que contribuam para a qualificação dos sistemas de transporte.

16729154_1448352011862648_3183793205321686981_n.jpg

O também presidente da Câmara Municipal de Braga lembrou que a questão dos transportes é “fundamental para o bem-estar das populações, assim como para a coesão territorial”. “O nosso objectivo é disponibilizar às populações um serviço de transporte qualificado, eficiente, próximo, confortável e económico de forma a responder aos seus anseios”, referiu Ricardo Rio.

Este seminário resulta da entrada em vigor da Lei nº52/2015 e da criação das novas Autoridades de Transportes que potencia a participação de todos os actores com responsabilidades na matéria, nomeadamente o Governo, o IMT, a AMT, a Antrop e as Autoridades de Transportes.

16730247_1448352158529300_2546769938620301231_n.jpg

Com esta lei foi criado o novo enquadramento jurídico para o transporte público de passageiros em território nacional, tendo sido já assumidas competências por várias autoridades municipais e intermunicipais de transportes, como é o caso da Autoridade Intermunicipal de Transportes do Cávado.

“No futuro são muitos os desafios que se colocam ao nível da renovação das frotas, na aposta em sistemas de transporte mais sustentáveis, que promovam a intermodalidade, havendo uma maior necessidade de articulação dos próprios operadores privados em matéria de intermodalidade, bilhética integrada ou gestão das paragens”, concluiu Ricardo Rio.

16730647_1448352215195961_7598535027216074711_n.jpg

ESTÃO ABERTAS AS CANDIDATURAS PARA PRÉMIO DE HISTÓRIA ALBERTO SAMPAIO

Prazo decorre até 31 de Maio

Estão abertas as candidaturas para o Prémio de História Alberto Sampaio, que se destina a galardoar um estudo de investigação científica, no âmbito da história económica e social portuguesa, ou no âmbito de outros domínios historiográficos associados ao legado de Alberto Sampaio. Esta é uma iniciativa instituída na Academia das Ciências de Lisboa, pelos Municípios de Braga, Guimarães e Vila Nova de Famalicão e pela Sociedade Martins Sarmento, cujo prazo de entrega dos estudos a concurso decorre até 31 de Maio.

Prémio de História Alberto Sampaio.jpg

O prémio, no valor de seis mil euros, é atribuído anualmente por um júri nomeado pela Academia das Ciências de Lisboa. Na edição de 2017 fazem parte do júri o professor José Luís Cardoso (Academia das Ciências de Lisboa), o professor Jorge Alves (Universidade do Porto) e o professor Jaime Reis (Universidade de Lisboa).

O regulamento do Prémio de História Alberto Sampaio, está disponível no site da Academia das Ciências de Lisboa, da Sociedade Martins Sarmento e dos Municípios de Braga, Guimarães e Vila Nova de Famalicão, onde podem ser consultadas as condições detalhadas de participação. O regulamento pode ser consultado no seguinte link: https://goo.gl/FnQ26f

A entrega do Prémio de História Alberto Sampaio 2017 terá lugar numa sessão pública, organizada pelo Arquivo Municipal de Alberto Sampaio, em Vila Nova de Famalicão, no dia 1 de Dezembro de 2017.

BRAGA RECEBE ENCONTRO DA ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE FAMÍLIAS NUMEROSAS

Amanhã, Sábado, dia 18 de Fevereiro, pelas 17h30, na Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva, Braga

Realiza-se em Braga a cerimónia de encerramento do encontro da Associação Portuguesa de Famílias Numerosas (APFN) que terá lugar amanhã, Sábado, dia 18 de Fevereiro, pelas 17h30, na Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva.

A iniciativa contará com a presença de Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga.

O evento, surge após o Município de Braga ter representado Portugal na VIII Conferência Europeia das Famílias Numerosas, que teve lugar em Riga, na Letónia, no ano transacto e como reconhecimento das boas práticas como Município Familiarmente Responsável.

Este será, também, o momento para a entrega do prémio ‘Personalidade’ a Joaquim Azevedo, professor catedrático da Universidade Católica Portuguesa e membro (cooptado) do Conselho Nacional de Educação, onde dirige a Comissão de Políticas Públicas e Desenvolvimento do Sistema Educativo.

RUSGA DE S. VICENTE DE BRAGA REPÕE CARNAVAL TRADICIONAL

A reposição do ritual carnavalesco bracarense "Olha o home, lá bai o home...", voltou para ficar.

OBJETIVOS: - Salvaguardar, Preservar e Promover legado(s) cultural(ais) herdados, ao nível das tradições e /ou manifestações etnológicas e etnográficas locais.

2013-Entrudo03-mascarado.jpg

A Rusga convida todos os bracarenses foliões a participar na 'Corrida/Desfile'.

A “Corrida/Desfile - Olha o home, lá vai o home…”, está agendada para a noite do próximo dia 26 (segunda-feira), com concentração marcada a partir das 21:00h, junto à sede da Rusga, sita na Av. Artur Soares (Palhotas), nº 73, Braga. Pelas 21:30h, o 'Desfile/Corrida' sairá das Palhotas em direção ao Coreto da Av. Central, onde será lido o 'Testamento do Libório', regressando a S. Vicente, onde será queimado.

Para o efeito, os foliões, crianças, jovens e adultos, devem comparecer no local devidamente mascarados, acompanhados de instrumentos ou objetos ruidosos - bombos, buzinas, gaitas ou assobios -, para ao som destes, correrem com o Entrudo e poderem integrar a Corrida/Desfile.

Exigi-se, criatividade, boa disposição e refinado sentido de humor, já que, “É Carnaval ninguém leva a mal”.

A seu tempo, foram endereçados convites às escolas e outras instituições de ensino do concelho, bem como, IPSS, associações culturais e recreativas.

Venham divertir-se connosco, e assim, conjuntamente, garantiremos que esta tradição carnavalesca da cidade dos arcebispos e respetivo concelho se mantenha e promova.

- Libório, ultíma a redação final do testamento

Libório, o testamentário - personagem incontornável destes rituais carnavalescos -, ultíma a redação do testamento. Os seus parcos teres e haveres, serão doados por elementos do Grupo, distintas personalidades, nacionais e internacionais, políticos da nossa urbe, instituições, associações e afins… A leitura de tão importante legado, será feita em praça pública, quando a Corrida/desfile chegar à Avenida Central.

Ritual das carnes verdes irá repetir-se depois da queima do Entrudo

“Cada terra tem seu uso, cada roca tem seu fuso”

Após a queima do Entrudo - “O home”, no adro da igreja de São Vicente, a Rusga voltará a repor o 'ritual das carnes verdes', inerente a esta tradição carnavalesca da cidade dos arcebispos. Assim, todos os foliões participantes na Corrida/Desfile do Entrudo - tal como mandava a tradição -, terão por recompensa, a degustação das carnes de porco, nomeadamente a orelheira e enchidos, acompanhadas com broa de milho caseira e o vinho verde da região.

Abertura do Desfile.jpg

Desfile do Home.jpg

Entrudo-08-Queima do home....jpg

Entrudo-mascarados-2.jpg

FESTIVAL DA GUITARRA DE BRAGA APOSTA NA INTERNACIONALIZAÇÃO

Concurso de música de câmara é novidade da 4.ª edição

O Concurso Internacional de Música de Câmara com Guitarra é a principal novidade do IV Festival de Guitarra de Braga, que realiza entre os dias 17 de Fevereiro e 5 de Março. Organizado pelo Município de Braga, em parceria com o Conservatório de Música Calouste Gulbenkian, este é um festival que tem vindo a conquistar novos públicos e que é já uma das principais referências do panorama cultural da Cidade.

 

16729354_1447112431986606_6841770891690277587_n.jpg

Para a vereadora da Cultura, Lídia Dias, a 4.ª edição do festival aposta na qualidade e na inovação, através de uma programação aliciante que dará ao público ainda mais motivos para visitar Braga. “Este festival procura ir a diversos espaços da Cidade, tendo sempre como casa-mãe o Auditório Adelina Caravana, situado no Conservatório Calouste Gulbenkian. Mas este ano teremos actividades no Auditório José Sarmento, na Igreja de Santa Cruz e no Auditório Vita”, adiantou a vereadora na apresentação do evento que decorreu hoje, 16 de Fevereiro.

A par dos seis concertos, o Festival de Guitarra possui uma “importante vertente pedagógica” que inclui a realização de uma masterclass, quatro conferências e o concurso internacional de música de câmara com guitarra que irá motivar um recital.

16681476_1447112415319941_6691350593534698090_n.jpg

Segundo o director artístico, Vítor Gandarela, o concurso internacional de Música de Câmara com Guitarra, “é um projecto pioneiro a nível nacional”. “Temos inscritos 12 grupos vindos de países como Itália, França, Espanha, Polónia e Portugal. Acreditamos que este concurso poderá fazer parte da oferta de referência internacional neste âmbito”, salientou, destacando o “enorme potencial de crescimento do concurso”.

O IV Festival de Guitarra de Braga apresenta várias propostas programáticas com formações de música de câmara como o MikroDuo, o quinteto 5G5C-Portugal Guitar Quintet, o ensemble Surunyo e ainda o Duo de Guitarra e Violino formado por Pedro Mateo González e José Luis Alvarez, dois músicos com carreiras firmandas no panorama internacional que têm a seu cargo o concerto de encerramento.

Como novas propostas, o festival inclui este ano uma formação instrumental (Fatrio), trio que interpretará versões instrumentais de temas do imaginário colectivo português e outras mais contemporâneas, em versões instrumentais com guitarra portuguesa, guitarra clássica e contrabaixo.

De destacar ainda as propostas a solo com Tilman Hoppstock, guitarrista de renome internacional, com 30 trabalhos discográficos realizados, várias edições de partituras com obras de referência do repertório guitarrístico bem como várias edições bibliográficas com trabalhos de análise sobre importantes obras de Bach. Este músico será ainda o presidente do júri do concurso acima referido.

Na componente pedagógica, destaque para a realização de quatro conferências com temas pertinentes a cargo de profissionais especializados, bem como uma masterclass sob orientação de Tilman Hoppstock.

O programa completo da 4.ª edição do Festival de Guitarra de Braga pode ser consultado em https://goo.gl/8GiMt7

16641124_1447112408653275_1895783401139075973_n.jpg

MUNICÍPIO DE BRAGA CRIA GABINETE DE APOIO AO AGRICULTOR

Serviço funciona na Quinta Pedagógica, em Real

O Município de Braga acaba de criar o Gabinete de Apoio ao Agricultor. O serviço, a funcionar na Quinta Pedagógica, na freguesia de Real, visa contribuir para o desenvolvimento económico do Concelho, dando seguimento à estratégia de promoção sustentável do mundo rural.

jalberto.fernandes-pedagogica-18.jpg

Com este gabinete, o Município pretende de forma gratuita, profissional e personalizada, “informar, sensibilizar e impulsionar o sector agrícola, na vertente vegetal e animal, dando particular ênfase aos modos de produção agrícola mais sustentáveis”, refere o vereador Altino Bessa.

O serviço tem como missão incentivar os modos de produção agrícola sustentáveis; promover apoio a jovens como forma de combate à desertificação dos meios rurais; divulgar a metodologia da Bolsa Nacional de Terras, com vista à angariação de terrenos no Concelho de Braga e à atracção de interessados no seu arrendamento.

O vereador Altino Bessa explica ainda que o gabinete “irá prestar informação sobre a existência de programas de desenvolvimento rural comunitários, direccionados para o investimento na vertente agrícola e para a transformação de produtos agrícolas, assim como planear e apoiar acções técnicas de sensibilização em conjunto com outros parceiros para o esclarecimento de procedimentos que visam o apoio a jovens empresários”.

No sentido de divulgar este serviço, o Município de Braga promoveu na passada Quarta-feira, 15 de Fevereiro, uma sessão de esclarecimento sobre os diferentes apoios existentes para jovens agricultores, que contou com a presença do vereador Altino Bessa e de Mota Alves, da Associação de Desenvolvimento das Terras Altas do Homem, Cávado e Ave (ATAHCA), entidade parceira da iniciativa e que divulgou a metodologia da Bolsa de Terras.

De referir que o Gabinete de Apoio ao Agricultor funciona na Quinta Pedagógica de Braga (junto à Capela de S. Frutuoso), em Real. Os interessados em beneficiar deste serviço devem fazer marcação prévia, de Segunda a Sexta-feira, das 09h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h30, por telefone (253 623 560) ou através do e-mail quinta.pedagogica@cm-braga.pt.

RUSGA DE S. VICENTE DE BRAGA PROMOVE TERTÚLIA SOBRE O INATEL

Tema da 84ª edição dos S/Ts: - "INATEL - de que modo, uma Fundação de todos e para todos?! "

A Rusga de São Vicente de Braga - Grupo Etnográfico do Baixo Minho tem a honra e prazer de convidar V/ Ex.cia a participar na 84ª edição dos "Serões no Burgo/Tertúlias Rusgueiras", a levar no próximo dia 24, sexta-feira, do mês em curso, pelas 21h:30, na sede social da Rusga, sita na Av. Artur Soares (Palhotas),nº 73, Braga, tendo por convidado o Presidente da Fundação INATEL, Dr. Francisco Madelino. com a moderação de José Pinto, presidente da associação.

Os momentos artísticos que os "Serões/Tertúlias" contemplam, serão da responsabilidade de vários CCD's da Fundação INATEL.

Convite_84_24fev2017.jpg

BRAGA APRESENTA FESTIVAL DA GUITARRA

Amanhã, Quinta-feira, 16 de Fevereiro, às 14h30, no Conservatório de Música Calouste Gulbenkian, Braga

O Município de Braga a apresenta amanhã o IV Festival de Guitarra de Braga que terá lugar amanhã, Quinta-feira, dia 16 de Fevereiro, pelas 14h30, no Conservatório de Música Calouste Gulbenkian, em Braga.

Cartaz_Festival de Guitarra.jpg

A iniciativa contará com a presença de Lídia Dias, vereadora da Cultura do Município de Braga, de Ana Maria Caldeira, directora do Conservatório de Música Calouste Gulbenkian, e de Vítor Gandarela, director artístico do festival.

A 4.ª edição do Festival de Guitarra de Braga decorre de 18 de Fevereiro a 3 de Março e resulta de uma parceria entre a Câmara Municipal de Braga e o Conservatório de Música Calouste Gulbenkian.

BRAGA ACOLHE ENCONTRO DA ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE FAMÍLIAS NUMEROSAS

Iniciativa terá lugar Sábado na BLCS

No próximo Sábado, dia 18 de Fevereiro, Braga acolhe um encontro da Associação Portuguesa de Famílias Numerosas (APFN). O evento, que irá decorrer na Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva (BLCS), surge após o Município de Braga ter representado Portugal na VIII Conferência Europeia das Famílias Numerosas, que teve lugar em Riga, na Letónia, no ano transacto e como reconhecimento das boas práticas como Município Familiarmente Responsável.

Na ocasião, a Confederação Europeia das Famílias Numerosas (ELFAC) atribuiu o prémio ‘Personalidade’ a Joaquim Azevedo, professor catedrático da Universidade Católica Portuguesa e membro (cooptado) do Conselho Nacional de Educação, onde dirige a Comissão de Políticas Públicas e Desenvolvimento do Sistema Educativo.

Este encontro, que contará com a presença do presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, será o momento para a entrega da referida distinção a Joaquim Azevedo.

O programa do encontro é o seguinte:

16h00 Leituras em família – Com vida livros

17h00 Abertura: Presidente da APFN

17h10 Palestra ‘Família Generativa: a conta certa!’, com Fabrizia Raguso

17h30 Apresentação e entrega do prémio ELFAC Personalidade a Joaquim Azevedo

17h40 Encerramento: Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga