Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

ARCOS DE VALDEVEZ REÚNE ASSEMBLEIA MUNICIPAL

PERÍODO ANTES DA ORDEM DO DIA:

No Período antes da Ordem do Dia, o Sr. Presidente informou que na semana passada a Câmara Municipal participou numa reunião com o Sr. Ministro do Ambiente, em Ponte da Barca, sobre o Plano Piloto para o PNPG. Neste encontro foi apresentado um estudo relativamente à cobertura da rede móvel no PNPG.

De igual modo informou que na próxima 4ª feira, pelas 16h, decorrerá a assinatura de um protocolo na Câmara Municipal entre o Ministério da Administração Local e a Junta de Freguesia de Rio Frio para formalizar o apoio atribuído a esta Junta no âmbito dos equipamentos urbanos, mais precisamente, relativamente ao projeto do Museu do Mundo Rural a implementar no edifício da escola primária da freguesia, cedida pela Câmara Municipal.

O Sr. Presidente também informou que no passado fim de semana esteve em Bordéus para participar no 9º aniversário da Casa dos Arcos e em Décines Charpieu, um Município da zona de Lyon. O autarca adiantou que visita teve como propósito conhecer melhor o Município francês, os diferentes serviços da Camara Municipal, ver possíveis áreas de cooperação entre os municípios e as associações, aprofundar relações e realizar uma aproximação entre os dois concelhos, já que naquela região vivem muitos portugueses. Também adiantou que se irá deslocar à comunidade arcuense em Paris para participar em eventos nesta região de França, nomeadamente na “Feira de Produtos Regionais Portugueses e da Ruralidade” realizada pela ARCOP em Nanterre.

Por último informou que teve início a semana da Leitura, sob o lema “Prazer de Ler” e que ao longo da semana decorrerão varias atividades, entre as quais a apresentação livro em banda desenhada “Histórias de Valdevez”, da autoria de José Ruy.

EDUCAÇÃO/AÇÃO SOCIAL

protocolo de fornecimento de refeições escolares a Crianças da Educação Pré-Escolar do 1º Ciclo relativo ao ano letivo de 2016/2017: foi aprovado assinar um protocolo com a DGESTE – Direção Geral dos Estabelecimentos Escolares, no qual o Município se compromete efetuar o pagamento das refeições respeitantes aos alunos do escalão A e B;

ANEXO AO ACORDO DE COOPERAÇÃO 2016/2017: A Câmara aprovou o aditamento ao Acordo de Cooperação celebrado entre a Direção Geral dos Estabelecimentos Escolares, o Instituto de Segurança Social, I. P. - Centro Distrital de Viana do Castelo e a Câmara Municipal Arcos de Valdevez, para o ano escolar de 2016/2017.

É através deste acordo de cooperação, assinado no âmbito do Programa de Expansão e Desenvolvimento da Educação Pré-escolar, que o Município recebe as verbas relativas ao serviço de refeições e atividades de animação e apoio à família (decreto-lei nº55/2009 conjugado com despacho a publicar anualmente).

Proposta de regulamento MUNICIPAL da Comissão de Apoio à População Idosa de Arcos de Valdevez: foi aprovado o projeto de Regulamento em epígrafe, bem como aprovado submete-lo à apreciação da Assembleia Municipal e posterior publicação em Diário da República.

PROTOCOLOS

Foi deliberado aprovar um protocolo no valor de 30 mil euros para apoiar a Junta de Freguesia de Ázere, na execução das obras de "Alargamento e Pavimentação do Caminho de Mozelos à Costa do Mouro - 2ª Fase" e "Alargamento do Caminho da Chouza", cujo valor total dos orçamentos ascende a 48.927,50 euros.

Idem com a União de Freguesias de Guilhadeses e Santar, no valor de 30 mil euros, para apoiar a realização de obras de beneficiação em caminhos no valor total de 44.534,39€.

Idem com a União de Freguesias de Padreiro (Salvador e Santa Cristina), no valor de 30 mil euros, para apoiar a realização de obras de beneficiação naquela união de freguesias, a realizar em 2017.

ACORDO DE MUTAÇÂO DOMINIAL

A Câmara aprovou de mutação dominial com as Infraestruturas de Portugal que tem por objeto a integração do troço de estrada da EN202 entre o Km 42+000 e o km 42+700 na extensão total de 700 metros, na rede viária do Municipio.

contratos programa das associações desportivas 2016: A Câmara tomou conhecimento que foram solicitados os planos anuais de atividades e respetivos relatórios de contas do ano transato a todas as Associações Culturais, Recreativas e Desportivas que celebraram Protocolo de Apoio à Atividade com o Município.

Mais foi aprovado atribui um apoio no valor de 6,000€ à Associação Recreativa e Cultural Amigos de Sá para apoio atividades desportiva.

OBRAS MUNICIPAIS

PEDIDO DE ABERTURA DE PROCEDIMENTO - EMPREITADA: Alargamento e beneficiação do CM 1318-3 (troço da EM 530-1 ao Campo de Futebol): foi deliberado proceder à abertura de procedimento concursal pelo valor base de 80.000,00 Euros;

SEGURANÇA RODOVIÁRIA – SINALIZAÇÃO EM VIAS MUNICIPAIS 2017: foi aprovado abrir procedimento concursal pelo valor base de 50.000,00 euros;

SEGURANÇA RODOVIÁRIA - GUARDAS DE SEGURANÇA METÁLICAS 2017: - foi aprovado abrir procedimento concursal pelo valor base de 30.000,00 Euros;

Reabilitação de espaços urbanos - Centro histórico - 1.ª Fase - Rua Dr. António José Pimenta Ribeiro: foi deliberado aprovar o acolhimento dos erros e omissões e a ratificação do valor indicado pelos serviços, no montante de 194.435,13 euros.

Beneficiação do pavimento da EN 101 entre o km 45.700 e o km 50.450: foi deliberado aprovar a minuta do contrato de empreitada relativo à obra "Beneficiação do pavimento da EN 101 entre o km 45.700 e o km 50.450".

MINUTA DO CONTRATO DA EMPREITADA “CENTRO INTERPRETATIVO DO BARROCO – IGREJA DO ESPÍRITO SANTO – OBRAS DE REABILITAÇÃO, CONSERVAÇÃO E RESTAURO”: foi aprovada a minuta do contrato de empreitada relativo à obra "Centro interpretativo do Barroco - Igreja do Espirito Santo - Obras de Reabilitação, Conservação e Restauro".

ÁREA DE REABILITAÇÃO URBANA – 1ª ALTERAÇÃO

Foi aprovada a proposta de alteração da delimitação da ARU  acima referida,  de acordo com o n.º 6 do art.º 13.º do  Decreto-Lei n.º 307/2009, de 23 de outubro e suas alterações.

APOIOS

Foi deliberado aprovar o apoio anual, no montante de 90.000.00€, por parte do Municipio, previsto no Plano de Atividades e Orçamento da ACIBTM/In.cubo para o presente ano, aprovado em Assembleia Geral, visando dar cumprimento à intervenção da Instituição no apoio ao tecido empresarial, aos empreendedores e à incubação de empresas.

Foi deliberado aprovar o apoio da Câmara Municipal à ACIBTM/In.cubo, relativamente ao compromisso financeiro com o pagamento das prestações bancárias semestrais relativas à construção das instalações do Centro de Incubação. Os valores a saldar vencem-se agora em Março e Setembro, sendo as prestações de 19.929.94€ e 19.927.63€ respetivamente.

Foi deliberado aprovar em 50% dos custos totais o Rancho Folclórico Estrela do Norte de Gondoriz com o transporte dos elementos do Rancho à Feira de Cenon, em França, nos dias 19, 20 e 21 de maio 2017.

De igual modo um protocolo de colaboração com a ARDAL – Associação Regional de Desenvolvimento do Alto Lima, no valor de 5.800 euros (IVA incluído), para ajudar a fazer face aos custos associados à organização do evento Bois da Páscoa, nomeadamente, com o desfile tradicional dos carros da cachena e de pessoas à moda antiga (lavrada e outras representações).

Também aprovou o pagamento à ADERE – Peneda Gerês da comparticipação de sócio no projeto “Peneda Gerês CompetiTUR - Competitividade das PMEs do Turismo na Peneda Gerês”, no valor de 6 610.60€ que corresponde 4 642,92€ ao ano de 2017 e 1 967,68€ ao não de 2018; o pagamento no âmbito da aprovação do projeto “Caminhar Conhecendo - Valorização e Promoção da Rede de Trilhos no PNPG”, a desenvolver pela ADERE-Peneda Gerês, no valor de 8.800,84€ que corresponde 5.311,94€ ao ano de 2017 e 3.488,90€ ao ano de 201, bem como o pagamento da comparticipação do Município de Arcos de Valdevez, na participação da associação na Bolsa de Turismo de Lisboa que decorreu de 15 a 19 de Março de 2017, no valor de 845.55€.

PROMOÇÃO TURÍSTICA

feira de produtos Portugueses de Cenon

A Câmara tomou conhecimento e aprovou o convite enviado pelo Rancho Alegria Portuguesa de Gironde, para a feira de Cenon, que vai ter lugar nos dias 19, 20 e 21 de maio de 2017, onde disponibilizam um stand, como nos anos anteriores, como vila parceira do evento e da vila de Cenon.

PARQUE DA VILA REQUALIFICAÇAO DE PARQUE INFANTIL -  Remoção do Equipamento Lúdico – Barco: foi deliberado aprovar o custo para a realização da desmontagem do barco existente no recreio infantil da empreitada supracitada, no valor de €1.850,00 (S/IVA) por considerar que o mesmo não se encontra incluído na empreitada.

Parque da Vila - Requalificação de Parque Infantil: foi deliberado aprovar e ratificar o plano de trabalhos ajustado à data da consignação.

Risco Geomorfológico na Serra da Peneda: foi aprovada a proposta da Geosite/Universidade do Minho para realização do estudo do risco de movimentos de vertente é no valor total de 12.054,00 €.

Ampliação da rede de abastecimento de água a Vilar Suente – Soajo: foi aprovado adjudicar a obra à firma Alexandre Araújo Pinto Unipessoal, Lda., pelo valor de 22.350,00 €, a que acresce o IVA à taxa legal em vigor.

Caminho de Acesso à Branda de Gorbelas - Trabalhos de Manutenção: foi homologada a conta final da empreitada, no montante de 34.999,96 euros (com IVA: 37.099,96 euros)

Centro Escolar de Sabadim - Reparações de deficiência no edifício e no pavilhão desportivo: foi aprovada a homologação do auto e autorizada a liberação de 30% da caução total, por ter decorrido 1 ano completo desde a receção provisória.

Requalificação da EN 202 entre a Rotunda do Ponte Nova e Guilhadeses: foi aprovada a homologação do auto e autorizada a liberação de 100% da caução total, por terem decorrido 5 anos completos desde a receção provisória.

Construção de muro de vedação no Caminhos dos Portais-Souto:

Foi aprovada a homologação do auto e autorizada a liberação de 30% da caução total, por ter decorrido 1 ano completo desde a recção provisória.

Reabilitação de pavimentos em vias municipais - Bloco 2: foi deliberado homologar o auto de vistoria.

Empreitada de Reabilitação de Pavimentos em Vias Municipais - Bloco 1 (PO124/2015) - Aprovação de trabalhos: a Câmara tomou conhecimento e aprovou o mapa de variação de custos da empreitada, para efeitos de aprovação de trabalhos a menos e de trabalhos complementares.

ampliação da rede de saneamento básico a Tabaçô - núcleo central: foi aprovada nova prorrogação do prazo por 90 dias, a fim de o empreiteiro conseguir concluir a execução dos trabalhos.

LICENCIAMENTOS

L60-LICENC. OBRAS EDIFICAÇÃO: foi deliberado proceder à aprovação do projeto de arquitetura da operação urbanística de alteração de um edifício, destinado a apoio social, sito no lugar de Chã, união de freguesias de Álvora e Loureda apresentado pela Cruz Vermelha Portuguesa – Delegação de Arcos de Valdevez, a solicitar a aprovação

DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO

3.ª Alteração ao 2.º Loteamento do Parque Empresarial das Mogueiras: foi aprovada a 3.ª Alteração do 2.º Loteamento do Parque Empresarial das Mogueiras, nos termos do disposto no art.º 7.º do Decreto-Lei n.º555/99 de 16 de Dezembro, na sua atual redação, fixando o prazo de 15 dias para o período de discussão pública, e de 8 dias para o período de anúncio.

Esta alteração torna-se necessária na sequência das perspetivas de crescimento de unidades industriais instaladas neste loteamento.

AQUISIÇÃO PELA VIA DE DIREITO PRIVADO – ARTIGO 711: a Câmara aprovou a aquisição pela via de direito privado de uma parcela, pertencente à herança de Manuel Rodrigues, situada na Rua de S. Bento, na união de freguesias de Arcos de Valdevez (Salvador), Vila Fonche e Parada, neste concelho, no valor de cerca de 30 mil euros..

PEDIDO DE PAGAMENTO DE DÍVIDA DE ÁGUA EM PRESTAÇÕES: foi aprovado o pagamento de uma dívida da água em 5 prestações mensais por parte de um agregado familiar do concelho.

PRESIDENTE DO MUNICÍPIO ARCUENSE VISITA CÉCINES CHARPIEU EM LYON

Na sequência da visita recebida, em novembro do ano transato, por parte da Presidente do município francês de Décines Charpieu, Laurence Fautra, e sua comitiva, a Arcos de Valdevez, o Presidente da Câmara Municipal João Esteves retribuiu a visita e esteve esta semana neste Município francês da região de Lyon.

Esta ida a Décines Charpieu teve como propósito conhecer melhor o Município francês, os diferentes serviços da Camara Municipal, ver possíveis áreas de cooperação entre os municípios e as associações, aprofundar relações e realizar uma aproximação entre os dois concelhos, já que naquela região vivem muitos portugueses.

Anexo sem nome 13475 (4).jpg

Anexo sem nome 13478 (4).jpg

Anexo sem nome 13481 (4).jpg

decines (4).jpg

decines2 (4).jpg

decines5 (4).jpg

BOIS DA PÁSCOA DESFILAM EM ARCOS DE VALDEVEZ

O Município de Arcos de Valdevez vai realizar em parceria com a Associação Comercial e Industrial de Arcos de Valdevez e Ponte da Barca, Ardal e Cooperativa Agrícola de Arcos de Valdevez e Ponte da Barca, o “Desfile de Bois da Páscoa” - Edição 2017, a decorrer no próximo dia 02 de Abril, Domingo, entre o Parque de Estacionamento da Ponte Nova e o Campo do Trasladário.

Flyer A5.jpg

GRUPO DE TEATRO DO VEZ LEVA A BARCELOS A PEÇA "UM REGRESSO INESPERADO"

PALCO DE TERRA’17 [Ciclo de Teatro] Balugães ∙ Minho

O auditório da Junta de Freguesia de Balugães (Barcelos) recebe, no dia 1 de abril, às 21h30, a peça de teatro “Um regresso Inesperado”, de Nurmi Rocha.

Cartaz_Palco de Terra_17_GTV.png

A comédia do Grupo de Teatro do Vez (Arcos de Valdevez) abre a edição deste ano do Palco de Terra, ciclo de teatro organizado pelo Teatro Balugas e pela Junta de Freguesia de Balugães.

A iniciativa resulta do intercâmbio entre o grupo de Teatro de Balugães e as companhias convidadas, visando a promoção e dinamização dos projetos teatrais na freguesia.

A entrada é livre e o ciclo continua durante o ano com mais grupos convidados, encerrando em dezembro com o grupo de teatro mais antigo da Galiza, o Teatro de Airiños.

A entrada é livre e limitada à lotação da sala/ https://goo.gl/2FfFGp

CASA DOS ARCOS EM BORDÉUS COMEMORA 6 ANOS DE EXISTÊNCIA

Câmara Municipal no 9º Aniversário da Casa dos Arcos em Bordéus

No passado fim de semana o Presidente da Câmara Municipal, João Esteves e a vereadora Belmira Reis, marcaram presença na comemoração do 9º aniversário da Casa dos Arcos em Bordéus.

aniversario_casa_arcos_bordeus (4).jpg

Os autarcas fizeram questão de estarem presentes neste evento comemorativo para demonstrar o forte apreço que sentem pela comunidade arcuense espalhada pelo estrangeiro, destacando o trabalho que esta Casa dos Arcos realiza ao nível da aproximação e apoio dado aos conterrâneos em Bordéus.

Durante a estadia foram promovidos contactos com a comunidade emigrante, fez-se a promoção da nossa cultura e o orgulho na nossa terra e na nossa gente.

Estas visitas à comunidade arcuense a residir no estrangeiro revestem-se de grande importância para o concelho pois também contribuem para que se faça a promoção dos nossos produtos e empresas. Através deles também se estabelecem contactos com as autoridades locais, onde são apresentadas as potencialidades de Arcos de Valdevez e os apoios concedidos pela Câmara Municipal para a instalação de empresas ou a realização de investimentos no turismo e na reabilitação urbana.

A proximidade à Diáspora está bem patente na participação da Câmara Municipal nas muitas iniciativas promovidas pelas nossas comunidades de emigrantes.

aniversario_casa_arcos_bordeus (1).jpg

aniversario_casa_arcos_bordeus (2).jpg

aniversario_casa_arcos_bordeus (3).jpg

ARCOS DE VALDEVEZ REALIZA MELHORAMENTOS EM GONDORIZ E RIO DE MOINHOS

Câmara Municipal de Arcos de Valdevez consignou obras nas freguesias de Gondoriz e de Rio de Moinhos

Em Gondoriz deu o aval à obra de “Requalificação da EM 202-2 (Entre a ponte e o CM 1295) – Gondoriz”, com a qual se pretende executar os trabalhos de requalificação e correção do traçado da Estrada Municipal junto à Igreja e cemitério na freguesia de Gondoriz com uma extensão total de cerca de 280 metros. A intervenção foi desenvolvida e projetada de modo a adaptar-se da melhor maneira à rede viária já existente, bem como ao terreno a ser implantada, de modo a procurar causar o mínimo de impacto possível quer a nível ambiental como económico.

consignacao_gondoriz.jpg

Para além dos trabalhos necessários à correção do traçado, pretende-se ainda instalar novas infraestruturas da rede de drenagem de águas pluviais e a substituição das redes de abastecimento de água devido à sua idade avançada, materiais constituintes, em virtude da reabilitação e alteração de traçado projetado nesta intervenção.

Esta obra, adjudicada à empresa J. S. Gomes, Lda, conta com um valor de 224.741,80 € (s/IVA) e prazo de execução de 90 dias.

Em Rio de Moinhos procedeu à consignação da obra de Beneficiação do CM 1301 (da E.N. 101 a Nogueiras). Uma empreitada adjudicada à empresa Martins & Filhos, por 168.630,88 € (s/IVA), com a qual se pretende realizar a beneficiação do pavimento do CM 1301 desde o entroncamento com a E.N. 101 até ao lugar de Nogueiras numa extensão de cerca de 2250 metros, tendo em conta a uniformização das suas principais caraterísticas (geométricas, pavimento, drenagem, sinalização e segurança).

Com esta intervenção, que conta com um prazo de execução de 90 dias, será adotado um perfil constituído por uma faixa de rodagem com 4 metros, valetas com 0,50 metros e bermas de largura variável.

Estas beneficiações vão melhorar significativamente as condições de circulação, melhorar a acessibilidade e a mobilidade pedonal.

No ato das consignações estiveram presentes o Presidente da Câmara Municipal, João Esteves, o vereador Olegário Gonçalves, os elementos das Juntas de Freguesia, os representantes das firmas adjudicatárias, bem como técnicos da autarquia.

consignacao_gondoriz3.jpg

consignacao_rio_moinhos.jpg

consignacao_rio_moinhos2.jpg

ARCUENSES CAMINHAM PELO TRILHO “EM BUSCA DAS INVERNEIRAS”

Nas terras de Soajo existe um tipo de povoamento muito típico: as Brandas e as Inverneiras.

A Inverneira, como o nome indica, é a aldeia onde a família passa o Inverno. Localizam-se em vales, ou seja, em altitudes baixas.

trilho_em_busca_das_inverneiras.jpg

No princípio do Outono, as pessoas descem para a Inverneira permanecendo aí até Março. Nessa altura, sobem para a Branda, onde se fazem as sementeiras e onde se passa a maior parte do ano.

Contam os mais velhos que estas mudanças eram feitas com grande festa juntando-se várias famílias que partilhavam o mesmo destino.

Com aproximadamente 7 km, neste percurso de dificuldade fácil, iremos explorar os costumes, descobrir os pequenos aglomerados rurais, os ribeiros, a vegetação autóctone e as manadas de bovinos e ovinos que pastam nos campos verdejantes.

O ponto de encontro para esta aventura é no próximo dia 26 de março na Porta do Mezio, às 09:30 da manhã. Será um trilho por caminhos ancestrais onde se pode observar o quotidiano da população nas inverneiras.

Os interessados devem inscrever-se em www.portadomezio.pt ou através do telefone n.º 258510100 ou ainda através do correio eletrónico: portadomezio@ardal.pt

Mais um excelente trilho…mais uma oportunidade de desfrutar e vivenciar um dia numa terra recheada de beleza e tradições.

CARNE DA CACHENA FOI RAINHA NO FIM-DE-SEMANA GASTRONÓMICO EM ARCOS DE VALDEVEZ

No passado fim-de-semana, dias 18 e 19 de março, decorreu o fim-de-semana gastronómico em Arcos de Valdevez, tendo a carne cachena atraído milhares de visitantes ao concelho. Ela foi a rainha das mesas dos restaurantes arcuenses, os quais apresentaram, nas suas salas repletas de comensais, mais um prato tradicional da nossa gastronomia a “Carne da Cachena com Arroz de Feijão Tarrestre”. A tenra carne Cachena proveniente de animais de raça de gado Cachena, criados em zona de montanha, acompanhada pelo feijão Tarrestre, característico das Serras da Peneda e do Soajo, fazem deste prato um sabor distinto do mundo rural e as delícias de quem o prova.

fim_semana_gastronomico_2017.jpg

Atestando a qualidade deste produto autóctone, o Municipio arcuense procedeu à assinatura de um protocolo com várias entidades para dar início ao processo de constituição da Confraria Gastronómica da Carne Cachena. Uma carne de grande qualidade que foi recentemente medalhada com a medalha de ouro na edição deste ano do Concurso Nacional de Carnes Tradicionais com Nomes Qualificados.

Para além deste manjar, Arcos de Valdevez ofereceu outros sabores próprios da região, nomeadamente a broa de milho, a laranja de Ermelo, o bolo de discos, os charutos de ovos e os excelentes vinhos verdes.

Da programação desta iniciativa fizeram parte variados momentos de entretenimento, entre os quais a “Feira de Artesanato e Mercado de Sabores”, onde estiveram expostas várias peças de artesanato entre outros produtos característicos da região, mostras de raças autóctones, na Porta do Mezio, e visitas guiadas à Porta e ao Paço de Giela, a Rota dos Vinhos de Arcos de Valdevez, com visita a quintas e provas de vinhos, Workshops, demonstrações da gastronomia arcuense, através da realização de showcookings, a iniciativa “Na mesa de D. Afonso Henriques”, na qual os visitantes do Paço de Giela puderam fazer uma foto na mesa de D. Afonso Henriques (quadro desenhado) e ainda degustar o fumeiro do Vez e ainda atuações musicais.

O Fim de semana gastronómico é mais uma iniciativa realizada pela Câmara Municipal que permite atrair visitantes ao nosso concelho e consequentemente dinamizar a economia local.

fim_semana_gastronomico_2017_2.jpg

fim_semana_gastronomico_2017_4.jpg

fim_semana_gastronomico_2017_5.jpg

fim_semana_gastronomico_2017_6.jpg

fim_semana_gastronomico_2017_8.jpg

fim_semana_gastronomico_2017_9.jpg

MINHOTOS ENCERRAM EM APOTEOSE BOLSA DE TURISMO DE LISBOA

O Grupo Folclórico Verde Minho e o Rancho Folclórico da Casa do Concelho de Arcos de Valdevez cantaram e dançaram no últmo dia da edição deste ano da Bolsa de Turismo de Lisboa, conferindo ao certame um colorido e uma alegria que são bem características das gentes e do folclore minhoto.

17457542_1377003129010019_3467803661891304244_n.jpg

Aos primeiros acordes das concertinas, eis que numeroso público se aproximou dos grupos folclóricos para os ver actuar. E, ao ritmo do vira e da chula, da rosinha e da cana-verde, aquela grandiosa feira de turismo terminou em ambiente de festa. E, para o ano, haverá mais!

Fotos: Manuel Santos

17264601_1375821652461500_4534845203047503179_n (1).jpg

17309159_1377003229010009_5653192904844353878_n.jpg

17361749_1375822185794780_327236506320546969_n.jpg

17362433_1375821569128175_7012395087315141591_n.jpg

17362829_1377003132343352_3273263211566710771_n.jpg

17425145_1377003222343343_4621400759799123660_n.jpg

17425155_1375820689128263_3223835701468118377_n.jpg

ARCUENSE MUTES EXPÕE NA SUÉCIA

The Merging of feelings and colours

Mutes e Gudrun Regel, são dois amigos que se conheceram decorria o ano de 2013 ou 2014, onde Gudrun iniciava os seus primeiros passos na pintura. A convite de Mutes, visitou Arcos de Valdevez, onde rapidamente se apaixonou pelo clima e pela nossa Serra. Após alguns dias no atelier a experimentar técnicas, chegaram propostas para exposições. Braga, mais tarde Ponte da Barca e Arcos de Valdevez foram os 3 locais por onde Gudrun já expos entre 2014 e 2016.  Desta feita o convite estendeu-se para Mutes, onde a sua Arte de Des-Cubismo Contornismo, vai conhecer novos Países, desta feita no museu da cidade de Ulricehamn, na Suécia, com inauguração a dia 28 de Abril até ao dia 15 de Maio.

expo suécia.jpg

- Expor na Suécia ou em outro Pais é sempre um desafio para mim, a oportunidade de levar minha arte a outros pontos deste Globo é algo que nos satisfaz imenso, para isso é que trabalho todos os dias na arte, independentemente de ter um trabalho de 7 horas diárias. Nos últimos 3 anos este é já o sétimo Pais onde exponho internacionalmente, nunca deixando de fazer exposições em território nacional, numa média de 15 anuais. Tudo isso dá-me imensa força e vontade para pintar ainda mais, conhecer novas culturas novos locais e levar a minha arte a novos rumos onde ela é pedida, apreciada e comprada.

Mutes,  nasce em França, Margny Les Compiegne em 1976, regressa a Portugal em 1986, reside atualmente em Arcos de Valdevez. È pintor autodidata, expõe com regularidade desde 2004. Está representado em diversas coleções  nos vários Continentes, ultrapassando mais de uma centena de exposições nacionais e internacionais. Através da sua arte somos transportados para um mundo de histórias contadas através da tela, onde é possível ver uma certa crítica social, religiosa e política em alguns dos trabalhos. São figuras mutantes com predominância de fortes e atrativos campos pictóricos, que nos fazem viajar num mundo imaginário, danças de uma mão que desenha de forma despreocupada, usando o (DES) Cubismo como forma de se afirmar. Organiza e projeta várias exposições, foi fundador e curador dos coletivos de pintura, M4K1, Um Coletivo no Individual, H.e.x.a e M.O.C.A. Frequentou alguns ateliês onde aprendeu técnicas do contornismo, acabando por fundir com a sua forma de fazer Cubismo.

GudRun Regel, nasceu na Alemanha e vive atualmente na Suécia desde 2008. É pintora Autodidacta.  A pintura entrou na sua vida relativamente cedo, começou a pintar depois de um verão de inspiração na Sicília em 2011. Já fez cerca de 2 dezenas de exposições, 4 delas em Portugal, Alemanha e outras no seu País de residência, a Suécia. Além da arte, trabalha diariamente na area da saúde, com pessoas física e mentalmente debelitadas, essencialmente pessoas autistas.  Toda esta experiencia, enriquece-a. O lado sentimental é por vezes um peso para si, pois não é facil digerir aquilo com que se depara no seu dia-a-dia, quase que sendo obrigada a fazer-se de inflexível e muda. Todas essa emoções refletem-se no seu trabalho artistico, mexendo com a pintora  interiormente. Quando pinta encontra-se num outro mundo, elevando a sua carga emocional.

- Os meus sentimentos influenciam as minhas pinturas, libertando-me. Aquilo que não consigo exprimir sentimentalmente na profissão, tento faze-lo  através da minha Arte. Nas minhas criações não utiliza pinceis, pinto essencialemnte com os dedos, esta é uma forma tenho de  sentir ainda mais a arte, a forma como pinto transmite em mim um bem estar, agrada-me que a pintura comunique comigo.

BOIS DA PÁSCOA DESFILAM EM ARCOS DE VALDEVEZ

Desfile dos bois da Páscoa sai à rua a 2 de Abril

A Câmara Municipal de Arcos de Valdevez, em parceria com a ARDAL, a Cooperativa Agrícola de Arcos de Valdevez e Ponte da Barca e a ACIAB, irá realizar no dia 2 de abril, domingo, pelas 15h00, o Desfile dos Bois da Páscoa.

Novo-Cartaz-bois-da-pscoa_2017.jpg

Este evento trata-se de uma tradição secular com o intuito de dar a conhecer e promover os usos e costumes enraizados no concelho de Arcos de Valdevez há longos anos.

Durante a tarde, dezenas de exemplares bovinos desfilarão, enfeitados, pela avenida principal de Arcos de Valdevez onde serão apresentados os melhores exemplares da raça, propriedade dos talhos aderentes.

O Desfile dos Bois da Páscoa é uma velha tradição à qual o Município de Arcos de Valdevez e os parceiros dão continuidade. Esta iniciativa vem no seguimento da política adotada para dinamizar o movimento associativo do concelho, assim como o tecido empresarial e a economia local, recuperando antigos costumes.

A concentração inicia-se pelas 10h30, onde será possível apreciar estes belos exemplares bovinos, e o desfile realizar-se-á, pelas principais artérias da vila de Arcos de Valdevez, às 15h00.

Com esta iniciativa, pretende-se atrair visitantes a Arcos de Valdevez, dando-lhes a conhecer um vasto e característico património cultural e permitir também a dinamização do tecido empresarial local ao nível do alojamento, restauração e comércio.

PINTORES MUTES DE ARCOS DE VALDEVEZ E MIGUEL MOREIRA E SILVA DE BRAGANÇA EXPÕEM EM LISBOA

Exposição de Pintura (Contrastes) de Mutes  & Miguel Moreira e Silva, na Vernissage, de 19 de Abril a 31 de Maio

Contraste é a base da comunicação visual, permitindo a distinção dos elementos em relação ao espaço circundante existente, na diferenciação dos seus tons de luz. Nesta Exposição de Pintura de nome CONTRASTES apresentada por Mutes & Miguel Moreira e Silva no dia 19/04/2017 com vernissage pelas 18.30, na Galeria Europa América, situada na Avenida Marquês de Tomar, 1B 1050-152, em LISBOA é bem visível a diferença nas propriedades visuais de cada um, contrastando - se na obra de ambos.

17308944_10212175363202066_8691960637568137303_n.jpg

Mutes nasce em França, Margny Les Compiegne em 1976, regressa a Portugal em 1986, reside atualmenteem Arcos de Valdevez. È pintor autodidata, expõe com regularidade desde 2004. Está representado em diversas coleções nos vários Continentes, ultrapassando mais de uma centena de exposições nacionais e internacionais. Através da sua arte somos transportados para um mundo de histórias contadas através da tela, onde é possível ver uma certa crítica social, religiosa e política m alguns dos trabalhos. São figuras mutantes com predominância de fortes e atrativos campos pictóricos, que nos fazem viajar num mundo imaginário, danças de uma mão que desenha de forma despreocupada, usando o (DES) Cubismo como forma de se afirmar. Organiza e projecta várias exposições, foi fundador e curador dos colectivos de pintura, M4K1, Um Coletivo no Individual, H.e.x.a e M.O.C.A. Frequentou alguns ateliês onde aprendeu técnicas do contornismo, acabando por fundir com a sua forma de fazer Cubismo.

- Rompendo com os padrões estéticos que primam pela perfeição das formas na busca da imagem realista, nesta minha coleção designada (Des) Cubismo Contornismo, busco a desestruturação da obra em todos os seus elementos. Decompondo a obra em partes, através de figuras mutantes imaginárias, contornando-a nas suas dimensões, numa superfície plana, sob estranhas e variadas formas com o predomínio de linhas curvas e retas, numa estruturação das figuras e dos objetos desajustados, movimentando-os em torno de si próprios através da sua fragmentação, dando abertura e apresentando todos os seus lados num plano frontal em relação ao espectador.

Miguel Moreira e Silva nasceu em 1967, vive e desenvolve o seu trabalho em Bragança. Licenciado em Animação e Produção Artística desenvolve regularmente os seus trabalhos artísticos desde 1992, expõe de forma permanente em Bragança na galeria História e Arte e no Museu Ibérico da Máscara e do Traje, desde 2007.

Sobre as obras: Os seus trabalhos deambulam entre múltiplas técnicas das quais se destaca a pintura, assemblage e a escultura. Nas telas, o autor explora o contraste das cores cheias que se aplicam sobre figuras humanas. As figuras, tratadas como personagens tipo refletem distintas tipologias de propaganda e aparato, denunciando os diferentes atributos e técnicas que em diferentes tempos e espaços provocaram o mesmo efeito de “fa stupire”. A assemblage constitui uma técnica recorrente na experimentação artística de Miguel Silva que lhe permite explorar o ecletismo dos elementos que as incorporam traduzindo uma atitude livre de categorizações, espaço confortável para a prática do autor. Todos os detalhes estabelecem uma forte carga emocional entre eles e entre o todo que supõe o seu conjunto. São narrativas, episódios pessoais, memórias, diários visuais onde a plasticidade dos objetos e a carga simbólica das formas assumem o valor lexical do registo. O autor mistura elementos que sugerem o ritual, a catarse como processo de exorcismo. Confronta-nos o pesadelo e a agressividade na angulosidade e dureza de materiais. A uniformização das composições é sugerida na envolvência sanguínea que cobre a superfície dos objetos reunidos."

mmmm.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ APRESENTA 30 EMPRESAS NA BOLSA DE TURISMO DE LISBOA

A BTL – Bolsa de Turismo de Lisboa teve início ontem à tarde e foram 30 as empresas a aceitar o desafio lançado pela autarquia de Arcos de Valdevez para dar a conhecer o melhor da região neste grande certame dedicado ao turismo.

BTL2017.jpg

 A apresentação faz-se com base em três pilares de promoção do território: turismo de natureza e turismo cultural, gastronomia e enoturismo,. Acreditamos que estes três segmentos dão aos operadores presentes na BTL uma ideia bastante completa da nossa localização e oferta integrada que Arcos de Valdevez possui.

Durante o certame, irão ser promovidos dois packs promocionais: um para a Festa da Montanha, que se realiza nos dias 10 e 11 de Junho  e um outro para “o Recontro de Valdevez”, um evento histórico e cultural, com data marcada para o fim de semana de 7,8 e 9 de Julho.

Serão realizadas diversas ações de promoção do concelho como por exemplo provas de vinhos, promoção de fumeiro, do alojamento e hotelaria locais, do Festivinhão, da Reconstituição do Recontro de Valdevez e Mercado Medieval, a exibição de filmes promocionais, as atuações do grupo de Cavaquinhos e do Rancho Folclorico da Casa dos Arcos de Lisboa, entre outras.

A Autarquia apoiou as empresas que quiseram participar nesta feira de turismo, facilitando a logística e organização de modo a se apresentarem perante os potenciais investidores e operadores turísticos nacionais e internacionais.

Esta é mais uma excelente oportunidade de aliciar compradores, conhecer a concorrência e analisar as tendências de mercado.

Esta é mais uma iniciativa de promoção do turismo realizada pela Câmara Municipal e os diversos parceiros de Arcos de Valdevez.

BTL2017_3.jpg

Programa Arcos Valdevez BTL

Dia 15 de Março (Quarta-feira)

10h00 às 19h00 | Reconstituição do Recontro de Valdevez e Mercado Medieval

(Espaço do Município de Arcos de Valdevez)

10:00 prova de vinho espumante com produtos locais – AVVEZ

10:00h EXIBIÇÃO VIDEO PROMOCIONAL DA Associação Vinhos de Valdevez

10:00h -19:00h  Promoção FestiVinhão

18:00h prova de vinho espumante com produtos locais – AVVEZ

18h00» 18h15 | Promoção da Recriação Histórica do Recontro do Vez

Município de Arcos de Valdevez

10h00 às 19h00 Promoção do PACK promocional Recontro do vez – Alojamento+ animação natureza + ALMOÇO OU JANTAR

PROMOÇÃO SOTEIO EXPERIENCIA A REALIZAR DIA 19

16:00 Exibição de filmes promocionais do município

Presença no stand associação do vinho

Dia 16 de Março (Quinta-feira)

10h00 às 19h00 | Promoção da Festa da Montanha – 10 e 11 de junho |Parque Nacional da Peneda Gerês

(Espaço do Município de Arcos de Valdevez)

Atividades Ardal – Porta do Mezio

10h00 às 19h00 Promoção do PACK promocional festa da Montanha– Alojamento+ animação natureza + ALMOÇO OU JANTAR

PROMOÇÃO SOTEIO EXPERIENCIA A REALIZAR DIA 19

16:00 Exibição de filmes promocionais do município

Presença no stand quinta da lamosa, sobrenatura e nature 4

Dia 17 de Março (Sexta-feira)

10:00h – 1900h Promoção fumeiro Arcos de Valdevez

10:00h – 2300 Exibição de filme tipologias de Alojamento Arcos de Valdevez

16:00 Exibição de filmes promocionais do município

10h00 às 19h00 Promoção do PACK promocional Recontro do vez – Alojamento+ animação natureza + ALMOÇO OU JANTAR

10h00 às 19h00 Promoção do PACK promocional festa da Montanha– Alojamento+ animação natureza + ALMOÇO OU JANTAR

PROMOÇÃO SOTEIO EXPERIENCIA A REALIZAR DIA 19

Dia 18 de Março (Sábado)

12h00 às 23h00 | Promoção da Festa da Montanha – 10 e 11 de junho |Parque Nacional da Peneda Gerês

(Espaço do Município de Arcos de Valdevez)

12h00 às 23h00 | Reconstituição do Recontro de Valdevez e Mercado Medieval

(Espaço do Município de Arcos de Valdevez)

21h00 | Promoção da Recriação Histórica do Recontro do Vez

Município de Arcos de Valdevez

21h30 | Grupo de Cavaquinhos da Casa dos Arcos de Lisboa

Município de Arcos de Valdevez

16:00 Exibição de filmes promocionais do município

10h00 às 19h00 Promoção do PACK promocional Recontro do vez – Alojamento+ animação natureza + ALMOÇO OU JANTAR

10h00 às 19h00 Promoção do PACK promocional festa da Montanha– Alojamento+ animação natureza + ALMOÇO OU JANTAR

PROMOÇÃO SOTEIO EXPERIENCIA A REALIZAR DIA 19

19h00 | Sorteio de Experiências

Uma noite no ArcosHotel | Um trilho no Parque Nacional da Peneda Gerês | Um Almoço ou Jantar (bebidas não incluídas)

(Espaço do Município de Arcos de Valdevez | TPNP)

Dia 19 de Março (Domingo)

12h00 às 20h00 | Promoção da Festa da Montanha – 10 e 11 de junho |Parque Nacional da Peneda Gerês

(Espaço do Município de Arcos de Valdevez)

12h00 às 23h00 | Reconstituição do Recontro de Valdevez e Mercado Medieval

(Espaço do Município de Arcos de Valdevez)

16:00 Exibição de filmes promocionais do município

10h00 às 19h00 Promoção do PACK promocional Recontro do vez – Alojamento+ animação natureza + ALMOÇO OU JANTAR

10h00 às 19h00 Promoção do PACK promocional festa da Montanha– Alojamento+ animação natureza + ALMOÇO OU JANTAR

PROMOÇÃO SOTEIO EXPERIENCIA A REALIZAR DIA 19

16h30 | Rancho Folclórico da Casa dos Arcos de Lisboa

Município de Arcos de Valdevez

19:00h Sorteio experiencias

(espaço Municipio)

BTL2017_5.jpg

BTL2017_7.jpg

BTL2017_10.jpg

BTL2017_11.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ INICIA PROCESSO DE CONSTITUIÇÃO DA CONFRARIA GASTRONÓMICA DA CARNE CACHENA

A gastronomia desempenha um papel fundamental na atração de pessoas para o concelho, pois os visitantes provam novos produtos e sabores e vivenciam hábitos e costumes locais, tornando as experiências mais autênticas, ajudando a construir uma imagem de destino distintiva e mas valiosa; ela é uma mais-valia na dinamização económica do concelho, nomeadamente para o turismo, restauração, a agricultura e o comércio, e, a preservação e promoção da gastronomia tradicional norteia a atuação das confrarias gastronómicas.

confraria_gastronomica_carne_cachena10.jpg

Arcos de Valdevez possui um produto local de qualidade e referência, nomeadamente a Carne Cachena, com identidade própria, denominação de origem protegida e reconhecida pela União Europeia;

Foi neste sentido que o Município de Arcos de Valdevez, a Cooperativa Agrícola de Arcos de Valdevez e Ponte da Barca, CRL, a Associação dos criadores da Raça Cachena, a Federação Portuguesa das Confrarias Gastronómicas, a Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Viana do Castelo e o PEC Nordeste, celebraram esta quinta-feira, dia 16 de março, pelas 12h00, no Centro Municipal de Informação e Turismo, um protocolo de parceria com vista à constituição da Confraria Gastronómica da Carne Cachena.

Esta confraria, sem fins lucrativos e de duração ilimitada, terá por objeto a valorização, divulgação e promoção da gastronomia tradicional da “Carne Cachena”, produto emblemático,  com uma forte ligação cultural, social e económica ao território e às populações.

Esta entidade vai ser um forte dinamizador da gastronomia para valorizar e promover a Carne Cachena, através da preservação da autenticidade da gastronomia local; estimulação da aposta na diferenciação, através da capacitação, qualificação e inovação dos produtores, restauração e agentes económicos; incentivo à revitalização da cadeia produtiva, desde a produção à comercialização dos produtos locais, contribuindo para a dinamização da economia local; da promoção de mostras, encontros e concursos de gastronomia da carne Cachena; e promover a participação e realização de mostras, convívios, ciclos de gastronomia, provas de degustação, concursos, qualificação e outras iniciativas de caráter social, formativo, promocional e cultural da gastronomia tradicional, dos produtos locais e da carne cachena.

Esta é mais uma ação do Municipio e parceiros com o objetivo de criar dinâmica económica no concelho, bem como de preservar os seus produtos, as suas raízes e os seus sabores.

“A raça Cachena é aquela que encontramos na alta montanha, em cotas elevadas, acima dos 800 metros e que, pela sua dimensão e resistência às condições mais adversas, define o seu próprio solar.

Vacas aleitantes por vocação, apresentam-se de muito pequeno porte, com altura ao garrote que não chega a ultrapassar os 1,15 metros.

Pastoreando livremente em grupo, em áreas amplas e comuns, vive ao ar livre durante praticamente todo o ano.

Raça explorada em regime extensivo, por vezes quase semisselvagem, tem persistido ao longo dos tempos e é atualmente, parte integrante do património genético do nosso país”. In: www.cachena.pt

confraria_gastronomica_carne_cachena2.jpg

confraria_gastronomica_carne_cachena4.jpg

confraria_gastronomica_carne_cachena5.jpg

confraria_gastronomica_carne_cachena7.jpg

confraria_gastronomica_carne_cachena8.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ RECEBE XIII EDIÇÃO DA MEDICINA NA PERIFERIA

A Câmara Municipal apoiou mais uma edição da medicina na periferia, uma atividade que a Associação de estudantes do ICBAS - Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar - Universidade do Porto organiza há já 13 anos. Esta é uma atividade muito acarinhada pelos estudantes, contando, este ano, com cerca de 120 estudantes espalhados por 14 municípios do norte do país que fizeram rastreios à população ao longo do fim de semana de 10 a 12 de Março.

XIII Medicina na Periferia (1).JPG

Arcos de Valdevez foi uma das localidades contempladas pelo projeto, tendo acolhido um grupo de 7 alunas que realizaram, no passado fim de semana, rastreios à população em geral.

Esta atividade voltou a revelar-se um sucesso, não só devido à recetividade da pessoas, que gostaram de participar nos rastreios e de contactar com estudantes de medicina, mas também porque foi uma forma das alunas terem contacto mais direto com a população, bem como usufruírem de uma componente prática diferente daquela que têm no seu dia a dia, enquanto estudantes de medicina no hospital.

A Câmara Municipal de Arcos de Valdevez, na pessoa da Vereadora da Saúde, Belmira Reis, tal como o que já tem vindo a ser usual relativamente a iniciativas similares realizadas anteriormente, mostrou-se sempre disponível e colaborou com o grupo desde o princípio para a realização deste projeto, ajudando a que o mesmo decorresse da melhor forma possível. 

Esta foi mais uma iniciativa de promoção da saúde e bem-estar junto da população arcuense.

XIII Medicina na Periferia (2).JPG

ARCOS DE VALDEVEZ ENSINA ARTE DE OLARIA

Oficina temática de Cerâmica: Potes, pratos e louça fina (da Pré-história à Época Moderna)

Nesta oficina, pensada especialmente para as famílias, vamos até ao tempo em que apenas as mãos do oleiro trabalhavam o barro e davam forma à identidade dos povos que habitaram ou chegaram a estas paragens.

potes_pratos_louças_fina - Cópia.jpg

Desde a Pré-história, passando pela Época Romana, até à Época Moderna, vão ser percorridos quase dois mil anos de História para conhecer as diferentes formas e decorações das peças em barro que o Homem criou para uso doméstico.

Com as próprias mãos, alguns instrumentos e técnicas, irão ser recriados e decorados potes e panelas castrejas, pratos romanos e tigelas em faiança dignas da mesa de um rei, inspirados nos vestígios de outros tempos do concelho de Arcos de Valdevez!

Atividade gratuita, sujeita a inscrição prévia.

A inscrição poderá ser efetuada presencialmente ou através dos contactos:

Email: pacodegiela@cmav.pt

Telefone: 258 520 529

Telemóvel: 965 995 094

ARCUENSES ABRAÇAM A FLORESTA

2000 alunos de Arcos de Valdevez vão abraçar a Floresta

No próximo dia 21 de Março a Câmara Municipal irá levar a cabo a iniciativa “Abraço à Floresta”, a qual se desenvolve no âmbito do plano de atividades com as escolas para o ano letivo 2016/2017.

dia_mundial_da_criança_2015_21.jpg

A iniciativa irá realizar-se na Porta do Mezio e contará com a participação de todas as crianças e jovens inseridos nos diversos equipamentos educativos do concelho, cujo total previsto ascende os 2000 alunos.

Durante o evento, está prevista a realização de um conjunto de atividades, em torno da temática da educação ambiental, tais como, ateliers, sessões de sensibilização efetuadas pelas entidades ligadas à preservação da floresta; plantação de árvores, entre outras.

O objetivo desta ação é sensibilizar as crianças e jovens para a preservação do meio ambiente, tornando-os participantes mais ativos na proteção dos valores naturais, nomeadamente, os valores naturais do Parque Peneda Gerês, bem como, para a reflexão em torno de um modelo de sociedade mais sustentável, indispensável para se exercer uma cidadania plena.

Programação do evento:

09,00h - Receção dos participantes e entrega do roteiro de atividades

09,30h - Inicio das atividades previstas no roteiro

11,00h - Inicio da cerimónia (atividades de animação promovidas pelos alunos e dedicadas à floresta e preservação do ambiente

12,00h - Momento simbólico do Abraço à Floresta

12,30h - Almoço

13,30h - Continuação das atividades previstas no roteiro

15,00h -16,00h – Regresso

ARCOS DE VALDEVEZ REÚNE EXECUTIVO MUNICIPAL

REUNIÃO ORDINÁRIA DE 13 DE MARÇO DE 2017

PERÍODO ANTES DA ORDEM DO DIA:

No período antes da Ordem do Dia o Sr. Presidente informou que o concelho irá participar na próxima edição da BTL com o stand oficial do Município, bem como através da presença de vários empresários do setor turístico do concelho. Na edição deste serão levados vários pacotes turísticos de promoção do concelho.

O autarca também relembrou a realização de mais uma edição do fim de semana gastronómico, nos próximos dias 18 e 19 de março nos restaurantes aderentes, bem como toda a programação inerente à iniciativa.

O Sr. Presidente informou que na próxima quinta-feira, pelas 12h00, será celebrado, no Centro Municipal de Informação e Turismo, o protocolo que irá dar início ao processo de constituição da Confraria Gastronómica da Carne Cachena.

Também informou que irá reunir com o Sr. Ministro do Trabalho e Solidariedade Social na próxima quarta-feira, em Lisboa.

Neste período, também informou que no próximo fim-de-semana irá à Casa dos Arcos em Bordéus, e, irá visitar a localidade de Decines, perto de Lyon, a convite da Câmara Municipal local

De igual modo felicitou as iniciativas realizadas no âmbito da Comemoração do Dia Internacional da Mulher e congratulou o Motoclube de Arcos de Valdevez por mais uma organização do Arcos TT, um encontro de motos todo o terreno que já vai na XIX edição e este ano juntou cerca de 1500 participantes.

Por último informou que no próximo dia 21 de março será realizado, no Mezio, com as escolas do concelho, o “Abraço à Floresta”. Uma iniciativa que reunirá cerca de 2000 alunos do concelho.

PLANO DE AÇÃO DE REGENERAÇÃO URBANA DO MUNICÍPIO DE ARCOS DE VALDEVEZ: foi aprovado o contrato celebrado com a Autoridade de Gestão do Programa Operacional Regional Norte 2014-2020.

            Destina-se ao financiamento do PARU, Plano de Ação para a Reabilitação Urbana que integra as obras da Oficina da Criatividade Himalaya, de Reabilitação de Espaço Público do Centro Histórico - 1.ª Fase, Reabilitação de Espaço Público do Centro Histórico - 2.ª Fase, Reabilitação de Espaço Público do Centro Histórico - 3.ª Fase, Eco Parque do Vez, Experimentação e Inovação Económica, Esplanadas do Vez, Plataforma da Memória Arcuense, Centro para a Eco-cidadania e Centro de Promoção de Produtos Locais, num montante global de investimento de 2 075 743 € e um apoio global do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional que totaliza 1.774.382 €, foram atribuídos ao Instrumento Financeiro para a Reabilitação Urbana (IFRRU), sujeito a revisão aquando e nos termos do exercício de avaliação previsto no nº 3 da Cláusula 7ª, para comparticipar os projetos enquadrados na Prioridade de Investimento previstos no anexo 1.

OBRAS MUNICIPAIS

BENEFICIAÇÃO DO PAVIMENTO DA EN 101 ENTRE O KM 45+700 E O KM 50+450: foi deliberado adjudicar a empreitada à firma DST – Domingos da Silva Teixeira, S.A., pelo valor de Valor de 204.268,65 Euros (duzentos e quatro mil, duzentos e sessenta e oito euros e sessenta e cinco cêntimos) (S/IVA).

Ligação entre o IC28 e o Parque Empresarial de Mogueiras - Troço A (Entrada sudoeste da sede do concelho): foi deliberado adjudicar a obra à empresa Sebastião da Rocha Barbosa, Lda., pelo valor de 586.934,48 € (S/IVA).

Ampliação da rede de saneamento básico - União de Freguesias de Souto e Tabaçô - Covela, Portela e Igreja: foi aprovado abrir procedimento concursal pelo valor base de 150.000,00 euros

 Com o projeto de execução em referência, pretende-se a ampliação da rede de saneamento aos lugares de Covela, Portela e Igreja, em Souto, que ainda não se encontram servidos, drenando para a rede existente junto do Parque Empresarial, e daí ao coletor em alta das Aguas do Norte.

 O projeto preconiza a instalação de coletores gravíticos, numa extensão de cerca de 2,4 km e 70 ramais domiciliários.

Reorganização viária e funcional de acesso ao Largo do Eiró: - foi deliberado abrir procedimento concursal para levar a cabo a "Reorganização viária e funcional de acesso ao Largo do Eiró", na freguesia do Soajo. O valor estimado da obra é de 23,825,00 Euros +I.V.A e o prazo de execução é de 30 dias

RETIFICAÇÃO DO TRAÇADO DE UM TROÇO DO CM1308 - TABAÇÔ: foi deliberado aprovar dar início ao procedimento concursal tendente à adjudicação da obra em referência, pelo valor base de 15.000,00 euros

CONSTRUÇÃO DE PARQUE INFANTIL: foi deliberado abrir procedimento concursal para a "Construção de parque infantil", na freguesia do Soajo, pelo valor estimado de 14,726,80 Euros +I.V.A e prazo de execução é de 30 dias.

EDUCAÇÃO

  • Abraço à Floresta

A Câmara Municipal tomou conhecimento e aprovou a realização da iniciativa “Abraço à Floresta”, a qual se desenvolverá no âmbito do plano de atividades com as escolas para o ano letivo 2016/2017. O objetivo desta ação é sensibilizar as nossas crianças e jovens para a preservação do meio ambiente, tornando-os participantes mais ativos na proteção dos valores naturais, nomeadamente, os valores naturais do Parque Peneda Gerês, bem como, para a reflexão em torno de um modelo de sociedade mais sustentável, indispensável para se exercer uma cidadania plena;

A iniciativa, irá realizar-se na Porta do Mezio e contará com a participação de todas as crianças e jovens inseridos nos diversos equipamentos educativos do concelho, cujo total previsto ascende os 2000 alunos;

Durante o evento, está previsto a realização de um conjunto de atividades, em torno da temática da educação ambiental, tais como, ateliers, sessões de sensibilização efetuadas pelas entidades ligadas à preservação da floresta; plantação de arvores, entre outras;
A programação prevista para o evento é a seguinte:

09,00h - Receção dos participantes e entrega do roteiro de atividades

09,30h - Inicio das atividades previstas no roteiro

11,00h - Inicio da cerimónia (atividades de animação promovidas pelos alunos e dedicadas à floresta e preservação do ambiente

12,00h - Momento simbólico do Abraço à Floresta

12,30h - Almoço

13,30h - Continuação das atividades previstas no roteiro

15,00h -16,00h – Regresso

Os custos previstos para a realização do evento estimam-se em cerca de 6.000,00 €.

  • adenda ao contrato-programa de generalização do fornecimento de refeições escolares aos alunos do 1º ceb – ano letivo 2016/2017: foi aprovada a adenda, referindo o número de alunos abrangidos e ao valor da refeição adjudicado.

O Ministério atribui ao Município 50% do valor da refeição, cujo custo de adjudicação seja superior a 1,46€.

Neste caso o Município irá receber 0,03€ por aluno o que corresponde a um total de 2.889€ para o presente ano letivo.

 

  • CENFIPE – Centro de Formação e Inovação dos Profissionais de Educação

A Câmara tomou conhecimento do evento incluído no Ciclo de Conferências “À Beira de Um Ataque de Nervos” a realizar em Arcos de Valdevez, no dia 27 de maio de 2017, pelo CENFIP – Centro de Formação e Inovação dos Profissionais de Educação das Escolas do Alto Lima e Paredes de Coura, bem como do convite ao Presidente da Câmara para intervenção na sessão de abertura e apoio ao nível do custear das despesas de divulgação, conferencistas, deslocações, coffee break e almoço dos convidados.

AMBIENTE

AQUISIÇÃO DE 60 CONTENTORES: com vista ao reforço da taxa de cobertura dos contentores de RSU e melhoria da imagem e condições de salubridade através da substituição de contentores danificados, foi aprovada a abertura de procedimento de aquisição de 60 contentores pelo valor de 8.220 euros + IVA.

Aquisição de serviços para limpeza/desobstrução de coletores, manutenção de ETAR'S e estações elevatórias: foi deliberado aprovar a caducidade do procedimento, bem como proceder à abertura de um novo, desta vez com convite apenas à empresa que forneceu o serviço no ano de 2016, mantendo o valor base.

AQUISIÇÃO DE TAPETES E PLACAS DE GRELHA PARA A PISCINA MUNICIPAL: foi deliberado adjudicar a aquisição à firma Valter Ferreira Arcanjo, Lda., pelo valor de 12.026,69 €, a que acresce o IVA à taxa legal em vigor.

REFERENCIAL DE EDUCAÇÃO PARA A SEGURANÇA,  A DEFESA E A PAZ: foi aprovado celebrar o Protocolo-quadro que visa impulsionar a implementação do "Referencial de Educação para a Segurança, a Defesa e a Paz", assumindo a parceria com o Ministério da Defesa num projeto que tem como principal missão implementar uma cultura de segurança e promoção dos valores nacionais e da formação para um patriotismo democrático.

Prestação de serviços de animação DESPORTIVA: foi aprovada a adjudicação à firma concorrente Nuno Pedro Santos Marques, pelo valor de 8.800,00 €, a que acresce o IVA à taxa legal em vigor para implementação do projeto Séniores+Ativos.

AÇÃO SOCIAL

APOIO ECONÓMICO

  • Foi deliberado apoiar um agregado familiar residente no concelho mediante a atribuição de um apoio económico no valor de 700,00€ (setecentos euros), para pagamento de quatro meses de renda em atraso.
  • Foi deliberado apoiar a Santa Casa da Misericórdia de Arcos de Valdevez no montante de 3,232,44€ C/IVA. Para fazer face aos custos com as obras no sistema de climatização, para abertura da segunda sala da Creche de Padreiro.

pedido de revisão de renda: foram aprovadas duas revisões de renda de agregados familiares do concelho, a viverem em casas de habitação social, devido a constrangimentos financeiros.

OUTROS APOIOS

  • Foi deliberado apoiar em 500€ Paróquia de Santa Maria de Oliveira, com a realização da Feira do Gado, a realizar no dia 11 de março, incluída nas festividades de Nossa Senhora das Boas Novas.
  • Foi deliberado apoiar o Rancho Folclórico de Santa Marinha de Prozelo, para ajudar a custear as despesas com o aluguer de um autocarro para deslocação a Paris para participar no Festival Folclórico do Rancho "Amigos Unidos de Bois d'Arcy", no dia 2 de abril de 2017, no valor de 50% do total do serviço de aluguer.
  • Foi deliberado aprovar a isenção de licenças para a realização do evento ARCOS TT 2017, no dia 11 de março de 2017, organizado pelo Moto Clube de Arcos de Valdevez dada a importância, o interesse e a visibilidade que o mesmo tem para o concelho.

REQUALIFICAÇÃO DA EM 202-2 (ENTRE A PONTE E O CM 1295) – GONDORIZ: foi homologado o auto de consignação da empreitada referida em epígrafe, adjudicada à empresa J. S. Gomes, Lda., pelo valor de 224.741,80 euros, com prazo de execução de 90 dias.

BENEFICIAÇÃO DO CM 1301 (DA EN 101 A NOGUEIRAS) - RIO DE MOINHOS: - foi homologado o auto de consignação da empreitada referida em epígrafe, adjudicada à empresa MARTINS & FILHOS, S.A., pelo valor de 168.630,88 euros, com prazo de execução de 90 dias.

AMPLIAÇÃO DA REDE DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA) - FREGUESIA DE CABREIRO (IGREJA): foi aprovada a conta final da empreitada, no montante de 63.352,88 euros.

DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO

PROCESSO Nº 158/2005: - foi deliberado aprovar o projeto de arquitetura da construção de um pavilhão industrial, da empresa Granivez – Mármores e Granitos do Vez, Lda no Parque Empresarial de Mogueiras – Tabaçô.

PROCESSO Nº 2/2016: - foi deliberado autorizar a empresa Margisol – Operações Sobre Imóveis, Lda., com sede na Rua Soares Pereira, nº 88 – 90, nesta vila e concelho, a proceder à constituição de propriedade horizontal, no lote 16 do Loteamento da Boavista – Parada.

atribuição de topónimos na zona de Vila Fonche

Foi aprovada a informação da União de Freguesias de Arcos de Valdevez (Salvador), Vila Fonche e Parada, onde remete a certidão da ata da reunião da Assembleia de Freguesia de 17 de Junho de 2016, na qual consta a proposta para atribuição de topónimos na zona de Vila Fonche.

Renovação do contrato de avença com o consultor juridico do Município: foi deliberado aprovar a renovação do contrato de prestação de serviços em regime de avença celebrado em 18 de Fevereiro de 1999 com o Advogado, Dr. Manuel Gonçalves, na qualidade de sócio administrador da "Manuel Gonçalves, Lourdes Cunha Gonçalves & Associados - Sociedade de Advogados, R.L", que, em termos normais, ocorre em 1 de Março de 2017.

Peditório Cáritas: foi deliberado autorizar a Cáritas Diocesana de Viana do Castelo a efetuar peditório de rua na sede do concelho no próximo dia 15 de março.

ARCOS DE VALDEVEZ APOIA VÍTIMAS DE INCÊNDIOS FLORESTAIS

Câmara Municipal e Cáritas apoiam vítimas de incêndios florestais

Na sequência dos prejuízos ocorridos devido ao grande número de incêndios deflagrados no concelho no ano transato, a Câmara Municipal de Arcos de Valdevez solicitou apoio para diversas ações, entre as quais o apoio aos produtores de gado para custear a alimentação dos animais.

apoio_produtores_caritas_camara_municipal.jpg

Cerca de 250 produtores obtiveram apoio por parte do Ministério da Administração Interna, e, relativamente ao outro grupo de 108 produtores de 13 freguesias do concelho (Cabana Maior, Gondoriz, Soajo, Ázere, Cabreiro, União de Freguesias de Grade e Carralcova, Couto, Paçô, Prozelo, Gavieira, União de Freguesias de Vilela, S. Cosme e S. Damião e Sá, Souto, União de Freguesias de Távora Sta. Maria e S. Vicente), não abrangidos por este apoio, a Câmara Municipal enviou à Cáritas as suas solicitações.

Estes produtores receberam um apoio de acordo com o número de animais que declararam. Em termos globais foi entregue uma verba no valor de 76.530 euros para fazer face aos custos com a alimentação de 2659 cabeças de gado.

A entrega das verbas correspondentes A entrega das verbas correspondentes a cada agricultor fez-se na passada sexta-feira, dia 10 de março.

apoio_produtores_caritas_camara_municipal2.jpg

apoio_produtores_caritas_camara_municipal5.jpg

apoio_produtores_caritas_camara_municipal6.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ PROMOVE CARNE DA CACHENA E ARROZ DE FEIJÃO TARRESTRE

Arcos de Valdevez à Mesa / Carne da Cachena com Arroz de Feijão Tarrestre. 18 e 19 de Março

 No fim-de-semana, de 18 e 19 de março, a carne cachena será a rainha das mesas dos restaurantes arcuenses, os quais irão apresentar mais um prato tradicional da nossa gastronomia a “Carne da Cachena com Arroz de Feijão Tarrestre”. A tenra carne Cachena proveniente de animais de raça de gado Cachena, criados em zona de montanha, acompanhada pelo feijão Tarrestre, característico das Serras da Peneda e do Soajo, fazem deste prato um sabor distinto do mundo rural e as delícias de quem o prova.

25.4 cm x 16.2 cm (1).jpg

Para além deste manjar, Arcos de Valdevez oferece outros sabores próprios da região, nomeadamente a broa de milho, a laranja de Ermelo, o bolo de discos, os charutos de ovos e os excelentes vinhos verdes.

[Venha visitar Arcos de Valdevez, um destino turístico de excelência, situado no Parque Nacional Peneda Gerês, em plena Reserva Mundial da Biosfera, declarada pela Unesco. Estamos a menos de uma hora do Porto e a pouco mais de 30 minutos de Braga! Convidamo-lo a fazer um itinerário pelos sabores da nossa gastronomia, pelas nossas tradições, pela nossa cultura e pela beleza natural deste concelho.]

Da programação desta iniciativa fazem parte variados momentos de entretenimento, entre os quais a “Feira de Artesanato e Mercado de Sabores”, onde estarão expostas várias peças de artesanato entre outros produtos característicos da região, mostras de raças autóctones, na Porta do Mezio, e visitas guiadas à Porta e ao Paço de Giela, a Rota dos Vinhos de Arcos de Valdevez, com visita a quintas e provas de vinhos, Workshops, demonstrações da gastronomia arcuense, através da realização de showcookings, e atuações musicais.

Sábado: 18 de Março

              10h00 - Abertura da “Feira de Artesanato e Mercado de Sabores”

                            Campo do Trasladário

              10h00 /13h00 14H00/18H00 - “Na mesa de D. Afonso Henriques”

                           Faça uma foto na mesa de D. Afonso Henriques (quadro desenhado);

                           Degustação de Fumeiro do Vez (Apoio: Sabores do Vez)

             Paço de Giela

              10h00 - Mostra de Raças Autóctones

               Porta do Mezio

10h00 -* Rota dos Vinhos de Arcos de Valdevez

* Inscrições na Loja de Turismo/ Tlm. 934 901 967 / Email (vinhos.avvez@gmail.com)

11h00 - Trilho da Branda de Mosqueiros

 Inscrições: 258510100/portadomezio@ardal.pt

12h30 - Fim-de-semana Gastronómico - “Carne da Cachena com Arroz de Feijão Tarrestre”

14h00 - Workshop de Fotografia de Natureza

 Formador: Miguel Dantas da Gama

 Inscrições: 258510100/portadomezio@ardal.pt

15h00 - Show Cooking “Saberes do Vez” – “Bolo de Discos”

                                    Epralima – Escola Profissional do Alto Lima

  Campo do Trasladário

15h30 - Rusga Tuna

Campo do Trasladário

20h00 - Fim-de-semana Gastronómico - Carne da Cachena com Arroz de Feijão Tarrestre

23H00 – Música: Beg Legs + The wist Conection

                            (ingressos: 258 520 520 | Preço único: 5.00€)

            Auditório da Casa das Artes  

Domingo: 19 de Março

09h00 - Trilho do Pequeno Tibete

               Inscrições: 258510100/portadomezio@ardal.pt              

10h00 - Abertura “Feira de Artesanato e Mercado de Sabores”   

               Campo do Trasladário

10h00 /13h00 14H00/18H00 - “Na mesa de D. Afonso Henriques”

                           Faça uma foto na mesa de D. Afonso Henriques (quadro desenhado);

                           Degustação de Fumeiro do Vez (Apoio: Sabores do Vez)

             Paço de Giela

10h00 - Mostra de Raças Autóctones

               Porta do Mezio

11h30 - Show Cooking “Bolo de Mel” - Rosa Maria Silva

              Campo do Trasladário

12h30 - Fim-de-semana Gastronómico: “Carne da Cachena com Arroz de Feijão Tarrestre”

             Tocata pelos Restaurantes Aderentes

15h00 -Show Cooking “Saberes do Vez” – “Cocktail de Enchidos” e “Carne da Cachena em   Cama de Legumes” - Epralima – Escola Profissional do Alto Lima

              Campo do Trasladário

15h00 - Visita guiada à Porta do Mezio

15h30 - Baile Popular: “Orquestra Eclipse”

               Campo do Trasladário

CRAV GANHA E ALCANÇA O 3º LUGAR

Campeonato Nacional da 1ª Divisão

No dia 11 de março, o CRAV recebeu e venceu a Bairrada por 31-5. As expectativas eram elevadas relativamente a este embate, uma vez que o coletivo arcuense tem vindo a manifestar um crescendo de forma nas últimas jornadas e reencontrava agora um dos candidatos ao título da primeira divisão. Note-se que no jogo da primeira volta o CRAV tinha perdido na Bairrada por 19-0.

crav vs bairrada (3) (2).jpg

O jogo iniciou-se numa toada de competitividade que iria durar toda a primeira parte, jogado a um nível bastante interessante com as duas equipas a se equivalerem, mas onde as defesas foram ganhando superioridade aos ataques, onde o CRAV foi mantendo alguma vantagem territorial. No final da primeira parte o resultado era de 7-0, tendo o ensaio dos da casa sido marcado no seguimento de um alinhamento perto da área de validação forasteira, numa demonstração de força e querer por parte do terceira linha arcuense que desmoronou a muralha defensiva.

Na segunda parte o CRAV entrou melhor, mais concentrado e com vontade de resolver o jogo e em poucos minutos marcou dois ensaios que trouxe alguma tranquilidade, marcando outro uns minutos mais tarde.  Aos vinte minutos da segunda parte o CRAV estava a ganhar por 24-0. A partir daí os visitantes tomaram conta do jogo tentando encostar o CRAV à sua área defensiva, esforço que lhes garantiu um ensaio e estiveram muito perto de conseguir o segundo. Só que nos minutos finais o CRAV ainda conseguiu marcar o seu último ensaio sentenciando o jogo em 31-5.

A equipa técnica do CRAV adianta que esta foi uma “excelente vitória contra uma equipa que soube fazer por valorizar o jogo e mostrou sempre muita competitividade em todos os aspetos do jogo”.

Em mais um fim de semana sem árbitros nomeados pela federação, o CRAV agradece a Gil Gonçalves e Carlos Lourenço pela preciosa ajuda que deram, permitindo assim que o jogo se realizasse.

crav vs bairrada (2) (1).jpg

crav vs bairrada (4) (1).jpg

crav vs bairrada (5).jpg

crav vs bairrada.jpg

SUB-18 DO CRAV VENCEM CR S. MIGUEL

Após uma vitória no passado fim-de-semana, os sub-18 do CRAV receberam e venceram o CR S. Miguel por 17-14. O encontro teve lugar no passado sábado, dia 11 de maio, no Estádio Municipal de Arcos de Valdevez.

sub-18 crav vs s.miguel.JPG

Relativamente ao jogo, de realçar que a equipa local inaugurou o marcador com um ensaio convertido, logo no início da partida. Os arcuenses voltaram a marcar pouco depois após mais uma jogada coletiva bastante eficiente.

Os visitantes reagiram bem à vantagem da equipa da casa e marcaram igualmente dois ensaios convertidos, fixando o resultado ao intervalo em 14-14.

A segunda parte trouxe uma forte vontade de disputa, com tentativas de ambas as equipas de aumentar o marcador. Caso que viria a suceder aos sub-18 do CRAV, com a marcação de uma penalidade pelo jogador Bernardo Cruz, que viria a  fixar o resultado final favorável à equipa arcuense.

De salientar que no confronto anterior contra o S. Miguel, em Lisboa, a equipa arcuense tinha também conquistado uma importante vitória.

O próximo jogo da equipa de sub-18 está agendado para o dia 19 de março, nas Caldas da Rainha.

sub-18 crav vs s.miguel (2).JPG

ARCUENSES DANÇAM NA BOLSA DE TURISMO DE LISBOA

O Rancho Folclórico da Casa do Concelho de Arcos de Valdevez vai no próximo dia 19 de Março, a partir das 15 horas, actuar na Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), levando consigo a alegria das gentes do Minho.

Potenciar novos contactos e promover os melhores negócios é uma das premissas da organização do certame. Algo que tem sido alcançado com assinalável sucesso, muito por força da capacidade de inovação e de antecipação das necessidades do mercado.

A BTL é um espaço de negocio e networking de todos os profissionais do Turismo e também um palco aberto ao debate e discussão do sector.

A BTL é também um espaço de animação e promoção turística para o público.

ARCOS DE VALDEVEZ CONSTITUI CONFRARIA GASTRONÓMICA DA CARNE CACHENA

Arcos de Valdevez vai criar a Confraria Gastronómica da Carne Cachena. A cerimónia de assinatura do protocolo com vista à sua constituição tem lugar no próximo dia 16 de março, pelas 12h00, no Centro Municipal de Informação e Turismo.

DSC00839

Nesta iniciativa estão envolvidas a Câmara Municipal de Arcos de Valdevez, a Cooperativa Agrícola de Arcos de Valdevez e Ponte da Barca, CRL, a Associação dos Criadores Raça Cachena, PEC Nordeste, a Federação Portuguesa das Confrarias Gastronómica e a Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Viana do Castelo.

Na ocasião, terá lugar um almoço de degustação de Carne Cachena que decorrerá após a cerimónia na Epralima – Escola Profissional do Alto Lima.

ARCOS DE VALDEVEZ CELEBRA MULHER PALAVRA POÉTICA

Levar a Música e a Poesia ao local de trabalho de centenas de trabalhadoras foi o objetivo do Município de Arcos de Valdevez, através do Projecto FACILITA, no dia em que se replicavam inúmeras iniciativas de evocação e celebração da Mulher, 8 de Março.

dia_mulher_2017.jpg

Precisamente nesse dia, que era de sol, como convém nos dias festivos, um poeta (Alberto Serra), um músico (Paulo Cunha), uma cantora (Anabela Lemos) e uma declamadora (Narcisa Vilaça) “invadiram” três unidades industriais do concelho para levar a melodia dos sons e das palavras a centenas de mulheres trabalhadoras. Com a concordância prévia das chefias da Coindu, Afonso, Produções de Vestuário e Sarrelber., este invulgar quarteto alegrou as pausas entre turnos das trabalhadoras dessas empresas. Para culminar a celebração, no final de cada momento poético, cada mulher recebeu uma flor.

O Presidente da Câmara Municipal, João Manuel Esteves e a vereadora, Belmira Reis, que marcaram presença nas fábricas, explicaram à assistência, predominantemente, feminina a razão da forma inusitada de evocar o dia da mulher. Uma vez que o projeto FACILITA foi implementado nessas três unidades industriais com o propósito de Facilitar o acesso à informação, cultura e entretenimento dos seus trabalhadores, nada mais a propósito do que levar a poesia e a música às mulheres trabalhadoras, no seu local de trabalho. O Projeto FACILITA é uma iniciativa da Casa das Artes /Biblioteca Municipal Tomaz de Figueiredo e tem funcionado ininterruptamente, desde abril de 2010 em sessões quinzenais nas quais os trabalhadores (homens e mulheres) inscritos no projeto podem requisitar livros, DVDS, ler jornais, tomar conhecimento da atividade cultural e recreativa do concelho e até fazer reservas para concertos e espetáculos.

Na noite desse mesmo dia 8 de março, o referido grupo de artistas que se apresenta como Coletivo Haja Ânimo apresentou no Auditório da Casa das Artes um Recital de Música e Poesia concebido a partir do livro de Vergílio Ferreira. “Cartas a Sandra”. Trata-se de um romance epistolar publicado após a morte do autor ocorrida em 1996, a partir do qual Alberto Serra e o Coletivo Haja Ãnimo criaram um recital de música e poesia.

No sábado, 11 de março, o Paço de Giela reserva, durante o dia, surpresas para o público feminino; às 20h00 estará disponível ao público a exposição “ Arte no Feminino”, a qual estará patente no Campo do Trasladário, junto à Ponte Nova, e juntará diversos trabalhos artísticos criados por mulheres; às 21h30 decorre a iniciativa “Poemas na Ponte”, através da qual serão colocados diversos poemas na Ponte Centenária, para serem lidos e levado; às 22h00 decorre a atuação Musical de Delfim Júnior & Ympério Show, no Campo do Trasladário, junto à Ponte Centenária, e às 23h00 o Concerto do projeto “Fado Violado”, integrado no “Sons de Vez – Mostra de Música Moderna de Arcos de Valdevez”, no Auditório da Casa das Artes.

DIA DA MULHER
Programa
11 Março | Sábado
10h00 – 13h00 / 14h00-18h00
PAÇO DE GIELA no Feminino
Entrada gratuita para mulheres e oferta de uma surpresa…
Local: Paço de Giela
20h00
EXPOSIÇÃO “ Arte no Feminino”
Diversos trabalhos artísticos criados por mulheres e colocados no espaço público.
Local: Campo do Trasladário, junto à Ponte Centenária
21h30
“Poemas na Ponte”
Diversos poemas, colocados na Ponte Centenária, para serem lidos e levados…
Local: Ponte Centenária
22h00
Atuação Musical de Delfim Júnior & Ympério Show
Local: Campo do Trasladário, junto à Ponte Centenária
23h00
Concerto do projeto “Fado Violado”
Integrado no “Sons de Vez – Mostra de Música Moderna de Arcos de Valdevez”
Local: Auditório da Casa das Artes

dia_mulher_2017_1.jpg

dia_mulher_2017_2.jpg

dia_mulher_2017_5.jpg

dia_mulher_2017_8.jpg

dia_mulher_2017_13.jpg

dia_mulher_2017_17.jpg

dia_mulher_2017_18.jpg

dia_mulher_2017_20.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ PARTICIPA NA BOLSA DE TURISMO DE LISBOA

Arcos de Valdevez na BTL, o maior certame de turismo em Portugal

“Somos um destino de natureza com um património natural e cultural únicos em Portugal. Estamos no Parque Nacional Peneda-Gerês, na Reserva Mundial da Biosfera da UNESCO e ligado à fundação de Portugal Arcos de Valdevez onde Portugal se fez”.

025.JPG

Nesse sentido, os profissionais do setor do turismo de Arcos de Valdevez foram desafiados pela Câmara Municipal  a estarem presentes na Feira BTL – Bolsa de Turismo de Lisboa, entre os dias 15 e 19 de Março.

É através desta parceria que se vai tornar possível reforçar o posicionamento do concelho no panorama turístico nacional e até internacional. Assim, a Autarquia está a apoiar as empresas que queiram participar nesta feira de turismo, facilitando a logística e organização de modo a que se apresentem perante os potenciais investidores e operadores turísticos nacionais e internacionais. Esta é uma oportunidade única de aliciar compradores, conhecer a concorrência e analisar as tendências de mercado.

135.JPG

Cachena com Arroz de Feijão Tarrestre - Cópia.jpg

charutos_002 - Cópia.jpg

Doces tipicos - Doçaria Central.jpg

ecovia_1_2_fase (7) - Cópia.jpg

paço_giela.jpg

Sistelo.JPG

PONTE DE LIMA APOIA CONFERÊNCIA DO CENFIPE

Município de Ponte de Lima apoia Conferência do CENFIPE em Ponte de Lima que se realiza no dia 25 de março – Auditório Rio Lima

A Câmara Municipal de Ponte de Lima em parceria com a CENFIPE – Centro de Formação e Inovação dos Profissionais de Educação das escolas do Alto Lima e Paredes de Coura, organiza no próximo dia 25 de março, no Auditório Rio Lima, uma conferência que faz parte de um ciclo de conferências referentes ao campo da educação.

Cartaz_Cenfipe (Small).jpg

Na presente Conferência foram convidados especialistas de diferentes áreas para discutir questões centrais inerentes à parentalidade positiva, bem como,  ao sucesso educativo e ao papel da escola: Álvaro Laborinho Lúcio, Paulo Flor (PSP), Alexandre Quintanilha, Renato Paiva, Cristina Valente, Alexandre Castro Caldas, Jorge Pina, Vítor Paulo Pereira, João Fernando Ramos (RTP) como moderador, e ainda João e Paula Brites num momento de danças afro-latinas.

Neste encontro irão ser debatidos os medos e anseios dos pais e o tipo de crianças e jovens que a escola está produzir. Nos últimos tempos têm-se levantado muito a questão das agendas super preenchidas das nossas crianças, que roubam tempo que deveria ser dedicado às brincadeiras e ao lazer, desenvolvendo a criatividade.

Por outro lado, surgem outras questões, que se prendem com o educar com o sim e o não, com a hiperatividade, o sedentarismo, as ausências que preenchem as crianças e jovens a tecnologia que aproxima quem está longe e afasta quem está perto, a dificuldade em lidar com o fracasso e a obsessão do sucesso.

Várias são as palavras que definem a conjuntura vivida nas escolas, umas ligadas às problemáticas mais modernas, outras aos afetos e até ainda à pressão existente dentro das próprias escolas. Toda esta conjugação deixa Pais e Educadores à “Beira de um Ataque de Nervos”, como refere Jorge Rio Cardoso, um dos convidados do CENFIPE.

O Stress docente e as suas implicações na saúde e na organização escolar ganham igualmente atualidade e merecem discussão ao longo dos dois momentos formativos.

Por conseguinte, este ciclo de conferências irá servir para uma troca de ideias, experiências e conselhos de quem estudou todas estas questões (investigadores, neurocientistas, médicos, psicólogos, docentes) e responder a dúvidas de pais e encarregados de educação.

As inscrições devem ser formalizadas até dia 21 de março em www.cenfipe.edu.pt

ARCOS DE VALDEVEZ REALIZA WORKSHOP DE FOTOGRAFIA DE NATUREZA

A Ardal-Porta do Mezio vai proporcionar-lhe uma oportunidade única, de frequentar um Workshop de Fotografia de Natureza, no próximo dia 18 de Março. 

Cartaz_workshop_fotografia.jpg

Fotografar a Natureza e a vida selvagem, é a forma encontrada de comunhão com o mundo natural. A fotografia que realiza é o reflexo daquilo que vê, uma mistura de estilos, um equilíbrio entre si e as suas influências, uma aprendizagem constante.

O workshop irá ser realizado pelas 14h30 na Porta do Mezio e é dirigida para o público em geral.

Formador: Miguel Dantas da Gama

Dirigente (e um dos fundadores) do FAPAS, Fundo para a Proteção dos Animais Selvagens. Fundou e dirigiu a revista "Tribuna da Natureza – a vida selvagem nas quatro estações."

Co-fundador da associação ambientalista Quercus e recentemente é o representante nacional das ONGA`s (Organizações não governamentais de ambiente) no Conselho Estratégico do Parque Nacional da Peneda-Gerês e no Conselho Consultivo da Cooperação da Reserva da Biosfera Transfronteiriça Gerês-Xurês.
Desde o início do seu envolvimento no movimento ecologista (1985), tem-se concentrado no Parque Nacional da Peneda-Gerês (PNPG), o espaço natural que o apaixona. Dedica-se ao estudo, à defesa e à divulgação da sua vida selvagem, suportando-se numa experiência de campo que foi acumulando ao acompanhar de perto a evolução desta área protegida.

Em centenas de intervenções públicas nos diferentes meios de comunicação social e nos vários livros publicados, tem alertado, com regularidade, para os problemas que condicionam a preservação do património natural do Parque Nacional, nomeadamente os que afetam as suas águias-reias, denunciando causas e efeitos, mas também apontando medidas e soluções inseridas numa estratégia de conservação da natureza com uma visão de longo prazo.

Autor das seguintes publicações:

- A cabra-montês do Gerês: da extinção à reintrodução

- O gato-montês: regresso ao Gerês

- O pinheiro-silvestre primitivo da Serra do Gerês

- A cabra-montês do Gerês, da extinção à reintrodução, um novo desafio

- Conservação do Parque Nacional da Peneda-Gerês, o passado e o presente, que futuro?

- Notas de campo sobre a população de falcão-peregrino do Parque Nacional da Peneda-Gerês 

- Árvores do Parque Nacional da Peneda-Gerês 

- Uma longa caminhada com as águias-Reais da Peneda-Gerês

Detalhes do workshop:

Apresentação centrada na experiencia fotográfica de Miguel Dantas da Gama enquanto suporte de projetos que vem desenvolvendo no Parque Nacional da Peneda-Gerês. Abordagens, ferramentas utilizadas, métodos praticados, motivações,…
Será uma palestra que irá incidir sobre o território do Parque Nacional da Peneda-Gerês mais pessoal mas também mais original.

Para mais informações consultar www.portadomezio.pt

ARCOS DE VALDEVEZ REQUALIFICA ESCOLA BÁSICA

Presidente da Câmara Municipal de Arcos de Valdevez visita obras de requalificação da EB 2,3/S de Arcos de Valdevez

Autarca fez-se acompanhar da vereadora do Pelouro da Educação, Belmira Reis, da direção do Agrupamento de Escolas, técnicos da autarquia e equipa de fiscalização da obra

visita_obras_escola_secundária.jpg

João Manuel Esteves, presidente da Câmara Municipal, visitou recentemente as obras de reabilitação da EB 2,3/S para seguir de perto a evolução dos trabalhos.

A obra encontra-se a decorrer a bom ritmo e dentro dos timings estimados. Conjuntamente com toda a comitiva foram debatidas questões relacionadas com a mesma, bem como será proporcionada uma visita aberta às comunidades docente, não docente, pais e encarregados de educação, para que se possam inteirar do progresso da obra.

No total, escola terá 135 espaços, repartidos por espaços de ensino/educação/cultura, espaços sociais, espaços de gestão e administração escolar e espaços de apoio.

Adjudicada à empresa Baltor - Engenharia e Construção, Ldª por 2.848.481,23€, conta com um prazo de 15 meses e encontra-se a ser realizada por fases. Espera-se que a requalificação dos blocos II e III (oficinas) estejam concluídos até ao verão. Depois seguir-se-ão as movimentações nos outros espaços, sempre tendo em conta as necessidades dos alunos e as boas condições de aprendizagem.

A empreitada engloba intervenções ao nível do Polivalente, dos Blocos I,II e Oficina e incluirá a colocação de mobiliário escolar, material didático, mobiliário e equipamento técnico de laboratório e equipamento informático e multimédia.

Esta obra trata-se de uma aposta na educação daqueles que são o futuro de Arcos de Valdevez, dotando a escola das melhores condições educacionais.  

A Operação “NORTE-08-5673-FEDER-000032 - Requalificação da Escola Básica 2,3/S de Arcos de Valdevez”, cofinanciada pelo FEDER, Programa Operacional NORTE2020,  Portugal2020, Eixo Prioritário 8 - Educação e Aprendizagem ao Longo da Vida, conta com um Investimento Elegível de 3.232.875,00 € e Comparticipação Comunitária de 2.747.943,75 €.

O objetivo principal da operação é o de prosseguir a requalificação/modernização das instalações da educação dos ensinos básico, secundário, colmatando situações deficitárias e melhorando as condições para a educação e o ensino, em complemento das ações de melhoria da qualidade do sistema.

visita_obras_escola_secundária2.jpg

visita_obras_escola_secundária7.jpg

visita_obras_escola_secundária11.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ BENEFICIA CAMINHO MUNICIPAL EM MONTE REDONDO

Presidente da Câmara de Arcos de Valdevez visita obra de “Alargamento e beneficiação do C.M. 1306 Santo Amaro - Monte Redondo”

A Câmara Municipal sempre deu grande atenção às acessibilidades e melhoria da rede viária do concelho.

visita-monte-redondo.jpg

Atualmente tem em curso investimentos no valor de mais 2 M euros, entre os quais está a obra de “Alargamento e beneficiação do C.M. 1306 (Santo Amaro à E.M. 523-4) - Monte Redondo”, no valor de 225 018,43€

O Presidente da Câmara Municipal, João Manuel Esteves, e o Presidente da Junta de Freguesia de Monte Redondo, José Lourenço, estiveram no local para verificarem de perto o andamento dos trabalhos.

Com a empreitada em referência, a Câmara Municipal pretende executar trabalhos de abertura, alargamento, correção de traçado e pavimentação do caminho, numa extensão total de cerca de 2.165 metros. A intervenção foi desenvolvida e projetada de modo a adaptar-se da melhor maneira à rede viária já existente, bem como ao terreno a ser implantada, de modo a procurar causar o mínimo de impacto possível quer a nível ambiental como económico.

Torna-se esta beneficiação de grande importância uma vez que vai melhorar significativamente as condições de acessibilidade a várias habitações e às várias freguesias limítrofes.

As intervenções na rede viária são pensadas pela Câmara Municipal no sentido de melhorar a qualidade de vida da população residente e visitante, bem como de reduzir distâncias entre localidades.

visita-monte-redondo2.jpg

visita-monte-redondo3.jpg

visita-monte-redondo4.jpg

CRAV SUB-18: JOVENS SOMAM MAIS UMA VITÓRIA

O CRAV concretizou  mais  uma jornada do campeonato nacional de sub-18, no passado dia 4 de março, no Complexo Desportivo de Setúbal.

sub-18 CRAV.JPG

De acordo com a equipa técnica arcuense esta foi mais uma deslocação complicada e longa, o que acarreta bastante cansaço, mas que foi recompensada com uma grande vitória perante a equipa local.

“O espírito de equipa que une estes jovens jogadores foi essencial para mais um triunfo, visto que sabiam que a vitória só surgiria com muito trabalho e concentração”, assegura o diretor da equipa do CRAV.

Desta feita, a equipa arcuense entrou determinada a vencer, pois o adversário tinha provado na jornada anterior que iria aproveitar todos os erros dos arcuenses para somar pontos. Em suma, foi um jogo muito bem disputado de parte a parte, mas com mais consistência do grupo do CRAV, que consegui finalizar em pontos belas jogadas coletivas, acabando o encontro com um resultado favorável de 22-33.

CELTINHA JUNTOU CERCA DE 500 ATLETAS EM ARCOS DE VALDEVEZ

Sub-14 do CRAV Estiveram em Destaque

Realizou-se, no passado fim-de-semana de 4 e 5 de março, mais uma edição do Celtinha, desta vez em versão festival.

Celtinha (1) torneio rugby 13.JPG

Com efeito, foram vários os eventos que compuseram o programa do certame, distribuídos por dois dias de intensa animação e prazer de jogar rugby.

No sábado, dia 4, realizou-se uma jornada do Torneio Inter-Regional Norte/Centro de Inverno, que contou com a presença de 8 equipas num total de 80 atletas.

Com o tempo a ajudar, foram horas seguidas de jogos, numa competição em que o CRAV saiu vencedor, com as jovens promessas a dar sinais de franca evolução.

No domingo, dia 5, decorreram simultaneamente dois eventos. No Estádio Municipal, decorreu um convívio de equipas da zona Norte de Portugal e Galiza nos escalões sub-8, sub-10 e sub-12. Estiveram em campo 29 equipas de 12 clubes diferentes, num total de 280 atletas. Apesar do número de jovens a jogar simultaneamente ser significativo, a confusão era apenas aparente: tudo decorreu da melhor forma, com as pequenas promessas a não se deixarem intimidar pelas ameaças de mau tempo e com o habitual ambiente de franco desportivismo existente entre treinadores, dirigentes, atletas e pais.

 No Estádio Municipal de Rugby, decorreu um torneio de sub-14 de rugby de 13, com a presença de seis equipas: CRAV,  Trofa, Escola de Rugby do Porto, Guimarães, CDUP e Vigo R.C. Aqui em formato torneio, que o CRAV por sinal também ganhou, os jovens mostraram como no norte é possível desenvolver rugby de qualidade, apesar do ostracismo a que os clubes são votados pela geografia do rugby português. Cerca de 100 atletas estiveram presentes, todos eles entusiásticos e a respirar vontade de jogar rugby.

Deste modo, este foi um fim-de-semana em cheio para Arcos de Valdevez e para o rugby português: 460 atletas e cerca de 1000 pessoas estiveram em Arcos de Valdevez para assistir e participar no Celtinha, evento que apesar da sua juventude continua a dar passos sólidos de crescimento e afirmação.

Celtinha (2) equipa sub-14 CRAV 2.JPG

Celtinha (3) torneio interregional.jpg

Celtinha (4) equipa sub-14 CRAV 1.jpg

Celtinha (5) sub-8-10-12 CRAV.JPG

Celtinha (6) torneio sub-8-10-12.JPG

BENFICA VENCE 1ª ESTAPA EM ARCOS DE VALDEVEZ

Circuito Nacional de Sevens Feminino

A 1ª jornada do Circuito Nacional de Sevens Feminino foi organizada pelo CRAV e contou com a participação de 11 equipas, 8 na série A e 3 na série B. O evento decorreu da melhor forma no Estádio Municipal de Rugby e teve o apoio da Saforelle, patrocinador oficial da equipa feminina do CRAV.

torneio saforelle (3).jpg

A equipa arcuense teve uma tímida participação nesta 1ª etapa da competição, não conseguindo ir além do 8º lugar. No entanto, para a equipa técnica do CRAV o saldo foi positivo visto que o coletivo arcuense se encontra em “remodelação” e contou com a colaboração de algumas jogadoras do Braga.

O grande vencedor da jornada foi o Benfica que derrotou o Sport Porto na final por 17-12. No 3º lugar ficou o Sporting que venceu a Agrária de Coimbra por 21-12.

A próxima jornada realiza-se já no próximo dia 11 de Março, em Cascais.

torneio saforelle (4).jpg

torneio saforelle (5).jpg

torneio saforelle (6).jpg

torneio saforelle.jpg

 

torneio saforelle (2).jpg

ARCOS DE VALDEVEZ PROMOVE TERAPIA COM ANIMAIS

Câmara Municipal de Arcos de Valdevez apoia projeto de terapias assistidas por animais visando a melhoria de vida de pessoas com necessidades especiais

Tendo em conta os benefícios dos animais como recurso terapêutico em Centros Educativos, a Câmara Municipal de Arcos de Valdevez está a apoiar um projeto de terapias assistidas por animais, promovida pela Associação de Resgate do Norte/DTC, denominado “DOGS TRAINING CONCEPT”, que tem por objetivo principal o desenvolvimento de atividades que visam a melhoria da qualidade de vida de crianças/adultos com necessidades especiais, a partir de uma ação lúdica, motivacional e educativa.

atividades_dogs_training_concept_pessoas_necessidades_especiais4.jpg

Com a presença do animal, as pessoas mostram-se muito mais motivadas e disponíveis para as atividades pedagógicas e terapêuticas propostas, o que resulta num passo importante para a promoção da socialização; o afastamento da solidão, da ansiedade, do stress e da depressão. Promovem-se também aumentos da autoestima e a autoconfiança, melhorias na saúde física, psicológica e emocional, coordenação motora e desenvolvimento da memória dos assistidos. Trabalha-se a coordenação motora e estabiliza-se a frequência cardíaca.

Os animais são catalisadores de comunicação; estimulam a memória e a atenção, não julgam, são afetuosos, mantêm os alunos/participantes ocupados, são um foco de atenção e permitem a estimulação táctil.

Estas ações prolongam-se até junho e nelas participam os utentes da APPACDM de Ponte da Barca e do CAO da Santa Casa da Misericórdia de Arcos de Valdevez.

Ao apoiar este projeto a Câmara Municipal espera conseguir proporcionar momentos agradáveis e lúdicos aos beneficiários, e, ao mesmo tempo contribuir para lhes melhorar a qualidade de vida.

atividades_dogs_training_concept_pessoas_necessidades_especiais.jpg

atividades_dogs_training_concept_pessoas_necessidades_especiais2.jpg

atividades_dogs_training_concept_pessoas_necessidades_especiais6.jpg

ARCUENSES CAMINHAM PELO TRILHO DA LAMPREIA

Mais uma aventura mais uma experiência…desta vez pela ecovia de Arcos de Valdevez.

Com início no Carregouro, em Jolda Madalena, e com o rio Lima a se espraiar pelas margens, finalmente surgiu uma oportunidade de realizarmos esta parte da ecovia até Arcos de Valdevez.

trilho lampreia.jpg

No próximo dia 5 de março, venha palmilhar com a Ardal-Porta do Mezio este percurso, ora com zonas densas de uma verdura extrema, com apenas o som dos imensos pássaros que por lá habitam, ora com zonas de um barulho ensurdecedor das quedas de água e desníveis que o rio nos apresenta.

A captura da lampreia data de muitos séculos e era feita através da utilização dos buracos naturais existentes entre as rochas à beira-rio.

Desafiamo-lo também a conhecer um pouco melhor esta espécie e a perceber como se faz a sua captura, uma atividade que todos os anos atrai até às águas do rio, dezenas de pescadores.

O caminho em si pode ser uma brincadeira. Vamos sem pressa, descobrir o que passa despercebido na nossa rotina!

Mais informações:

Data: 5 de Março

Local de Encontro: 8h30 – Nature4

Hora de saída:9h00

Localização do Trilho: Ecovia de Arcos de Valdevez

Distancia: 12Km

Âmbito do Percurso: Paisagístico e Natural

Duração: 3h30

Dificuldade: fácil

www.portadomezio.pt

Tlf: 258 510 100

ARCOS DE VALDEVEZ REÚNE EXECUTIVO MUNICIPAL

Camara_municipal (3)arc.JPG

REUNIÃO ORDINÁRIA DE 24 DE FEVEREIRO DE 2017

PERÍODO ANTES DA ORDEM DO DIA:

No período antes da Ordem do Dia foi aprovado um voto de congratulação pelo arcuense Paulo Barreiro que foi designado 2º Comandante Operacional do Distrito de Viana do Castelo.

De igual modo foi aprovado um voto de congratulação pela vitória da equipa de futsal no campeonato europeu, à qual pertencem dois párocos naturais de Arcos de Valdevez, nomeadamente Padre Custódio Branco e Padre Joel Brito.

O Sr. Presidente deu conta da celebração de um protocolo entre a In.Cubo e a Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira com o objetivo de reforçar o apoio à incubação na zona do Minho, dinamizar economicamente o território, promover a incubação e o empreendedorismo.

Informou também do acordo celebrado entre a autarquia e o Turismo do Porto e Norte de Portugal, no valor de 2500,00€, no âmbito da participação na Bolsa de Turismo de Lisboa

CENTRO INTERPRETATIVO DO BARROCO - IGREJA DO ESPÍRITO SANTO - OBRAS DE REABILITAÇÃO, CONSERVAÇÃO E RESTAURO: foi deliberado adjudicar a obra ao concorrente Empripar – Obras Públicas e Privadas, S.A., pelo valor de 494.634,86 € (+ IVA).

Reabilitação Espaço Público Centro Histórico - 2ª Fase -  Rua de S. Bento e Espaços Envolventes: foi deliberado proceder á abertura de procedimento pelo preço base de 524,750,00 Euros;

AMPLIAÇÃO DA REDE DE SANEAMENTO A PROZELO (SUCÃES/LAGOA) E AGUIÃ (VILA NOVA/BAIRRO NOVO): foi deliberado proceder à abertura de procedimento pelo preço base de 250.000,00 euros;

Estádio Municipal da Coutada

Foi deliberado proceder à abertura de procedimento por ajuste direto para a renovação do relvado natural e sistema de rega do Estádio Municipal da Coutada, pelo valor base de 145 000,00€.

Aquisição de terreno: foi deliberado adquirir uma parcela de terreno junto ao Largo do Espirito Santo, pelo valor de 56 310.00€, para executar o projeto do Eco-parque do Campo do Trasladário.

PROTOCOLOS: Foram aprovados protocolo de apoio à atividade com diversas associações do concelho:

PROTOCOLOS DE APOIO AO ASSOCIATIVISMO 2017

ASSOCIAÇÕES DESPORTIVAS, CULTURAIS E RECREATIVAS

2017

Associação Sociocultural Padre Himalaya

500,00 €

Associação Cultural e Desportiva Unidos do Couto

1.500,00 €

Associação Bravos de S. Vicente

855,00 €

Associação Social e Desportiva Portela, Álvora e Loureda - PAL

500,00 €

Aquisição de Equipamento e Mobiliário Técnico para Laboratórios da EB2,3/S de Arcos de Valdevez: foi deliberado abrir procedimento pelo preço base de 349.000,00€

APOIOS

Foi deliberado aprovar o apoio financeiro, no montante de 3000€ para apoio à atividade de dois atletas arcuenses apresentado pelo Moto Clube de Arcos de Valdevez, pois participam nos Campeonatos Nacionais de Enduro e Motocross.

De igual modo foi deliberado apoiar em 1500€ a Associação Cultural e Desportiva Unidos do Couto, para fazer face aos custos com a deslocação do Grupo de Teatro “O Couteiro” à Casa dos Arcos de Valdevez em Bordéus, finais de fevereiro deste ano.

Medicina na PeriferiA

Foi deliberado aprovar a colaboração da Câmara Municipal no âmbito da realização da XIII Medicina na Periferia, a decorrer em 10, 11 e 12 de março de 2017, relativamente ao alojamento, refeições e tenda, no montante de € 679,25.

Esta iniciativa, levada a cabo pela Associação de Estudantes do Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar da Universidade do Porto, consiste na realização de rastreios à população geral, visando sobretudo a deteção de fatores de risco cardiovascular e a Educação para a Saúde.

DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO 

LICENCIAMENTO DE AMPLIAÇÃO DE UNIDADE  INDUSTRIAL: foi deliberado aprovar o pedido de licenciamento, apresentado pela empresa Mora Portugal – Sociedade Unipessoal, a relativo à ampliação da unidade industrial,  licenciada pelo alvará n.º85/2006, instalada no Parque empresarial das Mogueiras, lote A4,

LICENCIAMENTO DE  UNIDADE INDUSTRIAL: foi deliberado aprovar o pedido de licenciamento, apresentado pela empresa Coindu Couture – Sociedade Unipessoal, relativo à instalação de unidade industrial, no Parque empresarial das Mogueiras, lote B13.

Aquisição de Serviços para o Evento "Baile DE CARNAVAL”: foi deliberado autorizar a abertura de concurso por ajuste direto para o evento, pelo valor base de 11.775,00 euros, aos quais acresce o IVA.

 AMBIENTE

AQUISIÇÃO DE SACOS PARA MOLOK’S: A Câmara tomou conhecimento das quantidades que provavelmente se vão gastar no decorrer do ano, bem como dos valores associados a fim de se iniciar o procedimento para aquisição de sacos descartáveis para molok’s, para o ano de 2017.

Sacos descartáveis de 5000 litros: 4500 - 1,79€ cada

Sacos descartáveis de 3000 litros: 2000 - 1,35€ cada

Sacos descartáveis de 1300 litros: 500 - 0,91€ cada

CONTROLO ANALÍTICO DA QUALIDADE DA ÁGUA PARA CONSUMO HUMANO, DE MARÇO A DEZEMBRO DE 2017: foi deliberado adjudicar o serviço ao concorrente SUMA (Matosinhos) – Serviços Urbanos e meio Ambiente, S.A., pelo valor de 4.401,90 € (+IVA).

FORNECIMENTO E INSTALAÇÃO DE ELETROBOMBAS E EQUIPAMENTOS ACESSÓRIOS PARA AS FONTES DO ALAMEDA E RELÓGIO: foi deliberado adjudicar o fornecimento à firma concorrente Carlos Oliveira Caseiro – Manutenção de Fontes Luminosas, Unipessoal, Lda., pelo valor de 17.250,00 €, (+IVA).

Reabilitação da Rede de Infraestruturas de Abastecimento de Água e Drenagem de Águas Residuais - Carreira - União de Freguesias de Arcos de Valdevez (S.Paio e Giela): - foi deliberado homologar o auto de vistoria para efeitos de receção provisória da empreitada referida em epígrafe.

Outros Assuntos

PEDIDO DE PAGAMENTO DE DÍVIDA DE ÁGUA EM PRESTAÇÕES: foi deliberado autorizar um agregado familiar do concelho a proceder ao pagamento do valor em dívida através de 12 prestações mensais.

Lista de Fornecedores de Bens e Serviços do Município de Arcos de Valdevez para 2017: - a Câmara procedeu à apreciação e aprovação da lista de fornecedores relativa ao ano 2016 .

PORTA DO MEZIO ATRAI VISITANTES

Porta do Mezio com mais 15% de visitas em 2016

O passado ano de 2016 trouxe a continuação de boas notícias no que se refere ao número de visitantes da Porta do Mezio.

porta_mezio.JPG

Foram 45.356 os visitantes registados em 2016, o que significa um impulso de 15% relativamente ao ano de 2015, superando largamente as expectativas.

A Porta do Mezio proporciona aos visitantes uma agradável experiência, revelando especial dinâmica e crescente atratividade, pois nela são regularmente promovidas uma série de atividades de educação ambiental e de desporto de natureza, quer para escolas quer para o público em geral, tais como visitas guiadas, trilhos pedestres, oficinas temáticas, workshops, atividades recreativas, etc.

Disponibiliza também uma área de lazer e fruição com espaços como a aldeia dos pequeninos, piscina, torre de observação, espaço de piquenique, espaço de lazer para crianças, parque escultórico, parque aventura”, no qual é possível a toda a família praticar Arborismo, Slide e Escalada.

Para 2017, a Porta do Mezio vai avançar com novos projetos, dos quais se destacam o “Parque Biológico do Mezio”, o “Local Dark Sky no território do Parque Nacional da Peneda-Gerês” e o “Vozes das Pedras – Promoção e Valorização da Área Arqueológica do Mezio/Gião” e “GNOMON – Escolas na Biosfera”, os quais irão aumentar a atratividade desta infraestrutura de turismo e lazer.

A Porta do Mezio irá continuar a apostar na sua dinamização, bem como do Parque de Campismo que lhe está associado, na organização de eventos e actividades em colaboração com o Município.

MILHARES DE FOLIÕES DESFILAM NO CARNAVAL DE ARCOS DE VALDEVEZ

Carnaval 2017: Grande Corso juntou mais de dois mil participantes

Milhares de pessoas vieram a Arcos de Valdevez participar naquele que já é conhecido como sendo o maior Corso de Carnaval do Norte e que este ano juntou mais de 2000 inscritos.

IMG_5041 (1024x683).jpg

Levada a cabo pela Associação Folia, em parceria com a Câmara Municipal, esta iniciativa tem ganho, ano após ano, mais força e visibilidade e procura envolver, para além do público em geral, as diversas associações e escolas arcuenses, as quais fazem a festa e dão colorido e animação a este grande corso.

O Carnaval é folia e é em Arcos de Valdevez, tendo sido com grande satisfação que o concelho assistiu a esta grande manifestação festiva e de união da população arcuense.

Este ano, os reis do Carnaval arcuense foram os vencedores dos concursos de 'Mister' e 'Miss' escola do Agrupamento de Escolas de Arcos de Valdevez.

Para além do grande corso, a programação do Carnaval englobou a realização de um Baile Veneziano no Paço de Giela, no qual houve animação Infantil, face paiting, performances com fogo e aéreas, Ópera, Baile e Dj´s, a realização do Carnaval da pequenada com o desfile do cortejo Carnavalesco dos Agrupamentos Escolares e Jardins de Infância; do Pimba no Carnaval com o desfile das IPSS e rusgas de Arcos de Arcos de Valdevez e a realização de um Baile de Máscaras no Campo do Trasladário.

Para a Câmara Municipal, para além de contemplar a vertente lúdica, o Carnaval é também mais uma forma de dar a conhecer o concelho ao turismo, pois a programação estendeu-se ao longo de 5 dias e foram muitas as pessoas que passaram pelos alojamentos, restauração e comércios arcuenses.

IMG_5056 (800x533).jpg

IMG_5247 (800x533).jpg

ARCOS DE VALDEVEZ: LARANJAS DE ERMELO ENCONTRAM-SE ENTRE OS MAIS APRECIADOS CITRINOS DO MINHO

Laranja de Ermelo: Ponto de situação e propostas de intervenção

No passado dia 17 de Fevereiro, a Ardal reuniu com a Direção Regional de Agricultura e Pescas do Norte e com a Associação de Desenvolvimento Local de Ermelo.

laranjermelo (3).jpg

A reunião teve como principais objetivos a avaliação do estado atual da laranja de Ermelo assim como a necessidade de implementar medidas que visem a regeneração dos pomares, a divulgação e promoção da laranja e o aumento da comercialização para potenciar o escoamento da mesma. Como se trata de um produto com excelentes qualidades, pretende-se também melhorar a sua imagem e aumentar a sua notoriedade. Neste encontro ficou acordado que, durante o próximo mês, seja realizado pela Direção Regional de Agricultura e um trabalho de caraterização dos pomares, bem como uma proposta intervenção que vise os objetivos acima descritos.

A ARDAL, juntamente com a Associação de Desenvolvimento Local de Ermelo (ADLE) promoveram, durante vários anos, um projeto de promoção, colheita e distribuição da laranja de Ermelo.

laranjermelo (2).jpg

A laranja de Ermelo é um produto local de grande qualidade, muito apreciado na região e com grande procura pelos consumidores. Este produto, cuja introdução está ligada ao Mosteiro local e aos monges de Cister, é hoje um ex-libris da freguesia.

A laranja de Ermelo tem como principais características a sua casca fina, a ausência de sementes, o abundante sumo e o tipo de produção, próximo da agricultura biológica.

Com estas medidas pretende-se valorizar, promover e dinamizar a produção e comercialização da laranja de Ermelo, a qual integra o catálogo mundial de produtos do movimento internacional Slow Food.

laranjermelo (1).jpg

RUGBY - FESTIVAL CELTINHA - ARCOS DE VALDEVEZ

Nos próximos dis 04 e 05 de Março, realiza-se mais uma vez em Arcos de Valdevez com a organização do CRAV, o Festival Internacional de Rugby "CELTINHA".

CARTAZ - Festival Celtinha.jpg

Esta edição do torneio contará com a presença de mais de 500 jovens aletas dos 6 aos 17 anos de idade, seram dois dias de torneio em que estaram envolvidas equipas do Norte e Centro de Portugal e equipas do Norte de Espanhã.   

Este torneio realizar-se-á com o apoio do Municipio de Arcos de Valdevez e da Associação de Rugby do Norte.

Programa:

Sábado dia 4 março - 11h30:
Jornada do Torneio Inter-regional de inverno sub 14 
(Estádio Municipal de Rugby)

Jornada do torneio Inter-.regional de sub 16 e sub 18 
(Estádio Municipal de Arcos de Valdevez)

Domingo 5 de março - 11h30:
Convívio regional sub 8, sub 10 e sub 12 
(Estádio Municipal de Arcos de Valdevez)

Torneio sub 14 - equipas de 13
(Estádio Municipal de Rugby)

MAIOR CORSO DE CARNAVAL DO NORTE REALIZA-SE EM ARCOS DE VALDEVEZ

Cortejo já conta com perto de 2000 inscrições. CARNAVAL - 24 a 28 de fevereiro

Arcos de Valdevez convida a viver o entrudo com grande folia e animação. Em período de Carnaval, o espírito Carnavalesco e a animação que se faz sentir no concelho, são voltados, na íntegra, para a brincadeira, as máscaras e a traquinice. As artérias da Vila enchem-se de crianças, jo­vens, adultos e séniores que ajudam a fazer festa. Mascarados com grande criatividade e dos mais variados temas, participam sempre muito animados, contribuindo para que esta festa seja única e repleta de muita alegria, cor e fantasia.

carnasol (1).JPG

O Carnaval em Arcos de Valdevez, organizado pela Associação Folia em colaboração com a Câmara Municipal de Arcos de Valdevez, assume cada vez mais uma posição singular no itine­rário dos melhores Carnavais do país, possuindo o maior corso carnavalesco do Norte do País, o qual sai à rua na terça-feira, dia 28 de fevereiro, e conta com inúmeros participantes e milhares de pessoas a assistir.

De forma a envolver cada vez mais a comunidade local, este ano a escolha dos Reis recaiu nos vencedores do Concurso Miss e Mister Escola, organizado pelo Agrupamento de Escolas de Valdevez.

O entrudo arcuense este ano inova com a realização de um Baile Veneziano no Paço de Giela, no dia 25. Neste baile, de entrada gratuita, haverá animação Infantil, face paiting, performances com fogo e aéreas, Ópera, Baile e Dj´s. No local existe ainda a possibilidade de jantar ou cear durante a noite.

A ani­mação é uma constante e variada, tentando chegar aos mais variados públicos. Na sexta-feira decorre o Cortejo Carnavalesco dos Agrupamentos Escolares e Jardins de Infância, o qual desfilará por várias artérias da Vila. O domingo, dia 26, é reservado para a população sénior. Neste dia, com o Pimba no Carnaval, tem lugar o desfile das IPSS e rusgas de Arcos de Arcos de Valdevez. Na segunda-feira à noite irá decorrer um Baile de Máscaras no Campo do Trasladário.

O Grande Corso, o qual conta com a participação das várias associações, que preparam os seus carros alegóricos para o grande dia, é o culminar e a “estrela” destas festividades já que é onde os foliões se encontram no fim destes dias de animação. Este cortejo já conta com cerca de 2000 inscrições!

Venha ao Carnaval de Arcos de Valdevez. Participe nas iniciativas e inscreva-se no cortejo!

Aqui, não só terá a oportunidade de vivenciar um Car­naval único no País e na Região, como também de ficar a conhecer a sua cultura, as suas tradições e a sua excelente gastronomia.

Estamos perto a meia hora de Braga e uma do Porto e Vigo!

Carnaval 2017

Dia 24  (sexta)

CARNAVAL DA PEQUENADA

10h00 -  Cortejo dos Agrupamentos Escolares e Jardins de Infância - Ruas da Vila

Dia 25  (sábado)

BAILE VENEZIANO

21h00 -  Paço de Giela

Dia 26  (domingo)

PIMBA NO CARNAVAL

14h30 -  Desfile das IPSS, Rusgas de Arcos de Valdevez e Roda do Vira

15h00 -  Duo Musical Carlos Rodrigues e Isaura   

Dia 27  (segunda)

BAILE DE MÁSCARAS

22h00 -  Conjunto Microsom

Dia 28  (terça)

MAIOR CORSO DE CARNAVAL DO NORTE DE PORTUGAL

15h30 -  Cortejo Carnavalesco

18h e 22h00  - Baile de Carnaval com o Conjunto Curtisom

MUNICÍPIO ARCUENSE CEDE FATOS PARA O BAILE VENEZIANO DO CARNAVAL DE ARCOS DE VALDEVEZ

No próximo dia 25 de fevereiro, pelas 21h00, a Câmara Municipal irá organizar, no âmbito das comemorações do Carnaval, um baile Veneziano no Paço de Giela.

20170223_093428.jpg

Neste baile, de entrada gratuita, haverá animação Infantil, face paiting, performances com fogo e aéreas, Ópera, Baile e Dj´s. No local existe ainda a possibilidade de jantar ou cear durante a noite.

Esta será a primeira experiência do género realizada no âmbito do Carnaval e, por isso, a Câmara Municipal irá ceder os primeiros 100 fatos venezianos para o Baile, sem máscara incluída.

Neste sentido, informam-se todos os interessados que os fatos estarão disponíveis no Paço de Giela entre os dias 22 e 25 de fevereiro, das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00, no entanto, para além de poderem ser compradas no Paço de Giela, as máscaras também estarão disponíveis no Posto de Turismo e em vários estabelecimentos comerciais da vila, nomeadamente, na Farmácia da Lapa, Condessa Cabeleireiros, Ourivesaria Luciano, Café das Flores, Casa dos Cafés, Papelaria Moderna, Cantinho Minimeu, Phisioderm, Sapataria Ramiro e By Mila.

Informa-se ainda que é extremamente importante que, na impossibilidade dos participantes conseguirem fato, compareçam usando roupas sóbrias, de cor preta, e a máscara.

Não perca a oportunidade de viver o Carnaval arcuense em grande!

Vá ao Paço de Giela!

*As festividades do Carnaval são organizadas pela Folia e pela Câmara Municipal de Arcos de Valdevez

CARNAVAL DE ARCOS DE VALDEVEZ'2017

24 a 28 de Fevereiro

 

Destaque

Sexta 24 de Fev| 10H

Carnaval da Pequenada

Ruas da Vila

 

Sábado 25 de Fev | 21H

Baile Veneziano

Paço de Giela

 

Domingo 26 de Fev| 14h30

Pimba no Carnaval

Campo do Trasladário

 

Segunda  27 de Fev | 22H00

Baile de Máscaras

Campo do Trasladário

 

Terça 28 de Fev | 15H30

O Maior Corso de Carnaval do Norte de Portugal

Campo do Trasladário 

IMG_5486.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ VÊ DESFILAR O MAIOR CORSO CARNAVALESCO DO MINHO

O maior Corso de Carnaval do Norte é em Arcos de Valdevez Onde Portugal se fez

CARNAVAL - 24 a 28 de fevereiro

Arcos de Valdevez convida a viver o entrudo com grande folia e animação. Em período de Carnaval, nesta terra Onde Portugal se fez, o espírito Carnavalesco e a animação que se faz sentir no concelho, são voltados, na íntegra, para a brincadeira, as máscaras e a traquinice. As artérias da Vila enchem-se de crianças, jo­vens e adultos que ajudam a fazer festa. Mascarados com grande criatividade e dos mais variados temas, participam sempre muito animados, contribuindo para que esta festa seja única e repleta de muita folia, cor e fantasia.

carnaval_noticia (1).JPG

O Carnaval em Arcos de Valdevez assume cada vez mais uma posição singular no itine­rário dos melhores Carnavais do país, possuindo o maior corso carnavalesco do Norte do País, o qual sai à rua na terça-feira, dia 28 de fevereiro, e conta com inúmeros participantes e milhares de pessoas a assistir. O entrudo arcuense é motivo de orgulho e este ano inova com a realização de um Baile Veneziano no Paço de Giela, no dia 25. Neste baile, de entrada gratuita, haverá animação Infantil, face paiting, performances com fogo e aéreas, Ópera, Baile e Dj´s. No local existe ainda a possibilidade de jantar ou cear durante a noite.

Esta será a primeira experiência do género realizada no âmbito do Carnaval e, por isso, a Câmara Municipal irá ceder os primeiros 100 fatos venezianos para o Baile (50 de homem e 50 de mulher, sem máscara incluída).

Os fatos e as máscaras estarão disponíveis no Centro Municipal de Informação e Turismo e no Paço de Giela a partir do dia 22.

carnaval_noticia (2).JPG

A ani­mação é uma constante e variada, tentando chegar aos mais variados públicos. Para além do grande Corso e do Baile Veneziano, contempla o Cortejo Carnavalesco dos Agrupamentos Escolares e Jardins de Infância, o qual desfilará por várias artérias da Vila; O domingo, dia 26, é reservado para a população sénior, com o Pimba no Carnaval. Neste dia tem lugar o desfile das IPSS e rusgas de Arcos de Arcos de Valdevez. Na segunda-feira à noite irá decorrer um Baile de Máscaras no Campo do Trasladário.

O grande corso, o qual conta com a participação das várias associações concelhias, que preparam os seus carros alegóricos a rigor para o grande dia, é o culminar e a “estrela” destas festividades já que é onde os foliões se encontram no fim destes dias de animação.

Estes são motivos mais que suficientes para visitar Arcos de Valdevez e juntar-se aos festejos, entrando nas brincadeiras e espírito do Carnaval. Venha a Arcos de Valdevez Onde Portugal se Fez. Estamos perto (a meia hora de Braga e uma do Porto e Vigo)! Aqui, não só terá a oportunidade de vivenciar um Car­naval único no País e na Região, como também de ficar a conhecer a sua cultura, as suas tradições e a sua excelente gastronomia.

As festividades são organizadas pela Associação Folia em colaboração com a Câmara Municipal de Arcos de Valdevez.

carnaval_noticia (3).jpg

ARCOS DE VALDEVEZ PROMOVE REPOVOAMENTO

A Câmara Municipal lançou o projeto “Repovoar Arcos de Valdevez”, o qual assenta numa estratégia integrada para dinamizar o território, criar emprego, atrair investimento, gerar rendimento e fixar população.

arcos-de-valdevez.jpg

Este projeto surge da atenção que o Município tem vindo a dar à questão do decréscimo demográfico, através da implementação de medidas de apoio social, de desagravamento fiscal, para a criação de emprego e para a dinamização social e económica do concelho.

A primeira fase deste projeto será o estudo e seleção dos recursos e potencialidades que poderão contribuir para responder a questões como:

  • onde habitar? nomeadamente através da criação de uma bolsa de habitações locais, gizando as respetivas normas para a sua aquisição a valores convidativos;
  • onde produzir? através da criação de uma bolsa de terrenos agrícolas e/ou espaços comerciais para disponibilização aos empreendedores interessados;
  • o que empreender? fazendo a seleção de ideias de negócio com estudos de mercado e viabilidade económica e apoio das instituições setoriais locais;
  • quem apoia? através da identificação de incentivos financeiros, junto das diversas entidades locais, regionais, nacionais e internacionais que apoiam e estimulam negócios;
  • como mostrar? fazendo a promoção através de plataforma agregadora e difusora de estímulos para o repovoamento em Arcos de Valdevez.

Com este projeto inovador, “Repovoar Arcos de Valdevez”, o Município espera dar passos na captação de novos residentes para o concelho e na construção de um concelho mais atrativo para viver, investir e visitar.

dia_mundial_da_criança_2015_18.jpg

produção de vinho.jpg

terrenos.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ REFORÇA REDE DE SANEAMENTO

Ao nível do saneamento, no ano transato, entre as obras que terminaram, tiveram início e ficaram prontas para lançar procedimento concursal, a Câmara Municipal conta intervenções no valor de cerca de 2 milhões de euros.

saneamento_morilhoes.jpg

Ficaram concluídas as obras de Ampliação da Rede de Saneamento Básico – Pardejo/Bacelo – Guilhadeses, no valor de 10 512.45€; a Ampliação da Rede de Saneamento Básico – Freguesia de para ao longo da EN 101, no valor de 34 576.98€; a obra de Redução da poluição urbana nas massas de água – Substituição de Etar na Escola de Távora, no valor de 66 575.50€ e a Ampliação da rede de Saneamento na EM 202-2 (Paçô-Giela), no valor de 44 950.00€. Atualmente o Municipio tem em curso as obras de Ampliação da rede de saneamento básico – Arcos de Valdevez (S.Paio) – Tramo 4 e 5, no valor de 277 306.05€; a Ampliação da Rede de Saneamento Básico – Freguesias de Prozelo e Aguiã ao longo da EN 101, no valor de 144 088.92€; a Ampliação da Rede de Saneamento Básico a Tabaçô (núcleo central), NO VALOR DE 145 642.40€ e A Ampliação da Rede de Saneamento a Giela (Secas/Rochina), no valor de 212 310.99€. Para lançar procedimento concursal estão as obras de a Ampliação da rede de Saneamento a Guilhadeses (Mó da Lomba/Fontão Covo), no valor de 244 000.00€; Ampliação da rede de saneamento a Prozelo (sucães/lagoa) e Aguiã (Vila Nova/Bairro Novo), no valor de 250 500.00€; a Ampliação da rede de saneamento a Vila Fonche (Tourim/Outeiro/Igreja) e Paçô (paço Velho), no valor de 243 825.00€, bem como a obra de Ampliação da rede de Saneamento básico – União das Freguesias de Souto e Tabaçõ – Covela, Portela e Igreja, no valor de 150 000.00€.

Com este investimento o Município ganha mais 32,5km de rede e 747 ramais domiciliários.

Estas empreitadas, as quais contam com um investimento global de 2M€, encontram-se financiadas pela pelo POSEUR-03-2012-FC-000609 - Ampliação da Rede de Saneamento de Águas Residuais do Subsistema da Vila - Arcos de Valdevez, cofinanciada pelo Fundo de Coesão (FC), Portugal2020, através do Programa Operacional de Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (PO SEUR), Eixo Prioritário 3 – Proteger o Ambiente e Promover a Eficiência dos Recursos, com um investimento elegível no valor de 1.331.953,46 € e uma comparticipação comunitária de 1.132.160,44 € €. Salienta-se ainda que esta operação tem como principal objetivo a otimização e gestão eficiente dos recursos e infraestruturas existentes, garantindo a qualidade do serviço prestado às populações e à sustentabilidade dos sistemas.

saneamento_morilhoes_3.jpg

ATLETAS DO CRAV NA SELEÇÃO REGIONAL NORTE SUB-16

No passado sábado, dia 18, jogou-se em Braga a 1.ª eliminatória da Taça de Portugal na categoria de sub-16.

ARN1.jpg

A equipa da ARN (seleção Norte) recebeu e bateu a equipa conjunta Agrária/Tondela por uns esclarecedores 50-0.

Neste jogo participaram quatro atletas da formação do CRAV: João Sousa (pilar), Rui Alves (pilar), António Pereira (3.ª Linha) e Henrique Calheiros (centro). Esta convocatória constituiu-se como o primeiro grande passo destes jovens atletas para um dia poderem chegar à Seleção Nacional Portuguesa. 

ARN2.jpg

ARN3.jpg

ARN4.jpg

ATLETAS ARCUENSES DESFRUTAM DE 3ª PARTE NO CONVÍVIO REGIONAL DE BRAGA

Sub-8, Sub-10 e Sub-12 do CRAV

As equipas de sub-8, sub-10 e sub-12 do CRAV deslocaram-se a Braga para participar no convívio Regional aí organizado, no passado domingo. Foi assim num belo dia de inverno que o evento se desenrolou.

convívio de braga (1).jpg

Com um excelente adesão dos jovens, sempre identificáveis pela sua energia e entusiasmo, a participação teve um saldo extremamente positivo pela forma como os jogos decorreram e belo excelente espírito presente na competição, em que só houve vencedores, pela experiência vivida e por mais um episódio na sua formação desportiva.

Ao contrário do que é habitual no rugby, desta vez os jovens atletas tiveram direito a prémio de jogo. Com efeito, as pequenas promessas do CRAV, respondendo ao amável convite da Sra. Maria Teresa Soares, foram lanchar a um dos restaurantes da cadeia MacDonalds, sito junto à Universidade do Minho. Desta forma, para além do habitual convívio, cumpriu-se a tão famigerada terceira parte do rugby, desta vez bem ao jeito da pequenada.

convívio de braga (2).jpg

convívio de braga (3).jpg

ARCOS HOTEL COM BUFFET DE CARNAVAL E PRÉMIOS PARA AS MELHORES FANTASIAS

O Luna Arcos Hotel, em Arcos de Valdevez, vai comemorar o Carnaval com o que será uma viagem até aos trópicos!

13413083_968788879905427_291973706408472736_n.jpg

No dia 27 de Fevereiro (segunda), a festa começa pelas 19h30, com um buffet temático inspirado no Carnaval Brasileiro, por 35€/ pessoa, estando a animação a cargo do dueto Ofir Show.

O convite é para que os participantes se apresentem fantasiados, habilitando-se a ganhar prémios que vão ser sorteados ao longo da noite.

Situada no centro da vila alto-minhota, esta unidade da cadeia Luna Hotéis & Resorts apresenta ainda a opção de um pack com alojamento, que inclui Jantar de Carnaval e uma noite de alojamento com pequeno-almoço buffet, por 135€/quarto.

O Jantar- Buffet de Carnaval inclui saladas simples, salada de palmito, pastelinhos de carne picada, salada de camarão com milho, frango com fruta tropical, mousse de queijo Briè e taças com fruta fresca.

Haverá ainda creme de abóbora com croutons de ervas finas, canoa de abacaxi com camarão e frutos do mar e molho de cocktail, e a típica feijoada à brasileira.

O buffet de sobremesas oferece fruta fresca, quindins, pudim de leite condensado, cocada de caramelo, brigadeiros, bolo de bolacha, tarte de frutas e leite creme queimado.

O jantar festivo é acompanhado por vinhos das caves do Hotel, caipirinha, sumos, água e café

As reservas podem ser feitas pelo email arcoshotel@lunahoteis.com ou pelo tel. 00351 258 093 600.

12400429_868394776611505_3153122753774561328_n.jpg

MUNICÍPIO ARCUENSE APOIA ATIVIDADE DESENVOLVIDA PELA ARDAL

A Câmara Municipal celebrou um protocolo de apoio à atividade com a Associação Regional de Desenvolvimento do Alto Lima-ARDAL, no valor de 75 mil euros.

Protocolo_ardal_2017.jpg

A Ardal, atualmente a gerir a Porta do Mezio, procura, em ligação com as populações locais e todas as instituições e personalidades interessadas, promover a plena valorização dos recursos humanos e naturais do concelho de Arcos de Valdevez.

A associação visa apoiar o desenvolvimento local com impacto económico, social, cultural e local, implementando ou apoiando projetos e ações de inovação com impacto no território.

Através do protocolo agora celebrado a ARDAL compromete-se a fazer a dinamização da Porta do Mezio, do Parque de Campismo, a organização de Eventos em colaboração com o Município (Fins de Semana Gastronómicos, Expovez, Feira de Artes e Ofícios Tradicionais do Soajo, Dog Camp Festival, Campanha de Natal, entre outros), a comercialização de produtos locais, a elaboração do projeto do “Parque Biológico do Mezio”, bem como a elaboração de candidaturas aos vários programas comunitários.

ARCOS DE VALDEVEZ REFORÇA REDE DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA

Apesar de muito já ter sido investido, as atenções da Câmara Municipal continuam viradas para o reforço das infraestruturas básicas de forma a conseguir abarcar o concelho na sua totalidade.

cabreiro2.jpg

No último ano ficaram concluídos as obras de “Ampliação da Rede de Abastecimento de Água – Reposição de Pavimentos em Valas (VI), no valor de 39 920.00€;Ampliação da rede de Abastecimento de ág00ua – Freguesia de Cabreiro (Igreja), no valor de 63 469.56€; Ampliação da rede de Abastecimento de água – Freguesia de Gondoriz (Seixal/Vila Boa); Ampliação da rede de Abastecimento de água: União das Freguesias de Eiras e Mei (Pinheiro, Eirado e Barco), Freguesia de Rio de Moinhos (Cem, Nogueiras, Vinha Nova e Breia), no valor de 96 666.61€; Instalação de Condutas de Abastecimento de Água em Gração (S.Jorge), no valor de 5 999.75€; Reabilitação da Rede de Abastecimento de Água – Montinho – UF de Souto e Tabaçô, no valor de 8921.40€ e a Reabilitação da Rede de Infraestruturas de Abast. De Água e Drenagem de AR – Carreira – UF de Arcos de Valdevez (S. Paio e Giela), no valor de 39 798.44€. Em corso estão as obras de Ampliação da rede de abastecimento de água – Freguesia de Álvora (Fonte) e Aboim das Choças (Lavadeira/Aboim), no valor de 48 000.00€; a Ampliação da rede de Abastecimento de água – freguesia do Extremo (Castanheira/Pereira), no valor de 61 500.58€ e a Reabilitação da Rede de Abastecimento de água – Faquelo – UF de Arcos de Valdevez (S. Paio e Giela), no valor de 15 961.66€. Para lançar procedimento concursal está a obra de Ampliação da rede de abastecimento de água – freguesia da Miranda (zona alta), no valor de 540 000.00€.

Com estes investimentos a rede ficará provida de mais 22,4 Km de rede e 122 ligações domiciliárias.

De referir que as Águas do Norte também estão a reforçar o sistema de abastecimento em Alta, cujo investimento ronda os 1.3M€.

As obras da Câmara Municipal são financiadas pelo POSEUR-03-2012-FC-000436 - Ampliação da Rede de Abastecimento de Água do Subsistema Setor Norte, Vila e Sudoeste, cofinanciadas pelo Fundo de Coesão (FC), Portugal2020, através do Programa Operacional de Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (PO SEUR), Eixo Prioritário 3 – Proteger o Ambiente e Promover a Eficiência dos Recursos e com um Investimento Elegível global de 715.656,22€ € e Comparticipação Comunitária de 608.307,77€ €. A operação tem como objetivo fulcral a gestão eficiente dos recursos da reabilitação dos sistemas urbanos de distribuição de água, o controlo e redução de perdas, garantindo a recuperação sustentável de gastos, assegurando a acessibilidade económica das populações aos serviços.

MUNICÍPIO ARCUENSE DÁ CONTINUIDADE AO PROJECTO “SENIORES MAIS ACTIVOS”

A Câmara Municipal aprovou o projeto “seniores mais ativos” 2017.

Este projeto tem por objetivo continuar a promover a melhoria da condição física das pessoas, estabelecer maior consciência a respeito da sua própria saúde e necessidades de mudanças de atitude e fornecer informações e prática de exercícios físicos direcionados para a faixa etária do idoso. Os seniores irão realizar um conjunto de atividades direcionadas para a promoção do envelhecimento ativo, nomeadamente sessões de ginástica geriátrica; caminhadas, passeios culturais, e ainda participar nas Olimpíadas Seniores.

envelhecimento_ativo_2016 (3)arc.JPG

Esta iniciativa abrange mais de 150 pessoas e está a ser desenvolvido nas freguesias de S. Jorge e Ermelo, Vale, Guilhadeses e Santar, Rio Frio, Álvora e Loureda, Prozelo, Arcos Salvador, Vila Fonche e Parada, Couto, Grade e Carralcova, bem como Soajo, nas instalações das juntas de freguesia ou das instituições de solidariedade social.

De referir que o projeto “seniores mais ativos” encontra-se inserido no Plano Municipal do Idoso, criado pela Autarquia,  o qual congrega um conjunto de ações levadas a cabo em áreas tão importantes como a saúde e a ocupação dos tempos livres, as condições habitacionais e as acessibilidades, as respostas sociais e os serviços de apoio à população idosa.

envelhecimento_ativo_2016 (4)arc.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ LIMPA REDE VIÁRIA

Arcos de Valdevez com Rede Viária mais limpa. Câmara Municipal estabelece parceria com Juntas de Freguesia

Na última reunião do executivo foi aprovada a minuta do contrato que delegará competências para a limpeza de Caminhos Municipais entre o Município e 30 Juntas de Freguesias do concelho, no valor de 150 mil euros.

limpezas-estradas.jpg

O concelho de Arcos de Valdevez é bastante extenso, com cerca de 600 km de rede viária municipal, sendo por isso bastante complexo manter a limpeza de todas as bermas em todos os caminhos e estradas municipais.

Desta feita, através desta delegação de competências, as Juntas de Freguesia irão colaborar na realização da limpeza de 250 km destas vias municipais, consubstanciada através de duas limpezas anuais de bermas e valetas dos caminhos municipais, incluindo ceifa e limpeza dos respetivos aquedutos e sarjetas.

ARCOS DE VALDEVEZ REÚNE ASSEMBLEIA MUNICIPAL

ASSEMBLEIA MUNICIPAL

EDITAL

COMENDADOR FRANCISCO RODRIGUES DE ARAÚJO (DR.), PRESIDENTE DA ASSEMBLEIA MUNICIPAL DE ARCOS DE VALDEVEZ:

Torna público que, no uso da competência que lhe é conferida pela alínea b) do nº 1 do artigo 30º do anexo I à Lei nº 75/2013, de 12 de setembro, convoca uma sessão ordinária da Assembleia Municipal, a realizar no dia 24 de fevereiro, próximo (sexta-feira), pelas 16.30 horas, no Auditório da Casa das Artes, com a seguinte

ORDEM DE TRABALHOS

Ponto 1 – RELATÓRIO DE ATIVIDADES DO EXECUTIVO (NOVEMBRO/2016 – FEVEREIRO/2017);

Ponto 2 – MINUTA DO ACORDO DE EXECUÇÃO PARA A CONCRETIZAÇÃO DA DELEGAÇÃO LEGAL DE

COMPETÊNCIAS DA CÂMARA MUNICIPAL DE ARCOS DE VALDEVEZ NAS FREGUESIAS,

PARA LIMPEZA DE CAMINHOS MUNICIPAIS;

Ponto 3 – PROTOCOLOS DE APOIO FINANCEIRO A CELEBRAR COM AS FREGUESIAS.

Paços do Município de Arcos de Valdevez, 13 de fevereiro de 2017.

O Presidente da Assembleia Municipal,

                                                           Comendador Francisco Rodrigues de Araújo (Dr.)

ARCUENSES DANÇAM NO CARNAVAL À MODA VENEZIANA

Carnaval Arcuense: Câmara Municipal oferece fatos para o Baile Veneziano

No próximo dia 25 de fevereiro, pelas 21h00, a Câmara Municipal irá organizar, no âmbito das comemorações do Carnaval, um baile Veneziano no Paço de Giela.

baile_veneziano_.jpg

Esta será a primeira experiência do género realizada no âmbito do Carnaval e, por isso, a Câmara Municipal irá oferecer os primeiros 100 fatos venezianos para o Baile (50 de homem e 50 de mulher, sem máscara incluída)

Neste sentido, informam-se todos os interessados que os fatos estarão disponíveis no Paço de Giela entre os dias 21 e 25 de fevereiro, das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00, no entanto, para além de poderem ser compradas no Paço de Giela, as máscaras também estarão disponíveis em vários estabelecimentos comerciais da vila.

Não perca a oportunidade de viver o Carnaval arcuense em grande!

Vá ao Paço de Giela!

*As festividades do Carnaval são organizadas pela Folia e pela Câmara Municipal de Arcos de Valdevez

CARNAVAL DE ARCOS DE VALDEVEZ'2017

24 a 28 de Fevereiro

 

Destaque

Sexta 24 de Fev| 10H

Carnaval da Pequenada

Ruas da Vila

 

Sábado 25 de Fev | 21H

Baile Veneziano

Paço de Giela

 

Domingo 26 de Fev| 14h30

Pimba no Carnaval

Campo do Trasladário

 

Segunda  27 de Fev | 22H00

Baile de Máscaras

Campo do Trasladário

 

Terça 28 de Fev | 15H30

O Maior Corso de Carnaval do Norte de Portugal

Campo do Trasladário 

jornal_22,4x28.jpg

MUNICÍPIO ARCUENSE ESTABELECE PARCERIA COM JUNTAS DE FREGUESIA

Câmara Municipal de Arcos de Valdevez aprovou parceria de cerca de 400 mil euros com Juntas de Freguesia

Na última reunião do executivo, a Câmara Municipal voltou a aprovar a celebração de protocolos de colaboração com Juntas de Freguesia, sendo que desta vez deliberou celebrar protocolos com 13 Juntas de Freguesia do concelho, no valor de cerca de 400 mil euros.

Camara_municipal (3)arc.JPG

Estes protocolos, a celebrar com a Junta de Freguesia de Sabadim, Junta de Freguesia de Senharei, Junta de Freguesia de Aboim das Choças, Junta de Freguesia de Monte Redondo, Junta de Freguesia de Aguiã, Junta de Freguesia de Paçô, União das Freguesias de São Jorge e Ermelo, Junta de Freguesia de Jolda (S. Paio), União de Freguesias de Vilela, São Cosme e São Damião e Sá, Junta de Freguesia de Soajo, Junta de Freguesia de Sistelo, Junta de Freguesia de Gondoriz e Junta de Freguesia de Oliveira visam realizar benfeitorias ao nível das vias, aquisição de terrenos, reabilitações de sedes da Juntas de Freguesia, bem como benfeitorias de cemitérios.

Estes investimentos vêm juntar-se a outros já aprovados anteriormente no valor de 360 mil euros, e, são realizados pela Autarquia e Juntas de Freguesia a pensar na boa qualidade de vida dos munícipes, sempre com o objetivo de tornar Arcos de Valdevez num concelho cada vez melhor para viver.

Protocolos a celebrar:

  • Junta de Freguesia de Sabadim – protocolo no valor de 30 mil euros para apoiar as obras de melhoramentos de diversos caminhos na freguesia e para execução da toponímia, cujo valor total ascende a 39.748,10 euros + IVA.
  • Junta de Freguesia de Senharei - protocolo no valor de 30 mil euros para apoiar as obras de "Requalificação Urbana - Parque do Cruzeiro em S. Mamede", cujo orçamento ascende a 49.400,00 euros + IVA.
  • Junta de Freguesia de Aboim das Choças, protocolo no valor de 30 mil euros para apoiar a execução das obras de "Reabilitação da Sede da Junta" no valor de 26.226,00 euros + IVA e "Requalificação da Estrada entre o lugar da Costa do Monte e Fonte da Morada" no valor de 11.588,50 euros + IVA.
  • Junta de Freguesia de Monte Redondo, protocolo no valor de 30 mil euros para apoiar para apoiar a execução das obras de "Pavimentação do Caminho da Pedreira", no valor de 20.938,50 euros + IVA, e "Pavimentação do Caminho do Hospital", no valor de 18.122,50 euros + IVA.
  • Junta de Freguesia de Aguiã, protocolo no valor de 30 mil euros para apoiar a realização da obra de Alargamento do Cemitério Paroquial, cujo valor total ascende a 45.914,50 euros +I.V.A..
  • Junta de Freguesia de Paçô - protocolo no valor de 29 829,49 mil euros, para a realização de obras na Sede da Junta e para o Reforço de Pavimento em caminhos da freguesia, cujo valor total ascende a 37.286,86 euros + IVA.
  • União das Freguesias de São Jorge e Ermelo - protocolo no valor de 30 mil euros para apoiar a execução das obras de beneficiação do Caminho da Procissão (Senhora da Luz), no valor de 15.833,58 €; Caminho da Fraga, no valor de 2.673.93 €; Caminho de Varzielas (2ª fase), no valor de 10.293,40 €; Caminho de Senra, no valor de 4.667,34 €; Caminho de Gração (capela), no valor de 4.456,55 €; Reparação da estrada do campo de tiro, no valor de 3.438,45 €; Caminho do Barreiro, no valor de 1.123,50 €; Caminho da Armada, no valor de 2.536,50 €.
  • Junta de Freguesia de Jolda (S. Paio) - protocolo no valor de 30 mil euros para apoiar as obras de "Retificação da Rua do Xisto, entre Cruzeiros", no valor de 15.500,00 euros + IVA e para a "Construção da Casa Mortuária - 1ª Fase", no valor de 25.000,00 euros.
  • União de Freguesias de Vilela, São Cosme e São Damião e Sá - protocolo no valor de 30 mil euros para apoiar a execução das obras de Beneficiação do Caminho de Souto, em Sá, Caminho da Portelinha/Ínsuas, em Vilela, e Caminho de Molelos e Gerei - 2ª Fase em S. Cosme e S. Damião - Valor total das obras: 49.000,00 euros.
  • Junta de Freguesia de Soajo - protocolo no valor de 30 mil euros para apoiar a execução de diversos caminhos no presente ano, cujo valor total ascende a 57.091,27euros + IVA.
  • Junta de Freguesia de Sistelo - protocolo no valor de 30 mil euros para apoiar a execução das obras de Beneficiação do Caminho de acesso ao Largo de Santiago e Bentuselos, no lugar da Igreja; Beneficiação de diversos caminhos vicinais; Limpeza do interior dos lugares da Quebrada, Estrica, Padrão e Porto Cova, cujo valor total ascende a 40.87 euros + IVA.
  • Junta de Freguesia de Gondoriz - protocolo no valor de 30 mil euros para apoiar a retificação e pavimentação de caminhos vicinais no total de 46.600,00€ + IVA.
  • Junta de Freguesia de Oliveira - protocolo no valor de 27 mil euros, para apoiar a Compra do terreno do Passal, no valor de 17.500 €; a Compra do terreno da praça igreja Nobre, no valor de 3.750 €; e realizar a estrada de abertura da escola ao Campo de Paço, no valor de 12.500 €.

CRAV CONQUISTA MAIS UM VITÓRIA E PONTO DE BÓNUS

O CRAV recebeu e venceu a Moita por 45-0. O jogo decorreu no Estádio Municipal de Rugby de Arcos de Valdevez, no passado sábado.

equipa crav.jpg

O CRAV tinha boas expectativas em relação a este encontro depois de ter conquistado uma importantíssima vitória frente ao Évora, no Alentejo. Desta vez a jogar em casa, a equipa arcuense confirmou que está a atravessar um bom momento ao entrar muito forte no jogo. O CRAV marcou um ensaio logo nos primeiros minutos, o que ditou muito cedo o pendor do jogo. A este ensaio seguiram-se dez minutos de algum equilíbrio, fruto de uma reação positiva do coletivo da Moita, bem comandado pelo seu nº10, ao ensaio sofrido.

Mas rapidamente o CRAV retomou o controlo do jogo através de um jogo coletivo muito positivo e que demonstra que o seu momento de forma no momento é, claramente, superior ao demonstrado no início da presente temporada. Com naturalidade a equipa da casa marcou mais três ensaios e chegou ao intervalo a vencer por 24-0.

Na segunda parte o pendor do jogo não se alterou e o CRAV continuou a controlar e a impor o seu jogo coletivo aos adversários. O técnico David Pereira refrescou a equipa, dando minutos a alguns jovens que estavam no banco. O rendimento da equipa manteve-se e os arcuenses conseguiram, salvo raras exceções, jogar a totalidade do tempo restante no meio campo adversário. O CRAV marcou mais três ensaios, fazendo terminar a partida nos 45-0.

Este resultado “enche de confiança a equipa para a restante e decisiva parte final da temporada”, sublinha a equipa técnica do CRAV.

MUNICÍPIO ARCUENSE LOUVA ATLETA CATARINA FERREIRA

Aprovado voto de louvor pela atleta arcuense Catarina Ferreira

Na última reunião de Câmara o executivo aprovou por unanimidade um voto de louvor pela atleta arcuense Catarina Ferreira que se sagrou campeã nacional absoluta dos 50m e 100m livres (crawl), nos campeonatos nacionais (juniores e seniores) de piscina curta, disputados de 9 a 11 de dezembro, no Funchal. Competição que contou com a participação de 350 atletas de 69 clubes.

Com a idade de 18 anos, esta arcuense está ligada à escola Desportiva de Viana e tem a expetativa de conseguir representar Portugal nos Jogos Olímpicos de 2020, a realizar em Tóquio.

Para a Câmara Municipal é um orgulho que Arcos de Valdevez seja o berço desta promissora atleta, assim como é em relação a outros atletas que se tem vindo a destacar nas mais variadas áreas desportivas, a nível nacional e internacional.

ARCOS DE VALDEVEZ APOIA IDOSOS

Regulamento da Comissão de Apoio à População Idosa já se encontra em consulta pública

A Câmara Municipal informa que já se encontra em período de discussão pública o projeto de “Regulamento da Comissão de Apoio à Pessoa Idosa de Arcos de Valdevez”.

seniores.JPG

O documento encontra-se disponível para consulta no sítio eletrónico do Município e no Serviço de Atendimento ao Público (de segunda-feira a sexta-feira durante o horário de expediente).

Todos os interessados que queiram enviar sugestões ou comentários deverão fazê-lo por escrito, quer por correio quer por via digital, através do endereço eletrónico geral@cmav.pt, no prazo de 30 (trinta) dias, a contar da data da publicação do projeto de regulamento.

A CAPI é mais uma das medidas implementadas pelo Município para apoiar a população mais carenciada do concelho. Ela terá como principal missão a intervenção junto de idosos em situação de vulnerabilidade social; a melhoria dos cuidados prestados no domicílio, nomeadamente, a criação de uma bolsa de ajudantes domiciliários qualificados, bem como a criação de serviços de apoio temporário para cuidadores informais; a eliminação de barreiras arquitetónicas nos espaços públicos e nos domicílios e ainda, a aposta na criação de serviços de transporte que facilitem a mobilidade dos idosos.

ARCUENSES CAMINHAM À DESCOBERTA DAS BRANDAS

Dispersas nas brumas da montanha, por caminhos carreteiros da memória de um povo que desde sempre teve a montanha como companheira na faina diária do pastoreio e cultivos encontram-se brandas que ainda hoje estão vivas.

brandasarco.jpg

Branda da Portelinha, Branda da Cachadinha, Branda das Ínsuas, Branda do Murço, socalcos que nos enchem a alma, caminhos carreteiros, cachenas, garranos e muito mais para nos mostrar o quão pequeno é o homem no meio natural.

No próximo dia 19 de Fevereiro, venha participar numa caminhada de uma beleza paisagística fenomenal, acompanhados pela serra do Soajo.

Venha ouvir o eco das Brandas, sentir a sua presença através do chilrear dos seus habitantes e ver como ainda hoje são utilizadas para guardar o gado.

Com cerca de 7 km, esta aventura à descoberta das brandas, terá o ponto de encontro na Porta do Mezio, pelas 9h30.

Os interessados devem inscrever-se em www.portadomezio.pt ou através do telefone n.º 258510100 ou ainda através do correio eletrónico:

portadomezio@ardal.pt

Venha com a Ardal-Porta do Mezio deslumbrar-se num território rico que vale a pena descobrir passo a passo!

ARCOS DE VALDEVEZ REÚNE EXECUTIVO MUNICIPAL

REUNIÃO ORDINÁRIA DE 10 DE FEVEREIRO DE 2017

PERÍODO ANTES DA ORDEM DO DIA:

Foi deliberado aprovar um voto de louvor pela atleta arcuense Catarina Ferreira que se sagrou campeã nacional absoluta dos 50m e 100m livres (crawl), nos campeonatos nacionais (juniores e seniores) de piscina curta, disputados de 9 a 11 de dezembro, no Funchal.

O Sr. Presidente também deu a conhecer o programa do festival Sons de Vez 2017, o qual decorre de 11 de Fevereiro a 31 de março.

Também foi dado a conhecer o programa do Carnaval, cujas festividades decorrem de 24 a 28 de Fevereiro, e este ano inovam com a realização de um baile Veneziano no Paço de Giela.

Também foi dada conhecer a data da próxima reunião da Assembleia Municipal, que se realizará no próximo dia 24 de Fevereiro.

O Sr. Presidente referenciou com agrado a posição do Municipio no âmbito do Índice de Transparência Municipal, que este ano subiu e conseguiu 97,39 pontos em 100.

Por último foi dado a conhecer o plano que a autarquia pretende implementar com a Resulima ao nível da recolha indiferenciada, colocação de mais ecopontos, renovação de imagem de uma nova geração de ecopontos, acessibilidade ao maior número de habitações, programa de higienização dos contentores e moloks e áreas envolventes.

PROTOCOLOS COM VÁRIAS FREGUESIAS

Foi aprovado celebrar um protocolo de colaboração com a Junta de Freguesia de Sabadim, para apoiar as obras de melhoramentos de diversos caminhos na freguesia e para execução da toponímia, cujo valor total ascende a 39.748,10 euros + IVA, no valor de 30 mil euros.

Idem com a Junta de Freguesia de Senharei, no valor de 30 mil euros, para apoiar a execução das obras de "Requalificação Urbana - Parque do Cruzeiro em S. Mamede", cujo orçamento ascende a 49.400,00 euros + IVA.

Idem com a Junta de Freguesia de Aboim das Choças, no valor de 30 mil euros, para apoiar a execução das obras de "Reabilitação da Sede da Junta" no valor de 26.226,00 euros + IVA e "Requalificação da Estrada entre o lugar da Costa do Monte e Fonte da Morada" no valor de 11.588,50 euros + IVA.

Idem com a Junta de Freguesia de Monte Redondo, no valor de 30 mil euros, para apoiar a execução das obras de "Pavimentação do Caminho da Pedreira", no valor de 20.938,50 euros + IVA, e "Pavimentação do Caminho do Hospital", no valor de 18.122,50 euros + IVA.

Idem com a Junta de Freguesia de Aguiã, no valor de 30 mil euros, para apoiar a realização da obra de Alargamento do Cemitério Paroquial, cujo valor total ascende a 45.914,50 euros acrescido de I.V.A. à taxa legal em vigor.

Idem com a Junta de Freguesia de Paçô, no valor de 29 829,49 mil euros, para a realização de obras na Sede da Junta e para o Reforço de Pavimento em caminhos da freguesia, cujo valor total ascende a 37.286,86 euros + IVA.

Idem a União das Freguesias de São Jorge e Ermelo, no valor de 30 mil euros, para apoiar a execução das obras de beneficiação do Caminho da Procissão (Senhora da Luz), no valor de 15.833,58 €; Caminho da Fraga, no valor de 2.673.93 €; Caminho de Varzielas (2ª fase), no valor de 10.293,40 €; Caminho de Senra, no valor de 4.667,34 €; Caminho de Gração (capela), no valor de 4.456,55 €; Reparação da estrada do campo de tiro, no valor de 3.438,45 €; Caminho do Barreiro, no valor de 1.123,50 €; Caminho da Armada, no valor de 2.536,50 €. A soma é no valor total de 45.023,25 €.

Idem com a Junta de Freguesia de Jolda (S. Paio), no valor de 30 mil euros, para apoiar as obras de "Retificação da Rua do Xisto, entre Cruzeiros", no valor de 15.500,00 euros + IVA e para a "Construção da Casa Mortuária - 1ª Fase", no valor de 25.000,00 euros.

Idem com a União de Freguesias de Vilela, São Cosme e São Damião e Sá, no valor de 30 mil euros, para apoiar a execução das obras de Beneficiação do Caminho de Souto, em Sá, Caminho da Portelinha/Ínsuas, em Vilela, e Caminho de Molelos e Gerei - 2ª Fase em S. Cosme e S. Damião - Valor total das obras: 49.000,00 euros.

Idem com a Junta de Freguesia de Soajo, no valor de 30 mil euros, para apoiar a execução de diversos caminhos no presente ano, cujo valor total ascende a 57.091,27euros + IVA.

Idem com a Junta de Freguesia de Sistelo, no valor de 30 mil euros, para apoiar a execução das obras de Beneficiação do Caminho de acesso ao Largo de Santiago e Bentuselos, no lugar da Igreja; Beneficiação de diversos caminhos vicinais; Limpeza do interior dos lugares da Quebrada, Estrica, Padrão e Porto Cova, cujo valor total ascende a 40.87 euros + IVA.

Idem com a Junta de Freguesia de Gondoriz, no valor de 30 mil euros, para apoiar a retificação e pavimentação de caminhos vicinais no total de 46.600,00€ s/IVA.

Idem com a Junta de Freguesia de Oliveira, no valor de 27 mil euros, para apoiar a Compra do terreno do Passal 17.500 €; Compra do terreno da praça igreja Nobre 3.750 €; Estrada abertura da escola ao Campo de Paço 12.500 €.

DELEGAÇÃO DE COMPETÊNCIAS PARA LIMPEZA DE CAMINHOS MUNICIPAIS ENTRE O MUNICÍPIO DE ARCOS DE VALDEVEZ E AS FREGUESIAS: foi deliberado aprovar a minuta do contrato de delegação de competências a outorgar com 30 freguesias do concelho no valor de 150 mil euros, para ser presente à Assembleia Municipal.

REPOVOAR ARCOS DE VALDEVEZ

Foi deliberado aprovar o lançamento do projeto “Repovoar Arcos de Valdevez”, o qual assenta numa estratégia integrada para dinamizar o território, criar emprego, atrair investimento, gerar rendimento e fixar população.

A primeira fase deste projeto será o estudo e seleção dos recursos e potencialidades que poderão contribuir para responder a questões como: onde habitar, onde produzir, o que empreender, quem apoia e como mostrar.

O Municipio espera dar passos na captação de novos residentes para Arcos de Valdevez e na construção de um concelho mais atrativo para viver, investir e visitar.

ASSOCIATIVISMO

Foi deliberado aprovar protocolo de colaboração a celebrar com a ARDAL – Associação Regional de Desenvolvimento do Alto Minho, prevendo um apoio municipal de € 75.000, destinado às atividades correntes daquela Associação, para o ano de 2017.

Foi deliberado apoiar a Associação Sócio Cultural Padre Himalaya no desenvolvimento das suas atividades, mediante um protocolo tripartido no valor de 12.500,00 euros.

PROJETO “SENIORES MAIS ATIVOS” 2017: foi deliberado aprovar a proposta apresentada para o projeto “seniores mais ativos” 2017.

O referido projeto tem por objetivo continuar a promover a construção de um quadro atual da condição física das pessoas com o propósito de se estabelecer maior consciência a respeito da sua própria saúde e necessidades de mudanças de atitude, e fornecer informações e prática de exercícios físicos direcionados para a faixa etária do idoso, durante o ano de 2017. O Projeto, que de momento abrange cerca de 150 pessoas, abrange 10 freguesias.

Orçamento Participativo da Escola

Foi deliberado aprovar a proposta de atribuição da verba de 1881€ ao Agrupamento de Escolas de Valdevez, para reforço do Orçamento Participativo da Escola, tendo em conta as comemorações do Dia do Estudante, a realizar no dia 24 de março, por forma a assegurar projetos com visibilidade.

Reflorestação da zona do Mezio

A Câmara deliberou apoiar em 5000,00€ a Assembleia de Compartes dos Baldios de Soajo, que pretende levar a efeito a plantação de 13 ha de floresta autóctone, na zona do Mezio, integrada no Projeto Floresta Comum. O projeto visa minimizar o impacto provocado pelos incêndios do último Verão.

OUTROS PROTOCOLOS

Foi deliberado aprovar a minuta do Protocolo de Colaboração AT – Município de Arcos de Valdevez, a celebrar com a Direção de Finanças de Viana do castelo, tendo como objeto a definição dos termos e amplitude de cooperação entre o Municipio e aquela Direção de Finanças e dos serviços locais de finanças, no âmbito da liquidação e arrecadação dos tributos municipais, designadamente IMI, IMT e IUC.

OBRAS MUNICIPAIS

BENEFICIAÇÃO DE FACHADAS DAS LOJAS DO R/C DO MERCADO MUNICIPAL: foi deliberado aprovar a abertura de procedimento concursal com um valor base fixado em 12.000,00 €. Com o projeto de execução em referência, pretende-se a beneficiação de fachadas das lojas existentes no R/C do mercado municipal, por solicitação dos arrendatários, no sentido de modernizar os espaços que lhes estão destinados, pretendendo-se a execução de fachadas em vidro.

PARQUE DA VILA - REQUALIFICAÇÃO DE PARQUE INFANTIL: foi aprovado o auto de consignação da empreitada referida em epígrafe, adjudicada à empresa BRICANTEL – Comércio de Material Elétrico de Bragança, Lda., pelo valor de 144.417,87 euros, com prazo de execução de 120 dias.          

BENEFICIAÇÃO DO CM 1301 (DA EN 101 A NOGUEIRAS) - RIO DE MOÍNHOS: - foi deliberado adjudicar a obra ao concorrente Martins & Filhos, S.A., pelo valor de 168.630,88 €, não incluindo o imposto sobre o valor acrescentado (IVA).

AMPLIAÇÃO DA REDE DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA – FREGUESIA DE EXTREMO (CASTANHEIRA/PEREIRA): foi deliberado aprovar a prestação de caução no valor de 22.500,00 euros referente à intenção de deferimento do pedido de instalação de conduta na EN 101, no Extremo, no âmbito da empreitada referida em epígrafe.

 De igual modo foi aprovado o contrato a celebrar entre o IP e o Município relativo à instalação da infraestrutura, para efeitos de homologação

LIMPEZA DE SANEAMENTO – 2017: foi deliberado aprovar o plano de 320 horas para a limpeza e desobstrução de coletores, manutenção de ETAR’s e EE a um custo unitário de 45,00 hora, o que perfaz um valor de 14 400,00 euros, aproximadamente.

DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO

4.ª Alteração ao 1.º Loteamento do Parque Empresarial das Mogueiras: foi deliberado aprovar a proposta relativa à abertura de procedimento da 4.ª Alteração do 1.º Loteamento do Parque Empresarial das Mogueiras, nos termos do disposto no art.º 7.º do Decreto-Lei n.º 555/99 de 16 de Dezembro.

AÇÃO SOCIAL

Proposta de revisão das rendas de habitação social para o ano 2017: foi aprovada a proposta apresentada pelos Serviços de revisão das rendas dos inquilinos residentes nas habitações sociais municipais, passando estas a contemplar o rendimento mensal líquido; passando para 10% a percentagem de dedução para pessoas com idade igual ou superior a 65 anos e a ser deduzida a taxa de 20% do valor do indexante dos apoios sociais para as famílias monoparentais.

De igual modo foi deliberado aprovar que as rendas atualizadas/revistas, sejam devidas no segundo mês subsequente ao da data da receção, pelo arrendatário, da comunicação do novo valor.

habitação social

Pedidos de alteração de titularidade:

foi deliberado aprovar a alteração de titularidade da casa social n.º 3 de S. Jorge devido ao falecimento do titular da habitação.

Idem relativamente à Unidade Habitacional de Vila Fonche, Entrada 34, R/Chão Esquerdo devido ao falecimento do titular da habitação.

Idem relativamente a um agregado familiar a residir no Bairro do Sobreiro, Bloco A, Ent. 1, 2º Esqº, por motivos de divórcio.

Realojamento – foi deliberado aprovar o realojamento de um agregado familiar na Unidade Habitacional de Guilhadeses, casa nº3.

PEDIDO DE APOIO ECONÓMICO:

Foi deliberado apoiar um agregado familiar do concelho em 250€ para efetuar o pagamento do ramal da água e respetivo contrato de fornecimento.

De igual modo foi deliberado aprovar apoiar uma família do concelho mediante o pagamento em 10 prestações, referente ao pedido de ramal de água, caixa e tipologia de habitação.

PEDIDOS DE PAGAMENTO DE DÍVIDAS DE CONSUMO DE ÁGUA EM PRESTAÇÕES: foi deliberado aprovar o pagamento de águas a prestações de vários agregados familiares do concelho.

OUTROS ASSUNTOS

AQUISIÇÃO DE CONTADORES DE ÁGUA - 2017:

Foi deliberado autorizar a abertura de procedimento concursal para aquisição de 900 contadores DN15 - 14976 € (16,64 € por unidade); 20 contadores DN 20 - 440 € (22 € por unidade) e 20 contadores DN25 - 560 € (28 € por unidade), para ser entregue ao longo do ano conforme as necessidades, evitando desta forma o recurso a inúmeros procedimentos simplificados de ajuste direto (requisições), pelo valor base de 15980 euros,

Peditório Concelhio/2016, a favor da Liga Portuguesa

A Câmara tomou conhecimento do Relatório Final do Peditório Concelhio/2016, a favor da Liga Portuguesa Contra o Cancro, o qual apresentou o valor total de 14.701,60 €.

AQUISIÇÃO DE GASÓLEO RODOVIÁRIO PARA A FROTA MUNICIPAL DURANTE O ANO ECONÓMICO DE 2017: foi deliberado adjudicar a aquisição à empresa PETROIBÈRICA – Sociedade de Petróleos Ibero Latinos, SA, pelo valor de 0,9317 €/litro, sem IVA.

OUTRAS OBRAS MUNICIPAIS

Reabilitação de pavimentos nas estradas municipais 202-2, 518, 530 e 530-2: foi deliberado aprovar o valor DEFINITIVO da revisão de preços dos autos de medição n.º 1 a 5 da obra supracitada no montante de - 42,93 euros (menos quarenta e dois euros e noventa e três cêntimos), ou seja, valor a ser restituído ao Município.

Reabilitação, Construção e Beneficiação de Vias Municipais - Infraestruturas, Drenagens, Obras Acessórias e Pavimentações em Várias Freguesias: foi aprovado o valor Provisório da revisão de preços dos autos de medição n.º 1 a 5 da obra supracitada no montante de - 4.962,12 euros (menos quatro mil, novecentos e sessenta e dois euros e doze cêntimos), ou seja, valor a ser restituído ao Município.

Redefinição do Traçado e Beneficiação do CM 1304 em Rio Frio: foi aprovada a liberação de mais 30 % da caução inicial, uma vez que já foram descontados 60% no âmbito das vistorias anteriores.

BLOCO XLIII – ALARGAMENTO E PAVIMENTAÇÃO DO CAMINHO DE CENDUFE – MIRANDA: foi aprovado autorizar a liberação da totalidade da caução apresentada, sem prejuízo da garantia de trabalhos executados até à receção definitiva da empreitada.

 REVITALIZAÇÃO E VALORIZAÇÃO DE ESPAÇOS URBANOS - Renovação Pavimentos - Rua Júlio Almeida Costa e Rua da Urbanização de Novelhos: foi aprovado autorizar a liberação de 30% da caução total, por ter decorrido 1 ano completo desde a recção provisória.

revitalização e valorização de espaços urbanos - reconversão interior de quarteirão - Valverde e Pedrosas: foi aprovado autorizar a liberação de 100% da caução inicial, por terem decorrido 5 anos completos desde a receção provisória.

Reconstrução de muros de suporte em Cendufe e Padreiro (Salvador): foi aprovado homologar o auto de vistoria para efeitos de receção provisória da empreitada referida em epígrafe.

EXECUÇÃO DE OBRAS DE MANUTENÇÃO / RECUPERAÇÃO DE PAVIMENTOS NA ECOVIA II: - foi aprovada a homologação do auto de vistoria para efeitos de receção provisória da empreitada referida em epígrafe.

ECOVIA - EXECUÇÃO DE PASSAGEM HIDRÁULICA EM RIO DE MOINHOS: foi aprovado homologar o auto de vistoria para efeitos de receção provisória da empreitada referida em epígrafe.

Medidas de Segurança Rodiviária - Guardas de Segurança Metálicas: foi deliberado aprovar a conta final da empreitada no montante de 57.161,30 Euros (com IVA: 60.590,98 euros)

DIVISÃO DE AMBIENTE E SERVIÇOS DE GESTÃO – Ampliação da Rede de Saneamento na EM 202-2 (Paço - Giela): foi aprovado homologar o auto de vistoria para efeitos de receção provisória.

expansão da rede de ecovias da CIM Alto Minho – ARCOS DE VALDEVEZ: foi deliberado homologar o auto de vistoria para efeitos de liberação da caução.

AMPLIAÇÃO DA REDE DE SANEAMENTO BÁSICO - FREGUESIAS DE PROZELO E AGUIÃ AO LONGO DA EN 101: foi aprovado conceder uma prorrogação do prazo LEGAL da empreitada até 20/04/2017, isto é, de 139 dias, a fim de o empreiteiro conseguir concluir a execução dos trabalhos.

Ampliação da Rede de Abastecimento de Água: União de Freguesias de Eiras e Mei (Pinheiro, Eirado, Andeviso e Barco), Freguesia de Rio de Moinhos (Cem, Nogueiras, Vinha Nova e Breia): foi deliberado homologar o auto de vistoria para efeitos de receção provisória, respeitante à empreitada em epígrafe, adjudicada à empresa J. S. Gomes,

ARCOS DE VALDEVEZ ACOLHE ESTUDANTES ITALIANOS

Câmara Municipal deu as boas vindas a alunos de Itália a estagiarem na Epralima

O Vereador Hélder Barros fez, em representação da Câmara Municipal, uma sessão de acolhimento e boas-vindas a um grupo de 13 alunos e 2 professores oriundos da Itália, enquadrados num projeto de parceria entre a Epralima e o European Grants International Academy consignado no âmbito do Programa Erasmus+. 

receção_alunos_italia_epralima.jpg

O objetivo desta iniciativa é fomentar uma amostra sobre as principais características que retratam o tecido socioeducativo e económico da região do Vale do Lima, nas áreas de conhecimento dos participantes, nomeadamente: Desenho Digital 2D e 3D.

O autarca desejou-lhes uma ótima estadia em Arcos de Valdevez e aproveitou a ocasião para fazer um breve enquadramento do concelho ao nível histórico e socioeconómico, destacando também o que de melhor se poderá encontrar na região, tanto ao nível de beleza natural, como ao nível da cultura, costumes e gastronomia.

ARCUENSES RECRIAM BAILE DE MÁSCARAS VENEZIANAS

Paço em Família: Workshop de "Baile de máscaras venezianas"

O Paço de Giela apresenta um programa de atividades para famílias denominado “Paço em família” com sessões previstas para os últimos sábados de cada mês.

workshop_mascaras_venezianas.jpg

Nestas sessões serão exploradas diversas temáticas através de ações lúdico-pedagógicas que visam promover a interação entre pais e filhos na fruição do monumento. 

No dia 25 de Fevereiro vai ser festejado o carnaval com as famílias. Numa pequena palestra subordinada ao tema "baile de máscaras venezianas", os participantes terão oportunidade de conhecer e perceber o esplendor dos Bailes de Veneza inspirados no século XVIII, através de uma verdadeira viagem no tempo.

Durante o Workshop, através de exercícios práticos, as famílias vão recriar um baile com as danças Pavana e Valsa.

Atividade gratuita sujeita a inscrição prévia.

A inscrição pode ser feita presencialmente ou através dos contactos:

E-mail: pacodegiela@cmav.pt

Telefone: 258 520 529

Telemóvel: 965 995 094

Esta atividade serve de aperitivo para o “baile veneziano” que se realiza depois, à noite (21H00), neste emblemático monumento.

ARCUENSES CAMINHAM À DESCOBERTA DAS BRANDAS

Dispersas nas brumas da montanha, por caminhos carreteiros da memória de um povo que desde sempre teve a montanha como companheira na faina diária do pastoreio e cultivos encontram-se brandas que ainda hoje estão vivas.

à descoberta das brandas.jpg

Branda da Portelinha, Branda da Cachadinha, Branda das Ínsuas, Branda do Murço, socalcos que nos enchem a alma, caminhos carreteiros, cachenas, garranos e muito mais para nos mostrar o quão pequeno é o homem no meio natural.

No próximo dia 19 de Fevereiro, venha participar numa caminhada de uma beleza paisagística fenomenal, acompanhados pela serra do Soajo.

Venha ouvir o eco das Brandas, sentir a sua presença através do chilrear dos seus habitantes e ver como ainda hoje são utilizadas para guardar o gado.

Com cerca de 7 km, esta aventura à descoberta das brandas, terá o ponto de encontro na Porta do Mezio, pelas 9h30.

Os interessados devem inscrever-se em www.portadomezio.pt ou através do telefone n.º 258510100 ou ainda através do correio eletrónico:

portadomezio@ardal.pt

Venha com a Ardal-Porta do Mezio deslumbrar-se num território rico que vale a pena descobrir passo a passo!

ARCOS DE VALDEVEZ DÁ-SE A CONHECER EM XANTAR TURÍSTICO NA GALIZA

Arcos de Valdevez promove o concelho e seus produtos em “Xantar" - 18º Salão Internacional de Turismo Gastronómico de Ourense

No passado dia 2 de Fevereiro Arcos de Valdevez, através do Serviço de Turismo da Câmara Municipal, fez-se representar no 18º Salão Internacional de Turismo Gastronómico de Ourense com a ARDAL, a Associação dos Vinhos de Arcos de Valdevez e a Epralima.

XANTAR_2017 (1).JPG

Durante todo o dia decorreram no espaço da Entidade de Turismo e Norte de Portugal, ações de promoção do Município e da ARDAL, para divulgar o concelho de Arcos de Valdevez, o Parque Nacional da Peneda-Gerês, a Reserva Mundial da Biosfera, os serviços e a oferta turística disponíveis no concelho.

Neste certame também se apostou na divulgação dos Vinhos e Produtos dos Associados da Associação dos Vinhos de Arcos de Valdevez, nomeadamente os vinhos verdes do concelho, queijo, doces, compotas, entre outros, e houve ainda espaço para a realização de um Showcooking Promoção da Carne Cachena, realizado pela Epralima - Escola Profissional do Alto Lima.

De referir que, no âmbito da animação, Arcos de Valdevez levou até Ourense a Rusga do Povo de Távora Santa Maria e S. Vicente, a qual animou vários momentos ao longo de todo o dia.

Esta iniciativas servem para levar o nome de Arcos de Valdevez mais longe e promover o concelho além fronteiras.

XANTAR_2017 (7).JPG

XANTAR_2017 (17).JPG

ARCOS DE VALDEVEZ LIDERA O ÍNDICE DE TRANSPARÊNCIA NO ALTO MINHO

Autarquia teve uma pontuação de 97.39 no máximo de 100 pontos

O município de Arcos de Valdevez mantém-se no Top 5 do "Ranking" Nacional do Índice de Transparência Municipal 2016, no ranking dos 308 municípios do País, conseguindo uma pontuação de 97.39 no máximo de 100.

Camara_municipal (3).JPG

A Câmara Municipal tem vindo a alcançar constantes melhorias, situando-se em 2016 nos 97.39 com um aumento de 7.5 pontos face à última avaliação em 2015.

Este posicionamento traduz mais uma vez o reconhecimento de uma gestão pública cada vez mais responsável e participativa, essencial para a confiança dos arcuenses no poder local.

A autarquia agradece aos seus colaboradores o rigor e dedicação demonstrados ao nível dos procedimentos adotados e na resolução dos problemas dos cidadãos, essenciais à melhoria da eficiência, desempenho e competitividade da administração local.

Estas conclusões vêm expressas no Índice de Transparência Municipal (ITM) 2016 da "Transparência e Integridade Associação Cívica (TIAC) ". Esta entidade avalia o grau de transparência dos 308 concelhos do país em várias dimensões cruciais para a vida do município, desde a sua organização, até à transparência económico-financeira, à prestação de contas, aos contratos celebrados pela autarquia, num total de 76 indicadores.

Este resultado é um incentivo para que o Município de Arcos de Valdevez continue a trabalhar em prol de uma maior proximidade, credibilidade e transparência para com os arcuenses.

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE RUGBY EXIGE CREDENCIAÇÃO DE FOTÓGRAFOS PARA ACESSO AO RELVADO

CRAV informa que fotógrafos devem requerer autorização para poder fotografar nos jogos de rugby

No início do presente ano, a Federação Portuguesa de Rugby (FPR) lançou novas normas de credenciação de fotógrafos e elementos dos meios de comunicação.

Devido a sucessivos alertas “para a presença de elementos estranhos dentro da área de jogo em jogos das diversas competições nacionais dos diversos escalões”, esta entidade decidiu restringir o acesso ao recinto de jogo durante o tempo regulamentar. Assim, a partir de agora os fotógrafos para terem acesso ao local de jogo de rugby (relvado) devem requerer esta autorização junto do departamento de comunicação do CRAV. A credencial será passada pela FPR depois de ter sido assinado um termo de responsabilidade.

Neste sentido, o CRAV informa que todos os que pretenderem ter esse acesso devem solicitar essa autorização ao clube o quanto antes.

CRAV VENCE ÉVORA

Arcuenses Triunfaram Frente ao Líder no Alentejo

No passado sábado, o CRAV surpreendeu ao vencer o Évora por 13-16. Os alentejanos eram favoritos à vitória não só porque são os atuais líderes do campeonato, mas também porque jogavam em casa. Contrariando este favoritismo e depois de muitos quilómetros percorridos na estrada, o CRAV voltou às vitórias e subiu ao 5º lugar da tabela classificativa.

crav(2).jpg

 

O CRAV entrou muito bem no jogo, marcando dois ensaios não convertidos e os jogadores da casa responderam com a transformação de duas penalidades. O despique continuou com o CRAV a somar mais uma penalidade e o Évora a marcar um ensaio convertido. O resultado ao intervalo demonstrava o equilíbrio no desempenho de ambas as equipas, 13-13.

crav(1).jpg

O início da segunda parte foi dominado pelos arcuenses, que não conseguiram concretizar em pontos o seu domínio no terreno. Os eborenses voltaram ao ataque, mas o CRAV defendeu bem e não deixou o adversário pontuar. No lance decisivo do encontro o CRAV beneficiou de uma penalidade que deu os três pontos da vitória.

No próximo dia 11, o CRAV recebe a Moita no Estádio Municipal de Rugby, às 15h30.

crav(3).jpg

ARCUENSES INAUGURAM SEDE DO MOTO CLUB PORTUGAIS EM PARIS

Câmara Municipal de Arcos de Valdevez marcou presença no I Aniversário do Moto Club Portugais à Paris e inauguração da sua sede motard

A Câmara Municipal, representada pelo vereador Hélder Barros, esteve nos dias 28 e 29 de Janeiro em Paris para se juntar à festa do I Aniversário do grupo de motociclistas Moto Club Portugais à Paris, bem como à inauguração da sua sede motard, sediada em Vitry-sur-Seine.

16402538_1775639469424315_8012450343036818657_o.jpg

Este convívio juntou inúmeros sócios e amigos do grupo, liderado pelo arcuense Carlos Amorim e composto, maioritariamente, por emigrantes arcuenses.

 O MC Portugais à Paris conta já com mais de uma centena de sócios registados e no dia da inauguração formalizou mais cerca de 30 novas inscrições.

No âmbito desta festa os motards realizaram um passeio até Paris e ao final da tarde, houve espaço para convívio, descerramento da placa inaugural da sede social e festa do 1º Aniversário.

A Câmara Municipal fez-se representar nesta iniciativa porque para o executivo arcuense o apoio às comunidades e as relações de proximidade com elas são aspetos que deverão ser cultivados sempre.

As nossas Comunidades de emigrantes desempenham um papel importante na promoção do que é viver, visitar e investir em Arcos de Valdevez, divulgando a cultura e as potencialidades do nosso Concelho e contribuindo decisivamente para que Arcos de Valdevez fortaleça a sua atratividade.

16402559_1775622976092631_5739708714514460576_o.jpg

16402785_1775643392757256_7158797539595513643_o.jpg

16402816_1775624996092429_714604355569927354_o.jpg

16402836_1775622736092655_2508986138003407096_o.jpg

16403079_1775633929424869_4977225346763987475_o.jpg

16422891_1775639472757648_49217239065373825_o.jpg

16422909_1775643322757263_3293044375259343566_o.jpg

16423154_1775624809425781_1369346194920794362_o.jpg

16463062_1775637496091179_1665384372590136456_o.jpg

16463237_1775638316091097_4532021829804729299_o.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ REALIZA OFICINA DE PINTURAS, GRAVURAS E ILUMINURAS

Paço em Família

Realizou-se no passado sábado, dia 28, a primeira tarde do Paço em Família de 2017. Uma oficina de arte dedicada a Pinturas, gravuras e iluminuras (da Pré-história à Idade Média).

gravuras_iluminuras_paco_giela (1).JPG

Desde há milhares de anos que o Homem representa simbolicamente tudo o que o rodeia das mais variadas formas – a natureza, os animais, as atividades quotidianas e o seu imaginário.

Nesta oficina os participantes foram desafiados a desvendar os segredos da Arte Pré-histórica e Medieval, através da recriação de tintas e técnicas de pintura e gravura utilizadas há muitos, muitos anos atrás.

Experimentaram  fazer pinturas e gravuras como o Homem fazia durante a Pré-história e, num salto de gigante, entraram na Idade Média para criar uma iluminura como as dos livros copiados pelos monges, no tempo dos reis e cavaleiros.

Conheceram e usaram como inspiração alguns dos documentos e locais arqueológicos mais emblemáticos de Portugal e de Arcos de Valdevez! 

A imaginação foi o limite numa tarde passada com muita cor e animação!

De referir que no âmbito das festividades carnavalescas, no sábado, dia 25 de fevereiro, o Paço recebe, às 15h00, um workshop de Carnaval, denominado de “Baile de Máscaras de Venezianas” e às 21h00, um Baile Veneziano.

gravuras_iluminuras_paco_giela (2).JPG

gravuras_iluminuras_paco_giela (4).JPG

gravuras_iluminuras_paco_giela (5).JPG

ARCOS DE VALDEVEZ LANÇA MARCA ENTIDADE EMPREGADORA

A Câmara Municipal informa que estão abertas até ao próximo dia 28 de Fevereiro as candidaturas para atribuição da Marca Entidade Empregadora inclusiva às empresas e demais entidade empregadoras que desenvolvam práticas de gestão aberta inclusiva e tenham a responsabilidade social como uma das suas marcas distintivas.

EntidadeEmpregadoraInclusiva.png

A Marca Entidade Empregadora inclusiva destina-se a promover o reconhecimento e a distinção pública de entidades empregadoras que mereçam destaque nas ações desenvolvidas relativamente às pessoas com deficiência e incapacidade, contribuindo para a criação de um mercado de trabalho inclusivo que integre a diferença, evidenciando também preocupações de ordem social, um dos aspetos distintivos da responsabilidade social.

Para mais informações contactar o Instituto do Emprego e Formação Profissional IP através do número de telefone 258521395 ou do endereço de correio eletrónico cte.arcos_valdevez@iefp.pt

ARCOS DE VALDEVEZ: PORTA DO MEZIO LANÇA NOVO WEBSITE

A Porta do Mezio lançou um novo website totalmente renovado, com novas funcionalidades, com uma apresentação moderna e com uma navegação mais intuitiva.

site Porta.jpg

O novo website pretende ser mais um passo na constante melhoria da comunicação com os visitantes, clientes e parceiros.

Com o objetivo de consolidar a presença online, o novo site está totalmente integrado com as redes sociais Facebook, Twitter e Linkedin e permite atualizar e informar os seguidores sobre as novidades e atividades.

Poderá entrar em contacto com a Porta através do separador Contactos ou até mesmo subscrever as newsletters.

Visite a Porta do Mezio em: www.portadomezio.pt

ARCOS DE VALDEVEZ REALIZA NO MINHO PRIMEIRO FESTIVAL DO ANO DE MÚSICA MODERNA

Sons de Vez entre os primeiros finalistas dos Iberian Festival Awards

Considerado “o primeiro festival do ano”, a edição de 2017 arranca já no próximo dia 11 de Fevereiro

As votações para a 2ª edição dos Iberian Festival Awards já terminaram e contaram com um record de mais de 10 mil votos. Estes votos serviram para a eleição de metade das 20 categorias a concurso.

SonsdeVez2016_Poster_Frente@2x.jpg

Foi com grande satisfação que o Municipio verificou que o Sons de vez, inserido na categoria Best Indoor Site, se encontra no TOP10 destas categorias.

Esta foi a segunda vez que o Festival de música moderna Portuguesa Sons de Vez, que regressa em Fevereiro para a sua 15ª edição, e é um marco no panorama musical nacional, bem como um momento de celebração da nova música portuguesa, nas suas várias sensibilidades e gerações, voltou a ser nomeado de Best Indoor e Best Small Festival, no âmbito dos Iberian Festival Awards, integrados em mais uma edição do Talk Fest. Um fórum internacional sobre os festivais que decorrerá nos dias 9 e 10 março em Lisboa e no dia 16 em Barcelona.

Os vencedores nacionais e ibéricos serão anunciados na gala que ocorrerá a 16 de março no MACBA, Barcelona.

 
 

Programação do Sons de Vez 2017:

11 de Fevereiro – Miguel Araújo + VIA

18 de Fevereiro – UHF + Jarojupe

25 de Fevereiro – Bezegol

4 de Março – Diogo Piçarra

11 de Março – Fado Violado

18 de Março - Bed Legz+The Twist Connection

25 de Março – Pedro Abrunhosa

31 de Março – Maze+Chillange+Abyss

 

 

ARCUENSES CAMINHAM PELO "TIBETE" DE ARCOS DE VALDEVEZ

Trilho do Pequeno Tibete

Para o mês de Fevereiro, a Ardal-Porta do Mezio tem preparado para si uma nova e empolgante experiência!

Vista do alto da serra, Sistelo é uma das mais belas aldeias de Portugal onde as casas tradicionais, os moinhos e os espigueiros perdem dimensão face à imponência do vale inclinado e encaixado, no fundo do qual corre o rio Vez.

image018.jpg

Apelidada de “o pequeno Tibete português”, a aldeia de Sistelo é famosa pelos seus socalcos que são um verdadeiro postal da Natureza.

Inscreva-se nesta caminhada da iniciativa “12 Trilhos 12 Experiências” e venha vivenciar mais uma experiência única e diferente onde o tempo corre mais devagar!

  No final da caminhada haverá um almoço convívio, com uma ementa onde não faltarão as iguarias tradicionais!*

Características do Trilho:

Data da realização: 5 de Fevereiro de 2017 Local de encontro: 8h30 - Nature4 (Coordenadas GPS - 41°50`43.94``N;

8°25`02.76``O)

Hora de saída: 9h00 – Nature 4

Localização do Trilho: Sistelo

Distância: 6 km

Âmbito do percurso: Paisagístico e Cultural

Duração: 3h00

Dificuldade: Fácil

Inscrições: www.portadomezio.pt/258510100/portadomezio@ardal.pt

Preço: 6€ (adultos); 4€ (crianças até aos 14 anos) *Almoço (opcional mediante marcação prévia até ao dia 02/02): 12,50€

Nota: Os participantes devem trazer roupa e calçado adequado, reforço alimentar e água.

ARCOS DE VALDEVEZ AJUDA FAMÍLIAS CARENCIADAS A RECUPERAR AS SUAS CASAS

Câmara Municipal continua a apoiar famílias carenciadas na recuperação das suas habitações

Considerando as dificuldades vividas por algumas famílias do concelho, a Câmara Municipal disponibiliza um conjunto de respostas, tais como a atribuição de apoio às famílias carenciadas para a realização de pequenas obras de melhoria do conforto habitacional e disponibiliza gratuitamente projetos-tipo para habitações a construir por famílias com dificuldades económicas.

antes_1 - Cópia.jpg

Ainda na última reunião de Câmara, o executivo deliberou apoiar mais dois agregados familiares ao abrigo do regulamento de apoio à recuperação habitacional, no valor global de 18 990,00€.

No total, em 2016, foram prestados apoios ao nível da melhoria das condições de habitabilidade de 17 agregados familiares carenciados, no valor total de 135 mil euros.

Este é mais um exemplo do do empenho do Município com o bem-estar e a qualidade de vida das famílias do concelho.

Para a Câmara Municipal, promover o conforto habitacional daqueles que mais necessitam é uma das prioridades, sendo desejável que todas as famílias possam ter uma habitação condigna e adequada às suas necessidades básicas.

Com estas medidas o Município pretende contribuir para que sejam criadas condições de bem-estar e qualidade de vida e, consequentemente, reforçar a coesão social.

antes_3 - Cópia.jpg

depois_1 - Cópia.jpg

depois_3 - Cópia.jpg

MUNICÍPIO ARCUENSE APOIA ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS

Atenta às necessidades da comunidade estudantil, na última reunião de Câmara, foi aprovado o protocolo relativo à iniciativa IN Bus Alto Minho. Um projeto desenvolvido pelo Instituto Politécnico de Viana do Castelo, em conjunto com a Comunidade Intermunicipal do Alto Minho.

bus_academico_cab_2.jpg

Com a celebração deste protocolo o Município pretende garantir aos alunos do concelho, que frequentam o IPVC, um serviço de transportes a baixo custo que proporciona viagens diárias de ida e volta para as seis escolas do Instituto Politécnico.

Este projeto inovador ajudará a colmatar as deficiências dos sistemas de transportes públicos existentes e permitir o acesso ao ensino superior de jovens que de outra forma teriam maior dificuldade (promovendo a equidade no acesso à Educação) O autocarro, designado BUS Académico, vem ainda aumentar a probabilidade de permanência no ensino superior, reduzindo o abandono escolar e promover a coesão social.

Esta é mais uma medida tomada pela Câmara Municipal no sentido de promover o incremento da formação dos arcuenses, contribuir para a aquisição de conhecimento e garantir a igualdade de oportunidades a todos os alunos do concelho.

CRAV ATRIBUI PRÉMIO “CRAV AMIGO” AOS BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DE ARCOS DE VALDEVEZ

O tradicional Jantar de Reis do CRAV reuniu dezenas de pessoas ligadas ao clube no Centro de Exposições de Arcos de Valdevez, no passado dia 21 de janeiro.

Neste convívio foi reservado um momento para a entrega do prémio “CRAV Amigo” este ano atribuído aos Bombeiros Voluntários de Arcos de Valdevez. O “cravito” foi entregue ao presidente desta associação, Germano Amorim. O prémio “CRAV Mérito” que também costuma ser atribuído por esta ocasião, será apenas entregue no jantar de aniversário do clube que este ano está agendado para o dia 24 de junho.

O jantar foi servido pela Casa Real e animado pela voz de Pedro Gomes e os DJ’s Rui Silva e Marco Amorim.

CRAV ELIMINADO DA TAÇA DE PORTUGAL

No passado sábado, dia 28, o CRAV recebeu o Montemor num jogo a contar para os oitavos de final da Taça de Portugal. O CRAV perdeu por 13-14 e foi assim afastado da competição.

crav vs montemor.jpg

O resultado até começou por ser favorável aos jogadores da casa que inauguraram o marcador a poucos minutos do início do encontro através da marcação de um ensaio não convertido. No entanto, a equipa arcuense pecou por cometer algumas faltas e foi permitindo aos visitantes a conquista de pontos que viriam a ser cruciais nas contas finais.

A escassos segundos do final da partida o CRAV chegou ao ensaio, mas a não conversão do mesmo ditou a derrota por um ponto.

No próximo sábado, o CRAV desloca-se a Évora para cumprir mais uma jornada do Campeonato Nacional.

SUB-18 DO CRAV VENCEM O SETÚBAL

A equipa de sub-18 do CRAV recebeu e venceu o CR Setúbal no passado dia 21 de janeiro, em mais uma jornada da fase final do campeonato nacional, com um resultado favorável de 34-32.

sub-18 crav vs setubal.jpg

No início do jogo assistiu-se a uma forte pressão por parte dos jovens arcuenses, que surpreenderam a equipa adversária com a marcação de 4 ensaios consecutivos, logo nos primeiros 20 minutos.

O CTAV manteve-se forte saindo para intervalo a vencer por 29-12, um resultado que exprimia a superioridade em movimentos ofensivos.

Com algumas alterações táticas ao intervalo, a equipa local entrou na segunda parte mais fragilizada, acusando alguma quebra de rendimento quer a nível de ataque, quer a nível defensivo, vacilando sobretudo no final do encontro. O Setúbal conseguiu a marcação de pontos através de ensaios, diminuindo assim a desvantagem que tinha até então.

Os jovens do CRAV ainda passaram por um susto, mesmo no instante final, com a possibilidade da equipa adversária poder empatar, mas tal não veio a acontecer.

CRAV FEMININO NA LUTA POR UM LUGAR NA FINAL DA TAÇA DE PORTUGAL

O Estádio Municipal de Arcos de Valdevez foi palco da 1ª eliminatória da região norte/centro da Taça de Portugal. Este torneio decorreu no passado dia 14 de janeiro e contou com a equipa da casa, a Agrária, o Sport Porto e a Bairrada.

feminino Taça Portugal(1).jpg

Para a equipa feminina do CRAV este foi um regresso à competição e apesar dos resultados dos jogos disputados não terem sido muito favoráveis, o treinador Viriato Teixeira demonstrou grande satisfação pela entrega e espírito de sacrifício das suas atletas que jogaram sem suplentes.

A 2ª eliminatória da Taça de Portugal deverá realizar-se no dia 2 de abril em Coimbra.

Entretanto, a equipa arcuense já está a preparar e a delinear objetivos para a participação no Campeonato Nacional de Sevens, cujo arranque está previsto para o último fim-de-semana de fevereiro.

MUNICÍPIO ARCUENSE APOIA FREGUESIAS

Câmara Municipal de Arcos de Valdevez aprovou mais 300 mil euros para as freguesias

Os investimentos nas freguesias têm sido uma constante, tanto autonomamente por parte do Municipio, como pelas Juntas de Freguesia ou mediante parcerias firmadas via protocolo entre estas entidades.

Camara_municipal (2) - Cópiaarc.JPG

Na última reunião do executivo, a Câmara Municipal aprovou mais investimento no montante global de 300 mil euros, para várias localidades do concelho a ser implementado via protocolo com 9 Juntas de Freguesia, nomeadamente, de Cabana Maior, Padroso, Miranda, União de Freguesias de Távora Santa Maria e São Vicente, União de Freguesias de Arcos de Valdevez (Salvador), Vila Fonche e Parada, Couto, União de Freguesias de Eiras e Mei, União de Freguesias de Jolda (Madalena) e Rio Cabrão e Junta de Freguesia de Rio Frio.

Com a Junta de Freguesia de Cabana Maior aprovou celebrar um protocolo no valor de 30 mil euros para apoiar a beneficiação de caminhos na freguesia: Caminho da Fonte; Caminho de Casal Além; e Pavimentação de arruamento no Caminho do Outeiro, em Boímo; Construção de muro em pedra e pavimentação de arruamento no Caminho da Cancela, no lugar da Igreja, cujo valor total das obras ascende a 39.000,00 euros + IVA.

Com a Junta de Freguesia de Padroso também aprovou celebrar um protocolo no valor de 30 mil euros, para apoiar a beneficiação de diversos caminhos da freguesia, cujo orçamento ascende a 46.492,24 euros.

A Junta de Freguesia da Miranda também será apoiada em 30 mil euros, para ajudar financeiramente a beneficiação de diversos caminhos da freguesia, cujo orçamento ascende a 45.214,77 euros.

De igual modo, a Junta da União de Freguesias de Távora Santa Maria e São Vicente, irá ser apoiada em 30 mil euros, para ajudar com a realização de obras em diversos caminhos da União de freguesias, cujo valor total ascende a 38.018,10 euros + IVA.

A Junta da União de Freguesias de Arcos de Valdevez (Salvador), Vila Fonche e Parada, vai beneficiar de um apoio no valor de 30 mil euros, para patrocinar a pavimentação do Caminho do Paraíso - Vilafonche - 1ª e 2ª Fase e pavimentação do Caminho de Tangil aos Carvalhos (S. Slavdor - Vilafonche), no valor de 39.287,50 euros + IVA.

Com Junta de Freguesia do Couto também vai ser celebrado um protocolo no valor de 30 mil euros, para apoiar obras de "Requalificação do Edifício da Sede da Junta de Freguesia" e para "Requalificação do Caminho do Outeiro, no lugar da Aldeia", cujo valor ascende a 55.576,33 euros + IVA.

Idem, com a Junta da União de Freguesias de Eiras e Mei, no valor de 30 mil euros, para apoiar a realização de obras em diversos caminhos da União de freguesias, cujo valor total ascende a 55.610 euros + IVA.

A Junta de Freguesia do Vale também irá receber um apoio no valor de 30 mil euros, para apoiar a execução da 2ª Fase do Caminho da Bouça e para a 1ª Fase dos Caminhos do Penedo, Devesinha e da Costa, cujo valor total ascende a 45.000,00 euros.

A Junta da União de Freguesias de Jolda (Madalena) e Rio Cabrão, vai ser apoiada em 30 mil euros, para ajudar a fazer face às despesas com a Beneficiação de diversos caminhos: Caminho do Penedo (Fase I) - Valinho, Jolda (Madalena); Caminho das Covas/Valinha, Fase II - Jolda (Madalena); Caminho do Reguengo - Jolda (Madalena); Caminho da Escola de Rio Cabrão - Rio Cabrão; Caminho de Pinhô - Rio Cabrão; Caminho de Letrigo - Rio Cabrão; cujo valor total é de 41.465,5 € + IVA.

Por último, com a Junta de Freguesia de Rio Frio, no valor de 30 mil euros para apoiar financeiramente a realização de obras de Beneficiação de Caminhos nos lugares de Gondião, Rodelas e Cachamundinho, cujo orçamento ascende a 40.000,00 euros.

De referir que estes protocolos vêm juntar-se aos aprovados no início do mês no valor de 60 mil euros com a União de Freguesias de Portela e Extremo e com a Junta de Freguesia de Rio de Moinhos.  

Ao realizar estes investimentos o Município, em parceria com as Juntas de Freguesia, está a pensar no bem-estar e na melhoria da qualidade de vida dos seus munícipes.

ARCOS DE VALDEVEZ APOIA POPULAÇÃO IDOSA

Comissão de Apoio à População Idosa de Arcos de Valdevez aberta a consulta pública

Na última reunião do executivo Municipal foi deliberado remeter para consulta pública a proposta de regulamento com vista à criação da CAPI – Comissão de Apoio à População Idosa de Arcos de Valdevez.

festival_senior_2016 (14).JPG

A CAPI é mais uma das medidas implementadas pelo Município para apoiar a população mais carenciada do concelho. Ela terá como principal missão a intervenção junto de idosos em situação de vulnerabilidade social; a melhoria dos cuidados prestados no domicílio, nomeadamente, a criação de uma bolsa de ajudantes domiciliários qualificados, bem como a criação de serviços de apoio temporário para cuidadores informais; a eliminação de barreiras arquitetónicas nos espaços públicos e nos domicílios e ainda, a aposta na criação de serviços de transporte que facilitem a mobilidade dos idosos.

Encontra-se inserida no Plano Municipal do Idoso e vai juntar-se a outros projetos como  “Séniores + Ativos”, o qual prevê a realização de um conjunto de atividades direcionadas para a promoção do envelhecimento ativo, nomeadamente sessões de ginástica geriátrica; Este Plano também inclui a promoção do convívio e lazer, o apoio à recuperação habitacional de agregados desfavorecidos.

A Câmara Municipal está ciente das necessidades desta franja da população, por isso encara-a como um grupo alvo da intervenção municipal implementando várias medidas que ajudem a promover um envelhecimento ativo e com qualidade.

 

ARCOS DE VALDEVEZ INVESTE NO ABASTECIMENTO DE ÁGUA

Mais de 60 mil euros para reforçar o abastecimento de água na freguesia do Extremo

A Câmara Municipal tem dado continuidade ao investimento realizado ao nível do reforço do Abastecimento de água. Ainda recentemente consignou “Ampliação da Rede de Abastecimento de Água – Freguesia de Extremo (Castanheira/Pereira)”, apoiada por fundos da União Europeia, com a qual se pretende a ampliação da rede de distribuição de água aos lugares de Castanheira e Pereira.

consignação_abastecimento_agua_extremo.jpg

Esta intervenção, no valor de 61.500,58€ +IVA, permitirá aumentar a cobertura local, prevendo-se a instalação de condutas de distribuição numa extensão de cerca de 1,8 km, com instalação de 25 ramais domiciliários e hidrantes.

Esta obra vem juntar-se a outras em curso nas freguesias de Álvora, Aboim das Choças, União de Freguesias de Eiras e Mei, Freguesia de Rio de Moinhos, Freguesia de Cabreiro e Freguesia de Gondoriz, no valor de cerca de 300 mil euros. Investimentos que possibilitarão a criação de mais 155 ramais.

De referir que está ainda previsto um futuro investimento de 540 000.00 €+IVA que criará 110 ramais.

Estas obras são financiadas pelo POSEUR-03-2012-FC-000436 - Ampliação da Rede de Abastecimento de Água do Subsistema Setor Norte, Vila e Sudoeste, cofinanciadas pelo Fundo de Coesão (FC), Portugal2020, através do Programa Operacional de Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (PO SEUR), Eixo Prioritário 3 – Proteger o Ambiente e Promover a Eficiência dos Recursos e com um Investimento Elegível global de 715.656,22€ € e Comparticipação Comunitária de 608.307,77€ €. A operação tem como objetivo fulcral a gestão eficiente dos recursos da reabilitação dos sistemas urbanos de distribuição de água, o controlo e redução de perdas, garantindo a recuperação sustentável de gastos, assegurando a acessibilidade económica das populações aos serviços.

ARCOS DE VALDEVEZ AMPLIA REDE DE SANEAMENTO EM PARADA E GIELA

Consignadas obras de ampliação de saneamento nas freguesias de Parada e Giela

A Câmara Municipal procedeu recentemente à consignação das obras de “Ampliação da Rede de Saneamento a Parada (Soalheiras/Casal)” e “Ampliação da Rede de Saneamento a Giela (Secas/Rochina)”, apoiadas por fundos da União Europeia. Com estas obras no valor global de mais de 354 mil euros (“Ampliação da Rede de Saneamento a Parada (Soalheiras/Casal)”, adjudicada por 141.697,41€ + IVA e “Ampliação da Rede de Saneamento a Giela (Secas/Rochina)”, adjudicada por 212.310,99€ + IVA), pretende-se dotar de rede pública de drenagem de águas residuais domésticas vários lugares das freguesias. No total, a rede irá somar uma extensão de mais 4km e mais 133 ramais domiciliários.

consignação_saneamento_parada.jpg

Estas obras são a continuação do investimento que se encontra a ser realizado ao nível de saneamento no concelho, no valor de mais de 600 mil euros e através do qual ficarão instalados 230 ramais nas freguesias de Arcos de Valdevez (S. Paio), Prozelo e Aguiã, Tabaçô (núcleo central)” e Parada ao longo da EN101. De referir que está ainda previsto um investimento de 888 325. 00€ em várias freguesias do concelho.

Estas empreitadas, as quais contam com um investimento global de 2M€,  encontram-se financiadas pela pelo POSEUR-03-2012-FC-000609 - Ampliação da Rede de Saneamento de Águas Residuais do Subsistema da Vila - Arcos de Valdevez, cofinanciada pelo Fundo de Coesão (FC), Portugal2020, através do Programa Operacional de Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (PO SEUR), Eixo Prioritário 3 – Proteger o Ambiente e Promover a Eficiência dos Recursos, com um investimento elegível no valor de 1.331.953,46 € e uma comparticipação comunitária de 1.132.160,44 € €. Salienta-se ainda que esta operação tem como principal objetivo a otimização e gestão eficiente dos recursos e infraestruturas existentes, garantindo a qualidade do serviço prestado às populações e à sustentabilidade dos sistemas.

consignação_saneamento_giela_aspaio.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ REÚNE EXECUTIVO MUNICIPAL

REUNIÃO ORDINÁRIA DE 23 DE JANEIRO DE 2017

PERÍODO ANTES DA ORDEM DO DIA:

No período antes da Ordem do Dia o Sr.Presidente informou que iria receber o Presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte e que lhe iria dar a conhecer alguns dos projetos da Câmara Municipal;

Também informou que se entra em fase de registo a marca “Arcos de Valdevez Onde Portugal se Fez

PROTOCOLOS COM JUNTAS DE FREGUESIA:

Foi deliberado aprovar celebrar um protocolo no valor de 30 mil euros com a Junta de Freguesia de Cabana Maior, para apoiar a beneficiação de caminhos na freguesia: Caminho da Fonte; Caminho de Casal Além; e Pavimentação de arruamento no Caminho do Outeiro, em Boímo; Construção de muro em pedra e pavimentação de arruamento no Caminho da Cancela, no lugar da Igreja, cujo valor total das obras ascende a 39.000,00 euros + IVA.

Idem, no valor de 30 mil euros, com a Junta de Freguesia de Padroso, para apoiar a beneficiação de diversos caminhos da freguesia, cujo orçamento ascende a 46.492,24 euros.

Idem com a Junta de Freguesia da Miranda, no valor de 30 mil euros, para apoiar financeiramente a beneficiação de diversos caminhos da freguesia, cujo orçamento ascende a 45.214,77 euros.

Idem com a Junta da União de Freguesias de Távora Santa Maria e São Vicente, no valor de 30 mil euros, para apoiar a realização de obras em diversos caminhos da União de freguesias, cujo valor total ascende a 38.018,10 euros + IVA.

Idem com a Junta da União de Freguesias de Arcos de Valdevez (Salvador), Vila Fonche e Parada, no valor de 30 mil euros, para apoiar a pavimentação do Caminho do Paraíso - Vilafonche - 1ª e 2ª Fase e pavimentação do Caminho de Tangil aos Carvalhos (S. Slavdor - Vilafonche), no valor de 39.287,50 euros + IVA.

Idem com a Junta de Freguesia do Couto, no valor de 30 mil euros, para apoiar obras de "Requalificação do Edifício da Sede da Junta de Freguesia" e para "Requalificação do Caminho do Outeiro, no lugar da Aldeia", cujo valor ascende a 55.576,33 euros + IVA.

Idem, com a Junta da União de Freguesias de Eiras e Mei, no valor de 30 mil euros, para apoiar a realização de obras em diversos caminhos da União de freguesias, cujo valor total ascende a 55.610 euros + IVA.

Idem com a Junta de Freguesia do Vale, no valor de 30 mil euros, para apoiar a execução da 2ª Fase do Caminho da Bouça e para a 1ª Fase dos Caminhos do Penedo, Devesinha e da Costa, cujo valor total ascende a 45.000,00 euros.

Idem, com a Junta da União de Freguesias de Jolda (Madalena) e Rio Cabrão, no valor de 30 mil euros, para apoiar a Beneficiação de diversos caminhos: Caminho do Penedo (Fase I) - Valinho, Jolda (Madalena); Caminho das Covas/Valinha, Fase II - Jolda (Madalena); Caminho do Reguengo - Jolda (Madalena); Caminho da Escola de Rio Cabrão - Rio Cabrão; Caminho de Pinhô - Rio Cabrão; Caminho de Letrigo - Rio Cabrão; cujo valor total é de 41.465,5 € + IVA.

Idem com a Junta de Freguesia de Rio Frio, no valor de 30 mil euros para apoiar financeiramente a realização de obras de Beneficiação de Caminhos nos lugares de Gondião, Rodelas e Cachamundinho, cujo orçamento ascende a 40.000,00 euros.

           

REDE VIÁRIA

 

RENOVAÇÃO DE PAVIMENTOS BETUMINOSOS EM CAMINHOS MUNICIPAIS: - foi deliberado adjudicar a empreitada à empresa PREDILETHES - Construções, Lda., pelo valor de 489.027,08 €, não incluindo o imposto sobre o valor acrescentado (IVA).

REABILITAÇÃO DA EM 202-2 (ENTRE A PONTE E O CM 1295) – GONDORIZ: foi deliberado adjudicar a empreitada ao concorrente J. S. Gomes, Lda., pelo valor de 224.741,80 €, não incluindo o imposto sobre o valor acrescentado (IVA).

Reabilitação de Espaço Público do Centro Histórico - 1ª Fase - Rua Dr. António José Pimenta Ribeiro: foi deliberado abrir procedimento concursal para a execução da empreitada de obra acima referida, pelo preço base de 180.000,00 Euros.

ABASTECIMENTO DE ÁGUA

AMPLIAÇÃO DA REDE DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA – FREGUESIA DO EXTREMO (CASTANHEIRA/PEREIRA): foi deliberado aprovar o auto de consignação da empreitada referida em epígrafe, adjudicada à empresa HABIMONÇÃO – Construções, Lda., pelo valor de 61.500,58 euros, com prazo de execução de 120 dias.

Ampliação da rede de Abastecimento de água - Freguesia de Gondoriz (Seixal/Vila Boa): foi deliberado aprovar a revisão de preços no valor de  - 213,59 euros (menos duzentos e treze euros e cinquenta e nove cêntimos), ou seja, valor a ser restituído ao Município.

AMPLIAÇÃO DA REDE DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA - FREGUESIA DE MIRANDA (ZONA ALTA): foi deliberado abrir procedimento concursal tendente à sua adjudicação pelo valor base de 540.000,00 Euros;

INSTALAÇÃO DE CONDUTAS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA EM GRAÇÃO (S.JORGE): foi deliberado homologar o auto de vistoria para efeitos de receção provisória, respeitante à empreitada referida em epígrafe, adjudicada à empresa Habimonção Construções, Lda.

Reabilitação da Rede de Abastecimento de Água - Montinho - UF de Souto e Tabaçô: foi deliberado homologar o auto de vistoria para efeitos de receção provisória, respeitante à empreitada referida em epígrafe, adjudicada à empresa Sebastião da Rocha Barbosa, Lda.

SANEAMENTO

AMPLIAÇÃO DA REDE DE SANEAMENTO A GIELA (SECAS / ROCHINA): foi deliberado aprovar o auto de consignação da empreitada referida em epígrafe, adjudicada à empresa Martins & Filhos, S.A., pelo valor de 212.310,99 euros, com prazo de execução de 270 dias.

AMPLIAÇÃO DA REDE DE SANEAMENTO A PARADA (SOALHEIRAS/CASAL): - foi deliberado aprovar o auto de consignação da empreitada referida em epígrafe, adjudicada à empresa Martins & Filhos, S.A., pelo valor de 141.697,41 euros, com prazo de execução de 270 dias.

AMPLIAÇÃO DA REDE DE SANEAMENTO A GUILHADESES (MÓ DA LOMBA/FONTÃO COVO): foi deliberado abrir procedimento concursal pelo valor base de 244.000,00 Euros;

ampliação da rede de saneamento básico a Tabaçô - núcleo central: foi deliberado aprovar o pedido de prorrogação do prazo por 60 dias.

EDUCAÇÃO E AÇÃO SOCIAL

REQUALIFICAÇÃO DA EB 2,3/S DE ARCOS DE VALDEVEZ: foi deliberado aprovar o auto de consignação da empreitada referida em epígrafe, adjudicada à empresa BALTOR – Engenharia e Construção, Lda., pelo valor de 2.687.246,45 euros, com prazo de execução de 450 dias.

Comissão de Apoio à População Idosa de Arcos de Valdevez: Foi deliberado aprovar a proposta de regulamento, com vista à criação da Comissão de Apoio à População Idosa de Arcos de Valdevez.

Protocolo de Colaboração IN Bus Alto Minho: Foi deliberado aprovar o protocolo a celebrar com a CIM Alto Minho – Comunidade Intermunicipal do Minho-Lima, relativo à iniciativa IN Bus Alto Minho. Este é um projeto desenvolvido pelo Instituto Politécnico de Viana do Castelo, em conjunto com a Comunidade Intermunicipal do Alto Minho, que teve como propósito criar um serviço de transportes a baixo custo para os estudantes que frequentam aquela instituição de ensino superior. O autocarro, designado BUS Académico, proporciona viagens diárias de ida e volta para as seis escolas do IPVC.

PEDIDOS DE APOIO ECoNÓMICO

Foi deliberado apoiar um agregado familiar do concelho residente no lugar de Raposeira, freguesia de Soajo, através da atribuição de um apoio económico no valor de 650€ (seiscentos e cinquenta euros), para pagamento de dívida referente à escolaridade de um dos educandos.

 idem, uma família residente no lugar de Beco do Monte das Cruzes, freguesia de Prozelo no valor de 160€ (cento e sessenta euros).

Também foi deliberado apoiar uma família, residente na freguesia de Paçô, através da atribuição de um apoio económico no valor de 500,00 euros, para pagamento de dívidas de água e luz.

PEDIDOS DE RECUPERAÇÃO HABITACIONAL

Foi deliberado apoiar um agregado residente em Outeiro – Eiras, ao abrigo do regulamento de apoio à recuperação habitacional de estratos sociais desfavorecidos, com um apoio económico no valor de 9.040€ (nove mil e quarenta euros), para realização de trabalhos de melhoria da sua habitação  

Idem, um agregado residente em Vilarinho do Souto – Ermelo, no valor de 9.950,00€ (nove mil novecentos e cinquenta euros), para a realização de trabalhos de beneficiação na sua habitação.

UNICEF - Foi deliberado apoiar em 500€ o resgate de crianças da guerra.

DESENVOLVIMENTO ECONOMICO E URBANISMO 

2º LOTEAMENTO DO PARQUE EMPRESARIAL DE PAÇÔ – 1ª ALTERAÇÃO – CEDENCIA DO DIREITO DE PROPRIEDADE PLENA: foi deliberado aprovar a cedência da área 620, 00m2  relativa à ampliação do lote nº24, pelo preço de 1,00 €/m2.

Construção de Muro de Suporte à rua A do PE de Paçô: foi deliberado abrir procedimento concursal pelo valor base de 18.000,00 Euros;

Associação dos Vinhos de Arcos de Valdevez

Foi deliberado aprovar que a Câmara Municipal integre o Conselho Consultivo da Associação dos Vinhos de Arcos de Valdevez.

AQUISIÇÃO DE GASÓLEO RODOVIÁRIO PARA A FROTA MUNICIPAL DURANTE O ANO ECONÓMICO DE 2017: foi deliberado abrir procedimento concursal pelo valor base de 130.740,00 EUR (sem IVA);

OBRAS MUNICIPAIS

Estádio Municipal de Rugby - Drenagens: foi deliberado homologar o auto de vistoria para efeitos de receção provisória, respeitante à empreitada em epígrafe, adjudicada à empresa EXOTIKVALOR – Engenharia e Ambiente, Lda.

COBERTURAS METÁLICAS PARA RECREIOS EXTERIORES DE ESPAÇOS ESCOLARES: foi deliberado aprovar o auto de vistoria para efeitos de receção provisória, respeitante à empreitada em epígrafe, adjudicada à empresa Coelho Torres & Filhos – Serralharia, Lda.

alargamento e beneficiação do CM 1306 (Santo Amaro à EM 523-4 - Monte Redondo): foi deliberado aprovar o plano de trabalhos ajustado à data da consignação.

LIGAÇÃO ENTRE O IC28 E O PARQUE EMPRESARIAL DE MOGUEIRAS – TROÇO A (ENTRADA SUDOESTE DA SEDE DO CONCELHO): foi deliberado aprovar a lista de erros e omissões admitidos pela equipa projetista, bem como proceder à aprovação do mapa de quantidades retificado, assim como dos esclarecimentos adicionais prestados pela equipa projetista.

 

ARCOS DE VALDEVEZ PROMOVE PAPAS DE SARRABULHO

Arcos à Mesa: Ciclo Gastronómico dos Rojões e Papas de Sarrabulho. 28 e 29 de janeiro

N este fim-de-semana, dias 28 e 29 de janeiro, Arcos de Valdevez promove mais uma edição dos “Ciclos Gastronómicos”, desta vez dedicado à degustação dos tradicionais “Rojões & Papas de Sarrabulho”.

Cartaz - rojoes_papas_2017.jpg

Este é um prato muito procurado e apreciado nesta época do ano e intimamente ligado à matança do porco, pela altura do Entrudo. Em Arcos de Valdevez terá ainda a oportunidade de comprovar a qualidade da doçaria tradicional e saborear os bons vinhos verdes produzidos na região.

Com um programa de animação adaptado à cultura tradicional, este engloba uma “Feira de Artesanato e Mercado de Sabores”, que conta com a participação de expositores, ligados às áreas de Artesanato e Produtos Tradicionais de Arcos de Valdevez, a realização da iniciativa Rota dos Vinhos de Arcos de Valdevez - Roteiro do Vez, a qual engloba a visita guiada a quintas de vinho verde do concelho, bem como provas de vinhos, animação musical com a atuação de rusgas, o concerto Guadi Galego na Casa das Artes e a atuação da Orquestra Eclipse, no campo do Trasladário.

Venha até Arcos de Valdevez Onde Portugal se Fez, um destino turístico de excelência, situado em pleno Parque Nacional Peneda-Gerês, Reserva Mundial da Biosfera, e que muito tem para oferecer. Passeie pela Ecovia do Vez, realize trilhos, visite o Paço de Giela, monumento nacional, o centro histórico da Vila e o Soajo e abanque num dos nossos restaurantes. Aproveite a oportunidade para usufruir de um fim de semana diferente, envolto do mundo rural, da história e do turismo de natureza, únicos no concelho e região.

Estas iniciativas não só contribuem para a salvaguarda de uma valiosa herança cultural e gastronómica, deixada pelos nossos antepassados, como também são uma excelente forma de dinamizar o turismo, a restauração

e o comércio no Concelho.

RESTAURANTES ADERENTES:

Floresta, Churrasqueira da Ponte Nova, Churrasqueira do Mercado, Manjar das Hortas, “Cantinho do Fernando, O Lagar, O Pote, Foral de Valdevez – Arcos Hotel, Saber ao Borralho

Programa

8 de Janeiro - Sábado

10h00 - "Feira de Artesanato e Mercado de Sabores"- Campo do Trasladário

10h00 - * Rota dos Vinhos de Arcos de Valdevez - Roteiro do Vez
 Visita guiada e prova de vinhos (ponto de encontro na Loja de Turismo)

             * Inscrições na Loja de Turismo, por telefone (934 901 967), ou por e-mail (vinhos.avvez@gmail.com); participação limitada a 22 pessoas

12h30 - Arcos à Mesa "Rojões & Papas de Sarrabulho" - Restaurantes Aderentes

15h30 - Atuação da Rusga Amigos de Sá - Campo do Trasladário

20h00 - Arcos à Mesa "Rojões & Papas de Sarrabulho" - Restaurantes Aderentes

22h00 - Concerto de Música/Folk/Tradicional: GUADI GALEGO -  Auditório Casa das Artes

29 de Janeiro - Domingo

10h00 - "Feira de Artesanato e Mercado de Sabores" - Campo do Trasladário

12h30 - Arcos à Mesa "Rojões & Papas de Sarrabulho" - Restaurantes Aderentes

15h30 - Atuação da Orquestra Eclipse - Campo do Trasladário

SÃO VALENTIM COM PROGRAMA ROMÂNTICO NO ARCOS HOTEL

Ementa idealizada para desfrutar a duo…

O Arcos Hotel Nature & Spa, em Arcos de Valdevez, sugere um programa com uma noite de alojamento para festejar, em ambiente romântico, o São Valentim. A 14 de Fevereiro, a proposta é viver aqui momentos únicos, acompanhados pela serenidade da montanha envolvente!

Arcos Hotel Nature & Spa (Sala).jpg

A ementa do Jantar de São Valentim, inspirada no romantismo da data, é iniciada com uma flute de espumante e frutos silvestres. Na mesa, haverá uma selecção de pães e azeite gourmet, e a entrada será Creme de Ervilhas com Tártaro de Ostras e Coulis de Beterraba. Como pratos principais, a escolha recaiu sobre um Risoto de Cogumelos Silvestres com Robalo do Mar e Ar de Coentro, e ainda Naco de Vitela com Puré de Couve-Roxa, Cenoura Baby e Molho de Vinho do Porto. Segue-se Coração Ardente, como sobremesa, e café servido com mini Charutos dos Arcos, a concluir uma refeição para ficar na memória.

Além da animação musical com o duo Ofir Show, o jantar é acompanhado por Sangria de Espumante com frutos vermelhos, vinhos das nossas caves, águas e refrigerantes.

O programa preparado pelo Arcos Hotel, situado no centro da bela vila alto-minhota, permite ainda acesso livre ao Spa, com piscina interior, sauna, jacuzzi e banho turco.

O preço do jantar é 35€ por pessoa (com bebidas). Se optar por desfrutar do pack com alojamento, o programa de São Valentim ficará por 65€ por pessoa, em quarto duplo, com pequeno-almoço buffet incluído.

As reservas devem ser feitas pelo tel. (+ 351) 258 093 600 ou geral@arcoshotelnature.com

PRESIDENTE DO MUNICÍPIO ARCUENSE VISITA OBRAS DE RECUPERAÇÃO DO QUARTEL DOS BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS

Obras são apoiadas pela Câmara Municipal em 105 mil euros e deverão ficar concluídas no presente ano

O Presidente da Câmara Municipal, João Manuel Esteves, acompanhado dos vereadores Hélder Barros e Olegário Gonçalves, bem como de elementos da direção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Arcos de Valdevez, visitou esta terça-feira as obras de recuperação do Quartel desta associação.

visita_obras_quartel (2).JPG

O executivo foi colocado a par do desenvolvimento dos trabalhos.

A obra, no valor de 556 412,97 €, encontra-se a decorrer a bom ritmo e é, para o Presidente da Câmara Municipal, João Manuel Esteves, “ fruto de uma parceria entre a Câmara Municipal e a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Arcos de Valdevez”. Esta, encontra-se a ser realizada a pensar na melhoria das condições de vida da população arcuense e contribuirá também para a atratividade do concelho no âmbito do Turismo.

Por outro lado o autarca também reitera a importância desta intervenção no que toca à regeneração urbana.

De referir que a Câmara Municipal tem estado sempre próxima desta Associação, tentando apoia-la logística e financeiramente sempre que possível.

Relativamente a esta obra, foi celebrado um protocolo no valor de 105 mil euros entre a Câmara Municipal e os Bombeiros. Para além deste protocolo, todos os anos é celebrado um protocolo de apoio à atividade no valor de 60 mil euros e um outro, no valor de 25 mil euros, para apoiar a EIP - Equipa de Intervenção Permanente, cuja implementação e funcionamento passa pela congregação de esforços entre estas entidades.

Este tipo de investimentos por parte do Municipio reflete a vontade e atenção do mesmo relativamente à segurança da população e dos seus bens.

visita_obras_quartel (4).JPG

ARCUENSES DEBATEM ORÇAMENTO PARTICIPATIVO

Sessão do Orçamento Participativo Portugal juntou perto de cem pessoas na Casa das Artes concelhia

Foi bastante participativa a sessão do Orçamento Participativo Portugal levada a cabo no passado dia 13 de janeiro na Casa das Artes concelhia.

orcamento_participativo_portugal.jpg

Nesta sessão, na qual estiveram presentes perto de 100 pessoas, esteve Nuno Marques Pereira, em representação da Secretária de Estado-Adjunta e da Modernização Administrativa, que explicou os principais objetivos deste projeto, bem como realçou o vanguardismo do mesmo, já que não existe em nenhum país do mundo um orçamento participativo a nível nacional.

Para o Presidente da Câmara Municipal, João Manuel Esteves esta trata-se de uma iniciativa que permite lançar desafios e que oferece a oportunidade aos arcuenses de olharem para os temas e tentarem encontrar um ponto comum que possa catapultar o concelho a nível nacional. Assim, incentivou os arcuenses a participarem nesta ação, apresentando as suas propostas, tendo referido também que esta poderá ser o início do processo para implementar o Orçamento Municipal participativo.

Construir um projeto de participação cidadã, que aproxime as pessoas da política e que promova uma maior ligação e integração entre territórios, através de projetos de âmbito nacional é um dos objetivos deste processo democrático, direto e universal, através do qual as pessoas decidem sobre investimentos públicos em diferentes áreas de governação. Através dele a população é convidada a apresentar e defender as suas ideias para a sua região e Portugal e decidir como investir 3 milhões euros nas áreas da cultura, ciência, agricultura, educação e formação de adultos.

Fases do Orçamento Participativo

1ª Fase

9 janeiro a 21 de abril de 2017

Discussão e elaboração de propostas ao OPP, em Encontros Participativos, nos 7 territórios do OPP. Prevê-se a realização de, pelo menos, dois encontros participativos por NUT II e Regiões Autónomas para abranger o maior número possível de pessoas.

2ª Fase

24 de abril a 12 maio de 2017

Análise técnica das propostas e sua transformação em projetos por cada um dos Ministérios e Secretarias Regionais e pelos respetivos serviços, com competências nas áreas das propostas.

3ª Fase

15 de maio a 31 de maio 2017

Publicação da lista provisória de projetos a colocar em votação e período para reclamações dos proponentes.

4ª Fase

1 de junho a 15 de setembro de 2017

Votação pelos cidadãos nos projetos do OPP da sua preferência.

5ª Fase

setembro de 2017

Apresentação pública dos projetos vencedores.

orcamento_participativo_portugal2.jpg

orcamento_participativo_portugal3.jpg

orcamento_participativo_portugal4.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ PROMOVE REABILITAÇÃO URBANA

Sessão de Esclarecimento “Reabilitar para arrendar – habitação Acessível”

A Câmara Municipal e o IRHU - Instituto de Habitação e da Reabilitação Urbana promoveram uma sessão de apresentação e esclarecimento sobre um conjunto de iniciativas que visam promover a reabilitação urbana no concelho e a dinamização da Área de Reabilitação Urbana da sede do concelho, com destaque para o programa “Reabilitar para arrendar – Habitação Acessível” e o “Plano de Ação para a Reabilitação Urbana de Arcos de Valdevez”.

reabilitar_arrendar3.jpg

A sessão contou com a presença do Presidente do IRHU, Vítor Reis que fez uma clara explanação sobre o programa “Reabilitar para arrendar – habitação Acessível”. Uma iniciativa do IRHU que surgiu devido à situação vivida em Portugal.“Temos um país com casas em excesso, com oferta de arrendamento habitacional insuficiente e caro, uma grande quantidade de fogos devolutos, com casas demasiado grandes para a dimensão média das famílias, onde existe demasiada construção nova e pouca reabilitação urbana e um setor da construção numa crise profunda”, referiu.

reabilitar_arrendar4.jpg

Estes motivos resultaram neste programa, ao qual se pode candidatar qualquer pessoa individual ou coletiva, qualquer entidade de natureza pública ou privada, desde que comprove a qualidade de proprietário do edifício que pretende reabilitar. Através do programa “Reabilitar para Arrendar” os candidatos podem usufruir de um empréstimo que pode ascender a 90% do custo da operação; que tem uma maturidade até 15 anos (180 prestações mensais iguais); com uma taxa de juro fixa, durante todo o período de amortização, com 6 meses de carência de capital após o termo das obras; no qual pode haver um adiantamento até 20% do valor do empréstimo, sendo a única garantia prestada através de hipoteca sobre o edifício.

No âmbito Municipal, e do “Plano de Ação para a Reabilitação Urbana de Arcos de Valdevez”, a Câmara Municipal também oferece vantagens a quem queira reabilitar.

O presidente da Câmara Municipal, João Manuel Esteves abordou os incentivos à reabilitação urbana como as isenções ou reduções do IMI e IMT, das taxas de licenciamento ou do IVA de 23% para 6%. Também foram apresentados os vários investimentos que têm sido realizados nos últimos tempos, nomeadamente a reabilitação do Quartel da GNR, da envolvente ao Centro de Saúde ou as várias obras que estão em curso, como a reabilitação do Mercado Municipal, a reabilitação para arrendamento jovem na Valeta, a obra de reabilitação do Quartel dos Bombeiros Voluntários, entre outras.

Nesta sessão foi igualmente apresentado o Plano de Ação para a Reabilitação Urbana, o qual prevê investimentos a curto prazo no valor de 2 milhões de euros.

O autarca afirmou que a reabilitação urbana envolve a Câmara Municipal, os proprietários, os moradores e os empresários, e adiantou ainda que estão a ser realizados estudos para alargar a área de reabilitação urbana existente.

Nesta sessão houve também lugar para a assinatura do protocolo de colaboração entre o IHRU e o Município de Arcos de Valdevez, o qual trará vantagens ao nível da reabilitação para o concelho.

reabilitar_arrendar.jpg

reabilitar_arrendar2.jpg

PISCINAS MUNICIPAIS DE ARCOS DE VALDEVEZ REABREM AO PÚBLICO

Abriu ao público o complexo das Piscinas Municipais reabilitado

A obra de Reabilitação do complexo das piscinas municipais, a qual conta com um orçamento de cerca de 150 mil euros, encontra-se praticamente concluída, estando terminados os trabalhos que condicionavam o acesso à piscina interior.

visita_as_piscinas.jpg

Neste sentido, a Câmara Municipal informa todos os usuários que a partir desta segunda-feira, 23 de janeiro, o equipamento já poderá ser utilizado dentro da normalidade.

A Câmara Municipal aproveita ainda para agradecer e pedir desculpa aos usuários por algum incómodo causado durante este período. Sendo certo que, ao intervir neste espaço, a autarquia quis criar melhores condições para a prática desportiva e de lazer nas piscinas.

O presidente da Câmara Municipal, João Manuel Esteves e o Vereador, Olegário Gonçalves, foram hoje visitar o espaço para avaliarem o estado dos trabalhos e verificarem de perto as obras de melhoria realizadas até ao momento.

visita_as_piscinas2.jpg

visita_as_piscinas3.jpg

visita_as_piscinas4.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ ESTÁ NO MAPA DOS GRANDES INVESTIMENTOS

A unidade fabril Coindu, especializada em componentes de automóveis e situada no Parque Empresarial de Padreiro, Arcos de Valdevez, é um dos 55 projetos de inovação produtiva referenciada como tendo maior impacto macroeconómico nos próximos anos, avança o jornal Expresso.

3coindu.jpg

 

Segundo este jornal nacional, esta empresa, conjuntamente com todas as outras 54 espalhadas pelo país, ao apostarem em novas fábricas, novos processos produtivos ou novos produtos, irão cumprir pelo menos um destes três requisitos, nomeadamente, investir mais de €25 milhões no aumento da produção transacionável do país, aumentar as exportações nacionais em mais de €25 milhões, ou criar pelo menos 100 novos postos de trabalho diretos.

Estas 55 empresas encontram-se a investir €955 milhões no país com o incentivo de €361 milhões de fundos europeus.

O apoio não é a fundo perdido, mas a reembolsar em função do cumprimento das metas contratualizadas, sobretudo com o Compete 2020.

No caso da Coindu serão investidos 8 milhões de euros, os quais permitirão criar mais 30 postos de trabalho diretos, bem como realizar um acréscimo das exportações em 41 milhões de euros.

Estas são boas notícias para o concelho que vê as oportunidades de emprego e rendimento aumentarem, conseguindo-se ao mesmo tempo melhores condições de vida para a população.

COINDU.JPG

ARCOS DE VALDEVEZ PROMOVE REGENERAÇÃO URBANA

Regeneração Urbana de Arcos de Valdevez  - aprovada a candidatura para a obra de Reabilitação de Espaço Público do  Centro Histórico - 1.ª Fase

A Câmara Municipal viu ser aprovado recentemente o financiamento para a realização da 1ª Fase da Reabilitação do Espaço Público do Centro Histórico, a qual conta com um valor total de 151 743 € e se refere à reabilitação da Praceta do Vez e espaço confinante. Através dela serão realizadas intervenções ao nível do revestimento dos pavimentos, das estruturas verdes, da iluminação pública e da drenagem de águas pluviais, com o objetivo premente de melhorar o funcionamento e condições de fruição do centro urbano e em particular ao centro histórico. Perspetiva-se assim, a qualificação do espaço público, designadamente dos espaços de circulação pedonal.

Arcos_Valdevez2 (1).jpg

 Esta é umas três ações que o PARU engloba, sendo que as outras duas são o projeto das “Oficinas de Criatividade Himalaya”, no valor de 1 500 000€, que reabilitará o edifício da antiga Escola Secundária, localizado em pleno centro urbano. Através dele espera-se vir a ser criado um espaço dedicado à figura e legado de um dos maiores cientistas e visionários portugueses da viragem do século XIX, conhecido por Padre Manuel Himalaya, nascido em Arcos de Valdevez, e aqui sepultado. O espaço das “Oficinas de Criatividade Himalaya”, aberto à comunidade como equipamento de descoberta e fruição, terá nas famílias e nos jovens o seu principal público-alvo. Pretende incutir e promover o desenvolvimento e o fortalecimento da “Eco personalidade”, desenvolvida em torno de uma estratégia pedagógica baseada no princípio “Escola como espaço de liberdade e cidadania” onde será dada primazia ao saber pela via do lazer, do observar e da transdução. Para além da recuperação e adaptação do edifício, tendo em vista assegurar a autonomia física e funcional do projeto, este compreende também:

  1. a) Produção de Conteúdos que serão disseminados através de vários canais mediáticos;
  2. b) Produção e promoção do intercâmbio de conhecimento como recurso contínuo de educação/formação;
  3. c) Equipamento;
  4. d) Divulgação de conteúdos de forma inovadora, atrativa, interativa e enriquecedora para os diversos públicos-alvo.

Por último, a 3ª Ação trata-se da Reabilitação de Espaço Público do Centro Histórico - 2.ª Fase, a qual se refere à reabilitação da Rua de São Bento, do Largo de São Bento e do Largo de Santa Rita e conta com um valor total de 424 000€.

O PARU é de extrema importância para o desenvolvimento de um modelo urbano ajustado e adequado aos recursos e potencialidades da região e constitui um suporte de base, indispensável, para obter apoio para a execução dos projetos apresentados, no âmbito da Prioridade de Investimento 6.5 - Adoção de medidas destinadas a melhorar o ambiente urbano.

Em termos de desafios, a proposta de reabilitação urbana para Arcos de Valdevez segue as orientações do eco-urbanismo, reforçando a articulação entre a cultura e a natureza, contribuindo para uma urbanidade que favoreça a sociabilidade, onde o espaço público induz à convivência e fruição urbana e à mobilidade pedonal.

Com este Plano a Câmara Municipal pretende desenvolver um conjunto de projetos, nomeadamente ao nível da Oficina de Inovação Padre Himalaya; da Reabilitação de Espaço Público do Centro Histórico e da Experimentação e Inovação Comercial. Investimentos no valor total de 2 075 743€.

Pretende-se incentivar e facilitar a reabilitação do edificado com valor patrimonial e histórico e dinamizar a reabilitação do tecido urbano degradado; promover a revitalização e a atratividade económica; fomentar o turismo, a cultura e o lazer; qualificar o espaço público; reforçar a centralidade urbana de Arcos Valdevez a nível municipal; bem como aumentar a sua atratividade regional e internacional.

A Operação “NORTE-04-2316-FEDER-000025 - REABILITAÇÃO DO ESPAÇO DO CENTRO HISTÓRICO - 1ª FASE (RUA DR. ANTÓNIO JOSÉ PIMENTA RIBEIRO) / ARCOS DE VALDEVEZ”, é cofinanciada pelo FEDER, Programa Operacional NORTE2020, Portugal 2020, Eixo Prioritário 4 – Qualidade Ambiental e conta com um Investimento Elegível de 129 165,51 € e Comparticipação Comunitária de 109 790,68€.

O objetivo principal da operação é promover a qualidade ambiental, urbanística e paisagística dos centros urbanos, estruturação territorial, de bem-estar social e de competitividade regional.

TRIBUNAL DE ARCOS DE VALDEVEZ RECUPERA COMPETÊNCIAS

Tribunal de Arcos de Valdevez voltou a ter competência em matéria de Família e Menores

Após várias diligências da Câmara Municipal, e em articulação com o Ministério da Justiça, o Tribunal de Arcos de Valdevez voltou a ter competência para os litígios em família e menores, desde o início deste ano.

tribunal.jpg

Sobre esta matéria o Presidente da Câmara Municipal adianta que foi facilitado “o acesso à justiça, nomeadamente àqueles com mais dificuldades de mobilidade, pois as deslocações ao tribunal de Viana do Castelo eram morosas e dispendiosas”.

De referir ainda que a Câmara Municipal sempre considerou importante “aproximar a justiça dos cidadãos, nomeadamente em territórios de baixa densidade onde lhes devemos assegurar equidade no acesso a bens e serviços públicos essenciais”, atesta o autarca.

Esta decisão vai assim garantir aos arcuenses o acesso célere e menos oneroso à justiça.

tribunal2.jpg

PRESIDENTE DO MUNICÍPIO ARCUENSE VISITA OBRAS DE REMODELAÇÃO DO MERCADO MUNICIPAL

Consignada em outubro do ano transato, a obra de reabilitação do mercado Municipal encontra-se a andar bem e a decorrer dentro dos prazos.

visita_mercado_municipal.jpg

O Presidente da Câmara Municipal, João Manuel Esteves, e o vereador Olegário Gonçalves, estiveram lá recentemente para seguirem de perto os trabalhos e verificarem in loco o andamento da mesma, bem como resolverem pequenos ajustes e situações decorrentes do desenvolvimento da mesma.

Esta obra, no valor de 551.637,26€,vai permitir adaptar o edifício de forma a preencher os requisitos estipulados na legislação, nomeadamente em relação ao regime dos estabelecimentos de produtos alimentares e não alimentares e de serviços integrados nos mercados abastecedores. Encontra-se a ser feita a reformulação dos espaços interiores, nomeadamente da área de venda de pão, da área de comércio a retalho de peixe, criação de área de bancas de peixe e bacalhau, flores, frutas e legumes, com materiais que respeitem as condições de higiene e segurança alimentar, estando também prevista a criação de espaços com expositor para produtores locais, bem como balneários para usufruto dos ocupantes do Mercado Municipal.

visita_mercado_municipal2.jpg

A solução preconiza a reconstrução da cobertura do edifício, substituindo os materiais existentes por novos e criando uma nova cobertura sobre o espaço a céu aberto do edifício.

Prevê-se ainda a reformulação geral da instalação elétrica, pintura exterior e interior do edifício, assim como a aplicação de revestimentos cerâmicos em paredes e pavimentos.

Desde a sua construção, em 1987, este espaço nunca tinha sido alvo de qualquer tipo de intervenção de fundo, sendo que agora vai ficar mais funcional, indo de encontro às necessidades dos seus utilizadores, bem como com um design mais apelativo e moderno.

Ao realizar este investimento a Câmara Municipal está a pensar na dinamização da comercialização dos produtos locais, bem como na criação de novas oportunidades de emprego e autoemprego.

visita_mercado_municipal4.jpg

ARCOS DE VALDEVEZ APOIA JUNTAS DE FREGUESIA

Câmara Municipal de Arcos de Valdevez aprova mais investimento para as freguesias

Na última reunião do executivo a Câmara Municipal deliberou aprovar mais dois protocolos de colaboração com Juntas de Freguesia do concelho, nomeadamente com a União de Freguesias de Portela e Extremo e com a Junta de Freguesia de Rio de Moinhos, no sentido de apoiar a execução de obras nessas localidades.

Com a União de Freguesias de Portela e Extremo foi deliberado aprovar a celebração de um protocolo no valor de 30.000,00€ para ajudar a Junta, com a execução das obras de "Construção de muros no Caminho de Eirigos - Portela", no valor de 9.850,00 € + IVA; "Execução de passeios no Cemitério da Portela", no valor de 14,950,00 € + IVA; "Pavimentação do Caminho de Carvalhal/Eiras e construção de muro", no valor de 9.900,00 € + IVA; e "Ampliação de anexo junto ao Cemitério do Extremo", no valor de 8.130,08 + IVA.

Com a Junta de Freguesia de Rio de Moinhos, também foi aprovado um protocolo no valor de 30.000,00€, para a execução das obras de beneficiação e pavimentação em empreitadas designadas Pedregais I, Pousada I, Nogueiras I, Breia II e beneficiação na empreitada Reboreda I, cujo valor total ascende a 40.445,00 €, mais IVA.

A aprovação destes protocolos deve-se à parceria existente entre as Juntas de Freguesia e a Câmara Municipal no processo de desenvolvimento de uma melhor qualidade de vida dos arcuenses e do concelho.

ARCOS DE VALDEVEZ REALIZA WORKSHOP “LÍQUENES: BIOINDICADORES DE POLUIÇÃO ATMOSFÉRICA”

Sabia que se encontrar musgos e líquenes quando sai à rua, nas rochas, nas árvores, nos muros, nos telhados é um bom sinal? Significa que o ar que está a respirar é de boa qualidade. Mas o que são afinal líquenes?

workshop_liquenes.jpg

De forma a fornecer informação sobre estes seres e a sua importância para os ecossistemas, a Ardal-Porta do Mezio vai realizar no próximo dia 21 de Janeiro, o Workshop “Líquenes: Bioindicadores de Poluição Atmosférica”.

Este workshop irá decorrer na Porta do Mezio, será orientado pela investigadora Drª. Joana Marques e o programa será o seguinte:

- Introdução à Biologia dos líquenes;

- Diversidade liquénica de Portugal e da Europa;

- Identificação das espécies alvo e espécies afins;

- Saída de campo para observação de espécimes.

Este workshop irá decorrer das 14h00 às 17h00. Os interessados devem inscrever-se na Porta do Mezio ou através do telefone n.º

258510100/258522157 ou ainda através do correio eletrónico: 

portadomezio@ardal.pt