Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

PRESIDENTE DO MUNICÍPIO BRACARENSE, DR. RUI RIO, LEVOU A AUTARQUIA AOS ALUNOS DO FUJACAL

Ricardo Rio ‘presidiu’ a representação de Assembleia Municipal no Centro Escolar do Fujacal: Gosto pela participação cívica começa na escola

O presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, participou hoje, 12 de Junho, na representação de uma “Assembleia Municipal” promovida pelo Centro Escolar do Fujacal e pela Associação de Pais. O Autarca assumiu o papel de 'presidente da mesa' e respondeu às questões colocadas pelos alunos, umas mais simples, relacionadas com o seu dia-a-dia enquanto líder do Executivo Municipal, outras mais sérias sobre o Orçamento Participativo e a oferta de livros escolares.

3

Ricardo Rio salientou que a iniciativa do Centro Escolar do Fujacal e da Associação de Pais se enquadra na política que tem vindo a ser seguida pelo Executivo, de incutir na população mais jovem do Concelho o valor da participação na vida da comunidade. “Este ano lançámos o Parlamento Concelhio Jovem dirigido a alunos mais crescidos, onde pudemos recolher contributos extraordinários. Mas é aqui, junto dos mais pequeninos, que se semeia o interesse pela vida em comunidade”, afirmou.

2

O presidente da Câmara de Braga mostrou-se surpreendido com o conhecimento que as crianças têm dos temas relacionados com a cidade. “Estes miúdos mais novos estão muito mais alerta para a realidade que os rodeia do que aquilo que se possa pensar. Somos frequentemente confrontados, nas muitas acções que a Câmara promove para estas faixas etárias, com questões que são mais difíceis de responder do que as que são colocadas pelos adultos», acrescentou.

Ricardo Rio enalteceu ainda o espírito de “excelente colaboração” entre a Autarquia e os Agrupamentos de Escolas e também o contributo das Associações de Pais que “têm tido um papel muito importante na vida das comunidades educativas”. “É importante realçar que não podemos pactuar com o desinteresse dos próprios pais e, neste aspecto, as associações têm feito um trabalho absolutamente notável”, concluiu.

1