Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

PAREDES DE COURA RECORDA JOAQUIM ILÍDIO BARBOSA

Evocação de um antifascista em Paredes de Coura

É sempre com agrado que escrevemos sobre a história courense nas páginas do jornal Notícias de Coura, desta feita sobre uma personagem que teve em Parada o seu berço. Falamos de Joaquim Ilídio Barbosa, desaparecido de entre nós no início da década de 80 do século passado, contando 77 anos aquando do seu perecimento. A imagem trazida à estampa, foi-nos gentilmente cedida por sua sobrinha, enfermeira Fernanda Adelaide Barbosa da Rocha, e retrata o momento em que Joaquim Ilídio deposita um ramo de flores junto do monumento a Miguel Dantas, no dia 1 de Maio de 1974, dias após a Revolução dos Cravos. Homem íntegro, republicano, defensor da democracia, e opositor ao regime salazarista, a ilustre figura desempenhou durante largos anos o papel de Juiz de Paz de Parada e integrou a Comissão Administrativa do Município que foi constituída após a Revolução de 25 de Abril de 1974. Foi sem dúvida uma das figuras marcantes da sociedade courense do século passado.

In Jornal Notícias de Coura, 20 de Dezembro de 2011

Fonte: http://paredesdecoura.blogs.sapo.pt/