Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

JOVENS DE FAFE FORAM “DEPUTADOS MUNICIPAIS” POR UM DIA

Presidente e vereadores ouviram e responderam a questões de alunos de várias escolas

O Salão Nobre dos Paços do Concelho recebeu a XIV Assembleia dos Jovens munícipes, uma atividade que tem como objetivo recordar a importância que o 25 de Abril teve na implantação do poder autárquico, trazendo oportunidade de, a nível local, as pessoas terem o direito e o poder de eleger os seus governantes.

DCS_3845 A

Na ocasião, o presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha, lembrou a importância da revolução de Abril para o poder local e alertou para a necessidade de continuarem a ser alimentados os valores da liberdade.

“O poder local é uma das conquistas de Abril. Os valores dessa revolução começam, hoje, por vezes, a ser postos em causa, muito por causa da difícil situação que o país atravessa. Considero que há necessidade de fazer uma pedagogia permanente aos valores de abril”.

Na primeira intervenção da tarde, o presidente da Câmara Municipal de Fafe, Raul Cunha, começou por falar da importância deste tipo de iniciativas, que permitem trazer os jovens à autarquia e dar-lhes a oportunidade de partilharem a realidade do dia-a-dia de quem gere os destinos do município.

O autarca falou ainda da necessidade de se continuar a trabalhar nos valores da democracia.

“A democracia não pode ser só formal, tem de se construir dia-a-dia, ou então os seus valores são colocados sempre em causa e deixam de fazer sentido. Temos de inventar mecanismos para aprofundar os valores da democracia”.

Durante duas horas, Raul Cunha e o restante executivo responderam às perguntas dos alunos das escolas de Arões, Silvares, Montelongo, Carlos Teixeira e Colégio de Fornelos.

Entre as perguntas colocadas, uma referia-se à necessidade de obras na Escola Secundária de Fafe. Sobre esta questão, o presidente da Câmara explicou que essa é uma preocupação do executivo, lembrando que existe um projeto para construção de uma nova escola, no entanto a crise que o País atravessa obrigou a parar o projeto na atual conjuntura económica. Raul Cunha revelou que gostaria de dotar a escola de mais conforto e qualidade pela via readaptação e requalificação do atual equipamento.

Ao longo da tarde, cerca de 60 jovens tiveram oportunidade de serem deputados municipais, colocando questões ao executivo.

DCS_3850 A