Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BRAGA REQUALIFICA BAIRRO DE SANTA TECLA

Município de Braga avança com requalificação do Bairro de Santa Tecla. Investimento de cerca de quatro milhões de euros

O Município de Braga prepara-se para avançar com as obras de requalificação integral do Bairro de Santa Tecla, um dos cinco bairros que integra o Parque Habitacional gerido pela empresa municipal Bragahabit. Este é um investimento de aproximadamente quatro milhões de euros, financiado pelos programas comunitários do Norte 2020, que irá melhorar de forma substancial a qualidade de vida das cerca de 500 pessoas ali residentes e, ao mesmo tempo, criar novas frentes urbanas e espaços de lazer e de estar, potenciando uma maior ligação à Cidade.

brateclll (1).jpg

Na apresentação pública do projecto, realizada esta Quinta-feira, dia 6 de Abril, Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, sublinhou que este é um “plano absolutamente estratégico para o futuro do Concelho, resultando numa intervenção profunda que irá humanizar o bairro, dotando-o de todos os equipamentos necessários para melhorar as condições de vida da população”.

Segundo o Autarca Bracarense, no âmbito da política de regeneração urbana, a intervenção do Município centra-se na qualificação territorial, a qual se alia à acção social como forma de assegurar a inclusão das comunidades desfavorecidas.

brateclll (2).jpg

A intervenção em Santa Tecla constitui uma primeira fase do processo de reabilitação dos bairros sociais do Concelho, estando prevista para o próximo mês de Maio a apresentação do projecto de requalificação do Bairro das Enguardas, num investimento de cerca de 1.5 milhões de euros.

O projecto de reabilitação do Bairro de Santa Tecla inclui a reabilitação total dos apartamentos e impermeabilização de telhados e fachadas dos blocos, num total de cinco edifícios; a criação de espaços públicos mais condignos e estruturantes e a qualificação de pequenos equipamentos colectivos como o polidesportivo, um importante local de convívio dos residentes e de contacto entre estes e outros habitantes da Cidade.

O concurso público deverá ser lançado até ao final deste mês, sendo que o período de execução da obra será de 18 meses. As obras implicarão o realojamento temporário de algumas famílias. Nesse sentido, Ricardo Rio apelou aos moradores “a maior compreensão possível” pelos inconvenientes que terão que sofrer durante o período de intervenção, com a “consciência de que uma vez concluídas as obras ficarão muito melhor servidos”. 

brateclll (3).jpg

Edificado em 1979, o Bairro de Santa Tecla possui 182 fogos habitacionais, divididos por 8 edifícios, onde residem 161 agregados familiares, num total de 498 pessoas.

Projecto prevê construção de um centro de actividades

O projecto hoje apresentado contempla a construção de um novo edifício que irá potenciar o desenvolvimento de actividades recreativas, culturais e de formação e servirá de apoio à associação de moradores. Junto a este polo ficará situado um anfiteatro ao ar livre com o intuito de promover a diversidade intercultural.

Santa tecla 1.jpg

Os acessos ao Bairro serão totalmente redefinidos por forma a eliminar actuais barreiras existentes ao nível da integração e interacção entre os transeuntes e os habitantes do bairro. A solução encontrada visa, na sua essência, a criação de uma praça central acessível apenas a peões, deslocando as áreas de estacionamento para as traseiras dos blocos habitacionais.

A circulação automóvel, que apenas se faz na rua nascente, passará a ser feita através de uma via interior, de velocidade reduzida, proporcionando uma nova interactividade entre o Bairro e a Cidade.

O espaço passará a estar dotado de duas grandes zonas de estar. Na praça mais central, situada na zona frontal aos blocos 3 e 4, serão criadas zonas de lazer, nomeadamente um parque infantil e zonas verdes.

Na área poente do bairro será criado outro espaço de convívio, mais direccionado para as áreas culturais e desportivas. Será requalificado o polidesportivo para fruição dos moradores, numa relação que se pretende mais abrangente em termos populacionais.

De referir, por último, que o espaço será dotado de estacionamento de apoio às habitações, assim como de rampas de acesso para cidadãos com mobilidade reduzida.

Santa tecla 2.jpg