Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

ARCOS DE VALDEVEZ INICIA PROCESSO DE CONSTITUIÇÃO DA CONFRARIA GASTRONÓMICA DA CARNE CACHENA

A gastronomia desempenha um papel fundamental na atração de pessoas para o concelho, pois os visitantes provam novos produtos e sabores e vivenciam hábitos e costumes locais, tornando as experiências mais autênticas, ajudando a construir uma imagem de destino distintiva e mas valiosa; ela é uma mais-valia na dinamização económica do concelho, nomeadamente para o turismo, restauração, a agricultura e o comércio, e, a preservação e promoção da gastronomia tradicional norteia a atuação das confrarias gastronómicas.

confraria_gastronomica_carne_cachena10.jpg

Arcos de Valdevez possui um produto local de qualidade e referência, nomeadamente a Carne Cachena, com identidade própria, denominação de origem protegida e reconhecida pela União Europeia;

Foi neste sentido que o Município de Arcos de Valdevez, a Cooperativa Agrícola de Arcos de Valdevez e Ponte da Barca, CRL, a Associação dos criadores da Raça Cachena, a Federação Portuguesa das Confrarias Gastronómicas, a Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Viana do Castelo e o PEC Nordeste, celebraram esta quinta-feira, dia 16 de março, pelas 12h00, no Centro Municipal de Informação e Turismo, um protocolo de parceria com vista à constituição da Confraria Gastronómica da Carne Cachena.

Esta confraria, sem fins lucrativos e de duração ilimitada, terá por objeto a valorização, divulgação e promoção da gastronomia tradicional da “Carne Cachena”, produto emblemático,  com uma forte ligação cultural, social e económica ao território e às populações.

Esta entidade vai ser um forte dinamizador da gastronomia para valorizar e promover a Carne Cachena, através da preservação da autenticidade da gastronomia local; estimulação da aposta na diferenciação, através da capacitação, qualificação e inovação dos produtores, restauração e agentes económicos; incentivo à revitalização da cadeia produtiva, desde a produção à comercialização dos produtos locais, contribuindo para a dinamização da economia local; da promoção de mostras, encontros e concursos de gastronomia da carne Cachena; e promover a participação e realização de mostras, convívios, ciclos de gastronomia, provas de degustação, concursos, qualificação e outras iniciativas de caráter social, formativo, promocional e cultural da gastronomia tradicional, dos produtos locais e da carne cachena.

Esta é mais uma ação do Municipio e parceiros com o objetivo de criar dinâmica económica no concelho, bem como de preservar os seus produtos, as suas raízes e os seus sabores.

“A raça Cachena é aquela que encontramos na alta montanha, em cotas elevadas, acima dos 800 metros e que, pela sua dimensão e resistência às condições mais adversas, define o seu próprio solar.

Vacas aleitantes por vocação, apresentam-se de muito pequeno porte, com altura ao garrote que não chega a ultrapassar os 1,15 metros.

Pastoreando livremente em grupo, em áreas amplas e comuns, vive ao ar livre durante praticamente todo o ano.

Raça explorada em regime extensivo, por vezes quase semisselvagem, tem persistido ao longo dos tempos e é atualmente, parte integrante do património genético do nosso país”. In: www.cachena.pt

confraria_gastronomica_carne_cachena2.jpg

confraria_gastronomica_carne_cachena4.jpg

confraria_gastronomica_carne_cachena5.jpg

confraria_gastronomica_carne_cachena7.jpg

confraria_gastronomica_carne_cachena8.jpg