Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

MINHOTOS LEVAM A FESTA AO CONCELHO DE OEIRAS

A localidade da Ribeira da Lage, no Concelho de Oeiras, despertou hoje ao som das mais alegres rapsódias do folclore minhoto – as nossas gentes radicadas naquela região levaram consigo as concertinas, os cavaquinhos, os reque-reques e sobretudo a alegria e a sua maneira tão genuína de fazer a festa.

O Rancho Folclórico “Os Minhotos” da Ribeira da Lage, agrupamento sediado no Concelho de Oeiras no qual pontificam numerosos courenses, levou a efeito uma “Tarde de Folclore” tendo como palco o Centro Cultural da Ribeira da Lage, localidade da Freguesia de Porto Salvo. Para o efeito convidaram também o Rancho Folclórico “As Florinhas do Alto Minho”, grupo sediado em Mem Martins, no Concelho de Sintra, e ainda o Rancho Etnográfico de Borbela, Vila Real; o Rancho Infantil e Juvenil de Ventosa do Bairro, da Mealhada e o Rancho Folclórico e Cultural da Rinchoa, do Concelho de Sintra, representando este os usos e costumes das gentes da região saloia.

Ribeira Laje 311

Ascende a mais de uma dezena o número de agrupamentos folclóricos minhotos sediados na região de Lisboa, refletindo a dinâmica associativa e o apego às tradições das nossas gentes que, apesar da distância, não esquecem por um momento as suas origens e identidade. De resto, o Minho constitui a região do país melhor representada na capital do país, não apenas pela quantidade de grupos folclóricos como ainda de associações regionalistas. Bem poderia, pois, construir um elo de solidariedade e entreajuda de modo a tornar ainda melhor e mais visível a presença da nossa região em Lisboa!

Ribeira Laje 252

Ribeira Laje 044

Ribeira Laje 036

Ribeira Laje 010

Ribeira Laje 247

Ribeira Laje 077

Ribeira Laje 270

Ribeira Laje 022

Ribeira Laje 254

Ribeira Laje 275

Ribeira Laje 289

Ribeira Laje 321

Ribeira Laje 365

Ribeira Laje 148

Ribeira Laje 151-2

Ribeira Laje 110

GUIMARÃES COMEMORA DIA MUNDIAL DA CRIANÇA

Município de Guimarães comemora Dia Mundial da Criança durante uma semana

Programa começa esta segunda-feira de manhã no Multiusos. Na quarta-feira, há festa no Parque da Ínsua, em Ponte, e na sexta-feira em Pevidém. No sábado, realiza-se o Mercadinho da Pequenada no centro da cidade.

Guimaraes_Dia_Crianca

A Câmara Municipal de Guimarães promove entre esta segunda-feira, 01 de junho, e sábado, dia 06, as comemorações do Dia Mundial da Criança, numa organização da Divisão de Ação Social do Município, em parceria com várias entidades do concelho, tendo sido elaborado um programa diversificado alusivo à criança, com atividades formativas, culturais, desportivas e recreativas.

A semana de comemorações principia esta segunda-feira, pelas 10 horas, no Multiusos de Guimarães, com a realização da primeira parte de um programa de animação infantil, onde atuarão a Tuna Infanto-juvenil da Casa do Povo de Fermentões e a Fermentuna do Centro Social da Paróquia de Fermentões. A sessão de abertura, que contará com a presença de Domingos Bragança, Presidente do Município, inclui ainda a realização de uma Feira do Desporto e de Mini Olimpíadas para todas as crianças participantes.

Das 12 às 14 horas, as instituições organizam um piquenique e até às 17 horas decorrerá a segunda parte da animação infantil, com a atuação musical de Marco Génio, a leitura de contos infantis, a organização de jogos intergeracionais, modelagem de balões, pinturas faciais, insufláveis e uma sessão de sensibilização para a segurança rodoviária, promovida pela GNR de Guimarães no âmbito do programa Escola Segura.

Na quarta-feira, 03 de junho, entre as 09:30 e as 16:30 horas, no Parque da Ínsua, na vila de Ponte, a Comissão de Proteção de Crianças e Jovens Guimarães (CPCJ) organiza um conjunto de atividades relacionadas com o teatro, dança, música, desporto, jogos tradicionais, insufláveis, entre outras diversões, repetindo-se igual iniciativa na sexta-feira, 05 de junho, no Agrupamento de Escolas de Pevidém, também entre as 09:30 e as 16:30 horas.

O Mercadinho da Pequenada encerra no sábado, 06 de junho, o programa de comemorações do Dia Mundial da Criança em Guimarães. Entre as 10 e as 18 horas, a praça exterior da Plataforma das Artes e da Criatividade será palco de uma exposição e venda de produtos confecionados pelas instituições. O espaço público será animado com modelagem de balões, pinturas faciais, jogos tradicionais, insufláveis, entre outros motivos de interesse para as crianças.

A semana de comemorações, organizada pela Câmara Municipal de Guimarães, conta com os apoios de A Oficina, Biblioteca Municipal Raul Brandão, Borboletas de Asas Pretas, Casa da Juventude de Guimarães, Guarda Nacional Republicana de Guimarães (Escola Segura), Tempo Livre e das seguintes 29 instituições participantes:

ADCL, Associação de Apoio à Criança, Associação de Reformados de Lordelo, Casa do Povo de Creixomil, Casa do Povo de Fermentões, Centro Infantil de Pevidém, Centro Paroquial de Moreira de Cónegos, Centro Paroquial de S. Romão (Mesão Frio), CSCDR Vila Nova Sande, Centro Social D. Manuel Monteiro de Castro, Centro Social Paróquia Fermentões, Centro Social Paróquia Pencelo, Centro Social Paróquia Polvoreira, Centro Social Brito, Centro Social S. Pedro Azurém, Centro Social e Paroquial Mascotelos-Santiago, Centro Social e Paroquial S. Cristóvão Selho, Centro Social Paróquia de Nespereira, Centro Social Paroquial S. Lourenço Selho, Centro Social Paroquial S. Martinho Candoso, Fraterna, Grupo Desportivo e Recreativo "Os Amigos de Urgeses", Infantário Nuno Simões, Lar Santa Estefânia, Obra Social Sagrado Coração Maria (Vila Pouca), Patronato Oliveira, Patronato S. Sebastião, Salgueiral SARC e Venerável Ordem Terceira S. Francisco.

 

DANIEL BASTOS APRESENTA LIVRO DE POESIA “TERRA” EM GUIMARÃES

Galeria de Arte 9 Séculos foi palco de apresentação do livro “Terra”

No passado dia 30 de maio (sábado), a Galeria de Arte 9 Séculos em Guimarães serviu de palco para a apresentação do livro de poesia “Terra” da autoria de Daniel Bastos.

10

A apresentação da obra, uma edição bilingue em Português e Francês, foi realizada em parceria com o mestre-pintor Orlando Pompeu, artista plástico que concebeu a ilustração do livro, e que é detentor de uma carreira ímpar que consta de coleções particulares e oficiais em Portugal, Espanha, França, Alemanha, Inglaterra, Brasil, Estados Unidos, Japão e Dubai.

13

No decurso da sessão cultural, que se encheu de amigos e conterrâneos do escritor e historiador natural do concelho de Fafe, o tradutor Paulo Teixeira, responsável pela tradução do livro, destacou o telurismo poético inspirado no apego à terra de Daniel Bastos, cujo percurso literário está intrinsecamente ligado às comunidades lusófonas, assim como o facto dos desenhos de Orlando Pompeu, concebidos a partir dos poemas, criarem uma simbiose entre a linguagem artística da poesia e pintura.

Esta sessão cultural na galeria de arte – compras & vendas a retalho situada no centro histórico da cidade que viu nascer Portugal, incluiu uma prova de vinho verde espumante, promovida pelos Vinhos Norte, um dos maiores produtores nacionais de vinho verde, empresa que é um dos principais patrocinadores do livro e que passará a ter à venda na Galeria 9 Séculos o vinho verde espumante Miogo.

2

Refira-se que estão previstas ao longo dos próximos meses novas apresentações oficiais do livro em território nacional, designadamente na Livraria Ferin em Lisboa, e na Livraria Lello no Porto, duas das mais importantes livrarias portuguesas da atualidade, frequentemente reconhecidas por diversas personalidades e entidades como das mais belas livrarias do mundo.

6

MINHOTOS INVADEM LOURES

- O Minho é Verde – Folclore é Verde Minho!

As gentes do Minho radicadas na região de Lisboa invadiram hoje a cidade de Loures, levando a esta localidade a alegria e exuberância do folclore da nossa região. Por um dia, Loures virou terra minhota, esquecendo por breves instantes as suas tão genuínas tradições saloias.

Situado na periferia de Lisboa, Loures é sede de um concelho com origens predominantemente rurais onde os fluxos migratórios não foram ainda suficientes para apagar as marcas da sua identidade. A partir da década de sessenta do século passado, os planos de construção de novas urbanizações em Santo António dos Cavaleiros atraíram para esta região gentes oriundas dos mais diversos pontos do país, muitas das quais já se encontram fixadas na própria capital. Na sequência da descolonização dos antigos territórios ultramarinos, passou ainda a receber pessoas provenientes dos mais diversos pontos do mundo, transformando-se num autêntico mosaico de gentes e culturas.

Verde Minho - Loures 154

Hoje foi dia dos minhotos se juntarem no Parque da Cidade de Loures, tendo como cenário a magnífica réplica das ruínas de S. Paulo, em Macau, a qual serviu de fachada ao Pavilhão de Macau na Expo’98. E ali exibiram os seus trajes caraterísticos, as suas danças e cantares e sobretudo a sua alegria, cantando e dançando o vira e a chula ao som da concertina, bem ao jeito das mais alegres romarias do Minho. Tratou-se do XXII Encontro de Culturas Verde Minho.

Verde Minho - Loures 186

Antes, porém, foram recebidos nos Paços do Concelho de Loures onde, em representação do Presidente da edilidade, a vereadora Maria Eugénia Coelho deu as boas-vindas a todos os grupos folclóricos participantes, ali calorosamente recebidos também pelos demais autarcas e representantes de outras entidades locais.

Seguiu-se um animado desfile etnográfico pelas ruas do centro histórico da cidade de Loures rumo ao Parque da Cidade- o Grupo de Bombos Zés Pereiras Os Baionenses, de Baião fizeram uma autêntica arruada, anunciando a festa com o rufar dos seus bombos bem à maneira das nossas mais genuínas e alegres romarias, tendo o Grupo de Bombos Zés Pereiras das Mercês, de Sintra, fechado o cortejo com o rufar dos seus bombos. Seguiu-se o anfitrião Grupo Folclórico e Etnográfico Danças e Cantares Verde Minho, o Rancho Folclórico e Etnográfico Palmeiras, de Braga; o Rancho Folclórico de Meãs do Campo em representação do Baixo Mondego; o Rancho Folclórico de Alvarelhos, da Trofa; o Grupo de Danças e Cantares do Clube Novo Banco e as Escolas de Concertina Filipe Oliveira.

Verde Minho - Loures 055

Verde Minho - Loures 054

Verde Minho - Loures 091

De referir que, apesar do concelho da Trofa se encontrar inserido do distrito do Porto e, por conseguinte, fazendo parte da província do Douro Litoral, aquele concelho é parte integrante da mesma região etnográfica do Minho coincidente com a antiga Comarca d’Entre o Douro e Minho.

No final, ficou a nostalgia de quem revive à distância a alegria e a exuberância dos usos e costumes da sua terra – o Minho!

Verde Minho - Loures 099

Verde Minho - Loures 145

Verde Minho - Loures 171

Verde Minho - Loures 156

Verde Minho - Loures 152-2

Verde Minho - Loures 017

ARCOS DE VALDEVEZ PROMOVE SEMINÁRIO “EBOOKS EM BIBLIOTECAS PÚBLICAS E ESCOLARES: OS MEUS OUTROS LIVROS”

A Biblioteca Municipal Tomaz de Figueiredo realizou no dia 28 de Maio com o apoio da BAD  - Associação Portuguesa de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas, o seminário “EBOOKS EM BIBLIOTECAS PÚBLICAS E ESCOLARES: OS MEUS OUTROS LIVROS”.

O seminário a cargo de Bruno Duarte Eiras, bibliotecário na Biblioteca Municipal de Oeiras, teve como objetivo refletir sobre a utilização de ebooks em bibliotecas públicas e escolares, identificando as suas principais vantagens e desafios, reconhecendo que este suporte é uma tendência de futuro.

Compreender o universo dos ebooks implica identificar os principais dispositivos de leitura e formatos de ebooks; conhecer os dispositivos de proteção legal e, bem entendido, estar a par das mudanças tecnológicas ocorridas no sector editorial.

Aberto a bibliotecários, mediadores de leitura, professores, e outras pessoas com interesse em adquirir conhecimentos nesta matéria, o seminário contou com a presença de profissionais provenientes de bibliotecas municipais e escolares do norte do País.

À semelhança de algumas bibliotecas que já disponibilizam coleções de ebooks aos seus leitores, a Biblioteca Municipal de Arcos de Valdevez pretende acompanhar a tendência e começar a emprestar ebooks aos seus leitores a partir do Outono 2015.

CONDICIONAMENTOS À NORMAL CIRCULAÇÃO DE TRÂNSITO EM BRAGA

Final da Taça de Portugal

O Município de Braga vem por este meio informar que, devido à instalação de um ecrã gigante na Praça Municipal para transmissão da Final da Taça de Portugal em Futebol, que terá lugar Domingo, dia 31 de Maio, com início às 17h15, foram determinados os seguintes condicionamentos à normal circulação de trânsito.

Praça Municipal

Praça do Município – Proibição da circulação automóvel, desde as 02h30 de Domingo (dia 31 de Maio) às 07h00 do dia seguinte (1 de Junho). Proibição de estacionamento automóvel desde as 12h30 de Domingo (31 de Maio) até às 07h00 do dia seguinte (1 de Junho).

Praça da República (Tramo compreendido entre o Banco de Portugal e o Centro Comercial Avenida) – Proibição do estacionamento automóvel do lado esquerdo no Domingo (31 de Maio) desde as 02h00 até às 07h00 do dia seguinte (1 de Junho).

Agradecemos a melhor divulgação possível para estas informações.

Pelo transtorno causado, desde já, pedimos desculpas.

ARCOS DE VALDEVEZ PROMOVE ATIVIDADES FÍSICAS

No âmbito do Plano de acompanhamento Interno da USF UarcoS ( programa de melhoria contínua da qualidade no âmbito da prevenção da obesidade e promoção da actividade física) irá desenvolver uma actividade de comemoração do Dia Mundial da Criança com o objectivo de promover a actividade física nesta, designada “Brincar, é bom Brincar”.

Esta actividade consiste em dinamizar, junto dos alunos das turmas do 1º ciclo do Agrupamento de Escolas de Valdevez, jogos tradicionais infantis, a realizar no dia 01 de junho de 2015.

As actividades estão organizadas da seguinte forma:

  • Na Escola Básica Professora António Melo Machado (Vila);

- Inicio das 9h às 12h;

- 9 Bancas com 9 jogos tradicionais;

- Participam nos jogos as turmas todas em simultâneo, sendo distribuídas duas turmas por jogo;

- Trocando de jogos de 20 em 20 minutos, para que todas as turmas possam participar em todos os jogos.

- Em cada banca deverão estar dois dinamizados.

  • Na Escola Básica de Távora;

- Inicio das 14h às 15h;

- 4 Bancas com 4 jogos tradicionais;

- Participam nos jogos as turmas todas em simultâneo, sendo distribuídas duas turmas por jogo;

- Trocando de jogos de 15 em 15 minutos, para que todas as turmas possam participar em todos os jogos.

- Em cada banca deverão estar dois dinamizados.

No final da actividade será disponibilizada à escola a “caixa dos jogos tradicionais”, com o material necessário para a realização dos respectivos jogos, bem como fichas técnicas de cada jogo, para utilizações futuras, porque Brincar, é bom brincar…”

FOTÓGRAFO ALFREDO CUNHA FOI A BRAGA AO AGRUPAMENTO SÁ DE MIRANDA CONTAR HISTÓRIAS DO 25 DE ABRIL

Fotografias e pormenores da passagem do País para a democracia entusiasmaram os alunos

O fotojornalista Alfredo Cunha esteve esta manhã na Biblioteca da Escola EB 2,3 de Palmeira, numa sessão com alunos do 6.º e 9.º anos, com o objetivo de dar a conhecer aos alunos um pouco mais da história e das estórias do 25 de Abril.

AC4014

Uma iniciativa muito participada, na qual os estudantes puderam ouvir Alfredo Cunha a comparar a vida dos jovens antes do 25 de abril com a atualidade. O fotojornalista apresentou e comentou várias das suas fotografias, abordando também contextos em que foram tiradas, histórias e personagens. No final, respondeu a várias questões colocadas pelos alunos, relacionadas com a revolução e com o seu percurso profissional.

AC4047

Organizado pelo docente de História, Paulo Lisboa, em colaboração com a Biblioteca Escolar de Palmeira, o evento teve como objetivo dar a conhecer aos alunos os principais acontecimentos e as personalidades relacionadas com o 25 de Abril, as consequências da revolução no País e nas ex-colónias e usufruir da experiência e das vivências do convidado, enquanto espetador da história e cidadão do mundo.

Alfredo Cunha é autor de uma das fotografias mais conhecidas e iconográficas do ‘Dia da Revolução’, o célebre retrato do Capitão Salgueiro Maia. Iniciou a carreira profissional em 1970 na área da publicidade e fotografia comercial. Algum tempo depois começou a colaborar no Jornal Notícias da Amadora. Passou por vários meios de comunicação nacional, nomeadamente O Século, Lusa, Público e Jornal de Notícias. Tem também vários livros publicados.

O Agrupamento Sá de Miranda é um dos maiores e mais centrais do Concelho de Braga. Reúne a Escola Sá de Miranda e a EB 2,3 de Palmeira, além de vários estabelecimentos de ensino básico e jardins-de-infância.

AC4008

CABECEIRAS DE BASTO COMEMORA DIA DA CRIANÇA

Mais de um milhar comemora Dia da Criança em Cabeceiras de Basto

A Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto proporciona, no próximo dia 1 de junho, segunda-feira, a mais de um milhar de crianças do Agrupamento de Escolas um dia de grande animação com teatro, fantasia e muita imaginação.

O Dia Mundial da Criança 2015 ficará, assim, marcado pela apresentação da peça ‘Serafim e Malacueco na corte do Rei Escama’, de António Torrado, que será levada à cena pelo Centro de Teatro da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto (CTCMCB), em quatro sessões (duas no período da manhã e duas no período da tarde) na Casa da Juventude, Associativismo, Artes, Ofícios e Gerações.

No seu global, a ação prevê o envolvimento e a participação de 1089 crianças dos jardins de infância, escolas básicas e do Centro Social de Cabeceiras de Basto.

O presidente da Câmara Municipal, juntamente com os senhores vereadores, acompanhará esta iniciativa que acontece já na próxima segunda-feira com o objetivo de proporcionar às crianças a fruição de um dia diferente, recheado de alegria e de muita criatividade.

De referir que no final de cada sessão será oferecido às crianças um pequeno lanche, assim como um ioiô impresso com o logotipo da candidatura do Mosteiro de S. Miguel de Refojos a Património Mundial da Humanidade UNESCO, como forma de assinalar a efeméride.

Saliente-se, também, que no dia 1 de junho, os alunos de Educação Especial participarão na atividade ‘Hipoterapia’ a decorrer no Centro Hípico de Cabeceiras de Basto, onde terão a possibilidade de contactar com os cavalos – cuidados de higiene e alimentação e ainda passeio a cavalo com equitador – e ainda participar numa palestra dirigida a professores e alunos sobre a temática em questão, num total de 26 pessoas.

CERVEIRA MELHORA INFRAESTRUTURAS FLORESTAIS

Fruto do protocolo com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), o Município de Vila Nova de Cerveira iniciou recentemente um processo de beneficiação de infraestruturas florestais, numa área de 120kms. Melhoria de caminhos florestais, aceiros e arrifes visa a preservação do perímetro florestal e, consequente, prevenção contra incêndios.

DSC05037

Integrada na estratégia municipal de proteção civil, a construção da Rede Primária de Defesa da Floresta Contra Incêndios é uma das prioridades deste executivo, de forma a combater o flagelo dos fogos que provocam a delapidação do vasto património florestal concelhio.

O vice-presidente da Câmara Municipal e responsável pelo pelouro da Proteção Civil explica que a ação em causa abrangerá uma vasta extensão florestal, estando mais focada nas áreas de povoamento florestal, áreas críticas e infraestruturas com elevado estado de degradação. Vitor Costa confirma que há vários anos que não se procedia a um investimento desta ordem e grandeza, em prol da mancha verde do concelho.

No âmbito do protocolo estabelecido entre as duas entidades, em que o Município assume parte das despesas, a máquina do ICNF está no terreno delimitado a proceder à execução de trabalhos de beneficiação e alargamento de aceiros e arrifes, de melhoria de caminhos florestais e de preparação de parcelas para ações de fogo controlado. Em colaboração com os Sapadores Florestais, estão ainda a ser criadas faixas de gestão de combustível que vão servir de apoio a ações de combate a incêndios florestais.

Este trabalho está atualmente a ser desenvolvido nas freguesias do interior (Sapardos, Candemil e Gondar), prosseguindo posteriormente para outras localidades do concelho já identificadas no protocolo de colaboração.

BRAGA APOIA JUVENTUDE

CMJ dispõe de 75 mil euros para projectos da juventude

Foi aprovado ontem, dia 28 de Maio, o primeiro Orçamento Participativo que confere co-gestão a um Conselho Municipal de Juventude (CMJ) e se assume como Instrumento de Inovação Social.

3

Para este orçamento, intitulado ´Tu Decides´, poderão candidatar-se e votar jovens dos 16 aos 30 anos de idade. As propostas, que serão financiadas com 75 mil euros, serão da inteira responsabilidade dos jovens e associações juvenis do concelho de Braga.

À semelhança do que já acontece com o Orçamento Participativo, em que a população em geral apresenta e escolhe os projectos a serem desenvolvidos com uma determinada verba disponibilizada pelo Município, também os jovens do Concelho, a título individual ou colectivo, vão ter a oportunidade de submeterem ao CMJ – que posteriormente levará a escrutínio de todos os jovens Bracarenses – candidaturas de projectos que sejam especificamente desenvolvidos por jovens e, preferencialmente, tendo como alvo a população jovem.

“É um orçamento dirigido e decidido por jovens, sendo que o objectivo é fazer com que os mais novos utilizem esta ferramenta para influenciar e fazer propostas na área da juventude”, afirmou Sameiro Araújo, Vereadora da Juventude Câmara Municipal de Braga, no final da reunião do CMJ, que ontem se realizou no edifício GNRation.

2

BARCELOS INAUGURA ESPAÇO INFANTIL

O Mais divertido Espaço Infantil está no Parque da Cidade de Barcelos

Inauguração, no Dia Mundial da Criança, às 11 horas e os convidados VIP são as crianças

A manhã será de brincadeiras, alegria e muitas gargalhadas, partilhadas por mais de 100 crianças das escolas do concelho de Barcelos.

A Câmara Municipal de Barcelos receberá todos os convidados VIP num ambiente especial e cheio de surpresas, onde não faltaram os balões, brincadeiras e a mascote do Galo para fazer a delícia das crianças. Este Espaço Infantil do Parque da cidade, que foi totalmente requalificado, e que será inaugurado no Dia Mundial Da Criança, dia 1 de junho, às 11 horas, é o mais divertido da cidade, e é o local ideal para as crianças darem largas à imaginação.

Este Espaço é deles, dos mais pequenos, por isso podem sonhar e a imaginação dos mais novos não tem limites. E porque nada queremos que falte às crianças, ainda no decorrer do Dia Mundial da Criança, poderão participar, também no Parque da Cidade, entre as 09h00 e as 18h00, em todas as atividades desenvolvidas, que conta com histórias, ateliês, cinema “inventado”, jogos, pintura, modelagem de barro, entre outras.

No mesmo local, estará em exposição, a partir das 10h, “O espantalho palavrinhas” e, na Biblioteca Municipal de Barcelos, entre as 19h00 e 20h30, ocorrerá uma palestra relacionada com o tema “A importância de educar com afetos”. Mais tarde, no Teatro Gil Vicente, às 21h30 estará em palco a peça “O diário de um palhaço”.

INSTITUIÇÕES DE GUIMARÃES EXPÔEM TRABALHOS

Praça exterior da Plataforma das Artes recebe Mercado Sénior durante o dia deste sábado

Instituições de âmbito social mostram aos vimaranenses trabalhos efetuados ao longo do ano. Evento decorre entre as 10 e as 18 horas. Com muita animação à mistura.

Plataforma_Artes_Exterior

Duas dezenas de instituições de solidariedade social do concelho de Guimarães participam este sábado, 30 de maio, entre as 10 e as 18 horas, na edição deste ano do Mercado Sénior. A exposição e venda ao público de produtos confecionados por utentes das instituições participantes decorrerá na praça exterior da Plataforma das Artes e da Criatividade, numa iniciativa organizada pela Câmara Municipal, em parceria com as cooperativas Fraterna e A Oficina.

A sessão de abertura, que será presidida por Domingos Bragança, Presidente do Município de Guimarães, está marcada para as 10 horas, altura em que o responsável da Autarquia realizará uma visita a todos as instituições e expositores aderentes. Durante a tarde deste sábado, a partir das 14 horas, o Mercado Sénior será animado por música popular portuguesa interpretada pelo conjunto “Récita”. O programa de animação musical prolongar-se-á até às 17:30 horas, com exibições de dança pelo grupo que promove as conhecidas “Tardes Dançantes”, evento que decorre todas as quintas-feiras na Associação “Os 20 Arautos”.

As instituições participantes no Mercado Sénior 2015 são as seguintes: Associação de Reformados e Pensionistas de Guimarães; Camélia Hotel Sénior & Homes; Casa do Povo de Creixomil; Centro Social D. Manuel Monteiro de Castro; Centro Social da Irmandade de S. Torcato; Centro Social da Paróquia de Polvoreira; Centro Social da Paróquia de Santa Eulália de Nespereira; Centro Social e Paroquial de Ronfe; Centro Social Nossa Senhora do Carmo; Centro Social Padre Manuel Joaquim de Sousa; Centro Social Paroquial de Mascotelos/Santiago; Centro Social Recreativo e Cultural de Campelos; Encontro de Saberes; Fraterna; Irmandade de Nossa Senhora da Consolação e Santos Passos; Lar de Santo António; Santa Casa da Misericórdia de Guimarães; Venerável Ordem Terceira de S. Domingos; e Venerável Ordem Terceira de São Francisco.

BARCELOS E UNIVERSIDADES MOSTRAM POTENCIALIDADES DO TURISMO RURAL

Seminário “A Ruralidade como argumento Turístico”, dia 3 de junho, no Auditório Municipal

O turismo rural é cada vez mais procurado e são inúmeras as potencialidades que tem. Barcelos, pelas suas características de enquadramento únicas, é um concelho privilegiado, abarcando desde o enoturismo, às tradições enraizadas, passando pelo saber receber. O seminário “A Ruralidade como argumento Turístico”, no dia 3 de junho, no auditório da Câmara Municipal da cidade, vai apresentar projetos novos, debater os sinais dos tempos em que vivemos, e mostrar um mundo novo, que serve mais do que para "fugir" do stresse do dia a dia.

Debates, apresentações de estudos académicos e exposição das principais oportunidades/dificuldades, que os agentes locais e regionais, que se encontrem ligados ao Mundo Rural e/ou ao Turismo no espaço rural enfrentam, é o objetivo do seminário “A Ruralidade como argumento Turístico”, que a Câmara de Barcelos, em parceria com os cursos de Turismo do Instituto Politécnico de Viana do Castelo e de Gestão de Atividades Turísticas do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave, de Barcelos, promove no próximo dia 3 de junho, entre as 9h00 e as 18h00, no auditório municipal.

O encontro tem como objetivo apresentar projetos turísticos desenvolvidos em meio rural pelos alunos, assim como discutir as oportunidades e constrangimentos existentes para o desenvolvimento do mundo rural na região.

A sessão será aberta pelo Presidente da Câmara Municipal de Barcelos, Miguel Costa Gomes, seguindo-se do Presidente do IPVC, Rui Teixeira, do Presidente do IPCA, João Carvalho, e do Coordenador do Curso de Turismo do IPVC, Carlos Fernandes.

O seminário contará com debate, apresentações de estudos académicos sobre o tema, um painel mais técnico ligado aos apoios existentes, tendo presentes para o efeito especialistas da BIC MINHO, Sara Machado, e ATHACA, Mota Alves, e, por fim, a apresentação de dois exemplos de sucesso no negócio.

Esta ação é direcionada principalmente aos agentes locais e regionais que se encontrem ligados ao mundo rural e/ou ao Turismo no espaço rural. É dirigida ainda ao público ligado à agricultura, vinho e enoturismo.

Com este evento, o a Câmara de Barcelos pretende sensibilizar os agentes locais do turismo para a importância da inovação, pró-ação e exploração do mundo rural, com o intuito de enriquecer o produto turístico local e regional.

PONTE DE LIMA REALIZA JORNADAS APÍCOLAS

Município de Ponte de Lima promove as III Jornadas Apícolas de Ponte de Lima no dia 6 de junho, no Auditório Rio Lima

O Município de Ponte de Lima em colaboração com a Associação Apícola do Minho promove a 6 de junho, no Auditório Rio Lima, as Jornadas Apícolas de Ponte de Lima.

Pretende-se com esta iniciativa, que se realiza já pela 3ª vez consecutiva proporcionar um encontro/debate sobre a atividade apícola.

O programa contempla um conjunto de temas, dos quais se destaca a Bolsa Nacional de Terras, a cargo do Engº Henrique Santos da Direção Regional de Agricultura e Pescas do Norte - DRAP – Norte.

Segue-se a apresentação do PDR 2020: Arquitetura do programa e principais medidas, apresentado pelo Eng. Carlos Lira, delegado do Alto Minho.

Os Apoios à Apicultura 2014-2020, será enunciado pela Engª Celina Bouça, da DRAP – Norte e as Linhas de Apoio Financeiro, será da responsabilidade da Drª Sónia Ferreira, da Caixa Agrícola do Noroeste.

Segue-se um debate sobre a temática “Sanidade” e apresentação dos temas Enzima que combate a Loque Americana, pela Engª Ana Oliveira da UM e Api Ladano (Produto Biológico combate Varroa) por José Manso.

O painel seguinte sobre “Desafios Futuros Apícolas” aborda as temáticas sobre Safe-bee (Sistema proteção de colmeias), por Filipe Caetano e Outros Produtos da Colmeia, pela Engª Lídia Jácomo – da APIMIL, encerrando com um debate sobre o tema.

No final serão entregues os diplomas dos cursos apícolas realizados pela APIMIL. Para mais informações contate através do correio eletrónico: apimil@sapo.pt.

ALUNOS BRACARENSES ASSIMILAM VALORES ÉTICOS DO RUGBY

Cerca de 150 alunos do quarto ano do ensino básico das Escolas do Concelho de Braga, participaram hoje, dia 29 de Maio, na sessão de encerramento do projecto ‘Valorizar os Valores’, que teve lugar no Complexo da Rodovia. Este projecto teve como principal objectivo fomentar a ética desportiva, chamando a atenção dos jovens para valores como o respeito, a tolerância, o fair-play e o espírito de equipa, ao mesmo tempo que difundiu o ensino do Rugby nos alunos Bracarenses.

8

Hoje foi o culminar de várias iniciativas que, desde o mês de Fevereiro, percorreram as escolas aderentes ao projecto. Para Sameiro Araújo, vereadora do Desporto e Juventude do Município de Braga, “é fundamental valorizar a ética desportiva e todos os valores que lhe são associados em crianças de tenra idade”.

Nesse sentido, “este projecto foi uma aprendizagem para todos. A nível desportivo deu a conhecer uma modalidade pouco enraizada em Braga e a nível social teve o mérito de incutir valores nobres nas crianças Bracarenses”, destacou, Sameiro Araújo, considerando que “Braga é cada vez mais uma Cidade ecléctica”.

Recorde-se que esta foi uma iniciativa da EDP Gás em associação com a N&N – Organizações e Desporto e a Braga Rugby, e contou com o apoio do Município de Braga, da Federação Portuguesa de Rugby e da Associação de Rugby do Norte.

11

MOSTEIRO DE TIBÃES EM BRAGA RECEBE FESTIVAL ENOGASTRONÓMICO

Organização do Consórcio MINHO IN decorre de 5 a 7 de Junho

Um festival enogastronómico em Braga, uma wine party exclusiva em Guimarães e uma prova de vinhos com convidados internacionais, em Monção e em Melgaço, constituem a ´Essência do Minho, um projecto do Consórcio MINHO IN, que integra as Comunidades Intermunicipais (CIM) do Alto Minho, Cávado e Ave.

Minho_Fest

A programação do evento contempla a realização do ´Minho Festival´, um festival enogastronómico que decorrerá no Mosteiro de Tibães, em Braga, de 5 a 7 de Junho, com restaurantes, sessões de cozinha ao vivo, mercado de expositores e provas comentadas de vinhos do Minho.

Já em Guimarães, na noite de 13 de Junho, no Paço dos Duques será promovida a ´Minho Wine Night´, uma ´wine party´ com atuações de dj’s e muita animação, que se pretende afirmar como uma celebração dos vinhos do Minho, enquadrando-os num contexto de novos momentos de consumo e aproximação a novos públicos.

Mas, o primeiro momento da ´Essência do Minho´ é a prova ´Minho Wine Tasting´, que traz à região especialistas de sete nacionalidades: Brasil, Espanha, França, Holanda, Polónia, Suécia e Portugal. O conjunto de jornalistas e críticos de vinhos vai provar dezenas de amostras de produtores das áreas geográficas que integram os territórios de actuação das CIM do Alto Minho, Ave e Cávado, em sessões que decorrerão no Museu do Alvarinho, em Monção, e no Solar do Alvarinho, em Melgaço, nos dias 3 e 4 de Junho, respectivamente.

A comitiva de especialistas já foi anunciada e será constituída pelos brasileiros Alexandre Lalas (crítico de vinhos no portal www.alexandralalas.com.br e colaborador da revista “Gula”) e Miguel Icassati (especialista em gastronomia e vinhos, revistas “Veja” e “Gosto”), o francês Eric Riewer (editor de vinhos do famoso guia “Gault Millau”), o polaco Pawel Bravo (crítico da revista “Magazyn Wino”), o sueco Fredrik Âkerman (especialista em vinhos que colabora com o projecto “Din Vinresa”), a holandesa Leonie Mooijekind (jornalista da revista “Jan Magazine”), e os portugueses Manuel Moreira (sommelier, formador e crítico de vinhos, colabora com as revistas “WINE” e “Escanção”), Rui Falcão (jornalista e crítico de vinhos, colabora com o suplemento “Fugas” do jornal “Público” e a revista “WINE”) e Nuno Guedes Vaz Pires (director da revista “WINE”).

MELGAÇO CELEBRA DIA DA CRIANÇA COM ESPECTÁCULO CIRCENSE

Na próxima segunda-feira, dia 1 de Junho, Melgaço celebra o Dia da criança juntamente com mais de 350 meninos e meninas que frequentam o ensino Pré-escolar ou o 1ºCiclo no concelho, na Santa Casa da Misericórdia ou nos centros escolares de Pomares e da Vila.

Do programa de comemoração, que decorre ao longo do dia, faz parte um espectáculo circense, apresentado aos alunos, na Casa da Cultura, pela companhia Lanterna Mágica, e a oferta surpresa comemorativa para todos os participantes.

O Dia da Criança, que em Portugal é celebrado a 1 de Junho e mundialmente a 20 de Novembro, assinala a aprovação da Declaração dos direitos da criança, datada de 1959, e a Convenção dos direitos da criança, de 1989.

NÚCLEO DE ARTES E LETRAS DE FAFE COMEMORA 25 ANOS DE ACTIVIDADE

Os 25 anos do Núcleo de Artes e Letras de Fafe (NALF) foram evocados na Biblioteca Municipal de Fafe, no âmbito do lançamento da mais recente publicação da colectividade, a colectânea intitulada "Dias de Prata", em sessão que contou com a presença do Vereador da Cultura, Pompeu Martins, também ele associado desde o início do Núcleo.

DSC_0712

A sessão contou, a abrir, com a participação dos jovens músicos do grupo Quarto C, um dos valores maiores da música que se faz em Fafe por esta altura e que interpretaram três canções do seu primeiro EP, “Casa” e incluiu ainda leitura de poesia por actores do Fafe Cidade das Artes.

O fundador, sócio nº 1 e presidente da direcção do NALF desde a primeira hora, Artur Coimbra, fez uma retrospectiva dos 25 anos da instituição, passando em revista os grandes momentos da vida associativa desde 2 de Março de 1990, que começaram logo no final daquele mês com os Encontros Literários Fafe/90, em torno da evocação de Camilo Castelo Branco e que trouxe à cidade dois dos maiores estudiosos daquele escritor, Alexandre Cabral e Manuel Simões.

Ao longo de um quarto de século, o Núcleo de Artes e Letras de Fafe, que integra mais de três dezenas de associados, nascidos ou residentes em Fafe, editou duas dezenas de publicações, sobretudo na área da literatura, mas também da história local, designadamente em torno da I República e da Guerra Colonial.

Sendo, desde a primeira hora, os objectivos básicos da associação a promoção da arte, da literatura, da cultura e dos valores locais, bem como a defesa da língua e da cultura portuguesa, tem concretizado tais desideratos ainda através da realização de conferências, colóquios, exposições, criação de prémios literários, sobretudo na área da poesia, apresentação de livros e visitas culturais, entre outras actividades, de que se destaca o projecto “Poesia na Rua” (2004), que consistiu na colocação de placas com poemas de 15 poetas fafenses nos principais jardins da cidade.

Evocativa dos 25 anos da instituição, a colectânea "Dias de Prata", coordenada por Artur Coimbra, inclui a participação de cerca de duas dezenas dos escritores e artistas locais. Na poesia, participam no livro Acácio Almeida, Ângelo Santos, Arlete Gonçalves, Artur F. Coimbra, Artur Magalhães Leite, Augusto Lemos, José Ribeiro, Paula Ramos Nogueira e Valdemar Gonçalves, enquanto na prosa publicam textos Ângelo Santos, Arlete Gonçalves, Aureliano Barata, Carlos Afonso, Daniel Bastos, José Emídio Lopes, José Salgado Leite e Luís Gonzaga Silva.

Na ilustração, colaboram Ana Stingl, Belmira Guimarães, João Artur Pinto, Manuel Meira e Orlando Pompeu.

O Vereador Pompeu Martins manifestou a sua satisfação pela longevidade da associação, vincando que tem tido um papel fundamental na cultura fafense das últimas duas décadas e meia.

No final, o Presidente da Assembleia Geral, Ribeiro Cardoso, desafiou a Câmara Municipal a atribuir ao Núcleo de Artes e Letras de Fafe a medalha de prata de mérito concelhio.

A comemoração das “Bodas de Prata” do Núcleo de Artes e Letras de Fafe decorre desde Março até ao final do ano e integra a edição e apresentação de obras literárias, um ciclo de cinema português, exposição colectiva de artes plásticas, entre outras actividades.

GUIMARÃES INAUGURA ESPAÇOS DO CIDADÃO

“Espaços do Cidadão” em Selho S. Cristóvão e Candoso S. Martinho inaugurados hoje

A partir desta sexta-feira, Guimarães passa a ter seis Espaços do Cidadão abertos ao público. Concelho terá, numa primeira fase, um total de dezoito.

O Presidente do Município de Guimarães, Domingos Bragança, procede esta sexta-feira à tarde, 29 de maio, à cerimónia de inauguração dos Espaços do Cidadão de Selho S. Cristóvão (15h) e de Candoso S. Martinho (17h), ambos situados nas respetivas sedes de Junta de Freguesia.

Lordelo, Pevidém, Moreira de Cónegos e Polvoreira abriram recentemente ao público iguais valências num total de dezoito “Espaços do Cidadão” que, numa primeira fase, serão instalados no concelho de Guimarães, no âmbito de um protocolo assinado entre a Câmara Municipal e a Secretaria de Estado da Modernização Administrativa.

O acordo contempla a concentração, num único local, de 14 entidades que prestam serviços de atendimento digital assistido a cidadãos e empresas, numa oferta de atendimento complementar aos serviços hoje existentes, sem ter por objetivo substituí-los. A criação de uma rede de Espaços do Cidadão, nos termos do Decreto-Lei nº 74/2014, de 13 de maio, enquadra-se na Estratégia de Reorganização dos Serviços de Atendimento da Administração Pública, através do Programa Aproximar, a fim de efetuar a racionalização do território, aproveitando as potencialidades da tecnologia.

Em Selho S. Cristóvão, o Espaço do Cidadão estará aberto de segunda a sexta-feira, das 09:30 às 12 horas e das 14:30 às 18:30 horas, excetuando o dia de quarta-feira, que encerra mais tarde, às 20 horas. Na freguesia de Candoso S. Martinho, estará igualmente aberto de segunda a sexta-feira, das 09 às 12 horas e das 14 às 17 horas.

Autoridade para as Condições do Trabalho (ACT), Direção Geral de Proteção Social aos Funcionários e Agentes da Administração Pública (ADSE), Direção Geral do Livro dos Arquivos e das Bibliotecas (DGLAB), Inspeção Geral das Atividades Culturais (IGAC), Instituto de Habitação e da Reabilitação Urbana (IHRU), Ministério da Saúde (Serviços Partilhados), Direção Geral do Consumidor (DGC), Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), Instituto da Segurança Social (ISS), Caixa Geral de Aposentações (CGA), Instituto da Mobilidade e dos Transportes (IMT), Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP), Instituto dos Registos e Notariado (IRN) e Agência para a Modernização Administrativa (AMA) são as entidades comuns a todos os Espaços do Cidadão de Guimarães.

BOMBOS DE SOPO CELEBRAM ANIVERSÁRIO

18 anos de existência, 18 grupos de vários pontos do país e Galiza, 360 elementos. Os números são reveladores de um dia dedicado ao intercâmbio cultural e ao convívio. O Grupo de Bombos de São Tiago de Sopo comemora, este domingo, o seu 18º aniversário, organizando a III Concentração de Bombos, com o apoio da Câmara Municipal. Desfiles e arruadas prometem encher de alegria as ruas do centro histórico de Vila Nova de Cerveira e da freguesia de Sopo.

A comemoração do 18º aniversário do Grupo de Bombos de São Tiago de Sopo arrancará, na manhã de domingo, com um desfile pelas ruas do centro histórico cerveirense, estando agendada uma arruada para o meio-dia, seguindo-se um almoço-convívio no Salão da Junta de Freguesia de Sopo. O período da tarde fica marcado pelo desfile dos 18 grupos pela Avenida Manuel José Lebrão e respetiva atuação.

Á semelhança das outras edições, a iniciativa mobiliza algumas centenas de residentes e visitantes para apreciar as sonoridades singulares destes instrumentos de raiz popular e a destreza dos cerca de 360 participantes, no manuseamento dos bombos.

Reconhecendo o papel fundamental na divulgação das tradições do concelho, a autarquia cerveirense encara o apoio logístico dado a este tipo de iniciativas, como uma forma de fomentar e promover a música tradicional, as suas gentes e a sua cultura.

Com uma atividade permanente desde a sua constituição há 18 anos, o Grupo de Bombos de São Tiago de Sopo tem percorrido vários pontos do país, Galiza e França, dignificando a cultura e tradição musical da freguesia, mas também do concelho. Com cerca de 25 elementos, dos 4 aos 70 anos, este grupo tem um repertório assente na música tradicional portuguesa, com forte ligação ao folclore.

A Associação Cultural e Recreativa de São Tiago conta atualmente com 150 sócios, com uma participação muito ativa em todas as atividades desenvolvidas ao longo dos anos.

CERVEIRENSES FAZEM CAMPANHA SOLIDÁRIA

Campanha Saco regressa este fim-de-semana aos hipermercados de Cerveira

O último fim-de-semana de maio está associado ao Banco Alimentar Contra a Fome e, uma vez mais, o Banco Local de Voluntariado de Vila Nova de Cerveira participa ativamente na campanha de recolha de alimentos que decorrerá nas duas superfícies comerciais sediadas no concelho. Os escuteiros dos dois agrupamentos juntam-se, pela primeira vez, a esta causa solidária.

Ao longo do ano, o Município de Vila Nova de Cerveira, através da Rede Social Local, não só se associa a parcerias de carácter local, regional ou nacional, como desenvolve um conjunto de iniciativas próprias que visam abastecer o stock da Loja Social.

Para a campanha saco deste fim-de-semana, Vila Nova de Cerveira conta com a participação de cerca de 50 voluntários, e ainda a colaboração, pela primeira vez, dos grupos de escuteiros de Campos e de Reboreda, presentes nos espaços do Pingo Doce e do Minipreço Os alimentos angariados serão encaminhados para a delegação do Banco Alimentar contra a Fome, em Viana do Castelo, que posteriormente os fará chegar às instituições/entidades de todos os concelhos do distrito responsáveis pela distribuição de refeições confecionadas e cabazes de alimentos aos agregados comprovadamente carenciados.

Em simultâneo, entre 30 de maio e 07 de junho, terá lugar a Campanha "Ajuda Vale" que permite a recolha de alimentos sob a forma de vales que representam seis produtos básicos à alimentação, e a campanha Online através do site Banco Alimentar Contra a Fome.

Todos somos poucos para ajudar! Dias 30 e 31 de maio, dê o seu contributo!

CERVEIRA REFORÇA LAÇOS DE AMIZADE COM A CIDADE FRANCESA DE CHAGNY-EN-BOURGOGNE

Intensificando as boas relações entre Vila Nova de Cerveira e Chagny-en-Bourgogne, que perduram formalmente desde 1999, uma comitiva cerveirense deslocou-se, entre 12 e 17 de maio, àquela localidade francesa, levando a nossas cultura e contactando com entidades e associações locais, mas também com muitos conterrâneos emigrados.

Chagny 2015 01

Cláudia Ferreira, primeira secretária da Assembleia Municipal de Vila Nova de Cerveira, e o Rancho Folclórico de Campos representaram o Município na deslocação àquela cidade francesa, dando a conhecer o trabalho desenvolvido na ‘Vila das Artes’ e deixando o convite para visitarem e desfrutarem do concelho, não só das inúmeras atividades agendadas ao longo do ano, como também da riqueza gastronómica, tradições seculares e beleza natural ímpar.

Á chegada, a comitiva cerveirense foi recebida pelo presidente da comarca de Chagny, tendo nos restantes dias mantido encontros com duas associações franco-portuguesas, de Creusot e de Chalon, e realizado algumas visitas a museus e outros espaços de interesse O Rancho Folclórico de Campos representou Vila Nova de Cerveira, interpretando as danças tradicionais e as músicas populares, num desfile e atuação junto aos Paços do Concelho.

Vila Nova de Cerveira e Chagny apresentam alguns pontos comuns – as cores dos dois municípios (verde e amarelo), a presença do rio na vida das comunidades e uma acentuada atividade cultural -, que tem fortalecido esta união fraterna através de um incremento de relações desportivas e culturais entre as duas comunidades.

O Município de Vila Nova de Cerveira geminou-se com Chagny-en-Bourgogne, em 1999, numa cerimónia realizada naquela cidade francesa e, sensivelmente um ano depois, este ato realizou-se em Vila Nova de Cerveira, num ato simbólico marcado pela plantação de um carvalho (chagny em francês) no jardim em frente aos Paços do Concelho.

CERVEIRA RECEBE ENCONTRO DE PROFISSIONAIS DE HOTELARIA

Hotelaria em debate no 2º Job Day da Euroregião Galiza-Norte de Portugal

Vila Nova de Cerveira é palco, na próxima segunda-feira, 01 de junho, de um encontro entre empresas e profissionais da hotelaria da Euroregião Galiza-Norte de Portugal. O programa engloba workshops temáticos e conta com a presença de representantes de entidades das duas regiões.

Integrada no Job Days da Euroregião Galiza-Norte de Portugal, esta ação visa promover a mobilidade e a contratação de trabalhadores na Euroregião, perspetivando-se como uma oportunidade para as empresas planificarem antecipadamente as suas necessidades de pessoal para os períodos de maior atividade turístico-hoteleira.

Organizado pelo Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial Galiza-Norte de Portugal (GNP-AECT) e o EURES Transfronteiriço Galicia-Norte Portugal (EURES-T G-NP), em parceria com o Instituto do Emprego e Formação Profissional e a Xunta de Galicia, o 2º Job Day da Euroregião Galiza-Norte de Portugal, direcionado para o setor da hotelaria, proporcionará ainda um estreitar de relações entre as empresas da Galiza e de Portugal.

Agendada para as 10h00, a sessão de abertura conta com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira, Fernando Nogueira; do Delegado Regional do Norte do IEFP e Presidente do CD EURES-T GNP, César Ferreira; do Vice-Presidente da Xunta de Galicia, Alfonso Rueda; e do Presidente da CCDR-N e da Comunidade de Trabalho Galiza Norte de Portugal, Emídio Gomes.

O evento desenvolve-se em dois workshops temáticos: “Emprego na Euroregião”, refletindo o mercado de trabalho transfronteiriço, a homologação de títulos no setor da hotelaria e os apoios à contratação; e o “Turismo e Hotelaria na Euroregião” para conhecer e debater estratégias conjuntas de promoção, financiamento ao setor e novos negócios.

O 2º Job Day da Euroregião Galiza-Norte de Portugal - Setor Hotelaria decorre segunda-feira, 01 de junho, às 10h00 (hora Portugal) no Auditório Municipal de Vila Nova de Cerveira.

CRIANÇAS DE CABECEIRAS DE BASTO VIVEM EXPERIÊNCA ÚNICA

Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto e GNR levam 20 alunos do 4º ano de avião até Lisboa

O dia de hoje ficará, certamente, para sempre gravado na memória das vinte crianças do concelho de Cabeceiras de Basto que tiveram hoje, dia 29 de maio, a oportunidade de utilizar vários meios de transporte, numa iniciativa conjunta da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto e da GNR, com o apoio do Agrupamento de Escolas e da CPCJ local. Viajaram até Lisboa de avião, conheceram a cidade de autocarro e regressaram de comboio.

Câmara e GNR levam 20 crianças de avião até Li

A iniciativa, inserida no âmbito da Prevenção Rodoviária, foi impulsionada pela Secção de Programas Especiais do Destacamento da GNR de Guimarães com o objetivo de proporcionar uma aprendizagem direcionada para a prevenção e segurança rodoviária de uma forma lúdica e interativa, através da experimentação de várias situações de trânsito numa grande cidade.

Esta atividade “absolutamente inédita” permitiu às crianças conhecer a baixa lisboeta, visitar o Quartel do Comando Geral da Guarda Nacional Republicana e, ainda, o Museu da Presidência da República.

Câmara e GNR levam 20 crianças de avião até Li

De acordo com as palavras da vereadora da Educação, Dra. Isabel Coutinho, “a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto entendeu ser parceira da GNR nesta iniciativa voltada para a Prevenção Rodoviária pela sua importância no que toca à aprendizagem, ao conhecimento e ao contacto com novas realidades, bem como à valorização das nossas crianças”.

Câmara e GNR levam 20 crianças de avião até Li

Esta é “uma das partes mais visíveis de toda uma política que o Município de Cabeceiras de Basto tem vindo a seguir ao longo dos anos no que se refere ao apoio à Educação, às famílias e ao desenvolvimento sociocultural das crianças”, referiu Isabel Coutinho, considerando esta viagem uma “experiência única”.

Câmara e GNR levam 20 crianças de avião até Li

Note-se que esta iniciativa constituiu-se como “uma oportunidade para os meninos e meninas vivenciarem novas experiências. Andaram pela primeira vez de avião, visitaram vários monumentos/edifícios de interesse nacional, em Lisboa, designadamente o Museu da Presidência da República, estreitaram laços com os militares da GNR e regressaram de comboio”, destacou Isabel Coutinho. E finalizou: “pelo feedback que tivemos, sobretudo das crianças que mesmo ao final do dia continuavam eufóricas, esta foi, sem dúvida uma aposta ganha. Um verdadeiro sucesso! Estão todos de parabéns”.

Câmara e GNR levam 20 crianças de avião até Li

COURENSES REVIVEM BRINCADEIRAS DE INFÂNCIA

Legomania + Cine Brick + Carrinhos de Rolamentos. ‘Arte em Peças’ até 7 junho | Centro Cultural

Ponham a mão na massa, deem largas à vossa capacidade construtiva e recuem aos tempos de criança!

14372400531_31d4d6aa54_o

Imaginem poder interagir com robôs, construir e experimentar carrinhos, edificar a Playzone ou até ajudar na construção de um gigantesco mosaico com peças Lego®.

Imaginem arquitetar uma cidade gigantesca, mas também áreas medievais com castelos, esboçar batalhas e duelos, ou até projetar-se no espaço e partir para a conquista do universo, com batalhas espaciais, como as dos filmes da Guerra das Estrelas.

Tudo isto é possível na “Arte em Peças”, que decorre entre 30 de maio e 7 de junho em Paredes de Coura, com recurso às peças mais famosas do mundo.

A ‘legomania’ está de volta ao Alto Minho e, para além da comunidade educativa, o público também está convidado a participar e criar os mais variados temas, até porque não vão faltar os bem conhecidos ´mecânicos´ Technic e Mindstorms e os encantadores Friends, numa iniciativa que conta com o apoio da Comunidade 0937, um grupo de entusiastas de Lego®, que todos os anos promove esta celebração em torno das peças mais coloridas e que agarra múltiplas gerações.

Paralela e complementarmente ao “Arte em Peças”, Paredes de Coura também acolhe por estes dias a 3ª edição do “Cine Brick” - Festival de cinema com peças Lego®.

O “Cine Brick” é um dos primeiros festivais de filmes com peças Lego® em todo o mundo, exibindo mais de 100 filmes no Auditório do Centro Cultural, nos fins de semana de 30-31 de maio e 6-7 de junho.

Entre os 105 filmes, de 41 autores e 14 países, dos quais os filmes da Letónia, Hungria, Áustria, Roménia e Noruega são as mais recentes participações no “Cine Brick”, o destaque vai para a primeira apresentação em Portugal, e uma das primeiras apresentações mundiais, do filme “Bound”: um ‘brick film’ de 50 minutos, produzido pelas Monitogo Studios (USA) e que representa um marco importante na qualidade de produção e na duração deste tipo de filmes.

Na edição deste ano, o “Cine Brick” também vai homenagear os pioneiros deste tipo de cinema, com a apresentação dos 3 primeiros filmes com peças Lego®, entre 1973 e 1989, bem como a projecção de um filme sobre a história do ‘brickfilming’.

Mas no domingo, 31 de maio, todas as atenções também estão viradas para a “4ª Descida em Carrinhos de Rolamentos”.

A prova, pontuável para o campeonato galego, deverá juntar várias dezenas de participantes. 
A iniciativa arranca pelas 10h00 com a exposição dos carrinhos e ‘verificações técnicas’ no Largo Visconde de Mozelos, com a descida a partir das 14h30 desde a rua Dr. Bernardino Machado até à Avenida de Cenon - 900 metros, no total.

A prova conta com a colaboração da Federação Galega de Desportos de Inércia, Guarda Nacional Republicana e Bombeiros Voluntários, prevendo-se a entrega de prémios e lembranças aos concorrentes a partir das 18h00.

ARCOS DE VALDEVEZ DEBATE A HISTÓRIA A PENSAR NO FUTURO

Ciclo de Conferências: RE(EN)CONTROS DE VAL-DE-VEZ. 500 Anos de História com os olhos no futuro

O Recontro de Valdevez (1140) foi um episódio ligado à fundação da Nacionalidade Portuguesa em que as tropas de D. Afonso Henriques e de Afonso VII de Leão e Castela, de modo a evitar uma batalha campal, e à boa maneira medieval, se confrontaram num Torneio que teve como desfecho a vitória dos Cavaleiros Portugueses.

A ideia de lançar um Ciclo de Conferencias integrado no âmbito das Comemorações dos 500 anos da atribuição do foral por D. Manuel I à Vila de Arcos de Valdevez surge da necessidade de partir do conhecimento histórico, económico e social para perspetivar novas linhas de rumo para um Concelho de baixa densidade populacional mas com um enorme potencial em várias áreas da atividade económica, social, ambiental e cultural.

Introduzimos alguma polissemia na palavra “RECONTRO” possibilitando os “REENCONTROS”, isto é, queremos promover o confronto de ideias, o debate entusiasmado sobre o futuro de Arcos de Valdevez mas também encontrar as pontes e os consensos necessários que permitam uma ação política mais ajustada às necessidades de um concelho confrontado com os problemas inerentes à interioridade mas sabedor das potencialidades e da qualidade de vida que ainda é possível almejar no Alto Minho.

Numa organização da Câmara Municipal de Arcos de Valdevez, em parceria com o CENFIPECentro de Formação e Inovação dos Profissionais de Educação/Escolas do Alto Lima e Paredes de Coura, convidamos grandes nomes, especialistas de diferentes áreas que dispensam apresentações e que nos vão ajudar a refletir sobre diferentes áreas (Educação, Ambiente, Economia, Sociedade, Turismo…). Destaque para o filósofo FERNANDO SAVATER, o Jornalista e sub-Diretor de Informação da SIC, JOSÉ GOMES FERREIRA, LICÍNIO LIMA (U. MINHO), CARLOS DANIEL (Jornalista da RTP), ALEXANDRE CASTRO CALDAS, MANUEL VILLAVERDE CABRAL, RAQUEL VARELA, MÁRIO FERREIRA (Douro Azul) entre outros.

O Ciclo está em fase de acreditação junto do CCPFC de modo a relevar como Formação Contínua para os Professores que queremos igualmente chamar a este grande debate (15 horas, 0,6 Créditos).

O Primeiro momento, PARA ONDE VAI PORTUGAL : Economia, Sociedade e Educação |3 ideias para um Concelho, acontece já no dia 5 de Junho, na CASA DAS ARTES DE ARCOS DE VALDEVEZ, pelas 21.30 horas e conta com a presença do Professor Licínio Lima (Universidade do Minho) com uma intervenção intitulada “Resgatar a Educação como processo de Humanização” e de José Gomes Ferreira (SIC) que abordará o tema “O que Falta fazer para a Economia ser sustentável”. O segundo momento ocorre em 23 de outubro e o Ciclo termina a 20 de fevereiro de 2016.

As entradas são livres. Os professores que pretendam frequentar a formação acreditada devem obrigatoriamente efetuar a pré-inscrição na página do CENFIPE em www.cenfipe.edu.pt

Desafiamos Professores, Investigadores, Académicos, Autarcas e decisores políticos, representantes de associações e entidades de Arcos de Valdevez, Pais e Encarregados de educação, Público em Geral e todos os Arcuenses que amam a sua terra em particular, a participarem neste amplo debate cuja essência é ajudar a trilhar o caminho para o futuro de um Concelho com o lema “Um Ambiente acolhedor”.

BRAGA ACOLHE 1º ENCONTRO DOS LICEUS DE PORTUGAL

Escolas Secundárias assumem papel determinante na formação cívica dos jovens

A história e a evolução do ensino liceal estiveram hoje em discussão no 1º Encontro dos Liceus de Portugal, que decorreu na Escola Secundária Sá de Miranda, uma instituição com 178 anos de existência e uma vasta história nesta matéria. Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, participou na Sessão Inaugural do evento, intitulada ´De Atenas ao Liceu Sá de Miranda´.

1

Na ocasião, o Edil salientou a importância que os Liceus assumiam na vida das Cidades enquanto factores de atracção de massa crítica. “Pela qualidade da formação que ai se produzia, do ponto de vista do impulso ao desenvolvimento e qualificação, os Liceus podem ser equiparados, com as devidas distâncias, ao que é hoje a perspectiva sobre as Universidades, tendo contribuído decisivamente para a transformação e inovação das Cidades”, afirmou.

Segundo o autarca, as Escolas Secundárias - que substituíram a designação de Liceu após o 25 de Abril de 1974 - continuam a ter um ´papel crucial´ na definição da vida das comunidades, sobretudo ao nível da formação cívica e dos valores humanos.

“Mais do que fazer a evocação do legado histórico valioso que os Liceus tiveram em Portugal, é fundamental ter a consciência de que, no presente, estes estabelecimentos de ensino são essenciais para a interacção dos jovens com a sociedade envolvente ”, referiu, lembrando que tem sido uma clara aposta do Executivo Municipal envolver as instituições de ensino secundário na vida comunitária através da participação em eventos culturais, actividades desportivas e iniciativas de promoção da participação cidadã, como são ´excelentes exemplos´ a discussão do PDM junto dos alunos ou o Orçamento Participativo Escolar.

Por fim, Ricardo Rio salientou que a qualidade das Escolas e do ensino ministrado depende, acima de tudo, das pessoas que diariamente estão envolvidas nesse processo, desde alunos, professores, funcionários e encarregados de educação. “Espero que as Escolas Secundárias continuem a ser um marco no desenvolvimento de cada um dos territórios. Braga, assim todo o país, precisa desse contributo para o futuro”, finalizou. 

2

PARTIDO “OS VERDES” REÚNE CONVENÇÃO NACIONAL

13ª Convenção do Partido Ecologista “Os Verdes”, hoje e amanhã no Fórum Lisboa

Realiza-se hoje e amanhã, dias 29 e 30 de Maio, em Lisboa (Fórum Lisboa) a 13ª Convenção do Partido Ecologista Os Verdes.

13CPEV_banner_email-1

Esta 13ª Convenção do PEV decorre num momento particularmente importante da vida política nacional, onde a construção, tão necessária, de uma alternativa em Portugal não pode dispensar o contributo deste projeto ecologista com 32 anos de lutas e conquistas consolidadas. Daí, Os Verdes terem adotado para lema da sua Convenção “Respostas Ecologistas – Juntos Conseguimos!”.

Os trabalhos começarão hoje, sexta-feira, dia 29 de Maio, com o início da Convenção às 21.30h e a intervenção de abertura marcada para as 22.00h, proferida pela dirigente nacional Manuela Cunha, onde será feito o balanço da intervenção política do PEV nos últimos 3 anos. No sábado, 30 de Maio, Os Verdes destacam os debates que decorrerão em torno da Moção de Ação Política – intervenção feita por Heloísa Apolónia, a partir das 10.00h - que definirá a estratégia dos Verdes para o futuro próximo, e das Moções Setoriais, sendo que a intervenção de encerramento, a cargo do dirigente José Luís Ferreira, está prevista para as 18.00h.

Antes da sessão de encerramento, realizar-se-á uma homenagem ao Cante Alentejano, património da humanidade pela UNESCO, que contará com a presença do Grupo Coral “Os Mainantes de Pias”.

29 de maio – Sexta-Feira

20:00h - Receção dos Delegados, Participantes e Convidados

21:30h - Início dos Trabalhos, Saudação de Boas Vindas, Eleição das Mesas da Convenção

21:45h - Aprovação do Regulamento e O.T. da Convenção, Eleição do Secretariado, Eleição da Comissão de Redação

22:00h - I. Intervenção de Abertura,

- Debate - Balanço da Intervenção e ação política do PEV entre convenções.

00:00h - Suspensão dos trabalhos

30 de maio – Sábado

9:30h – Abertura do Secretariado

10:00h - II. Apresentação, debate e votação das Moções de Ação Política e das Moções Setoriais.

11H45 - III. Abertura da Eleição dos Órgãos Nacionais.

13H00 - Pausa para almoço

15H00 - IV. Apresentação, debate e votação das Moções (continuação)

16h30 - V. Encerramento da Votação para Eleição dos Órgãos Nacionais

17H00 - VI. Sessão de Encerramento - Momento Cultural

17H30 - VII. Informação do apuramento das eleições dos órgãos

18H00 - VIII. Intervenção de Encerramento

MONÇANENSES PERCORREM TRILHO “CAMINHO DOS MORTOS”

Dia 31 de maio, domingo, com início às 9h00 na Capela do Senhor dos Passos, em Merufe. A participação é gratuita, devendo os interessados inscrever-se na Loja Interativa de Turismo (T. 251 649 013 | turismo@cm-moncao.pt).

merufe 26

No âmbito da iniciativa “Caminha para Conhecer Monção”, realiza-se este domingo, 31 de maio, o trilho “Caminho dos Mortos”, na freguesia de Merufe. Com início às 9h00, com partida da Capela do Senhor dos Passos, possui uma distância de 12,5 quilómetros e um nível de dificuldade moderada com cotas mínimas de 125 metros e máximas de 650 metros de altitude.

A participação é gratuita, devendo os interessados inscrever-se na Loja Interativa de Turismo (T. 251 649 013 | turismo@cm-moncao.pt). No final da caminhada, com duração aproximada de 5 horas, decorre um “picnic-convívio” no parque de merendas do Senhor dos Passos, oferta da Junta de Freguesia de Merufe.

O “Caminho dos Mortos” atravessa a Serra de Anta com uma deslumbrante paisagem entre bosques e pontos de visualização de natureza únicos. A paisagem envolvente que o percurso oferece é tipicamente serrana caraterizada por zonas mistas, alternando entre povoamentos florestais e áreas aprazíveis adjacentes ao rio Mouro e pequenos ribeiros.

O nome do trilho deve-se ao facto de, antes da construção das novas vias rodoviárias, os funerais, desde os lugares mais montanhosos até à igreja paroquial, se fazerem por este caminho. Os finados eram transportados em carros de bois, demorando horas até chegar ao destino.

Além desta particularidade, ao longo do percurso podem-se encontrar vários núcleos rurais (Arado, Bouças ou Cernadas), bem como vestígios das primeiras civilizações que assentaram nesta região no quarto milénio A.C, concretamente a Mamôa do Cotinho, um monumento funerário coletivo e local de culto, onde eram depositados os mortos.

A Câmara Municipal de Monção, entidade promotora, e a Elos da Montanha, responsável pela condução do percurso, aconselham os participantes a usarem roupa e calçado confortável e adaptado a terrenos irregulares, água, chapéu, protetor solar e reforço alimentar. 

MONÇÃO REALIZA X FESTIVAL DE FOLCLORE “ESTRELA DOS VALES”

Dia 31 de maio, domingo, pelas 15h00, no lugar do Mosteiro, em Longos Vales. Participação de quatro agrupamentos que prometem uma tarde animada de valorização da etnografia local.

Estrela

Com os meses quentes, chegam os festivais de folclore. O ciclo abre-se pela mão do Grupo Folclórico “Estrela dos Vales” com a realização este domingo, 29 de maio, do X Festival de Folclore “Estrela dos Vales”, em Longos Vales. Decorre no lugar do Mosteiro, com início às 15h00.

Além do grupo anfitrião, participam mais três ranchos folclóricos: Rancho “Os Camponeses do Mondego”, de Coimbra, Rancho de Paço de Sousa, de Penafiel, e Rancho de Nogueira, de Ponte de Lima. A animação, no palco e fora dele, está garantida numa tarde que, parece, deixará brilhar o sol.

Esperam-se momentos de intercâmbio entre os participantes e de convívio entre o público em mais um momento de valorização da etnografia local que irá refletir, com intensidade, o papel insubstituível do movimento associativo na promoção da ruralidade.

GUIMARÃES DEBATE A ESCOLA DO FUTURO

CPCJ de Guimarães promove conferência “A escola do futuro, quando o futuro é já hoje” QUE DECORRE HOJE, NA Plataforma das Artes

Dois painéis de manhã e outras duas sessões à tarde fazem parte de uma conferência realizada no âmbito do Dia Mundial da Criança. Tema “Escola” estará em debate durante todo o dia na Plataforma das Artes. A partir das 09:30 horas.

A Comissão de Proteção de Crianças e Jovens Guimarães (CPCJ) promove esta sexta-feira, 29 de maio de 2015, com início às 09:30 horas, na Blackbox da Plataforma das Artes e da Criatividade, um espaço de reflexão dirigido a técnicos, educadores e pais em geral, privilegiando o tema “A escola do futuro, quando o futuro é já hoje”, conferência inserida nas comemorações do Dia Mundial da Criança, em Guimarães.

A iniciativa, cuja sessão de abertura será presidida por Domingos Bragança, Presidente do Município, está dividida em quatro painéis compostos por investigadores na área da educação, coordenadores de projetos educativos e de docentes do ensino básico e secundário e do ensino superior, assim como de alunos do ensino secundário. As intervenções têm o objetivo de ajudar a refletir sobre a escola atual e as mudanças necessárias para continuar a preparar as crianças e jovens que serão futuros adultos.

Pelas 09:45 horas, o primeiro painel, denominado “A primeira infância como pilar de um desenvolvimento sustentado”, contará com a presença de Teresa Sarmento, docente da Universidade do Minho, Margarida Silva Rodrigues, diretora da Escola Raiz e Presidente da Associação High Scope Portugal, sendo moderado por Filomena Bordalo, da Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade (CNIS), principal organização representativa das instituições particulares de solidariedade social (IPSS) em Portugal.

Uma hora depois, o segundo painel abordará a “Adolescência: o paralelismo entre o desafio escolar e a construção da identidade” e será composto por Joaquim Azevedo, da Faculdade de Educação e Psicologia da Universidade Católica, Luísa Moreira, Coordenadora Nacional do Projeto Fénix, Carlos Jorge Sousa, Coordenador do Observatório das Comunidades Ciganas, e por Margarete Silva, Investigadora da UMinho e Diretora do Projeto Ser Humano, sendo moderado por Adelina Paula Pinto, Vereadora da Câmara Municipal de Guimarães.

Jovens dão testemunhos

De tarde, a partir das 14:30 horas, principia o terceiro painel sob o tema “Educação e Cidadania: a escola na 1ª pessoa” no qual se dará “voz” a jovens que estão a frequentar o nível secundário no concelho, em percursos diferenciados, numa conversa reflexiva, sobre o seu percurso escolar, angústias e preocupações e expetativas quanto ao futuro, numa tentativa de formular propostas de mudança e adaptação da escola às suas necessidades e expetativas da sociedade do seculo XXI. O painel será animado pelo representante do Ministério da Educação na CPCJ, Jorge Correia.

O quarto painel denomina-se “A dinâmica Escola-Família: o envolvimento ativo dos pais no projeto educativo” e tem início agendado para as 15:45 horas, com a participação de Jorge Sequeira, Diretor da empresa “Team Building”, de Ana Moreira, Coordenadora Geral do Projeto e de Isabel Moreira, Presidente do Conselho de Direção e representante dos Encarregados de Educação, ambas da Escola da Ponte, em Vila das Aves, e de Jorge Ascensão, Presidente do Conselho Executivo da Confederação Nacional das Associações de Pais, tendo como moderadora a advogada Ana Margarida Teixeira, em representação da Assembleia Municipal. Por último, Manuel Sarmento, docente da UMinho, fará as conclusões finais.

PARTIDO “PESSOAS-ANIMAIS-NATUREZA” QUER ACABAR COM CANIS DE ABATE

PAN entrega ILC com 42.015 assinaturas na Assembleia da República pedindo o fim dos canis de abate

O PAN – Pessoas-Animais-Natureza lançou a 7 de Março, uma Iniciativa Legislativa de Cidadãos que visa acabar com os canis de abate em Portugal. Terminada a recepção de mais de 50.000 assinaturas, 42.015 foram validadas e serão entregues esta quinta-feira, 28 de Maio, pelas 16h30, na Assembleia da República. No dia 4 de Junho, às 17h00 o PAN reúne também com Cristóvão Norte, deputado do PSD, para discutir a ILC.

O porta-voz do PAN, André Silva, adiantou que “este número de assinaturas em tão curto espaço de tempo é um sinal muito positivo da democracia participativa na comunidade civil Portuguesa e demonstra também o crescimento e a dinâmica do PAN nos últimos meses.”

Apesar de ainda não dispor de assento parlamentar, o PAN alcançou em apenas dois meses e meio um nível de mobilização social assinalável, via contactos pessoais, acções de rua e redes sociais, que chegou a mobilizar cidadãos portugueses a residir em Macau, Luxemburgo, Suécia, Suíça, EUA e França. O PAN pretende, através das vias previstas por lei, levar o debate à Assembleia da República, ainda nesta legislatura, e aprovar medidas que há muito são exigidas por uma grande parte dos portugueses.

Esta Iniciativa Legislativa de Cidadãos visa criar uma moldura legal que contemple os princípios de respeito pela vida dos animais não humanos, apresentando três grandes objetivos.

O primeiro prende-se com a proibição do abate de animais pelas câmaras municipais. Todos os anos são abatidos em Portugal dezenas de milhares de animais que deram entrada nos Centros de Recolha Oficial (CRO) ou em estruturas semelhantes. Acresce a este facto que muitos dos canis e gatis que ainda não estão licenciados como CRO não cumprem as normas mínimas de higiene e bem-estar animal.

O segundo objetivo prevê a instituição de uma política de controlo das populações de animais errantes. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS) e a Ordem dos Médicos Veterinários (OMV), as políticas públicas de abate compulsivo como resposta à sobrepopulação de animais de companhia não são a solução.

Além de ser uma prática que respeita a vida destes seres não humanos, a esterilização e encaminhamento para adoção são práticas economicamente mais vantajosas para os municípios do que o abate do animal e sua posterior incineração.

Quando haja colónias de animais de rua estabilizadas, os programas RED (recolha, esterilização e devolução) também saem mais baratos ao Estado do que a opção pelo abate e incineração.

Por último, esta ILC pretende estabelecer condições adicionais para a criação e venda de animais de companhia. A substituição do abate pela esterilização enquanto mecanismo preferencial para a resolução do problema da sobrepopulação dos animais de companhia deverá ser acompanhada de um conjunto de medidas adicionais, de modo a ser eficaz. Neste aspeto, o PAN considera que Portugal deve seguir os melhores exemplos internacionais, proibindo a venda de animais de companhia nas designadas “lojas de animais” e impondo condições especialmente exigentes para a criação de animais.

MARTA HUGON REALIZA CONCERTO DE JAZZ EM PONTE DE LIMA

Marta Hugon. 29 de Maio – 22h00 – Teatro Diogo Bernardes

O Teatro Diogo Bernardes, quase no final do período normal de programação compreendido entre Setembro e Maio, abrindo uma ou outra excepção para concertos integrados no Festival Percursos da Música, que decorrerá entre 1 e 9 de Julho próximos, abre de novo as portas ao jazz nacional para o concerto de uma das melhores intérpretes portuguesas da actualidade – Marta Hugon, a 29 de Maio pelas 22h00.

10623488_916747358357143_1548093016144258782_o[1]

Marta Hugon traz ao palco um novo trabalho cheio de surpresas e histórias que contam o prazer de cantar, um repertório de originais e algumas versões dos seus temas preferidos num concerto recheado de grandes momentos musicais, acompanhada por Filipe Melo no piano, Mário Delgado na guitarra, Nelson Cascais no contrabaixo e André Sousa Machado na bateria.

Nascida em Lisboa, Marta Hugon começou por cantar repertório clássico na adolescência. O interesse pelo jazz desenvolveu-se gradualmente e em simultâneo com o interesse pela ópera e pelo Lied e tornou-se uma paixão que conduziu inevitavelmente à escola do Hot Club de Portugal, onde hoje é professora, tendo sido também vocalista da sua Big Band.

É no Hot Clube que conhece o seu trio de eleição, com Filipe Melo no piano, Bernardo Moreira no contrabaixo e André Sousa Machado na bateria. É com eles que grava, em 2005, o seu primeiro disco a solo – Tender Trap – com óptima recepção por parte da crítica e do público.

Em 2008 é lançado o seu segundo CD, Story Teller, que reafima o seu gosto pelas canções e confirma a solidez do grupo, conquistando o público e a crítica, que salienta a maturidade da voz e da interpretação e a originalidade na escolha do repertório.

No final de 2011 sai o seu primeiro registo de originais, composto na sua maioria por temas com letras da cantora e música e arranjos do pianista Filipe Melo, incluindo também os compositores André Fernandes e Bernardo Sassetti.

Marta Hugon tem participado em diversos projectos na área do jazz, e actuado em diversas salas e festivais de jazz pelo país, como a Gulbenkian, o Centro Cultural de Belém, Culturgest, Teatro São Luiz, Casa da Música, Estoril Jazz, Festival de Jazz da Alta Estremadura, Douro Jazz e In Jazz, entre outros.

Discografia em nome próprio: 2005 – Tender Trap (Som Livre) / 2008 – Story Teller (Iplay) / 2011 – A Different Time (Sony Music)

Outra discografia: 2012 – Doctetos – António Barros Veloso (edição de autor) / 2005 – Composto de Mudança (SL Editora) / 2005 – The Remixes – Camarão (Loop Records) / 2004 – Amplitude – Spill (Tone of a Pitch) / 2002 – Electric Sul Shrimp & Hugon –Editora Nylon; 2000 – Música para TV, Rádio e Filmes Exóticos – Cool Hipnoise (Norte Sul)

Bilhetes à venda e mais informações no Teatro Diogo Bernardes, pelo telefone 258 900 414 ou pelo email teatrodb@cm-pontedelima.pt

GUIMARÃES CONDECORA ANTIGOS AUTARCAS

Unanimidade na atribuição de quatro “Medalhas de Honra do Município de Guimarães” em 2015. Atribuição do mais alto galardão do Município aprovada por unanimidade. Condecorações serão efetuadas no dia 24 de junho.

O Executivo Municipal aprovou por unanimidade, esta quinta-feira, 28 de maio, a atribuição da “Medalha de Honra do Município de Guimarães”, na sessão solene evocativa do 24 de junho - Dia Um de Portugal, a três antigos Presidentes de Câmara, Edmundo Campos, Manuel Ferreira e António Xavier, e ao atual Reitor da Universidade do Minho, António M. Cunha, uma proposta que foi apresentada por Domingos Bragança, Presidente do Município de Guimarães.

Guimaraes_Medalhas_24_Junho_Aprovacao

«Atendendo à notoriedade e aos seus relevantes contributos para o desenvolvimento e afirmação de Guimarães, entendo estarem reunidos os pressupostos de excecionalidade e especial oportunidade que justificam a atribuição das medalhas honoríficas propostas. Guimarães reconhece o trabalho de três Autarcas e distingue o Professor António Cunha, pelo empenho e trabalho realizado na construção de uma Universidade sem muros, aberta à comunidade e com equipamentos de ensino de referência na Zona de Couros», refere Domingos Bragança.

A par da atribuição da Medalha de Honra do Município de Guimarães, o mais alto galardão concedido pela Câmara Municipal confere ao agraciado singular o título de “Cidadão Honorário de Guimarães” e é atribuído em reconhecimento dos relevantes serviços prestados à comunidade vimaranense, ao país e/ou à humanidade cujos méritos sejam considerados extraordinários.

Edmundo Campos, eleito em 1976, foi o primeiro Presidente do Município após o 25 de abril. António Xavier assumiu o cargo em 1979 e manteve-se até 1983, altura em que Manuel Ferreira foi eleito Presidente da Autarquia. Em 1985, António Xavier regressou à Presidência, onde permaneceu quatro anos. António M. Cunha é Reitor da Universidade do Minho desde outubro de 2009 e Presidente do Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas desde 2014, estando há largos anos comprometido com o desenvolvimento do concelho vimaranense, sendo um parceiro estratégico do Município de Guimarães.

BRAGA RECEBE LÍDER DA MULTINACIONAL AMERICANA CONCENTTRIX CORPORATION

Planos de crescimento da Concentrix Corporation focados em Braga

Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga, recebeu hoje, dia 28 de Maio, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, o líder máximo da multinacional americana Concentrix Corporation, Chris Caldwell. A empresa, que em Braga está localizada desde 2007 no edifício da Estação de Caminhos-de-Ferro, emprega actualmente cerca de 600 colaboradores, mas tem planos para expandir esse número nos próximos meses para mais de 800. "É uma empresa em claro crescimento e cujo dinamismo e ambição está a potenciar novos recrutamentos, o que para Braga é uma enormíssima mais-valia", afirmou Ricardo Rio, presidente da Câmara Municipal de Braga.

3

Segundo o Edil, Braga é um local com ´fortíssimas aptidões´ para receber empresas na área dos centros de serviços partilhados e de apoio às áreas de negócio, como acontece com a Concentrix. "É uma aspiração do Município que está consagrada no plano estratégico de desenvolvimento económico elaborado pela InvestBraga. Cativar estas empresas traduz-se na criação de mais postos de trabalho e também de mais oportunidades para a população do Concelho e da região", assumiu.

Como lembrou o autarca, o representante da Concentrix em Portugal, Ahmed Aboulezz, foi recentemente nomeado Embaixador Empresarial de Braga, o que é demonstrativo das ´excelentes relações´ entre o Município e a empresa.

"Tivemos recentemente a oportunidade de visitar as instalações da Concentrix e de constatar a projecção que esta empresa dá ao Concelho internacionalmente", afirmou, garantindo que é um orgulho receber o presidente mundial da empresa, partilhar com ele a visão para o futuro da Cidade e estimulá-lo para que continue a ver em Braga um destino preferencial para o investimento.

Por seu turno, Chris Caldwell enfatizou que Braga tem um clima propício ao investimento e colabores competentes, talentosos e que apresentam ´excelente performance´. "Queremos consolidar a nossa relação com os actuais clientes e continuar a crescer em Braga", afirmou.

1

MONÇÃO ACOLHE II TORNEIO INTERNACIONAL DE KARATÉ

Competição, marcada para este sábado, 30 de maio, conta com cerca de meio milhar de atletas de meia centena de clubes portugueses, espanhóis, franceses e marroquinos. Presença de atletas medalhados em europeus e mundiais, bem como os selecionadores de Portugal, Joaquim Gonçalves, e de Espanha, Cesar Blanes.

karate

Com organização do Deu-la-Deu Karaté Clube de Monção e apoio da Federação Nacional de Karaté de Portugal e Câmara Municipal de Monção, realiza-se este sábado, 30 de maio, no Pavilhão Desportivo Municipal, o II Torneio Internacional de Karaté de Monção.

As provas decorrem ao longo de todo o dia com a presença de cerca de meio milhar de atletas de meia centena de clubes portugueses, espanhóis, franceses e marroquinos. Prevista a participação de alguns campeões nacionais e regionais em vários escalões, bem como atletas medalhados em europeus e mundiais da modalidade.

Além do presidente da Federação Nacional de Karaté de Portugal, Carlos Silva, e do selecionador nacional da modalidade, Joaquim Gonçalves, marca presença neste evento o selecionador de Espanha, Cesar Blanes. Confirmada está também a participação do espanhol Alejandro Molina Arencon, campeão do mundo e da europa.

Tendo como objetivo a promoção da prática da modalidade, a organização aponta como principais objectivos do torneio a rodagem dos atletas mais jovens e a divulgação do clube e do concelho de Monção. Salienta ainda o intercâmbio e a aprendizagem que estas iniciativas proporcionam aos atletas que, nesta competição, vão conviver com os melhores.

Fundado em 2010, o Deu-la-Deu Karaté Clube de Monção tem em atividade setenta atletas de diferentes idades, promovendo demonstrações públicas da modalidade e participando em encontros de karaté realizados em diferentes regiões do país. A modalidade tem crescido de ano para ano no concelho, sendo este torneio um exemplo da capacidade organizativa do clube.

GERÊS ESTÁ MAIS PERTO DO AEROPORTO DO PORTO

Parceria prova que é fácil chegar ao Gerês desde o Aeroporto do Porto

No passado mês de Março 2015 a Gerês Viver Turismo - Associação de Defesa e Promoção do Gerês e a empresa Get Bus, iniciaram uma parceria conjunta no sentido de promover o Parque Nacional Peneda-Gerês, nomeadamente comunicar-se de forma mais efetiva as ligações já existentes entre o Aeroporto do Porto e o Gerês por meio de autocarro.

Foto Oficial

A parceria foi celebrada no passado dia 26 de Maio com uma viagem, em contexto real, entre o Aeroporto do Porto e o Gerês, assim como com uma visita ao Núcleo Museológico de Vilarinho da Furna, instalado no concelho de Terras de Bouro.

A referida viagem serviu de certa forma para testar e provar a facilidade com que se pode chegar ao Gerês em autocarro.

Nesta iniciativa estiveram representadas as seguintes entidades; Câmara Municipal de Terras de Bouro, associação empresarial Gerês Viver Turismo, associação de desenvolvimento regional ADERE-PG, Câmara Municipal de Braga, empresas Get Bus e Empresa Hoteleira do Gerês.

O Gerês enquanto destino turístico é muito procurado, tanto pelo seu património natural como pela sua cultura e inúmeras soluções de lazer, sendo assim importante o reforço da promoção deste destino que passa por comunicar-se e divulgar-se as ligações já existentes entre o Aeroporto do Porto e o Gerês via autocarro, operadas pelos serviços das empresas Get Bus, Transdev, Verde Minho e Empresa Hoteleira do Gerês, resultante de um esforço conjunto em prol da mobilidade de e para o destino turístico.

De destacar a relação de parceria entre entidades públicas e privadas neste contexto, facto que vem facilitar a organização da informação assim como a operacionalização do serviço de transportes, optimizando assim a oferta em termos de mobilidade.

Foto: Get Bus

MONÇANENSES CAMINHAM PASSO A PASSO PELA VIDA

Este domingo, 31 de maio, pelas 17h30, com saída da Ecopista do Rio, na lodeira, e chegada à Senhora da Cabeça, em Cortes. Aberta à população, a 7ª Caminhada na Luta Contra o Cancro e Doenças Cardiovasculares procura sensibilizar a comunidade local para estas problemáticas, alertando-a para a importância da componente preventiva.

Com organização do Centro de Saúde de Monção e Grupo de Auto-Ajuda Deu-la-Deu Vida e apoio da Rede Social de Monção, realiza-se, este domingo, dia 31 de Maio, pelas 17h30, a 7ª Caminhada na Luta Contra o Cancro e Doenças Cardiovasculares.

Com a denominação “Caminhar Passo a Passo pela Vida”, a iniciativa consta de um passeio pela Ecopista do Rio Minho desde o Parque da Lodeira, junto à Ponte Internacional entre Monção e Salvaterra, até ao parque de lazer da Senhora da Cabeça, em Cortes.

Aberta a quem pretender participar, a 7ª Caminhada na Luta Contra o Cancro e Doenças Cardiovasculares não implica pagamento obrigatório, contudo, quem pretender uma t-shirt alusiva à iniciativa e água terá de pagar 3,00 € que reverterão a favor da Liga Portuguesa Contra o Cancro (Núcleo Regional do Norte).

De acordo com a organização, a caminhada deverá ultrapassar a presença de meio milhar de pessoas de todas as idades. O objetivo geral passa por estimular a atividade física e sensibilizar a comunidade local para estas problemáticas, alertando-a para a importância da componente preventiva.

CAPITAL VERDE EUROPEIA REÚNE COMISSÃO CONSULTIVA EM GUIMARÃES

Comissão Consultiva da Capital Verde Europeia reúne pela primeira vez esta sexta-feira, 29 de maio. Sessão decorre no laboratório da Paisagem

Definir modo de funcionamento do órgão e apresentar trabalho já efetuado pelos vários grupos da Estrutura de Missão são alguns dos assuntos que estarão em apreciação.

Laboratorio_Paisagem_Guimaraes

O Laboratório da Paisagem, em Creixomil, recebe esta sexta-feira, 29 de maio, pelas 21 horas, a primeira reunião da Comissão Consultiva da Capital Verde Europeia, da qual fazem parte, além de um representante de todos os partidos políticos com representação na Assembleia Municipal de Guimarães, os diretores dos agrupamentos de escolas e das escolas secundárias, os Presidentes de Junta de Freguesia e um conjunto de entidades, associações e instituições que exercem a sua atividade no âmbito dos indicadores previstos na candidatura.

O encontro tem por objetivo fazer o enquadramento geral do processo em curso da candidatura de Guimarães da Capital Verde Europeia em 2020, definir a forma de funcionamento deste órgão e apresentar, de forma sintética, os trabalhos desenvolvidos nesta fase inicial pelos vários grupos da Estrutura de Missão.

A Comissão Consultiva, que reunirá, ordinariamente, duas vezes por ano, tem como função acompanhar o desenvolvimento de todo o processo de formatação da candidatura de Guimarães a Capital Verde Europeia, de implementação da estratégia global e de análise dos documentos de trabalho que lhe são presentes pela Direção e pelo Comité Executivo.

A Direção é constituída pelo Presidente da Câmara Municipal, Domingos Bragança, e pelo Reitor da Universidade do Minho, António M. Cunha, estando também definido um Comité Executivo que terá por missão coordenar e desenvolver a estratégia de organização do processo de candidatura e integrar as instruções do Executivo Municipal e da Direção, levando em linha de conta as recomendações do Comité Externo de Aconselhamento e do Conselho Consultivo e coordenar o trabalho das Unidades Operacionais.

MUNICÍPIO DE CABECEIRAS DE BASTO PREVINE IDOSOS

Idosos de Cabeceiras de Basto alertados para cuidados a ter com a celebração de contratos

Mais de uma centena de pessoas participou ontem, dia 27 de maio, na ‘Sessão de Informação de Proximidade’, cujo orador convidado foi o Dr. Pedro Sousa do Centro de Arbitragem de Conflitos do Vale do Ave/Tribunal Arbitral (TRIAVE), do qual a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto é parceira, possibilitando aos munícipes, nos seus serviços, o pedido de esclarecimentos e a apresentação de participações.

Idosos de Cabeceiras de Basto alertados para cuida

Realizada por aquele Centro de Arbitragem com a colaboração da Câmara Municipal e do Núcleo Local de Inserção (NLI), a sessão foi presidida pela vice-presidente da Câmara, Dra. Isabel Coutinho.

De referir que a iniciativa, que se realizou no auditório da Casa do Tempo, teve como destinatários os seniores do nosso concelho, tendo para o efeito sido convidadas a estar presentes as Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS), bem como outras entidades locais com intervenção social naquele grupo etário.

Depois de cumprimentar o orador e dar as boas vindas a todos, a vice-presidente da Câmara falou aos presentes da importância do Centro de Arbitragem, desejando que “aproveitem estas ações para proveito próprio”.

Na oportunidade, Pedro Sousa falou à plateia dos serviços públicos essenciais (água, eletricidade, gás canalizado, comunicações eletrónicas, saneamento, lixo, correios), assim como da “lei que existe para proteção das pessoas” relativamente às grandes empresas que prestam esses mesmos serviços.

Pedro Sousa deixou também vários alertas relativamente à celebração de contratos, quer seja presencialmente, quer pelo telefone, sensibilizando os idosos a aconselharem-se antes de assinarem os papéis.

No final, os presentes esclareceram dúvidas e partilharam episódios ocorridos com algumas das empresas prestadoras desses ditos serviços públicos essenciais.

Em cima da mesa estiveram, assim e sobretudo, questões típicas das relações contratuais relativas aos serviços públicos essenciais, especialmente aquelas que provocam, por vezes, situações de verdadeiro endividamento, como os acertos de faturação e as penalizações por incumprimento contratual.

Note-se que o Centro de Arbitragem iniciou estas sessões de informação de proximidade no último trimestre de 2012, procurando abordar os serviços públicos essenciais. Através deste trabalho tem sido possível difundir informação a quem dela mais carece, assim como promover a divulgação deste Centro e dos organismos autárquicos de apoio ao consumidor junto de populações que dificilmente teriam conhecimento da existência destes serviços. Desde então, foram realizadas nos diferentes municípios, nomeadamente no de Cabeceiras de Basto, 33 sessões que transmitiram informação presencialmente a mais de 800 pessoas.

LIMIANOS REALIZAM “CÃOMINHADA”

Canil Intermunicipal do Alto Minho organiza “V CÃOminhada” no dia 30 de maio em Ponte de Lima

O Canil Intermunicipal do Alto Minho volta a organizar, no próximo dia 30 de maio, mais uma “CÃOminhada” (caminhada de cães) pela vila de Ponte de Lima. A concentração está marcada para as 9h30, nas instalações do Canil, em Fornelos, Ponte de Lima.

caominhada2015[1]

O percurso (Canil, Ponte de Lima, Canil) terá cerca de 6 quilómetros, com paragem no centro da vila. Todas as pessoas podem participar gratuitamente com os seus animais de estimação, desde que estes sejam saudáveis e estejam devidamente vacinados e licenciados pela junta de freguesia da sua área de residência. Os animais deverão ser portadores de coleira e guiados por trela durante todo o percurso e açaimados no caso de se tratarem de raças perigosas ou potencialmente perigosas. Caso o participante não tenha um animal de estimação pode levar um cão do Canil Intermunicipal.

Esta iniciativa pretende sensibilizar as pessoas para a problemática do abandono e incentivar a adoção, para que cada vez mais o canil seja um local de breve passagem para todos os animais. Pretende-se também alertar para os cuidados a ter com os animais de estimação quando os passeamos em jardins, via pública, etc…

O Canil é uma estrutura que está a ser gerida pela Comunidade Intermunicipal do Minho-Lima (CIM Alto Minho) e que serve os dez municípios do Alto Minho e os municípios de Esposende e Barcelos.

Venha passear pelo Centro Histórico de Ponte de Lima e praticar uma atividade saudável para si e para o seu fiel amigo!

Para mais informações consulte: em www.canil.cim-altominho.pt, ou através dos números 961 578 031 e 258 931 133.

CAMINHA RECUPERA PARA FREGUESIA DE DEM ENCONTRO DE CANTARES AO DESAFIO E TOCADORES DE CONCERTINA

Investimento na freguesia cresceu em 2014 mais de 68% relativamente ao ano anterior

O Encontro de Cantares ao Desafio e Tocadores de Concertina vai regressar a Dem. Este foi um compromisso assumido ontem por Miguel Alves, que anunciou também que o teatro vai subir em breve ao palco do Centro Cultural, animando um espaço que a população quer ver dinamizado. Em tempo de prestação de contas, na segunda reunião descentralizada, o presidente da Junta agradeceu o trabalho do Município, que investiu na freguesia, só no ano passado, cerca de 84 mil euros, o que significa um aumento de 68% face a 2013 mas, considerando a média de cinco anos (2009 a 2013), representa um acréscimo de 127%, ou seja, nunca antes se investiu tanto na linda e pitoresca freguesia da Serra de Arga.

3M1A2197

A segunda ronda de reuniões descentralizadas nas freguesias começou ontem, em Dem, precisamente o local onde o Executivo iniciou, há pouco mais de um ano, esta nova forma de diálogo com as populações, em que todos são convidados a interpelar presidente e vereadores. Perante uma sala cheia, desta vez no Centro Cultural, houve oportunidade de assumir e reconhecer o trabalho realizado e de analisar o que ainda falta fazer.

3M1A2201

A primeira intervenção coube ao presidente da Junta de Freguesia. Paulo Gonçalves não teve dúvidas em reconhecer o trabalho realizado pelo Município, realçando os excelentes balneários, o sistema de aquecimento “cinco estrelas”, a capela mortuária e o parque adjacente, a resolução de problemas em caminhos e no escoamento de águas e a visibilidade que a freguesia conseguiu, graças ao Rally de Portugal. “Foi fenomenal e veio beneficiar muito a nossa freguesia”, assegurou o autarca local.

Mas a freguesia precisa de mais e tem a legítima ambição de melhorar ainda e de criar condições para a atração de visitantes, assim como de proporcionar melhores condições de vida aos deenses.

Nas duas intervenções dos cidadãos que se inscreveram falou-se da necessidade de maior participação cidadã, nomeadamente através do voluntariado, um aspeto aliás consensual, e fez-se um balanço positivo das atividades desenvolvidas pela Câmara Municipal. Em síntese, foi muito bom mas é necessário ainda ir mais longe.

Em sintonia, Miguel Alves encerrou a reunião, lembrando que o encontro de tuning, que antes se realizava em Vilar de Mouros, vai passar para Dem, que passará também a ter teatro no seu Centro Cultural, prometendo ainda o regresso do Encontro de Cantares ao Desafio e Tocadores de Concertina, cuja genuinidade dava visibilidade e prestígio à freguesia.

O presidente da Câmara lembrou também que os benefícios da realização do Rally de Portugal não se esgotam na prova. Em matéria de “prestação de contas”, relativamente aos compromissos assumidos quando da primeira reunião descentralizada, Miguel Alves admitiu que fez quase tudo, faltando ainda resolver um problema de iluminação.

De qualquer forma, nunca um Executivo investiu tanto em Dem como este. Cerca de oitenta e quatro mil euros, sendo destes cerca de 48 mil gastos com a capela mortuária, foi um grande esforço de mobilização de verbas do Município em 2014, tendo já este ano sido transferidos 15 mil euros para a freguesia. Mesmo assim falta ainda verba para acabar de pagar a capela mortuária, assunto que vai ser equacionado, mantendo-se o excelente diálogo neste e noutros aspetos entre a Junta e a Câmara, com o objetivo de fazer de Dem um espaço ainda mais apetecível para viver e para visitar.

3M1A2212

PARTICIPANTES NO CONGRESSO MUNDIAL DA WORLD URBAN PARKS VISITAM PORTA DO MESIO EM ARCOS DE VALDEVEZ

Os participantes no Congresso Mundial da World Urban Parks, que se realiza no concelho vizinho de Ponte de Lima, visitaram a Porta do Mezio, no dia 26 de Maio.

Participantes no Congresso Mundial da World Urban

A Internacional Federations of Parks and Recreation Administration (IFPRA), que realizava estes congressos em diferentes partes do mundo, termina este ano a sua existência para dar lugar a esta nova entidade mundial do setor dos espaços verdes urbanos.

Participantes no Congresso Mundial da World Urban

Em parceria com este congresso mundial, a Associação Espanhola de Parques e Jardins Públicos realiza o seu 9º Congresso Ibero-Americano de Parques e Jardins Públicos num único congresso, cujos participantes, também, visitaram esta entrada do Parque Nacional existente no Mezio.

Durante a sua estadia na Porta do Mezio tiveram oportunidade de visionar um filme sobre o Parque Nacional da Peneda-Gerês, visitar o espaço, bem como realizar o Trilho Interpretativo do Mezio.

Participantes no Congresso Mundial da World Urban

MONÇÃO APRESENTA NOVO PRATO GASTRONÓMICO: LOMBELO À S. JORGE

O Chefe José Vinagre chamou-lhe um prato simples e criativo que junta o melhor dos produtos locais à qualidade vínica da região. O Vereador Paulo Esteves considerou que vem diversificar a nossa oferta gastronómica e constituir mais um motivo para reforçar a imagem de Monção como um destino turístico de excelência.

DSC_0835 (Large)

A oferta gastronómica do concelho de Monção está mais rica e diversificada. No âmbito da iniciativa “Prove Alto Minho”, promovida pela CIM Alto Minho, Associação Portuguesa de Hotelaria, Restauração e Turismo (APHORT) e os dez municípios da região, foi apresentado, ao final da tarde de ontem, no Museu do Alvarinho, um novo prato: Lombelo à S. Jorge.

DSC_0841 (Large)

O chefe José Vinagre chamou-lhe “um prato simples e criativo” que “irá enriquecer a suculenta ementa local”, podendo ser “confecionado em qualquer época do ano” com a particularidade de “juntar o melhor dos produtos locais à qualidade viníca da região”.

DSC_0830 (Large)

A receita, veio depois: “Bem, o lombelo tem de marinar em vinho Alvarinho, sendo acompanhado por bicas, cozidas e fritas, e um caldoso arrozinho de grelos com rodelas de chouriço da terra” explicou José Vinagre, lembrando: “a criação é esta mas cada restaurante, sem fugir à sua essência, pode e deve interpreta-la à sua maneira”.

Esta nova criação gastronómica, saída de um grupo de trabalho constituído por empresários de restauração, cozinheiros e representantes do município e da CIM – Alto Minho, deverá estar nas ementas dos 14 restaurantes aderentes à iniciativa no decorrer do Corpo de Deus/Festa da Coca, entre os dias 4 e 7 de junho. A decisão caberá aos proprietários que, dentro de dias, vão reunir e acertar estratégias de promoção e comercialização.

DSC_0850 (Large)

O Vereador das Atividades Socioculturais, Paulo Esteves, sublinhou o interesse e dinamismo dos empresários de hotelaria do concelho, enalteceu o trabalho de preparação efetuado pelo grupo de trabalho e realçou a importância do novo prato na defesa e valorização da gastronomia local.

“Este prato, confecionado com ingredientes da região e batizado com um nome ligado à identidade monçanense, vem reforçar a nossa oferta gastronómica e constituir mais um motivo para reforçar a imagem de Monção como um destino turístico de excelência” sublinhou Paulo Esteves.

Acrescentou: “A gastronomia não é um apêndice do turismo mas o próprio produto turístico. Há uns anos, o visitante deslocava-se a determinado local para ver a paisagem e monumentos e aproveitava para comer. Hoje, muita gente desloca-se especificamente, andando quilómetros, para provar aquele prato ou iguaria. É fundamental que os nossos restaurantes saibam receber porque quem vem uma vez e gosta, acaba por regressar”.

Em representação da Associação Portuguesa de Hotelaria, Restauração e Turismo (APHORT), António Pinto adiantou que o Lombelo à S. Jorge obedeceu a ideia de descoberta de novos sabores, tendo como base a criatividade e inovação dos chefes atuais, o receituário de antigamente e a necessidade de rentabilização económica. “No fundo, trata-se de reinventar o existente, projetando-o de uma forma diferente e apelativa” acentuou.  

A apresentação englobou ainda a entrega do dístico identificativo aos restaurantes aderentes e certificados de participação nesta iniciativa. Os presentes tiveram também a oportunidade de provar o pastel de nata de Alvarinho, criado e comercializado pelo profissional de pastelaria, Joaquim João Agre. O formato é o mesmo mas o sabor é outro. O “toque” de Alvarinho está lá. E faz uma grande diferença.  

DSC_0897 (Large)

III ENCONTRO DE FAMÍLIA E MENORES DA PROCURADORIA-GERAL DISTRITAL DO PORTO REALIZOU-SE NA PORTA DO MEZIO EM ARCOS DE VALDEVEZ

Realizou-se no passado dia 22 de Maio, na Porta do Mezio, o III Encontro da Família e Menores da Procuradoria-Geral Distrital do Porto, presidido pela Procuradora-Geral da República, Dra. Joana Marques Vidal.

II_encontro_procuradoria_geral_distrital_porto (2)

Na sessão de abertura esteve presente o Presidente da Câmara Municipal de Arcos de Valdevez, que saudou os presentes, sentindo-se honrado com a escolha do município e da Porta do Mezio, para este encontro de magistrados do Ministério Público do Distrito Judicial do Porto. Fez, ainda, uma apresentação do concelho, em especial do Parque Nacional da Peneda-Gerês.

II_encontro_procuradoria_geral_distrital_porto (1)

Nesta sessão usaram, ainda, da palavra a Senhora Procuradora-Geral Distrital do Porto, Dra. Maria Raquel Ribeiro Pereira,  e a Senhora Procuradora Geral da República, Dra. Joana Marques Vidal, que agradeceram ao Presidente da Câmara a cedência do auditório e a logística proporcionada pela ARDAL-Porta do Mezio, sem a qual não seria possível a realização do evento neste local. Fizeram vários elogios ao concelho de Arcos de Valdevez, ficando acordado o estabelecimento de mais parcerias no futuro.

II_encontro_procuradoria_geral_distrital_porto (5)

Após esta cerimónia de abertura foram iniciados os trabalhos com a presença de oito dezenas de Procuradores da República, Procuradores Adjuntos e Substitutos do Procurador-Adjunto. Foram debatidas várias temáticas, ao longo de todo o dia, que resultaram numa recomendação com linhas orientadoras uniformizadoras para o Ministério Público do Distrito Judicial do Porto.

No final da tarde os participantes realizaram o Trilho Interpretativo do Mezio, num momento de enorme animação e descontração.

II_encontro_procuradoria_geral_distrital_porto (7)

II_encontro_procuradoria_geral_distrital_porto (10

TERRAS DE BOURO PREPARA MARCHAS POPULARES

A Câmara Municipal de Terras de Bouro vai promover, em conjunto com o Agrupamento de Escolas local, as “Marchas Populares 2015”.

A atividade irá reunir na tarde de sexta-feira, dia 5 de junho, pelas 14.15 horas, na Avenida Dr. Paulo Marcelino, vila de Terras de Bouro, cerca de 400 crianças oriundas de todo o concelho que irão encher de cor e de alegria todo o espaço central da sede do concelho.

DSC02058

TERRAS DE BOURO COMEMORA DIA MUNDIAL DA CRIANÇA

O Município de Terras de Bouro assinala a 1 de junho o Dia Mundial da Criança, data que será comemorada com inúmeras atividades lúdicas no espaço junto à Piscina Municipal na vila de Terras de Bouro.

Durante o dia, serão desenvolvidas múltiplas ações alusivas à temática do dia e que passarão por ateliers pedagógicos, dos quais destacamos o da CPCJ e o da UCC, jogos tradicionais e minibasquete, karting, insufláveis e pinturas murais.

A iniciativa é organizada pelo Município de Terras de Bouro em parceria com o Agrupamento de Escolas de Terras de Bouro, o Núcleo Rio Homem, a Comissão de Proteção de Crianças e Jovens, a Unidade de Cuidados Continuados na Comunidade de Terras de Bouro, a FPB/Comité Nacional de Minibasket e a Associação de Basquetebol de Braga, além do precioso apoio das empresas Braval, SUMA e Águas do Fastio.

A festa terminará com uma fantástica largada de cerca de 500 balões.

1

BRAGA CANCELA INICIATIVA PREVISTA PARA HOJE Á TARDE

Cancelada iniciativa prevista para hoje, às 14h30, na Reitoria da Universidade do Minho, em Braga

Ricardo Rio, Pedro Abrunhosa e Nilton falam sobre "Sonhos de Juventude"

Por motivos alheios ao Município de Braga, a iniciativa prevista para esta tarde, integrada no âmbito da Semana da Juventude, que contaria com a presença do músico e compositor Pedro Abrunhosa e do humorista Nilton foi cancelada por indisponibilidade de última hora de um dos artistas convidados.

VALENÇA COMEMORA 90 ANOS DO SPORT CLUBE VALENCIANO

90º Aniversário do Sport Clube Valenciano. 1º Convívio de Antigos Atletas/Treinadores e Dirigentes

O Sport Clube Valenciano comemora, este ano, o 90º aniversário, com um conjunto de atividades evocativas desta data histórica. Em 1925 Valença oficializou a criação de um clube de futebol que, ao longo destes 90 anos, foi um grande impulsionador da atividade desportiva e que proporcionou grandes momentos de glória à cidade.

A primeira atividade programada é o 1º convivo de antigos atletas, treinadores e dirigentes que decorrerá na Praça da República, em frente à Câmara Municipal, na Fortaleza, sábado, 30 de maio, a partir das 11h15. Está programada uma receção por parte do Presidente da Câmara aos participantes no convívio. No ato será homenageado Alfredo Pinto, mais conhecido por “Espirra”, hoje, com 96 anos um jogar histórico que ao serviço do S.C. Valenciano foi campeão distrital, nos anos trinta, do último século e disputou campeonatos nacionais ao serviço do clube valenciano.

No âmbito das comemorações estão, ainda, programadas a Festa do Futebol Distrital, com a Super Taça da A.F.V.C. - Associação de Futebol de Viana do Castelo, a realizar no Estádio Dr. Lourenço Raimundo, a realizar no dia 10 de junho. A grande festa da comunidade do S.C. Valenciano está programada para o dia 20 de junho com o Arraial Valenciano.

As comemorações são organizadas por uma comissão promotora que conta com o apoio do Sport Clube Valenciano e da Câmara Municipal de Valença.

BRAGA PROMOVE HÁBITOS SAUDÁVEIS JUNTO DAS CRIANÇAS

Crianças desafiadas a adoptarem hábitos de vida saudáveis

Está a chegar ao fim o programa Escola Activa!, integrado no  projecto ´Captain Apple - The Healthiest Film Festival´. O programa foi lançado no final de Abril nas escolas do Concelho de Braga e, ao longo deste mês de maio - o mês do coração -, desafiou centenas de alunos a adoptarem hábitos de vida saudáveis. Dia 4 de Junho, no GNRation, serão entregues os prémios às equipas vencedoras e aos alunos participantes.

Captain Apple2

Nesse âmbito, um grupo de médicos constituído por 14 clínicos de Medicina Geral e Familiar, apoiado pela Fundação Portuguesa de Cardiologia, Ordem dos Nutricionistas, IPATIMUP e pela Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar, entre outras entidades, dinamizou nos estabelecimentos de ensino aderentes várias acções de sensibilização para combater a obesidade, considerada pela Organização Mundial da Saúde a epidemia do século XXI, e promover a saúde.

Nesta 1ª edição, a equipa médica explorou activamente a temática da vida saudável com cerca de 600 alunos que frequentam o 5º ano de escolaridade, num formato muito original de promoção de Saúde.

O programa Escola Activa! pretende, assim, estimular as crianças e a comunidade escolar para a adopção hábitos de vida saudável como modo e estilo de vida, convidando-as a realizar um conjunto variado de actividades práticas, na escola, em casa e ao ar livre, relacionadas com a alimentação saudável e a prática de exercício físico.

Estes desafios estão definidos num Passaporte Saudável que foi entregue nas escolas do Concelho. Os jovens alunos terão que provar ser capazes de cumprir os desafios propostos no passaporte e assumir o papel de Capitão Saudável capaz de mobilizar a família para este movimento de promoção de vida saudável.

Quanto ao projecto ´Captain Apple - The Healthiest Film´ - uma iniciativa do ALFACOOP / Externato Infante D. Henrique em parceria com a Câmara Municipal de Braga -, este envolve a realização de um festival nacional de filmes saudáveis de curta duração dirigido aos alunos das escolas da rede pública, particular e cooperativa. A participação no festival está aberta aos professores e alunos do 9º ao 12º ano.

O festival vai culminar numa gala, a realizar no dia 4 de Junho, no GNRation, em Braga, onde serão exibidos os filmes a concurso e, como já referido, entregues os prémios às equipas vencedoras e aos alunos participantes no programa Escola Activa!.

O regulamento do festival e outras informações sobre o projecto estão disponíveis em www.captainapple.org

Captain Apple

MUNICÍPIO DE GUIMARÃES APROVA VOTO DE LOUVOR AO UNIÃO TORCATENSE

Voto de Louvor por unanimidade para subida do União Torcatense aos campeonatos nacionais aprovado esta quinta-feira em reunião do exdcutivo municipal vimaranense

Câmara Municipal agracia clube da vila de São Torcato. Promoção representa uma afirmação do concelho de Guimarães em provas desportivas de âmbito nacional.

Torcatense_Nacional

O Município de Guimarães aprovou, por unanimidade, em reunião do Executivo Municipal realizada esta quinta-feira, 28 de maio, a deliberação de um voto de louvor ao Grupo Desportivo União Torcatense, que alcançou, no passado dia 17 de maio, a subida aos campeonatos nacionais de futebol, disputando na próxima época o Campeonato Nacional de Seniores, organizado pela Federação Portuguesa de Futebol.

De acordo com o texto assinado por Domingos Bragança, Presidente da Câmara Municipal de Guimarães, o êxito desportivo premeia o «esforço dos seus atletas, técnicos, dirigentes e associados e representa uma importante afirmação no plano desportivo e social da Vila de São Torcato e do Município de Guimarães, que passa a estar representado no futebol nacional por três clubes: Vitória, Moreirense e Torcatense».

Refira-se que a presença na próxima época do União Torcatense nas competições nacionais de futebol se verifica pela terceira vez, já que o clube de São Torcato disputou na época 2005/2006 a III Divisão Nacional e na época seguinte 2006/2007 a II Divisão B, que correspondia ao hoje denominado Campeonato Nacional de Seniores.

VOTO DE LOUVOR

O Grupo Desportivo União Torcatense, com sede na Vila de São Torcato, sagrou-se, no passado domingo 17 de maio, primeiro classificado do Campeonato Pró – Nacional da AF de Braga, alcançando a promoção às competições nacionais de futebol, ao Campeonato Nacional de Seniores organizado pela FPF (Federação Portuguesa de Futebol).

Este êxito premeia o esforço dos seus atletas, técnicos, dirigentes e associados e representa uma importante afirmação no plano desportivo e social da Vila de São Torcato e do Município de Guimarães, que passa a estar representado no futebol nacional por três clubes: Vitória, Moreirense e Torcatense.

Registe-se que a presença na próxima época do União Torcatense nas competições nacionais de futebol se verifica pela terceira vez, já que o clube de São Torcato disputou na época 2005/2006 a III Divisão Nacional e na época seguinte 2006/2007 a II Divisão B, que correspondia ao hoje denominado Campeonato Nacional de Seniores.

Nessa última época, o União Torcatense não dispunha ainda de instalações que possibilitasse realizar os seus jogos em São Torcato, pelo que teve de utilizar o Complexo Desportivo do Vitória. Na próxima época, mercê dos investimentos realizados no seu Campo de Jogos, como tem sucedido em todo o Concelho, o Torcatense disputará os seus jogos na Vila de São Torcato.

Neste tempo de festa pelo resultado alcançado em competição com 18 clubes, decidido apenas na última jornada, a Câmara Municipal de Guimarães associa-se à alegria pela promoção obtida, pelo que proponho que seja aprovado um voto de louvor ao União Torcatense, extensivo a todos quantos para ele contribuíram, aos seus atletas, técnicos, dirigentes e comunidade de São Torcato.

Guimarães, 28 de maio de 2015

O Presidente da Câmara

Dr. Domingos Bragança

ARCOS DE VALDEVEZ REÚNE EXECUTIVO MUNICIPAL

REUNIÃO ORDINÁRIA DE 25 DE MAIO DE 2015

     PERÍODO ANTES DA ORDEM DO DIA

  • No período Antes da Ordem do Dia o Sr. Presidente felicitou a organização da Expovez pela forma como decorreu evento, dando conta que os expositores se mostraram satisfeitos com a iniciativa.
  • O Sr.Presidente informou também que na passada 5ª feira assinou um contrato com a Comissão de Coordenação do Norte para o financiamento da requalificação da malha urbana de Arcos de Valdevez, no valor de 578 023.49€.
  • Por último informou que foi aprovada pela Delegação Regional de Educação da Região Norte a intervenção na EB1 da Eira do Penedo para passar também a integrar o Jardim Infantil.

DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO

Centro de Incubação – foi aprovado o protocolo para o Centro de Incubação em 75 000,00€, para apoiar nas iniciativas de Empreendedorismo em Baixa Densidade ao abrigo do ON.2; Promoção da cultura empreendedora no concelho; desenvolvimento de competências empreendedoras junto de públicos específicos; e Apoio à criação de iniciativas empresariais inovadoras.

DECLARAÇÃO DE INTERESSE E COMPATIBILIDADE: foi aprovado o pedido de declaração de interesse e compatibilidade da pretensão relativamente ao empreendimento de turismo rural – casa de campo na freguesia de São Cosme e São Damião.

Idem, relativamente ao pedido para uma habitação para fins turísticos – casa de campo no lugar de Pomarinho na União das Freguesias de São Jorge e Ermelo.

CULTURA

PROJETO DE REQUALIFICAÇÃO E ADAPTAÇÃO DO ESPAÇO ALAMEDA E ANTIGA ESCOLA PARA FUTURA PLATAFORMA PADRE HIMALAYA – PARECER PREVIO: Foi deliberado emitir parecer prévio vinculativo no âmbito do Projeto de Arquitetura e Especialidades para Requalificação e adaptação do Espaço Alameda e Antiga Escola para futura Plataforma Padre Himalaya, bem como autorizar a abertura de um procedimento administrativo de Ajuste Direto, considerando o preço base no valor de 75.000,00 euros, acrescido de IVA à taxa legal em vigor.

Este projeto em volta do Padre Himalaya, pretende englobar um centro de eco-cidadania no antigo Cineteatro Alameda e na antiga Escola Secundária, situada na rua Dr. Félix Alves Pereira, e, a par da reabilitação dos edifícios, aliar-se à Educação e ao Turismo; possuir espaços interpretativos, locais direcionados para a música, artes plásticas e dramáticas, oficinas, parques infantis e jardins etc, bem como relacioná-lo com a Ecovia e a Fonte Santa e Cendufe, terra natal do cientista.

AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS PARA PRODUÇÃO DA RECONSTITUIÇÃO HISTORICA DOS 500 ANOS DO FORAL DE ARCOS DE VALDEVEZ: foi deliberado conceder o parecer prévio relativo à aquisição por ajuste direto dos serviços para a produção da reconstituição histórica dos 500 anos do foral de Arcos de Valdevez, pelo valor de € 26 500,00.

Esta produção decorrerá nos próximos dias 13 e 14 de junho em várias artérias da Vila e englobará animação à época, figurantes, um mercado quinhentista bem como a participação de mais de 400 figurantes.

TURISMO/DESPORTO

ECOVIA – 3ª FASE – CAMPO DO TRASLADÁRIO ATÉ PAÇÔ: foi aprovado o projeto da ECOVIA - 3ª FASE - Campo Trasladário até Paçô (Alto da Prova), por forma a dar início ao procedimento de consulta às entidades externas- APA, CCDR-N e Entidade Regional da RAN.

OBRAS MUNICIPAIS

EB de Soajo – Eira do Penedo – foi aprovada a abertura de procedimento para a requalificação da escola de forma a permitir acolher no mesmo espaço o Jardim de Infância. O preço da base da intervenção é de 30 000,00€.

REMODELAÇÃO DO SERVIÇO DE ATENDIMENTO AO MUNÍCIPE - foi deliberado manter o teor do relatório preliminar e a adjudicação à empresa Carpintaria Pinto & Pintos, Ldª pelo valor de € 28 600,00.

Caminho de Ligação do Pardejo ao Bacelo – União das Freguesias de Guilhadeses e Santar: foi aprovado o auto de consignação da obra, adjudicada por 62 918,89€

RECONHECIMENTO DE INTERESSE PUBLICO DO EDIFICIO DA SEDE DA JUNTA: foi deliberado considerar de interesse público a edificação da obra de “Ampliação do Edifício da Sede da Junta de Freguesia”.

DECLARAÇÃO DE INTERESSE MUNICIPAL – CENTRO PAROQUIAL E SOCIAL DE SANTA MARIA DE GRADE: foi deliberado considerar de interesse municipal o “Centro de Dia, Lar de Idosos e Apoio Domiciliário”.

EMPREITADA DE REQUALIFICAÇÃO URBANA DA ENVOLVENTE AO CENTRO DE SAUDE: foi aprovado o auto de recepção provisoria da obra em epígrafe, adjudicada à firma JRVEZ – Unipessoal, Ldª.

PISCINA EXTERIOR DO EDIFICIO DAS PISCINAS MUNICIPAIS – LIBERTAÇÃO DE GARANTIAS: foi deliberado homologar o auto e autorizar a liberação de 60% da caução total, por terem decorrido 2 anos completos desde a receção provisória, sendo agora o montante a liberar de mais de 305 da caução inicial.

PROJETO DE EXECUÇÃO SOLAR – PISCINAS MUNICIPAIS: foi autorizada a substituição da garantia pelo seguro de caução.

REPARAÇÃO E BENEFICIAÇÃO DE ESPAÇOS DESPORTIVOS E DE LAZER – COMPLEXO DESPORTIVO DE GUILHADESES:- Foi deliberado não rececionar a obra e conceder ao empreiteiro um prazo máximo de 15 dias para correcção dos defeitos notificando-o para se pronunciar no prazo de 5 dias.

PONTE SOBRE O RIO VEZ A NORTE DO CONCELHO – NOVA TRAVESSIA DO RIO VEZ ENTRE AS FREGUESIAS DE VILELA E ABOIM DAS CHOÇAS – 2ª FASE: foi deliberado proceder à receção definitiva da obra, assim como a restituição dos depósitos de garantia da obra e cancelamento das respetivas garantias bancárias.

AUTO DE ARREMATAÇÃO: Foi deliberado adjudicar a compra da sucata à Ibersucatas de Braga, a proposta mais favorável.          

ASSOCIATIVISMO

A Câmara Municipal aprovou conceder um apoio no valor de € 5 320,21 para ajudar na realização do VII torneio de Adrien Silva, que decorrerá nos dias 6 e 7 de Junho.

Foi deliberado apoiar a ASSOCIAÇÃO de Jolda (S. Paio), no valor de € 3 750,00 para ajudar com as obras de requalificação na antiga escola primária.

A Câmara tomou conhecimento e aprovou a lista de material a adquirir para a disciplina de Educação Física, bem como para o gabinete de educação física, para o Centro Escolar de Sabadim, apresentada pelo Agrupamento de Escolas de Valdevez, no valor de 705,10€ com iva incluído.

Foi deliberado apoiar a Fábrica da Igreja Paroquial de São Martinho de Mei em € 7 000,00. para ajudar na construção de uma capela mortuária, cujas obras ascendem a € 15 200,00.

EPRALIMA - COMPARTICIPAÇÃO DO MUNICIPIO NOS EMPRESTIMOS PARA A REMODELAÇÃO DO EDIFICIO E AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTO DE COZINHA: foi deliberado aprovar a comparticipação do município nos encargos dos meses de Maio e Junho de 2015, com os referidos empréstimos para remodelação do seu edifício sede e para a aquisição de equipamento de cozinha, no montante de respetivamente de € 10 000,00 e € 1650,00, mensais.                     

FUNDO DE APOIO MUNICIPAL

A Câmara tomou conhecimento da 1ª tranche relativa à comparticipação deste Município no valor de 68 033,00€.

VIZELA COMEMORA M~ES DO CORAÇÃO

Passeio de cicloturismo ao S. Bento da Porta Aberta assinala ‘Maio, mês do coração’

A Câmara Municipal de Vizela está a comemorar, mais uma vez o mês de maio como o ‘Mês do Coração’.

Este ano, a primeira atividade desenvolvida foi uma caminhada pelas margens do rio Vizela e ao S. Bento, no passado dia 17 de maio.

No próximo domingo, dia 31 de maio, realiza-se um passeio de cicloturismo ao S. Bento da Porta Aberta (Gerês). A concentração é às 07.00h, na rotunda dos rotários (junto ao Centro de Saúde de Vizela).

A iniciativa é do Clube de Cicloturismo de Vizela com o apoio da Câmara Municipal de Vizela.

O principal objetivo da iniciativa ‘Mês do Coração’ é promover a atividade física e o bem-estar da população, seja qual for a idade ou sexo. Consciencializar a população para a importância das atividades físicas para o coração é outro dos motes da iniciativa.

BRAGA COOPERA COM TIMOR-LESTE NA CRIAÇÃO DE MUNICÍPIOS

Identificadas oportunidades para empresas e instituições Bracarenses

Firmino Marques, vice-presidente do Município de Braga e António Barroso do Gabinete de Apoio à Presidência, participaram, a convite do governo da República Democrática de Timor-Leste, nas iniciativas de cooperação internacional, no âmbito da Conferência Internacional sobre Descentralização Administrativa e Poder Local, que se realizou em Díli, entre os dias 16 e 21 de Maio.

A acção incluiu conferências, contactos e reuniões com diversos responsáveis timorenses, bem como, a celebração do aniversário da independência daquele País, a 20 de Maio, e visitas de trabalho ao Município (distrito) de Manatuto, terra natal de Xanana Gusmão, com quem Braga estabeleceu um protocolo de cooperação, em Novembro de 2014.

Esta iniciativa permitiu dar outra dinâmica ao protocolo estabelecido com vista ao apoio a prestar na instauração de Municípios no território timorense, através do conhecimento 'in loco' da realidade de Timor Leste quer a nível governamental, quer territorial, com enfoque no distrito de Manatuto, onde irá ser desenvolvido um trabalho mais próximo em articulação com os outros Municípios portugueses de Torres Novas e de Figueira Castelo Rodrigo que também se mostram empenhados neste projecto de cooperação com Manatuto.

Para Firmino Marques, esta visita "ao outro lado do mundo, onde também se fala português, permitiu-nos ter uma melhor percepção das necessidades que esta jovem nação apresenta. São necessidades que queremos converter em oportunidades para as empresas e instituições da Região, com destaque para as Universidades do Minho e Católica", referiu, sublinhando que "além de portadores de uma mensagem de amizade e esperança, queremos também ser parceiros activos na reconstrução deste País que muito preza a língua portuguesa, mas que, fruto das vicissitudes das várias invasões e conflitos civis, apresenta ainda um estado muito precário de desenvolvimento".

Após encontros com membros do governo timorense, incluindo com o primeiro-ministro Rui Maria de Araújo, responsáveis políticos, comunidade religiosa e sociedade civil de Manatuto, em paralelo com incursões ao território deste distrito timorense. "Estamos perante um País que dá agora de forma autónoma os primeiros passos na sua descentralização administrativa percebendo-se que é urgente intervir no território de uma forma mais próxima das populações, atendendo não só às grandes distâncias que a ausência de infra-estruturas básicas acarreta, mas também para se promover com mais acuidade e celeridade soluções para os problemas das pessoas", notou Firmino Marques, destacando a necessidade de Timor "em trabalhar a área da formação, em geral e a da Administração Pública de forma particular, sendo de relevar a promoção da língua portuguesa que importa reforçar e consolidar nesta região do sudeste asiático", concluiu.

Nesse sentido, o Município de Braga pretende estabelecer um programa de acções de apoio à formação dos Municípios e agentes da Administração local timorense, em conjunto com os outros Municípios portugueses também envolvidos neste projecto, no sentido de se encontrarem sinergias e poupanças. Noutra vertente o Braga irá articular com a embaixada portuguesa em Timor Leste, através do embaixador Manuel de Jesus, os melhores procedimentos para a exploração das oportunidades que Timor Leste apresenta.

Nesta acção de cooperação internacional, participaram 15 Autarquias portuguesas entre as quais Braga, Lisboa, Porto e Funchal, o Secretário de Estado da Administração Local português, António Leitão Amaro, o embaixador português, Manuel de Jesus e representantes dos governos australiano e indonésio e a Mayor de Darwin, na Austrália, Katrina Lim.

VALENÇA RECUPERA EDIFÍCIO PARA INSTALAR BALCÃO ÚNICO DO CIDADÃO

Câmara Municipal de Valença quer facilitar a vida aos valencianos: Obras para o Balcão Único Municipal já começaram

A Câmara Municipal de Valença está a recuperar o edifício da antiga Caixa Geral de Depósitos na Fortaleza, numa obra com o valor de 150 mil euros. O edifício vai receber o novo Balcão Único Municipal e do Cidadão.

No piso intermédio do edifício, com acesso para a Rua Mouzinho de Albuquerque, ficará o novo Balcão Único Municipal onde estarão concentrados todos os serviços de contacto direto com o cidadão, bem como o respetivo backoffice de apoio. Um espaço que agrupará os serviços de atendimento ao público e permitirá que os munícipes possam tratar de diversos assuntos, evitando a necessidade de se deslocarem e de se dispersarem entre os vários serviços municipais, bem como um posto de atendimento dos diversos serviços da administração central.

Na parte superior do edifício mantém-se os serviços de educação. Na cave ficará o novo Datacenter Municipal, com os servidores da informática e comunicações de apoio aos serviços municipais. Uma nova valência que permitirá uma maior segurança e eficácia na gestão da informação digital e apoio aos equipamentos informáticos. A Caixa Multibanco que se encontra no interior do edifício será reposicionada com contacto direto para a Rua Mouzinho de Albuquerque.

A intervenção no edifício permitirá, ainda, o acesso a cidadãos com mobilidade reduzida, com rampa de acesso, pela rua da Oliveira e elevador que servirá os três pisos.

Esta obra enquadra-se no plano de valorização do património municipal que tem permitido, nos últimos anos, recuperar, readaptar e dar novas funções e utilidades a um conjunto de imóveis que estavam abandonados ou com respostas que já não correspondiam às necessidades da comunidade. Para além da intervenção no edifício da Caixa, a Câmara Municipal tem obras em curso no Complexo da Piscina Municipal e no painel artístico do edifício da Alfândega Cultural, bem como realizou intervenções , nos últimos anos, na antiga Assembleia Valenciana, com transformação em Arquivo Municipal, nos Pavilhões Municipais e deu nova vida e funcionalidades às antigas escolas primárias.

A obra do antigo edifício da Caixa vai ser financiada em 85%, no montante de 60 mil euros, pelo programa Compete – SAMA – de modernização administrativa e instalação do Balcão Único e do Empreendedor.

PISCINAS DE VALENÇA ABREM INSCRIÇÕES

Inscrições para a Piscina até dia 29 de maio - 15 Atividades Diferentes para si

A Escola de Natação da Piscina Municipal de Valença tem abertas as inscrições para a nova temporada desportiva 2014/15, até sexta, 29 de maio, entre as 8h e as 21h00.

Este é o complexo desportivo da região com maior utilização e diversidade de oferta de serviços com 15 atividades diferentes para os seus utentes. Aulas monitorizadas de Hidroginástica, Hidrosénior, Hidropower, Atividade Aquáticas Adaptadas, Hidrobike, Aulas de Natação infanis com seis níveis, Iniciação à Natação, Aprendizagem, Manutenção para adultos, banhos livres, sauna, ténis, minibasket, padel e natação para bebes são o reflexo da variada oferta, com uma dimensão que não encontra paralelo na região.

A Piscina Municipal de Valença é o principal equipamento público da Eurocidade servindo uma população direta de 35 mil habitantes. Com excelentes taxas de utilização que nos anos de 2014 atingiu o valor de 106 mil entradas de utentes. Uma verdadeira piscina transfronteiriça e símbolo da eurocidade com uma utilização a rondar os 50% de portugueses e 50% de espanhóis.

A Piscina Municipal pretende ser um estímulo à prática desportiva junto da comunidade, fundamental para a melhoria da qualidade de vida e saúde das pessoas. As atividades hidro proporcionam bem-estar físico e mental, no dia a dia de cada um, com claros benefícios na tonificação muscular, na melhoria do aparelho cardiovascular, respiratório, na mobilidade, destreza, noção de lateralidade e na postura corporal.

A Piscina permite potenciar hábitos de vida saudáveis, com prática desportiva regular, potencia a segurança das crianças e adultos no meio aquático ensinando a nadar e traz grandes benefícios para a saúde dos utentes, nomeadamente para os que a procuram para fins terapêuticos, recomendados pelos médicos.

O Complexo da Piscina Municipal está a receber obras de manutenção profundas de modo a reabrir, em meados de setembro, requalificado, com todas as comodidades, conforte e com valências reforçadas, ao serviço da comunidade de Valença e Tui e desta região transfronteiriça.

REDE SOCIAL DE CAMINHA CONCLUI MAIS UMA FASE DO PLANO GERONTOLÓGICO DO CONCELHO

Rede Social já terminou o processo de recolha de dados à população idosa a residir no concelho e os resultados serão apresentados em breve

O concelho de Caminha tem identificados 185 idosos como isolados. Esta é uma das conclusões do processo de recolha de dados a pessoas com mais de 65 anos de idade a residir no concelho levado a cabo no último ano pela Rede Social de Caminha. O objetivo é elaborar o Plano Gerontológico Concelhio. Os resultados serão apresentados publicamente num futuro próximo.

Recorda-se que a Rede Social de Caminha realizou um diagnóstico relativo aos idosos no concelho de Caminha, enquadrado no Eixo IV – Envelhecimento do Plano de Desenvolvimento Social 2013-2016, cujas prioridades são diminuir o isolamento físico e social dos idosos e promover práticas de envelhecimento ativo. Na verdade, foram percorridas todas as freguesias do concelho e procedeu-se à avaliação multidimensional de pessoas com 65 anos ou mais a residir no domicílio, de forma a possibilitar a criação de um perfil gerontológico do concelho, a identificação de população isolada e o levantamento de necessidades diversas.

Com recurso aos dados dos Censos 2011, disponibilizados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), previu-se uma avaliação de 5% da população idosa, correspondendo a 197 idosos (classificados por género e grupo etário). De forma a facilitar e enriquecer esta abordagem recorreu-se à colaboração de várias entidades, nomeadamente GNR – Secção de Programas Especiais, Juntas de Freguesia, Párocos e Conferência Vicentinas, Serviço Local de Segurança Social, Unidade de Cuidados da Comunidade de Caminha, CLDS+ Caminha, IPSS’s com valências de Centro de Dia e Serviço de Apoio Domiciliário, entre outros serviços e respostas sociais do município. Foram avaliados 322 idosos das várias freguesias do concelho, dos quais 185 idosos foram identificados como isolados.

A avaliação multidimensional foi realizada com recurso a um protocolo de avaliação multidimensional (ANCEP.GeroSoc.2012) criado pelo Laboratório de Investigação em Gerontologia Social da Escola Superior de Educação do IPVC. Este é constituído por vários instrumentos que permitem avaliar a população relativamente à funcionalidade, declínio cognitivo, rede sócio relacional, conhecimento e acesso a recursos comunitários, experiência do idoso na comunidade, e indicadores de bem-estar social.

Os dados serão tratados através de um programa de tratamento de dados e análise estatística SPSS e enviados para o Laboratório de Investigação em Gerontologia Social.

REVOLUÇÃO NACIONAL COMEÇOU EM BRAGA HÁ 89 ANOS

Passam precisamente 89 anos sobre a data em que um levantamento militar, denominado por Revolução Nacional, o qual derrubou a Primeira República que, apesar de instaurada apenas dezasseis anos, caraterizou-se por uma constante instabilidade política e profunda crise económica.

800px-Desfile_de_tropas_28_de_Maio_1926

Entre os protagonistas do movimento que em 1926 instaurou a ditadura militar, contavam-se muitos republicanos que em 1910 haviam participado na implantação da República, e que agora apostavam na sua regeneração.

“Em 28 de Maio de 1926 ocorre um levantamento militar no norte de Portugal, com o objetivo de tentar repor a ordem no país, que durante os últimos dois anos (desde 1924) está continuamente à beira da guerra civil.

Com um movimento sindicalista completamente controlado por sectores da esquerda anarquista, que provoca incidentes violentos, criam-se condições para a instalação de um regime de terror, em que os assassinatos e os atentados terroristas se sucedem todas as semanas.

A instabilidade política atinge uma situação de pré guerra-civil com confrontos entre unidades militares e com a sublevação de unidades do exército, nomeadamente da aviação do exército (na altura não havia Força Aérea).

A instabilidade generalizada atinge um ponto de ruptura e leva alguns dos principais comandos militares a uma revolta.

A revolução propriamente dita tem origem em Braga, a capital da província do Minho, uma das regiões mais povoadas de Portugal. O comando das operações é assumido pelo General Gomes da Costa, que chega à cidade na noite do dia 27.

A 28 de Maio, uma Sexta-feira é proclamado o movimento militar e inicia-se a movimentação de forças desde Braga para Lisboa. Ao longo do dia seguinte, Sábado, 29 de Maio, unidades militares de todo o país declaram o seu apoio aos militares golpistas, enquanto em Lisboa a chefia da polícia também adere ao golpe.

Gomes da Costa comanda em Braga as forças do Regimento de Infantaria nº 8.

No entanto, opõem-se-lhe as forças comandadas desde o Porto pelo comandante da III Divisão do exército, General Adalberto Sousa Dias, que manda as suas tropas avançar em direção a Braga e assumir posições defensivas em Famalicão, a meio caminho entre o Porto e a cidade revoltosa.

Mas no dia seguinte, 29 de Maio, são anunciadas adesões ao golpe por parte de divisões militares com base em Vila Real, Viseu, Coimbra, Tomar e Évora (4ª Divisão), isolando as forças do Porto.

No Domingo, 30 de Maio o comandante da III Divisão anuncia que as suas forças também aderem ao golpe, deixando assim o caminho livre para as tropas de Gomes da Costa que marcham pelo Porto sem oposição.

O governo em Lisboa, verificando não ter qualquer capacidade para controlar a situação, apresenta a demissão ao Presidente da República Bernardino Machado.

Na Segunda-feira dia 31, o poder está formalmente nas mãos de Mendes Cabeçadas, com a resignação oficial de Bernardino Machado, embora nesse mesmo dia ainda ocorra a última sessão da Câmara dos Deputados e do Senado. O palácio de S. Bento, será encerrado na tarde dessa Segunda-feira pela GNR, e só voltará a receber deputados eleitos, 49 anos depois, em 1975.

Na Terça-feira, dia 1 de Junho, quatro dias depois de a coluna de tropas revoltosas ter saído de Braga, encontra-se em Coimbra, onde o líder da revolta militar declara a formação de um triunvirato governativo ao qual presidirá e que será também constituído por Mendes Cabeçadas e Armando Ochoa.

O movimento militar, transforma-se então numa autêntica revolução com a adesão de inúmeros sectores da sociedade portuguesa, desejosos de acabar com o clima de terror e violência que se tinha instalado no país.

No dia 3 de Junho, Quinta-feira, as tropas de Gomes da Costa chegam a Sacavém, e a situação aparece confusa, pois não há exatamente a certeza de quem deverá formar parte do novo governo. Entre as novas figuras, surge a do crucial Ministro das Finanças, um professor de Coimbra, que mais tarde assumirá a chefia do Governo, Oliveira Salazar.

No dia seguinte, Sexta-feira, 4 de Junho, o comando é transferido para a Amadora, onde chegam também forças da 4ª Divisão vindas de Évora.

No dia 7 de Junho de 1926, as várias colunas militares que entretanto se formaram efetuam uma parada militar em Lisboa que serve também como afirmação de força, na qual participam 15.000 homens.

A revolução implantou um regime militar que duraria formalmente até 1933, sendo seguido pela aprovação de uma nova Constituição e pela institucionalização do «Estado Novo», um regime autocrático em parte inspirado no movimento fascista italiano que tinha acabado de despontar em Itália, mas controlado pelos sectores católicos conservadores portugueses.

O regime implantado com a revolução de 28 de Maio, conseguiu recuperar da situação económica absolutamente caótica a que a chamada «República Laica» o tinha feito chegar após o golpe de 5 de Outubro de 1910.

No entanto, embora tivesse recuperado a economia do país, o regime implantado em 28 de Maio de 1926, entrou por sua vez (após o final da II Guerra) num lento processo de apodrecimento que acabaria por conduzir a um outro movimento de contornos idênticos, também dirigido pelos militares em 25 de Abril de 1974, que como o movimento de 28 de Maio, triunfaria por causa do enorme apoio que teve nas ruas.”

Fonte: http://www.areamilitar.net/

06278_04688_p0001_id001553540_D2

EXPOVEZ RECEBE MILHARES DE VISITANTES

XVI Edição da Expovez – feira do Alto Minho revelou-se uma aposta ganha

A Expovez atraiu centenas de visitantes a Arcos de Valdevez e revelou-se um verdadeiro sucesso, sendo de destacar ao nível da programação o Cortejo de carros de Bois e a emissão do programa da TVI Somos Portugal, que projetou as terras e as gentes arcuenses para os 4 cantos do mundo.

expovez_2015_2

O Secretário de Estado do Ordenamento do Território e da Conservação da Natureza, Castro Neto, veio a Arcos de Valdevez inaugurar esta XVI edição da Expovez - Feira do Alto Minho.

tvi7

O certame regressou em força, tendo contado com a presença de cerca de 150 expositores que saíram bastante satisfeitos com o decorrer da iniciativa que tinha como objetivos promover produtos tradicionais e empresas alto minhotas das áreas da tecnologia, natureza, artesanato, gastronomia, agropecuária e lazer.

Para João Manuel Esteves, Presidente da Câmara Municipal, esta forte adesão “mostrou bem aquilo que é a vontade e querer das nossas empresas em fazer mais, em fazer melhor, em procurarem novos mercados para os seus produtos e para os seus serviços”. Destaca ainda o sucesso da parceria concretizada este ano entre o Município, Associação Comercial e Industrial de Arcos de Valdevez e Ponte da Barca, Associação Regional de Desenvolvimento do Alto Minho, In.Cubo e Cooperativa Agrícola para a organização da ‘ExpoVez 2015’.

tvi3

A Câmara Municipal tem tentado contribuir e ajudar na expansão dos investimentos no concelho, nomeadamente através da redução de impostos e da isenção do pagamento de taxas municipais, passando por programas de apoio ao desenvolvimento das pequenas e médias empresas, no entanto aquando da abertura do certame, o Presidente da Câmara Municipal, solicitou ao Governo apoio para fazer face aos desafios que se colocam aos territórios de baixa densidade. A começar pelo plano de valorização da biosfera do Parque Nacional da Peneda-Gerês.

“É um plano ambicioso de investimento nas áreas protegidas, de investimento naquilo que será a promoção do território, o desenvolvimento económico, a conservação da natureza e a participação das pessoas. Vai permitir valorizar o território”, adiantou.

expovez_2015

Já o secretário de Estado do Ordenamento do Território e da Conservação da Natureza assegurou tudo fazer para que o PNPG seja um exemplo de boas práticas a nível ambiental, dizendo que “Temos vindo a construir um modelo em que seja possível não apenas dar resposta a esta dinâmica, a esta vontade deste território, mas que o parque nacional, o único que temos neste país, seja um exemplo de boas práticas, um exemplo de como podemos transformar um território com elevados valores naturais numa alavanca de desenvolvimento”.

João Manuel Esteves aproveitou ainda para solicitar intervenção do Governo relativamente às ligações rodoviárias dos parques industriais ao IC-28 e à fronteira da Madalena, à construção de um Centro de Eco-Cidadania, bem como o reforço dos apoios não reembolsáveis para as pequenas e médias empresas.

Em Arcos de Valdevez o Secretário de Estado apresentou também o programa ‘Natura.pt’, o qual tem já mais de 200 empresas aderentes.

Este programa tem como finalidade criar condições para a proteção de determinadas zonas naturais, como é o caso do Parque Nacional da Peneda-Gerês, e criar condições para o desenvolvimento dessas mesmas áreas.

De realçar que, segundo Miguel Castro Neto, as empresas e entidades passam a integrar uma rede com um cabaz de produtos e serviços de excelência, com respeito por princípios de qualidade ambiental, económica e social, que pode beneficiar de uma estratégia de comunicação conjunta feita a nível nacional e internacional.

tvi6

TERRAS DE BOURO REQUALIFICA VIA ROMANA (GEIRA)

No âmbito do Projeto Financiado Operação n.º NORTE-08-0569-FEDER-000033 “NaturMinho - Projeto-Âncora Turismo de Natureza MinhoIN”, o município de Terras de Bouro está a levar a efeito a limpeza e conservação da via nova (Geira) e a recuperação e consolidação de troços da via.

2015-01-27_10-46-10

A intervenção visa a desmatação através da poda lateral das árvores e sebes, a secagem de raízes das espécies vegetais invasoras, a retirada de obstáculos da via, homogeneização de apoios sobre pequenos desmoronamentos, limpeza das bermas e colocação de saibro e compactação do mesmo em algumas zonas do percurso que necessitam de regularização do piso.

2015-01-28_12-30-51

A Via Nova é um raro e importante exemplar das vias de comunicação criadas pelos Romanos. É a via romana melhor preservada na Península Ibérica e a que reúne maior número de marcos miliários, apresentando-se como um magnífico exemplo das técnicas construtivas utilizadas pelos romanos na extensa rede viária construída em todo o seu Império.

Assim sendo, é um imperativo da autarquia assegurar a proteção e valorização das várias vertentes patrimoniais (histórico, cultural, arqueológico e natural), revitalizar um percurso arqueológico pedestre, como elo de ligação entre as diversas comunidades por onde passa e incentivar a prática do pedestrianismo e o contacto com a natureza.

geira

RUI MASSENA APRESENTA “SOLO” EM ARCOS DE VALDEVEZ

Rui Massena, conhecida figura do panorama cultural nacional que ajudou a transformar Guimarães 2012 - Capital Europeia da Cultura num estrondoso caso de sucesso.

Ligado como programador a Guimarães 2012, deixou sementes para o futuro com a Fundação Orquestra Estúdio, uma instituição singular, que conseguiu um tremendo êxito de bilheteira e onde se combinam talentos de mais de duas dezenas de nacionalidades, estará presente na Casa das Artes arcuense para apresentar o seu novo disco “Solo”, no dia 30 de maio pelas 22 horas.

O trabalho que Rui Massena levará ao auditório da Casa das Artes arcuense é um universo mágico de melodias profundas que contam com a sua assinatura e personalidade singular.

Pág. 1/6