Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

BLOGUE DO MINHO

Espaço de informação e divulgação da História, Arte, Cultura, Usos e Costumes das gentes do Minho e Galiza

CABECEIRAS DE BASTO ABRE FESTA DA ORELHEIRA E DO FUMEIRO

Secretário de Estado da Alimentação e da Investigação Alimentar inaugurou hoje o certame

Arrancou esta tarde, no Pavilhão Desportivo de Refojos, a 18ª Festa da Orelheira e do Fumeiro de Cabeceiras de Basto, um certame organizado pela Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, em colaboração da Basto Vida, que decorre até segunda-feira, dia 3 de março.

Festa Orelheira e Fumeiro_abertura (28-02-2014) 07

O certame foi inaugurado pelo Secretário de Estado da Alimentação e da Investigação Alimentar, Dr. Nuno Brito, acompanhado pelos presidentes da Câmara e da Assembleia Municipal, Dr. China Pereira e Eng. Joaquim Barreto, vereadores e demais autarcas das freguesias e do município, entre outros convidados e público em geral.

Depois de uma visita aos 84 produtores/expositores presentes nesta 18ª Festa da Orelheira e do Fumeiro, a comitiva assistiu à apresentação da música promocional do certame interpretada pelos jovens do concelho, que atuaram no palco da festa.

Na sua intervenção, o presidente da Câmara Municipal, Dr. China Pereira, depois de cumprimentar todos os presentes, agradeceu a presença do Secretário de Estado nesta sessão de inauguração do certame.

China Pereira destacou como objetivos deste evento a promoção do fumeiro e da gastronomia, assim como a dinamização da economia local e a continuada aposta na tradição, regozijando-se com o facto destas iniciativas representarem um complemento ao orçamento das famílias do nosso concelho.

O autarca referiu também que “a qualidade dos produtos tem sido, ao longo dos anos, uma preocupação da Câmara Municipal”, salientando que o Gabinete de Veterinária assume o acompanhamento de todo o processo, desde a produção/criação dos animais até à confeção do produto final.

Festa Orelheira e Fumeiro_abertura (28-02-2014) 04

O presidente da Câmara Municipal demonstrou a sua satisfação pela adesão ao certame de um grande número de produtores oriundos de concelhos vizinhos, afirmando que “só com sinergias como esta é que conseguimos ganhar dimensão, projetar o nosso produto e promover o desenvolvimento regional”.

China Pereira destacou, ainda, no programa de amanhã, a realização do Concurso de Fumeiro de Basto organizado pela Delegação Regional do Basto Douro, em colaboração com a Câmara Municipal, que visa “credibilizar a marca do fumeiro de Basto”.

Destacando o elevado número de expositores presentes nesta 18ª Festa da Orelheira e do Fumeiro de Cabeceiras de Basto, o Secretário de Estado da Alimentação e da Investigação Alimentar manifestou a sua satisfação por inaugurar este certame, caracterizando-o como “uma feira com uma atividade comercial intensa”, sinal de que “este é um setor atrativo”.

Nuno Brito realçou que “os produtos tradicionais continuam cada vez mais a captar o interesse de todos”, considerando que “há mercado para continuar a crescer nesta área”.

Sublinhando que este “é um certame de sucesso”, Nuno Brito confessou-se particularmente agradado pelo facto de haver cada vez mais jovens a investir neste tipo de atividade e reforçou que ainda hoje foi assinada uma portaria em conjunto com o Ministério da Economia que irá permitir “reduzir um conjunto de exigências que existiam até agora, mantendo, naturalmente, a qualidade da segurança alimentar”.

Sobre esta portaria assinada hoje, o Secretário de Estado da Alimentação e da Investigação Alimentar deu como exemplo a possibilidade dos pequenos produtores venderem diretamente os seus produtos à restauração, uma medida que classificou como “um forte apoio aos pequenos produtores, não só no setor da produção, como também no setor da comercialização, que trará necessariamente mais valor e mais emprego ao setor”.

De referir, ainda que a abertura da 18ª Festa da Orelheira e do Fumeiro de Cabeceiras de Basto foi abrilhantada pela atuação do grupo ‘Os Bravos da Concertina de Refojos’.

Ao longo dos quatro dias de certame, a organização do evento aguarda a visita de 80 mil pessoas.

Festa Orelheira e Fumeiro_abertura (28-02-2014) 04

MUNICÍPIO DE ESPOSENDE TRANSFERE 237 MIL EUROS PARA AS JUNTAS DE FREGUESIA

A Câmara Municipal de Esposende aprovou, por unanimidade, a transferência de 236 745 euros para as Juntas de Freguesia do concelho, para assegurar a limpeza das vias e espaços públicos, sarjetas e sumidouros.

CME

Com vista à delegação de competências nesta matéria, o Município vai celebrar acordos de execução com as Juntas de Freguesia, estando a avaliar o alargamento a outras competências. Com efeito, o regime jurídico das autarquias locais, resultante da Reforma Administrativa (Lei n.º 75/2013), tem suscitado dúvidas de interpretação, não sendo claro de que forma deverão ser concretizados estes acordos.

A Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP) e a Associação Nacional de Freguesias (ANAFRE), assim como a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-N), estão a procurar clarificar esta matéria, definindo uniformidade relativamente a estas questões. Contudo, atendendo à falta de liquidez financeira das Juntas de Freguesia, a Câmara Municipal entendeu avançar já com a celebração destes acordos, possibilitando a transferência dos recursos financeiros necessários para a concretização das referidas tarefas de limpeza. Numa fase posterior, serão definidas competências noutras matérias.

O montante a transferir para cada Junta de Freguesia foi definido com base no cálculo da área urbana e rural de cada localidade, tendo em conta a necessária regularidade de limpeza dos espaços. Esta fórmula garante todo o rigor e justiça na atribuição da comparticipação financeira a cada autarquia.

Serão celebrados acordos com a União das Freguesias de Esposende, Marinhas e Gandra, União das Freguesias de Apúlia e Fão, União das Freguesias de Belinho e Mar, União das Freguesias de Palmeira de Faro e Curvos, União das Freguesias de Fonte Boa e Rio Tinto, e Juntas de Freguesia de Antas, Forjães, Vila Chã e Gemeses.

VILA VERDE: FOOTNOTE EVIDENCIA SENSIBILIDADE AMBIENTAL DE NAMORAR PORTUGAL

Sacos feitos com lonas publicitárias, novos modelos com outros bordados e cadeiras de praia e de realizador

A Footnote reforçou a linha de sacos Namorar Portugal com novidades impactantes como as versões feitas com o aproveitamento de lonas publicitárias do evento e da programação Fevereiro, Mês do Romance. Ainda novos modelos de bolsas com bordados de ‘Alice e Luís’ e uma entrada no universo do mobiliário com cadeiras de praia e de realizador marcam as novidades de 2014.

IMG_7237

Muitas novidades, e com impacto altamente positivo, foram apresentadas esta manhã do último dia de Fevereiro. A que maiores atenções atraiu foi a ideia arrojada de aproveitar as lonas de publicidade da gala Namorar Portugal e da programação Fevereiro, Mês do Romance para criar novos acessórios como sacos multiusos e bolsas ao tiracolo para tabletes. “Este ano contamos com a ajudar do S. Pedro e as lonas que aqui utilizamos já são as deste ano, 2014. Desta forma tornamos a programação mais amiga do ambiente”, referiu o empresário António Macedo, que volta a surpreender na linha mais jovem da marca, a ‘ByUs’.

Para além destas versões atrativas, que permitem aos clientes possuir um ‘pedaço’ do Mês do Romance de Vila Verde, a Footnote lançou ainda novos modelos de sacos, mais informais e desportivos e com novos bordados, monocromáticos, inspirados num dos Lenços de Namorados mais alternativos conhecidos, chamado ‘Alice e Luís’, bordado apenas a uma cor, vermelho ou azul.

Esta mesma linha de bordados foi estendida à coleção de cadeiras de praia e cadeiras de realizador. Sempre em tecido negro, com aplicações em borracha de câmaras-de-ar de pneus, a assinatura da empresa de acessórios bracarense, as cadeiras são fruto de uma parceria com a L’OBJECTIS, empresa bracarense especializada em lonas de tecido.

IMG_7261

A Footnote é uma empresa com uma presença low-profile no mercado, mas de carácter forte, vocacionada para um público urbano que procura moda alternativo e amiga do ambiente. O seu conceito ‘verde’ tem conquistado aficionados um pouco por todo o mundo e o facto de trabalhar com um material tão específico como a borracha de câmaras-de-ar tem revelado vantagens na utilização, nomeadamente nos sacos desportivos, que revelam resistência à humidade nos ginásios. Algumas figuras notáveis já foram ‘apanhadas’ com exemplares ‘ByUs’ da Footnote como, Diego Armandos Maradona, para muitos o melhor futebolista de sempre. A Footnote produz ainda sob encomenda para empresas e marcas, de prestígio como a Alfa Romeo e a Formula 1, pela sua oferta distintiva no mercado, sendo um valioso parceiro da marca Namorar Portugal.

“A Footnote é o exemplo perfeito da aliança entre inovação e criatividade, um parceiro que, com alegria, reencontramos. Se há uma continuidade é porque as empresas têm retorno do investimento feito e os parceiros estão satisfeitos com a aposta na Namorar Portugal”, refletiu o presidente do Município, Dr. António Vilela.

As parcerias em Namorar Portugal conheceram em 2014 o melhor ano. A apresentação destas novas coleções deu-se na Uchi T0, em Soutelo, o protótipo que Eurico Silva, mentor do projeto, mantém junto ao Instituto Empresarial do Minho, a incubadora de empresas de carater tecnológico. Esta trilogia foi realçada pelo presidente do Município que mencionou a importância das mesmas: “Estamos ao lado do IEMinho, que tem sido um viveiro de apoio a empresas inovadoras e hoje temos aqui dois exemplos disso, uma delas aqui incubada (Uchi) e que se juntou este ano ao Mês do Romance”.

IMG_7235

Esta noite, Concurso de Acessórios de Moda

Esta noite vamos assistir à decisão da IV edição do Concurso de Acessórios de Moda ‘Lenços de Namorados, Escritas de Amor’, que vai acontecer na Quinta de Sara, na freguesia de Sabariz, a partir das 21:30. Coordenadas GPS:41.65483,-8.420402.

Espaço Namorar Portugal até 9 de Março

O espaço Namorar Portugal vai manter-se aberto por mais uma semana, até ao domingo 9 de março, dia em que vai assinalar-se a cerimónia oficial de encerramento, às 18:00.

As razões deste prolongamento prendem-se com o sucesso que o espaço está a ter em termos de afluência de público. O reagendamento da iniciativa Weekend For You da BMCar para o fim-de-semana de 8 e 9 de março e o dia da mulher que se celebra no próximo sábado foram outras das razões.

Entretanto, a Casa do Romance, o showroom Namorar Portugal vai transitar para Braga, e com este nome vai estar de 6 a 9 de Março, na zona entre o Posto de Turismo e o Café Brasileira. Depois desta data, permanecerá na cidade dos arcebispos mas deixará de ter esta designação, realizando um périplo de dois meses e meio em que estarão em destaque, entre outros, os parceiros Namorar Portugal em datas a revelar brevemente.

IMG_7233

PONTE DE LIMA INCENTIVA O ARRENDAMENTO NO CENTRO HISTÓRICO

Centro Com Vida - Incentivo ao Arrendamento no Centro Histórico de Ponte de Lima. Candidaturas de 1 a 15 de março

As candidaturas ao programa Centro Com Vida – iniciativa municipal que visa o arrendamento no Centro Histórico, estão abertas de 1 a 15 de março.

Banner_CentroComVida1Periodo2014[1]

O projeto com três períodos de candidatura por ano, março, junho e outubro, constitui-se como um espaço urbano de grande valor patrimonial tanto através da qualidade do seu tecido edificado e paisagístico.

Neste contexto, o Município de Ponte de Lima lança este novo programa como forma de incentivar a dinamização, gestão e conservação do parque habitacional do Centro Histórico de Ponte de Lima através da promoção do arrendamento privado para cidadãos com idades compreendidas entre os 18 e os 40 anos que aí queiram passar a residir.

Entende-se este incentivo como um auxílio importante para a conservação e manutenção do parque habitacional privado, numa perspectiva de médio e longo prazo, contribuindo ainda para a melhoria do desempenho ao nível das respectivas funções habitacionais, económicas, sociais e culturais.

Esta iniciativa articula-se com outras ações que o Município tem vindo a desenvolver de natureza social, bem como, de valorização do património, nomeadamente no âmbito do projeto Terra Reabilitar, da valorização dos espaços públicos e da recuperação e dinamização de imóveis de relevante valor histórico, arquitetónico ou cultural do Centro Histórico de Ponte de Lima.

O presente incentivo, de natureza transitória, para além de criar condições favoráveis à promoção da componente habitacional no Centro Histórico, irá facilitar aos jovens o acesso à habitação no regime de arrendamento, sendo uma importante ajuda financeira no atual contexto de crise em que vivemos.

Podem candidatar-se ao projeto Centro com Vida cidadãos com idade igual ou superior a 18 anos e inferior a 40 anos; casais não separados judicialmente de pessoas e bens ou em união de facto, com idade igual ou superior a 18 anos e inferior a 40 anos, podendo um dos elementos do casal ter idade até 42 anos; e ainda cidadãos em coabitação, com idade igual ou superior a 18 anos e inferior a 40 anos, partilhando uma habitação para residência permanente dos mesmos.

Consulte o regulamento em www.cm-pontede.pt. Para mais informações contate através do seguinte endereço electrónico: centrocomvida@cm-pontedelima.pt.

BOLSA DE EMPREGO DO MUNICÍPIO DE CAMINHA COM NOVO HORÁRIO A PARTIR DE SEGUNDA-FEIRA

O aumento da procura deste serviço municipal leva a alteração de horário

A Bolsa de Emprego do Município de Caminha tem novo horário a partir de segunda-feira, dia 3 de março. Vai funcionar à segunda, quarta e sexta-feira, entre as 9 horas e as 16 horas. Esta alteração deve-se à elevada procura que se tem registado nos últimos dias. A Bolsa de Emprego tem cerca de 500 inscritos e são várias as empresas e instituições aderentes.

Nos últimos dias, são cada vez mais os munícipes que recorrem a este serviço municipal. A partir de segunda-feira, o atendimento para a Bolsa de Emprego deixa de ser diário e passa a realizar-se apenas três vezes por semana, isto é, à segunda, quarta e sexta-feira. Devido ao aumento da procura do serviço e ao facto dos técnicos estarem em permanente atendimento torna-se difícil e lenta a resposta aos processos de recrutamento que a Bolsa tem atualmente em carteira. E, por isso foi necessária esta alteração.

Este programa visa facilitar o recrutamento e o aumento das taxas de emprego dos caminhenses, de forma a fixá-los no concelho.

É de realçar que o número de inscritos tem aumentado exponencialmente, o que significa que este serviço é cada vez mais procurado quer por desempregados, quer por empresas e instituições. Neste momento, a Bolsa de Emprego conta com cerca de 500 inscritos.

É de realçar que a inscrição na Bolsa de Emprego é exclusiva a habitantes do concelho, mas no caso das empresas não há limite geográfico para poderem aderir.

Para efetuar a inscrição na Bolsa de Emprego, os interessados devem dirigir-se presencialmente à Câmara Municipal de Caminha e solicitar o atendimento dos técnicos do Gabinete de Apoio ao Empresário (GAE), que vão juntamente com o candidato recolher as informações necessárias de forma a traçar o seu perfil profissional.

Já as empresas devem entrar em contacto com o GAE e solicitar o preenchimento da “Ficha de Oferta de Emprego”, também disponível na página do Município. Através desta ficha são recolhidas informações e caraterísticas do posto de trabalho a ocupar, assim como competências, conhecimentos, habilitação ou formação que é exigida aos candidatos interessados.

Com estes dados, os técnicos do GAE procuram nos perfis dos candidatos inscritos, aqueles que mais se adequam à oferta de emprego e encaminham a candidatura. O processo final de recrutamento e a escolha do candidato é da responsabilidade da empresa.

ARCOS DE VALDEVEZ VAI TER LOJA DE TURISMO INTERATIVA

O CMIT de Arcos de Valdevez irá ser muito em breve remodelado para dar lugar a uma Loja de Turismo Interativa.

Esta loja interativa de Turismo integrará uma rede regional de lojas interativas, tendo em vista a potenciação económica e social da região no seu todo, com base nas linhas orientadoras: a uniformização da imagem região; a otimização do acesso à informação; a inovação; a promoção dos distintos produtos estratégicos definidos no Plano Estratégico Nacional do Turismo associados à Região; o desenvolvimento económico.

CMIT

A presente loja possuirá um conjunto de valências tecnológicas que a transformará num espaço de lazer/diversão, educativo, formativo e informativo, através da sua componente de interatividade, vertida nos distintos conteúdos contemplados, tais como: vídeos sobre os locais turísticos de Arcos de Valdevez e Norte de Portugal; Animações apelativas; mapas; textos e descrições; visitas virtuais; animação 3D; entre outros.

A loja disporá de um conjunto de ferramentas de teor interativo inovador, tais como a Entrada/Anel Interativo, a Mesa Interativa, os Mupies e os Totens interativos, que permitirão proporcionar um atendimento inovador/diferenciador na ótica do cliente, bem como a transmissão de uma imagem vanguardista e futurista da região e, neste caso específico, do concelho.

Entre outras ações, esta loja participará fortemente na promoção da oferta turística local, alicerçando-se numa parceria existente entre as diferentes autarquias, com vista à promoção, nos mercados interno e externo da região. Fomentará a divulgação dos variados produtos estratégicos como por exemplo a Gastronomia e Vinhos, o Turismo de Natureza, o Turismo Religioso, o Touring Cultural e Paisagístico e o Turismo saúde e bem-estar. 

De igual modo promoverá o Acolhimento Empresarial, através do expositor de produtos/serviços transversais ao concelho e à região, estimulando não apenas a produção local mas também o tecido empresarial da região. Complementarmente, ao conferir a possibilidade do turista efetuar reservas de serviços (quartos de hotel, refeições em restaurantes, carros em empresas de rent-a-car, entre outras facilidades), esta rede potenciará mais um canal para a promoção e aumento do negócio para as empresas.

Por último, será acrescida a esta plataforma tecnológica uma Bolsa de Oferta de Emprego do Porto e Norte, dedicada ao sector do Turismo, cujo propósito será gerir a colocação de profissionais nos vários empreendimentos hoteleiros, restauração e animação, bem como verificar as lacunas existentes em termos de formação na área do Turismo.

Este projeto é financiado pelo Programa Operacional ON.2 – Eixo: II - Valorização Económica de Recursos Específicos, sendo o seu investimento elegível de 161.083,40 € e a comparticipação FEDER (Fundo de Desenvolvimento Regional) de 136.920,89 €.

PESCADORES DE VILA PRAIA DE ÂNCORA DEBATEM EROSÃO COSTEIRA

A Corema e a Associação Pescadores Profissionais e Desportivos de Vila Praia de Âncora vão no próximo dia 1 de março, sábado, pelas 14h30, realizar uma sessão pública de esclarecimento na sede dos Bombeiros Voluntários de Vila Praia de Âncora.

Trata-se de uma sessão pública que contará com a participação do Prof. Doutor Álvaro Reis, Investigador do Fenómeno da Erosão Costeira.

379247_110729449104390_801251825_n

AGRICULTURA DESFILA NO CARNAVAL DE ESPOSENDE

Agricultura deu o mote ao Desfile de Carnaval “Fantasia Ambiente” 

A agricultura deu o mote ao Desfile de Carnaval Fantasia Ambiente do Município de Esposende que, esta manhã, saiu à rua, incorporado por cerca de um milhar de figurantes.

DSC00530

Crianças, idosos, professores, auxiliares de ação educativa e utentes de vinte estabelecimentos de educação e ensino e instituições concelhias desfilaram pelas ruas da cidade de Esposende, com fantasias e acessórios alusivos às atividades e tradições ligadas à terra, desde o cultivo do linho, às vindimas, produção de hortícolas e fruta, passando pela pastorícia, entre várias outras.

Para além da temática da agricultura, o desfile versou também outros temas associados aos vários projetos do Programa de Educação para a Sustentabilidade, no sentido de promover a aplicação da Política dos 3 R’s e sensibilizar a população para preservação do meio ambiente.

A música carnavalesca imprimiu ritmo ao cortejo, onde não faltou a folia e a animação, enchendo de colorido a cidade.

Assim, de uma forma alegre e lúdica, alertou-se para a importância da agricultura familiar enquanto atividade protetora da agrobiodiversidade, contributo fundamental para o uso sustentável dos recursos naturais e para a promoção de uma alimentação diversificada e saudável.

O desfile partiu da Avenida Marginal de Esposende, em frente ao Mercado Municipal, e terminou junto às Piscinas Municipais Foz do Cávado, depois de percorrer diversas artérias.

DSC00532

DSC00550

DSC00562

DSC06831

TERRAS DE BOURO ORGANIZA CAMINHADA NO GERÊS

II Festival de Caminhadas – Viver o Gerês 2014

No próximo dia 22 de Março, a associação Gerês Viver Turismo organiza pelo segundo ano consecutivo um festival de caminhadas no Gerês e este ano conta com o apoio da associação de desenvolvimento local ATAHCA e tal como em 2013 também da Câmara Municipal de Terras de Bouro.

São 4 caminhadas em trilhos com características diferentes, mas acessíveis tanto aos mais experientes como aos menos experimentados. Sagrado, Teixeiros, Geira Romana e Gerês/Campo são as suas designações, sendo que o local de chegada de todos eles será o espaço junto ao espaço do Núcleo Museológico de Campo do Gerês (Museu da Geira, Porta do PNPG e Museu Etnográfico de Vilarinho da Furna).

Este festival proporciona aos que participarem, um contacto directo com o património natural e cultural de características únicas, existente no Gerês. Por serem caminhadas guiadas, a interpretação dos trilhos está garantida sendo uma mais-valia do evento, facto que proporcionará também um maior convívio entre os participantes.

As inscrições são limitadas, obrigatórias e 17 de Março é a data limite para quem o desejar o fazer. Haverá animação musical e aos participantes será oferecida o tradicional Caldo no Pote, bem como uma malga em barro alusiva ao festival.

Para os dias 21 e 23, o dia anterior e o dia seguinte ao festival, estão também definidas caminhadas guiadas para cada um dos dias, uma no primeiro e quatro no segundo. Caminhadas essas, que se realizam no âmbito do programa anual de trilhos guiados da associação Gerês Viver Turismo.

De notar que, este festival decorrerá em paralelo com o evento Fim-de-Semana Gastronómico de Terras de Bouro.

Toda a informação pode ser consultada em www.geres.pt.

ASSEMBLEIA MUNICIPAL DE CAMINHA REÚNE ESTA NOITE E VAI SER TRANSMITIDA ONLINE ATRAVÉS DA INTERNET

Sessão decorre às 21 horas, no edifício Paços do Concelho

A Assembleia Municipal de Caminha reúne esta noite, às 21 horas, no edifício dos Paços do Concelho. Esta sessão, tal como a anterior, pode ser acompanhada em direto, online, através do sítio do município e das redes sociais a ele associadas. Miguel Alves cumpre assim mais uma das promessas realizadas durante a campanha eleitoral, ao proporcionar debates com maior abertura, mais diálogo, mais transparência e maior participação dos cidadãos.

Nomeação do Conselho Municipal de Educação, ratificação de vários protocolos no âmbito do programa de Generalização do Fornecimento de Refeições e para a Prestação de Serviços de Apoio à Famílias, são alguns dos assuntos em discussão.

Recorde-se que a transmissão em direto das Assembleias Municipais, através do sítio do Município, e as reuniões públicas descentralizadas nas freguesias do concelho estão a marcar, desde o início do ano, a nova forma de gestão municipal. O objetivo é chegar a um maior número de pessoas, favorecendo a transparência e promovendo um melhor exercício de cidadania.  

Os deputados municipais vão debater vários assuntos relacionados com a área Educação. Em discussão estão: a ratificação dos protocolos entre a Câmara Municipal de Caminha e a Junta de Freguesia de Dem, para fornecimento de refeições escolares aos alunos do 1º ciclo e do jardim de infância e a ratificação do protocolo entre a Câmara Municipal de Caminha e a Junta de Freguesia de Moledo, para a prestação de serviços na componente de apoio à família no jardim de infância de Moledo.

Ainda nesta área, vai ser apreciada a nomeação do Conselho Municipal de Educação.

Está também em análise a designação de seis cidadãos de reconhecida idoneidade entre os quais um representante de cada uma das forças políticas representadas na Assembleia Municipal para integrarem o Conselho Municipal de Segurança de Caminha.

Os deputados municipais vão apreciar e votar a atualização anual das taxas no âmbito do Regulamento Municipal de Feiras do Município de Caminha.

FOLIÕES DE CAMINHA SAEM À RUA PARA O DESFILE DE CARNAVAL

Para as fantasias mais originais há 2500 euros em prémios

“A famosa cegada, é o carnaval em Caminha”. Esta é a promessa do Movimento de Empresários do Concelho de Caminha para o Desfile de Carnaval que se realiza na segunda-feira, dia 3, às 22 horas. Para as máscaras mais originais, sejam em grupo ou a título individual, há 2500 euros em prémios.

As ruas da vila estão a preparar-se para, na próxima segunda-feira, receberem dezenas de foliões. O Desfile de Carnaval reúne muitas pessoas que vestem a melhor fantasia para animarem Caminha e arrancarem muitas gargalhadas daqueles que ficam a assistir.

Os interessados em participar devem inscrever-se entre as 15 e as 21 horas do próprio dia. A concentração dos mascarados acontece às 22 horas, no parque da feira, junto à GRN. Dali, os participantes vão percorrer as principais ruas da vila até chegarem à Praça Concelheiro Silva Torres, onde se encontrará a tribuna com o júri, que vai avaliar as fantasias.

Para os grupos, há 5 prémios, que vão dos 75 aos 1000 euros e para os melhores foliões individuais, os fatos podem valer de 50 a 150 euros em prémios.

O Desfile de Carnaval promete muita animação e Dj’s que vão tocar bem alto sons carnavalescos. Esta é uma iniciativa organizada pelo Movimento de Empresários do Concelho de Caminha que conta com o apoio da Câmara Municipal de Caminha, da União de Freguesias Caminha e Vilarelho e da empresa AudioStage.

ARCOS DE VALDEVEZ REJEITA PASSAGEM DA LINHA DE MUITO ALTA TENSÃO PELO CONCELHO

Assembleia Municipal de Arcos de Valdevez aprovou apoios a Freguesias e declina a passagem da linha de muito Alta Tensão no concelho

Decorreu no passado dia 26 de fevereiro, no auditório do Hospital de S. José (Centro Comunitário), mais uma edição da Sessão Ordinária da Assembleia Municipal.

Presidida por Francisco Rodrigues de Araújo e secretariada pelos vogais António Amorim Lima e Manuel Caldas de Brito, esta sessão ficou pautada, no período antes da Ordem do Dia, entre outros assuntos, pela apresentação de um voto de pesar, pelo falecimento do Prof. Doutor José Terra (uma pessoa de índole cultural, nacional e internacional), o qual foi aprovado por unanimidade. Foi ainda aprovada uma moção relativa à inclusão social, nomeadamente das pessoas com deficiência no concelho; aprovada uma proposta de rejeição do projeto de construção de linha de muito Alta Tensão com passagem pelo concelho - “Eixo RNT entre “Vila do Conde”, “Vila Fria B” e a Rede Elétrica de Espanha, a 400Kv, proposto pela REN – Rede Elétrica Nacional S.A, devido aos impactos negativos que a mesma comporta para o concelho.

Já no período da Ordem de trabalhos foi analisado o relatório de atividades do executivo (dezembro 2013-fevereiro 2014) e aprovado o Projeto de Regimento da Assembleia, bem como diversos apoios a freguesias do concelho.

Foi aprovada a celebração de um protocolo com a Freguesia de Gondoriz, para comparticipação de projetos de caminhos rurais, no âmbito do PRODER, no valor de € 190 000,00; Idem, com a Freguesia de Rio de Moinhos, para liquidação dos valores em dívida da obra do “Arranjo do Parque junto à Casa Mortuária”, no valor de € 24 613,60; bem como deliberado aprovar a celebração de um protocolo de colaboração com a Freguesia de Sistelo, para comparticipação financeira das obras da “ Casa do castelo de Sistelo”, no valor de € 35 000,00.

AM_Fevereiro_2014

MERCADO MUNICIPAL DE CAMINHA COM NOVO HORÁRIO A PARTIR DE DOMINGO

O Mercado de Caminha passará a abrir todos os domingos

A partir de domingo, dia 2 de março, o Mercado Municipal de Caminha terá novo horário de funcionamento: estará aberto aos domingos da parte da manhã. O objetivo é promover os produtos do concelho junto de outros públicos.

O período de abertura ao público do Mercado passa a ser o seguinte: à segunda-feira das 8h30 às 13 horas; à terça, quinta e sexta-feira das 8h30 às 13 horas e das 15 horas às 17h30; à quarta-feira das 8 horas às 17h30; ao sábado das 8h30 às 17 horas e ao domingo das 8h30 às 13 horas.

De acordo com o novo horário, no próximo domingo o Mercado Municipal de Caminha terá as portas abertas ao público.

VIANA DO CASTELO: ANDORES FLORIDOS DESFILAM EM ALVARÃES NA FESTA DE SANTA CRUZ

A freguesia de Alvarães realiza os tradicionais festejos de Santa Cruz de 29 de maio a 1 de junho. Devotos e forasteiros acorrem anualmente a Viana do Castelo para participar na Festa de Santa Cruz e assistir ao vivo ao esplendor da procissão com os seus onze andores magnificamente engalanados com flores naturais, levados aos ombros pelos mordomos da romaria.

Os andores floridos, decorados com milhares de pétalas coladas de forma a criar motivos religiosos, paisagísticos e monumentais, são os "ex-libris" da Festa de Santa Cruz, que sábado dia 31 Maio domingo 1 Junho decorre em Alvarães, Viana do Castelo.

O trabalho de confeção dos onze andores tem lugar, normalmente, no pátio das casas dos mordomos e decorre praticamente ao longo de toda a semana que antecede a festa, só sendo dado por concluído no fim da tarde de sábado dia 18.

Chegam a juntar-se, à volta de cada andor, três dezenas de "artífices", gente de todas as idades e profissões que, pétala a pétala, criam autênticas obras de arte popular.

As pétalas são coladas com cola feita à base de farinha, cuja humidade permite que elas se aguentem por vários dias viçosas e coloridas.

Cada lugar da freguesia tem o seu andor e ainda se cultiva uma sã rivalidade entre os vários lugares, pelo que as temáticas escolhidas são mantidas em segredo até à tarde de sábado, altura em que os andores são transportados para a Igreja Paroquial.

Domingo, os andores são levados em procissão aos ombros dos mordomos, para admiração dos milhares de forasteiros que todos os anos se deslocam a Alvarães para apreciar aquelas autênticas obras de arte popular.

"São andores únicos no País, 'bordados' pétala a pétala pelas mãos sábias da gente da terra, pelo que este é um património de Alvarães que não se pode perder e que merece ser perpetuado".

Foi em Maio de 1946 que se fez em Alvarães o primeiro andor em flores naturais, cujo objetivo era a coroação da imagem de Nossa Senhora de Fátima.

Em Outubro daquele ano, numa procissão que percorreu quase toda a freguesia em acção de graças pelo fim da II Guerra Mundial, mais quatro andores foram confeccionados com flores naturais, transportando as imagens de Nossa Senhora de Fátima, de Nossa Senhora do Livramento, de Nossa Senhora do Rosário e de S. Sebastião.

Em 1947, o então pároco da freguesia, cónego Cepa, sugeriu que na Festa das Cruzes os andores fossem novamente feitos com flores naturais, argumentando que os ornamentos que então os enfeitavam "cheiravam a mofo".

A ideia foi bem aceite pela população e assim surgiram os primeiros andores de flores naturais, que em nada se assemelhavam aos atuais, pois a estrutura era ainda feita nos armadores e depois eram compostos com solitários e jarras de flores.

No ano seguinte surgiu a ideia de se começar a colar as pétalas de flores em andores já feitos por cada lugar da freguesia e de acordo com a imagem do santo que iriam transportar.

Um dos andores mais pesados é o consagrado a S. Sebastião, que representa um castelo quase totalmente revestido de musgo e cujo transporte chega a "reclamar" os ombros de seis homens.

Bem mais leve é o andor dedicado a Santa Goreti, que, como manda a tradição, é sempre transportado por raparigas solteiras

CELORICO DE BASTO PARTICIPA NA EDIÇÃO DOS TROFÉUS DESPORTIVOS

Celorico de Basto fez-se representar na XVII edição dos Troféus Desportivos “O Minhoto” e regista mais de 300 atletas federados nas várias modalidades desportivas.

O vereador do pelouro do Desporto da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Carlos Peixoto, presenciou no dia 24 de fevereiro, em Tui (Galiza), à XVII edição dos Troféus Desportivos, tendo entregado o prémio “O Minhoto” a Vítor Silva, atleta de voleibol do Vitória Sport Clube (Guimarães), considerado um dos jovens mais promissores na prática da modalidade.

o minhoto2

A cerimónia decorreu no Teatro Municipal de Tui, uma iniciativa da Associação de Valorização e Divulgação Regional “A Nossa Terra”, que visou, uma vez mais, reconhecer o mérito e a excelência desportiva da região no ano de 2013. Prevê-se que em breve esta cerimónia tenha lugar em Celorico de Basto.

O vereador do Deporto salientou a importância destes prémios na valorização e promoção de atletas e modalidades. “Trata-se de uma iniciativa de louvar que valoriza os atletas e premeia o esforço e o empenho na realização pessoal enquanto desportistas mas também, enquanto representantes de uma região, simultaneamente destaca as modalidades desportivas. Celorico de Basto encontra-se no caminho certo no âmbito desportivo com atletas a conseguir lugares cimeiros nas modalidades que representam. Nós, enquanto executivo municipal, apoiamos e valorizamos a prática desportiva no concelho”, salientou.

Na oportunidade, Carlos Peixoto estabeleceu contactos com grandes nomes do desporto nacional, de que é exemplo, entre outros, a dupla de motociclismo Paulo Gonçalves (campeão do mundo de Ralis Cross-Country e atual campeão nacional TT) e Paulo Marques (ex-campeão nacional TT)

O troféu “O minhoto” visa reconhecer o mérito e a excelência desportiva de todos os agentes envolvidos no fenómeno do desporto, nomeadamente atletas, dirigentes, treinadores, árbitros, coletividades e eventos desportivos afetos aos 24 concelhos do Minho, onde se registam 37 mil atletas federados, em representação de 756 clubes.

No caso concreto de Celorico de Basto, os clubes de referência são: Clube Desportivo Celoricense, Futebol Clube de Gandarela, Sport Club Fermilense, Basket Clube de Celorico de Basto (este ano com seção de Voleibol feminino), Clube de Caça e Pesca de Celorico de Basto, Motor Clube de Basto, Sociedade Columbófila de Basto, Associação de Futsal de Celorico de Basto, Basto Move.te, Associação Cultural e Recreativa de Fervença, Clube Atlético de Codessoso – Escola de Atletismo Prof. Fernando Peixoto e o BECA – Bastinhos Escola Clube de Andebol. No total, o concelho conta, nas suas várias modalidades, com mais de 300 atletas federados.

o minhot

CAMINHA PROMOVE WORKSHOPS DIÁRIOS PARA MIÚDOS E GRAÚDOS

Durante os cinco dias são muitos os workshops que vão decorrer para miúdos e graúdos: Cacau ao Chocolate”, comentado por Ana Rute Ribeiro e Anthony Passos (Flor de Cacau); “Mãos na Massa”, para crianças entre os 6 e os 12 anos, orientados por Bárbara Yu Belo, Teresa Pinto e Mário Rodrigues; “Máscara Veneziana Esculpida em 2D”, com a cake Designer Clara Cuz; pop cakes “Bolinhas saltitonas”, com Elisabete Braga (Papuça & Dentuça); workshop de chocolate com o Mestre Chocolatier: Pedro Sousa (Chocolate com Pimenta); workshop infantil de cupcakes e workshop Bolachas Coloridas e workshop de Pastelaria Molecular, com Cristina Barrocas (Cantinho dos Doces); e workshop de Máscaras de Chocolate, pela ETAP - Unidade de Hotelaria de Vila Praia de Âncora. Os workshops decorrem na Tenda Arte Doce e no Espaço Aprender (Bar da Câmara Municipal de Caminha).

FEIRA DE VELHARIAS DE ESPOSENDE DESTACA ARTIGOS DE ISAURA MIRANDA

Integrada no programa de animação do evento gastronómico “Março com Sabores do Mar” e do “Fim-de-semana Gastronómico”, decorrerá no próximo domingo, 2 de março, mais uma edição da Feira de Velharias de Esposende, onde estarão em destaque os artigos típico-regionais de Isaura Miranda, de Caminha.

Isaura_Miranda_

Isaura Miranda terá disponível, na sua banca, a bom preço, um vasto leque de artigos, desde trabalhos em filigrana a lenços e xailes, alguns com 50 e até 80 anos.

Participante assídua na Feira de Velharias de Esposende, Isaura Miranda marca habitualmente presença também na Feira de Artesanato do Município, que decorre no último domingo de cada mês, com outros materiais, valorizando as artes e ofícios da ourivesaria e tecelagem. Participa, de resto, noutros certames do género, não só no Norte como na região Centro do país, sendo que, para além de vender, também compra e troca artigos.

Organizada pela Câmara Municipal de Esposende, a Feira de Velharias decorre no primeiro domingo de cada mês, entre as 10h00 e as 19h00, no Largo Rodrigues Sampaio, em Esposende. Este certame visa a promoção, venda, compra e troca de velharias, antiguidades e colecionismo.

Isaura_Miranda

MUNICÍPIO DE BARCELOS APRESENTA RELATÓRIO DO TRIBUNAL DE CONTAS SOBRE A CONCESSÃO DE ÁGUA E SANEAMENTO EM BARCELOS

Reunião pública do executivo municipal amanhã, 28 de fevereiro, às 10h00

O relatório do Tribunal de Contas sobre a concessão dos serviços públicos de abastecimento de água e saneamento de águas residuais do concelho de Barcelos à empresa Águas de Barcelos, elaborado no âmbito da auditoria às PPP nacionais, vai ser levado à reunião de Câmara que se realiza amanhã, sexta-feira, 28 de fevereiro, às 10h00, em sessão ordinária e pública, para conhecimento.

No final da reunião, o Presidente da Câmara estará disponível para responder às questões que os senhores jornalistas queiram colocar sobre este e outros assuntos.

A tomada de conhecimento do relatório é o ponto 30. da ordem de trabalhos, cuja síntese se anexa.

Câmara Municipal de Barcelos

Reunião ordinária do Executivo

28 de fevereiro de 2014 – 10h00

Ordem do Dia

1. Atribuição de subsídio para refeição escolar, com efeitos retroativos à data do pedido e ao início do ano letivo e à data da comunicação, às seguintes situações:

Alunos do 1.º Ciclo do Ensino Básico: 7 alunos – escalão 1 (A) – refeição gratuita; 3 alunos – escalão 2 (B) – refeição 50%. Alunos do ensino pré-escolar: 4 alunos – escalão 1 (A) – refeição gratuita.

2. Adenda ao Protocolo de Colaboração celebrado entre o Município de Barcelos e a Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Viatodos, com vista ao transporte de munícipes com deficiência, das suas residências para os Centros de Actividades Ocupacionais da APAC e da APACI e volta.

3. Componente de Apoio à Família (CAF) e Actividades de Animação e Apoio à Família

(AAAF) para o ano lectivo 2013/2014 – alteração da listagem inicial.

4. Apoio à Associação Amar 21 para a realização do seminário “Iguais na Diferença na Trissomia 21”, a realizar no dia 21 de março.

5. Apoio ao Arrendamento Habitacional – continuação do valor do apoio a oito agregados familiares.

6. Ratificação do despacho do Presidente da Câmara que Cedência de instalações cedeu as seguintes instalações: Junta de Freguesia de Alvelos – utilização das instalações do Pavilhão Multiusos da EB1/JI de Alvelos, nos dias 21 e 28 de Fevereiros de 2014, para a realização de uma actividade dos escuteiros e para realizar uma formação em primeiros socorros.

7. Atribuição de um subsídio no valor de 8.560,68€ à Junta de Freguesia de Martim para comparticipar no pagamento do aluguer de monoblocos, onde funciona a cantina/refeitório na EB1 de Martim.

8. Atribuição de passe escolar gratuito, para o ano lectivo 2013/2014, a dois alunos,

devido a dificuldades económicas.

9. Cedência, a título definitivo, de seis mesas e doze cadeiras escolares, ao Clube Náutico de S. Veríssimo, que a Câmara Municipal dispõe para abate.

 

10. Cedência, à Associação Perelhal Solidário – IPSS, da sucata informática existente no Parque de Viaturas do Município, revertendo o produto da sua venda para a instituição.

11. Acordo de Colaboração entre o Município de Barcelos e a empresa Bypower Tuning, Lda, que realiza nos dias 8 e 9 de março de 2014 o evento designado por “Barcelos Tuning Motor Show”.

12. Regulamento do Desfile de Carnaval 2014 – Alteração.

13. Ratificação do protocolo de colaboração entre o Município de Barcelos e José Luís do Rosário Vilas Boas, com vista à realização, em Barcelos, da Feira do Fumeiro, entre 28 de fevereiro e 4 de março.

14. Acordo de cooperação entre o Município de Barcelos e a Associação Folclórica de S. Miguel da Carreira.

15. Acordo de cooperação entre o Município de Barcelos e o Grupo Cultural e Etnográfico de Aldreu.

16. Acordo de cooperação entre o Município de Barcelos e o Grupo de Danças e Cantares de Barcelos.

17. Acordo de cooperação entre o Município de Barcelos e o Grupo Folclórico da Casa do Povo de Rio Covo Sta Eugénia.

18. Acordo de cooperação entre o Município de Barcelos e o Grupo Folclórico de Barcelinhos.

19. Acordo de cooperação entre o Município de Barcelos e o Grupo Folclórico de S. Lourenço de Alvelos.

20. Acordo de cooperação entre o Município de Barcelos e o Grupo Folclórico de Tregosa.

21. Acordo de cooperação entre o Município de Barcelos e o Grupo Folclórico Juvenil de Galegos Sta Maria.

22. Acordo de cooperação entre o Município de Barcelos e o Grupo Folclórico do Centro Social de Aguiar.

23. Acordo de cooperação entre o Município de Barcelos e o Grupo Folclórico Nossa Senhora da Abadia – Abade de Neiva.

24. Acordo de cooperação entre o Município de Barcelos e o Rancho Folclórico S. Tiago de Carapeços.

25. Acordo de cooperação entre o Município de Barcelos e a ACOBAR - Associação de Coleccionismo de Barcelos, tendo em vista a realização da exposição “Ordens de Cavalaria em Barcelos”, entre 14 de março e 20 de abril do ano de 2014.

 26. Pedido de parecer prévio para a renovação de contrato de aquisição de serviços de atualização anual da aplicação LEGIX. Artigo 73.º da Lei n.º 83-C/2013, de 31 de dezembro (Orçamento de Estado 2014). Pedido de autorização prévia para assunção de Compromissos Plurianuais -Artigo 6.º da Lei n.º 8/2012, de 21 de Fevereiro (LCPA).

27. Pedido de parecer prévio para a renovação de contrato de aquisição de serviços de manutenção e assistência técnica aos elevadores afetos à Biblioteca Municipal. Artigo 73.º da Lei n.º 83-C/2013, de 31 de dezembro (Orçamento de Estado 2014). Pedido de autorização prévia para assunção de Compromissos Plurianuais -Artigo 6.º da Lei n.º 8/2012, de 21 de Fevereiro (LCPA).

28. Pedido de parecer prévio para a celebração de contrato de aquisição de serviços para organização do Festival Harmos, a realizar no Teatro Gil Vicente. Artigo 73.º da Lei n.º 83-C/2013, de 31 de dezembro (Orçamento de Estado 2014).

29. Ratificação de protocolos de colaboração para a realização de estágios.

30. Tribunal de Contas – Auditoria à regulação das “Parcerias Público-Privadas” no sector dos serviços públicos de abastecimento de água e saneamento de águas residuais (sistema em baixa). Conhecimento do relatório da auditoria.

31. Inclusão na Apólice da Frota do Município do Seguro de uma viatura de incêndio (73-93-HH) dos Bombeiros Voluntários de Barcelos.

32. Inclusão na Apólice da Frota do Município do Seguro de uma ambulância (88-32-ZF) dos Bombeiros Voluntários de Barcelos.

33. Ratificação do despacho proferido pelo Presidente da Câmara Municipal que aprovou a ata n,º 6 do Júri do Procedimento e a retificação à lista final de erros e omissões, relativamente ao concurso público para a “Requalificação Urbana do Núcleo Central Histórico - Envolvente ao Paço dos Condes/Duques e à Igreja Matriz, em Barcelos”.

34. Atribuição de um subsídio no valor de 30.000,00€ à Freguesia de Roriz, como

colaboração na execução da 1ª fase das obras de “Pavimentação da Rua S. Salvador de Quiraz”.

35. Atribuição de um subsídio, no valor de 22.500,00€, acrescido do IVA à taxa legal em vigor, à União de Freguesias de Quintiães e Aguiar como colaboração na execução da obra de alargamento da E.M. 549.

36. Atribuição de um subsídio no valor de 20.663,64€, com IVA incluído, à Freguesia de Moure, para execução da 2ª fase das obras a executar na Rua de Soleiros.

37. Atribuição de um subsídio no valor de 30.000,00€, acrescido de IVA à taxa legal em vigor, à Freguesia de Vila Seca, correspondente à 3ª fase da empreitada “Caminho da Pereira”.

38. Atribuição de um subsídio no valor de 20.301,07€ à União de Freguesias de Milhazes, Vilar de Figos e Faria, para alargamento do C.M. 1115 – 4ª fase.

39. Atribuição de um subsídio no valor de 5.000,00€ à Freguesia de Várzea, como comparticipação nas obras de alargamento de um caminho/cangosta que confronta com a Rua da Devesa e que dá acesso a terrenos agrícolas.

40. Atribuição de um subsídio no valor de 1.500,00€ à Santa Casa da Misericórdia de Barcelos como colaboração na realização da Procissão de Endoenças 2014, que se realiza no dia 18 de abril de 2014, pelas 21h30, com saída do Lar Nossa Senhora da Misericórdia efectuando o tradicional itinerário pelas igrejas de Barcelos.

41. Atribuição de um subsídio no valor de 10.000,00€ à Fábrica de Igreja S. Lourenço Alvelos, como comparticipação nas obras de restauro e conservação da cobertura e paredes da Capela de Sta Cruz que actualmente serve de capela mortuária.

42. Atribuição de um subsídio no valor de 10.000,00€ à Delegação de Campo da Cruz Vermelha Portuguesa, como colaboração na aquisição de uma viatura de transporte de doentes de hemodiálise.

43. Ratificação da proposta de emissão de parecer prévio favorável para desafetação de terreno integrado em RAN, respeitante a um processo/registo abaixo.

44. Ratificação do despacho proferido pelo Presidente da Câmara Municipal, que aprovou o seguinte: autorização para cedência de 12 galos médios – oferta aos participantes na reunião da ANMP.

 45. Ratificação dos despachos proferidos pelo Vice-Presidente da Câmara Municipal, que aprovaram o seguinte: cedência de um livro de Carlos Bastos “Uma Visão Espiritual, Artística e Cultural do Caminho Português de Santiago” para oferta em visita oficial; cedência de um livro “Apontamentos para a História de Barcelos” – Oferta ao orador - Conferência promovida pela “Barcelos Sénior”; cedência do Auditório da Biblioteca Municipal – Centro Social de Cultura e Recreio da Silva; cedência do Salão Nobre – Conservatório de Música de Barcelos; isenção de taxas pela utilização do Auditório da Biblioteca Municipal – Tertúlia Barcelense; cedência do Auditório da Casa da Juventude – Óquei Clube de Barcelos.

46. Ratificação dos despachos proferidos pelo Vereador Alexandre Maciel, que aprovaram o seguinte: cedência de transporte para os sócios participarem numa sessão de sensibilização – Associação de Apoio a Deficientes Visuais do Distrito de Braga; cedência de apoio técnico e material para ajardinamento dos espaços exteriores da Casa de Nazaré – Associação “COR UNUM” dos Apóstolos do Coração Imaculado de Maria – Casa de Nazaré de Carapeços; cedência de máquina para arranque de árvores e ajardinamento do espaço exterior – Associação Cultural e Recreativa Caminhantes de Santiago; cedência de apoio técnico para elaboração das medidas de auto-protecção – ACRA, Alheira; cedência de apoio técnico para elaboração das medidas de auto-protecção – APACI; cedência de um carro de recreio para o Desfile de Carnaval – Associação Etnográfica de Santa Maria de Gilmonde; empréstimo de 8 placards para “Jornadas de Cardiologia do Minho 2014”– Centro Hospitalar do Alto Ave – Cardiologia; cedência de carrinha de 9 lugares – Diana Martins para participação no Programa “A tua cara não me é estranha”; cedência de viatura de 5 lugares – Diana Martins para participação no Programa “A tua cara não me é estranha”; pedido de árvores ornamentais – Freguesia de Lijó; cedência de 40 grades – Comissão de Festas S. Sebastião da Silva; poda das árvores e arbustos do Quartel – Bombeiros Volunt. Viatodos; pedido de árvores ornamentais – União de Freguesias de Alvito (S. Pedro e S. Martinho) e Couto; pedido de árvores ornamentais – Freguesia de Pousa; pedido de árvores ornamentais – Freguesia de Fornelos.

47. Ratificação do despacho proferido pela Vereadora Armandina Saleiro, que aprovou o seguinte: oferta de dez exemplares do livro “Uma visão espiritual, artística e cultural do Caminho Português de Santiago” de Carlos Basto – para oferta aos oradores da iniciativa “Insucessos na Implantologia”, que decorreu no pretérito dia 14.02.2014, no auditório do edifício dos Paços do concelho, promovido pelo municípe Dr. João Pimenta; 250 give-aways, para oferta aos participantes na iniciativa “Insucessos na Implantologia”, que decorreu no pretérito dia 14.02.2014, no auditório do edifício dos Paços do concelho, promovido pelo municípe Dr. João Pimenta; 3 galos médios, para oferta aos oradores da iniciativa “Insucessos na Implantologia”, que decorreu no pretérito dia 14.02.2014, no auditório do edifício dos Paços do concelho, promovido pelo municípe Dr. João Pimenta.

48. Ratificação dos despachos proferidos pela vereadora Maria Elisa Braga, que aprovaram a cedência de grupos culturais, no âmbito do Protocolo de Colaboração celebrado com os mesmos, às instituições que os solicitaram para as actividades desenvolvidas: TPC -Teatro Popular de Carapeços – Grupo de Jovens Convivas Fraternos de Tamel S. Veríssimo; Sons de Vila de Vila Cova – Centro de Gestão Agrícola de Barcelos; Grupo Amigos Leais de Lijó – Freguesia de Aborim; Teatro Experimental de Feitos – Assoc. Cult Rec Desportiva de Mariz; TPC de Carapeços – Assoc. Pais Escola de Carvalhal; Grupo Folclórico de Barcelinhos – Moradores Fonte de Baixo; Grupo Galo Gaiteiro – Amigos da Montanha; TPC de Carapeços – Freguesia de Manhente; TPC de Carapeços – Paróquia de S. Bento da Várzea; Grupo Folclórico Juvenil de Galegos Sta Maria – Freguesia de Barcelinhos; Grupo de Danças e Cantares de Barcelos – Freguesia de Pereira; Grupo de Danças e Cantares de Barcelos – Freguesia de Areias S. Vicente; TPC de Carapeços – Grupo de Jovens da Paróquia de Creixomil; Capoeira – Companhia de Teatro de Barcelos – Paróquia de S. Miguel de Roriz; TPCzinho de Carapeços – Freguesia de Galegos Sta Maria; Banda Musical de Oliveira – Confraria do Santíssimo Sacramento de Carapeços; Banda Musical de Oliveira – Santa Casa da Misericórdia de Barcelos.

Barcelos, 27 de fevereiro de 2014

O Gabinete de Comunicação

CAMINHA DOCE COMEÇA AMANHÃ

No concelho, não se alimenta só a alma por altura do Entrudo e começa já amanhã, sexta-feira, a Caminha Doce – V Feira de Doçaria de Caminha. Até terça-feira, Caminha vai ser a capital dos doces. Há uma grande variedade de doces oriundos de todo o país, um programa de animação recheado, o concurso e exposição Arte Doce e ainda a exposição/venda de livros de culinária e doçaria. A sessão de abertura está agendada para as 18 horas e conta com a presença de Mário Rodrigues (vencedor do Chefs' Academy).

Assim, no Largo Calouste Gulbenkian, Largo Fetal Carneiro e no Jardim da Câmara Municipal vão ser colocadas três tendas: duas para venda de bolos e uma para a exposição de bolos Arte Doce e realização dos workshops infantis. Os espetáculos vão também decorrer em pleno centro histórico, isto é, na Igreja Matriz de Caminha, no Valadares -Teatro Municipal e na Praça Conselheiro Silva Torres, todos locais emblemáticos e característicos da vila.

Esta edição conta com 18 expositores oriundos de todo o país. A variedade dos doces também é grande, o que vai tornar as escolhas difíceis. Telhas, farripas, mocas, caminhenses, carapau doce, pastéis de Tentúgal, barrigas de freira, fogaças, bolo chaminé (originário da Transilvânia), bolo de chocolate com cerveja artesanal, rotundinhas de Viseu, doces conventuais, chocolates personalizados, queijos com chocolate, compotas e licores são algumas das especialidades que podem ser encontradas na Caminha Doce.

A animação vai marcar os cinco dias do certame. Esta edição aposta na promoção de vários workshops e demonstrações de Cake Design para crianças e adultos, com destaque para a presença de Mário Rodrigues, vencedor do programa Chef’s Academy, transmitido pela RTP. A animação de rua também vai ser constante. Nas ruas, o visitante vai ser abordado por cozinheiros trapalhões, duendes devoradores de doces, turistas ingleses, cientistas com andas, entre outras figuras que farão as delícias da pequenada. No Largo Calouste Gulbenkian, as crianças poderão descarregar energias nos insufláveis. Na Tenda Arte Doce, estará patente uma exposição/venda de livros de culinária e doçaria.

BAILE DO ASSALTO REGRESSA A CAMINHA AO FIM DE 30 ANOS

O Baile do Assalto está de regresso a Caminha já no próximo sábado. Depois de quase 30 anos, o Valadares- Teatro Municipal acolhe este baile único que, noutros tempos, proporcionou momentos inesquecíveis a muitos caminhenses.

Para participar nestes afamados bailes era preciso ter um convite e todos levavam a “multa”, ou seja, cada um levava algo para comer ou beber. Depois, a meio da noite o baile era interrompido para se fazer uma pequena merenda e de seguida a pista continuava agitada até de madrugada.

Este ano, o Carnaval em Caminha vai retratar e relembra o típico Baile do Assalto, cuja lotação está praticamente esgotada. Vão ser recordados os anos 70 e há prémios para os melhores mascarados. As fantasias mais originais podem ser congratuladas com 20, 10 ou 5 “contos”. O Baile decorre já este sábado, dia 1, pelas 22 horas.

Ao Município de Caminha aqueles que outrora participaram em muitos destes bailes, contaram as peripécias daqueles tempos. Para ver através do vídeo:

https://www.facebook.com/photo.php?v=628003383920861&set=vb.197940360260501&type=3&theater.

PRESIDENTE DO MUNICÍPIO DE BARCELOS VISITA ASSOCIAÇÃO DE PAIS E AMIGOS DAS CRIANÇAS

Miguel Costa Gomes inteirou-se da atividade desenvolvida, dos projetos e das expetativas da instituição

O Presidente da Câmara Municipal de Barcelos foi convidado a visitar as instalações da Associação de Pais e Amigos das Crianças (APAC), uma instituição particular de solidariedade social localizada em Arcozelo.

DSC_0202

Miguel Costa Gomes, visitou os diversos espaços e inteirou-se da atividade desenvolvida, dos projetos e das expetativas da APAC.

A presidente da direção, Berta Costa, e outros responsáveis da instituição transmitiram ao Presidente da Câmara a sua apreensão quanto à comparticipação financeira do Estado nas diversas valências que possuem, devido à indefinição governamental de algumas políticas de apoio social.

Miguel Costa Gomes reafirmou a disponibilidade do Município para apoiar as instituições sociais, dentro das suas capacidades orçamentais, e disse que o executivo municipal está atento à realidade social do concelho, referindo o trabalho desenvolvido pela Câmara Municipal nesta área, desde a elaboração da Carta Social aos apoios sociais direcionados.

Fundada há 20 anos, a APAC tem como missão “apoiar, capacitar e reabilitar crianças, jovens e famílias com vulnerabilidades, sejam no âmbito da deficiência, problemas de desenvolvimento ou em risco de exclusão social, disponibilizando serviços especializados que respondem às reais necessidade, numa perspetiva de intervenção transversal”.

A instituição tem as seguintes valências: apoio ambulatório a crianças e jovens com deficiência; intervenção precoce na infância; centro de acolhimento temporário (Casa dos Sonhos); atendimento e acompanhamento aos beneficiários do Rendimento Social de Inserção; centro de atividades ocupacionais e serviço de intervenção multidisciplinar.

A APAC possui 43 colaboradores, dos quais 24 técnicos especializados, abrangendo um universo de cerca de 500 utentes. Tem acordo de cooperação com a Segurança Social e protocolos com diversas instituições de ensino e formação, para além de parcerias com entidades sociais.

CAMINHA: EXPOSIÇÃO ARTE DOCE TEM SEIS BOLOS A CONCURSO

Quanto ao concurso Arte Doce, subordinado ao tema “Caminha no Caminho de Santiago” há seis bolos a concurso: pastelaria Caminhense “Concha de Santiago”, pastelaria Docelância, Camipão “Pelo Caminho da Fé”, ETAP – Unidade de hotelaria de Vila Praia de Âncora “Bô Caminho”, Escola de Hotelaria e Turismo de Viana do Castelo "A Caminho de Santiago" e Papuça & Dentuça “Perigrination”. Os vencedores serão conhecidos e premiados na sessão de encerramento.

ASSOCIAÇÃO COMERCIAL E INDUSTRIAL DO CONCELHO DE ESPOSENDE PROMOVE ESCLARECIMENTO ACERCA DOS FUNDOS ESTRUTURAIS EUROPEUS

Fundos Estruturais Europeus – Portugal 2020 - Áreas prioritárias do próximo ciclo de fundo

A ACICE, realiza no próximo dia 28 de Fevereiro, pelas 21h30, no Fórum Rodrigues Sampaio uma Sessão de Esclarecimento, subordinada ao tema “Fundos Estruturais Europeus – Portugal 2020 - Áreas prioritárias do próximo ciclo de fundos”

Esta sessão integra-se na cerimónia de inauguração da Antena de Informação Europeia que acontecerá durante o dia 28 de Fevereiro e terá na sua estrutura a seguinte organização:

21h30 – Abertura - José Faria, Presidente da Direcção da ACICE

21h40 – Importância da Formação Superior no Desenvolvimento da Região - João Carvalho, Presidente do IPCA

21h50 – Assinatura do Protocolo – Antena de Informação Europeia - IPCA e ACICE

22h00 - Fundos Estruturais Europeus – Portugal 2020 - Áreas prioritárias do próximo ciclo de fundos - José Manuel Fernandes, Eurodeputado

22h50 – Período de Debate

23h10 – Encerramento - Benjamim Pereira, Presidente da Câmara Municipal de Esposende

Perceber as prioridades de investimento, no âmbito do novo Quadro Comunitário, é essencial para uma preparação mais eficaz das empresas, num período de grandes desafios como o que actualmente atravessamos, pelo que sublinhamos a importância desta sessão.

A presença do Eurodeputado José Manuel Fernandes, será certamente, facilitadora de uma melhor interpretação da postura das entidades europeias, no que diz respeito às prioridades e preocupações nacionais.

A sessão é gratuita e aberta a toda a comunidade, contudo, para uma melhor organização do espaço, solicitamos confirmação da presença.

A confirmação pode ser feita presencialmente nas instalações da ACICE, pelos contactos telefónicos, 253965769 e 253962271, ou através do endereço, geral@acice.pt

VILA VERDE APRESENTA MENSAGEM DE AMOR 2014 COM NOVIDADES PARA PÉS E MÃOS

Coleção de sapatos Namorar Portugal da RStivali reforçada e com novos acessórios: luvas personalizáveis.

A sapataria vilaverdense RStivali, um dos mais bem-sucedidos parceiros Namorar Portugal, apresentou hoje as novidades da Mensagem de Amor para 2014, a sua coleção exclusiva de sapatos, que agora recebeu reforços para pés e mãos! Mensagem de Amor também conta com luvas e personalizáveis.

IMG_7222

“Esta é uma coleção menos formal, mais desportiva” sintetizou Nancy Oliveira, a empresária detentora da mensagem e Amor, linha de sapatos Namorar Portugal, sobre as novidades para 2014. Estas passam pela inclusão de dois novos modelos de calçado: a sandália rasa e a sapatilha. “Têm sido muito bem recebidos. Temos tido esse feedback através das diversas aparições nos meios mediáticos e ao vivo, através das pessoas que visitam o espaço Namorar Portugal”, acrescentou Nancy Oliveira.

As novidades são fruto da parceria com a Nestor Amorim, Lda., fábrica de Santa Maria da Feira, dos empresários Nestor e Paulo Amorim, pai e filho, que vieram acrescentar um toque de informalidade com a introdução destes novos modelos. “A Nestor Amorim prima pela grande qualidade do seu trabalho, fabricando para grandes marcas nacionais. Foi isso que nos fez optar por ela”, justificou a empresária.

Paulo Amorim mencionou a reciprocidade no sentimento por parte da Nestor Amorim: “Acreditamos neste produto, no conceito dos Lenços de Namorados e no facto de isto poder elevar ainda mais o nível de qualidade que o calçado português hoje possui”.

Os modelos de sapatos disponíveis, inclusivamente os novos, “podem ser fabricados, mediante encomenda, em todas as cores e diferentes materiais”, referiu Nancy Oliveira, "um produto quase personalizável".

IMG_7205

Personalizáveis e configurando uma aposta arrojada da RStivali, inseridas na linha Mensagem de Amor da Namorar Portugal, são as luvas em pele, em diferentes modelos, com motivos dos Lenços de Namorados e que podem receber diferentes mensagens ou nomes, conforme o pedido dos clientes. Este produto é fruto de uma parceria estabelecida com a Ravel, fábrica de Rio Tinto. “Para já estes são apenas protótipos, mas em uma semana é possível ter modelos feitos e personalizados ao gosto dos clientes” adiantou Nancy Oliveira.

Ainda o produto Namorar Portugal não tinha sido oficialmente apresentado e já foram enviados protótipos para Hong Kong: “Trata-se de um distribuidor especializado em produtos personalizados e aguardamos um feedback”, mencionou a empresária que possui também estreitos contactos com o mercado britânico.

“Neste momento notamos que há uma grande procura dos sapatos ‘Mensagem de Amor’. Temos sido abordados por empresas muito interessantes, nacionais e internacionais, de venda on e off line, que demonstram interesse em ter este produto, com por exemplo a ‘Portuguese Love Afair’, em Londres.

IMG_7189

‘Sapatos Namorar Portugal’ possuem também uma página de Facebook própria. Nancy Oliveira notou que “a relevância que este produto tem justificava possuir um espaço próprio nesta rede social que tem sido tão relevante para as vendas nacionais e internacionais deste produto. Ficamos surpreendidos como em 48 horas a página somou quase 600 aficionados sem termos feito nada por isso”.

“É com grande regozijo que tomamos conhecimentos destes contactos internacionais que têm sido transversais a vários produtos com a assinatura Namorar Portugal. É sinal que realmente esta marca e os produtos possuem qualidade e atratividade para se internacionalizarem efetivamente”, realçou o presidente do Município, Dr. António Vilela.

O presidente do executivo notou ainda a “importância da rede de contactos com pessoas de todo o mundo através do site Namorar Portugal. Agora é possível satisfazer os pedidos de quem quer estes produtos”.

Outro aspeto focado foi a da qualidade dos artigos fazendo justiça à ‘fama’ portuguesa de ter “a melhor indústria de calçado do mundo”. “O que mais queremos é que Namorar Portugal contribua para que esta indústria traga ainda mais impacto para a economia nacional através dos mercados internacionais, levando um pouco da cultura portuguesa além-fronteiras, ancorados nos Lenços de Namorados”, referiu o presidente.

A linha ‘Mensagem de Amor’ pode ser consultada e adquirida ao vivo, na sapataria RStivali, ou online, através da loja Namorar Portugal (www.namorarportugal.pt).

IMG_7176

CARNAVAL EM CAMINHA É FEITO DE MÁSCARADOS E DOÇARIA

Os melhores mascarados e os doces mais saborosos fazem o Carnaval em Caminha

Em Caminha, o Carnaval é recheado de animação. Já na segunda-feira, dia 3, pelas 22 horas, as ruas da vila enchem-se de foliões para a tradicional cegada. “A famosa cegada é o Carnaval em Caminha” é o mote para o Desfile de Carnaval, que promete muita animação. Os prémios convidam à procura da melhor máscara, já que são 2500 euros em prémios para os mais originais, tanto em grupo como a título individual.

No dia 2 de março, às 15 horas, na Praça Conselheiro Silva Torres, vai decorrer o Encontro Infantil de Mascarados - Cegada de Carnaval, ou seja, as crianças do concelho estão convidadas a virem até ao Terreiro e aí exibirem os seus disfarces. Nesse dia, às 21h30, a Igreja Matriz acolhe o concerto de canto gregoriano pelo Canto Gregoriano do Porto.

FIM-DE-SEMANA GASTRONÓMICO COMEÇA AMANHÃ EM ESPOSENDE

Começa amanhã, dia 28 de fevereiro e prolonga-se até dia 2 de março, o Fim-de-semana Gastronómico de Esposende. A iniciativa é organizada pela Câmara Municipal de Esposende, com a colaboração da Entidade Regional Turismo Porto e Norte de Portugal, e levará à mesa dos restaurantes do concelho a lampreia, bem como as tradicionais Clarinhas de Fão.

Associado ao Fim-de-semana Gastronómico está um programa de animação, que contempla um roteiro de visita de autocarro ao concelho, cujas inscrições devem ser efectuadas até às 14h00 do dia 27 de Fevereiro, através do telefone 253 960 100 ou via e-mail turismo@cm-esposende.pt, assim como  no dia 2 haverá animação de rua, feira de velharias, e  Festival Infantil de Folclore.

FEIRÃO DE TRADIÇÕES – “OS SABORES DO CAMPO” 2014 ESTÁ DE REGRESSO AO CONCELHO DE CAMINHA

A Praça Pontault-Combault, em Caminha, acolhe o certame já no sábado, dia 1 de março

O Feirão de Tradições – Os Sabores do Campo – está de volta ao concelho de Caminha. Sábado, dia 1 de março, Caminha acolhe o primeiro Feirão do Ano. O certame vai decorrer, quinzenalmente, nas duas vilas do concelho e o objetivo é revitalizar a agricultura local.

Sábado, dia 19, a Praça Pontault-Combault vai transformar-se num pequeno “mercado agrícola” para acolher o Feirão de Tradições – “Os Sabores do Campo” 2014. Entre as 9 e as 18 horas, o visitante pode adquirir os mais variados produtos hortícolas da época e genuínos do concelho.

O Feirão de Tradições - “Os Sabores do Campo”- visa promover os produtos agrícolas do concelho de Caminha, que primam pela frescura e qualidade. Este certame pretende revitalizar a agricultura, preservar as paisagens agrícolas, ajudar os pequenos agricultores a escoarem os produtos, bem como servir de estímulo aos mais jovens, de modo a apostarem na agricultura.

Assim, até dia 20 de dezembro, de quinze em quinze dias, rotativamente, a população pode contar com os produtos hortícolas frescos e de qualidade, à venda em Caminha e em Vila Praia de Âncora.

Vila Praia de Âncora vai acolher o próximo feirão, dia 15 de março, a partir das 9 horas.

Mês

Caminha (Dia)

Vila Praia de Âncora (Dia)

Março

1 (Feirão de Carnaval)

29

15

Abril

19 (Feirão da Páscoa)

26

12

19 (Feirão da Páscoa)

Maio

24

10

Junho

21

7

Julho

19

5

Agosto

16

2

30

Setembro

13

27

Outubro

11

25

Novembro

8

22

Dezembro

6

20 (Feirão de Natal)

20 (Feirão de Natal)

 

 

 

 

 

TEATRO DIOGO BERNARDES EM PONTE DE LIMA ACOLHE INICIATIVAS CULTURAIS DIVERSIFICADAS

Teatro Diogo Bernardes apresenta amanhã, dia 28 de fevereiro Erica Buettner e os Música Profana

Erica Buettner vai atuar no palco do teatro Diogo Bernardes em Ponte de Lima, amanhã, sexta-feira, dia 28 de fevereiro às 21h30.

Outdoor Concertos - Fevereiro-Março de 2014

Natural dos Estados Unidos e a residir em Portugal, Erica Buettner lançou, em 2011, “True Love and Water”. . O folk dos anos 60 oriundo da vila de Greenwich, a par da tradicional música boémia parisience, são os ambientes de onde Erica retira grande parte da sua inspiração, que complementa com a sua voz inquieta e com letras que combinam a sua veia poética com a sua consciência social.

A 1ª parte do concerto de Erica Buettner está a cargo da Banda limiana os Música Profana. Inicialmente a sua sonoridade combinava metal com elementos de música tradicional/folk. Em 2011 a banda foi desafiada a fazer um espetáculo acústico, e apercebeu-se que havia um outro caminho a explorar e desde aí que se tem mantido nesse registo.

Inteiramente cantadas em português, as canções baseiam-se em Mitos, Lendas e feitos históricos do povo português. Neste alinhamento acústico encontram-se como exemplo o “Mensageiro da Névoa”, inspirado no mito de D. Sebastião, “Inês”, baseado na história de Inês de Castro, assim como temas sobre Lendas locais, como é o caso de “Zaida, A Mal Degolada”, Unhas do Diabo” e “Abakir”.

Com entrada gratuita, cada pessoa poderá reservar até dois bilhetes, os quais terão que ser levantados na bilheteira do Teatro, no dia do espetáculo, até uma hora antes do início do mesmo (20h30). A partir desta última hora, os bilhetes serão disponibilizados de acordo com a procura e/ou lista de espera.

As reservas podem ser efetuadas pessoalmente na bilheteira do Teatro Diogo Bernardes, pelo telefone 258 900 414 ou pelo email teatrodb@cm-pontedelima.pt.

FAFE DIVULGA ATIVIDADES CULTURAIS EM MARÇO

MARÇO 2014

Dia 1 – I Encontro Temático/Pedagógico, “Ciclo do pão”

Programa:

-Encenação do conto «O velho e o grão de milho»

- Declamação de Poesia: «Do corpo à alma»

- Grupo de Cavaquinhos da Associação dos Antigos Professores, Funcionários e Alunos da Escola Industrial e Comercial de Fafe

Espaço da Memória da Atrium Memória, Praça 25 de Abril, às 21h30

Dia 5 – Cinema: exibição do filme “Grand Central”, de Rebecca Zlotowski

Com Tahar Rahim, Léa Seydoux, Olivier Gourmet, Denis Menochet e Johan Libereau

Drama, romance|2013 | 94 min.| M/12| França/Áustria

Ingresso: 2,5 €

Sala Manoel de Oliveira, às 21h30

Promoção: Cineclube de Fafe

Apoio: Município de Fafe

Dia 7 – Apresentação da obra "Pétalas do Meu Ser", de Maria Amélia Fernandes Por Artur Ferreira Coimbra, autor do prefácio

Biblioteca Municipal de Fafe, às 21h30

Dia 7 – Cinema: “Sketches de Humor”, de Rafael Leite e Sérgio Castro

Sala Manoel de Oliveira, às 21h30

Preço: 2,5 euros (metade do bilhete reverte a favor dos Bombeiros Voluntários de Fafe)

Dias 7/8/9 - Fafe Show Bike - Grande feira do ciclismo Pavilhão Multiusos de Fafe

Dia 8 - XXI edição da Feira das Coisas

Arcada, durante a manhã

Promoção: Naturfafe

Dia 9 – Cinema: “Sketches de Humor”, de Rafael Leite e Sérgio Castro

Sala Manoel de Oliveira, às 15h30

Preço: 2,5 euros (metade do bilhete reverte a favor dos Bombeiros Voluntários de Fafe)

Dia 12 – Cinema: exibição do filme “A Batalha de Tabatô”, de João Viana

Com João Viana, Mamadu Baio, Fatu Djebaté, Imutar Djebaté

Drama|2013 | 78 min.| M/12| Portugal

Ingresso: 2,5 €

Sala Manoel de Oliveira, às 21h30

Promoção: Cineclube de Fafe

Apoio: Município de Fafe

Dia 13 – 4º Convívio escolar concelhio de basquetebol

7º, 8º e 9º anos durante a manhã

5º e 6º anos durante a tarde

Pavilhão Municipal de Fafe

Dia 14 – Evento Artístico Cultural

Programa:“Art Fusion”Arte circense

Exposição Colectiva de Arte do Atelier Prof. J. J. Silva (patente até 12 de abril)

Música: Grupo de Cavaquinhos e Acordeões do Orfeão de Ribeiros; Bandas In Utero, Quarto C e duo Diana e Duarte

Dança a cargo da Prof. Maria José Cerdeira

Performance poética

Teatro Vitrine

Desfile de moda a cargo de Paula Alexandra

Biblioteca Municipal de Fafe, às 21h30

Promoção: Atriumemória

Apoio: Município de Fafe

Dia 15 – Gala do semanário Notícias de Fafe

Animação, entrega dos troféus O Ardina

Entrada por convite e/ou sujeita ao levantamento de ingressos

Teatro-Cinema de Fafe, às 21h30

Dias 13/14/15/16 - Final 8 da Taça de Portugal em basquetebol

Participação das equipas do Vitória SC, Barcelos Hotel Terço Give, CAB Madeira, Dragon Force, Galitos Barreiro Tley, Illiabum Clube, Sport Algés e Dafundo e S.L. Benfica

Pavilhão Multiusos de Fafe Calendário

Quinta-feira, 13 março

Quartos de Final

jogo 1: Vitória SC x CAB Madeira

jogo 2: Barcelos Hotel Terço Give x S.L. Benfica

Sexta feira, 14 março

Quartos de Final

jogo 3: Galitos Barreiro Tley x Sport Algés e Dafundo

jogo 4: Illiabum Clube x Dragon Force

Sábado , 15 março

Meias Finais

jogo 5: Vencedor jogo 1 x Vencedor jogo 2

jogo 6: Vencedor jogo 3 x Vencedor jogo 4Domingo, 16 março

Final

Vencedor jogo 5 x Vencedor jogo 6

Dias 17 a 21 – V JORNADAS LITERÁRIAS DE FAFE

Programa: 17.03 - Segunda-feira

10:00h – Abertura das Jornadas – Praça 25 de Abril

Dramatização do Conto Andarilho “Imaginação Marítima”, pelas escolas do concelho

(Rede das bibliotecas escolares e projecto “Fafe Cidade das Artes”)

Abertura da feira do Livro em saldo – Biblioteca Municipal

(Patente até sexta-feira, no horário 09h00-19h00)

10h00 e 14h30 – Apresentação da peça “Auto da Barca do Inferno”, pela Filandorra – Teatro-Cinema de Fafe

21h30 – Apresentação da colectânea poética Cintilações da Sombra – 2 (Labirinto/NALF) – Sala Manoel de Oliveira

18.03 - Terça-feira

10:00h – “Macbeth”, pela Avalon Theatre Company – Teatro-Cinema

- Encontro com o escritor André Neves, para público escolar (1º ciclo) – Biblioteca Municipal

21:30h – Apresentação do livro A Viagem, de José Maria Ramada – Biblioteca Municipal

19.03 - Quarta-feira

14h30 – Exibição de A Balada da Praia dos Cães, de José Fonseca e Costa - Sala Manoel de Oliveira

21:30h - Apresentação da obra As roupas também falam - na viagem do tempo, de Benedita Stingl – Sala Manoel de Oliveira

20.03 – Quinta-feira

15:30h – Encontro com a escritora Rita Ferro – Biblioteca Municipal de Fafe

21h30 – Encontro com o escritor Júlio Magalhães – Biblioteca Municipal de Fafe

21.03 - Sexta-feira

9h30 – Sessão com a ilustradora Manuela Rocha, para o Agrupamento de Escolas Prof. Carlos Teixeira – Biblioteca Municipal

Ao longo do dia - Comemoração do Dia Mundial da Árvore e da Poesia com a atividade “Monopólio da Poesia”

21:30h – Espectáculo de encerramento das Jornadas Literárias – Teatro-Cinema

(Colaboração: Projecto “Fafe Cidade das Artes”, Academia de Música José Atalaya, Escola Bailado de Fafe)

22 JOANA A LOUCA

Dia 22 – Teatro: “JOANA A DONZELA” - GRUPO MÉRITO DRAMÁTICO AVINTENSE

(Primeiro espetáculo do EnCena – I Festival de Teatro de Fafe)

Género: Drama Histórico Dramaturgia e encenação: Manuel Ramos Costa

Duração: 120 minutos

Preço: 4 €

Classificação: M/12 Elenco Personagens Andreia Rocha Joana (a Donzela) Catarina Azevedo Mulher do Povo | Exército Inês Azevedo Joana (menina) Inês Monteiro Vozes | Exército | Sombras | Cortesã Joana Moreira Vozes | Povo | Sombras | Cortesã Lúcia Arada Mulher do povo Sílvia Andreia Povo | Exército | Sombras | Cortesã Sílvia Marques Velha | Exército | Povo | Cortesã Rita Azevedo Vozes | Mãe de Joana | Exército | Sombras | Cortesã Tânia Cruz Vozes | Exército | Sombras | Cortesã Teresa Silva Clero | Cortesã André Pereira Aldeão | Soldado | Cortesão | Inquisidor Augusto Cardoso Pai de Joana | Aldeão | Bispo Francisco Almeida Clero | Cortesão Marco Monteiro Mercenário | Capitão | Bispo Marcos Amorim Vulto | Aldeão | Soldado | Cortesão | Confessor | Inquisidor Nuno Alves Vozes | Soldado | Sombras | Delfim Sousa Moura Velho | Mercador | Astrólogo | Bispo Tiago Moura Vozes | Peregrino | Aldeão | Soldado | Inquisidor Tiago Ramos Vozes | Aldeão | John Grey | Clero Vicente Azevedo Vulto | Soldado

Teatro-Cinema de Fafe, às 21h30Promoção: Grupo Nun’Álvares | Teatro Vitrine | Município de Fafe Apoio: Federação Portuguesa de Teatro

Dia 27 – DIA MUNDIAL DO TEATRO – CELEBRAÇÃO COLETIVA

Grupos locais amadores

Preço: 3 €

Duração: 90’

Classificação: M/4

Teatro-Cinema de Fafe, às 21h30

Promoção: Muniípio de Fafe |“Fafe Cidade das Artes”

30. Vasco Vasco e Cabra Cega- FOTO DE JORGE ALMEID

Dia 28 – “Conservatorium Brussels” Festival Harmos Classical

Sala Manoel de Oliveira, às 21h30

Entrada livre

Promoção: CIM do Ave

Apoio: Município de Fafe Dia 29 – WRC Fafe Rallye Sprint

Lameirinha – Confurco – Lagoa 

Dia 29 – “Escola Superior de Música de Lisboa”

Festival Harmos Classical Sala Manoel de Oliveira, às 21h30

Entrada livre

Promoção: CIM do Ave

Apoio: Município de Fafe Dia 30 – Música: “Um paixão chamada bombo”

Com Vasco-Vasco (bombo) e a banda bracarense “Cabra Çega” (Gaitas-de-fole, bombo e caixa)

Convidado: Grupo de Bombos da ARCO – Associação Recreativa e Cultural de Santo Ovídio

Teatro-Cinema de Fafe, às 15h30

Preço: 3,5 €

Duração: 60’

Classificação: M/4

RUSGA DE SÃO VICENTE DE BRAGA CONVIDA OS FOLIÕES BRACARENSES PARA A CORRIDA DO ENTRUDO

"Porque é Carnaval, ninguém pode levar a mal a insistência do convite"

A reposição do ritual carnavalesco bracarense "Corrrida do Entrudo - Olha o home, lá vai o home...", voltou para ficar. Depende da adesão dos bracarenses foliões a sua continuidade no tempo.

Foliões da Corrida do Entrudo

A Rusga de São Vicente de Braga - Grupo Etnográfico do Baixo Minho, convida-o a si, respectivos familiares e/ou grupo de amigos, a participar em mais uma edição da Corrida/Desfile do Entrudo - "Olha o home, lá vai o home...", comica e ironicamente mascarado/a. Deve fazer-se acompanhar de instrumentos ruidosos, bombos, buzinas ou gaitas.

A data do referido ritual carnavalesco será no dia 03, segunda-feira, do próximo mês de Março, com concentração marcada para as 21h.15, na Avenida Artur Soares (Palhotas), junto à sede da Rusga.

ANCORENSES ENCHERAM CASA DO ORFEÃO PARA INTERPELAR O EXECUTIVO

Miguel Alves: as reuniões descentralizadas são importantes para dialogar e encontrar boas soluções para a nossa terra

Vila Praia de Âncora acolheu ontem, ao final da tarde, a segunda reunião de câmara descentralizada, onde os ancorenses interpelaram diretamente o presidente da Câmara e restante executivo. “Estas reuniões são importantes para encontrar boas soluções para a nossa terra”, realçou Miguel Alves sobre esta iniciativa, que leva o presidente e o restante executivo a todas as freguesias do concelho para ouvir e esclarecer a população, bem como para prestar contas da gestão municipal.

Reunião descentralizada Vila Praia de Âncora  (1

Mais de uma centena de pessoas acorreu ontem à Casa do Orfeão, na freguesia de Vila Praia de Âncora, para participar na segunda reunião pública descentralizada do concelho de Caminha. À semelhança do que aconteceu há um mês atrás, também este ato público juntou o presidente da Câmara e restante executivo, o presidente e elementos da Junta de Freguesia de Vila Praia de Âncora e mais de uma centena de ancorenses.

Instalação de uma superfície comercial marca Continente (Bom Dia), execução de intervenções em vários caminhos da freguesia, Praia das Crianças, Dólmen da Barrosa, Cividade de Âncora-Afife, foram alguns dos assuntos que dominaram esta segunda reunião descentralizada. Esta sessão pública contou com a inscrição de mais de uma dezena de ancorenses, nove dos quais interpelaram diretamente o presidente da Câmara.

Miguel Alves começou por saudar os ancorenses e reiterou a importância das reuniões descentralizadas para a democracia. “Estas reuniões são importantes porque juntam o executivo. Porque ouvimos aquilo que vocês tem para dizer. Hoje dizemos aquilo que vamos fazer, ou temos feito, e daqui a um ano estamos aqui para prestar contas, para dar o rosto, sujeitos à vossa crítica, para explicar o que fizemos”. Para Miguel Alves a democracia é sinónimo de “prestar contas”, a democracia “fortalece-nos nas decisões”.

Reunião descentralizada Vila Praia de Âncora

Sobre a possível instalação de uma superfície comercial marca Continente, segmento Bom Dia, o presidente explicou que deu entrada na quinta-feira passada o pedido de instalação prévia que está a ser analisado. Também informou a plateia que, nesse mesmo dia, reuniu com o presidente da Junta de Freguesia de Vila Praia de Âncora e com o Movimento de Empresários do Concelho de Caminha com o objetivo de os informar sobre a intenção da Sonae.

Miguel Alves realçou que já demonstrou várias preocupações à Sonae, nomeadamente o impacto urbanístico e as consequências para o comércio local que a instalação de uma superfície deste género poderá causar, bem como explicou quais são os propósitos do Município, nomeadamente: criar emprego, potenciar os produtos locais e divulgar as potencialidades de Vila Praia de Âncora.

Sobre esta matéria o autarca sublinhou que a Sonae garantiu 85 postos de trabalho, quase todos oriundos do concelho de Caminha, bem como concordou em potenciar os produtores e comerciantes locais. “Gostava de trabalhar com o Movimento de Empresários para podermos apresentar à Sonae um conjunto de produtores”, salientou o presidente.

Reunião descentralizada Vila Praia de Âncora  (2

Para Miguel Alves, este investimento é uma oportunidade para dinamizar a economia local. “Todos os comerciantes vão ganhar com todo este dinamismo” e lembrou “estou e estarei sempre disponível. Tenho uma vontade enorme de ajudar a nossa terra”, disse.

A Praia das Crianças e a Bandeira Azul na Praia de Vila Praia de Âncora também foram abordados. Guilherme Lagido, vice-presidente do Município, explicou que a obtenção do galardão Bandeira Azul para a Praia de Vila Praia de Âncora é também uma preocupação deste executivo e que a Câmara se tem esforçado nesse sentido. “2014 é um ano de mudança para que consigamos a breve trecho ter a Bandeira Azul”.

Relativamente às intervenções necessárias em vários caminhos e ruas, Miguel Alves esclareceu que são obras “caras” e “profundas”, mas que estão a ser estudadas, de modo a serem encontradas soluções.

Reunião descentralizada Vila Praia de Âncora  (4

MAGIA DO CARNAVAL ANIMA VALENÇA

A Magia do Carnaval vai percorrer Valença, nos próximos dias, com corsos carnavalescos, mecadas, bailes e concursos de mascaras em nove atividades.

Corso Carnavalesco Infantil

O Carnaval arranca sexta-feira, 28 de fevereiro, com o tradicional corso das escolas com a participação de mais de 900 jovens alunos das escolas básicas e jardins de infância do concelho. Os príncipes e as princesas, os soldados, as lavradeiras, as figuras religiosas  e tantas outras representações. O corso começa às 10h00 e devido às condições climatéricas decorrerá no Pavilhão Municipal. A iniciativa da Câmara Municipal de Valença e do Agrupamento Muralhas do Minho.

Carnaval Sénior

200 seniores do programa Vida Ativa promovem uma tarde carnavalesca, com baile e concurso de máscaras, na sede da Junta de Freguesia de Arão, sexta-feira, 28 de fevereiro, a partir das 14h30. Baile e concurso de mascaras prometem uma tarde muito animada.

Corso Carnavalesco de Verdoejo

Verdoejo promove um dos mais castiços e emblemáticos corsos carnavalescos da região, domingo, 2 de março, a partir das 14h30. As tradicionais mecadas vão ser recriadas por dezenas de figurantes que abordarão as mais diversas temáticas. O corso começa na Quinta da Barreira, segue pelo meio da freguesia e termina no Salão de São Tomé com baile e concurso de mascaras. A organização é da Associação Cultural de Verdoejo.

Carnaval dos Bombeiros

Os Bombeiros Valencianos renovam a tradição carnavalesca com um baile na noite de 3 de março, a partir das 22h00, com concurso de máscaras. Na terça-feira de Carnaval o tradicional baile infantil decorrerá a partir das 15h.

Carnaval em Gandra

A sede da Associação São Salvador de Gandra recebe um baile e concurso de mascaras 1 de março, às 21h30

Carnaval em Friestas

O Rancho Infantil de Friestas promove um concurso de mascaras, na sede do Rancho, em 1 de março, a partir das 21h00.

Carnaval em Arão

A sede da freguesia de Arão recebe um baile de carnaval e concurso de máscaras, 1 de março, às 21h30

Carnaval Universitário

A Associação de Estudantes da Escola Superior de Ciências Empresariais de Valença promove um baile de carnaval com concurso de mascaras, em 27 de fevereiro, às 20h00, com o tema “o que querias ser quando eras pequenino”.

Para Jorge Salgueiro Mendes, “O Carnaval em Valença é uma demonstração da dinâmica crescente do movimento associativo local e um convite a viver uma tradição ancestral”.

PORTUGUESES (NÃO) VOTAM PARA O PARLAMENTO EUROPEU

Eleições para o Parlamento Europeu podem transformar-se em plebiscito à União Europeia

No próximo dia 25 de maio, os portugueses vão ser chamados a votar para eleger deputados ao parlamento europeu. À semelhança de anteriores atos eleitorais, tudo leva a crer que a maioria dos eleitores se irá abster de participar na referida eleição, revelando um claro desinteresse e até rejeição relativamente a um projeto político em relação ao qual não foi consultado na altura em que foi decidida a adesão.

CAPDEVILLA1

Constituindo o Parlamento Europeu a única instituição da União Europeia que resulta da eleição por sufrágio universal direto dos cidadãos dos estados membros, não deixa de ser sintomática a falta de participação que a eleição dos seus membros regista. Nas últimas eleições ocorridas em 2009, a taxa de abstenção em Portugal cifrou-se em 63,22%.

O descontentamento em relação à atual situação económica do país e o descrédito em que caíram os políticos e os partidos, as consequências nefastas da adesão à moeda única, o desmantelamento das estruturas produtivas imposto ao longo das últimas décadas desde a adesão à CEE, nomeadamente nos setores da agricultura, indústria e pescas, o desgoverno na gestão de fundos comunitários canalizados para a construção de estádios de futebol e autoestradas desnecessárias constituem, entre outros aspetos, fatores que poderão conduzir a uma abstenção esmagadora nas próximas eleições para o parlamento europeu, transformando-as num verdadeiro plebiscito relativamente à permanência de Portugal na moeda única e na própria União Europeia.

Cresce na sociedade portuguesa a convicção de que, a saída para a atual situação de crise que o país atravessa apenas será possível através do regresso à soberania monetária e também à revisão de diversos tratados estabelecidos com a União Europeia, nomeadamente o artigo do Tratado de Lisboa celebrado em 2007 que transfere para Bruxelas a competência exclusiva relativamente à “conservação dos recursos biológicos do mar”. Mais ainda, torna-se a cada passo mais claro que toda a estratégia de desenvolvimento de Portugal deve assentar em dois pilares fundamentais – o Mar e a Lusofonia – o que pressupõe o reforço dos laços históricos que nos unem não apenas aos países lusófonos como também em relação a outras nações com que no passado estabelecemos contato privilegiado e que no presente possuem o maior interesse no seu aprofundamento, nomeadamente em África e na Ásia.

Por conseguinte, a próxima eleição de deputados ao parlamento europeu pode vir a tornar decisivo o futuro dos países membros na medida em que o nível de participação dos cidadãos pode ser indicador do caminho a seguir, transformando o ato eleitoral num verdadeiro referendo à própria União Europeia.

TERRAS DE BOURO PROMOVE PROJETO “PINTAR A PÁSCOA IV”

À semelhança dos anos anteriores e em parceria com a Escola Profissional Amar Terra Verde, o Município de Terras de Bouro promove a Exposição de Ovos de Páscoa, enquadrado no projeto “Pintar a Páscoa”.

DSC_0207 [HDTV (1080)]

 Esta atividade congregou nos anos transatos as escolas públicas e privadas de Terras de Bouro e diversas Instituições de Solidariedade Social, bem como diversas Associações, cuja participação encheu de cor o largo do Município com Ovos de Páscoa de diferentes tamanhos, tonalidades e motivos.

Os Ovos de Páscoa deverão ser entregues na manhã do dia 4 de abril nas instalações do Município de Terras de Bouro e posteriormente, serão expostos no Largo do Município entre os dias 4 e 28 de abril. A elaboração e decoração deste objeto de arte fica a critério de cada entidade, mas há que ter em atenção que os mesmos serão expostos no largo do Município, devendo os materiais decorativos a utilizar ter em consideração as condições climatéricas.

Na página eletrónica do Município poderá ser obtida a respetiva Ficha de Inscrição que deverá ser preenchida e remetida para o Município de Terras de Bouro via fax número 253 351 984ou para a morada Praça do Município, 4840-100 Terras de Bouro ou em formato digital para o e-mail: gap@cm-terrasdebouro.pt. A inscrição deve ser oficializada até dia 28 de março. No mesmo endereço eletrónico poderá ser consultado o Regulamento do projeto, com indicação dos prémios a atribuir e dos critérios de seleção.

QUARTEL DOS BOMBEIROS DE VILA PRAIA DE ÂNCORA RECEBE BAILE DE CARNAVAL

Sábado, dia 1 de março é dia de Baile de Carnaval no Quartel da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Vila Praia de Âncora. Com início marcado para as 21h30, este baile é um “retomar da tradição” de há alguns anos, explica Laurinda Araújo. A presidente da direção acrescenta que esta é também uma importante iniciativa para angariação de fundos, que se destina a ajudar a Associação a enfrentar algumas despesas, por exemplo, com a manutenção das viaturas.

“Vai haver muita diversão e animação”, garante Laurinda Araújo. A somar está a boa música e uns bons petiscos assegurados pelo bar disponibilizado. O preço de entrada ronda os 5 euros e haverá ainda um “prémio surpresa” para o melhor mascarado.

Esta é mais uma das ações de angariação de fundos levadas a cabo pela Associação. De acordo com Laurinda Araújo, os bombeiros estão ainda a cantar Janeiras em Vila Praia de Âncora, apesar de ser já fevereiro. “Vão continuar até percorrerem toda a freguesia”, explica. Está também a decorrer a campanha “Vamos dar uma telha aos bombeiros”, que se destina a ajudar na recuperação do Cine-Teatro dos bombeiros. Para maio, mais precisamente no dia 25, está agendado o BTT dos bombeiros, atividade em que são esperados 500 participantes, como refere a presidente da direção.

Recorde-se que o corpo ativo da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Vila Praia de Âncora conta com cerca de 40 elementos e que em 2017 comemora 100 anos de existência.

Também no dia 4 de março vai decorrer o Entrudo da Serra d’Arga, com um corso de carnaval às 15 horas, em Dem. O corso termina no Centro Cultural de Dem, onde haverá um baile com concertinas, DJ e boas iguarias. A entrada é gratuita e as inscrições devem ser feitas através do número 935081661 ou nas Juntas de Freguesia de Arga de Baixo e Dem.

BAILES DE CARNAVAL DA SOCIEDADE DE INSTRUÇÃO E RECREIO ANCORENSE PROMETEM NOITES MÁGICAS COM MUITA IMAGINAÇÃO

Realizados há décadas, os Bailes de Carnaval da Sociedade de Instrução e Recreio Ancorense (SIRA) são uma tradição no concelho de Caminha. Reúnem foliões do concelho e atraem muitos curiosos de outras localidades, que vêm em busca de uma noite cheia de animação. Este ano, a SIRA tem agendado três bailes de carnaval: um para os mais pequenos, na tarde do dia 2 de março e outros dois para os mais graúdos nas noites do dia 2 e 4 de março.

Baile de Carnaval da SIRA (1)

“São noites mágicas, em que as pessoas dão largas à sua imaginação”, é assim que Agostinho Gomes descreve os Bailes de Carnaval da SIRA. Segundo o presidente da direção, nestas noites a criatividade assim como a “liberdade de expressão” são as palavras de ordem. “De cara tapada as pessoas são diferentes”, admite. São como os “Bailes dos Salões”, que fazem lembrar o “carnaval em Veneza”, é a promessa deixada para os interessados em participar.

A menos de um mês da realização, a decoração e os preparativos já começaram. No entanto, tudo é mantido no segredo dos Deuses. “Ninguém sabe o que vai acontecer nesses dias”, explica Agostinho Gomes. De acordo com a tradição, os grupos de foliões preparam a sua fantasia, assim como a coreografia, em segredo. Por norma, participam 15 a 20 grupos em cada baile e há também quem fique nas galerias da sala a assistir ao espetáculo.

A fatiota é feita a rigor e a originalidade impera, pois para os melhores mascarados há prémios. Qualquer ideia conta, já que o tema é livre. Assim, para cada baile estão destinados prémios no valor de 400 euros. Já no Baile Infantil o melhor fantasiado pode ser agraciado, por exemplo, com uma máquina fotográfica.

A animação musical está também garantida. No domingo, dia 2, às 21h30, o Baile de Carnaval é animado pela Orquestra Renascer e, no dia 4, o Grandioso Baile de Carnaval conta com a música do Conjunto Top 5. Este baile acontece também às 21h30. Os mais pequenos são convidados a vestir a melhor máscara no dia 2, às 15 horas, para o Carnaval Infantil. Neste, os prémios serão entregues por escalões, sendo o primeiro entre os 1 e os 6 anos e o segundo dos 7 aos 12.

Os Bailes de Carnaval do SIRA chegam mesmo a tempo da comoração do 86º aniversário da Sociedade, que se assinala no dia 1 de março. Recorde-se que esta é uma coletividade com muitas atividades, desde o Grupo de Cantares, passando pela Escola de Concertinas até ao Grupo de Teatro. Atualmente tem “uma envolvência na ordem das 100 pessoas”, diz Agostinho Gomes, e organiza várias iniciativas como a Caminhada Noturna, o Encontro de Motinhas ou mais recentemente, o Festival do Bacalhau. Para breve tem agendada uma Mesa Redonda, em que vai ser abordada a temática da Guerra Colonial. Segundo o presidente da direção, a SIRA tem “uma atividade acima da média” e a sua ação “serve para formar pessoas para a vida”. A coletividade “ensina as pessoas a viver o associativismo, ensina as pessoas a viver em sociedade”, remata Agostinho Gomes.

Baile de Carnaval da SIRA (2)

CAMINHA DISTINGUE ATLETAS DE CLUBES DO CONCELHO COM TROFÉUS DESPORTIVOS “O MINHOTO”

Carlos Sá, atleta da equipa Desnível Positivo, e João M. Pinto, do Sporting Club Caminhense, foram galardoados com os troféus desportivos O Minhoto. Os atletas foram contemplados nas modalidades de atletismo e remo, respetivamente.

Troféu O Minhoto (2)

A XVII Edição (2013) d' O Minhoto - Troféus Desportivos decorreu na segunda-feira, dia 24. Recorde-se que estes troféus desportivos têm como objetivo distinguir todos os anos aqueles que nos distritos de Viana do Castelo e de Braga servem o desporto regional. Reconhecem e premeiam publicamente o mérito de atletas, clubes, dirigentes desportivos, treinadores e árbitros que mais se destacaram na prática das suas modalidades na região Minho.

Troféu O Minhoto (1)

Troféu O Minhoto (4)

Troféu O Minhoto (3)

PÓVOA DE LANHOSO PROMOVE GASTRONOMIA

No âmbito de uma estratégia concertada de reforço de parcerias e de criação de sinergias, a Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso e a Empresa de Animação Turística Diverlanhoso irão colaborar na realização de alguns eventos, que procuram de uma maneira geral promover e valorizar o destino turístico Póvoa de Lanhoso.

Nesse âmbito, a Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso apoia a realização dos fins-de-semana gastronómicos, promovidos pela referida empresa e em que haverá espaço para a promoção de produtos da terra e transformados, que fazem parte da confeção dos pratos. Cozido à Portuguesa, Feijoada à Minhota, Cabrito à São José e Bacalhau dão mote aos produtores locais para que apresentem o que de melhor se produz na região.

Esta iniciativa decorre ao longo de quatro fins-de-semana, com início já no próximo, dias 8 e 9 de fevereiro, em que estará em destaque o Cozido à Portuguesa. Prossegue nos dias 1 e 2 de março, dando relevo à Feijoada à Minhota. Ainda em março, nos dias 15 e 16, o destaque vai para o Cabrito à São José e, nos dias 29 e 30 para o Bacalhau será apresentado com Fados. Em simultâneo, a Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso estará ainda presente com uma mostra de produtos locais.

Ainda no âmbito da estratégia definida, realizou-se já uma visita de elementos da imprensa da especialidade para participarem numa prova gastronómica com o objetivo de dar a conhecer a nossa riqueza a esse nível. Este encontro teve como convidado de honra o crítico de gastronomia e vinhos, José Silva, apresentador do programa “A Hora de Baco”, da RTP2, que apadrinhará esta ação de promoção gastronómica, promovida pela Diverlanhoso com o apoio institucional da autarquia Povoense e que foi apresentada nesta oportunidade, a 28 de janeiro.

BIBLIOTECA E ARQUIVO MUNICIPAL DE PONTE DE LIMA ASSINALAM O DIA DE PONTE DE LIMA

No âmbito das comemorações do Dia de Ponte de Lima o Município está a promover um conjunto de iniciativas dirigidas ao público escolar, com o intuito de sensibilizar e dar a conhecer a história local, elevando os valores, a cultura e o património.

As ações incluem a Oferta de Lápis e Carta de foral a todas as crianças que frequentam os estabelecimentos de ensino do concelho como forma de assinalar esta efeméride.

O Concurso Carta à Rainha D. Teresa visa estimular o gosto pela escrita criativa e consolidar hábitos de leitura. Os participantes têm de escrever uma carta à Rainha D. Teresa enaltecendo o amor que sentem por Ponte de Lima. Fazendo uma viagem no concelho de Ponte de Lima, os alunos podem escrever os locais e eleger os monumentos ou projetos que mais gostam. O prazo para a entrega dos trabalhos termina a 1 de março. A divulgação dos vencedores está agendada para o dia 5 de março.

Histórias de Encantar com a Hora do Conto alusiva ao Dia de Ponte de Lima: Teresa e a Coroa do tempo, no dia 3 de março, na Biblioteca Municipal.

Ateliê com História - A Rainha D. Teresa escondeu a sua coroa na Biblioteca… a descoberta deste objeto associado aos reis dá o mote para a realização de um ateliê criativo na construção de uma coroa. A decorrer na Biblioteca esta ação dirige-se a crianças dos 6 aos 14 anos.

O Arquivo Municipal assinala esta data com o Teatrinho de fantoches D. Teresa fez vila o lugar de Ponte. A atividade consiste na representação de uma peça de teatro de fantoches que dá a conhecer de uma forma simples e divertida o conteúdo do foral de D. Teresa, outorgado em 1125.

 O foral de D. Teresa - 889 anos. A atividade consiste na elaboração do foral a partir da leitura e interpretação do foral outorgado em 1125 pela rainha D. Teresa.

concurso_carta

PAREDES DE COURA LUTA CONTRA O CANCRO

Sessão de Abertura do Projeto "Um Dia Pela Vida de Paredes de Coura"

1 de Março de 2014|17:00|Sala de Cinema do Centro Cultural

PROGRAMA

17:00 – Apresentação da Liga Portuguesa Contra o Cancro, Dr.ª Vera Lopes – Coordenadora Administrativa do Projeto Um Dia Pela Vida

17:30 – Prevenção e Rastreio do Cancro, Dr. António Queirós – Médico de família do Centro de Saúde de Paredes de Coura

18:00   – Apresentação do Um Dia Pela Vida de Paredes de Coura, Dr.ª Maria da Conceição Clavel, Coordenadora Regional do Projeto Um Dia Pela Vida; Dr.ª Alfredina Guedes Vargas e Dr. José Vargas e Pires, responsáveis locais do projeto Um Dia Pela Vida de Paredes de Coura

18:30 – Comunicação do Dr. Vítor Veloso, Presidente do Núcleo Regional do Norte da Liga Portuguesa Contra o Cancro.

18:45 – Encerramento da sessão, Dr. Vítor Paulo Pereira, Presidente da Câmara Municipal de Paredes de Coura.

APPACDM DE VILA VERDE CELEBRA ANIVERSÁRIO DURANTE O MÊS DO ROMANCE

40 anos dedicados a amar e integrar cidadãos deficientes na vida ativa

No complexo de Vila Verde, a Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental (APPACDM) comemorou os seus 40 anos de existência, integrando os festejos na programação Fevereiro, Mês do Romance. A apresentação de um Lenço de Namorados de dimensões extraordinárias, bordado pela comunidade, performances artísticas dos utentes, e uma feirinha de artesanato marcaram ainda as celebrações, de uma instituição que semeia Amor…

1901204_720541607977735_1824018844_n

Os festejos do 40º aniversário, no complexo de Vila Verde, de uma das mais importantes associações do país, começaram hoje, 26 de fevereiro, integrados na programação Fevereiro, Mês do Romance. Um mote muito apropriado para uma entidade que semeia amor sobre os utentes que acolhe, seus familiares e amigos.

Presentes para prestigiar esta data estive a maioria do executivo municipal, liderado pelo presidente, Dr. António Vilela, o vice-presidente e vereador do Desenvolvimento e Inovação, Dr. Manuel Lopes, a vereadora da Educação, Cultura e Ação Social Dra. Júlia Fernandes e o vereador do Ambiente, Desporto e Atividades Económicas, Dr. Patrício Araújo. Recebidos pelos anfitriões, Martinho Costa da direção da APPACDM de Braga, Dr. Helena responsável pelo complexo de Vila Verde e demais monitoras da instituição, numa manhã foi marcada pelas demonstrações de afetos e pela homenagem da sociedade a cidadãos que se empenham por se integrar na mesma, ultrapassando as limitações.

A festa da APPACDM de Vila Verde contou com um pequeno espetáculo, num auditório repleto, protagonizado por cidadãos deficientes que o complexo de Vila Verde acarinha. Cláudia Luís Pimentel, de 16 anos, a estagiar no Município de Vila Verde, recitou um poema de Amor, enquanto Ricardo, também com 16 anos, citou Augusto Cury, um autor que muito aprecia. Estes foram dois exemplos de integração com sucesso no meio social e na vida ativa que a associação ilustrou.

1623697_720541221311107_679316772_n

Odete Leitão, professora de ensino especial na Escola Secundária de Vila Verde, destacou outros: “Dos 11 alunos que compõe a turma, quase todos estão a estagiar em entidades locais exercendo uma atividade – Câmara Municipal de Vila Verde, Bombeiros Voluntários, Lar da Misericórdia, Biblioteca da Escola, nos serviços administrativos, num mecânico, …”

Segundo a docente, “A Escola Secundária é verdadeiramente inclusiva. Colocou à nossa disposição todas as condições necessárias e mais algumas que o Ministério da Educação não contempla, com muita pena nossa. Mesmo nos intervalos, os colegas aceitam-nos naturalmente e integram-nos nas atividades sem nenhum tipo de preconceito ou constrangimento. Por isso, muito do sucesso deste programa deve-se à sua atitude”.

A professora Odete Leitão referiu ainda os objetivos desta inclusão no ensino público: “Temos duas vertentes, a curricular e profissionalizante. Por isso alguns alunos são já integrados na vida ativa”.

A responsável pelo programa fez questão ainda de mencionar o nome de Dores Silva, a professora de Religião Moral e católica “pelo esforço em colocar estes jovens nas entidades através dos contactos exercidos”.

“O segundo maior Lenço de Namorados do Mundo”

1779759_720540967977799_2096138018_n

A meio do espetáculo deu-se a apresentação oficial do enorme Lenço de Namorados bordado por utentes e monitores do complexo vilaverdense da APPACDM. O presidente do Município de Vila Verde, juntamente com o membro da direção de Braga, Martinho Costa, e da responsável de Vila Verde, Dra. Helena, revelaram a peça belíssima e bordada com perfeição técnica.

“Através desta parceria com a Escola Secundária de Vila Verde, o complexo de Vila Verde da APPACDM consegue hoje dar aos seus utentes uma outra formação e preparação capazes de os colocar no meio ativo e mostrarem como podem ser uteis à sociedade. É obrigação nossa acolher e dar oportunidade a quem é cidadão”, referiu Dr. António Vilela.

O presidente do executivo municipal não deixou de demonstrar a sua admiração pela obra feita na APPACDM de Vila Verde: “Sempre que fazemos uma visita sentimos que são uma família e que somos parte dessa família. O que hoje aqui presenciamos foi a demonstração do trabalho e do amor que aqui há.”

Dr. António Vilela salientou “o papel que deve ser de todos nós e não apenas da APPACDM, de socorrer as famílias no processo de integração destes utentes na sociedade e o grande apoio prestado por esta instituição a este nível. Só me resta agradecer o vosso trabalho e dar os parabéns a esta instituição e por inserir os festejos no Mês do Romance, algo que nos honra”.

O Lenço de Namorados da APPACDM de Vila Verde tem sensivelmente o dobro do tamanho dos normais e a sua confeção foi coordenada pela monitora Cristina Araújo.

“Neste trabalho participaram sete utentes, os que sabiam bordar. Eles dedicaram-se ao ponto pé de flor. Os restantes pontos foram executados pelas monitoras. Quero agradecer, em nome da instituição, à Aliança Artesanal, por ter elaborado este desenho”, descreveu Cristina Araújo.

Este exemplar já foi classificado pela vereadora da cultura do Município de Vila verde. Dra. Júlia Fernandes, como “o segundo maior Lenço de Namorados do Mundo”, logo a seguir à peça bordada pela comunidade escolar do concelho, apresentada em 2012, e que este ano se encontra em exposição na Galeria A Arte da Terra, em Lisboa.

ESPOSENDE CONVIDA A SABOREAR LAMPREIA E CLARINHAS NO FIM-DE-SEMANA GASTRONÓMICO

28 de fevereiro, 1 e 2 de março

Lampreia, acompanhada dos vinhos verdes do concelho e das clarinhas de Fão, é a ementa do Fim-de-semana Gastronómico de Esposende, que decorre nos dias 28 de fevereiro, 1 e 2 de março, em 32 restaurantes do concelho.

clarinhas

A iniciativa decorre no âmbito do evento “Março com Sabores do Mar”, que a Câmara Municipal de Esposende leva a efeito em parceria com as unidades de restauração do concelho, e integra o programa da Entidade Regional Turismo do Porto e Norte de Portugal.

A par das sugestões gastronómicas, decorrerá um programa de animação, que inclui uma visita de autocarro pelo concelho, a realizar no sábado, dia 1, sendo que o roteiro inicia-se às 14h00, junto às Piscinas Foz do Cávado, em Esposende. As inscrições podem ser efetuadas até às 14h00 do dia 28 de fevereiro, através do telefone 253 960 100 ou via e-mail para turismo@cm-esposende.pt

No domingo, dia 2, durante a manhã, haverá animação de rua, com Zés P’reiras, na cidade de Esposende e em Fão e Apúlia, onde, da parte de tarde, estarão disponíveis insufláveis para os mais pequenos. Em Esposende será junto às Piscinas, em Fão, no Largo do Cortinhal, e em Apúlia, na frente marítima.

No domingo à tarde, a partir das 15h00, decorrerá, no Largo Fonseca Lima, o IV Festival Infantil de Folclore, com a participação dos Sargaceiros da Casa do Povo de Apúlia, Rancho de Fonte Boa, Danças e Cantares de Marinhas e Cantares e Dançares de Antas.

Ainda associado ao fim de semana Gastronómico, realizar-se-á mais uma edição da Feira das Velharias, no Largo Rodrigues Sampaio, entre as 10h00 e as 19h00, com destaque para os artigos de Isaura Miranda.

ARCOS DE VALDEVEZ DEBATE O DESPORTO

Clube Europeu “As Voltas da Cultura” – Adrien Silva foi convidado de honra da palestra “O Desporto. Que Futuro?”

Esta segunda-feira o auditório da Casa das Artes concelhia encheu para acolher a palestra subordinada ao tema “O Desporto. Que Futuro?”, realizada no âmbito do Clube Europeu “As Voltas da Cultura” da Escola Básica de Távora, que teve como convidado de honra o atleta Adrien Silva.

P2242610

Este clube já existe há já cinco anos e é direcionado a todos os alunos do 9.º ano. Possuidor de uma grande abrangência social teve como principais objetivos atenuar a interioridade dos discentes e promover naqueles uma conceção de cidadania global que potenciasse a formação de cidadãos ativos, participativos e conscientes da complexidade do mundo, através da visita a regiões e locais europeus, selecionando itinerários onde se ilustra a diversidade cultural e a riqueza patrimonial e museológica dos locais visitados.

Adrien Silva, com fortes ligações ao Concelho de Arcos de Valdevez, mostrou-se interessado e empenhado em fazer parte deste projeto desde o seu início. Sensibilizado pela abrangência social do mesmo, patrocinou as visitas de estudo nos anos letivos 2009/2010 (Barcelona), 2011/2012 (Roma) e no presente ano letivo (Praga). Visitou a escola no ano letivo de 2010/2011, onde teve a oportunidade de estabelecer um contacto in loco com os alunos, com o projeto e com a realidade escolar.

Para além da presença de Adrien, a referida palestra contou com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Arcos de Valdevez, João Manuel Esteves, do Vereador do Desporto, Olegário Gonçalves, presidente da Comissão Administrativa Provisória, do Agrupamento de Escolas de Valdevez, Carlos Costa, e o representante nacional da Adidas. Estes palestrantes tiveram a oportunidade de alertar a comunidade educativa para a importância do desporto, uma atividade que alicia bastantes jovens, bem como para o papel da Escola e das associações no seu desenvolvimento.

A comunidade escolar presente teve ainda a oportunidade de interagir com o jogador que respondeu a muitas questões da plateia e ainda proporcionou uma sessão de autógrafos.

DESPORTO VAI MARCAR A EUROCIDADE VALENÇA TUI EM 2014

A Eurocidade Valença Tui avança em Março com um ambicioso calendário de 14 eventos desportivos com a previsão da participação de 4500 atletas portugueses e espanhóis. Um reforço da aposta das duas cidades e das associações desportivas na consolidação do projeto da Eurocidade.

Valença e Tui possuem, hoje, uma assinalável atividade desportiva fruto de uma renovada dinâmica associativa, transversal às mais diversas modalidades, que está a envolver um número crescente de valencianos e tudenses.

Programa Desportivo Eurocidade 2014

Março a dezembro - 17 trilhos saudáveis

9 de março - 1º Campeonato de Dança da Eurocidade

30 de março - 3º Eurocidade BTT

1 a 4 de Maio - 1º Torneio de Ténis da Eurocidade

17 e 18 de Maio - 4º Torneio de Futebol Juvenil

8 de junho - 3ª Eurocidade 10 de atletismo

5 de julho - 4ª Travessia a Nado da Eurocidade

19 de julho - 2º Quadrathlon da Eurocidade

Agosto - IIº Troféu Ibérico de Andebol

3 de Agosto - Campeonato Ibérico de Triatlo

Outubro - Liga de Futsal

8 e 9 de novembro - 1º Rally da Eurocidade

30 de novembro - 1º Cross da Eurocidade

dezembro - Prova de Kung – Fu

O programa desportivo da Eurocidade conta com o apoio da Xunta de Galicia, através do Plan Galicia Saudable e da União Europeia atraves do programa de fundos europeus POPTEC.

Para Jorge Salgueiro Mendes “O desporto é fator de coesão social e territorial, proporciona saúde e qualidade de vida, dinamiza a economia local e apresenta-se como uma das grandes referências da Eurocidade”.

CAMINHA DOCE ARRANCA SEXTA-FEIRA

Mário Rodrigues (vencedor do Chef’s Academy) marca presença na sessão de abertura

Arranca sexta-feira, dia 28, mais uma edição da Caminha Doce – V Feira de Doçaria. Até terça-feira, Caminha vai ser a capital dos doces. Grande variedade de doces oriundos de todo o país, programa de animação recheado, concurso e exposição Arte Doce e exposição/venda de livros de culinária e doçaria, vão marcar esta edição do certame. A sessão de abertura está agendada para as 18 horas e conta com a presença de Mário Rodrigues (vencedor do Chef’s Academy).

A Caminha Doce tem como objetivo divulgar, promover e comercializar a doçaria tradicional e conventual, bem como incentivar à produção e comercialização de compotas, chocolate, mel, frutos secos doces, licores e outros produtos doces. Além da promoção da doçaria, este certame visa potenciar a economia local e dinamizar o centro histórico, isto é, dinamizar o concelho no fim de semana de Carnaval, com o objetivo de o tornar uma referência nesta altura do ano.

Assim, no Largo Calouste Gulbenkian, Largo Fetal Carneiro e no Jardim da Câmara Municipal vão ser colocadas três tendas: duas para venda de bolos e uma para a exposição de bolos Arte Doce e realização dos workshops infantis. Os espetáculos vão também decorrer em pleno centro histórico, isto é, na Igreja Matriz de Caminha, no Valadares -Teatro Municipal e na Praça Conselheiro Silva Torres, todos locais emblemáticos e característicos da vila.

Esta edição conta com 18 expositores oriundos de todo o país. A variedade dos doces também é grande, o que vai tornar as escolhas difíceis. Telhas, farripas, mocas, caminhenses, carapau doce, pastéis de Tentúgal, barrigas de freira, fogaças, bolo chaminé (originário da Transilvânia), bolo de chocolate com cerveja artesanal, rotundinhas de Viseu, doces conventuais, chocolates personalizados, queijos com chocolate, compotas e licores são algumas das especialidades que podem ser encontradas na Caminha Doce. É de realçar que o certame apresenta várias “delícias” do concelho, com destaque para as telhas, farripas, mocas, caminhenses, produtos de pastelaria, entre outros.

Programa de animação recheado com Mário Rodrigues, o vencedor do Chefs’ Academy, na sessão de abertura

A animação vai marcar os cinco dias do certame. Esta edição aposta na promoção de vários workshops e demonstrações de Cake Design para crianças e adultos, com destaque para a presença de Mário Rodrigues, vencedor do programa Chef’s Academy, transmitido pela RTP. A animação de rua também vai ser constante. Nas ruas, o visitante vai ser abordado por cozinheiros trapalhões, duendes devoradores de doces, turistas ingleses, cientistas com andas, entre outras figuras que farão as delícias da pequenada. No Largo Calouste Gulbenkian, as crianças poderão descarregar energias nos insufláveis. Na Tenda Arte Doce, estará patente uma exposição/venda de livros de culinária e doçaria. Cegada de Carnaval, concerto pelo Canto Gregoriano do Porto, corsos carnavalescos das escolas, Baile de Assalto e Desfile de Carnaval, com 2500 euros em prémios, são outras das atividades que vão marcar a Caminha Doce.

A abertura do certame está agendada para as 18 horas, com a presença do Mário Rodrigues, vencedor do programa Chef’s Academy, transmitido pela RTP. Depois de um périplo pelos vários espaços da Caminha Doce, decorrerá um Showcooking, na Tenda Arte Doce, com Mário Rodrigues.

Para além dos workshops e da animação itinerante, no dia 1 de março, destaca-se o Baile do Assalto, às 22 horas, no Valadares – Teatro Municipal, com prémios para as melhores fantasias.

No dia 2 de março, às 15 horas, na Praça Conselheiro Silva Torres, vai decorrer o Encontro Infantil de Mascarados - Cegada de Carnaval, ou seja, as crianças do concelho estão convidadas a virem até ao Terreiro e aí exibirem os seus disfarces. Nesse dia, às 21h30, a Igreja Matriz acolhe o concerto de canto gregoriano pelo Canto Gregoriano do Porto.

No dia 3 de março, às 22 horas, a Praça Conselheiro Silva Torres, acolhe o Desfile de Carnaval, onde há 2500 euros em prémios para as melhores máscaras individuais e de grupo. Com o mote “a famosa cegada é o Carnaval em Caminha”, esta iniciativa é do Movimento de Empresários do Concelho de Caminha, em parceria com o Município de Caminha e a União de freguesias de Caminha e Vilarelho.

A sessão de encerramento do certame está marcada para o dia 4 de março, às 18 horas, no Salão Nobre dos Paços do Concelho. Durante a sessão serão conhecidos e premiados os vencedores do Concurso Arte Doce.

Workshops diários para miúdos e graúdos

Durante os cinco dias são muitos os workshops que vão decorrer para miúdos e graúdos: Cacau ao Chocolate”, comentado por Ana Rute Ribeiro e Anthony Passos (Flor de Cacau); “Mãos na Massa”, para crianças entre os 6 e os 12 anos, orientados por Bárbara Yu Belo, Teresa Pinto e Mário Rodrigues; “Máscara Veneziana Esculpida em 2D”, com a cake Designer Clara Cuz; pop cakes “Bolinhas saltitonas”, com Elisabete Braga (Papuça & Dentuça); workshop de chocolate com o Mestre Chocolatier: Pedro Sousa (Chocolate com Pimenta); workshop infantil de cupcakes e workshop Bolachas Coloridas e workshop de Pastelaria Molecular, com Cristina Barrocas (Cantinho dos Doces); e workshop de Máscaras de Chocolate, pela ETAP - Unidade de Hotelaria de Vila Praia de Âncora. Os workshops decorrem na Tenda Arte Doce e no Espaço Aprender (Bar da Câmara Municipal de Caminha).

Exposição Arte Doce com seis bolos a concurso

Quanto ao concurso Arte Doce, subordinado ao tema “Caminha no Caminho de Santiago” há seis bolos a concurso: pastelaria Caminhense “Concha de S. Tiago”, pastelaria Docelância, Camipão “Pelo Caminho da Fé”, ETAP – Unidade de hotelaria de Vila Praia de Âncora “Bô Caminho”, Escola de Hotelaria e Turismo de Viana do Castelo e Papuça & Dentuça “Perigrination”. Os vencedores serão conhecidos e premiados na sessão de encerramento.

Para mais informações consultar www.cm-caminha.pt.

FAFE COMEMORA DIA DA PROTEÇÃO CIVIL

O Município de Fafe tem comemorado anualmente o Dia Mundial da Proteção Civil, deslocando até aos Agrupamentos Escolares um dispositivo de meios técnicos e humanos, dos vários agentes de Proteção Civil presentes em Fafe.

DSC_7014

Este ano, sendo o dia 1 de março coincidente com o fim-de-semana, será a efeméride celebrada no centro da cidade, disponibilizando a todos os cidadãos e cidadãs um contacto mais próximo com a Proteção Civil Municipal.

Durante a tarde de sábado, para além da exposição de meios de diversas ações de sensibilização, realizar-se-ão simulacros de acidentes, podendo assim ser observado um conjunto de técnicas na prestação de socorro em episódios de emergência.

O programa previsto para sábado é o seguinte:

10.00h – Simulacro “Fuga de gás na via pública” (Rua Fieis de Deus)

11.30h – Painel “Competências dos(as) Presidentes de Freguesia em Protecção Civil” (Auditório Municipal)

14.30h – Fanfarra de Escuteiros

- Mostra de Meios de Protecção Civil (Praça 25 de Abril)

Entidades participantes: Serviço Municipal de Proteção Civil, Bombeiros Voluntários de Fafe, INEM, Guarda Nacional Republicana, Grupo de Intervenção de Proteção e Socorro, Sapadores Florestais, Centro Hospitalar Alto Ave, Cruz Vermelha Portuguesa – Delegação de Fafe, Indáqua, CIMAVE, Escola de Trânsito de Fafe/NATURFAFE e Junta de Núcleo de Escuteiros

15.00 h – Demonstração da equipa cinotécnica da GNR

15.30 h – Simulacro de incêndio urbano com acção de salvamento em grande ângulo

16.30 h – Simulacro de acidente rodoviário

18.00 h – Encerramento da exposição de meios

DSC_5687

PÓVOA DE LANHOSO FESTEJA A SÃO JOSÉ

Festas de São José em Póvoa de Lanhoso realizam-se de 8 a 19 de março

De 8 a 19 de março decorrem, na Póvoa de Lanhoso, as Festas de São José, com as ruas da Vila enfeitadas para as Festividades Concelhias, que continuam a ser o principal cartaz turístico do nosso concelho e que se assumem como uma montra do que de melhor se faz e existe nas Terras de Lanhoso.

Apresentacao Festas Sao Jose 2

O programa foi apresentado à Comunicação Social na manhã de 25 de fevereiro, nos Paços do Concelho. Para além do Presidente da Câmara Municipal, Manuel Baptista, e dos Vereadores do seu Executivo Gabriela Fonseca e Armando Fernandes, estiveram ainda presentes representantes de entidades que colaboram com a autarquia na programação das Festas.

O Presidente da Câmara Municipal, Manuel Baptista, destacou a importância do envolvimento das associações locais na organização num trabalho que, em seu entender, “é de todos”. Segundo o autarca, a grande aposta é, mais uma vez, “dar a conhecer o que de melhor a Póvoa de Lanhoso tem para oferecer”.

Mantendo a tradição, as atividades religiosas, culturais, desportivas, lúdicas e económicas constituem o programa. O Cortejo Histórico e Etnográfico e a Majestosa Procissão em Honra de São José são os momentos principais.

Como novidade, as propostas musicais, com Zé Amaro como artista principal, na noitada, e as exposições que abrem no Theatro Club e na Sala de Interpretação do Território. A arruada de Bombos, que vai contar com cerca de 70 elementos, também promete ser um bom espetáculo.

O orçamento da edição de 2014 não irá ultrapassar os valores do ano passado, cifrando-se em cerca de 60 mil euros, sendo de referir a existência de receitas provenientes das próprias Festividades. O Presidente da Câmara Municipal destacou ainda a parceria com a Associação de Apoio aos Deficientes Visuais do Distrito de Braga, que permite baixar o custo da animação da noite principal.

Apresentacao Festas Sao Jose 1

Festas Concelhias

O programa é composto por uma vertente religiosa e uma vertente profana, que mantém os principais atos religiosas e as habituais propostas de caráter popular, tradicional e desportivo. Ao mesmo tempo, as propostas procuram ser abrangentes e apelativas a públicos com diferentes gostos. Estas Festividades procuram representar todo o concelho.

Um dos momentos principais será a segunda edição do recuperado cortejo histórico e etnográfico, com a participação já confirmada de quase todas as freguesias “com quadros representativos do concelho, mas inseridos nas comemorações dos 500 anos da outorga do Foral de D. Manuel às Terras de Lanhoso”, referiu o Vereador da Cultura, Armando Fernandes, que salientou ainda o envolvimento dos funcionários da Câmara Municipal. “Alguns dos quadros que vão ser apresentados e representados estão a ser preparados e ensaiados por alguns trabalhadores do município, nas horas vagas. Isto é fruto da estratégia cultural que pretendemos para o município”, considerou, de entre outros aspetos.

Outro dos momentos altos das Festividades é a Majestosa Procissão, que costuma atrair às principais ruas da Vila milhares de pessoas. O cortejo integra representações das paróquias, através dos andores dos padroeiros, das Juntas de Freguesia e das coletividades do concelho.

A colaboração com coletividades locais e regionais para a realização de algumas das iniciativas mantém-se e continua a ser uma mais-valia importante para a organização e programação das Festividades. “É importante este envolvimento das associações. Nós realizamos as atividades para as pessoas e com as pessoas da Póvoa de Lanhoso”, afirmou a Vereadora do Associativismo, Gabriela Fonseca, de entre outras considerações, acrescentando que o São José é um bom momento para as coletividades “terem maior visibilidade e mostrarem aquilo que fazem”. 

Programa

Do ponto de vista religioso, as propostas são a missa solene de São José e a majestosa procissão em honra do padroeiro do Concelho.

Do ponto de vista musical e cultural, as propostas são o cortejo histórico e etnográfico de São José; as atuações de Bombos; dos grupos musicais Cantares da Nossa Aldeia, Vaticanos, Davimúsica e da DJ Lady Van; do Rancho Folclórico "Maria da Fonte" de Fontarcada, do Rancho Folclórico de Garfe, do Rancho Folclórico da Póvoa de Lanhoso e do Rancho Infantil e Juvenil da Póvoa de Lanhoso; dos participantes no Encontro de Tocadores de Concertinas (individuais e em grupo); da Banda Musical dos Bombeiros Voluntários da Póvoa de Lanhoso e da Banda Musical de Calvos; da fanfarra do CNE de Garfe; e as exposições “Herança Cultural” (arqueologia) e “Cortejos Etnográficos na Póvoa de Lanhoso” (fotografia).

Do ponto de vista desportivo, as propostas são o Passeio Pedestre de São José, o XXX Concurso de Pesca Desportiva de S. José, o VIII Passeio de TT, o XIV Grande Prémio de Tiro-aos-Pratos de S. José, o Passeio de BTT - Pelos Trilhos da Maria da Fonte X, o VI Festival de Natação de S. José, o XIX Grande Prémio de Atletismo de S. José e a V Concentração/Exposição de Motas Clássicas. De referir que, este ano, a Pista de Pesca em Santo Emilião já estará licenciada, apta a receber competições nacionais e internacionais.

Referência ainda para a Cerimónia do Hastear da Bandeira, com as diversas autoridades, para o Mercado da Terra, para a Feira Franca e o Concurso Pecuário e para o Fogo, incluindo morteiros e fogo-de-artifício.

O ponto alto das Festas acontece no dia 19 de março, que é também feriado municipal. As Festividades envolvem uma dinâmica económica ligada ao entretenimento e lazer, à gastronomia e à venda ambulante, por exemplo, o que atrai até às Terras de Lanhoso milhares de pessoas de dentro e de fora do concelho. Juntamente com um programa que procura valorizar as nossas raízes, o tempo seco será um aliado importante para o sucesso das Festividades.

Programa:

SÁBADO, 08 DE MARÇO

9H00 - VIII PASSEIO DE TT

            Espaço Jovem | ASSOCIAÇÃO DESPORTIVA TODO O TERRENO DA PÓVOA DE LANHOSO – TT LANHOSO

09H30 – PASSEIO PEDESTRE DE SÃO JOSÉ

            Praça Eng.º Armando Rodrigues

DOMINGO, 09 DE MARÇO

09H30 – MERCADO DA TERRA

            Praça Eng.º Armando Rodrigues

SEXTA-FEIRA, 14 DE MARÇO

17H00 – ABERTURA DA EXPOSIÇÃO DE FOTOGRAFIA “CORTEJOS ETNOGRÁFICOS NA PÓVOA DE LANHOSO”

            THEATRO CLUB

21H00 – ABERTURA DA EXPOSIÇÃO “HERANÇA CULTURAL”

            SALA DE INTERPRETAÇÃO DO TERRITÓRIO – CASA DA BOTICA

22H00 – DAVIMÚSICA

            Praça Eng.º Armando Rodrigues

SÁBADO, 15 DE MARÇO

9H00 – XIV GRANDE PRÉMIO DE TIRO AOS PRATOS DE S. JOSÉ

            Campo de Tiro | CLUBE DE CAÇADORES DA PÓVOA DE LANHOSO

10H00 – PASSEIO DE BTT – PELOS TRILHOS DA MARIA DA FONTE X

            Praça Eng.º Armando Rodrigues | ASSOCIAÇÃO DE CICLOTURISMO BTT

14H30 – VI FESTIVAL DE NATAÇÃO DE S. JOSÉ

            Piscina Municipal Coberta

14H30 – TARDE DE FOLCLORE

Rancho Folclórico "Maria da Fonte" de Fontarcada

Rancho Folclórico de Garfe

Rancho Folclórico da Póvoa de Lanhoso

            Praça Eng.º Armando Rodrigues

22H00 – CANTARES DA NOSSA ALDEIA

            Praça Eng.º Armando Rodrigues

DOMINGO, 16 DE MARÇO

09H00 – XXX CONCURSO DE PESCA DESPORTIVA DE S. JOSÉ

            Pista de Pesca de Santo Emilião | SECÇÃO DE PESCA DO SPORT CLUB MARIA DA FONTE

09H00 - V CONCENTRAÇÃO / EXPOSIÇÃO DE MOTAS CLÁSSICAS

            Moto Clube Maria da Fonte | PAÇOS DO CONCELHO

09H00/17H30 – XIV GRANDE PRÉMIO DE TIRO AOS PRATOS DE S. JOSÉ (segundo dia)

10H00 – XIX GRANDE PRÉMIO DE ATLETISMO DE S. JOSÉ

            Praça Eng.º Armando Rodrigues | SECÇÃO DE ATLETISMO EB 2,3 PROF. GONÇALO SAMPAIO / ASS. ATLETISMO BRAGA /INATEL

15H00 – CORTEJO HISTÓRICO E ETNOGRÁFICO DE SÃO JOSÉ

            Artérias da Vila

17H30 – ENCONTRO DE TOCADORES DE CONCERTINAS (individuais)

            Praça Eng.º Armando Rodrigues

21H00 – ENCONTRO DE TOCADORES DE CONCERTINAS (grupos)

            Praça Eng.º Armando Rodrigues

SEGUNDA FEIRA, 17 DE MARÇO

22H00 – VATICANOS

            Praça Eng.º Armando Rodrigues

TERÇA FEIRA, 18 DE MARÇO

08H00 – SALVA DE  MORTEIROS

14H00 – ARRUADA DE BOMBOS

22H00 – ZÉ AMARO

            Praça Eng.º Armando Rodrigues

00H00 – FOGO-DE-ARTIFÍCIO

            Paços do Concelho

00H30 – DJ LADY VAN

            Praça Eng.º Armando Rodrigues

QUARTA FEIRA, 19 DE MARÇO – DIA DE S. JOSÉ

08H00 – SALVA DE MORTEIROS

09H00 – FEIRA FRANCA DE S. JOSÉ

10H00 – CONCURSO PECUÁRIO

            Pontido | COOPERATIVA AGRÍCOLA DA PÓVOA DE LANHOSO           

10H15 – ENTRADA DA BANDA MUSICAL DE CALVOS

10H30 – CERIMÓNIA DO HASTEAR DA BANDEIRA

            Paços do Concelho

11H00 – MISSA SOLENE DE SÃO JOSÉ

            Igreja Matriz

14H00 – RANCHO INFANTIL E JUVENIL DA PÓVOA DE LANHOSO

            Praça Eng.º Armando Rodrigues

14H15 – ENTRADA DA BANDA MUSICAL DOS BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS PÓVOA DE LANHOSO

15H00 – ENTRADA DA FANFARRA DO CNE DE GARFE

15H30 – MAJESTOSA PROCISSÃO EM HONRA DE SÃO JOSÉ

17H30 – CONCERTO PELAS BANDAS MUSICAIS DE CALVOS E DOS BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DA PÓVOA DE LANHOSO

            Praça Eng.º Armando Rodrigues

20H00 – SESSÃO DE FOGO DE ENCERRAMENTO DAS FESTAS EM HONRA DE SÃO JOSÉ NO ANO DE 2014

Apresentacao Festas Sao Jose 3

BIBLIOTECA MUNICIPAL DE VIZELA PROMOVE PROJETO “HISTÓRIAS NO AR”

A Biblioteca Municipal Fundação Jorge Antunes, em parceria com a Rádio Vizela, vai promover o projeto ‘Histórias no Ar’.

 ‘Histórias no Ar’ é um projeto de promoção da literatura infantil, juvenil e da arte de contar histórias, que consiste numa hora do conto, emitida todas as semanas, às terças-feiras, às 18h45, na Rádio Vizela, 97.2 Fm.

Histórias para rir, pensar e sonhar, para miúdos e graúdos.

A primeira edição é já no dia 4 de Março, às 18h45, na Rádio Vizela.

Se gosta de histórias e de as contar, junte-se ao projeto e conte Histórias no Ar!

CARNAVAL DE ESPOSENDE É DEDICADO À AGRICULTURA

Município de Esposende promove Desfile de Carnaval “Fantasia Ambiente” dedicado à agricultura

O Município de Esposende leva a efeito, na próxima sexta-feira, dia 28 de fevereiro, mais uma edição do Desfile de Carnaval Fantasia Ambiente, este ano subordinado à temática da agricultura.

desfile_carnaval_

A iniciativa, que integra o Programa de Educação para a Sustentabilidade desenvolvido pela empresa municipal Esposende Ambiente, contará com a participação de cerca de 1000 figurantes, entre crianças, idosos, professores, auxiliares de ação educativa e utentes de vinte estabelecimentos de educação e ensino e instituições concelhias.

Atendendo a que 2014 é o Ano Internacional da Agricultura Familiar, o desfile incidirá sobre as questões relacionadas com a agricultura, como sejam as atividades e tradições ligadas à terra. Pretende-se, desta forma, alertar para a importância da agricultura familiar enquanto atividade protetora da agrobiodiversidade, e contributo fundamental para o uso sustentável dos recursos naturais e para a promoção de uma alimentação diversificada e saudável.

Para além da agricultura, as fantasias carnavalescas, acessórios e cartazes elaborados pelos participantes poderão incidir sobre outras temáticas, associadas aos vários projetos educativos em curso, no sentido de promover a aplicação da Política dos 3 R’s e sensibilizar a população para preservação do meio ambiente.

O desfile terá início na Avenida Marginal de Esposende, em frente ao Mercado Municipal, pelas 10h00, atravessará o Largo Rodrigues Sampaio e seguirá pela Rua Conde Castro, Largo Dr. Fonseca Lima, Praça do Município e Rua 1º de dezembro, regressando ao Largo Rodrigues Sampaio e terminando no parque em frente às Piscinas Municipais Foz do Cávado.

RUSGA DE SÃO VICENTE DE BRAGA ORGANIZA ENTRUDO TRADICIONAL

A Rusga de São Vicente de Braga - Grupo Etnográfico do Baixo Minho convida todos os bracarenses foliões a participar na Corrida/Desfile do Entrudo, que se realiza na cidade de Braga.

Desfile do Home

A “Corrida/Desfile - Olha o home, lá vai o home…”, está agendada para a noite da próxima (segunda-feira, dia 3 de Março), com concentração marcada para as 21h.15, junto à sede da Rusga, sita na Av. Artur Soares (Palhotas), nº 73. Para o efeito, os foliões, crianças, jovens e adultos, devem comparecer no local devidamente mascarados, acompanhados de instrumentos ou objetos ruidosos - bombos, buzinas, gaitas ou assobios -, para ao som destes, correrem com o Entrudo e poderem integrar a Corrida/Desfile. Exigi-se, criatividade, boa disposição e refinado sentido de humor, já que, “É Carnaval ninguém leva a mal”.

A seu tempo, foram endereçados convites às escolas e outras instituições de ensino do concelho, bem como, IPSS, associações culturais e recreativas.

Venham divertir-se connosco, e assim, conjuntamente, garantiremos que esta tradição carnavalesca da cidade dos arcebispos e respetivo concelho se mantenha e promova.

- Libório, ultíma a redação final do testamento

Libório, o testamentário - personagem incontornável destes rituais carnavalescos -, ultíma a redação do testamento. Os seus parcos teres e haveres, serão doados por elementos do Grupo, distintas personalidades, nacionais e internacionais, políticos da nossa urbe, instituições, associações e afins… A leitura de tão importante legado, será feita em praça pública, quando a Corrida/desfile chegar à Avenida Central.

Ritual das carnes verdes irá repetir-se depois da queima do Entrudo

“Cada terra tem seu uso, cada roca tem seu fuso”

 Após a queima do Entrudo - “O home”, no adro da igreja de São Vicente, a Rusga voltará a repor o 'ritual das carnes verdes', inerente a esta tradição carnavalesca da cidade dos arcebispos. Assim, todos os foliões participantes na Corrida/Desfile do Entrudo - tal como mandava a tradição -, terão por recompensa, a degustação das carnes de porco, nomeadamente a orelheira e enchidos, acompanhadas com broa de milho caseira e o vinho verde da região.

Entrudo-08-Queima do home...

REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE ARCOS DE VALDEVEZ DE 24 DE FEVEREIRO DE 2014

PERÍODO ANTES DA ORDEM DO DIA:

  • No período antes da Ordem do Dia a Câmara votou, por unanimidade, emitir parecer desfavorável a proposta relativa à passagem da linha de muito Alta Tensão no concelho por esta apresentar impactos negativos consideráveis para o território e as populações.
  • O Sr. Presidente adiantou que devido às intempéries houve vários estragos no concelho ao nível dos pavimentos e derrocadas de muros e que os serviços estão a trabalhar no sentido de resolver todas as situações. Foi realizada uma reunião com a diretora das Estradas de Portugal onde foi solicitado o arranjo da EN101, EN 202 e sinalização das vias.
  • O Sr. Presidente adiantou que se iria realizar uma reunião com a CIM e o Secretário de Estado do Desenvolvimento Regional para abordar os temas sobre o novo período de programação dos fundos comunitários, Portugal 2020. O autarca disse ainda que estão previstos 11 mil milhões de euros que deverão ser investidos na Região Norte.
  • Informou da realização da Rota dos Gigantes lançada pela ADRIL- Associação de Desenvolvimento Rural Integrado do Lima e a CENTER. Rota que percorre os quatro municípios deste, cada um com o seu Gigante: em Arcos de Valdevez o gigante é o Inventor – Padre Himalaya – Cientista do início do séc. XX, considerado um percursor das energias renováveis, designadamente pelo aproveitamento da energia solar.
  • Informou que foram feitas diligências junto da ULSAM e que irá ser realizada uma visita ao Centro de Saúde para apreciar os projetos de arranjos exteriores e uma visita à extensão de Saúde de Loureda.
  • Foram ainda debatidas diversas questões como as atividades de animação realizadas pela autarquia, Ação Social, Tribunal, EGF, Sensos Séniores, Infraestruturas de valor Acrescentado, a divulgação do programa de desenvolvimento agrícola e do Banco de Terras.

OBRAS MUNICIPAIS

Receção Definitiva

  • REABILITAÇÃO CONSERVAÇÃO E BENEFICIAÇÃO DE VIAS MUNICIPAIS – ARRUAMENTO DE ACESSO AO HORTO MUNICIPAL – foi deliberado homologar o auto de receção definitiva, autorizar a restituição ao empreiteiro dos depósitos de garantia e quantias retidas como garantia da obra, bem como autorizar o cancelamento ou extinção das garantias bancárias;
  • Idem da obra da ESCOLA BÁSICA A NORTE DO CONCELHO – ARRUAMENTOS DE ACESSO E PARQUE DE ESTACIONAMENTO DE APOIO
  • Idem da obra da ESCOLA BASICA A NORTE DO CONCELHO – SINALIZAÇÃO E DRENAGENS
  • Idem da SUBSTITUIÇÃO DE PAINÉIS NO AUDITORIO DA CASA DAS ARTES

auto de consignação

Foi deliberado aprovar o auto de consignação da obra de REPAVIMENTAÇÃO DO CAMINHO DE LIGAÇÃO ENTRE A AVENIDA DR. OSVALDO GOMES E O CAMINHO DE RÔTA EM PAÇÔ - CAMINHO DA ARREMESSA, adjudicada à firma Construções Artur Alves de Freitas,. II, Ldª, de Ponte da Barca, pelo valor de 144.500 €, mais IVA.

SERVIÇO DE AÇÃO SOCIAL

RECUPERAÇÃO HABITACIONAL – APOIOS: no âmbito do programa de apoio à recuperação habitacional foi aprovado apoiar três famílias do concelho por forma a melhorar as suas condições de conforto e habitabilidade nas suas residências, nomeadamente € 793,62 para pagar a colocação de janelas numa habitação; € 7 716,00 para arranjar a cozinha, construir uma casa de banho e fazer a instalação elétrica de uma outra habitação e 80% de € 8 856,00 para fazer uma casa de banho, instalar luz elétrica e arranjar o telhado de uma terceira.   

PARECER GENERICO VINCULATIVO DA CÂMARA MUNICIPAL NA CELEBRAÇÃO DE CONTRATOS DE AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS PARA O ANO DE 2014 – PROPOSTA

Foi deliberado conceder parecer genérico favorável à celebração e renovação de contratos de prestação de serviços, nos casos seguintes:

a) Contratos de aquisição de serviços cujo procedimento seja o do ajuste direto em regime simplificado, nos termos do artigo 128º do Código dos Contratos Públicos;

b) Contratos de prestação de serviços nas modalidades de tarefas e de avença, bem como os contratos de aquisição de serviços cujo objeto seja a consultadoria técnica, desde que não seja ultrapassado o montante anual de € 5000 sem IVA, a contratar com a mesma contraparte.

AMPLIAÇÂO DE UMA SALA DE APOIO À CAPELA

Foi aprovado emitir parecer favorável para a ampliação de uma sala de apoio à capela a estabelecimento de bebidas, do edifico sito na Fonte Santa-Padreiro (Salvador).

Festas em Honra de Nossa Senhora das Boas Novas

Foi aprovado apoiar a Paróquia de Santa Maria de Oliveira, em 500€ para a realização da Feira do Gado, a realizar no dia 8 de Março de 2014.

VIZELA SENSIBILIZA JOVENS PARA A “VIOLÊNCIA NAS RELAÇÕES DE INTIMIDADE”

Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Vizela e GNR - Escola Segura sensibilizam jovens para a “Violência nas Relações de Intimidade”

Dando continuidade a ações que previnam, removam ou minimizem situações de risco e perigo em contexto educativo, a CPCJ de Vizela, em parceria com elementos do Núcleo de Programas Especiais da GNR – Escola Segura, realizou, por altura do Dia dos Namorados, uma palestra na Escola Secundária de Vizela subordinada ao tema “Violência nas relações de Intimidade”.

namoro

A sessão, também agendada para este dia no Agrupamento de Escolas de Infias, teve de ser adiada devido a um imprevisto.

Para a concretização desta atividade, a CPCJ contou também com a colaboração da professora Filomena Padrão, do Agrupamento de Vizela e da professora Emília Monteiro, do Agrupamento de Infias.

A sessão foi dirigida às turmas dos 10º e 11º anos de escolaridade dos ramos científico-tecnológico do ensino secundário.

Nesta sessão, os jovens tiveram a oportunidade de conhecer os diferentes tipos de violência existentes nas relações de intimidade, expor dúvidas e tecer comentários, que em muito valorizam e potenciam o desenvolvimento emocional e pessoal dos participantes.

Aproveitou-se o dia em que se celebra o Amor, para alertar os jovens para comportamentos prejudiciais e abusivos, muitas vezes comuns e socialmente desvalorizados, dotando-os de competências de gestão de conflitos e resolução de problemas.

FAFE SENSIBILIZA IDOSOS PARA A SAÚDE E SEGURANÇA

Município de Fafe promove tertúlias sobre Segurança e Saúde para idosos

De forma a esclarecer e prevenir algumas situações de perigo para a integridade física ou de saúde da população sénior, o Município de Fafe, através do Serviço Social, está a promover junto dos idosos do concelho sessões esclarecimento, que abordam temáticas de relevante interesse para esta faixa etária.

DSC_0839

As temáticas abordadas no âmbito desta iniciativa são “Idosos em Segurança”, a cargo da Guarda Nacional Republicana de Fafe, “A saúde na Terceira Idade”, pela médica Anabela Andrade, a “Segurança na Habitação”, pela bombeira Manuela Ribeiro e “Cuidados Alimentares  e Saúde na Terceira Idade”, pela especialista Rita Peixoto.

A primeira sessão destas tertúlias decorreu esta terça-feira na União de freguesias de Antime e Silvares S. Clemente.Estão, entretanto, agendadas mais tertúlias sobre segurança e saúde em outras freguesias da área do município.

DSC_0853

DSC_0862

COMISSÃO DE PROTEÇÃO DE CRIANÇAS E JOVENS DE VIZELA PROMOVE PROGRAMA “QUEM MANDA AQUI”

A Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de levou a cabo, Vizela durante o mês de janeiro e fevereiro, mais uma edição do Programa “Quem Manda Aqui”, em parceria com GNR de Vizela.

Quem manda aqui

À semelhança dos anos anteriores, o programa foi dinamizado junto dos alunos do 3º ciclo de escolaridade, dos Agrupamentos de Escolas de Infias e Vizela e do Colégio Vizela.

O tema selecionado para este ano prendeu-se com o uso e consumo de drogas, procurando ir ao encontro das problemáticas reconhecidas nos projetos educativos dos estabelecimentos de ensino, sendo desejável e fundamental promover ações que visem a prevenção de comportamentos de risco junto das crianças e jovens.

A edição deste ano do programa “Quem Manda Aqui” teve como objetivos primordiais a reflexão sobre a problemática das drogas, alertando para as consequências legais e sociais do fenómeno, promovendo nos alunos competências de gestão de comportamento e assertividade, bem como escolhas e comportamentos responsáveis e saudáveis.

O programa levou a cabo dois tipos de atividades: o visionamento, análise e reflexão de um documentário e, posteriormente, a visita às instalações da GNR Vizela.

Para a efetivação do programa, A CPCJ contou com a colaboração da representante do Ministério da Educação e Ciência, Conceição Ribeiro, com o elemento cooptado, psicóloga Marta Araújo, e com a equipa de programas especiais da GNR, a Escola Segura. A Câmara Municipal assegurou os meios logísticos para o transporte dos alunos.

Pelo impacto e aceitação positiva que o programa tem vindo a manifestar junto dos alunos, professores e pais, é uma iniciativa à qual se pretende dar continuidade. A articulação da CPCJ com as escolas tem vindo a ser muito próxima e produtiva, havendo um trabalho efetivo de colaboração entre as entidades, cujo principal foco é a proteção das crianças e jovens do Concelho.

ESPOSENDE ORGANIZA XI TORNEIO DE ANDEBOL FEMININO PROF. MANUEL RIBEIRO

A Câmara Municipal de Esposende e o Centro Social da Juventude de Mar, com o apoio da Associação de Andebol de Braga, vão organizar, no próximo fim-de-semana, dias 1 e 2 de março, o XI Torneio de Andebol Feminino Prof. Manuel Ribeiro.

andebol_1

A competição será disputada nos escalões de Infantis e Iniciados e contará com a participação de 10 equipas. Os jogos decorrerão nos Pavilhões Desportivos da Escola Básica António Correia de Oliveira, em Esposende, e no Pavilhão Desportivo do Centro Social da Juventude de Mar, entre as 10h00 e as 18h00.

Este Torneio, que desde a última edição passou a homenagear o Prof. Manuel Ribeiro, grande impulsionador da modalidade no concelho, insere-se no âmbito do Plano Estratégico de Desenvolvimento Desportivo do Município de Esposende e tem como objetivo promover a prática do Andebol Feminino no concelho, tendo como expoente máximo o Centro Social da Juventude de Mar.

No próximo fim-de-semana, Esposende vai, mais uma vez, proporcionar uma grande festa desportiva em torno do andebol.

andebol_

CRIANÇAS DE FAFE BRINCAM O CARNAVAL

2 500 crianças desfilam esta sexta-feira pelas ruas da cidade DE FAFE

Na manhã desta sexta-feira, 28 de fevereiro, a partir das 09h30, a cidade de Fafe assiste a mais um cortejo das escolas do ensino básico, jardins-de-infância e instituições do concelho, organizada pela autarquia, como é hábito.

DSC_6444

Cerca de 2500 crianças, enquadradas por professores, estagiários e pessoal auxiliar, representando 37 estabelecimentos, desfilam pelas principais artérias do centro da cidade, com saída e chegada à Praça Mártires do Fascismo, esbanjando cor, alegria e grande reinação.O percurso segue pela Rua 31 de Janeiro, Praça 25 de Abril, Rua António Saldanha, regresso à Praça 25 de Abril, pelo lado do Jardim do Calvário, Avenida 5 de Outubro, com passagem frente à Câmara e regresso ao local de partida.

No corso carnavalesco deste ano, participam a EB1/JI Adonela (Antime), EB1/JI Cabo (Armil), EB1/JI Monte (Arões Sta Cristina), Centro para a Formação da Juventude de Arões, EB1/JI Cepães, Jardim Infância de Montelongo, Jardim Infância 1 e 2 da Misericórdia, EB 1 Devesinha, EB 1/JI S. Jorge, EB 1 Santo, EB 1 Carlos Teixeira, JI Pardelhas, EB1 de Conde Ferreira, EB1 e JI de Santo Ovídio, EB1 e JI da Matriz (todos de Fafe), EB1/JI Fareja, JI de Fornelos, Associação Cultural e Recreativa de Fornelos, Grupo Cultural e Recreativo Martim de Freitas, JI de Pequite (Golães), Centro Infantil de Golães, JI e EB1 de Bouça (Medelo), Centro Social da Paróquia S. Martinho Medelo, JI da Feira (Moreira do Rei), JI de Monte (Paços), EB 1 /JI Serrinha (Quinchães), EB 1 /JI Lugar Novo (Regadas), EBI Padre Joaquim Flores (jardim de infância), EB 1/JI Campo (S. Gens), EB 1/JI Seidões, EB 1 /JI S. Clemente, EBI Silvares S. Martinho (1º ciclo e JI), JI Travassós e Associação Cultural e Recreativa de Travassós.

Como é tradição, a autarquia organiza animação e distribui pelas crianças serpentinas e confetis.

Em caso de mau tempo, o evento tem lugar no Pavilhão Multiusos.

DSC_0166

MUNICÍPIO DE CELORICO DE BASTO ESCLARECE MUNÍCIPES SOBRE O PDM

O Plano Diretor Municipal de Celorico de Basto encontra-se em discussão Pública até ao dia 13 de março e todos os interessados poderão consultar a Proposta do Plano durante as horas do expediente, no Departamento de Planeamento da Câmara Municipal bem como no site do município.

reuniões pdm

O presidente da Câmara Municipal, Joaquim Mota e Silva, e o diretor de Departamento de Planeamento, José Peixoto Lima, observaram a necessidade em desenvolver reuniões com os presidentes de junta de forma a dissipar as dúvidas existentes e se assim for necessário, agir em conformidade e fazer as devidas alterações.

Segundo o autarca “durante este período torna-se necessário que as pessoas estejam atentas para fazer as devidas alterações, se assim for necessário. Estas reuniões com os presidentes de junta são úteis para que possam ser identificadas e expostas as questões consideradas pertinentes, dentro do tempo de discussão pública e para que nada fique esquecido”, salientou.

 No mesmo sentido o José Peixoto Lima observou que “a Proposta do Plano apresenta uma série de itens que merecem a atenção de todos sobretudo dos presidentes das juntas de freguesia, mais próximos da população e conhecedores da realidade de cada terra. Ao mesmo tempo os autarcas são informados e poderão informar a população de forma direta sobre como fazer para expor as suas sugestões, reclamações ou observações, presencialmente ou por escrito.”

Recorde-se que a Proposta do Plano abrange a Planta de ordenamento, planta de condicionantes e regulamento - e um vasto conjunto de elementos que acompanham o plano - relatório da proposta, relatório ambiental, planta dos compromissos urbanísticos, carta do património arqueológico e do património arquitetónico, estudos de caraterização sócio económica e diagnóstico, carta da Reserva Ecológica (REN), carta da Reserva Agrícola (RAN), mapa de ruído e vários pareceres emitidos, entre eles o parecer final da Comissão de Acompanhamento, bem como as atas das reuniões de concertação levadas a cabo com as várias entidades envolvidas neste processo.

MUNICÍPIO DE BARCELOS RENOVA PROTOCOLO DE 4,8 MILHÕES DE EUROS COM AS FREGUESIAS

Montante transferido nos últimos cinco anos ascende a cerca de 25 milhões de euros

A Câmara Municipal de Barcelos aprovou, pelo quinto ano consecutivo, a transferência de competências para as Juntas de Freguesia através de um protocolo de cooperação que prevê uma comparticipação financeira no valor equivalente a 200% do montante previsto no Orçamento de Estado para as Freguesias, no âmbito do Fundo de Financiamento das Freguesias, com o valor estimado de 4.800.000,00 €.

Com a transferência desta verba, ascende a quase 25 milhões de euros o montante global atribuído às Freguesias através deste protocolo, desde 2010.

Naquele ano, o valor do protocolo situou-se em 5.600.000,00€ e em 2011 o valor foi de 5.100.306,00€. Em 2012 e 2013, o valor foi de 4.847.430,00€ para cada ano.

Através desta medida, Barcelos afirma-se como um dos municípios que mais verbas atribui às freguesias de forma equitativa, uma vez que o valor a atribuir está indexado às transferências do Estado para as autarquias.

O protocolo tem como objetivos apoiar as freguesias na prossecução das suas atribuições, definidas nas suas próprias competências previstas na Lei 75/2013, de 12 de setembro, e nas que lhes são delegadas pela Câmara Municipal. Pretende-se aproveitar as sinergias existentes nas autarquias e a proximidade dos intervenientes aos problemas existentes, com vista à simplificação de processos e a identificação da escala adequada para a resolução dos problemas. Daí a mobilização das freguesias para estes objetivos, uma vez que são “parceiros estratégicos no desenvolvimento do poder local junto das populações”. Esta é, portanto, uma aposta do Município numa “gestão mais descentralizada”, reconhecendo nas Juntas de Freguesia o elo fundamental de ligação aos cidadãos.

A grande maioria das competências delegadas, introduzidas por aquela Lei, “já estariam a ser atribuídas anteriormente por opção do executivo municipal”, disse o Presidente da Câmara Municipal, Miguel Costa Gomes, que refere ainda: “Como se sabe, sempre demos uma importância muito grande à relação de proximidade que os presidentes de junta têm com aos cidadãos. Não foi preciso uma lei para reconhecer-mos isso, fizemo-lo de forma voluntária e agora tivemos de fazer um enquadramento legal daquilo que são as competências que a lei determina por decreto”.

O Presidente da Câmara denota também dificuldades por parte das freguesias na execução de determinadas competências estabelecidas na Lei 75/2013, como a capacidade técnica e financeira para a reparação da rede viária. De facto, “a transferência de 1% do IMI do património rural não significa absolutamente nada e em termos reais e financeiros as freguesias não terão muito mais” do que aquilo que receberam no passado.

Segundo Miguel Costa Gomes, “as freguesias vão ter mais esse encargo”, mas com o protocolo pretende-se “acompanhar de forma próxima estas situações e ajustar em função do financiamento das assimetrias que vão ser criadas”. Por isso, “o que o governo fez foi, por decreto, determinar a delegação de competências mas não transferiu o respectivo pacote financeiro”.

Ainda quanto ao presente protocolo, foram introduzidos alguns ajustamentos, como é o caso do financiamento das despesas de educação entre as freguesias que têm e não têm alunos e instalações a seu cargo, através de um mecanismo de compensação destas últimas.

A gestão e acompanhamento do presente protocolo são feitos pelo Gabinete de Apoio Técnico, que funciona em estrita dependência do Presidente da Câmara Municipal.

Para a avaliação do cumprimento deste protocolo, a Junta de Freguesia obriga-se apresentar um relatório de execução, relativamente a cada um dos trimestres, até ao final do primeiro mês do trimestre seguinte. A apresentação do referido documento constitui condição necessária para o prosseguimento das transferências das comparticipações.

Competências das freguesias previstas no protocolo

Equipamento rural e urbano:

Gestão e conservação de jardins e outros espaços ajardinados bem como sebes, floreiras e árvores colocadas nos espaços públicos; gestão, conservação e reparação dos equipamentos que integram os parques infantis; gestão, conservação, e reparação de parques de lazer; conservação e reparação do património histórico, não classificado, da freguesia.

Rede viária municipal:

Limpeza e conservação das vias municipais ao nível dos pavimentos, valetas, bermas, sarjetas, sumidouros, aquedutos e de outros sistemas de escoamento de águas pluviais; reparação e conservação das vias públicas, incluindo passadeiras de peões, escadas públicas, gradeamentos, pilares e muros; colocação e manutenção da sinalização de trânsito e toponímia; conservação e reparação de abrigos de passageiros; colaboração na localização e na comunicação da existência de viaturas, roulottes e outros atrelados estacionados irregularmente na via pública, ou em estado de abandono ou, ainda, causando perturbação na circulação de automóveis e peões.

Património, cultura, desporto, atividades recreativas e de lazer:

Gestão, conservação e reparação de equipamentos culturais, recreativos e/ou desportivos, nomeadamente recintos desportivos cobertos ou descobertos, polidesportivos e circuitos de manutenção.

Educação:

Reparação e conservação dos estabelecimentos do 1º ciclo do ensino básico e jardins-de-infância da rede pública, dos espaços envolventes e dos equipamentos indispensáveis ao funcionamento; pagamento dos serviços prestados por pessoal para apoio nos estabelecimentos de ensino, designadamente tarefeiras, motoristas e outros necessários para garantir a normalidade das atividades.

    As freguesias que não tenham escolas em funcionamento terão de contribuir financeiramente com a freguesia responsável pelo serviço e que suporta as despesas inerentes à educação, no que respeita à conservação dos estabelecimentos, transporte, tarefeiras, manutenção de equipamento, entre outros. O valor financeiro a transferir deverá ser encontrado entre as partes envolvidas.

A não observância deste procedimento determina a suspensão do pagamento à parte incumpridora. As freguesias que tenham um custo muito significativo com despesas escolares poderão, ainda, ser compensadas, extraordinariamente, mediante apreciação e ponderação dos custos.

Proteção Civil

Colaborar na manutenção de infra - estruturas de prevenção e apoio ao combate a fogos florestais, designadamente de reservatórios e dos caminhos florestais.

FAFE RENOVA PROTOCOLO SOBRE A EQUIPA DE INTERVENÇÃO PERMANENTE

O protocolo estabelecido em 2011 entre o Município de Fafe, a Autoridade Nacional de Proteção Civil e a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Fafe, para a constituição de uma equipa de intervenção permanente (EIP) foi renovado pela autarquia.

A existência daquela equipa no município de Fafe é considerada fundamental, no âmbito da “exclusiva missão de assegurar, em permanência, serviços de socorro à população”, garantindo prontidão na resposta às ocorrências que impliquem intervenções de socorro às populações e de defesa dos seus bens, designadamente em caso de incêndio, inundações, desabamentos, abalroamentos, naufrágios ou outras intervenções no âmbito da proteção civil.

A equipa de intervenção permanente está sedeada, em permanência, nos Bombeiros Voluntários de Fafe e assegura o socorro, em todos os dias úteis, por um período semanal de 40 horas.

O protocolo representa um encargo anual da ordem dos 30 000 euros para o município.

VALENÇA REFORÇA E PROJETA MEMÓRIA HISTÓRICA

1500 metros lineares de documentos do arquivo histórico, intermédio e corrente, guardam a memória histórica de Valença, no Arquivo Municipal, a funcionar em pleno centro histórico.

ArquivoMunicipalValenca

Milhares de documentos proporcionam informações preciosas para os historiadores, os trabalhos de investigação académica de várias universidades e o apoio aos jovens estudantes valencianos que abordam a história local.

Neste espaço pode, também, obter ajuda para começar a descobrir a história da sua família, com orientação na pesquisa de ascendentes e organização de dados da árvore genealógica. O Arquivo passa, também, certidões e fotocópias de documentos arquivados, bem como dispõe de um auditório polivalente para acolher conferências, exposições e as mais diversas manifestações culturais.

Milhares de documentos históricos poderão ser consultados neste espaço. De toda a documentação destaca-se o Foral Manuelino de 1512, o documento mais antigo. Do espólio existente merecem especial referência os documentos da Administração do Concelho (1834-1928), do Antigo Colégio Português (1932-1972), da Assembleia Valenciana (1635; 1851-1975), da Associação Valenciana de Socorros Mútuos (1864-1970), do Couto de Sanfins (1747-1835), do Juízo dos Resíduos (1680-1821), bem como de muitas irmandades e serviços públicos extintos em Valença, ao longo dos tempos.

Espaços para higienização documental, seleção e triagem, preservação, restauro e conservação, completam o amplo trabalho desenvolvido pelo Arquivo Municipal em prol da memória história.

Para Jorge Salgueiro Mendes, “A história valenciana, hoje, tem mais visibilidade e enriquece a oferta cultural da cidade”.

O Arquivo Municipal está aberto ao público, a todos os interessados, de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h.

VIZELA DEBATE ESTATUTO DOS ELEITOS LOCAIS DA FREGUESIA E IGUALDADE DE GÉNERO

Câmara Municipal de Vizela promove seminário sobre “O estatuto dos eleitos locais da freguesia e a Igualdade de Género”

A Câmara Municipal de Vizela promove, no próximo dia 8 de março, um seminário sobre “O estatuto dos eleitos locais da freguesia e a Igualdade de Género”.

Esta iniciativa tem por objetivo fundamental proporcionar aos autarcas vimaranenses a formação necessária para melhor gerir as suas autarquias, no contexto de alterações legislativas, que são pertinentes num contexto de descentralização e otimização de recursos.

O seminário começa às 14h00, na Biblioteca Municipal Fundação Jorge Antunes, uma iniciativa da Câmara Municipal de Vizela em colaboração com a Agência de Desenvolvimento Regional do Vale do Ave e o Núcleo de Estudos de Direito das Autarquias Locais da Universidade do Minho.

Seminário

“O estatuto dos eleitos locais da freguesia e a Igualdade de Género”

Sábado, 8 de Março de 2014

Local: Biblioteca Municipal Fundação Jorge Antunes

14.00h – Receção aos Participantes

14.h30 – Sessão de Abertura

- Câmara Municipal de Vizela

- ADRAVE- Agência de Desenvolvimento Regional do Vale do Ave

15h00 O estatuto dos eleitos locais da freguesia: a lei nº 75/2013 de 12 de Setembro (competências e funcionamento)

- Ana Gabriela Rocha, Investigadora do Núcleo de Estudos de Direito das Autarquias Locais Universidade do Minho

16h00 - A Igualdade de género e o desenvolvimento local

- Liliana Moreira- Psicóloga, Consultora do projeto Viver em Igualdade

17h00 - Debate

18h00 – Encerramento

Organização: Câmara Municipal de Vizela

ADRAVE- Agência de Desenvolvimento Regional do Vale do Ave

POLÍCIA MUNICIPAL DE FAFE ESTÁ A TRABALHAR 24 HORAS POR DIA

A Polícia Municipal de Fafe está desde há uma semana a exercer as suas funções ao longo das 24 horas do dia, sete dias por semana, nos termos de uma decisão do presidente da Câmara, Raul Cunha, que pretende ter aquela força policial a funcionar em permanência.

O autarca estabeleceu um diálogo com os agentes daquele serviço, o qual culminou com o estabelecimento de um novo paradigma para a Polícia Municipal, passando a funcionar mais quatro horas por dia em relação ao horário anterior, que não cobria o período das 3h00 às 7h00 da manhã, bem como o domingo.

Os turnos de funcionamento da PM foram reorganizados e adaptados ao novo horário, de forma a possibilitar uma maior presença daquela força policial junto dos cidadãos, em funções de vigilância, de ajuda e de apoio às populações, no quadro da sua missão de integrante dos Serviços Municipais de Protecção Civil.Estando na rua as 24 horas do dia a Polícia Municipal funcionará como um factor de acréscimo da segurança de pessoas e bens, dissuadindo a criminalidade, sobretudo nocturna.

A Polícia Municipal de Fafe é actualmente constituída por 21 elementos, sendo dois coordenadores e 19 agentes.

FIGURINO REPRESENTANDO O ARCEBISPO DE BRAGA DESFILOU NO CORTEJO DO MUNDO PORTUGUÊS

A imagem representa o Arcebispo De Braga segundo o figurino criado por Manuel Lapa para o Cortejo do Mundo Português, evento que culminou a Exposição e o Congresso do Mundo Português, em 1940.

A gravura foi publicada na “Revista dos Centenários”, nº 4, de abril de 1939. Esta publicação foi editada por ocasião das Comemorações do Duplo Centenário da Fundação e da Restauração de Portugal.

PONTE DA BARCA: LINDOSO ENTERRA O PAI VELHO

Mais uma vez, a aldeia serrana do Lindoso, entre o Soajo e a Serra Amarela, no concelho de Ponte da Barca, vai cumprir a tradição. No próximo domingo e na terça-feira realizam-se os cortejos do Enterro do Pai Velho.

Decorado com ramagens de cedro, bucho, cameleira e mimosa, o busto de madeira do Pai Velho é levado pelas ruas da aldeia num carro de bois. Atrás segue o Carro das Ervas, com os bois engalanados com ramos de flores nos cornos, seguindo-se as rusgas de tocadores de concertinas, bombos, ferrinhos e castanholas. O chiar dos carros de bois e o alegre tilintar das campainhas preenchem o ambiente castiço da festa que se traduz num ritual que se destina a celebrar um novo ciclo da natureza que então se inicia.

1897954_605836276169090_538323872_n

A culminar os festejos, é lido o testamento e o Pai Velho queimado numa grande fogueira, um costume que nos remete para outras tradições semelhantes como a Serração da Velha, a Queima do Judas, a Vaca de Fogo ou as Pulhas. A este propósito, descreve-nos o Dr. Francisco Sampaio:

Quem é este Pai Velho? Uma espécie de despedida do Inverno e o acolhimento à Primavera que está a chegar? Recordação das festas dos "loucos medievais", colocando um ponto final ao tempo de excessos que precedem a Quarta - Feira de cinzas? O rito da fecundidade estimulado por uma nova seiva que vai surgir após as longas noites do solstício do Inverno?

O cerimonial mantém-se quase com os mesmos ingredientes medievos que encontramos na "Vaca das Cordas", ou na "Procissão do Corpo de Deus", em Monção com a tradição do Boi Bento, do Carro das Ervas, do Dragão e do S. Jorge, ou na Senhora D'Agonia com os seus Gigantones e Cabeçudos. Cumpre-se a tradição em Terras do Lindoso, sempre na época do Entrudo, nos lugares de Castelo e de Parada. Em dias de Domingo Gordo e Terça - feira de Carnaval.

Em frente aos espigueiros e à eira comunitária, tendo como cenário o Castelo Medievo, o busto de madeira do Pai Velho transportado num carro de bois, seguido de outro carro de bois, Carro das Ervas, engalanados, com a chiadeira habitual, tilintando de campainhas e com as cangas ornamentadas de monelhas, ramos de flores em cada chifre; à frente a lavradeira, camponesa rústica qual loura Ceres ( Deusa da Fecundidade), bem ourada com os cordões das avós; atrás as rusgas de concertinas, bombos, ferrinhos e castanholas e a que não faltam as máscaras dos mais foliões, os "varredouros" - normalmente de chapéus de palha e face tapadas com panos esburacados, munidos de vassouras de varrer o forno... eis os cortejos de Domingo Gordo no lugar do Castelo, depois da missa e, da parte de tarde, no lugar de Parada, com idêntico cerimonial.

Tudo se esconde até terça - feira de carnaval onde idênticos cortejos se realizam ainda com festa mais rija, para terminar depois dos bailaricos, com a entrada de um novo cortejo, com uma dúzia de vultos de branco vestidos, cada um com uma vela acesa e uma cruz á vanguarda, iniciando-se todo um coro de gemidos e berraria, gritando: "Adeus Pai Velho - eras um bom Pai".

Segue-se o enterro do Pai Velho, cerca da Meia-noite, altura em que se atinge o clímax do ritual coletivo concretizado na queima do boneco de palha e a leitura do seu testamento. Pai Velho que não dispensa o "seu" ritual gastronómico em dia de Domingo Gordo.

E são os rapazes e raparigas que cantam os Reis que tem a obrigação da ceia composta pelo tradicional cozido onde não faltam a orelheira, salpicão de fumeiro, tracanaz de presunto (e o que lhe davam mais), os chispes (unhas de porco) e o focinho do reco.

Se lhe acrescentarmos umas boas costelas Barrosãs e um pé descalço, mais umas chouriças de cabaço, ai temos o cozido do Lindoso em honra do Pai Velho: duas travessas fumegantes a rescender a sabores de salgadeira, da vezeira e do quinteiro: a das carnes; outra com batatas, cenoura e couve-galega; o alguidar tortulho com arroz branco e rodelas de chouriça, paio e salpicão, tudo acompanhado de um verde tinto a deixar nas malgas vidradas uma velatura de musselina rósea.

E as grâ - mestras da cozinha do Lindoso a dizerem-me prazenteiras e sorridentes: bom proveito, que lh'apreste. Cá fora, no terreiro do Castelo as concertinas e as vozes diziam:

"O Carnaval de Lindoso

É o melhor do concelho

Todos gostamos de ver
O enterro do Pai Velho"

Ass: Gracinda de Amorim

"Lindoso terra bonita

Onde se colhe bom pão

Festejam o Carnaval

Que não acabe a tradição!
Pai Velho não Morras!"

Fotos: https://www.facebook.com/EnterrodoPaiVelho

1966823_605816559504395_1083231604_n

1900128_605815582837826_139924211_n

1688221_605836559502395_252478835_n

1622622_605836246169093_25957712_n

1620377_605841852835199_471024282_n

1234006_605794686173249_1255230710_n

923469_605838436168874_904725054_n

CONFRARIAS GASTRONÓMICAS DIVULGAM COZINHA PORTUGUESA

capture2

MAPA DE EVENTOS 2014

Eventos da FPCG

 22 de Março 2014: Realização da Assembleia Geral da FPCG

Capítulos das Confrarias Federadas – 2014:

 1 de Março – Confraria do Bucho Raiano.

 8 de Março – Confraria As Saínhas de Vagos - VI Capítulo

 8 de Março – Confraria Gastronómica de Sever do Vouga.

 15 de Março – Confraria do Queijo Serra da Estrela.

 5 de Abril – Confraria Lampreia de Penacova.

 12 de Abril - Real Confraria da Cabra Velha.

 13 de Abril - Confraria Gastronómica de Sousel.

 25,26 e 27 de Abril – XIV Grande Capitulo Confraria Gastronómica da Madeira

 3 de Maio – Confraria Almas Santas da Areosa e do Leitão.

 10 de Maio - Confraria das Sardinhas Doces - Trancoso

 10 de Maio – Confraria dos Gastrónomos de Lafões.

 17 de Maio – Confraria da Doçaria Conventual de Tentúgal.

 14 de Junho - 1.º Capítulo Interno - Confraria Gastro. do Concelho de Ovar

 21 de Junho - VIII CAPÍTULO DA Confraria Gastronómica O Moliceiro.

 28 de Junho - Confraria da Broa de Avintes.

 14 de Setembro – Confraria da Chanfana (Capítulo Interno)

 27 de Setembro - VIII Capítulo da Confraria Papas de S. Miguel

 4 de Outubro – Confraria Gastrónomos do Algarve

 11 de Outubro - Real Confraria da Matança do Porco - Parque Biológico da

Serra da Lousã.

 29 de Novembro- Confraria da Raça Arouquesa.

 29 de Novembro - Confraria Nabos e Companhia.

 6 de Dezembro - Confraria Gastronómica do Cabrito e da Serra do Caramulo.

Capítulos das Confrarias Não Federadas – 2014:

 9 de Março – III Capítulo Confraria Enogastronómica Sabores do Botaréu. III Capítulo, sob o tema: ENLACE DO FUZI (doce regional de Águeda) COM O

ESPUMANTE DA BAIRRADA!

 30 de Março – Confraria dos Amigos da Geropiga de Moinhos e Arredores.

 5 de Abril - Confraria dos Rojões da Bairrada, do Grelo e da Batata à Racha - Oliveira do Bairro

 24 de Maio - Confraria do Azeite.

 8 de Junho – Confraria Gastronómica de Arroz de Aba de Cinfães.

 14 de Junho – Confraria Camoniana.

 4 de Outubro - Confraria Gastronómica dos Carolos e Papas de Milho.

 25 de Outubro – Confraria da Pedra - na Madalena, em V. N. de Gaia.

Capítulos de Confrarias Estrangeiras – 2014:

 6 de Abril - Confraria do Grogue de Santo Antão - na Cidade do Mindelo - Ilha de São Vicente - Cabo Verde

Eventos 2014:

 28 de Fevereiro 1 e2 de Março, 7 e 8 de Março - Feira do Fumeiro, dos Sabores e do Artesanato do Nordeste da Beira - Trancoso.

 1 de Março - “ O Entrudo vai à mesa da Confraria” – Confraria das Papas de S. Miguel.

 8 de Março - Visita da Confraria dos Enchidos à Ponte de Lima

 9 a 23 de Março - LampreiÁGUEDA - a lampreia à mesa entre o Águeda e Vouga!

 15 de Março - XVII Festival Gastronómico da Lampreia da Ria - Confraria

Gastronómica “O MOLICEIRO”.

 23 de Março - Almoço dos Provadores (festa da carne serrana e concurso de

vinhos novos dos produtores serranos), em colaboração com Ass.Etnografica OS

SERRANOS, no lugar de Bolfiar, Águeda. - Confraria Enogastronómica Sabores do

Botaréu.

 12 de Abril - VII FESTA DO SÁVEL E DA LAMPREIA DA RIA. - Confraria Gastronómica “O MOLICEIRO”

 Maio - XVIII Mercado à moda antiga em Oliveira de Azeméis - Confraria das Papas de S. Miguel.

 10 de Maio - CAMINHADA “A Ria vista da Serra”. - Confraria Gastronómica “O MOLICEIRO”

 29 de Junho - Bênção e Venda dos Bolinhos de S.Pedro (repôr uma tradição), no lugar de S.Pedro, Águeda - Confraria Enogastronómica Sabores do Botaréu.

 5 de Julho - Passeio gastronómico em barco moliceiro - Confraria Gastronómica “O MOLICEIRO”

 2ª quinzena de Julho, dias 19 e 20 - “ Arroz a Gosto” – Confraria das Papas de S. Miguel.

 2 de Agosto - Passeio gastronómico em barco moliceiro - Confraria Gastronómica “O MOLICEIRO”

 23 e 24 de Agosto - Festival Romaria Nª Srª da Guia - Milagre da Urgueira (em colaboração com a Associação Etnográfica Os Serranos), nas aldeias caramulenhas de Urgueira e Macieira de Alcoba - Confraria Enogastronómica Sabores do Botaréu.

 Setembro 4,5,6 e 7 - Festa do Leitão – Águeda - Confraria Enogastronómica Sabores do Botaréu.

 6 de Setembro - A Confraria vai jantar à Festa do Leitão e convida as Confrarias - Confraria Enogastronómica Sabores do Botaréu.

 20 de Setembro - CAMINHADA “o Campo e a Ria” - Confraria Gastronómica “O MOLICEIRO”.

 11 de Outubro - VIII FESTIVAL GASTRONÓMICO DA ENGUIA - Confraria Gastronómica “O MOLICEIRO”

 29 de Novembro - Ceia Serrana, numa aldeia da encosta ocidental da Serra do Caramulo a designar - Confraria Enogastronómica Sabores do Botaréu.

 14 de Dezembro - Almoço de Natal - Confraria Enogastronómica Sabores do Botaréu.

 

EQUIPA DE FUTSAL DA ASSOCIAÇÃO DE FUTSAL DE CELORICO DE BASTO SAGRA-SE CAMPEÃ NO ESCALÃO DE PETIZES

A equipa da AFCB sagrou-se, no passado fim-de-semana, campeã no escalão de petizes, em Futsal. A vitória por 16-1, alcançada perante o G.D. Nun’Álvares, encerrou as contas de um campeonato em que os mais jovens praticantes desta modalidade mostraram todas as suas capacidades.

afcb petiz

Com apenas uma derrota e vitórias em todos os restantes jogos disputados, a AFCB garantiu o título quando falta ainda disputar uma jornada para o término do campeonato. Além do título, esta equipa sagrou-se como o melhor ataque da prova, com 84 golos marcados e está muito bem colocada para se sagrar melhor defesa do campeonato.

Miguel Pinto, é neste momento o melhor marcador do campeonato, com mais de 30 golos marcados e o troféu individual junta-se aos prémios coletivos alcançados.

Domingos Silva, líder da equipa técnica que também inclui Ricardo Sousa, refere que nestas idades o importante é participar e competir, ganhar é um prêmio extra para os atletas e os seus Pais que se empenharam na prática desportiva. Segundo o técnico esta participação num campeonato oficial, bem organizado e estruturado resultou numa excelente oportunidade para os jovens atletas, que se iniciaram na prática desportiva. Este título premeia o trabalho realizado por todos, desde setembro e serve de motivação para conquistas futuras.

Domingos Silva agradeceu também á direção da AFCB as condições que lhe foram disponibilizadas, bem como à autarquia pelo apoio que tem dado ao desenvolvimento da modalidade.

No próximo sábado, em Fornelos, Fafe, disputa-se a última jornada que servirá de momento de consagração para os jovens Petizes Celoricenses, num jogo que opõe o Arões S.C. à AFCB, momento em que a equipa Celoricense receberá a taça de equipa campeã.

petizes

DELEGAÇÃO DO INATEL DE VIANA DO CASTELO ORGANIZA OFICINA DE TÉCNICAS DE PALCO

A Fundação INATEL, através da sua agência de Viana do Castelo levará a efeito, de 7 a 30 de Março de 2014, nas instalações da Associação Cultural e de Educação Popular (ACEP), uma oficina de técnicas de palco.

Esta ação, ministrada pelo ator Nuno J. Loureiro, tem a duração de 50 horas e um custo de 50 € para os associados individuais e coletivos da INATEL e de 75 € para os não associados INATEL. O curso decorrerá às sextas-feiras (20h30 às 23h30), sábados (10h00 às 13h00 | 15h00 às 18h00) e domingos (09h00 às 12h00).

Os conteúdos programáticos da oficina são: Corpo e Voz | Perceção do Espaço | Perceção dos Sentidos | Uso da Imaginação | Construção Física da Personagem | Construção de um Enredo.

As inscrições poderão ser feitas até ao dia 5 de Março através do email ag.vcastelo@inatel.pt ou, presencialmente, na Agência de Viana do Castelo, sita na Rua de São Pedro, 10, 4900 – 538 Viana do Castelo.

Para mais informações, contacte-nos através do tlf. 258 823 357.

ESPOSENDE DISPÕE DE SERVIÇO MUNICIPAL DE INFORMAÇÃO AO CONSUMIDOR

O Município de Esposende dispõe de um Serviço Municipal de Informação ao Consumidor (SMIC), cuja finalidade é dar a conhecer os direitos do consumidor e garantir a sua aplicação.

CME

De caráter totalmente gratuito, este Serviço foi criado no âmbito do CIAB – Centro de Informação, Mediação e Arbitragem de Consumo, com abrangência em 17 municípios, entre os quais o de Esposende. A sua atuação passa por informar consumidores e agentes económicos dos seus direitos e deveres sobre o mercado de produtos e serviços, bem como serviços públicos essenciais, e regular os conflitos de consumo através de mediação, conciliação e arbitragem.

Neste sentido, e em estreita colaboração com o CIAB, o Município de Esposende, através do atendimento nas suas instalações, tem vindo a garantir o acesso fácil, próximo e gratuito de um meio de resolução alternativo de litígios na área do consumo. Qualquer interessado pode recorrer aos serviços do CIAB, por telefone, por escrito ou pessoalmente. Quer nas instalações do CIAB ou na própria Câmara Municipal, os pedidos de informação e as reclamações são recebidos por um jurista que, além de prestar os esclarecimentos necessários, tentará a resolução dos conflitos através de mediação. Caso a mediação não resulte, preparará os processos para a conciliação e arbitragem.

Com o intuito de garantir uma divulgação mais abrangente e informar a comunidade sobre os direitos dos consumidores, o Serviço Municipal de Informação ao Consumidor de Esposende vai editar periodicamente newsletters, abordando as mais variadas informações no âmbito do direito ao consumo, transmitindo-as por via eletrónica aos munícipes.

Deste modo, a população poderá informar-se, por exemplo, sobre o que deverá fazer face a um conflito de consumo, em caso de incumprimento no crédito à habitação ou de sobre endividamento.

No âmbito deste projeto, o CIAB e o SMIC de Esposende realizaram uma sessão de divulgação na Escola Profissional de Esposende, sobre o tema "Correio Eletrónico".

TESTEMUNHOS DE EMPREENDEDORISMO NA REGIÃO MARCAM AS II JORNADAS TÉCNICAS EM VILA VERDE

‘Soluções Empresariais para a Região’ foram coorganizadas pela ATAHCA e Aliança Artesanal

Quatro casos de empreendedorismo na região, em áreas como a tecnologia, a agricultura, o turismo e o património, a par das oportunidades geradas por programas de financiamento comunitário e o exemplo de um projeto financiado em vigor foram partilhados, esta manhã, na Biblioteca Municipal de Vila Verde, com uma plateia de jovens, nas II Jornadas Técnicas ‘Soluções Empresariais para a Região’, uma coorganização da ATAHCA e da cooperativa Aliança Artesanal.

1939766_720052851359944_389709178_n

São múltiplas as oportunidades que se abrem para a região do Cávado e a realização das II Jornadas técnicas, pela ATAHCA e Aliança Artesanal, trouxe a partilha de casos de sucesso de empreendedorismo concretizados em negócio.

O tema ‘Empreendedorismo em Territórios Rurais’ estendeu-se pela manhã, abarcando os dois painéis, com testemunhos de empresários que iniciaram negócios na região com grande êxito ou perspetivas dele, como a Cerveja Letra, através de Francisco Pereira um dos sócios da Fermentum, a Terras de Amares, no enoturismo e agroturismo, como agricultor e empresário José Carlos Costa, a Signinum, dedicada à conservação, restauro e á aposta pioneira no património cultural, com Luís Aguiar, e ainda o empresário e produtor de pequenos frutos, Tadeu Alves, que veio falar porque é que neste momento Vila Verde “é o concelho com mais dinâmica do país na produção de pequenos frutos”, referiu, citando a secretária de estado da agricultura na sua passagem recente por Vila Verde.

Cada um veio relatar os percursos das suas empresas, marcas e até deles próprios, enquanto empresários e empreendedores, deixando conselhos preciosos para uma plateia composta maioritariamente por estudantes de cursos técnicos.

1959363_720052298026666_1459475606_n

Francisco Pereira falou da importância da envolvência em vários projetos e não esgotar as possibilidades num único produto. No caso da Cerveja Letra, que possui a maior fábrica de cerveja artesanal do país, a escolha de Vila Verde para se fixarem não foi casual e um dos fatores a explorar que pode tornar esta marca, para além de pioneira em Portugal na produção de cerveja artesanal, quer tornar a sua bebida única, através do ‘resgate’ da produção antiga que há tempos se fez em Vila Verde do cultivo de lúpulo. O aproveitamento deste cereal abre portas a mais três ou quatro projetos “vão passar pela gastronomia, pela cosmética e pela agricultura através do aproveitamento orgânico dos restos do cereal. São projetos que exigem muito’ trabalho de casa’, horas e horas no laboratório, a estudar, e também exigem parceiros com várias entidades e o apoio local, que sempre tivemos”, revelou o engenheiro Francisco Pereira.

O empresário e agricultor José Carlos Costa possui hoje uma herdade que abarca uma quinta dedicada a turismo rural e ainda uma vinha, Terras de Amares, e realçou a responsabilidade, o foco e a sensibilidade e leitura lata que são exigidos a quem empreende: “Uma vinha não é só uma uva. É o património, o turismo, as paisagens que se pode e deve potenciar e incrementar. Neste momento o Douro é uma das regiões mais conhecidas no mundo pelas suas vinhas, que atraem turistas para conhecer a região. Esta região tem potencialidades para isso. Começamos mais tarde mas podemos alcançar o mesmo estatuto ainda que de forma diferente, porque é importante inovar”.

Luís Aguiar centrou-se na importância da recuperação do património sacro para a dinamização turística dando como exemplo a sua empresa, a Signinum, que tem na sua matriz a recuperação e preservação de património e que atualmente representa o pioneirismo na elaboração de planos de marketing cultural, empregando atualmente 50 pessoas e com projetos adjudicados em vários concelhos minhotos.

O bem-sucedido produtor de pequenos frutos, Tadeu Alves, vê a sua atividade encarada como um caso de estudo pelo sucesso alcançado numa produção em que a região do Cávado não tem qualquer tradição, tendo originado um ‘cluster’ de produção em Vila Verde. Tadeu Alves partilhou da ideias, já defendida anteriormente por José Carlos Costa, de que “é importante explorar o solo de acordo com as suas características e não querer plantar abóboras se ele tem aptidão para vinha, por exemplo.” O produtor deu como exemplo o Algarve: “como o solo é pobre, lá o cultivo de mirtilos faz-se em vasos. Cá a terra é boa para isso, por isso vamos aproveitar”.

A ATAHCA tem desempenhado um papel essencial para revitalizar a região assegurando candidaturas a quadros de apoio comunitários que têm financiado vários projetos com uma relevância assinalada, provando assim que é possível inovar e empreender em regiões rurais. O diretor executivo da ATAHCA, prof. José Mota Alves mencionou não ter “dúvidas de que nos próximos tempos o número de apoio a projetos vai disparar pois esta região foi muito pouco beneficiada.”

Para Mota Alves, “se houvesse proximidade no acompanhamento dos projetos, nomeadamente junto dos agricultores, seria o suficiente para estes sendo jovens ou mesnos jovens, apostarem na atividade, não sendo para sobreviver, daria para viver, sem ser necessário uma grande parcela de terra, tendo um projeto inovador”.

Um dos projetos atualmente a ser dinamizado e que foi aprovado pelo Fundo Europeu de desenvolvimento Regional, para ser financiado em 80 por cento, é o Centro de Dinamização Artesanal, que nascerá no edifício onde atualmente se encontra a Aliança Artesanal. “Este projeto reveste uma componente material e imaterial. A material será implementada em breve com a requalificação e ampliação da sede da Aliança Artesanal. A obra tem que ficar concluída este ano e quando estiver pronta vai ser um centro de dinamização profissional dos artesãos e ainda o espaço Namorar Portugal ode ficarão alocados os produtos da marca”, explicou Dra. Júlia Fernandes, vereadora da cultura do Município de Vila Verde.

Estas jornadas contaram ainda com a presença do presidente do Município de Vila Verde, que assinalou a abertura da sessão.

PONTE DE LIMA COMEMORA 889 ANOS DA ATRIBUIÇÃO DO FORAL POR D. TERESA

Dia de Ponte de Lima – 4 de Março Comemorações - 889 anos

O Município de Ponte de Lima vai assinalar o dia 4 de Março – Dia de Ponte de Lima, com um conjunto de ações de âmbito cultural e social, convidando toda a comunidade a participar neste dia festivo que assinala os 889 anos de Ponte de Lima.

A efeméride que assinala a entrega do Foral por D. Teresa a Ponte de Lima no ano de 1125 terá como convidada de honra S. Exa. A Ministra da Agricultura e do Mar, Assunção Cristas.

O programa oficial incluiu a inauguração dos edifícios do Largo Hotel Além da Ponte – Casa nº 9 e Casa nº 24, designados ARC´otel situados a 100 metros do Rio Lima e da Ponte Medieval.

A recuperação destes edifícios enquadra-se na estratégia de requalificação urbana e de valorização ambiental projetada para o Largo da Alegria, criando um local de alojamento inserido na essência histórica daquele lugar, promovendo um conceito inovador de alojamento turístico. A par da revitalização do imóvel, a concretização deste projeto, visou incentivar a dinamização urbana do Largo da Alegria, e ao mesmo tempo desenvolver uma nova oferta hoteleira na Vila Mais Antiga de Portugal.

O programa das comemorações do Dia de Ponte de Lima continua no Teatro Diogo Bernardes com a entrega das Medalhas de Mérito Municipal às 12 personalidades e instituições que o Município distinguiu, como forma de reconhecer o seu trabalho em prol do desenvolvimento cultural, desportivo, social e económico do Município.

Outras ações decorrerão para assinalar esta data, cujo objetivo é sensibilizar e dar a conhecer a história local, elevando os valores a cultura e o património, com destaque para o concerto pelo Grupo Lacre e encerrar a cerimónia.

O grupo musical Lacre dedica-se à música erudita, com temas originais, baseando-se numa poesia melancólica, poderosa e exultante do espirito, interpretada por instrumentos clássicos.

As reservas podem ser efetuadas pessoalmente na bilheteira do Teatro Diogo Bernardes, pelo telefone 258 900 414 ou pelo email teatrodb@cm-pontedelima.pt.

Pág. 1/6